Arquivo da tag: Papa

Papa Francisco nomeia novo arcebispo da Paraíba

Dom Manoel Delson
Dom Manoel Delson

O Papa Francisco já nomeou o novo arcebispo da Paraíba. A decisão foi publicada no boletim desta quarta-feira (8), no Vaticano. O cargo estava vago desde o mês de julho do ano passado, quando o agora arcebispo emérito Dom Aldo Pagotto renunciou alegando motivos pessoais.
O novo dirigente da Igreja Católica na Paraíba será Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz, que respondia pela diocese da cidade de Campina Grande.

Em nota, o administrador da arquidiocese paraibana, Dom Genival Saraiva de França, disse que sabia da escolha do papa desde o dia 20 de fevereiro, quando recebeu o comunicado oficial do Núncio Apostólico Dom Giovanni d’Aniello.

“Tenho a satisfação de lhe comunicar oficialmente que o Santo Padre Francisco nomeou Arcebispo dessa vacante Arquidiocese da Paraíba o Excelentíssimo Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap., transferindo-o da sede episcopal de Campina Grande, Estado da Paraíba”, dizia o comunicado.

A posse de Dom Delson está marcada para o dia 20 de maio. Até lá, o atual administrador continua respondendo pela arquidiocese paraibana.

Boletim divulgado pelo Vaticano traz nomeação de Dom Manoel Delson Pedreira da CruzFoto: Boletim divulgado pelo Vaticano traz nomeação de Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz
Créditos: Divulgação

Por Alexandre Freire

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Papa sugere que é “melhor ser ateu do que católico hipócrita”

(Mateusz Skwarczek / Reuters)
(Mateusz Skwarczek / Reuters)

O papa Francisco criticou novamente alguns membros da sua própria Igreja nesta quinta-feira, sugerindo que é melhor ser ateu do que um dos “muitos” católicos que levam o que disse ser uma vida dupla e hipócrita.

Em comentários improvisados em sermão de missa privada matinal em sua residência, ele disse: “é um escândalo dizer uma coisa e fazer outra. Isto é uma vida dupla”.

“Existem aqueles que dizem ‘sou muito católico, sempre vou à missa, pertenço a isto e a esta associação”, disse o chefe da Igreja Católica Romana, que tem cerca de 1,2 bilhão de membros, de acordo com transcrição da Rádio Vaticano.

Ele disse que algumas destas pessoas também devem dizer “minha vida não é cristã, eu não pago aos meus funcionários salários apropriados, eu exploro pessoas, eu faço negócios sujos, eu lavo dinheiro, (eu levo) uma vida dupla”.

“Há muitos católicos que são assim e eles causam escândalos”, disse. “Quantas vezes todos ouvimos pessoas dizerem ‘se esta pessoa é católica, é melhor ser ateu’”.

Desde sua eleição em 2013, Francisco disse frequentemente a católicos, tanto padres quanto membros não ordenados, para praticarem o que a religião prega.

Em seus frequentes sermões improvisados, ele já condenou abuso sexual de crianças por padres como sendo equivalente a uma “missa satânica”, disse que católicos na máfia se excomungam, e disse a seus próprios cardeais para não agirem como se fossem “príncipes”.

Em menos de dois meses após sua eleição, ele disse que os cristãos devem ver ateus como pessoas boas caso eles sejam boas pessoas.

 

Reuters

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Papa pede que se reze pelas crianças ameaçadas pelo aborto

papaO papa Francisco fez, neste domingo (5), um apelo à defesa da “cultura da vida”, e pediu que se reze pelas crianças “ameaçadas pela interrupção da gravidez”.

“Todas as vidas são sagradas, façamos avançar a cultura da vida como resposta à lógica do desperdício e ao declínio demográfico”, disse o papa durante a chamada Jornada Mundial da Vida.

“Rezemos juntos pelas crianças ameaçadas pela interrupção da gravidez e pelas pessoas que se aproximam do final de suas vidas”, acrescentou Francisco durante a tradicional oração do Angelus de domingo na praça de São Pedro, no Vaticano.

Desde sua chegada ao Vaticano, o papa expressou em várias ocasiões preocupação com a queda da taxa de natalidade na Europa, particularmente na Itália.

Em sua encíclica “Laudato si”, de junho de 2015, afirmou que “o crescimento demográfico é plenamente compatível com o desenvolvimento integral e solidário”.

Como seus antecessores, o papa Francisco, fiel à doutrina da Igreja Católica, é um feroz opositor ao aborto.

No ano passado, porém, durante o chamado Jubileu da Misericórdia, o pontífice fez um gesto em direção às mulheres que abortaram e se arrependeram, permitindo que os padres as absolvam, algo que até então só os bispos podiam fazer.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Em carta aos bispos de todo o mundo, papa Francisco pede tolerância zero com pedofilia

papaO papa Francisco enviou uma carta aos bispos de todo o mundo em que pede a proteção de crianças e para que “o sofrimento, a história e a dor dos menores que foram abusados sexualmente por sacerdotes” não sejam esquecidos. Ele ainda pediu “tolerância zero” aos religiosos. As informações são da agência de notícias Ansa.

“Escutar o choro das crianças significa também escutar o choro e o lamento de nossa mãe igreja, que chora não só pela dor causada em seus filhos mais pequenos, mas também porque conhece o pecado de alguns de seus membros. Pecado que nos causa vergonha. Pessoas que tinham a responsabilidade de cuidar destas crianças, destruíram a dignidade delas”, escreveu o papa.

Ele pede “coragem para proteger a infância dos novos Herodes dos nossos dias, que roubam a inocência de nossas crianças”. O pontífice referia-se ao rei que mandou matar todos os primogênitos de Belém após o nascimento de Jesus Cristo.

“Hoje, na lembrança do dia dos santos inocentes, quero que renovemos todo o nosso empenho para que essas atrocidades não ocorram mais entre nós. Que encontremos a coragem necessária para promover todos os meios necessários para proteger de todas as formas as vidas de nossas crianças porque tais crimes não podem mais se repetir”, disse.

 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Após mensagens de apoio, papa Francisco ganha camisa da Chapecoense

papa_franciscoO papa Francisco ganhou de presente uma camisa da Chapecoense, como forma de agradecimento às mensagens de apoio aos familiares das vítimas e sobreviventes da tragédia. As informações são da Agência Ansa e da Rádio Vaticano.

O uniforme traz estampado o nome do sumo-pontífice e o número 71, que faz referência à quantidade de mortos no desastre aéreo com o avião da equipe catarinense na Colômbia, ocorrido no último dia 29 de novembro.

A camisa foi entregue no dia 25 de dezembro, após a bênção de Natal do papa, por meio da redação brasileira da Rádio Vaticano. Segundo a emissora, Francisco comentou que a tragédia foi um “evento muito triste” e agradeceu a todos os chapecoenses, aos quais enviou uma bênção especial.

Logo após o acidente, papa Francisco dirigiu uma mensagem à diocese colombiana de Sonsón Rionegro lamentando a tragédia. Já no dia 30 de novembro, ele dedicou uma mensagem ao Brasil durante sua audiência geral.

Ele também mandou um recado para ser lido durante o velório coletivo realizado na Arena Condá, em Chapecó, no dia 3 de dezembro.

Agência Brasil 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Papa Francisco lamenta tragédia com avião da Chapecoense

papa-franciscoO papa Francisco, através de uma mensagem enviada ao bispo da diocese colombiana de Sonsón Rionegro, Fidel León Cadavid Marín, lamentou a morte das mais de 70 pessoas na queda do avião que levava a equipe da Chapecoense. As informações são da Agência ANSA.

“O Santo Padre, profundamente atingido ao saber da dolorosa notícia do grave acidente aéreo que ocasionou numerosas vítimas, eleva orações para o eterno descanso dos falecidos”, escreveu a Conferência Episcopal da Colômbia.

O documento enviado pela Secretaria de Estado do Vaticano pede ao bispo Marín que ele “transmita o sentimento de pêsames de Sua Santidade aos familiares e a todos os que choram por tão sensível perda, junto com expressões de afeto, solidariedade e consolo a todos os afetados pelo trágico acidente”.

Agencia Brasil 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Chape elimina time do Papa, vai à final da Sul-Americana e faz história

Nelson Almeida/AFP Photo
Nelson Almeida/AFP Photo

A Chapecoense está, pela primeira vez, em uma final de torneio internacional. O time de Chapecó alcançou a decisão da Sul-Americana após empatar por 0 a 0 com o San Lorenzo-ARG, na noite desta quarta-feira, na Arena Condá, no jogo mais importante de sua história. Como fez um gol na casa do adversário no jogo de ida (1 a 1), levou a melhor sobre o time do Papa e avançou.

O adversário da Chapecoense será definido nesta quinta-feira, quando o atual campeão da Libertadores, o Atlético Nacional-COL, recebe o Cerro Porteño-PAR no segundo jogo entre as equipes. No primeiro, houve empate por 1 a 1.

O melhor: Danilo

O goleiro Danilo foi o grande herói da Chapecoense. Fez três grandes defesas (sendo um milagre no último lance do jogo) e garantiu a Chape na grande decisão.

Torcida comemora, mas assistente estraga a festa

Nelson Almeida/AFP Photo

Depois de ver o San Lorenzo começar melhor a partida, a Chapecoense soltou o grito de gol aos 25min de jogo. Após bola cruzada da direita e desvio na primeira trave, Thiego completou de canela para as redes. O juiz já tinha validado o gol, mas o assistente viu impedimento em um lance bastante duvidoso.

1ºT equilibrado. 2º, nem tanto

Paulo Whitaker/Reuters

Chapecoense e San Lorenzo fizeram um primeiro tempo bastante equilibrado na Arena Condá. A história, porém, mudou na segunda etapa, com o time argentino pressionando e a Chape raramente conseguindo aproveitar seus contra-ataques. Somente depois de algumas mudanças de Caio Júnior que o time da casa voltou a equilibrar a partida.

Maestro Caio Júnior

Já aos 42min do segundo tempo, com a vaga bem próxima, Caio Júnior comemorou uma posse de bola da Chapecoense e vibrou bastante, chamando a torcida (foram 17.569 presentes) e incendiando a Arena Condá, que ficou em festa.

Festa palmeirense? Depende da Chape

O Palmeiras pode neste domingo, enfim, comemorar o título brasileiro de 2016. Tudo, porém, dependerá da Chapecoense, adversário do time paulista no domingo, no Allianz Parque. Para levantar a taça com uma rodada de antecedência, o Palmeiras precisa ao menos empatar o jogo. Caso a Chapecoense vença e o Santos também faça a sua parte, diante do Flamengo, no Maracanã, a decisão do Campeonato Brasileiro irá para a última rodada.

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Papa Francisco permite que padres perdoem o aborto

papa-franciscoO Papa Francisco permitiu, nesta segunda-feira, que os padres católicos tenham o poder para perdoar abortos, uma concessão antes dada somente para bispos e confessores especiais. Francisco permitiu, no final do ano passado, que os sacerdotes pudessem conceder o perdão a mulheres que tenham abortado, porém com limite até o final do Jubileu da Misericórdia, encerrado neste final de semana.

Em um documento tornado publico pelo Vaticano nesta segunda-feira, Francisco escreveu que “Não há pecado ao qual a misericórdia de Deus não possa chegar e limpar um coração arrependido”.

Porém, Francisco ressalta que o “abordo é um pecado grave, uma vez que põe um fim a uma vida inocente”.Francisco, que tem feito da Igreja uma instituição religiosa mais inclusiva e compreensiva durante o seu mandato, fez o anúncio em um documento conhecido como “carta apostólica”.“Para que nenhum obstáculo se interponha entre o pedido de reconciliação e o perdão de Deus, de agora em diante concedo a todos os sacerdotes, em razão de seu ministério, a faculdade de absolver a quem tenha procurado o pecado do aborto”, determina o papa na carta.

O papa estendeu também a validade das absolvições concedidas pelos sacerdotes integristas da Irmandade Sacerdotal São Pio X, comunidade fundada por Marcel Lefebvre que rompeu com a Igreja em 1988.

O Globo

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Papa irá a Suécia para comemoração dos 500 anos da Reforma Protestante

papaO Papa irá a Lund, na Suécia, em 31 de outubro próximo, num evento que marcará o início das celebrações dos 500 anos da Reforma Protestante. A viagem marca o retorno de um Pontífice ao país escandinavo após 27 anos.

Francisco chegará ao Aeroporto de Malmö, de onde seguirá para a Catedral de Lund – onde haverá uma celebração – e após irá à Arena de Malmö.

Depois de passar a noite em local ainda não revelado, no sul da Suécia, Francisco presidirá, em 1º de novembro, uma missa, reunindo parte dos católicos do país. O local da celebração ainda não foi determinado, mas será na região de Malmö.

Segurança

A polícia sueca passou os últimos meses se preparando para a rara visita papal e oficiais de todos o país foram chamados para reforçar o trabalho das forças de ordem regionais do sul.

“Esperamos um grande número de pessoas, mas todas as partes envolvidas acham ser difícil estimar quantos serão, precisamente porque não temos experiências recentes de visitas aos países nórdicos”, declarou à Agência TT Mats Karlsson, que está no comando das operações da polícia durante a visita.

Sua equipe está se preparando para uma série de diferentes cenários, incluindo paradas improvisadas do Papa Francisco ao longo de seu trajeto de Lund para Malmö.

Imprevisibilidade favorece segurança

“Pelo que entendemos até agora, o Papa é um pouco imprevisível”, disse Karlsson, mas acrescentou que a incerteza também pode trabalhar a favor da segurança. “Isso torna mais as coisas mais difíceis para um criminoso, porque ninguém sabe onde ele vai querer parar o carro e sair”, afirmou à TT.

“Fazemos análises de risco, verificamos os locais para avaliar a vulnerabilidade, as ameaças possíveis, todo o espectro des possibilidades. E nós estamos trabalhando para reduzir aqueles riscos que podem ser reduzidos”.

João Paulo II

A última vez que a Suécia teve a visita de um Pontífice foi quando João Paulo II celebrou uma missa para 16 mil pessoas no Globe Arena de Estocolmo, em 1989. Ele também fez uma visita ao túmulo de Santa Brígida, primeira Santa da Suécia.

A viagem realiza-se no âmbito do 500º aniversário da Reforma, que começou quando Martinho Lutero pregou suas 95 teses em latim na porta da Igreja de Todos os Santos em Wittenberg, Alemanha.

A Suécia, que se separou da Igreja Católica no século 16, tem uma forte herança luterana, apesar de ser um dos países mais secularizados do mundo.

Em 5 de junho passado, uma delegação ecumênica da Suécia esteve presente no Vaticano para a canonização de Maria Isabel de Hasselblad, fundadora da Ordem do Santíssimo Salvador de Santa Brígida. Ela havia sido beatificada pelo Papa João Paulo II em 9 de abril do ano 2000.

Reuters

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Madre Teresa de Calcutá é canonizada pelo papa Francisco em missa no Vaticano

madre-teresa-de-calcutaEm missa de canonização celebrada neste domingo (4) na Praça São Pedro, no Vaticano, o papa Francisco declarou santa Madre Teresa de Calcutá. A cerimônia contou com a presença de cerca de 120 mil fiéis de diversas partes do mundo.

A missão de Madre Teresa, segundo Francisco, permanece nos dias de hoje como um testemunho eloquente da proximidade de Deus junto aos mais pobres. O papa também se referiu à religiosa, de origem albanesa, como modelo de santidade para todos os agentes de misericórdia.

“Madre Teresa, ao longo de toda a sua existência, foi uma dispensadora generosa da misericórdia divina, fazendo-se disponível a todos, por meio do acolhimento e da defesa da vida humana, dos nascituros e daqueles abandonados e descartados.”

Referindo-se à nova santa, fundadora das Missionárias da Caridade, Francisco pediu que “esta incansável agente de misericórdia” ajude o mundo a entender que o único critério de ação é o amor gratuito, livre de qualquer ideologia e de qualquer vínculo e que é derramado sobre todos sem distinção de língua, cultura, raça ou religião.

“Levemos no coração o seu sorriso e o ofereçamos a quem encontremos no nosso caminho, especialmente àqueles que sofrem. Assim, abriremos horizontes de alegria e de esperança numa humanidade tão desesperançada e necessitada de compreensão e ternura”, concluiu o papa.

O processo de canonização de madre Teresa teve início com um milagre envolvendo o brasileiro Marcílio Haddad Andrino, morador da cidade de Santos (SP). Ele foi diagnosticado com hidrocefalia e uma infecção rara no cérebro, mas foi curado após sua esposa rezar pedindo a intercessão de Madre Teresa de Calcutá.

A religiosa, cujo nome verdadeiro é Agnes Gonxha Bojaxhiu, nasceu em uma comunidade albanesa no sul da antiga Iugoslávia. Ordenou-se freira na Índia, onde tomou o nome de Teresa. Em 1946, decidiu abandonar o convento e viver para os pobres. Sua atuação como missionária lhe rendeu o Prêmio Nobel da Paz em 1979.

Madre Teresa de Calcutá morreu em setembro de 1997 – seis anos antes de ser beatificada pelo papa João Paulo II.

Agência Brasil

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br