Arquivo da tag: Número

Mesmo com pandemia da Covid-19, PB tem alta de 15% no número de assassinatos em março

A Paraíba teve uma alta de 15,5% no número de assassinatos em março deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado. É o que mostra o índice nacional de homicídios criado pelo G1, com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal.

De acordo com a ferramenta, houve 89 mortes violentas em março de 2020. No mesmo mês no ano passado, foram 77. O crescimento ocorre mesmo em meio à pandemia da Covid-19. Em relação aos crimes cometidos neste mês de março, o homicídio doloso lidera as estatísticas, com 88 assassinatos. A outra morte registrada foi um latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

Já considerando o trimestre, foram 264 vítimas de assassinatos neste ano contra 237 em 2019, uma diferença de 27 mortes e um crescimento de quase 11,3%.

A alta no início deste ano vai na contramão de 2019, que teve uma queda de 25% no número de assassinatos no primeiro trimestre do ano com relação ao mesmo período em 2018.

Os dados apontam que:

  • o estado teve 89 assassinatos em março de 2020
  • houve 12 mortes a mais na comparação com o mesmo mês de 2019, uma alta de 15,5%
  • já no trimestre de 2020, foram 264 crimes violentos, um crescimento de quase 11,3%

 

G1

 

 

Número de mortes por parada cardíaca em casa aumentou durante a pandemia

O cardiologista Bruno Robalinho afirmou que o número de mortes relacionadas a paradas cardíacas em casa tem aumentado consideravelmente durante a pandemia, tendo em vista que as pessoas estão sofrendo o infarto e se recusando a procurar o atendimento de emergência.

Ele destacou, durante entrevista à Rádio Caturité FM, que o atendimento do paciente infartado é fundamental para minimizar as chances de agravamento do caso.

Bruno explicou que se a pessoa está sentindo dor no peito de caráter intenso, por mais de 15 minutos, relacionada a esforço físico ou estresse emocional, é necessário procurar o serviço médico de urgência.

– Quanto mais cedo o paciente se submeter ao diagnóstico, mais cedo ele pode tornar o coração hábil a realizar todas as atividades de antes – afirmou.

 

paraibaonline

 

Guarabira tem 145 infectados por Covid-19; Centro e Cordeiro são bairros com maior número de pacientes

A Secretaria de Saúde de Guarabira divulgou no começo da noite deste sábado (16) novo boletim com os números sobre a Covid-19. Os infectados na cidade já somam 145 e a cidade continua liderando os números de infectados em toda a região. Dos infectados em Guarabira, 35 pacientes já foram recuperados e nenhum caso de morte foi registrado.

Os bairros Centro e Cordeiro continuam sendo os que mais apresentam incidência de infectados com o vírus, seguidos dos bairros Novo e Nordeste I.

A Paraíba registra 324 novos casos de Covid-19 e 13 óbitos confirmados causados pela doença. Assim, como previsto, a Paraíba atinge 4.063 casos de Covid -19. São 183 vítimas fatais e 1.087 pessoas que já se recuperaram, segundo informações das Secretarias Municipais de Saúde. Dos leitos de UTI para adultos ativados em todo o Estado, 62% estão ocupados. Na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação de UTI para adultos é de 74%. Apenas 47% da população seguiram a recomendação de Isolamento Social segundo a Inloco quando o Ideal é de 70%.

Os casos confirmados estão em 135 municípios paraibanos:

Alagoa Grande (21); Alagoa Nova (2); Alagoinha (14); Alhandra (53); Amparo (5); Araçagi (13); Arara (1); Areia (13); Areial (1); Aroeiras (5); Baia da Traição (18); Bananeiras (8); Barra de Santana (4); Barra de São Miguel (1); Bayeux (86); Belém (7); Boa Vista (1); Bom Jesus (1); Boqueirão (2); Borborema (1); Brejo do Cruz (1); Caaporã (117); Cabedelo (192); Cacimba de Dentro (2); Caiçara (10); Cajazeiras (29); Cajazeirinhas (1) Campina Grande (280); Capim (7); Casserengue (1); Catingueira (1); Caturité (1); Conceição (1); Condado (20); Conde (35); Congo (10); Coremas (8); Coxixola (3); Cruz do Espírito Santo (58); Cuité (1); Cuité de Mamanguape (1); Cuitegí (5); Curral de Cima (1); Duas Estradas (1); Esperança (11); Gado Bravo (4); Guarabira (145); Gurinhém (7); Igaracy (1); Imaculada (4); Ingá (1); Itabaiana (22); Itaporanga (3); Itapororoca (18); Itatuba (8); Jacaraú (2); João Pessoa (1540); Joca Claudino (1); Juarez Távora (4); Juazeirinho (15); Junco do Seridó (3); Juripiranga (17); Lagoa de Dentro (2); Lagoa Seca (8); Lastro (1); Logradouro (3); Lucena (29); Malta (4); Mamanguape (16); Mari (42); Marizópolis (4); Massaranduba (6); Mataraca (1); Matinhas (1); Matureia (1); Mogeiro (1); Monteiro (11); Mulungu (3); Natuba (1); Nova Floresta (1), Nova Olinda (1); Olho D´Água (1); Passagem (1); Patos (234); Pedras de Fogo (65); Piancó (6); Picuí (1); Pilar (15); Pilões (1); Pilõezinhos (9); Pirpirituba (7); Pitimbu (29); Pocinhos (1); Pombal (6); Princesa Isabel (4); Puxinanã (1); Queimadas (17); Quixaba (1); Remígio (16); Riachão do Bacamarte (14); Riachão do Poço (1); Riacho dos Cavalos (2); Rio Tinto (16); Salgado de São Felix (4); Santa Helena (1); Santa Luzia (4); Santa Rita (303); Santa Terezinha (1); São Bento (14); São João do Rio do Peixe (6); São José de Caiana (1); São José de Espinharas (2); São José de Piranhas (4); São José do Bonfim (2); São José do Sabugi (35); São José dos Ramos (4); São Miguel de Taipu (7); São Sebastião de Lagoa de Roça (7); São Vicente do Seridó (1); Sapé (106); Serra Branca (2); Serra da Raíz (5); Serra Redonda (2); Serraria (1); Sertãozinho (2); Sobrado (4); Solânea (10); Soledade (2); Sousa (62); Tacima (2); Taperoá (24); Teixeira (1); Uiraúna (2); Umbuzeiro (8); Vista Serrana (1).

 

portal25horas

 

 

Guarabira tem mais 11 infectados e número avança a 131 casos confirmados

A Secretaria de Saúde de Guarabira divulgou no começo da noite desta sexta-feira (15) novo boletim com os números sobre a Covid-19. Os infectados na cidade já somam 131 e a cidade continua liderando os números de infectados em toda a região.

Testes

O prefeito em exercício, Marcus Diogo (PSDB), anunciou hoje que a Secretaria de Saúde vai adquirir testes para acelerar a testagem e reduzir a subnotificação, visto que até agora apenas a UPA é referenciada para realizar testes e em algum momento tem faltado teste.

Marcus não disse quantos testes serão adquiridos e nem quando eles começarão a ser realizados pelo município.

No Estado

A Paraíba registra mais uma vez, o maior número de casos e em um único dia, são 378 novos casos de Covid-19 e 10 óbitos confirmados causados pela doença. Assim, a Paraíba atinge 3.739 casos de Covid -19. Destes, 170, infelizmente, faleceram e 1.069 já se recuperaram, segundo informações das Secretarias Municipais de Saúde. Outros 4.480 casos investigados já foram descartados para Covid-19. Dos leitos de UTI para adultos ativados em todo o Estado, 62% estão ocupados. Na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação de UTI para adultos é de 78%. O Índice de Isolamento social registrado pela Inloco no dia anterior é de 43%.

Os casos confirmados estão em 128 municípios paraibanos:

Alagoa Grande (19); Alagoa Nova (2); Alagoinha (14); Alhandra (50); Amparo (1); Araçagi (6); Arara (1); Areia (13); Areial (1); Aroeiras (5); Baia da Traição (8); Bananeiras (8); Barra de Santana (4); Barra de São Miguel (1); Bayeux (83); Belém (7); Bom Jesus (1); Boqueirão (2); Borborema (1); Brejo do Cruz (1); Caaporã (104); Cabedelo (189); Caiçara (8); Cajazeiras (29); Cajazeirinhas (1) Campina Grande (261); Capim (7); Casserengue (1); Catingueira (1); Conceição (1); Condado (20); Conde (32); Congo (10); Coremas (8); Coxixola (3); Cruz do Espírito Santo (34); Cuité (1); Cuité de Mamanguape (1); Cuitegí (5); Curral de Cima (1); Duas Estradas (1); Esperança (9); Gado Bravo (2); Guarabira (131); Gurinhém (7); Igaracy (1); Imaculada (4); Ingá (1); Itabaiana (22); Itaporanga (2); Itapororoca (18); Itatuba (4); Jacaraú (2); João Pessoa (1478); Joca Claudino (1); Juarez Távora (1); Juazeirinho (15); Junco do Seridó (3); Juripiranga (17); Lagoa de Dentro (2); Lagoa Seca (8); Lucena (24); Malta (4); Mamanguape (15); Mari (42); Marizópolis (4); Massaranduba (4); Mataraca (1); Matinhas (1); Matureia (1); Mogeiro (1); Monteiro (11); Mulungu (3); Natuba (1); Nova Floresta (1), Nova Olinda (1); Olho D´Água (1); Patos (219); Pedras de Fogo (38); Piancó (5); Picuí (1); Pilar (15); Pilões (1); Pilõezinhos (9); Pirpirituba (6); Pitimbu (19); Pocinhos (1); Pombal (6); Princesa Isabel (3); Puxinanã (1); Queimadas (17); Quixaba (1); Remígio (15); Riachão do Bacamarte (5); Riachão do Poço (1); Riacho dos Cavalos (2); Rio Tinto (15); Salgado de São Felix (4); Santa Helena (1); Santa Luzia (4); Santa Rita (288); Santa Terezinha (1); São Bento (11); São João do Rio do Peixe (6); São José de Espinharas (2); São José de Piranhas (3); São José do Bonfim (2); São José do Sabugi (4); São José dos Ramos (4); São Miguel de Taipu (7); São Sebastião de Lagoa de Roça (7); São Vicente do Seridó (1); Sapé (105); Serra Branca (2); Serra da Raíz (4); Serra Redonda (2); Serraria (1); Sertãozinho (2); Sobrado (4); Solânea (10); Soledade (2); Sousa (63); Tacima (2); Taperoá (19); Teixeira (1); Uiraúna (2); Umbuzeiro (7); Vista Serrana (1).

 

portal25horas

 

 

Covid-19: com 106 infectados em Guarabira, bairros Cordeiro e Centro têm maior número

A Secretaria de Saúde do Estado divulgou no começo da noite desta quarta-feira (13), a atualização dos casos de infectados pela Covid-19 e a cidade de Guarabira chegou ao total de 106 casos confirmados.

O município lidera a região em número de casos de pessoas infectadas na região. Os bairros com maior incidência de cassos são Cordeiro e Centro, com 13 registros, cada.

 

portal25horas

 

 

Número de policiais penais com Covid-19 aumenta 75% em menos de uma semana, na PB

O número de policiais penais com Convid-19 na Paraíba aumentou 75% em menos de uma semana, conforme o secretário de Administração Penitenciária da Paraíba (Seap), Sérgio Fonseca. Na última quinta-feira (7), a Seap havia confirmado 24 casos. Até a noite desta terça-feira (12), o número havia subido para 42 policiais penais infectados pelo coronavírus. Cinco profissionais já se recuperaram e voltaram ao trabalho.

Além disso, o número de detentos com Covid-19 também apresentou aumento exponencial. O crescimento foi de 500% no mesmo período exposto acima. Na última quinta-feira (7), três detentos testaram positivos. Até a noite desta terça-feira (12), o número já atingiu 18 detentos com Covid-19, todos do Presídio Romero Nóbrega, em Patos, no Sertão da Paraíba. Três presos já se recuperaram e 15 seguem em tratamento em João Pessoa.

De acordo com Sérgio Fonseca, os reeducandos infectados pelo coronavírus são de duas celulas distintas, mas vizinhas no pavilhão do presídio, as celas 26 e 27.

Nesta quarta-feira (13), a Defensoria Pública do Estado da Paraíba (DPE-PB) pediu à Secretaria de Estado da Administração Penitenciária que realizasse o teste para Covid-19 em todos os presos da Penitenciária Padrão Romero Nóbrega. No entanto, conforme o secretário, não há como fazer a testagem em massa, tendo em vista que a pasta segue o mesmo protocolo orientado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) para testar apenas as pessoas que apresentam sintomas.

Conforme explicou o secretário, a partir do momento que um policial penal apresenta sintoma da doença, ele comunica à direção do presídio e é afastado imediatamente. Após o período necessário para realização do teste rápido, ele submetido à testagem no Hospital Edson Ramalho ou por meio de drive-thru, na Penitenciária de Segurança Média Hitler Cantalice.

As unidades prisionais da Paraíba, segundo Sérgio Fonseca, estão passando por uma desinfecção, com uma substância “de efeito muito positivo no combate do coronavírus e de outras doenças” a cada dois ou três dias, além das limpezas diárias dos locais.

Apesar do número de casos confirmados atingir toda a Paraíba, segundo o secretário, a tendência é aumentar, devido ao contato que muitos policiais tiveram com outros.

No plano de contingência adotado no sistema penitenciário da Paraíba estão diversas medidas de prevenção à Covid-19, como a suspensão das visitas nas unidades prisionais, o que já ocorre desde o dia 20 de março; implementação de visitas virtuais através de vídeochamadas; utilização da Carceragem da Central de Polícia da Capital para custódia dos presos temporários da região metropolitana de João Pessoa para que cumpram a quarentena mínima de 14 (catorze) dias antes de sua inserção nas unidades prisionais.

G1

 

Número de óbitos por Covid-19 aumenta 70% em uma semana na Paraíba

A Secretaria de Saúde publicou nesta terça-feira (12) o Boletim Epidemiológico com avanço da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, na Paraíba.

De acordo com o documento, que abrange o acumulado até o dia 09 de maio de 2020, já foram confirmados 2156 casos, distribuídos em 92 municípios, sendo cerca de 75% desses concentrado na Região Metropolitana de João Pessoa.

Ainda segundo o boletim, houve um aumento na semana epidemiológica 19 de 70% no número de óbitos em apenas sete dias, chegando a 124 mortes no período.

Do total de confirmados 217 casos (10%) são profissionais da saúde, o município mais acometido pela pandemia é a Capital, enquanto Caaporã, Condado e Coxixola apresentam as maiores incidências da doença, seguido por João Pessoa, Santa Rita e Cabedelo.

Yves Feitosa

 

 

Covid-19: número de profissionais de saúde infectados sobe 153%

Com o avanço do Covid-19 na Paraíba, e extensão da doença para mais de 70 municípios, cresceu também o número de profissionais de saúde infectados pelo coronavírus no Estado. O percentual foi de 153,9% em uma semana, principalmente dos profissionais que estão na linha de frente do combate do vírus e tratando dos pacientes infectados.

Os dados são do boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), que aponta que o número de contaminados na categoria passou de 63, notificados até o último dia 28 de abril, para 160.

Devido ao aumento no número de infectados e de óbitos registrados no estado, o Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) propôs a criação de um gabinete de crise para a troca de informações diárias sobre a pandemia de Covid-19, para que as autoridades competentes possam tomar as decisões com base em evidências científicas.

Ontem o secretário de Saúde Geraldo Medeiros alertou que os próximos 15 dias podem ser os piores da Paraíba, visto que a doença está prestes a chegar no pico. Ele reforçou a importância do isolamento social nesse tempo de pandemia.

A Paraíba tem 1.493 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgadas nesta terça-feira (5). O número de mortes confirmadas por Covid-19 subiu para 92 no estado desde o início da pandemia. Cinco cidades da Paraíba registraram seus primeiros casos.

SL
PB Agora

 

 

Sobe para 10 o número de infectados por Covid-19 em Guarabira

Atualização Covid-19 | 01/05

Paraíba supera marca de mil casos de Covid-19
Em 24h foram registrados 108 novos casos e sete óbitos pelo novo coronavírus.

Casos Confirmados: 1034
Casos Descartados: 1831
Óbitos Confirmados: 74
Casos Recuperados: 177

Até esta sexta, 01 de maio, a Paraíba tem 1034 casos confirmados, 108 a mais que o último balanço publicado. Destes, 74, infelizmente, faleceram e 177 já se recuperaram, segundo informações das Secretarias Municipais de Saúde. Outros 1.831 casos investigados já foram descartados para Covid-19. Dos 370 leitos de UTI previstos no plano de Contingência para Coronavírus, 171 já estão ativos, 42% deles ocupados.

Os casos confirmados estão em 61 municípios paraibanos:

Alagoa Grande (2); Alagoa Nova (1); Alhandra (4); Araçagi (1); Areia (1); Barra de São Miguel (1); Bayeux (39); Bom Jesus (1); Boqueirão (1); Brejo do Cruz (1); Caaporã (3); Cabedelo (29); Caiçara (1); Cajazeiras (13); Campina Grande (53); Casserengue (1); Catingueira (1); Conde (16); Congo (1); Coremas (1); Coxixola (2); Cruz do Espírito Santo (3); Esperança (2); Guarabira (10); Gurinhém (1); Igaracy (1); Imaculada (1); Itabaiana (2); Itapororoca (4); João Pessoa (614); Junco do Seridó (3); Lagoa Seca (3); Lucena (4); Mamanguape (1); Mari (1); Marizópolis (3); Monteiro (1); Patos (21); Pedras de Fogo (6); Pilar (1); Pilõezinhos (1); Pitimbu (1); Pombal (2); Princesa Isabel (1); Queimadas (2); Riachão do Poço (1); Riacho dos Cavalos (1); Rio Tinto (4); Santa Helena (1); Santa Rita (96); São Bento (4); São João do Rio do Peixe (15); São José de Espinharas (1); São José de Piranhas (1); São José do Bonfim (1); Sapé (28); Serra Branca (1); Serra Redonda (1); Sousa (12); Taperoá (2); Umbuzeiro (3)

7 óbitos confirmados foram notificados:

Homem, idoso, 71 anos, início dos sintomas em 21/04, como comorbidade tinha insuficiência cardíaca, residia em Santa Rita, estava em hospital público, óbito no dia 29/04.

Homem, adulto, 39 anos, início dos sintomas em 22/04, sem comorbidade registrada, residia em João Pessoa, estava em hospital público, óbito no dia 29/04.

Homem, adulto, 57 anos, início dos sintomas em 15/04. Era portador de diabetes e doença cardiovascular. Residia em Santa Rita, estava em hospital público, óbito ocorrido no dia 30/04.

Homem, idoso,95 anos, início dos sintomas em 26/04, com comorbidades, hipertenso, cardiopata e com sequelas de AVC, residia em Umbuzeiro, estava em hospital público, óbito no dia 27/04.

Homem, idoso, 83 anos, início dos sintomas em 22/04, com comorbidade diabetes, residia em João Pessoa, estava em hospital público, óbito no dia 30/04.

Homem, adulto, 39 anos, início dos sintomas em 19/04, sem comorbidade registrada, residia em João Pessoa, estava em hospital público, óbito no dia 30/04.

Homem, idoso, 80 anos, início dos sintomas em 19/04, sem comorbidade registrada, residia em São Bento, estava em hospital público, óbito no dia 01/05.

Os dados epidemiológicos e de ocupação de leitos podem ser acompanhados em paraiba.pb.gov.br/coronavirus

 

Governo da Paraíba
Secretaria de Estado da Saúde

 

portal25horas

 

 

Número de casos confirmados de coronavírus cresce 404% em 15 dias na Paraíba

Após 15 dias do primeiro mês de casos confirmados de coronavírus na Paraíba, o estado registrou um crescimento de 404% de números confirmados e de 164% no de mortes pela doença. Os dados são da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Em 18 de abril, um mês após o primeiro caso confirmado, a Paraíba tinha 205 infectados com a doença e 28 mortes registradas. Atualmente, de acordo com os dados do boletim da SES de 1° de maio, há 1.034 casos da doença e 74 mortes em toda a Paraíba.

Nos últimos 15 dias também aumentou o número de cidades com casos confirmados, indo de 16 para 61 municípios. A região metropolitana de João Pessoa é a área com o maior número de casos, com 806 casos de Covid-19.

A capital paraibana é a cidade com a maior incidência da doença, 614. Em João Pessoa, de acordo com o mapa de contágio, os bairros com mais casos confirmados são Manaíra e Mangabeira, com 43 e 36, respectivamente.

Coronavírus na Paraíba, da primeira à última semana

A curva de crescimento dos casos de Covid-19 na Paraíba foi crescendo devagar nas primeiras semanas, uma vez que estavam sendo testados apenas os casos sintomáticos mais graves.

  • Ao final da primeira semana de casos confirmados, a Paraíba tinha cinco registros de pacientes.
  • No fim da segunda semana, em 2 de abril, já eram 29 casos confirmados e uma morte, a de um homem de 36 anos que morava em Patos. A primeira morte pelo novo coronavírus na Paraíba.
  • Na terceira semana, o número de casos subiu para 85, enquanto o de mortes já estava em 11.
  • Na quarta, foram registrados 120 novos casos, chegando a 205, com 28 mortes. O acréscimo se deu por conta da chegada dos testes rápidos para profissionais de saúde e segurança, que começaram a ser feitos na terça-feira (14).
  • Ao fim da quinta semana, 499 casos foram confirmados na PB. O número de mortes registrados foi de 49.
  • Na sexta semana, até este sábado (2), foram confirmados 1034 casos e 74 mortes. Segundo um estudo da Fiocruz, a velocidade do número de mortes na PB duplicam na mesma velocidade de que na Itália.

O que está sendo feito na Paraíba

Devido a proporção da doença, o Governo da Paraíba prorrogou o decreto estadual de restrição de serviços nas cidades com casos confirmados de Covid-19. Na mesma decisão, o uso de máscaras de proteção se tornou obrigatório em todo o estado.

O secretário de saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, declarou que a Paraíba vive o pico de coronavírus. Ele explicou que os números mais altos da doença devem perdurar ainda até o fim de maio, e caso não seja respeitado o isolamento social, a segunda quinzena do mês pode trazer um colapso na rede pública de saúde, que atualmente conta com 50% dos leitos de UTI ocupados.

G1