Arquivo da tag: Mulungu

Com ajuda de sobrinho, ex-genro mata idoso a pauladas e golpes de foice em Mulungu

Um crime com requintes de crueldade foi registrado na madrugada deste sábado (21) no município de Mulungu, localizado no brejo da Paraíba.

O idoso João José da Silva, 68 anos,  foi assassinado a pauladas e golpe de foice pelo ex-genro e seu sobrinho, um menor de 16 anos de idade.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O corpo do idoso foi só encontrado pela manhã.

A Polícia Militar e a Polícia Cívil agiu rápido e conseguiu chegar aos autores do crime.

 

Acusados: o menor teve a imagem desfigurada em respeito a lei

Acusados: o menor teve a imagem desfigurada em respeito a lei

Vítima encontrada sem vida pela manhã

Vítima encontrada sem vida pela manhã

Da Redação 
Do ExpressoPB

Em comício relâmpago em Mulungu, Ricardo Coutinho recebe novas adesões

ricardoDurante um comício relâmpago na noite desta quarta-feira (15), na cidade de Mulungu, no Brejo paraibano, o governador Ricardo Coutinho (PSB), da coligação ‘A Força do Trabalho’, recebeu novas adesões a sua candidatura a reeleição.

Aderiram ao socialista o candidato a vice-prefeito de Mulungu pelo PT em 2012, Ribeiro Rodrigues e os ex-vereadores Antônio Doutor (PMDB) e Estenislau Ribeiro de Lucena (PDT).

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Para centenas de pessoas que lotaram a Rua João Pessoa, o governador agradeceu as novas adesões voltou a criticar a falta de investimentos da gestão do PSDB na região do Brejo. “Não há uma obra importante feita por meu adversário. A Paraíba foi completamente esquecida durante os sete anos em que ele governou nosso Estado”, lamentou o socialista.

Ricardo foi recebida na cidade pela prefeita Darc Bandeira (PSB), que destacou investimentos na cidade durante a gestão socialista.

Durante sua fala, Ricardo Coutinho agradeceu as novas adesões voltou a criticar a falta de investimentos da gestão do PSDB na região do Brejo: “Não há uma obra importante feita por meu adversário”, disse o socialista.

 

Assessoria

Mulungu: Tio é suspeito de assassinar o sobrinho com tiro de espingarda calibre 12

As polícias civil e militar prenderam na tarde desta quinta-feira (4), um homem acusado de ser o assassino do vaqueiro na cidade de Mulungu. O crime aconteceu na manhã dessa quinta-feira, por volta das 9h, quando Neco como a vítima era conhecida, foi pego numa emboscada.

O acusado de ser o assassino é Francisco de Assis Andrade, tio da vítima. Assis é ex-presidiário, cumpriu pena por tráfico de drogas e homicídio.

Segundo as primeiras informações dadas pela polícia, a esposa de Neco era vítima de assédio por parte do acusado. Ele teria oferecido cerca de R$ 50 reais para transar com Ednalva dos Santos Souza, 23 anos, e provavelmente o marido tomou conhecimento da história.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ao saber do assédio do tio à sua esposa, Neco chegou as vias de fatos com o ele, sábado passado.

Nossa equipe de reportagem, participou de uma coletiva dada a imprensa pelo superintendente de polícia civil, Luciano Soares, onde o acusado foi apresentado.

IMG-20140904-WA0013

portalmidia

Vaqueiro é alvejado com tiro que despedaçou seu crânio, na zona rural de Mulungu

mortoNa manhã desta quinta-feira(04), por volta das 08:30hrs , segundo informações  repassadas pela polícia, Manoel  Eudes dos Santos, de 31 anos de idade, residente no conjunto habitacional Aquiles Leal , em Mulungu, trafegava na estrada que dá acesso ao seu local de trabalho, a Fazendo Santa Terezinha, onde o mesmo era Vaqueiro, no trajeto , o vaqueiro sofreu um disparo na cabeça e veio a óbito na mesmo hora e lugar.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Segundo a esposa da vítima, Ednalva dos Santos Sousa, seu marido não tinha envolvimento com drogas ou algo que o colocasse no mundo do crime. A mesma ficou em estado de choque após receber a notícia e foi encaminhada para  receber atendimento médico.

Segundo informações da Polícia e como percebe-se ao olhar o estado em que o crânio da vítima ficou após o disparo , a arma utilizada no crime foi de grosso calibre. Policias trabalham na tentativa de identificar a autoria do crime.

Da Redação/ManchetePB

Acidente deixa um morto e dois feridos na rodovia entre Alagoinha e Mulungu

Um trágico acidente foi registrado no início da noite deste sábado (02) na Rodovia PB-066, que interliga os municípios de Alagoinha e Mulungu, deixando três vítima, sendo uma fatal.

A vítima fatal, identificada como Edvan Francisco Nascimento, 49 anos, residente no Sítio Munbuca, em Alagoinha, conduzia um clicomotor Jonny, de cor vermelha, quando atingiu um homem identificado, até o momento, apenas como Nazaré. Este transitava a pé pelo acostamento. Edvan perdeu o controle do veículo e caiu na pista.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A terceira vítima, identificada como Edson Luis de Oliveira, 29 anos, reside em mulungu, vaqueiro, conduzia uma motocicleta, de placa NQT 6607 de Alagoa Grande, não conseguiu desviar de Edvan  e bateu no mesmo, que morreu no local.

Edson sofreu apenas escoriações e foi conduzido para o Hospital Regional de Guarabira, já Nazaré também foi levado contudo, em estado grave, deve ser transferido para o Hospital de Emergência e Trauma, em João Pessoa.

(Foto: Jbeaguiar)

Da Redação / Nordeste1.com

Insegurança: Bandidos explodem agência do BB e metralham delegacia de polícia em Mulungu

Policial .A agência do Banco do Brasil do município do Mulungu foi explodida na madrugada desta sexta-feira (30). Além do banco os bandidos também metralharam o prédio da delegacia de polícia.

Por volta das 2 horas da madrugada, os moradores escutaram uma grande explosão e logo em seguida uma sequência de tiros que durou cerca de cinco minutos.

A Polícia Militar foi acionada ao iniciar as investigações deparou-se com agência do Banco do Brasil destruída e a delegacia metralhada.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com a polícia, o alvo dos bandidos era o caixa eletrônico da agência de onde eles levaram todo o dinheiro que seria utilizado para o pagamento dos servidores do Estado.

Paulo Cosme\David Martins

Ex-prefeito de Mulungu tem direitos políticos suspensos e deve pagar R$ 230 mil

achilles leal filhoEm ação do Ministério Público Federal (MPF), o ex-prefeito de Mulungu (PB) Achilles Leal Filho  foi condenado por improbidade administrativa. A Justiça Federal suspendeu os direitos políticos dele por cinco anos, o condenou a ressarcir o dano de R$ 115.300,00, fixou multa civil de igual valor (R$ 115.300,00) e proibiu o ex-gestor de contratar com o poder público ou receber benefícios, incentivos fiscais ou creditícios pelo prazo de cinco anos.

A ação foi proposta pelo MPF em 11 de setembro de 2008, devido à malversação dos recursos dos Convênios nº 25/2001 e nº 27/2001, firmados com o Ministério da Integração Nacional para reconstrução de moradias nacidade.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook
Na sentença, a Justiça destaca que é incontroverso o desvio de verba repassada pela União ao município de Mulungu (PB) através dos dois convênios. “Não há dúvida de que o réu malversou verbas públicas atinentes aos Convênios nº 25/2001 e 27/2001, ocasionando um prejuízo conjunto de R$ 115.300,00”.

Segundo o procurador da República José Godoy Bezerra de Souza, o MPF recorrerá pedindo o aumento da condenação. A sentença foi proferida em 13 de novembro de 2013 e o ex-prefeito condenado também pode recorrer. Achilles Leal Filho administrou a cidade no período de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2004.

Detalhes dos convênios – Em 28 de setembro de 2001, o município de Mulungu (PB) firmou o Convênio nº 25/2001 com o Ministério da Integração Nacional, no valor de R$ 94.875,00, para a reconstrução de 15 unidades habitacionais pelo Programa de Prevenção de Desastres, em substituição a casas de taipa.

No mesmo dia, também foi celebrado entre as partes referidas o Convênio nº 27/2001, no valor de R$ 107.525,00, com o objetivo de reconstruir 17 unidades habitacionais pelo mesmo programa de prevenção. O objetivo era substituir casas de taipa localizadas nas Ruas do Sol, Doutor Achilles Leal e Doutor Antenor de Aquino Sales.

A vigência de ambos convênios era 15 de março de 2002. Portanto, cabia ao ex-prefeito prestar contas sobre a aplicação dos recursos dentro do prazo de 60 dias, a serem contados da data do término da execução do objeto dos convênios. Na ação, o MPF explica que ex-prefeito fez as prestações de forma insatisfatória, bem como que foram constatadas diversas irregularidades nas obras.

Ascom

Marido chega em casa bêbado e agride esposa com golpe de facão, em Mulungu (PB)

elianeMais um crime de violência contra a mulher foi registrado no final da tarde deste sábado entra para as estatísticas da violência. Desta vez foi na cidade de Mulungu-PB, a dona de casa Eliane Vicente da Silva, 42 anos, foi agredida pelo marido, o agricultor Severino Barbosa Filho, 54 anos.

Segundo as informação colhidas no local, ele chegou em casa bêbado e passou a agredir a esposa, pela terceira vez consecutiva. Insatisfeito por ter dado “apenas” socos e empurrões ele pegou um facão e golpeou contra a cabeça da esposa.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Em depoimento à polícia, ela disse que só não foi morta por ele, porque conseguiu empurrá-lo e pediu socorro. Severino foi preso e levado para a delegacia.

Eliane foi atendida por uma equipe médica do SAMU e passa bem. Ela disse que não que mais morar com o marido devido as agressões que vem sofrendo dele.

 

 

por Michele Marques

Jovem de 21 anos é morto brutalmente quando namorava em Mulungu

plantão policialO jovem Jonatas de Oliveira, 21 anos, conhecido como “Peixe” foi morto de forma brutal no final da noite desta segunda-feira (29), na cidade de Mulungu, no brejo paraibano.

De acordo com a Polícia, Jonatas de Oliveira era proprietário de um lava-jato em Cuitegi e teria ido a Mulungu para se encontrar com uma jovem. Antes, a vítima passou por Alagoinha e pegou um amigo, adolescente de 17 anos, identificado apenas como Renan, para irem de encontro as duas moças.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Jonatas teria ficado no Conjunto Aquiles Leal, com uma das meninas, e Renan teria seguido na moto para se encontrar com a outra no centro na cidade.

Renan contou que ao retornar para pegar Jonatas no local combinado, por volta das 22:00h, não o encontrou e depois de procurá-lo por algum tempo, achou apenas a sandália do mesmo.

Renan teria voltado para o Centro da cidade e chamou a polícia. Por volta das 23:00h, Jonatas foi encontrado morto, só de cuecas, às margens da rodovia que passa próximo ao conjunto, com várias facadas e várias pauladas por todo o corpo.

A polícia acredita que Jonatas foi levado para o “cheiro do queijo” e surpreendido por mais de um elemento, enquanto fazia sexo com a jovem. Ele ainda teria tentado correr para não ser morto, mas ao chegar perto do asfalto, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Agora a polícia trabalha para identificar a jovem que estava com a vítima, no momento do homicídio, e quem foram os responsáveis pelo crime.

MaisPB

com Portal Mídia

Dupla invade casa e mata mulher a tiros em Mulungu; após ser interrogado, marido desaparece

Foto: Portal Mídia.Net
Foto: Portal Mídia.Net

A jovem Tamires Alves Caritel, 18 anos, foi assassinada a tiros na noite desta quarta-feira (13), na cidade de Mulungu, no Brejo paraibano. Segundo informações da Polícia Militar, o marido da vítima fugiu após ser interrogado.

De acordo com a PM, a vítima estava na companhia de familiares na porta de casa, quando percebeu aproximação de dois homens que chegaram a pé. Ela tentou fugir entrando em casa, mas foi perseguida e atingida por sete tiros.

“Os outros familiares se esconderam dos bandidos. Uma criança ficou dentro do guarda-roupa e viu a mulher sendo morta”, comentou um policial militar informando que os criminosos fugiram após o crime.

Durante interrogatório no local do assassinato, o esposo da mulher identificado como José Vagner de Oliveira Andrade, entrou em contradição e os policiais começaram a desconfiar de que ele tinha envolvimento com o homicídio. Nervoso, José Vagner pediu para ir ao banheiro e fugiu.

Diligências foram feitas para prender os acusados, mas eles não foram identificados. Ao meio dia, o programa Correio Verdade, TV Correio, vai trazer uma matéria especial da repórter Jaceline Marques sobre o crime.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

 

Hyldo Pereira