Arquivo da tag: Pau

Juiz denuncia abandono do prédio da Promotoria de Justiça de Bananeiras e diz: “casa de ferreiro, espeto de pau”

promotoriaJuiz da Comarca de Bananeiras, Dr. Antônio Gomes de Oliveira, fez críticas ao Ministério Público da Paraíba, em sua página pessoal no facebook, dizendo que o Órgão tem exigido a reforma de prédios públicos municipais e estaduais, enquanto que o próprio prédio da Promotoria de Justiça de Bananeiras está abandonado, com telhado caindo e energia elétrica cortada.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Leia o texto na íntegra: 

FAÇA O QUE EU MANDO MAS…

Só devemos jogar pedra na vitrine dos outros, quando as nossas estão protegidas, porque, se assim não for, poderemos ser atingidos pelos vizinhos. É o que vem ocorrendo nesta cidade [Bananeiras], com relação ao prédio da Promotoria de Justiça.

Zelosos com a má gestão pública, notadamente, com relação aos administradores municipais, o Ministério Público, tem se transformado num verdadeiro paladino, num terror contra os chefes dos executivos Estaduais e Municipais, exigindo a conclusão de obras inacabadas e reforma e utilização de próprios públicos. Aqui mesmo em Bananeiras, exigiu-se via TAC, que o Prefeito Municipal recuperasse em prazo curto, o prédio onde funciona o Conselho Tutelar, recuperando-o e dotando do necessário para o seu bom e útil funcionamento. Assim também, via Ação Civil Pública, aciona-se o Governo do Estado, para recuperar o prédio da cadeia pública local.

Louvável o trabalho do Órgão. Mas, para que tudo não seja visto como positivo, e cumprindo o ditado popular “Em casa de ferreiro, espeto de pau”, o Ministério Público, não tem tido o mesmo zelo com sua sede na cidade de Bananeiras, forçando a representante do órgão na Comarca, a funcionar, por empréstimo, numa pequena sala do Fórum local, porque o prédio das Curadorias, está totalmente imprestável e sem condições de funcionabilidade. Telhado caindo, energia elétrica cortada e, ultimamente, caíram a Placa indicativa da Instituição (CURADORIAS) e pasmem, se encontram abandonados na rua, um aparelho de ar Split, que caiu do seu local, há mais de dois meses.

promotoria de BananeirasPrédio do Ministério Público da Comarca de Bananeiras

Não se entende como um Órgão que fiscaliza e obriga os outros a recuperar e por em funcionamento obras pública, deixe o que é seu, que também é uma obra pública, cair e acabar-se, sem qualquer providência. A falta de zelo com o que é do povo também constitui improbidade administrativa.

Por tudo isso, entendo o que dizem a boa pequena na cidade, com relação ao Órgão. “FAÇA O QUE EU MANDO, MAS NÃO FAÇA O QUE EU FAÇO”.

Vale ressaltar, que desde a remoção do promotor titular da Comarca de Bananeiras, Dr. Onéssimo Cézar, em 06 de junho de 2011, que a população de Bananeiras continua sem promotor titular.

 

Bananeiras Online

Lançamento do 1º CD do Grupo Pau e Corda no Cine Teatro em Solânea – PB

 

grupoUm show especial e com grande publico, foi realizado, nesse Sábado, dia 23 de Março, às 20:00h, no  Cine Teatro Municipal de Solânea Brejo paraibano, pelo  Grupo Pau e Corda, lançando o 1º CD inédito, gravado nos estúdios de “Amorim Produções Artísticas”, um Show com diversas musicas de um bom gosto do cancioneiro  popular brasileiro. Com músicos genuinamente Solanenses, o Grupo Pau e Corda, pelo que destacam os críticos musicais, foi criado com o objetivo de fortalecer a melodia instrumental, com destaque voltado para os compositores Brasileiros, de uma maneira em geral, dando-se ênfase, a chamada prata da casa e os artistas da própria terra.  O Pau e Corda, na sua essência, busca priorizar o intercâmbio cultural, entre as camadas que compõem o extrato social, levando sempre um modelo de entretenimento oferecendo aos espectadores a boa musica brasileira. Com um Show dividido em duas partes, sendo uma, de forma instrumental e a outra, cantada, todas, incluindo melodias das mais conhecidas pelo grande público, destacando-se, entre Elas, criações de Zequinha de Abreu, Waldir Azevedo, Joaquim Antônio da Silva Calado, Pixinguinha, Sivuca, A. Realce, Chico Buarque, Zé Ramalho, Tom Oliveira, Luiz Gonzaga, João do Vale, entre  outros. Os Componentesdo Grupo Pau e Corda são compostos pelos mais experientes, consagrados e renomados integrantes da Musica Popular Regional, destacando-se, entre Eles, Humberto Teixeira (Flauta Transversal e Flauta Doce); José Teixeira (Cavaquinho, Compositor e Violonista de Sete Cordas); Pedro Rocha (Violão de Seis cordas, compositor e vocal); Wilson Bandeira ( Cantor, compositor e vocal ); Emanuel (Percussionista); Tota Rocha ( percussionista ); Liliane (Percussionista); e Batoré (Percussionista).

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

 

Por Odilon Almeida/Geraldo Belo

diariodobrejo.com