Arquivo da tag: mostram

7 sinais que mostram que seu relacionamento vai acabar

casalO relacionamento é algo muito importante na vida de um casal. Mas você sabe quando ele está prestes a acabar? Listamos alguns sinais que você precisa conferir.

1. Quando vocês ficam incomodados se não há nada para fazer

É mais do que natural que, de vez em quando, o casal não tenha assunto ou que um dos dois esteja a fim de ficar em silêncio, assistir ao jornal ou ler um livro. Se o outro se sente incomodado com isso, eis um mau sinal, afinal relacionamentos são também feitos de momentos de silêncio, e, quando há intimidade de verdade, não tem por que transformar isso em um momento constrangedor.

2. Conversas chatas

Quando as conversas não têm muita empolgação ou conteúdo, é um sinal grande de alerta. Ainda que programas como ir ao cinema ou passear no parque sejam divertidos, é importante que o casal consiga conversar de uma forma profunda, divertida, íntima e agradável.

3. Joguinhos de culpa

Todo casal discute e isso deveria ser uma coisa saudável. Por que não é? Porque as pessoas discutem da forma errada e, em vez de assumir suas falhas e se propor a melhorar alguns aspectos, acabam colocando a culpa sempre no parceiro ou em algum fator externo.

4. Muitas observações negativas

É óbvio que nem tudo o que você faz vai agradar à outra pessoa e vice-versa. É natural, inclusive, que a outra pessoa diga isso de vez em quando, mas se tudo o que ela faz é criticar as suas atitudes, aí a coisa complica mesmo. Em termos estatísticos, ainda que seja difícil calcular, o legal é que, para cada coisa negativa que seu parceiro diga a seu respeito, ele diga cinco coisas positivas. Aí tudo se equilibra.

5. Insegurança

Se você vive se perguntando se deveria mesmo se casar ou entrar de cabeça no relacionamento é porque não se sente totalmente à vontade e confiante. Nesse caso, se você ainda não tem certeza se deve ou não casar, é sinal de que algo não está certo.

6. Incompatibilidade com familiares e amigos

Contra estatísticas, não há argumentos: 18,9% dos relacionamentos terminam porque um dos parceiros não consegue se relacionar com os amigos ou familiares do outro. A dica aqui não é forçar ninguém a conviver com quem não gosta, mas manter certa independência: se o parceiro não suporta seus amigos, tudo bem, contanto que, de vez em quando, você vá, ainda que sem a companhia dele, encontrar a galera.

7. Se o namoro/casamento é mais feliz nas redes sociais do que na vida real

A quantidade de publicações sobre o relacionamento é um forte indicativo de como vai a vida amorosa do casal. Quanto mais forte for a sua relação, menos você precisa divulgá-la, até mesmo porque quem precisa aproveitar a dor e a delícia do relacionamento é o casal e não um monte de gente aleatória. Lógico que é possível postar fotos e fazer declarações de amor de vez em quando – o problema é sempre o excesso.

Fonte: Mega Curioso

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

7 sinais que mostram que você é querido por todos

amigosÀs vezes é difícil ser legal e gentil com todo mundo. Mas você se considera uma pessoa simpática e querida? Listamos alguns sinais que podem fazer você responder essa pergunta.

1. Tem sempre boas histórias para contar

Todo mundo gosta de pessoas extrovertidas e vividas, que conseguem passar suas experiências de forma descontraída. Essas pessoas unem todas as outras a sua volta e são sempre lembradas por suas histórias e experiências vividas.

2. Está sempre rodeado de muita gente

Não importa o ambiente que você esteja, ou nem mesmo se você é um novato na região. A sua simpatia tende a conquistar amizades muito facilmente, por isso é comum o fato de você estar rodeado por uma série de pessoas.

3. Seus amigos sempre falam de você para outras pessoas

Sabe aquela situação, onde você é apresentado para alguém e a pessoa em questão solta aquela seguinte frase: “Ah, então você que é fulano, já ouvi falar muito de você!”.

Pois bem, se isso frequentemente acontece contigo só pode ser mais um sinal.

4. Tem vários contatos profissionais e pessoais

Ou seja, você é uma pessoa bastante popular, porque sabe interagir e socializar, o que torna a sua lista de contatos bastante extensa e interessante.

5. Seus amigos sempre te convidam para sair

Se você vive compromissado de segunda a segunda, e se você sempre é um dos primeiros a ser convidado para todos os compromissos da sua roda de amigos e ciclo social, saiba que isso pode ocorrer por um motivo!

6. Você é bem-vindo em todos os lugares que vai

Sempre que chega em algum lugar, você é sempre bem recebido e nota que de fato as pessoas se sentem alegres pela sua presença ali.

7. Está sempre com sorriso no rosto

Sorriso no rosto é uma forma de trazer sempre coisas boas para você, energia positiva e, claro, atrair muita gente para perto. Pessoas que estão sempre sorrindo atraem boas energias e todo mundo sempre gosta de ficar perto de pessoas assim.

Fonte: Fatos Desconhecidos

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Fotos mostram PM abraçado a uma aluna dentro de escola estadual do Sul Fluminense

pmUm cabo do 33º BPM (Angra dos Reis) foi flagrado abraçado a uma aluna de 16 anos dentro de uma escola estadual do Sul Fluminense. Duas fotos que mostram o PM com a jovem, que cursa o 3º ano do Ensino Médio, estão circulando pelo WhatsApp. Numa terceira imagem, o policial aparece sentado ao lado da garota. O PM faz hora extra no Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis) e atua dentro da unidade escolar para reforçar a segurança do local.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Lotado no 33º BPM, o policial foi afastado das ruas
Lotado no 33º BPM, o policial foi afastado das ruas

A assessoria de imprensa da Polícia Militar informou que o policial já foi identificado e responderá por dois procedimentos apuratórios: um pelo 33º BPM e outro pelo Proeis. Ele ficará afastado das ruas. Os procedimentos poderão ou não resultar em Inquérito Policial Militar, no qual se apura se houve crime.

Numa das imagens, o policial aparece sentado ao lado da jovem
Numa das imagens, o policial aparece sentado ao lado da jovem Foto: Reprodução

Em nota, a Secretaria estadual de Educação informou que direção do colégio solicitou o afastamento do policial na última segunda-feira, assim que tomou ciência do ocorrido. “A direção informou, ainda, que no mesmo dia convocou os responsáveis da estudante a comparecer à escola”, diz o comunicado.

Extra

OMS: surtos de sarampo no Brasil e nos EUA mostram problemas na vacinação

VacinaOs recentes surtos de sarampo ocorridos nos Estados Unidos e no Brasil sugerem que as taxas de imunização contra a doença em algumas áreas estão abaixo do necessário para prevenir a propagação de casos importados nas Américas. A conclusão é da Organização Mundial da Saúde (OMS), que reforçou a importância de os países manterem altas taxas de cobertura vacinal no Continente.

O sarampo é considerado erradicado nas Américas desde 2002, uma vez que não há relatos de transmissão endêmica da doença na região desde então. Um comitê internacional de verificação fazia o trabalho de compilar dados e informações com o objetivo de declarar formalmente o Continente livre da doença.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com a OMS, a eliminação do sarampo nas Américas enfrenta grandes desafios. Até o momento, foram identificados 147 casos confirmados da doença em quatro países do Continente Americano este ano – 121 nos Estados Unidos -, todos ligados a um surto registrado no parque de diversões da Disneylandia, na Califórnia, em dezembro. Também houve um caso no México, ligado ao surto americano, 21 no Brasil e quatro no Canadá.

Os casos no Brasil, segundo a OMS, são parte de um surto maior que começou em 2013 e já infectou mais de 700 pessoas, em 31 municípios. Os dados mostram que, entre 2003 e 2014, as Américas registraram um total de 5.077 casos importados de sarampo, a maioria em 2011.

A vacina contra a doença, destaca a OMS, é usada há mais de 50 anos e tem sua segurança e eficácia comprovadas. Globalmente, a estimativa é que a imunização tenha prevenido cerca de 15,6 milhões de mortes entre 2000 e 2013.

A recomendação do órgão é que as crianças recebam duas doses da vacina contra o sarampo antes de completar 5 anos e que os níveis de cobertura, com ambas as doses, sejam mantidos em 95% ou mais para prevenir a propagação de casos importados. Atualmente, cerca de 92% das crianças com 1 ano, nas Américas, recebeu a primeira dose da vacina.

Diante dos surtos recentes, a OMS recomenda que os governos orientem os viajantes que vão a regiões onde a doença circula a checar o cartão de vacinação. Isso é válido não apenas para menores de 6 meses, que não devem ser vacinados. Os turistas devem ser informados sobre os principais sintomas do sarampo e o que fazer em caso de suspeita.

Outra medida é a sensibilização de profissionais de saúde para comunicar de forma imediata a suspeita de casos da doença, além de investigar contatos próximos do paciente e locais onde ele esteve na tentativa de interromper a cadeia de transmissão.

 

 

Agência Brasil 

Urnas mostram que paraibanos optaram por manter no poder famílias de tradição política

arvore-genealogicaCunha Lima, Maranhão, Ribeiro, Gadelha, Vital do Rêgo, Toscano e Morais são alguns sobrenomes já conhecidos pelos eleitores paraibanos que continuarão na cena política do estado pelos próximos quatro anos, seja na Assembleia Legislativa, na Câmara dos Deputados ou no Senado Federal.

As eleições do último domingo (5) apontam que os paraibanos optaram por manter no poder famílias de tradição política. A renovação na Casa Epitácio Pessoa chegou a casa dos 41,6%, enquanto na Câmara Federal o índice foi de apenas 25%.

A deputada estadual Daniella Ribeiro (PP), por exemplo, que conseguiu a reeleição com uma das votações mais expressivas, é irmã do deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) e filha do presidente estadual do Partido Progressista (PP), Enivaldo Ribeiro, ex-prefeito de Campina Grande.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Eleito deputado estadual com 26.594 votos, Renato Gadelha (PSC) é irmão do ex-deputado federal Marcondes Gadelha (PSC) e tio do prefeito de Sousa, André Gadelha (PMDB).

O deputado estadual eleito, Nabor Wanderley (PMDB), ex-prefeito de Patos, é pai do deputado federal reeleito, Hugo Motta (PMDB).

Raniery Paulino (PMDB), reeleito deputado estadual, é filho do ex-governador Roberto Paulino (PMDB), que disputou o cargo de vice-governador na chapa encabeçada pelo senador Vital do Rêgo Filho (PMDB).

Dinaldinho (PSDB) será um dos novos nomes a chegar à Assembleia Legislativa, mas já é conhecido na região de Patos, por ser filho do ex-prefeito da cidade, Dinaldo Wanderley (PSDB).

Bruno Cunha Lima (PSDB) também figura entre os parlamentares com laços de sangue com o candidato a governador Cássio Cunha Lima (PSDB), pai do deputado federal mais votado no pleito de domingo, Pedro Cunha Lima (PSDB).

Tovar Correio Lima também tem vínculos com a família do senador tucano. Ele é casado com a filha do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Fernando Catão, tio de Cássio.

Filha de Zenóbio Toscano (PSDB), prefeito de Guarabira, Camila Toscano (PSDB), chega ao parlamento estadual para ocupar a vaga da mãe, a deputada estadual Léa Toscano (PSB).

Reconduzido à Assembleia Legislativa com 29.576 votos, Caio Roberto (PR) é filho do deputado federal reeleito Wellington Roberto, presidente estadual do PR.

O deputado federal Benjamin Maranhão (SDD) também conseguiu a reeleição. Ele é sobrinho do senador eleito da Paraíba, José Maranhão, presidente estadual do PMDB.

Efraim Filho (DEM) volta à Câmara Federal sob as bênçãos do pai, o presidente estadual do DEM, Efraim Morais.

O ex-prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), logrou êxito nas urnas e passará a ocupar o mandato de deputado federal a partir de 2015. Ele é irmão do senador Vital do Rêgo Filho (PMDB), terceiro colocado nas eleições para governador, e filho de Nilda Gondim (PMDB), primeira suplente do senador José Maranhão.

BlogdoGordinho

‘Valerioduto’ abasteceu Gilmar Mendes e FHC, mostram documentos entregues à PF

Planilhas obtidas pela revista CartaCapital trazem pagamentos feitos a políticos, membros do Judiciário e empresas de comunicação

Reportagem da revista CartaCapital que chegou na sexta (27) às bancas traz documentos inéditos sobre a contabilidade do chamado “valerioduto tucano”, que ocorreu durante a campanha de reeleição do então governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB), em 1998. A matéria, assinada pelo repórter Leandro Fortes, mostra que receberam volumosas quantias do esquema, supostamente ilegal, personalidades do mundo político e do judiciário, além de empresas de comunicação, como a Editora Abril, que edita a Revista Veja.

Estão na lista o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), os ex-senadores Artur Virgílio (PSDB-AM), Jorge Bornhausen (DEM-SC), Heráclito Fortes (DEM-PI) e Antero Paes de Barros (PSDB-MT), os senadores Delcídio Amaral (PT-MS) e José Agripino Maia (DEM-RN), o governador Marconi Perillo (PSDB-GO) e os ex-governadores Joaquim Roriz (PMDB) e José Roberto Arruda (ex-DEM), ambos do Distrito Federal, entre outros. Também aparecem figuras de ponta do processo de privatização dos anos FHC, como Elena Landau, Luiz Carlos Mendonça de Barros e José Pimenta da Veiga.

Os documentos, com declarações, planilhas de pagamento e recibos comprobatórios, foram entregues ontem (26) à Superintendência da Polícia Federal em Minas Gerais. Estão todos com assinatura reconhecida em cartório do empresário Marcos Valério de Souza – que anos mais tarde apareceria como operador de esquema parecido envolvendo o PT, o suposto “mensalão”, que começa a ser julgado pelo STF no próximo dia 2.

A papelada chegou às mãos da PF por meio do criminalista Dino Miraglia Filho – advogado da família da modelo Cristiana Aparecida Ferreira, que seria ligada ao esquema e foi assassinada em um flat de Belo Horizonte em agosto de 2000. Segundo a revista, Gilmar Mendes teria recebido R$ 185 mil do esquema. Fernando Henrique Cardoso, em parceria com o filho Paulo Henrique Cardoso, R$ 573 mil. A Editora Abril, quase R$ 50 mil.

Carta Capital.

Enquetes mostram que pais e mães precisam colaborar para que filhos não se envolvam com as drogas

 

 

O FOCANDO A NOTÍCIA encerrou nesta quarta-feira (11) uma série de três enquetes, iniciada em maio, que teve como propósito ajudar na reflexão sobre o aspecto educacional nas famílias, ressaltando o que isso tem haver com as drogas e a formação do cidadão.

Na primeira, os internautas responderam ao seguinte questionamento: No geral, você acha que a criação dentro de casa está preparando os filhos para dizer NÃO às drogas? No período de quinze dias, 164 pessoas opinaram, sendo que 46 (28%) assinalaram “sim” e 118 “não”.

Num outro momento, também durante quinze dias, perguntados se a educação dada por pais e mães está ajudando os filhos a serem homens e mulheres de responsabilidade, 165 internautas votaram. O “não” obteve 113 votos (68%); “sim” 52 (32%).

A enquete, com durabilidade de um mês, completados neste dia 11/07, que quis saber se a presença frequente de pais e mães nas escolas ajudaria a evitar que os filhos se envolvessem com as drogas, teve 506 participantes e apresentou este resultado: “Sim” 420 votos, o que corresponde a 83%; “Não” 86, o que equivale a 17%.

Este quadro mostra a fragilidade das famílias na orientação e acompanhamento dos filhos. Deixa claro que o problema do enfrentamento às drogas deve começar no lar e ter prosseguimento fora dele. Ou seja, o combate a este mal não é uma questão somente de responsabilidade das autoridades.

Nova enquete

No ano eleitoral, os candidatos costumam declarar os bens junto à Justiça Eleitoral. Em muitos casos, embora não se possa comprovar, percebe-se que há uma flagrante disparidade entre o que um determinado candidato possui e o valor apresentado. Também existem inúmeras situações em que o total declarado bate com a realidade do postulante ao cargo.

Pelo sim ou pelo não, o FN lança a enquete: Os concorrentes ao cargo de prefeito declararam corretamente os bens à Justiça Eleitoral?

Redação/Focando a Notícia