Arquivo da tag: produtos

Anvisa alerta sobre aumento de intoxicação por produtos de limpeza

A fim de reduzir os riscos à saúde causados pelo aumento da exposição tóxica por produtos de limpeza no país, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou a Nota Técnica (NT) 11/2020, que alerta a população sobre o crescimento dos casos de intoxicação.

De acordo com a Anvisa, embora não haja informações que demonstrem o vínculo definitivo entre a exposição e os esforços de higienização e desinfecção para evitar a disseminação da Covid-19, parece haver uma associação temporal com o aumento do uso dos produtos.

O documento orienta também sobre o uso e o armazenamento adequados dos chamados saneantes domissanitários, ou seja, os saneantes de uso domiciliar que contêm substâncias ou preparações destinadas à higienização e à desinfecção.

A nota foi elaborada com base nos dados dos Centros de Informação e Assistência Toxicológica (CIATox). “Para se ter uma ideia do crescimento dos casos de intoxicação, de janeiro a abril deste ano os CIATox receberam 1.540 registros de intoxicação devido a produtos de limpeza envolvendo adultos, um aumento equivalente a 23,3%, comparado ao mesmo período de 2019, e de 33,68%, com relação a 2018”, informa a Anvisa.

Crianças

No que se refere às crianças, foram registrados 1.940 casos, um aumento de 6,01% e de 2,7%, em relação a 2019 e 2018, respectivamente. De acordo com a Agência, os números mostram que os acidentes domésticos envolvendo exposição tóxica a substâncias químicas são mais frequentes com o público infantil e, portanto, há necessidade de dispensar mais cuidados às crianças.

Orientações básicas

1- Mantenha os produtos de limpeza fora do alcance de crianças e animais. Esses produtos podem atrair a atenção principalmente de crianças pequenas, entre 1 e 5 anos de idade.

2- Evite o armazenamento desses produtos em recipientes diferentes e não etiquetados.

3- Supervisione as crianças, não permitindo que elas acessem os ambientes onde esses produtos são guardados.

4- Não deixe detergentes e produtos de limpeza em geral embaixo da pia ou no chão dos banheiros.

5- Leia e siga as instruções descritas no rótulo de cada produto.

6- Evite a mistura de produtos químicos.

7- Garanta a ventilação quando for manusear um desses produtos destinados à limpeza, higienização e desinfecção.

8- Inutilize as embalagens vazias. Isso porque elas sempre ficam com resíduos, ou seja, restos dos produtos. Jogue fora as embalagens vazias, preferencialmente valendo-se do sistema de coleta seletiva, de modo a separá-las do lixo orgânico.

9- Em caso de emergências toxicológicas, não provoque vômito. Tenha em mãos o número do Centro de Informação e Assistência Toxicológica, o CIATox: 0800-722-6001.

 

 Agência Brasil

 

 

Anvisa publica lista com produtos que podem substituir o álcool 70%

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou ontem (23) uma lista de produtos que podem substituir o álcool 70% na desinfecção de objetos e superfícies para conter e limitar a propagação do novo coronavírus (covid-19). De acordo com a agência, a recomendação dos produtos tem por objetivo fornecer alternativas ao uso de produtos à base de álcool “diante do aumento da procura por esses itens no mercado.”

A Anvisa informa que a maioria dos produtos recomendados, como sabão, água sanitária e alvejante, leva de cinco a dez minutos para agir contra o vírus, e que após a aplicação do produto, é necessário esperar esse tempo para que faça efeito.

“Estudos mostram que desinfetantes domésticos comuns, incluindo sabão ou uma solução diluída de alvejante, podem desativar o coronavírus em superfícies, uma vez que o vírus tem uma camada protetora de gordura que é destruída por esses produtos”, explicou a Anvisa.

Em caso de utilização da água sanitária, o produto deve ser usado imediatamente após a diluição em água, pois sua ação é desativada pela luz. A proporção de diluição é de um  copo com capacidade de 250 ml de água sanitária em um litro de água, e um copo de 200 ml de alvejante comum em um litro de água.

Vassouras e esfregões

A Anvisa recomenda que não se deve usar vassouras e esfregões secos; nebulizadores e termonebulizadores; frascos de spray com propelente para desinfetar superfícies e objetos. A agência informa ainda que o uso de toalhas com desinfetante não é muito útil contra o coronavírus, uma vez que a superfície higienizada não permanece molhada por mais do que alguns segundos.

A lista dos produtos recomendados pela Anvisa que podem ser uma alternativa ao álcool 70% e que podem ser utilizados para desinfecção de objetos e superfícies:

– Hipoclorito de sódio a 0,5%;
– Alvejantes contendo hipoclorito (de sódio, de cálcio) a 2-3,9%;
– Iodopovidona (1%);
– Peróxido de hidrogênio 0,5%;
– Ácido peracético 0,5%;
– Quaternários de amônio como cloreto de benzalcônio 0,05%;
– Compostos fenólicos;
– Desinfetantes de uso geral com ação contra vírus.

Agência Brasil

 

 

Conheça 7 produtos tecnológicos da Xiaomi, a gigante chinesa

Além de fabricar relógios e telefones, Xiaomi aposta em outros nichos

A Xiaomi está crescendo cada vez mais. A nova empresa chinesa, com menos de dez anos de idade, já acumula diversos admiradores, os famosos MiFãs. Mas você sabia que eles possuem uma enorme gama de produtos tecnológicos?

Bem, é sobre isso que falaremos neste artigo. Além dos já conhecidos e comercializados relógio e telefone celular, a chinesa aposta em gadgets que transformam o jeito como nós consumimos o mundo.

Despertamos sua curiosidade até aqui? Ótimo! Confira agora mesmo 7 produtos tecnológicos da Xiaomi, a gigante chinesa:

Por que a Xiaomi atrai tanta atenção?

A Xiaomi é uma empresa criada em 2010, em Pequim, capital da China. Sua prerrogativa inicial era ser uma companhia de tecnologia móvel, contendo duas repartições: o RedMi e a Mi.

O primeiro aparelho lançado oficialmente pela marca ocorreu em 2011, o Xiaomi Mi-1. No entanto, o sucesso comercial apareceu em 2012, quando uma linha de aparelhos Mi foi lançada, batendo recordes de vendas na China.

Com isso, a empresa sentiu a necessidade de expandir a sua marca, trazendo para seu repertório outros produtos além de smartphones. Mas a premissa da marca continuou nesses outros segmentos, sendo ela: entregar produtos de qualidade e com ótimo custo-benefício.

A Xiaomi está despontando cada vez mais. Atualmente, ela é a quarta maior distribuidora de smartphones no mundo. Na sua frente, estão as consolidadas Samsung, Huawei e Apple.

Mesmo assim, é esperado que a Xiaomi ultrapasse todas as marcas citadas acima em um futuro recente.

Quais são os 7 produtos tecnológicos da Xiaomi?

Chegamos ao ponto alto deste artigo. Como citado brevemente, a Xiaomi embarcou em outros nichos de mercado da tecnologia, atendendo às necessidades dos seus consumidores e fãs.

Indo além de relógio e telefone celular, confira agora outros 7 gadgets desenvolvidos pela gigante chinesa:

1. Bomba de ar portátil

Já pensou em levar uma bomba de ar portátil que resolverá os problemas de um pneu de bicicleta furado? Ou até mesmo para encher uma piscina? Pois bem, a Xiaomi pensou nisso na hora de criar o aparelho.

A marca o define como “o backup ideal para suas trilhas de bicicleta, passeios com seu patinete elétrico e até mesmo para seu carro”. Com uma pressurização de até 150 PSI, ele quebra até galho.

Sua recarga pode ocorrer por meio de um cabo USB. Com apenas uma carga, é possível encher 6 pneus de carro e 41 bolas de futebol.

2- Guarda-chuva automático

A Xiaomi quer implementar tecnologia nas coisas mais simples, inclusive em um guarda-chuva. Com uma construção pensada para ser resistente à chuva e à ventania, o guarda-chuva automático possui um botão que o abre e o fecha rapidamente.

Com um design portátil, o objeto consegue caber em qualquer bolsa.

3- Abajur de cabeceira LED

O abajur de LED da Xiaomi possui o diferencial de ter uma luz que se adapta ao ambiente, podendo ficar mais forte ou fraca — tudo de acordo com o seu gosto e necessidade. Além disso, possui conexão bluetooth e Wi-Fi para que músicas sejam tocadas pelo seu alto-falante lateral.

4- Patinete motorizado elétrico dobrável

O patinete da Xiaomi foi construído para trazer mais segurança para quem estiver pilotando. Com um Aro 8.5″, o objeto consegue alcançar uma velocidade considerável. Por ser dobrável, é perfeito para quem possui pouco espaço em casa.

5- Fone de ouvido bluetooth

Os fones de ouvido da Xiaomi, mais conhecidos como AirDots, foram construídos para encaixar perfeitamente na entrada auricular de qualquer adulto. Com um grave potente, é possível parear com smartphones e computadores, possibilitando uma maior comodidade ao escutar música.

6- Alimentador portátil para animais

Esse alimentador portátil é ideal para os donos de pets que precisam passear com seus animaizinhos. Com armazenamento de até 430 ml, é possível transportar água e ração tranquilamente, sem pesar muito o bolso.

Sua construção é feita com materiais não tóxicos, contendo um botão de pressão para que a quantidade necessária de alimento seja evacuada.

7- Mi Box android TV

O chromecast da Xiaomi permite a reprodução de vídeo 4K, áudio Dolby DTS e HDR a 60 fps em serviços compatíveis. Assim, é possível conectar-se com os principais serviços de stream no conforto da sua casa.

 

 

Conteúdo Gear Seo

 

 

Comércio que vendia produtos roubados em Bananeiras é autuado

Após a prisão de um comerciante suspeito de comprar celulares roubados nas cidades de Solânea e Bananeiras, o seu estabelecimento comercial, localizado na Praça Epitácio Pessoa, centro de Bananeiras, foi autuado pela Receita Estadual, onde foi constatado que o funcionamento era irregular e toda mercadoria foi apreendida.

De acordo com a Polícia Civil, o proprietário do comércio permanece preso na Cadeia de Solânea pelo crime de receptação qualificada e as pessoas que compraram os aparelhos roubados também foram indiciadas pelos crimes, pois sequer tiveram o cuidado de solicitar a nota fiscal dos celulares e o valor estava abaixo do praticado pelo mercado.

A Polícia orienta a população a verificar a procedência antes de adquirir aparelho celular, pois não só quem rouba, mas também adquire o objeto roubado poderá responder criminalmente.

Informações da Polícia Civil

 

 

Secretaria de Estado da Fazenda apreende produtos irregulares durante fiscalização, em Guarabira

Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-PB) intensificou as fiscalizações nas cinco gerências regionais do Estado com a “Operação Fim de Ano”. Nos últimos dois meses do ano, as movimentações de transportes de cargas crescem devido às festas de Natal e do Ano Novo. A operação visa coibir a circulação de mercadoria com documentação fiscal irregular sem o devido recolhimento do ICMS.
A 2ª Gerência Regional da Sefaz, com sede em Guarabira, realizou uma série de autuações, incluindo cargas de feijão, cachaça, peças de motos, material de construção, brinquedos, bijuterias, confecções, colchões, dentre outros produtos apreendidos. Essas mercadorias com irregularidade fiscal renderam em tributo e multa mais de R$ 200 mil aos cofres do Estado.
Fiscalização ostensiva no Brejo – O gerente da 2ª Gerência Regional da Sefaz, Anivaldo Azevedo Filho, revelou que a operação tem realizado “fiscalização ostensiva” em diversos locais do Brejo paraibano.
“Devido ao aumento do consumo pela proximidade das festas fim de ano, a operação objetiva coibir as principais irregularidades como, por exemplo, mercadoria sem documento fiscal, fraudes, NF-e inidônea, mercadorias destinadas a empresas não cadastradas. A operação acontece em toda a Região, com ênfase nas principais rodovias de circulação de mercadorias (PB 073, BR 104, PB 057), incluindo as ações de fiscalização do setor de mercadoria em trânsito. Essas ações fiscais se baseiam na intensificação do Comando Fiscal, que realiza blitz em pontos estratégicos da Região com ações continuadas que objetivam dar prosseguimento iniciadas no Trânsito”, apontou.
Fiscalização será ainda mais eficiente – Segundo Anivaldo Azevedo, “a operação teve como objetivo também iniciar a aplicação de novas metodologias que serão implementadas no próximo ano pela Gerência Executiva em conjunto com a Gerência Operacional de Mercadorias em Trânsito nas Cinco Gerências Regionais, tendo como foco o maior monitoramento das rodovias com apoio da tecnologia da informação”, adiantou.

 

Fonte: Wscom

 

 

Homem que vendia perfumes por 5 e 10 reais é preso suspeito de comercialização de produtos falsificados

Um homem foi preso em flagrante por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) no início da tarde desta quarta-feira (11), na Praça Ferreira de Melo, no centro da cidade de Guarabira, suspeito de comercialização de produtos falsificados. Os perfumes de uma conhecida marca estavam sendo comercializados por ele a R$ 5 e R$ 10.

A guarnição comandada pelo CPU (Coordenador de Policiamento da Unidade), tenente Rodrigues, realizava rondas pelo centro da cidade quando, nas imediações do mercado central, foi solicitada por algumas pessoas que relataram que um homem estaria vendendo perfumes falsificados.

Os policiais foram até o local e o próprio vendedor informou que se tratavam de perfumes falsificados, mas ele disse que informava aos compradores que não eram produtos originais. Com o apoio da guarnição comandada pelo sargento Laelson, o suspeito e o material aprendido foram conduzidos à delegacia.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Dono de rede de baterias tem mais de 80 produtos roubados em terceiro assalto, em João Pessoa

Mais uma loja de baterias foi arrombada, na madrugada desta segunda-feira (29), no bairro do José Américo, em João Pessoa. O estabelecimento faz parte da mesma rede que foi alvo de suspeitos duas vezes na semana passada. No assalto desta segunda, mais de 80 baterias foram roubadas, causando um prejuízo de mais de R$ 50 mil, conforme o proprietário. No último sábado (27), houve a inauguração da loja.

De acordo com informações da Polícia Militar, o assalto aconteceu por volta das 3h. Os suspeitos chegaram em um carro, engataram a marcha ré e conseguiram arrombar a entrada do estabelecimento. Duas barras de ferro que faziam o reforço na porta da entrada foram retorcidas com o impacto.

Na madrugada da última sexta-feira (26), uma loja da mesma rede de baterias também foi arrombada, no município de Santa Rita, na Grande João Pessoa. Os suspeitos conseguiram roubar 27 baterias, no entanto, acabaram capotando o veículo durante a fuga.

Eles chegaram em um carro, arrombaram o portão e roubaram as baterias. No entanto, durante a batida no portão para abrir o estabelecimento, a suspensão do veículo foi quebrada. Na fuga, os suspeitos bateram em uma pedra e o carro acabou capotando. As 27 baterias que estavam no veículo foram recuperadas, no entanto, algumas estavam danificadas.

Primeiro roubo aconteceu na madrugada da quarta-feira e foi registrado por câmeras de segurança, em Santa Rita, na Paraíba — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Primeiro roubo aconteceu na madrugada da quarta-feira e foi registrado por câmeras de segurança, em Santa Rita, na Paraíba — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Um vídeo de câmera de segurança mostra também que na madrugada da última quarta-feira (24), a mesma loja foi alvo de assalto. Durante a ação, os suspeitos roubaram cerca de 50 baterias, um prejuízo superior a R$ 30 mil.

A polícia está em busca não só dos suspeitos de realizarem a ação, mas também dos receptadores dos materiais, que podem estar vendendo os produtos sem a documentação necessária.

G1

 

Supermercado Rei da Economia investe em qualificação para oferecer melhores produtos e atendimento

O supermercado Rei da Economia da Rede Paraíba tem trabalhado a cada dia para oferecer um melhor serviço a seus clientes. Além de preços competitivos, a qualificação de seus profissionais tem sido uma constante no estabelecimento.

O foco da vez tem sido o frigorifico do supermercado, além das melhorias no espaço a profissionalização dos funcionários tem sido a meta. Através da empresa Alfa, o Rei da Economia está realizando um curso de capacitação de seus profissionais na área de manipulação de alimentos, ministrado pelo Professor Waltemberg, Especialista em Manipulação de Alimentos. O objetivo é garantir a higiene e a qualidade da carne oferecida no estabelecimento.

O proprietário do Rei da Economia, Mazinho, destacou a importância desse curso. “O que nós almejamos é sempre oferecer o melhor ao nosso cliente e, após conhecer o trabalho do professor Waltemberg, fiz questão de trazer esse curso para nossos funcionários por saber a importância de manter o padrão de qualidade e garantir também as exigências dos órgãos fiscalizadores”, ressaltou.

Já o professor Waltemberg disse que essa é uma necessidade de todos os estabelecimentos comerciais e que esse curso oferece todas as especificações exigidas para um tratamento adequado aos alimentos perecíveis.

Assista ao vídeo e veja algumas orientações do professor Waltemberg.

Redação FN

 

 

Loja de baterias é arrombada e mais de 90 produtos são roubados, em João Pessoa

Uma loja de baterias automotivas foi arrombada e mais de 90 produtos foram roubados na Av. Ruy Barbosa, no bairro da Torre, em João Pessoa. O crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (7). Este foi o terceiro caso semelhante registrado nas últimas duas semanas, de acordo com a polícia.

Na semana passada, também no bairro da Torre, na Av. Nossa Senhora de Fátima, suspeitos invadiram outra casa que trabalha com venda de baterias e já no fim do mês de abril outro caso aconteceu na cidade de Bayeux. A suspeita da Polícia Civil é de que se trata de um mesmo grupo especializado neste tipo de crime.

Segundo relato do proprietário da loja, ele foi avisado pelo vizinho do estabelecimento por volta das 3h e, ao chegar no local, encontrou sinais de arrombamento e grande parte do estoque de baterias roubado. Ele estima um prejuízo de quase R$30 mil.

A polícia foi acionada e uma perícia foi feita o local. Câmeras de segurança podem ajudar na identificação dos suspeitos. Até as 8h, nenhum suspeito havia sido preso.

G1

 

Caminhão de transporte de produtos químicos é flagrado levando água potável

Caminhão de transporte de produtos químicos foi flagrado pela PRF transportando água potável, em Campina Grande (Foto: Divulgação/PRF)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na BR 230, em Campina Grande, um caminhão tanque de transporte de produtos químicos levando água potável, com destino a um condomínio na cidade. O flagrante aconteceu na quarta-feira (26).

O caminhão estava carregado com 30 mil litros de água e havia sido abastecido no município de Santa Rita, localizado na Região Metropolitana de João Pessoa (RMJP).

O destino era o bairro de jardim Tavares, em Campina Grande. No entanto, durante a fiscalização os agentes da PRF encontraram vários indícios de que o tanque já transportou produtos químicos, como plaquetas e certificados.

A legislação brasileira proíbe a destinação de tanques de produtos químicos para o transporte de água potável, já que os riscos de contaminação são bastante elevados para aqueles que vierem a consumir a água.

O motorista foi levado para a Delegacia da Polícia Civil. Ele e a empresa proprietária do veículo deverão responder por crime contra a saúde pública.

 G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br