Arquivo da tag: Namorado

Meu namorado me traiu – 6 coisas para não fazer

Você foi traído? Como você reagiu? Era uma montanha-russa emocional que rodava entre raiva, descrença e sofrimento? Eu imagino que em um ponto ou outro todos esses pensamentos passaram pela sua cabeça:

“Como eu não sabia? Como eu pude ser tão burra?

“Eu odeio eles.”

“Preciso fazer esse traidor não bom pagar, e tenho várias ideias sobre como fazer isso”.

“Eu sou realmente tão inútil que ele / ela me machucaria assim?”

“Eu preciso encontrar um cara / garota que me aprecie, agora! Eu mereço melhor. E preciso deixá-los com ciúmes.

“Eu sinto muita falta dele. Como vou viver sem eles?

É sempre doloroso quando os relacionamentos acabam. Mas quando a traição está envolvida, geralmente é muito mais doloroso para uma pessoa que a outra, e a traição torna uma situação dolorosa muito pior. Isso deixa uma pessoa se sentindo completamente desrespeitada. A capacidade de confiar pode ser perdida. É rejeição em um nível totalmente diferente.

Vamos começar com algumas coisas que o site de sugar baby meu rubi sugere que você NÃO DEVE FAZER.

1. Não perca tempo tentando se vingar 

Uma das maneiras pelas quais as garotas voltam à sua traição é espalhar boatos que não são verdadeiros. Pode fazer você se sentir melhor por um tempo, mas no final, você apenas se faz parecer ainda mais desvalorizado. Pode não parecer assim para você, mas certamente parece assim para todos os outros. Não se rebaixe retaliando, mas diga a si mesmo: “Sou bom demais para isso”.

Algumas pessoas tentam retaliar fazendo algo para se machucar. Isso não faz muito sentido, mas ainda acontece. Sabe-se que as meninas namoram homens de quem não gostam, a fim de se vingar do cara que amam.

2. Não recupere na mesma direção

Não se apresse. Além disso, não entre em um relacionamento assim que estiver solteiro. Seguir em frente leva tempo e afogar sua tristeza forçando-se a um relacionamento pode não ser a melhor ideia. Mantenha-se positivo. Mesmo tente ficar solteiro por alguns meses para descobrir o que você quer, quem você não quer e manter uma mente aberta sobre relacionamentos e pessoas.

Não se apresse. Além disso, não entre em um relacionamento assim que estiver solteiro.

Não importa como você tente encobri-lo, as pessoas que são traídas quase sempre sentem que foram desrespeitadas, desvalorizadas ou depreciadas aos olhos de outras pessoas. É muito parecido com aquele sentimento doentio que você sente quando alguém faz algum comentário terrivelmente desagradável sobre você. Sentindo um grande buraco no interior que está gritando para ser preenchido, a tentação é preencher rapidamente esse vazio com outro namorado. No entanto, encontrar outro namorado o mais rápido possível (o mais rápido possível) pode não ser a melhor maneira de encontrar um caro. Você pode acabar em outro relacionamento de traição.

Se você quer passar para o próximo namorado e não quer o mesmo tipo de cara o nº 1 não aparece no mesmo lugar em que conheceu o 1º namorado. Antes que outro relacionamento seja estabelecido, você deve primeiro estar mentalmente, emocionalmente e espiritualmente, porque um novo namorado, por melhor que seja, não pode fazer com que você atinja o nível de perfeição necessário para lidar com os desafios de um relacionamento!

3. Não carregue a culpa de outras pessoas 

Quando as pessoas traem, é sua decisão e sua responsabilidade. No entanto, os que são traídos costumam ficar se perguntando o que fizeram de errado. Quando os pais se separam, são os filhos que muitas vezes acabam se sentindo culpados. Certamente, uma pessoa pode ser responsável em parte por alguém sair de um relacionamento, mas, ao trair, o traidor é totalmente responsável por suas ações. Nós realmente nunca nos safamos de nada. Por fim, todos responderemos a Deus por tudo o que fazemos, dizemos e pensamos.

4. Não deixe que uma ferida ruim apodreça

Nunca se apresse em um relacionamento, porque muitas coisas vão mal e alguém acaba machucado. Encontre uma maneira saudável de seguir e frente, apenas tentando esquecer o cara para relaxar e gostar de ficar solteira ou começar a procurar um cara novo.

Mesmo sendo enganado em cortes muito profundos, embora possa não parecer agora, as feridas acabam se curando. Se, no entanto, eles puderem ser infectados, a infecção poderá causar mais danos a longo prazo do que o corte inicial. A amargura é a infecção que faz com que uma ferida a curto prazo se torne uma aflição a longo prazo. Ao amamentar e revisar repetidamente as terríveis ações de seu ex-namorado e o quão terrivelmente você foi ferido, a ferida se anima. Eventualmente, esse evento fica tão enraizado no seu pensamento que molda a maneira como você vê todos os outros relacionamentos de namoro. Então, de certa forma, você leva a infecção desse ex traidor com você para todo relacionamento futuro até que você o perdoe e o solte.

5. Não se envolva em encontros suicidas

Por que algumas garotas continuam atraindo e namorando traidores conhecidos? Você pensaria que eles aprenderiam com seus erros anteriores. Muitas vezes isso acontece porque essas meninas têm o desejo secreto de domar o homem selvagem. Eles acham que podem fazer dele um cara melhor. Se você quer perigo e emoção, se não se importa com relacionamentos comprometidos a longo prazo, e ser traído não o incomoda. Mas se você procura amor com traidores conhecidos, está procurando os lugares errados.

6. Não pense que você é a exceção

Se você quer passar para o próximo namorado e não quer o mesmo tipo de cara não procure no mesmo lugar que conheceu o 1º namorado.

O cara mais provável de trair é aquele que já fez isso antes. Então você pensaria que as meninas evitariam traidores anteriores como uma praga. Mas isso está longe do que acontece. Sempre há outra garota disposta a lhes dar uma chance.

Agora, há coisas que podem acontecer que mudarão um sujeito em seu âmago, coisas tão dramáticas que sua inclinação para trair e sua fraqueza por tentação se transformam em uma sólida fidelidade. Mas raramente esse tipo de mudança vem simplesmente de um relacionamento com a próxima garota, nem mesmo você.

Domesticar o traidor faz com que uma garota se sinta melhor do que a garota ou meninas que não podiam. A razão mais comum pela qual as meninas se envolvem com traidores conhecidos é que elas pensam que serão a exceção. Não se empolgue com palavras lisonjeiras sobre o quão melhor você é do que a última namorada dele com a qual ele traiu.

Não importa quão incrível você seja (e você é), o problema é com ele, não com você. Portanto, não perca de vista sua autoestima. Se você está amando de todo o coração e tratando o sujeito com respeito, deve receber o mesmo em troca.

 

Mulher é agredida por namorado após ele ter crise de ciúmes, em João Pessoa

Uma mulher foi agredida pelo namorado após ciúmes, nesta terça-feira (16), no bairro do Valentina, em João Pessoa. De acordo com a Polícia Militar, a mulher contou que estava conversando com o namorado, quando falou o nome de um ex-namorado enquanto conversava com ele. Nesse momento, o homem começou a agredir a mulher.

A Polícia Militar foi acionada. No entanto, quando a equipe chegou ao local, o homem já tinha fugido. Conforme o posto da PM no Hospital de Trauma, ele é da cidade de Patos e a suspeita é que ele tenha fugido em direção ao Sertão.

A mulher, de 32 anos, foi socorrida pela viatura da Polícia Militar ao Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Ela recebeu os atendimento médicos de emergência e recebeu alta por volta das 23h da terça-feira.

G1

 

Mulher diz ter sido estuprada na frente do namorado em Esperança

sireneUma mulher denunciou à polícia que foi estuprada na cidade de Esperança, no Agreste paraibano, na noite da terça-feira (26). De acordo com a Polícia Civil, ela contou que estava andando com o namorado quando foi abordada por um homem armado que ameaçou os dois e a estuprou.

O caso teria acontecido por volta das 21h30 nas proximidades do Fórum Samuel Duarte, na rua Nelson Andrade Oliveira. Conforme o relato dela aos policiais, o suspeito estava vestido de calça e casaco de cor preta e pilotando uma motocicleta Honda Pop. Segundo a polícia, ele abordou o casal, roubou os celulares e estuprou a mulher.

Após o crime, o homem teria fugido em direção ao bairro Portal, de acordo com o relato da mulher. O casal acionou a Polícia Militar, que fez rondas na região, mas nenhum suspeito foi encontrado. A Polícia Civil informou que já solicitou ao Instituto Médico Legal (IML) um exame sexológico. O laudo deve sair nos próximos dias.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

“Parece que a minha vida parou”, desabafa jornalista estuprada e torturada por sogra dos filhos e namorado dela

rosimaraA jornalista Rosimara Aparecida Dias Domingos, de 43 anos, está em estado de choque. Na última quarta-feira, foi agredida, torturada e estuprada pela sogra dos filhos e o namorado da suspeita dentro da própria casa, na cidade de Dom Cavati, em Minas Gerais – o casal foi preso poucas horas depois, e autuado em flagrante por tentativa de homicídio e estupro. Não consegue mais sair de casa, comer direito ou dormir em paz. As cerca de duas horas de pesadelo que viveu não saem da cabeça, e parecem mais vivas do que nunca.

— Sinto medo, pavor. É como se eu não estivesse vivendo. Parece que eu é que fui presa, e não eles. Sinto que vou morrer a qualquer momento. Acordo todas as noites apavorada. Qualquer barulho que ouço, penso que são os dois se aproximando. Eles ainda parecem presentes. Não sei como será a minha vida daqui para a frente — desabafa.

Eram cerca de 2h de quarta-feira quando Efigênia Dias de Moraes Barros, de 41 anos, e o namorado, Julimar Custódio de Oliveira, de 32 anos, apareceram na casa de Rosimara. Segundo a jornalista, Efigênia disse que precisava falar sobre algo relacionado aos dois genros – seus filhos, de 21 e 22 anos, são casados com as filhas da suspeita. Como de costume, Rosimara a recebeu e começou a preparar um café para a mulher. Foi quando algo inesperado aconteceu.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

— Eu costumava emprestar a ela cheques em branco para que deixasse como garantia em um açougue, onde comprava fiado. Ela disse que me devolveria até o dia 30, o que não aconteceu. Então fui até o açougue saber se estava lá. E não estava. Fiquei intrigada, onde poderia estar? Mas deixei para lá, pois ela era praticamente da família, e imaginei que fosse me devolver. Ela soube disso, e, enquanto preparava o café, me questionou sobre isso. Disse que eu a havia desmoralizado no açougue. Foi quando ela me deu um tapa no rosto e disse que iria “acertar as contas” comigo — relata.

Dois filhos da jornalista são casados com filhas de Efigênia
Dois filhos da jornalista são casados com filhas de Efigênia Foto: Reprodução / Facebook
Durante a sessão de tortura, a jornalista relata que levou socos e tapas no rosto
Durante a sessão de tortura, a jornalista relata que levou socos e tapas no rosto

Dali em diante, Rosimara ficou sob poder do casal. A jornalista conta que tentava se justificar, mas que recebia em troca tapas e socos. Segundo ela, após as primeiras agressões, os dois a arrastaram até o quarto, onde foi abusada sexualmente sob a mira de uma faca.

— Eles tiraram a minha roupa e começaram a me tocar. Diziam que “a brincadeira estava só começando”. Sempre que resistia, levava tapas e socos. Ela dizia que ia me matar a todo momento — lembra.

Rosimara conta que a agressora feriu seu braço com uma faca
Rosimara conta que a agressora feriu seu braço com uma faca Foto: Divulgação / Arquivo Pessoal

Quando a agressora foi até o quarto ao lado desligar o telefone de Rosimara, que tocava insistentemente, a jornalista viu ali uma oportunidade de fugir. Desceu correndo as escadas e foi até o meio da rua pedir ajuda. Porém, acabou arrastada de volta para casa, onde foi submetida a outras agressões.

— Ela disse que a brincadeira ficaria diferente, e começou a arrastar a faca pelo meu corpo, pescoço, rosto. Eu implorava para ela não me matar, para pensar em nossos netos. Mas ela retribuía com socos, e dizia que estava com muita raiva de mim. Até que me levou para debaixo do chuveiro, pois estava muito ensanguentada, e disse que me mataria no banheiro. E mandou o namorado amolar a faca — conta.

No fim das contas, o casal mudou os planos e acabou fugindo em um carro. Quando Rosimara percebeu que a casa estava vazia, desceu as escadas correndo, trancou a porta e ligou desesperada para a família. Vinte minutos depois, a irmã chegou e a levou até um pronto-socorro do município de Inhapim e, em seguida, para o quartel da Polícia Militar. Rosimara conta que teve um pequeno coágulo de sangue na parte frontal do cérebro, uma fratura na face – acima do olho – e que levou pontos no braço.

Casal foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio e estupro
Casal foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio e estupro Foto: Reprodução / TV Super Canal

Por volta das 6h, os suspeitos foram presos pela polícia em casa, e levados até a delegacia da cidade. Efigênia e Julimar estão presos no Presídio de Inhapim. Segundo a polícia, Efigênia confessou o crime. A Polícia Civil informou que as motivações do crime estão em investigação, e que testemunhas serão ouvidas sobre o caso. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher de Caratinga.

— Tenho medo de que eles sejam soltos, pois são réus primários. Só vou ficar tranquila quando forem condenados — desabafa.
Extra

Filha do ex-jogador Edmundo faz fotos sensuais para o namorado fotógrafo

Foto: Reprodução / Instagram
Foto: Reprodução / Instagram

Apelidada carinhosamente de Edmundinha pela família, Ana Carolina Sorrentino cresceu. E muito! A filha ex-atacante Edmundo, de 20 anos, fez fotos sensuais para o namorado Caio Novas Lins, que é fotógrafo e fez um ensaio com algumas mulheres para mostrar o lado sexy delas, inclusive o da filha do Animal. A jovem compartilhou uma foto nas redes sociais em que aparece de costas vestida apenas com uma saia.

Em outra imagem publicada pelo namorado, Ana Carolina está de perfil. Já na terceira foto, a filha de Edmundo está com os pés em cima de asas de anjo.

“Sobre ser cobaia do namorado”, afirmou a garota ao postar a sua foto no Instagram.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Ana Carolina Sorrentino, filha do ex-jogador Edmundo, faz fotos sensuais para o namorado fotógrafo
Ana Carolina Sorrentino, filha do ex-jogador Edmundo, faz fotos sensuais para o namorado fotógrafo Foto: Reprodução / Instagram
Ana Carolina Sorrentino, filha do ex-jogador Edmundo, faz fotos sensuais para o namorado fotógrafo
Ana Carolina Sorrentino, filha do ex-jogador Edmundo, faz fotos sensuais para o namorado fotógrafo Foto: Instagram / Reprodução
Ana Carolina Sorrentino é filha do ex-jogador Edmundo

 

Extra

Jovem é morta a tiros em motel; irmã estava junto e culpa namorado da vítima

motelUma jovem de 18 anos foi assassinada com um tiro no rosto, na noite desse domingo (12), dentro de um quarto de motel, em Campina Grande. O crime aconteceu por volta das 22h50, no bairro do Serrotão. De acordo com o delegado Francisco de Assis, da Delegacia de Crimes Contra a Pessoa, o principal suspeito do crime é o namorado da jovem. O casal estava acompanhado da irmã dela e de um outro rapaz.

Segundo relatos de uma funcionária do motel à Polícia Militar, o grupo chegou ao local em um carro branco e poucos minutos depois o mesmo veículo saiu do motel em alta velocidade, derrubando o portão do estabelecimento. Ela disse à polícia que, antes da saída do carro, havia ouvido um barulho vindo da direção de um quartos do motel.

Um grupo de funcionários foi até o cômodo para verificar o que tinha acontecido e, ao chegar lá, encontrou a jovem ferida. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi até o local, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

A irmã da vítima procurou à polícia ainda na noite desse domingo. Ela contou ao delegado Francisco de Assis que foi o namorado da irmã quem disparou o tiro. Ele teria se irritado após a jovem se negar a fazer sexo com ele, alegando estar menstruada. A irmã da vítima disse que após atirar contra a jovem, o suspeito a ameaçou, bem como ao seu acompanhante. Ela e o parceiro teriam sido obrigados a fugir do local junto com o suspeito. Ao sair do motel, o suspeito mandou que o outro homem deixasse a irmã da vítima em casa, segundo depoimento da moça à polícia. Até a manhã desta segunda-feira (13), os dois homens não haviam sido localizados.

A polícia analisou imagens do circuito de câmeras do motel e descobriu que a placa do carro em que o grupo estava na verdade corresponde a de uma motocicleta registrada em Goiana, Pernambuco.

 

portalcorreio

48% dos jovens acham errado mulher sair sem o namorado

casalApesar de reconhecerem que o Brasil é um país machista, a maioria dos jovens ainda acredita e reforça comportamentos que reprimem as mulheres e as colocam em posição de desigualdade em relação aos homens. Em pesquisa divulgada nesta quarta-feira (3), 48% deles dizem achar errado a mulher sair sozinha com os amigos, sem a companhia do marido, namorado ou “ficante”. O levantamento foi feito pelo Instituto Avon e Data Popular com 2.046 jovens de 16 a 24 anos de todas as regiões do país – sendo 1.029 mulheres e 1.017 homens. Na entrevista realizada pela internet, 96% afirmam viver em uma sociedade machista. Ao mesmo tempo, 68% dizem achar errado a mulher ir para a cama no primeiro encontro e 76% criticam aquelas que têm vários “ficantes”. 80% afirmam que a mulher não deve ficar bêbada em festas ou baladas.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A pesquisa também mostra ser comum nos namoros o controle excessivo por parte dos meninos sobre a vida das garotas e que elas ainda são vítimas constantes de assédio, constrangimento e intimidação nos espaços públicos.

Assédio – 78% das jovens entrevistadas relatam já ter sofrido algum tipo de assédio como cantada ofensiva, abordagem violenta na balada e ser beijada à força. Três em cada dez garotas dizem ter sido assediadas fisicamente no transporte público.

Namoros – No relacionamento entre os jovens aparecem com frequência ações de controle e violência contra as garotas: 53% delas dizem que já tiveram o celular vasculhado, e 40% que o parceiro controla o que fazem, onde e com quem estão. 35% relatam que foram xingadas pelo namorado; 33%, impedidas de usar determinada roupa.

Sexo – Entre as mulheres, 9% contam que já foram obrigadas a fazer sexo quando não estavam com vontade, e 37% que já tiveram relação sexual sem camisinha por insistência do parceiro.

G1

Ex de uma garota de 14 anos grávida mata atual namorado com três tiros

assassinatoUm triângulo amoroso terminou em tragédia na noite desta segunda-feira (13), em Luziânia (GO), região do Entorno do DF. Um jovem, de 18 anos, identificado apenas como Murilo, foi assassinado pelo ex-companheiro da namorada, de 14 anos.

De acordo com a Polícia Militar, o casal estava assistindo a televisão na casa da vítima, quando o suspeito chegou e deu um tiro em Murilo, que conseguiu correr para o quarto. No local ele ainda foi atingido por outros dois tiros.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ainda segundo a polícia, a adolescente está grávida de três meses. O pai é o jovem assassinado.

Testemunhas que presenciaram o crime dizem que o suspeito atirou contra a vítima na frente de duas crianças. Uma delas tem cinco e a outra oito anos.

R7

Menina de 13 anos morre após simular enforcamento para assustar namorado

A estudante Ana Caroline da Silva Vieira, de 13 anos, morreu no fim da noite desta sexta-feira (26). De acordo com familiares, a jovem teria se enforcado com uma corda usada para amarrar uma rede de embalo, na residência onde morava com a família, no bairro Santa Etelvina, Zona Norte de Manaus.

A irmã da vítima, a também estudante Ana Ruth Silva, de 26 anos, disse que Ana Caroline estaria brincando quando acabou asfixiada. Ela chegou a receber socorro, mas morreu a caminho do hospital. Familiares acreditam que ela queria assustar o namorado simulando que estaria enforcada.

Ana Ruth contou que seu pai teria pedido para ela guardar a rede que estava amarrada pela corda na sala da casa. A irmã teria se oferecido e foi retirar a rede. Neste momento o namorado da vítima teria chegado ao local. A adolescente teria começado a brincar com a corda simulando um enforcamento. “O namoradinho dela, que estava com uma amiga, ainda pediu para ela parar com a brincadeira”, revelou Ana Ruth. Segundo a irmã, o namorado da adolescente e os sobrinhos da menina saíram para comprar salgados em um estabelecimento próximo à residência e Ana Caroline teria continuado na sala onde estava a rede. Os outros familiares estariam em outros cômodos da casa.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com Ana Ruth, após alguns minutos, o namorado da vítima e as duas crianças retornaram, encontrando Ana Caroline pendurada com a corda no pescoço. “Acho que o sofá escorregou e ela não conseguiu tirar a corda do pescoço. Meu pai tentou reanimá-la, mas ela deu um último suspiro e morreu. Ela ainda foi levada para o SPA da Galileia, mas já chegou morta”, disse.

Familiares não acreditam que a adolescente tenha se enforcado de forma proposital. A irmã contou ainda que os pais estão muito abalados. O laudo preliminar do Instituto Médico Legal (IML) aponta asfixia mecânica como causa da morte. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve investigar o caso.

G1

Novo aplicativo avisa seu namorado se você está traindo

Foto: MilosStankovic / Getty Images
Foto: MilosStankovic / Getty Images

Depois dos aplicativos de paquera, agora um novo app promete colocar “lenha na fogueira” nos romances. O Faceboi, criado em junho deste ano, permite que seu namorado receba mensagens anônimas de amigos avisando se você está “pulando a cerca” ou foi vista com outro cara.

O programa funciona junto com o Facebook, utilizando a rede de contatos do seu parceiro, e somente homens podem se inscrever.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Na descrição, o desenvolvedor lança a pergunta “Longe da gente fazer inferno na vida dos outros, mas será que aquele ‘choppinho com as amigas’ terminou numa noite de queijos e vinhos entre a sua gata e aquele carinha novo do trabalho?”. A ideia é que se um colega dele vir você com outro homem possa avisá-lo sem comprometer a amizade, e vice-versa. As mensagens são trocadas por meio de hashtags autoexplicativas, como “#olhonopersonal”, “#amigogay” ou “#notrabalho”.

Por enquanto, o Faceboi funciona apenas com Android 2.3.3 ou superior e é gratuito.

Será que a onda pega? E você, o que acha?

Foto: Google Play / Reprodução
Terra