Arquivo da tag: melhor

A melhor decisão é estudar espanhol em Barcelona

O Mediterrâneo banha as fantásticas praias de Barcelona, uma das cidades mais lindas da Espanha e uma das mais procuradas por turistas de todos os países do mundo. Muitos brasileiros entram ao continente europeu através da porta de entrada que é Barcelona. E não é raro que muitos decidam prolongar a temporada devido à necessidade de conhecer mais profundamente este destino que cativa os corações dos visitantes. É o momento de estudar espanhol em Barcelona!

Passear pela Rambla, conhecer o campo do Barça, curtir a Fonte Mágica de Montjuic e fazer nudismo numa das tantas praias da região formam parte das atividades de qualquer turista. Mas para aqueles brasileiros que desejem ficar mais tempo e aprender tudo sobre a região, sobre as tradições, cultura e história, nada é melhor do que estudar espanhol em Barcelona, unindo o útil ao agradável.

É mais comum do que se pensa fazer um intercambio de estudos ou optar por cursar uma pos graduação na Espanha, país que abre sempre as suas portas para quem quiser aprender e conhecer tudo sobre as tradições. Portanto estudar espanhol em Barcelona será fundamental, pois dessa forma será possível entender e compreender tudo, dominando uma língua que se fala em mais de 20 países ao redor do mundo.

Os benefícios de estudar espanhol em Barcelona

Existem diversos sotaques para uma mesma língua e com o espanhol não é diferente. O espanhol falado no México é mais claro, no entanto o espanhol falado na Argentina é mais rápido e o falado na Espanha tem uma pronuncia peculiar. Mas isso não deve preocupar a ninguém, pois esses sotaques diferentes também acontecem com o português de Portugal e o que se fala no Brasil. Mais ainda: dentro do próprio Brasil, o sotaque carioca é diferente do sotaque paulista e do sotaque nordestino!

O importante é exercitar o ouvido no local onde se está aprendendo uma língua. Neste caso, em Barcelona. E o que pode ser melhor do que aprender um idioma no país de origem? É interessante lembrar que o espanhol é originário de Castilla, um reino medieval da Península Ibérica.

Além disso, não há nada que cause mais satisfação do que andar pelas ruas de Barcelona entendendo tudo o que se fala, compreendendo as músicas, os cartazes, assistir a TV espanhola ou poder conversar sem problemas de comunicação com o pessoal do hotel ou de qualquer restaurante!

O espanhol é uma das línguas mais importantes em turismo

Hoje em dia, na área de turismo, o espanhol é tão importante quanto o inglês. Dominando o espanhol é possível viajar pela Europa sem nenhum problema. Conhecer pessoas interessantes, assistir peças de teatro, um bom show de música, poderá ser uma experiência inesquecível.

Existem muitos city tours, tanto na Europa quanto nos Estados Unidos, Ásia, Austrália, por exemplo, que são feitos com guias em espanhol devido a quantidade de pessoas que falam essa língua no mundo: são mais de 20 países que tem o espanhol como língua oficial. Aqueles que já viajaram pela Europa sabem que é mais fácil encontrar alguém que fale espanhol do que português.

Inclusive para quem gosta de trabalhar em turismo e está procurando emprego, saber falar o espanhol será a ferramenta mais importante para conseguir esse emprego!

Motivos para aprender a língua espanhola

  • Na América do Sul, Brasil é o único país onde não se fala o espanhol; dominando esse idioma, viajar pelo continente será um prazer, pois a comunicação com os nativos de cada país será fácil.

  • Viajar para Europa dominando o espanhol será muito importante, pois em todo o continente europeu, onde há turismo constante, o atendimento em hotéis, restaurantes, museus, etc. também é em espanhol.

  • Para quem gosta de ler, é importante dizer que a literatura em espanhol é a de maior originalidade, segundo críticos literários, possuindo vários Prêmios Nobel.

  • Cidadãos de diversos países no mundo possuem o espanhol com a língua materna.

  • Em mais de 20 países o espanhol é a língua oficial.

  • Na Assembléia Geral da ONU; o espanhol constitui uma das seis línguas oficiais.

Além de turismo, na tecnologia, nas ciências e nos negócios, o espanhol é a língua mais utilizada, junto com o inglês.

 

 

 

Polícia de Solânea se destaca e tem melhor índice de criminosos presos

O trabalho integrado realizado pelas polícias Civil e Militar de Solânea tem mostrado resultados significativos, como mostrou os dados do Governo do Estado em balanço dos casos de CVLI (Crimes Violentos Letais Intencionais) apresentados na última semana.

A polícia civil de Solânea, 21 DSPC, abrangendo 11 cidades do brejo, atingiu o melhor resultado em percentual de todo o estado em 2016. Com um percentual de 53%, Solânea se coloca em primeiro lugar de autores presos e já apresenta em 2017 com 100% de elucidação dos homicídios ocorridos na respectiva área.

O delegado da 21ª Seccional de Polícia Civil de Solânea, Diogenes Fernandes, destacou a importância da integração entre polícias. “Isso é um resultado do trabalho intensificado nos últimos 12 meses com a criação da seccional e da 7ª Cia Independente da Polícia Militar, ressaltando também a importância da interação das policias com a população local e efetividade do poder judiciário. A violência existe, mas números como esses mostram que os crimes não estão ficando impunes”, destacou o Delegado Seccional.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Lanús joga melhor e vence Chape na Arena Condá

lanusJogando a primeira partida internacional em casa após o acidente aéreo, a Chapecoense não correspondeu às expectativas e perdeu por 3 a 1 para o Lanús nesta quinta-feira. A equipe catarinense até começou ganhando, mas não aguentou a pressão do adversário, que jogou melhor na maior parte da partida e conquistou os 3 pontos.

Com o resultado, o grupo 7 da Libertadores ficou todo embolado. Zulia, Nacional-URG, Lanús e Chapecoense estão todos empatados com 3 pontos. O time brasileiro, entretanto, é o ultimo pelo critério de desempate.

O JOGO

A Chapecoense vinha para seu primeiro jogo internacional na temporada na Arena Condá. O time mostrava solidez defensiva nos primeiro minutos de jogo e começou bem. Sabendo disso, o Lanús tentava infiltrações pelos lados e rodava com calma a bola. Aos 13 minutos, Moisés Ribeiro sentiu, teve que ser substituído por Osman e saiu de campo chorando muito.

Com a modificação, Luiz Antônio precisou ficar mais recuado e a equipe alviverde perdeu muito em apoio, já que o volante chega bem para chutar no ataque. A equipe argentina começou a agredir bastante a grande aérea adversária e cresceu ainda mais no jogo. Em três momentos seguidos, o Lanús chegou com bastante perigo, e Grolli e o goleiro Artur Moraes foram fundamentais para evitar o primeiro gol do jogo.

A Chape começou a acetar algumas jogadas pela esquerda com Reinaldo, mas não era efetiva. Nathan vacilava muito na zaga e os Granates acabaram melhor na primeira etapa.

O segundo tempo começou diferente do primeiro. O Verdão do Oeste sabia da importância de ganhar em casa na Libertadores e partiu pra cima. Os laterais apoiavam muito e o gol finalmente saiu. Aos 4 minutos, João Pedro arrisca de fora da área, pega mal na bola, que sobra para Rossi na frente do goleiro marcar o primeiro gol do jogo.

A comemoração, porém, durou pouco. Aos 7 minutos, o sistema defensivo deu uma pane geral, o Lanús conseguiu um cruzamento certeiro e Aguirre cabeceou para o fundo das redes. O Verdão do Oeste então partiu para o ataque e chega com perigo novamente com os cruzamentos de Reinaldo. Mas a reação não durou muito tempo.

O time argentino subiu a marcação e pressionava a saída de bola do time catarinense. Só Grolli e Artur iam bem na defesa. Aproveitando os buracos defensivos, o Lanús dominou o restante do confronto. Com bom passe e superioridade no meio de campo, os Granates logo viraram a partida. Aos 20 minutos da etapa final, Acosto sofre pênalti cometido por João Pedro.

A defesa era terra arrasada. Em mais uma pane geral, Velázquez entrou sozinho na cozinha da Chape e tocou na saída do goleiro. Com 3 a 1, o Lanús apenas administrou o resultado e levou os 3 pontos pra casa.

Band

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Belo faz seu melhor jogo e goleia no Almeidão; Raposa se distancia

beloQuatro jogos foram realizados na noite desta quarta-feira (08) pelo Campeonato Paraibano. No Almeidão, em João Pessoa, com homenagens às mulheres, o líder Botafogo enfim jogou bem e demorou apenas dez minutos para abrir o placar diante do Sousa, através de Wanderson. Dois minutos depois o mesmo Wanderson ampliou de cabeça.

No segundo tempo, Sapé, aos 15 minutos, fez o terceiro do Belo e aos 21 minutos Camilo, que acabara de entrar, acertou um belo chute, descontando para o Sousa. Rafael Oliveira ainda faria mais um aos 28 minutos para o Tricolor da Maravilha do Contorno. Placar final Botafogo 4  x  1 Sousa.

Outros jogos

No CT Ivan Tomaz, no Valentina, o CSP perdeu a quinta partida seguida. Dessa vez foi para o Serrano por um a zero com gol do zagueiro Weverson, aos 32 minutos do segundo tempo.

Em Campina Grande, o placar considerado a “Zebra” da rodada. Tido como favorito e buscando a sexta vitória consecutiva o Campinense não passou de um zero a zero contra o Atlético.

Já o Auto Esporte foi ao Perpetão em Cajazeiras para enfrentar o Paraíba e conseguiu um empate. Deivid abriu o placar para o Auto aos 26 do primeiro tempo e Vavá empatou para o Paraíba, aos 12 minutos do segundo tempo. 1 a 1 foi o placar final.

Com esses resultados, o Atlético entra, pelo menos temporariamente, no G4, tirando a vaga do Treze, que cai para a quinta colocação. Já o CSP que perdeu mais uma assume a lanterna isolada da competição.

A rodada será completada nesta quinta-feira (9) com o jogo entre Internacional e Treze no Almeidão em João Pessoa.

Confira a Classificação

Clubes PG J V E D GP GC SG
 1º-   Botafogo  28  12  9  1  2  20  10  10
2º-  Campinense 22 12 6 4 2 16 9 7
3º-  Auto Esporte 19 12 5 4 3 12 10 2  
4º-  Atlético 17 12 4 5 3 7 5 2
5º-  Treze 16 11 4 4 3 10 7 3
6º-  Internacional 15 11 3 6 2 8 7 1
7º-  Serrano 14 12 4 2 6 13 18 -5
 Sousa 10 12 2 4 6 13 17 -4
 Paraíba 9 12 1 6 5 8 14 -6
10º  CSP 8 12 2 2 8 7 17 -10

MaisPB – Albemar Santos 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Deputado da PB sai em defesa de Trump: “Será o melhor da história dos EUA”

tiao-gomesO deputado estadual, Tião Gomes (PSL), saiu em defesa do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, durante discurso proferido na tribuna da Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (10).

De acordo com o parlamentar, a sociedade brasileira, de um modo geral, está criticando a vitória do republicano, mas acredita que ele fará uma gestão exitosa no comando da Casa Branca. “Será o melhor presidente da história dos Estados Unidos, podem anotar”, disparou.

As críticas feitas a Trump se devem por conta de suas declarações em torno de temas considerados polêmicos.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

15 motivos do porquê assistir filme em casa é melhor que ir ao cinema

filmePor que fazer a troca

Cresce cada vez mais o número de pessoas que trocam o cinema, esse tradicional passeio, por uma sessão de filmes em casa e motivos não faltam para isso: só aqui você verá 15 deles.

Em casa

Para quem não gosta de sair, é possível se divertir no próprio sofá, cama, chão ou em qualquer lugar que se ache confortável. As alternativas de ferramentas on-demand facilitaram a vida dos que preferem fazer da sua própria casa uma sala de cinema.

E, convenhamos, essa alternativa sai muito mais barato do que pegar um cinema de final de semana por exemplo, ingressos, pipoca, bebidas, chocolates… muitos gastos para uma noite só.

Sem filas

Dependendo do dia e do filme, pode-se enfrentar muitas filas. Pensando nisso, ver um filme em casa parece ainda melhor, principalmente para aqueles mais impacientes. No máximo alguns amigos convidados e alguns penetras (que sempre tem) mas nada que te incomode tanto.

Conforto

É comum as pessoas se arrumarem para o cinema e, quando não se está a fim de montar uma produção, assistir a um filme em casa, usando pijama mesmo, é maravilhoso. E aquela sensação de poder esticar as pernas à vontade? De mais! E também não vai ter nenhuma luz de celular na sua cara, o que virou comum nos cinemas hoje em dia.

Pipoca?

Quem não gosta de pipoca pode comer o que quiser, até um prato de arroz com feijão ou aquele bolo sensacional que só a sua avó sabe fazer. Tudo vai do gosto e da fome.

Cobertor

Ficar sentado na poltrona do cinema pode ser uma experiência gelada. Porém, vendo filme em casa esse problema acabou: basta usar o cobertor. Melhor ainda se tiver acompanhado nos dias de frio, aquele abraço da parceira ou do parceiro em baixo do cobertor é tudo de bom.

Ventilador

Não é preciso contar com o ar-condicionado (que pode não funcionar, ou que pode estar gelado de mais): basta ligar o ventilador e curtir. E o melhor: o ventinho pode ficar forte ou fraco, à gosto do freguês e a seu comando.

Stream demand

Antes era preciso esperar um bom filme na TV. Porém, essa realidade vem mudando devido à variedade de stream demand. Assim, vale a pena aproveitar. Sem contar que você não possui somente as opções de filmes, séries e aqueles desenhos nostálgicos fazem parte do catalogo desses serviços.

Netflix

Falando em stream, vamos falar sobre melhor deles, o Netflix. Virou febre, é inegável, e pode-se assistir a muitos filmes através dele. Além disso, tem mais vantagem: pode-se ver filmes do celular, de tablets, de computadores, etc. Só tem TV na sala? Não tem problema, pega o celular, deita na cama e seja feliz.

Itunes

Quem possui os produtos da Apple pode optar por adquirir filmes através do Itunes. Já para aqueles que utilizam o Android, a GooglePlay também disponibiliza filmes que podem ser vistos em casa.

Sossego

Assistindo a filmes em casa as pessoas estão livres do tumulto do cinema, com gritos, conversas e risadas que, muitas vezes, impedem de ouvir o que os personagens dizem. E você economiza pipoca, pois não precisa jogar nos engraçadinhos de plantão.

Companhia

Assistindo a filmes em casa é possível curtir a companhia de pessoas que não estariam com a gente no cinema por vários fatores. Por isso, assistir a filmes em casa vale muito a pena.

Pause

Não dá para pausar um filme no cinema. Em casa, dá e poder dar pausa e depois retornar de onde se parou é muito bom e não atrapalha em nada o entendimento.

Banheiro

Ir ao banheiro no cinema está fora de cogitação. Em casa, não há problema: basta dar pause, ir ao banheiro e continuar vendo de onde o filme tinha parado. Fácil, não?

O filme

Em casa, pode-se escolher qualquer filme que se queira e, se ele não agradar, não há problema: é só trocar de filme. Como se vê, assistir filmes em casa só tem vantagens.

Fonte: Internet net preço

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Vai juntar as escovas? Melhor pensar duas vezes pelo bem da sua saúde

escovasÉ comum usarmos a expressão “juntar as escovas de dentes” quando duas pessoas vão morar na mesma casa. Mas, segundo médicos e dentistas, é melhor deixar essa ideia só na teoria mesmo.

As escovas são objetos pessoais e devem ser mantidos em locais secos e protegidos, para evitar contato com objetos contaminados, inclusive outras escovas. É o que explica o biomédico Roberto Figueiredo, conhecido como Dr. Bactéria:

Devemos evitar o contato com outras escovas, porque cada pessoa possui a sua própria microbiota [flora] bucal, que é transferida para a escova

Mas e beijar na boca?

No beijo na boca, há troca de fluidos e transmissão de bactérias –o que faz algumas pessoas pensarem que casais podem compartilhar escovas de dentes ou mesmo deixá-las juntas. Mas há também transmissão de doenças, como mononucleose e herpes, por exemplo.

O médico de família, Alfredo Salim Helito, do Hospital Sírio-Libanês, alerta:

Independentemente de haver contato íntimo, é preciso bom senso. A escova entra em contato com a flora bacteriana, que é diferente de um corpo para o outro, e tira elementos inapropriados dos dentes, coisas que um beijo não transmite

Entre as doenças que podem ser transmitidas estão cárie, gengivite, periodontite, diarreia, faringite, infecções de ouvido, problemas respiratórios e até mesmo doenças cardíacas.

Getty Images

Outra preocupação dos médicos é o local onde as escovas são guardadas.

Por ficarem muito próximas ao vaso sanitário, elas podem receber coliformes fecais que vêm com os respingos da descarga.

“O banheiro é um local muito contaminado, recomenda-se que a escova fique o mais distante possível do vaso”, explica Helenice Biancalana, professora de ondontopediatria da Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas:

As descargas liberam diferentes tipos de bactérias e coliformes fecais que podem atingir até 6 metros de altura e permanecer por horas circulando no ambiente

Segundos os especialistas, as melhores opções para guardar as escovas, depois que elas estão secas, são os armários com espaços individuais.

Mas é preciso ficar atento para que elas não tenham contato com outros objetos, como pentes e escovas de cabelo.

Como higienizar a escova

Ao finalizar a escovação, lave bem a escova com água corrente e remova totalmente os restos de alimentos e creme dental que podem ficar nos espaços entre as cerdas.

Remova essa água batendo de leve com o cabo, mas evite enxugar a escova em toalha ou papel. As escovas também podem ser lavadas com enxaguantes bucais.

Então, guarde a escova na vertical, com a cabeça para cima, em local preferencialmente ventilado, para prevenir formação de fungos que surgem com a umidade, explica Biancalana.

Nunca empreste!

A maioria dos estudos concorda que as escovas devem ser trocadas a cada três meses ou quando as cerdas deformarem, mas é importante lembrar que ela é individual e nunca deve ser compartilhada.

“O hábito de escovar os dentes deve ser único e individual, o local que você escolhe para guardar a escova também”, ressalta a professora Dagmar de Paula Queluz, da Faculdade de Odontologia da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Mulheres paraibanas candidatas nas Eleições de 2016 têm melhor grau de instrução que homens

eleiçõesApesar de representarem a minoria no registro de candidaturas nas Eleições 2016 na Paraíba, as mulheres se destacam no quesito grau de instrução. Das 3.600 candidatas que disputam uma vaga nas Prefeituras ou Câmaras do estado, 24,58% (885) possuem curso superior completo. Enquanto isso, apenas 18,24% (1.489) dos 8.160 candidatos do sexo masculino aos mesmos cargos, possuem este grau de instrução. No total, são 11.760 candidatos registrados no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

A comparação também mostra o melhor desempenho feminino em outros níveis de formação educacional. São 396 (4,85%) homens com Ensino Superior incompleto enquanto 214 (5,94%) mulheres tem essa mesma instrução. No Ensino Médio as diferenças são proporcionais. São 2.890 (35,4%) homens com o nível completo e outros 408 (5%) com o nível incompleto. No lado das mulheres, são 1.416 (39,3%) com o nível completo e outras 175 (4,9%) com o nível incompleto.

Nos demais graus de formação, fica claro que muitos candidatos ainda apresentam déficit educacional. Do total de homens, por exemplo, 1.100 têm apenas o Ensino Fundamental completo, outros 1.570 têm Ensino Fundamental incompleto e 307 candidatos do sexo masculino apenas lê e escreve. No sexo feminino, 343 têm o Ensino Fundamental completo, 455 têm Ensino Fundamental incompleto e 112 mulheres apenas lê e escreve.

blogdogordinho

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Alison e Bruno ganham ouro na praia, e Brasil já faz sua melhor Olimpíada

imagem: Márcio José Sanchez/AP
imagem: Márcio José Sanchez/AP

Alison e Bruno Schmidt deram fim a um jejum de 12 anos do Brasil no vôlei de praia. Nesta quinta-feira (18), na Arena de Copacabana, a dupla da casa contou com apoio maciço da torcida para vencer os italianos Nicolai e Lupo, por 2 sets a 0 (21/19 e 21/16).

Alison acumula erros, mas resolve no bloqueio

A dupla brasileira começou o primeiro set sofrendo com o nervosismo e o saque de Paolo Nicolai. Com serviços que beiram os 100km/h, o italiano foi fundamental para fazer com que a vantagem chegasse a 5 a 1. Um pedido de tempo, no entanto, reequilibrou a partida para os brasileiros.

De volta após a pausa, Nicolai errou o saque e deu início à reação. Com três pontos consecutivos, a dupla da casa assumiu a liderança em 9 a 8. Com Alison firme no bloqueio e Bruno eficiente no saque e no passe, os brasileiros chegaram a abrir três pontos de vantagem. Os erros seguidos de “Mamute” no ataque, porém, acabaram permitindo que os italianos reassumissem a ponta em 19 a 18. Mas foi o próprio Alison responsável por fechar o primeiro set por 21 a 19, com um bloqueio em cima de Nicolai.

Itália segue apostando nos erros de Alison

Os erros de ataque de Alison no primeiro set fizeram com que os italianos adotassem como estratégia sacar sempre em cima dele. A tática deu resultado no início do segundo set, com o “Mamute” sofrendo sendo obrigado a fazer a maioria dos ataques e sofrendo com o bloqueio de Nicolai.

Para tentar tirar Alison da marcação de Nicolai, Bruno passou a fazer passes mais altos, dando a opção para que o companheiro conseguisse atacar forme na diagonal. E a tática começou a dar resultado. Apesar de ainda existirem, os erros de Alison diminuíram e a dupla brasileira conseguiu empatar a parcial em 11 a 11. A partir daí, nem Nicolai conseguia mais segurar a força de Alison. A dupla brasileira chegou a abrir quatro pontos de vantagem, antes de fechar a segunda parcial em 21/17.

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Óleo certo faz motor gastar menos e trabalhar melhor; saiba escolher

Shutterstock
Shutterstock

Não caia na armadilha (ou tentação) de só completar o nível do óleo a cada parada no posto de combustível. Nem se acomode em adicionar o produto periodicamente. Pôr qualquer lubrificante no motor e nunca trocá-lo totalmente trará consequências graves lá na frente — é como aquele cara que passa a vida comendo em fast food: uma hora, o organismo vai reclamar.

Perda de desempenho, falhas na partida, consumo elevado e até comprometimento da garantia são alguns dos problemas comuns ao se optar por utilizar um óleo qualquer. Isso porque lubrificantes errados podem resultar em borras e acúmulo de verniz, além de aumentar o atrito entre as peças. Em alguns casos extremos, o motor pode até quebrar. UOL Carros explica porque isso acontece, mostra como fazer a verificação do nível correta e dá dicas do que fazer na hora da troca.

Como verificar

O nível do lubrificante tem que ser checado com o carro frio e em lugar plano, para não dar falsa impressão de que esteja fora do nível recomendado. Abra o capô, retire a vareta do cárter, limpe-a com uma flanela (ou algum pano que não solte fios e fibras) e ponha-a novamente no recipiente. Retire-a de novo para verificar o nível. Caso o veículo esteja rodando há algum tempo, desligue o motor e aguarde por cinco minutos.

Importante: se você já tiver saído com o carro e a luz do óleo acender no painel, pare o veículo imediatamente e verifique o nível. Se estiver abaixo do traço de mínima capacidade, complete-o com produto das mesmas especificações do lubrificante recomendado no manual do proprietário — misturar marcas é permitido. Contudo, não fique só completando, pois essa é uma das principais causas para formação de borras. Se o nível estiver alto, leve o carro até a oficina e verifique a bomba de óleo.

Também não se intimide com o diagnóstico assustador do frentista, que pode condenar seu óleo por estar escuro. É normal o produto ficar escurecido, afinal, tem poder detergente para limpar o motor e manter as impurezas em suspensão. Assuste-se somente se aparecer borras na vareta. Corra para fazer a troca.

Lucas Lacaz Ruiz/A1 – 26.02.2011

Para não ter dor de cabeça, faça a troca em concessionárias ou lojas especializadas

Quando trocar

Em média, o óleo é substituído a cada 5 mil ou 10 mil km — a troca varia conforme a marca do carro e o tipo de lubrificante. Carros mais modernos registram consumo médio de óleo de 300 ml a cada 1.000 km. Se o seu consome mais que isso, procure a concessionária.

Para fazer a troca, vá a uma concessionária ou lojas especializadas. Esses estabelecimentos têm maquinário apropriado e seguem procedimentos para a troca, como o aperto no parafuso que abre o bujão do cárter. Em veículos zero km, a substituição geralmente está prevista nas revisões programadas. Lembre-se que colocar óleo fora da especificação pode acarretar em perda da garantia do carro.

Também é importante ressaltar a importância dos filtros de óleo: sempre que for trocar o lubrificante, coloque um novo e opte por produtos de marcas conhecidas.

Sopa de letrinhas

Aquela overdose de letras e números na embalagem do lubrificante tem explicação: são as informações e características do produto, como índice de viscosidade, temperatura, aditivos etc. Mas o leque hoje é maior. Geralmente, fabricantes recomendam mais de uma especificação de óleo para o mesmo modelo. Por isso, consulte o manual.

Veja, por exemplo, a explicação da Shell sobre um rótulo com a seguinte classificação: 5W40, 0W30 ou 10W30 e API SN, API CJ-4. “Os primeiros números dos óleos multiviscosos representam o comportamento do motor na partida a frio, ou seja, quanto menor o valor, menor será o tempo necessário para que o óleo chegue à todas as partes do motor; o outro número indica a viscosidade à temperatura; já a segunda classificação é a de serviços (as mais conhecidas são a American Petroleum Institute, API, e a Association of Constructors of European Automobiles. a ACEA)”.

O deciframento continua: “A primeira é dividida em duas categorias, a “S” (óleos de Serviço) é voltada para motores ciclo otto; a “C” (óleos Comerciais) é voltada para motores ciclo diesel. E dentro de cada categoria existe os níveis de performance, que aumentam na medida em que a letra após o “S” ou “C” evolui. Por exemplo, o SB é melhor que o AS, e o CB é melhor que o CA. Atualmente, as classificações mais modernas são: API SN e API CJ-4 — o número que acompanha a categoria C é voltado para motores de dois ou quatro tempos”. Ufa.

Reprodução

Nunca use óleo mineral em veículo cuja recomendação é de óleo sintético, nem o contrário: misturar é queimar dinheiro, já que um “contaminará” o outro

Sintético ou mineral?

A principal mudança entre os dois está no tempo de oxidação: o produto mineral oxida em menos tempo e perde mais rapidamente o poder de fluidez, corrosão e formação de espuma. O sintético tem viscosidade estável, que facilita a lubrificação mais rápida das partes altas do motor e forma película mais resistente.

Por conta disso, nunca use óleo mineral em veículo cuja recomendação é de óleo sintético, já que este tem mais aditivos em sua composição, nem faça o contrário. Fique atento, pois misturar é queimar dinheiro, já que um “contamina” o outro.

Perigos do óleo errado

O produto fora da especificação para aquele carro pode não suportar a dilatação provocada pelo calor do motor. Desse modo, ele vai se degradar mais rapidamente. Isso pode causar o depósito de verniz e borras, que chegam a gerar entupimentos. Em casos extremos, o motor pode fundir.

A viscosidade diferente comprometerá toda a lubrificação e pode até quebrar o motor. Isso porque o lubrificante é responsável, entre outras coisas, por manter uma película para minimizar os atritos entre as peças metálicas do conjunto. Se o óleo tiver viscosidade diferente, essa película simplesmente se romperá e ocasionará mais atrito entre esses componentes.

Outro exemplo: o óleo mais “fino” que o recomendado pode subir para a câmara de combustão e queimar junto com o combustível.

Aditivos para quê?

O óleo lubrificante tem detergentes próprios para limpar a parte interna do motor. Por isso, aditivos adicionais não são recomendados, já que podem alterar a viscosidade e desgastar precocemente componentes como o virabrequim e os eixos comandos de válvulas.

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br