Arquivo da tag: Preso

Homem é preso em Araçagi suspeito de importunação sexual contra adolescente

Um homem foi preso por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) na noite dessa quarta-feira (1º), na cidade de Araçagi, suspeito de importunação sexual praticado contra uma adolescente de 16 anos de idade. O suspeito, de 26 anos, que trabalha com frete, teria sido contratado pela vítima para fazer o transporte de alguns objetos dela.

Depois de entrar na residência, ao colocar uma caixa no chão, teria apalpado as nádegas da adolescente e ainda usado palavras pejorativas com ela. Em seguida, ele deixou o local e foi para a sua residência. Após manter contato com a vítima, a guarnição comandada pelo cabo Pontes realizou buscas e localizou o suspeito, que foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Suspeito de matar jovem em Guarabira é preso pela PM

Horas depois do assassinato do jovem Ramon, ocorrido na comunidade Buraco de Afonso, em Guarabira, na manhã deste domingo (29), a Polícia Militar conseguiu agir rápido e prender o principal suspeito do crime.

Pelas circunstâncias em que ocorreu o assassinato, a tiros e pedradas, a polícia suspeita que mais de uma pessoa tenha participado do crime.

Diligências continuam sendo feitas para tentar localizar possíveis participantes do homicídio.

 

portal25horas

 

 

Operação conjunta interdita duas fábricas irregulares de álcool na Grande João Pessoa e proprietário é preso

Uma operação conjunta deflagrada nesta quarta-feira (25) descobriu e lacrou duas fábricas de álcool líquido, com indicação de que seria de 70%, nos municípios de Santa Rita e João Pessoa, após constatar uma série e graves irregularidades nas áreas fiscal, sanitária, ambiental, de segurança e até de funcionamento.

Participaram da operação a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), a Polícia Civil e o Batalhão Ambiental, além do Instituto de Polícia Científica, da Sudema (Superintendência de Administração do Meio Ambiente do Estado), e da Agevisa (Agência Estadual de Vigilância Sanitária).

Após uma ação fiscal da Gerência Executiva de Combate à Fraude Fiscal da Sefaz detectar irregularidades fiscais na compra de álcool por uma distribuidores de medicamentos, envolvendo uma fábrica em Santa Rita, os auditores encontraram também outras graves irregularidades na fábrica, o que levou a acionar outros órgãos como as Polícias Civil e Científica, o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), a Sudema (Superintendência de Administração do Meio Ambiente do Estado), além de técnicos do Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba) para ampliar as investigações. Durante a ação, o proprietário do primeiro alvo no município de Santa Rita foi preso e conduzido à Delegacia do município.

Mais de 100 mil litros vendidos – Segundo o gerente executivo de Combate à Fraude Fiscal, Francisco Cirilo Nunes, a fábrica de álcool líquido estava há oito meses sem declarar ao Fisco o seu faturamento, mas a maior gravidade encontrada foi no acondicionamento do líquido inflamável e nas instalações precárias do galpão onde funcionava a fábrica, colocando em risco não apenas a vida dos funcionários, mas a da população.

“Cerca de 90% das bombonas, recipientes de grande porte para armazenar o álcool líquido, estavam com tarjas e selos de que tinham sido já usados por produtos corrosivos e que foram reutilizados sem qualquer higienização necessária, o que pode trazer grandes riscos à saúde da população. Essa fábrica em apenas 23 dias neste mês de março já havia comercializado 101 mil litros para hospitais, farmácias e distribuidores de medicamentos do Estado. No local, era visível a falta de higiene, além da falta de acondicionamento do produto, que é extremamente inflamável e de risco. No galpão, não encontramos também qualquer comprovação técnica de que essas bombonas passaram por ações de higienização corretas e necessárias para armazenar o produto, muito procurado agora diante da pandemia do coronavírus, pois tem sido  usado cotidianamente para desinfecção de superfícies, equipamentos hospitalares e de pessoas”, detalhou Cirilo, acrescentando que além do cancelamento da inscrição estadual do estabelecimento, que funcionava com uma série de irregularidades, a fábrica foi também lacrada pelos auditores fiscais.

Fábrica em JP não tinha Alvará de funcionamento – A partir dos documentos encontrados na fábrica de Santa Rita foi possível chega e identificar o segundo alvo no final da tarde desta quarta-feira, que era uma fábrica na Rua da Areia, no centro histórico de João Pessoa. “O caso ainda era mais grave. O estabelecimento funcionava sem alvará de funcionamento, com instalações e equipamentos extremamente precários, com fortes indícios de sonegação fiscal. O proprietário não estava no local, mas apenas um responsável técnico”, explicou o secretário executivo da Sefaz, Bruno Frade, que liderou a operação do 2º alvo.

Qualidade do produto será testada – O gerente executivo de Combate  completou que os técnicos do Lacen e da polícia científica vão investigar ainda a qualidade e a eficiência do produto, que tem ter a composição a 70% para a sua comercialização. “A localização e o endereço da fábrica foram as etapas mais difíceis da ação fiscal. No galpão, não havia placa ou qualquer informação de funcionamento de uma fábrica de álcool naquele local, por isso houve dificuldade da equipe do Gecof localizá-la”, acrescentou Cirilo Nunes, informando que o estabelecimento não tinha autorização para fabricar álcool em gel, mas apenas líquido.

Como tudo começou – As investigações da Gerência Executiva de Combate à Fraude Fiscal da Sefaz começaram por uma ação fiscal numa distribuidora de medicamentos da Grande João Pessoa, que havia comprado 30 mil litros de álcool líquido de um fornecedor, mas que em seu depósito não havia qualquer recipiente. Após levantamento de documentos fiscais, descobrimos que entre 1º a 23 deste mês de março, essa fábrica de Santa Rita, que fornecia o produto, havia vendido 101 mil litros de álcool a 70% para farmácias, hospitais e distribuidoras e medicamentos. Contudo, encontramos uma grave irregularidade do estabelecimento: há oito meses a fábrica não declarava seu faturamento ao Fisco. Com base nas investigações e informação, montou-se uma ação fiscal que desencadeou na descoberta in loco de uma série de irregularidades.  A localização do estabelecimento foi uma das etapas mais complicada para os auditores fiscais da Gecof na ação fiscal, pois o estabelecimento, uma espécie de galpão, não tinha qualquer identificação que indicasse de ser tratar de uma fábrica de álcool.

 

Ascom/SefazPB

 

 

Idoso é preso suspeito de matar vizinha a facadas em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba

Uma mulher de 42 anos foi morta a facadas na noite de terça-feira (24) em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba. De acordo com a Polícia Militar, o principal suspeito é o vizinho da vítima, Antônio Salvador da Silva, de 82 anos. Ele foi preso em flagrante e encaminhado para a Cadeia Pública de Cajazeiras.

Segundo a polícia, o crime aconteceu quando Izonete Sales da Silva estava bebendo com amigas na calçada da casa dela. A vítima teria tentado fugir, mas o suspeito desferiu vários golpes de faca nas costas dela.

Conforme a PM, a mulher morreu a poucos metros de casa. Segundo relatos das testemunhas e do filho do idoso à polícia, a vítima e o suspeito tinham uma rixa. A Polícia Civil investiga o caso.

G1

 

Calvário: radialista Fabiano Gomes é preso acusado de atrapalhar investigações

O radialista e empresário Fabiano Gomes é um dos alvos da 8ª Fase da Operação Calvário, da Polícia Federal, deflagrada nesta terça-feira (10). O comunicador é acusado de tentar atrapalhar investigações para obter vantagens.

De acordo com a Polícia Federal, o profissional de imprensa se valia de seus canais de comunicação para constranger investigados ou potenciais investigados da operação a lhe pagarem vantagem indevida, sob pena de revelar conteúdo sigiloso, ofendendo, por via reflexa, a honra objetiva de autoridades responsáveis pela apuração, referidas indevidamente como fontes do acesso privilegiado.

As ordens para cumprimentos dos mandados de prisão e de busca e apreensão foram expedidas pelo Desembargador Ricardo Vital de Almeida, do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba.

Ao todo, 55 policiais federais e cinco auditores da Controladoria Geral da União participaram da operação, que aconteceram nas residências dos investigados e no Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.

 

PB Agora

 

 

Homem é preso suspeito de ameaçar e agredir mãe e irmã em Cuitegi

Um homem foi preso suspeito de ameaçar e agredir a mãe e a irmã, no Centro de Cuitegi, na Paraíba. De acordo com as vítimas, o homem teria exigido uma quantia em dinheiro da mãe.

A irmã ao presenciar teria tentado intervir, quando o acusado começou agredi-la. A mulher ficou machucada.

A Polícia foi acionada e prendeu o acusado por violência doméstica.

Ele foi levado para Delegacia de Polícia Civil.

 

clickpb

 

 

Homem é preso em Pilões suspeito de violência doméstica, embriaguez ao volante, ameaça e desacato

Um homem foi preso por policiais do 4° BPM (Batalhão de Polícia Militar) na noite dessa terça-feira (25), no centro da cidade de Pilões, suspeito de violência doméstica, embriaguez ao volante, ameaça e desacato. A guarnição comandada pelo cabo Ricardo fazia rondas pela cidade quando foi solicitada pela vítima, que informou ter sido agredida pelo seu ex- marido e que ele estava tentando fugir do local em um veículo Polo de cor preta.

De imediato, os policiais foram ao local e fizeram o cerco ao veículo dirigido pelo suspeito. Neste momento, ele tentou atropelar um integrante da guarnição, mas foi contido. Os militares informaram que, mesmo com a presença deles, o suspeito ainda tentou agredir a vítima e durante a abordagem, tentou investir contra um policial, como também usou palavras de baixo calão e ameaças contra a guarnição local e a guarnição da Força Tática I, comandada pelo sargento Aleksandro.

Os policiais da CPTran, que foram chamados ao local, também constataram a embriaguez ao volante através do teste do etilômetro. O suspeito preso foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Jovem é preso suspeito de arrancar tornozeleira eletrônica e agredir mulher no Sertão da PB

Um jovem de 26 anos foi preso suspeito de arrancar a tornozeleira eletrônica e agredir a companheira na cidade de Cajazeiras, no Sertão paraibano. De acordo com o tenente-coronel Terceiro, comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar, a prisão aconteceu na sexta-feira (14), mas se tornou pública no sábado (15).

Conforme a PM, denúncias de moradores da cidade contavam que o suspeito constantemente agredia a companheira, e que em um determinado momento, chegou a arrancar a tornozeleira eletrônica que usava por medidas determinadas pela Justiça.

Uma equipe da PM foi até o local onde teriam acontecido as agressões e após confirmarem as informações realizaram uma busca pela região. O jovem foi detido e levado para a Delegacia de Polícia Civil de Cajazeiras.

O G1 tentou entrar em contato com a Polícia Civil, mas as ligações não foram atendidas até as 16h deste domingo (16).

G1

 

Homem é preso suspeito de transportar 10 kg de crack em carro na BR-101, na PB

Um homem de 38 anos foi preso na tarde deste domingo (16) após ser flagrado transportando 10 quilos de uma substância análoga ao crack em um carro na BR-101, na cidade de Mamanguape. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a prisão aconteceu no mesmo trecho onde uma jovem de 18 anos foi presa suspeita de usar filho bebê de pouco mais de um mês para traficar drogas.

A prisão aconteceu por volta das 12h, durante uma abordagem dos agentes no sentido Mamanguape – João Pessoa. O homem saiu da cidade de Natal e seguia para a capital paraibana.

Durante a fiscalização, ao ser perguntado sobre a substância que transportava em uma caixa de papelão na frente do banco do passageiro, o suspeito informou que se tratava de crack. O homem foi preso por tráfico de drogas e levado, junto com o carro e a substância, para a delegacia de Polícia Civil de Mamanguape

Droga que estava no carro saiu de Natal e tinha como destino João Pessoa — Foto: Divulgação/PRF

Droga que estava no carro saiu de Natal e tinha como destino João Pessoa — Foto: Divulgação/PRF

 

G1

 

 

Vice-prefeito da Baía da Traição fica preso às ferragens em grave acidente no Litoral

O vice-prefeito da  Baía da Traição, Josemar Bernardo dos Santos, mais conhecido como Duda, do PTB, ficou ferido após sofrer um acidente de carro, no início da noite de ontem, sábado (07), após colidir em outro veículo, na localidade Grotão nas proximidades da Aldeia Caeira, na PB 041 entre Baía da Traição e Mataraca, e capotar várias vezes.

O político era quem dirigia o carro quando o acidente aconteceu. Além dele, também ficou ferido um passageiro que o acompanhava no trajeto.

Os ocupantes do outro veículo deixaram o local sem prestar socorro à vítima. Duda ficou presos nas ferragens, mas consciente.

Equipes do Samu e Bombeiros foram acionadas por terceiros e prestaram os primeiros socorros às vítimas.

 

pbagora