Arquivo da tag: Preso

Cachorro é atropelado, fica preso no para-choque do veículo e sai ileso de acidente em Angra dos Reis

Um cachorro foi atropelado por um carro e saiu ileso do acidente, que aconteceu na manhã deste sábado (15), na BR-101 Rodovia Rio-Santos, em Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio. O motorista do veículo não conseguiu desviar do animal, que ficou preso na estrutura do para-choque.

Segundo ele, o cachorro apareceu atrás de um ônibus e acabou sendo atingido. Depois de andar por aproximadamente 20 metros o condutor do veículo — que é instrutor de autoescola — encontrou o cachorro preso ao carro. Depois do susto, o animalzinho foi solto e seguiu pela estrada, sem ferimentos.

Animal não ficou ferido em acidente na Rio-Santos, em Angra dos Reis — Foto: Tobias Pencinato/Arquivo Pessoal

Animal não ficou ferido em acidente na Rio-Santos, em Angra dos Reis — Foto: Tobias Pencinato/Arquivo Pessoal

Estrutura do carro quebrou ao atingir cachorro em Angra dos Reis — Foto: Tobias Pencinato/Arquivo Pessoal

Estrutura do carro quebrou ao atingir cachorro em Angra dos Reis — Foto: Tobias Pencinato/Arquivo Pessoal

 

 

G1

 

 

Homem é preso suspeito de matar mulher a facadas e tentar fugir de ônibus, na PB

Um homem foi preso suspeito de matar a companheira a facadas, no município de Cabedelo, situado na Grande João Pessoa. De acordo com a Polícia Militar, a mulher foi morta na sala de casa, na tarde desta terça-feira (11). O suspeito de 30 anos foi preso dentro de um ônibus no bairro de Camalaú, pela Força Tática da 6º Companhia, após tentar fugir em direção a João Pessoa.

Ao ser preso, conforme a PM, o suspeito relatou que tinha saído para entregar currículos, em busca de emprego e, quando chegou em casa, cometeu o crime depois que encontrou um cunhado da vítima na casa. Ele contou que houve uma luta corporal, motivada por ciúmes.

A PM informou ainda que o suspeito foi encaminhado para a Central de Polícia de João Pessoa, no bairro do Geisel. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

G1

 

Em Belém, homem é preso acusado de estuprar filha e entrada especial

A Polícia Civil da cidade de Belém, agreste paraibano prendeu nesta segunda-feira (10), um homem acusado de estupro contra filha e enteada.

Conforme relato da PC, José Ferreira da Silva cometeu estupro de vulnerável contra sua própria filha de 12 anos e abusou sexualmente de uma filha adotiva portadora de deficiência mental.

Os crimes foram praticados em 2015 e houve a comprovação através de exame sexológico.

 

ROTA DA NOTÍCIA

 

 

Polícia intensifica trabalho e mais um acusado é preso por tráfico de drogas em Solânea

Kelson Moreira Evaristo, 22 anos, residente na rua João Fernandes de Lima, centro de Solânea, foi preso após investigação da Polícia Civil da Paraíba, através da 21ª Delegacia Seccional de Solânea, em ação conjunta com a Polícia Militar, 7ª CIPM, nesta sexta-feira (07), por volta das 15:30 hs.

Com o investigado foi apreendida mais de 1/2 Kg de maconha destinada a comercialização.

Kelson, que já responde a crime de furto qualificado, será autuado por crime de tráfico de entorpecente e encaminhado a Cadeia de Solânea.

De acordo com a 21ª Delegacia Seccional de Solânea, o trabalho de combate ao tráfico de drogas e roubos estão sendo intensificados no período que antecede os festejos juninos de Solânea e região, sendo mais de 20 (vinte) pessoas presas nos últimos dias, parte delas nas operações “Tabuleiro” e “Aluir”.

FN com Polícia Civil

 

 

Grupo suspeito de tráfico de drogas e clonagem de cartões de crédito é preso, na PB

Uma quadrilha especializada em tráfico de drogas e clonagem de cartão de crédito foi desarticulada no início da noite da quarta-feira (5), em João Pessoa, durante uma operação realizada por equipes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes da capital. Dez pessoas foram conduzidas à delegacia, suspeitas de envolvimento nos crimes. Entre os presos está um detento que cumpre pena em regime aberto e é monitorado por uma tornozeleira eletrônica.

Os suspeitos estavam em um motel no bairro do Bessa, no mesmo apartamento. De acordo com o delegado Bruno Victor Germano, já era a terceira vez que o grupo se reunia no mesmo local. Eles usavam os serviços do estabelecimento e pagavam com cartões de crédito clonados, causando prejuízo de R$ 20 mil.

Com o grupo, a polícia encontrou uma arma de fogo, com munições, celulares, além de cinco cartões de créditos possivelmente clonados.

O grupo foi descoberto durante uma investigação sobre a origem do dinheiro do tráfico de drogas. “Nessa investigação chegamos a essa quadrilha criminosa e descobrimos essa prática de clonagem de cartões de crédito”, afirmou o delegado.

Entre as dez pessoas conduzidas à delegacia, há três adolescentes com idades de 16 e 17 anos. Eles serão ouvidos pelo delegado e encaminhados à família. Os adultos serão autuados por crimes de estelionato, corrupção de menores e porte ilegal de arma de fogo e oferecimento de bebida alcoólica a menor de idade.

G1

 

Ex-policial é preso suspeito de estuprar crianças de 9 e 10 anos

Um ex-policial militar de 55 anos foi preso, nessa quinta-feira (30), em Forte Velho, Distrito de Santa Rita, suspeito de estuprar duas crianças, de 9 e 10 anos. Os crimes aconteciam em conluio com o padrasto das crianças, que também abusava sexualmente das vítimas e é procurado pela polícia. Existe suspeitas de que a mãe das crianças era conivente com a violência. O relacionamento dela com o suspeito teria começado há cerca de 4 anos.

De acordo com a Polícia Civil, o caso foi denunciado ao Conselho Tutelar e repassado para a Delegacia de Atendimento Especializado à Mulher. Após o relato das crianças, acompanhadas da psicóloga do Conselho, agentes de investigação saíram em diligências e prenderam o ex-policial militar, que trabalha atualmente como comerciante. Ele é vizinho das crianças. O padrasto, quando soube da presença da polícia na localidade, fugiu.

Segundo a delegada Paula Monalisa, as crianças eram atraídas para o local de comércio, onde eram abusadas sexualmente pelo ex-policial e pelo padrasto. “O relato delas é muito forte. As crianças chegaram à delegacia acompanhadas de uma psicóloga do Conselho Tutelar, que nos informou que elas estavam sendo abusadas sexualmente. Elas foram ouvidas e relataram que eram obrigadas a tirar a roupa e recebiam dinheiro por isso, mas não informaram o valor. Depois, eram acariciadas e obrigadas a pegar nas partes íntimas dos suspeitos, chegando eles inclusive ejacular em cima da roupa delas. Elas, inclusive chegaram em casa com as roupas sujas de sêmen”, relatou.

Ainda de acordo com a delegada, as diligências continuam e o caso ainda está em investigação. “Nós vamos continuar diligenciando porque o padrasto não foi localizado. A mãe da criança não sabe informar se o nome dele é realmente o que ele lhe disse quando o conheceu, pois ele não tem nenhum documento. Eles se conheceram em um parque de diversões que se instalou na cidade há quatro anos e começaram a namorar. Quando soube que a polícia estaria indo ao local, ele se evadiu, mas ainda estamos em diligências para localiza-lo”, informou Paula Monalisa.

 

portalcorreio

 

 

Empresário é preso suspeito de matar radialista por causa de política

Foi preso no começo da tarde desta sexta-feira (31) um empresário suspeito de matar o radialista Joacir Rocha de Oliveira Filho, de 35 anos, dentro de um restaurante do Centro de Campina Grande.

Conforme imagens de segurança, um homem armado atira na vítima dentro do local e foge amparado por outra pessoa. Segundo a delegada Suelane Guimarães, à TV Correio, não houve latrocínio porque nenhum pertence da vítima foi roubado.

Às 13h16, o empresário, que é do ramo da construção civil e tem 42 anos, estava sendo ouvido pela delegada e teria confessado o crime. Segundo apuração da TV Correio, o motivo seria uma discussão política.

Políticos lamentam

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) lamentou a morte do radialista. “Que o nosso bom Deus conforte o coração dos familiares e amenize tanto sofrimento. Sei o tamanho da dor de perder alguém que amamos”, destacou.

Joacir era filho do jornalista Joacir Oliveira (já falecido) e irmão do apresentador de uma emissora de TV local, Cléber Oliveira. Tovar destaca que apesar de novo, ele era um profissional dedicado e que deixa um legado como comunicador.

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, também divulgou nota de pesar pela morte do radialista. “O prefeito encaminhou apelo à Polícia Civil para o máximo empenho na elucidação do caso. E também prestou solidariedade e votos de pesar à família, também vítima dessa tragédia”, diz a nota divulgada pela prefeitura.

 

 

portalcorreio

 

 

Suspeito de jogar mulher de carro em movimento é preso em João Pessoa

Um jovem de 23 anos de idade foi preso em flagrante suspeito de jogar uma mulher de um carro em movimento em uma avenida de João Pessoa. O caso foi na madrugada desta terça-feira (28) e a prisão ocorreu durante a noite. A vítima é uma jovem de 21 anos de idade que está internada na UTI do Hospital de Trauma de João Pessoa.

De acordo com as informações da Polícia Civil, o suspeito foi preso após ser encontrado na casa da avó dele, que mora em um condomínio no bairro Bessa, em João Pessoa. Ele foi atuado em flagrante por crime de trânsito e por tentativa de homicídio, de acordo com o delegado Ademir Fernandes. O suspeito deve passar por audiência de custódia nesta quarta-feira (29).

Segundo o delegado, durante depoimento, o suspeito disse que estava bebendo com a vítima, que é amiga dele e mora com ele, e quando eles estavam voltando pra casa houve uma discussão no carro e a mulher teria se jogado do veículo em movimento. Antes disso, ele disse que foi agredido dentro do carro.

O delegado Ademir Fernandes disse que o depoimento do suspeito é questionável, pois ele não teria prestado socorro a vítima, já que alega que ela se jogou, e também não se apresentou na delegacia. O carro do jovem também foi apreendido e vai passar por perícia.

A vítima está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Trauma de João Pessoa. Segundo a equipe médica, ela sofreu traumatismo craniano e está em coma induzido.

G1

 

Diretor da Cadeia de Solânea é exonerado após denúncia de regalia a preso

O diretor da Cadeia Pública de Solânea, Fernando Diogo Júnior, foi exonerado do cargo após denúncia de que um estelionatário preso em agosto do ano passado tinha fugiu levando uma pistola do Sistema Penitenciário. Segundo informações repassadas ao Portal Correio, o detento gozava de ‘regalias’ na unidade e teria dito que iria a um motel no dia da fuga.

A exoneração do diretor foi publicada na edição desta terça-feira (28), do Diário Oficial do Estado (DOE).

Em nota, Fernando negou a denúncia e afirmou que o detento apenas prestava serviços junto à unidade para fins de remição de pena.

O caso motivou a abertura de um inquérito pela Polícia Civil de um procedimento administrativo pela própria Secretaria de Administração Penitenciária para apurar possíveis participações de servidores do poder público na fuga.

Substituto é anunciado

O Diário Oficial também trouxe o ato governamental designando o diretor da Cadeia de Alagoinha, Jonny Ville da Silva Brilhante, para responder cumulativamente  pelo cargo.

 

portalcorreio

 

 

Operação Nêmesis: homem é preso por pedofilia em Bananeiras

Um homem foi preso em flagrante na manhã desta quinta-feira (23) na cidade de Bananeiras. Com ele a Polícia Federal encontrou material com conteúdo de pornografia infantil, além uma arma de fogo e munições.

A Polícia Federal deflagrou hoje, 23, a Operação NÊMESIS, de âmbito nacional, com o objetivo de reprimir a prática de crimes de produção, armazenamento e distribuição de material pornográfico envolvendo crianças e/ou adolescentes.

Estão sendo cumpridos 28 mandados de busca e apreensão em oito estados da Federação, com o intuito de combater esse tipo de crime.

Cerca de 120 policiais federais participam das buscas em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraíba, Sergipe e Maranhão.

Na Paraíba ocorre o cumprimento de um mandado de busca e apreensão, no município de Bananeiras, o qual resultou com a prisão em flagrante do investigado pela posse de material com conteúdo de pornografia infantil.

Esta é a quarta operação que a Polícia Federal no Estado da Paraíba deflagra para combater a exploração sexual infantil.

Crimes investigados
Os suspeitos irão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de pornografia infantil previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Nome da operação
A operação denominada NÊMESIS faz referência à mitologia, na qual Nêmesis simboliza a indignação pela injustiça praticada e a punição divina diante do comportamento desmedido dos mortais. Sua função essencial era restabelecer o equilíbrio quando a justiça deixa de ser praticada.

 

 

parlamentopb