Arquivo da tag: pagaram

Mais de 27 mil candidatos da PB não pagaram a taxa de inscrição do Enem 2019, diz Inep

Ao todo, 27.427 candidatos da Paraíba não pagaram a taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, de acordo com o Instituo Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A Paraíba teve 147.181 candidatos com inscrições confirmadas.

A Paraíba havia registrado 174.608 inscrições no Enem 2019. O balanço, divulgado nesta terça-feira (28), considera o total de isentos e de pessoas que pagaram o boleto de R$ 85 que venceu na quinta (23). Em todo o Brasil foram contabilizadas 5,09 milhões de inscrições confirmadas. Os inscritos na Paraíba representam 2,9% do total do país.

O Enem 2019 também contará com 180 questões. No dia 3 de novembro serão realizadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias; redação; e ciências humanas e suas Tecnologias. Já no dia 10 de novembro serão aplicados os exames de ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

Com as notas obtidas no Enem 2019, os estudantes poderão ter acesso à educação superior, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e de programas como o Universidade para Todos (ProUni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Calendário

Junho

  • Dia 3: Começa o período de recurso relacionado ao nome social
  • Dia 5: Resultado do recurso relacionado ao atendimento especializado e específico
  • Dia 7: Termina o período de recurso relacionado ao nome social
  • Dia 7: Resultado do recurso relacionado ao nome social

Outubro

  • Divulgação do cartão de confirmação, com os locais de prova

Novembro

  • Dia 3: Aplicação das provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias / Redação / Ciências Humanas e suas Tecnologias
  • Dia 10: Aplicação das Provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias / Matemática e suas Tecnologias
  • Dia 13: Publicação dos gabaritos e dos cadernos de questões

 

 

G1

 

 

Justiça nega prisão de pessoas que pagaram para passar em concursos

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta sexta-feira a segunda fase da Operação Gabarito, que investiga fraudes em concursos Públicos na Paraíba e em outros estados do Nordeste. Foram expedidos 22 mandados de busca e apreensão e de prisão. Entretanto, os mandados de prisão são apenas contra os suspeitos de atuar ativamente na quadrilha. Nenhum “cliente” da organização foi preso.

O Ministério Público opinou pela prisão apenas dos integrantes da quadrilha. A justiça acompanhou a decisão do MP, entendendo ser desnecessária a prisão temporária no momento dos que pagaram para passar no concurso, mas opinando apenas pela busca e apreensão nas residências dos suspeitos.

Nesta manhã, foram presos uma estudante de medicina, dois policiais, um fiscal de obras da Prefeitura de Santa Rita e um funcionário do Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran), além de Dayane Nascimento de Sousa, irmã do agente de trânsito, Diogo Nascimento, morto no trânsito em João Pessoa. Todos esses são suspeitos de participar ativamente da organização que já atuou em pelo menos 60 concursos no Nordeste.

São apontados como “clientes” do grupo os seguintes suspeitos: Alvino Machado de Araújo Júnior, Daumarc Sales de Medeiros Rocha, Rita Polyanna Pedrosa de Almeida, Poliane de Alencar Holanda, Hemerson George Ferreira da Silva, Ronaldo Soares de Sousa, Ricardo Tavares de Melo Toscano de Brito, Francinaldo dos Santos Silva, Delosmar da Silva Albuquerque, Michel Domingos Vasconcelos, Victor dos Anjos Quirino, Mayara Rafaelle Nascimento Pimentel, João de Sousa Lima Filho, Carlos Alberto Oliveira Melo Junior, Wellington de Sousa Alves e Maria José Alves.

Diones Leite de Lima Santana, um dos presos na segunda fase da Operação Gabarito

Confira todos os alvos da segunda fase da Operação Gabarito:

  • Frideywid Henrique Omena Ferreira da Silva
  • Luiz Paulo Silva dos Santos
  • Dayane Nascimento de Sousa
  • Alexsandro Camilo de Sousa Barbosa
  • Alvino Machado de Araújo Júnior
  • Daumarc Sales de Medeiros Rocha
  • Rita Polyanna Pedrosa de Almeida
  • Poliane de Alencar Holanda
  • Hemerson George Ferreira da Silva
  • Ronaldo Soares de Sousa
  • Ricardo Tavares de Melo Toscano de Brito
  • Francinaldo dos Santos Silva
  • Delosmar da Silva Albuquerque
  • Michel Domingos Vasconcelos
  • Victor dos Anjos Quirino
  • Diones Leite de Lima Santana
  • Marcus Vinicius Pimentel dos Santos
  • Mayara Rafaelle Nascimento Pimentel
  • João de Sousa Lima Filho
  • Carlos Alberto Oliveira Melo Junior
  • Wellington de Sousa Alves
  • Maria José Alves.

 

ClickPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Brasileiros já pagaram R$ 300 bilhões em impostos

impostosO valor pago pelos brasileiros em impostos neste ano alcançou R$ 300 bilhões às 11h deste domingo (12), segundo o “Impostômetro” da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). No ano passado, o mesmo montante foi registrado somente em 21 de fevereiro, o que revela crescimento da arrecadação tributária.

Há um aumento real na arrecadação, mas essa alta tem que ser vista com cautela: ela ainda não se refere a uma elevação do nível de atividade, mas sim a aumentos de alíquotas de alguns tributos”, diz Alencar Burti, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp).

“A tendência, porém, é boa. Há indicadores que começam a se reequacionar, resultado das reformas do governo, que vêm produzindo os primeiros efeitos para tirar o País da recessão”, complementa.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Brasileiros já pagaram R$ 1,6 trilhão em impostos em 2016

impostoO valor pago pelos brasileiros em impostos neste ano alcançou R$ 1,6 trilhão nesta segunda-feira (24), segundo o “Impostômetro” da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). No ano passado, esse mesmo montante foi alcançado no dia 19 de outubro.

“Esse atraso de cinco dias em relação ao ano passado é consequência do ritmo mais fraco da economia. Mesmo assim, o peso da tributação para as empresas e para os consumidores continua o mesmo”, diz Alencar Burti, presidente da ACSP.

Segundo a associação, a primeira vez que o Impostômetro chegou a R$ 1 trilhão foi no dia 18 de dezembro de 2007 – o painel foi implantado em 2005.

Recorde em 2015
No dia 30 de dezembro de 2015, foi alcançada pela primeira vez em um ano a marca inédita de R$ 2 trilhões que foram pagos pelos brasileiros em impostos.

O Impostômetro completou uma década no ano passado. O painel eletrônico que calcula a arrecadação em tempo real está instalado na sede da associação, na Rua Boa Vista, região central da capital paulista. Outros municípios instalaram seus próprios painéis, como Florianópolis, Guarulhos, Manaus, Rio de Janeiro e Brasília.

O valor abrange o total de impostos, taxas e contribuições pagas pela população brasileira nos três níveis de governo (municipal, estadual e federal) desde 1º de janeiro de 2016.

O objetivo da ferramenta é conscientizar o cidadão sobre a alta carga tributária e incentivá-lo a cobrar os governos por serviços públicos de qualidade.

Pelo portal www.impostometro.com.br, é possível descobrir o que dá para os governos fazerem com todo o dinheiro arrecadado. Por exemplo, quantas cestas básicas é possível fornecer, quantos postos de saúde podem ser construídos. No portal também é possível levantar os valores que as populações de cada estado e município brasileiro pagaram em tributos.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Lula diz que ‘pedaladas’ pagaram Bolsa Família e casas

Pedro Ladeira/Folhapress
Pedro Ladeira/Folhapress

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça-feira que as “pedaladas fiscais” nas contas públicas cometidas pela presidente Dilma Rousseff em 2014 foram para garantir a continuidade de programas sociais. Lula fez a declaração durante um discurso para pequenos agricultores em São Bernardo do Campo, no ABC paulista.

— Estou vendo a Dilma ser atacada por conta de umas pedaladas. Eu não conheço o processo, mas uma coisa, Patrus, que vocês têm que falar é que talvez a Dilma, em algum momento, tenha deixado de repassar o orçamento para a Caixa (Econômica Federal), porque não tinha dinheiro. E quais eram as coisas que a Dilma tinha que pagar? Ela fez as pedaladas para pagar o Bolsa Família. Ela fez as pedaladas para pagar o Minha Casa, Minha Vida — afirmou Lula, dirigindo-se ao ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

O ex-presidente participa do 1º Congresso do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA). São esperados cerca de quatro mil camponeses de 19 estados brasileiros em cinco dias de evento. O tema do encontro é “Plano Camponês, Aliança Camponesa e Operária por Soberania Alimentar”. Haverá também uma feira com alimentos produzidos pelas famílias camponesas.

À noite, Lula estará na abertura do 12º Congresso da CUT ao lado do ex-presidente uruguaio Pepe Mujica em São Paulo. A presidente Dilma Rousseff decidiu participar de última hora da abertura do Congresso da CUT, como forma de atrair apoio dos movimentos sociais contra a proposta de impeachment.

POR JAQUELINE FALCÃO

Empreendedores de Bananeiras que já pagaram empréstimos podem solicitar novos créditos

 

empreenderO Prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, esteve na quarta-feira, 25 de março, acompanhado pelo Coordenador do Empreender Bananeiras, Daniel Guimarães, na Sede do Empreender Paraíba, em João Pessoa, onde foram recebidos pelo Secretário Tibério Limeira.

Durante o encontro ficou acertado que todos os empreendedores de Bananeiras que já terminaram o pagamento de suas parcelas ou anteciparam o pagamento de todo o débito, terão a oportunidade de renovar o crédito. Também Ficou combinado que os empreendedores que quiserem antecipar o pagamento do saldo devedor até o dia 6 de abril, terão o mesmo direito de renovação.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Para obter mais informações, os interessados devem comparecer na Casa do Empreendedor de Bananeiras.

Assessoria

Brasileiros já pagaram R$ 400 bilhões em impostos este ano

impostoO valor pago pelos brasileiros em impostos federais, estaduais e municipais neste ano alcançou R$ 400 bilhões por volta de 13h45 desta segunda-feira (16), segundo o “Impostômetro” da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).
“No ano passado o valor de R$ 400 bilhões do Impostômetro foi registrado no dia 24 de março, mostrando que houve aumento da arrecadação. E esse aumento é resultado da elevação de preços e do fim de isenções fiscais”, afirma Rogério Amato, presidente da ACSP.
O painel eletrônico que calcula a arrecadação em tempo real está instalado na sede da associação, na Rua Boa Vista, região central da capital paulista.
Pelo portal www.impostometro.com.br, é possível descobrir o que dá para os governos fazerem com todo o dinheiro arrecadado. Por exemplo, quantas cestas básicas é possível fornecer, quantos postos de saúde podem ser construídos. No portal também é possível levantar os valores que as populações de cada estado e município brasileiro pagaram em tributos.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Ano passado
Em 2014, o Impostômetro alcançou R$ 1,8 trilhão e bateu novo recorde. A soma representou recorde em relação ao volume de impostos pagos pelos brasileiros em 2013, que ficou em cerca de R$ 1,7 trilhão. Com o montante arrecadado em 2014 é possível comprar 2 bilhões de celulares ou mais de 22,5 milhões de casas, informa a associação.

 

G1

30% das prefeituras da Paraíba não pagaram o 13º

13 salarioA Federação dos Servidores Públicos Municipais da Paraíba (Fespmpb) estima que 30% das prefeituras do Estado ainda não efetuaram o pagamento do 13° salário para o funcionalismo, descumprindo o prazo estipulado em lei. O benefício deve ser pago até o dia 20 de dezembro, seja a segunda parcela, para quem antecipou a primeira metade, ou em parcela única. A entidade pretende acionar a Justiça para pedir o bloqueio de verbas dos municípios com pendências e garantir o recebimento do benefício ainda em 2013.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ao todo, a federação aponta que o problema poderá afetar cerca de 40 mil servidores em mais de 60 prefeituras entre os 223 municípios do Estado. De acordo com o presidente da Fespmpb, Francisco de Assis Pereira, o levantamento foi feito a partir das denúncias recebidas pela federação, que são encaminhadas pelos sindicatos que integram a entidade ou feitas diretamente por servidores públicos de várias partes do Estado.

Entre os municípios com pendências estão Queimadas e Massaranduba, na região do Agreste, além de Lagoa, no Sertão do Estado e Marcação na Zona da Mata paraibana.

“O balanço que nós temos aponta que mais de 30% das prefeituras estão sem pagar o 13° salário e estão sem perspectiva de pagar até o final do ano, infelizmente. Muitos servidores nos relatam que não conseguem sequer manter contato com os prefeitos nessa época do ano”, informou Pereira.

A federação orienta os sindicatos para que recorram à Justiça para obrigar que as prefeituras regularizem o 13° salário. “Os sindicatos devem entrar na Justiça para pedir o bloqueio de recursos para exigir o direito constitucional dos servidores. O gestor que não pagar o décimo terceiro dentro do prazo pode responder por improbidade administrativa”, alertou o presidente da Fespmpb, lembrando que o salário de dezembro também deve ser pago dentro do mês trabalhado.

SINTAB
O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste da Borborema (Sintab), que representa os servidores de 15 prefeituras na região de Campina Grande, informou que vai aguardar até a próxima segunda-feira, 30, para mover as ações judiciais.

Segundo Napoleão Maracajá, vereador em Campina Grande e presidente do Sintab, o atraso afetou principalmente os funcionários da saúde em Massaranduba e Queimadas.

“Vamos aguardar o pagamento, mas é algo que não tem justificativa. É um desrespeito ao servidor porque a gestão tem de guardar um percentual todos os meses para pagar o 13°. Se não paga é porque não fez a reserva ou utilizou estes recursos para outros fins”, avalia o sindicalista Napoleão Maracajá.

JP

Brasileiros pagaram mais de R$ 1,5 trilhão em impostos em 2012

O valor pagos pelos brasileiros neste ano em impostos federais, estaduais e municipais atingiu nesta sexta-feira (28), por volta da 19h, a marca de R$ 1,5 trilhão, segundo o “Impostômetro” da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).

Na comparação com o ano passado, a marca foi registrada com um dia de antecedência, já que em 2011 esse valor só foi registrado no painel no dia 29 de dezembro.

Segundo a associação comercial, até a meia-noite do dia 31 de dezembro os impostos pagos devem chegar à marca de R$ 1,556 trilhão.

Inaugurado em abril de 2005 pela ACSP, em parceria com o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPTx), o painel eletrônico que calcula a arrecadação em tempo real está instalado na sede da associação, na Rua Boa Vista, região central da capital paulista.

O total de impostos pagos pelos brasileiros também pode ser acompanhado pela internetna página do “Impostômetro”. Na ferramenta é possível acompanhar quanto o país, os estados e os municípios estão arrecadando em impostos.

G1