Arquivo da tag: ou vice

Trócolli prega aliança PMDB/PSDB, Cássio na cabeça de chapa e Vené para Senado ou vice

trocolli_serioO deputado estadual Trocolli Júnior (PMDB) defendeu abertamente, nesta quinta-feira (16), que o PMDB e o PSDB façam uma aliança para tirar o governador Ricardo Coutinho (PSB) do Palácio da Redenção. O peemedebista afirmou ainda que vários companheiros do partido já aceitam esse entendimento. O deputado também argumentou que o ex-prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego (PMDB), poderia ficar com a vaga para o Senado ou a vice-governadoria.

 

“Na verdade eu tenho defendido a candidatura do meu partido, o PMDB. Agora, imagino que com o afastamento do senador Cássio do atual governador, porque isso já está aí a olhos vistos em toda a Paraíba, se remonta uma nova geografia política no estado da Paraíba. E eu prego um entendimento entre o PMDB e o PSDB. Prego sim. Para que possamos construir uma Paraíba melhor”, defendeu.

 

Questionado se essa defesa não geraria um conflito com ex-prefeito Veneziano, candidato já lançado pelo partido ao governo do estado, Trócolli apelou para a maturidade dos peemedebistas.

 

“De forma alguma, porque nós somos maduros e temos maturidade necessária e tempo de serviço prestado na política da Paraíba, para imaginar que nós podemos sim… temos uma união de todos e na verdade eu prego que essa união venha a acontecer. Coisas mais difíceis já aconteceram na Paraíba. O maior opositor do ex-governador Cássio era Ricardo Coutinho e foi eleito governador por Cássio. O PMDB tem candidato, mas o PMDB está aberto ao diálogo não só com Cássio, se afastando do governador Ricardo Coutinho, mas com o Blocão das oposições que irá sem dúvida alguma levar o governador ao palácio da redenção”, argumentou.

 

Sobre qual seria a posição do PMDB numa chapa com Cássio, Trocolli explicou: “Isso tem que ser conversado. O PMDB tem duas vagas na chapa, de vice-governador e senador. Logicamente defendo critérios de pesquisas, lá para o mês de junho, havendo esse diálogo, e havendo essa pesquisa, quem estiver melhor vai para a cabeça de chapa e os demais ocuparão os demais cargos. Isso é o que eu defendo”, pontuou.

 

O deputado revelou ainda que fala em seu próprio nome que com cinco mandatos dentro do partido. “Irei levantar a minha voz por uma grande composição com o blocão e se houver o afastamento de Cássio, que já é fato aqui na Paraíba, a aproximação também do PSDB com o PMDB. Vários companheiros de partido aceitam essa composição e esse entendimento. Logicamente não é uma unanimidade, mas nós vamos trabalhar para ter a unanimidade em outubro próximo”, finalizou.

 

Paulo Dantas/Fernando Braz