Arquivo da tag: Paparazzo

‘Homem sem grana não dá, tem que bancar’, diz Núbia Óliiver no Paparazzo

nubiaAos 41 anos, mãe de Anne, de 10 e com 66kg muito bem distribuídos em 1,70m de altura, Núbia Óliiver conta, em ensaio para o Paparazzo que vai ao ar nesta sexta-feira, 30, que sempre esteve em alta com o público masculino – ela já revelou que teve cerca de 400 parceiros sexuais até hoje. “Eles não reclamam do meu corpo não, viu? Não faço o estilo magra, e sim a gostosona (risos).”

O que mais atrai esta mulher cheia de personalidade em um homem? “Gosto das mãos, braço, mas acho que o cérebro é que manda. Homem para mim tem que ser inteligente, depois pagar as minhas contas.”

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

E preparem os cofrinhos, porque Núbia garante que em uma relação o que não pode faltar é dinheiro. “Não acredito em amor debaixo da ponte, não. Traz briga, insegurança, e aí acaba vindo a infidelidade também. Adoro trabalhar, mas homem sem grana não dá, tem que bancar. Se o cara está na minha vida é porque quer”, dispara.

A modelo revela também alguns truques que usa para não deixar a relação cair na rotina. “Adoro usar acessórios, brinquedinhos… Gosto de assistir a filmes pornô e uma terceira pessoa também é legal. Muito raramente, mas vale. Já tentei fazer com dois homens, mas eles nunca aceitam (risos). Só fiz com uma segunda mulher”.

Núbia conta ainda os locais inusitados onde já fez sexo. “Variar o local é uma outra forma de quebrar a rotina. Já fiz dentro do carro, naquele trânsito de São Palo, no avião… Adoro um banheiro de festa ou de um restaurante fino. Banheiro de posto na estrada também é ótimo, ou no estacionamento onde os caminhoneiros sempre param. Encostar ali e dar uma aliviada na viagem e seguir em frente, não tem coisa melhor”.

Namoro com mulheres
Experimentar. Este é um dos lemas da modelo, que diz que já teve dois relacionamentos homossexuais, mas que hoje em dia não se envolveria novamente com uma mulher. A morena revela ainda que uma de suas namoradas é atriz.

Núbia Oliiver posa para o Paparazzo (Foto: Roberto Teixeira / Paparazzo)Núbia Óliiver durante o ensaio para o Paparazzo
(Foto: Roberto Teixeira / Paparazzo)

“Tive duas namoradas, completamente ciumentas, neuróticas. É uma relação meio doentia, de muita posse, ciúme. Acho que mulher é mais ciumenta do que homem. O sexo era uma delícia com elas. Fiquei um ano com cada uma. Uma foi em 1996, eu fazia a novela ‘Tocaia grande’ e e ela trabalhava comigo, era atriz. Não digo o nome pois ela é namorada de um cara hoje em dia e eu não quero estragar, não tenho esse direito. Só digo que ela era loira, muito gostosa e fez muito sucesso. Mas hoje ela trabalha pouco, é linda e não chega aos 50 anos. O problema é que era muito ciumenta. Quando eu tinha que beijar alguém em cena era uma briga em casa”, lembra Núbia.

 

EGO

Joana Machado fala de sexo durante ensaio para o ‘Paparazzo’

joanaSem o menor pudor, Joana Machado falou, nos bastidores do Paparazzo – o ensaio sensual com ela vai ao ar nesta sexta-feira, 12 – sobre suas preferências na hora do sexo. Para a personal trainer, tamanho é documento, sim. “Tem que ser pelo menos mediano, né? Se não, a gente recorre a outras alternativas”.

Para a loira, na transa não pode haver frescura e agradar o parceiro é regra. “Entre quatro paredes vale tudo. Afinal, você tem que ter um diferencial para a pessoa com quem você está, senão o cara procura outra mulher, ou a mulher procura outro homem. Hoje em dia está assim, ninguém fica parado. É chumbo trocado”, contou a personal, aos risos.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Quando questionada sobre quantos homens já se relacionou sexualmente, ela respondeu sem rodeios: “Ah, gente, não sei. Já perdi as contas. Um monte, afinal tenho 33 anos, né?”.

O que não pode faltar entre quatro paredes? “O cara não pode broxar. Mas Graças a Deus nunca passei por isso. Não pode faltar também um bom sexo oral”. A loira disse que também é fã de acessórios para apimentar a relação. “Adoro usar lingerie diferente, óleos para massagem, chicote, algema… Adoro essas coisas”.

VIRGINDADE
Joana beijou pela primeira vez aos 13 anos e perdeu a virgindidade aos 14. Sobre isso, não tem boas recordações: “Minha primeira vez não foi nada boa. Doeu, foi horrível, tive até nojo. Aliás, nunca vi alguém que tenha gostado.”

pol1.png

Com 33 anos, a loira é mãe de Maria Luiza, 16, e Maurício, 9. A personal contou que hoje em dia não consegue mais realizar tantas loucuras sexuais. “Já fiz tanta coisa, mas hoje estou mais tranquila, ando sempre carregada de filho, de amigo de filho (risos)… Mas gosto de dar uma variada, aí a gente vai para o carro, para a praia, damos um jeito”, disse ela, que mora há três anos com o policial Junior Figueiredo, com quem está junto há quase quatro anos.

Com ele, Joana já se aventurou na hora da transa. Sexo em lugares inusitados? “No carro, na praia, no barco, no avião…. Na primeira classe do avião foi rapidinho, não tinha ninguém, fizemos embaixo do cobertor.”

Ainda que já viva uma rotina de casada com o policial, a personal trainer não pensa em oficializar a união de véu e grinalda. “Não combina muito comigo. Sou mais do tipo de fazer uma festa no cabaré (risos)”.

pol1.png

pol2.png

pol3.png

pol4.png

pol5.png

pol6.png

pol7.png

pol8.png

pol9.png

pol10.png

pol11.png

pol12.png

pol13.png

pol14.png

pol15.png

pol16.png

pol17.png

pol18.png

pol19.png

pol20.png

pol21.png

pol22.png

pol23.png

pol24.png

pol25.png

pol26.png

pol27.png

pol28.png

pol30.png

pol31.png

pol32.png

pol33.png

pol34.png

180 Graus