Arquivo da tag: lotes

Anvisa suspende importação e uso de lotes de vacina contra Hepatite B

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu em todo o Brasil, nesta segunda-feira (29), a importação dos lotes 137Q6010B e 137Q6010C das vacinas conjugadas contra hepatite B e Haemophilus Influenzae tipo B (hib). Além da importação, também foi suspenso o uso das vacinas.

Segundo a Anvisa, testes laboratoriais detectaram que as vacinas “apresentaram resultado insatisfatório para o ensaio de potência do componente diftérico”.

Os lotes suspensos pela Anvisa, 137Q6010B e 137Q6010C, possuem validade para o mês de fevereiro de 2018.

Portal Correio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Anvisa suspende mais de 120 lotes de medicamentos; veja lista que inclui Doril e Coristina

remedioFoi publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (03) a determinação do recolhimento de mais de 120 lotes de medicamentos da marca Brainfarma. Confira a lista completa. A lista inclui remédios tradicionais como Doril e Coristina.

A própria empresa solicitou a suspensão da distribuição, da venda e do uso dos lotes. Os motivos não foram divulgados, mas, na publicação do Diário Oficial, fala-se em “medida de interesse sanitário”.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

DER leiloa lotes de veículos e sucatas nesta terça-feira na Paraíba

 (Foto: Divulgação/DER)
(Foto: Divulgação/DER)

Pelo menos 63 lotes de veículos e equipamentos pesados vão ser leiloados pelo Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba (DER) nesta terça-feira (20). O leilão vai acontecer em Campina Grande, no Agreste paraibano, e conta também com lotes de sucatas. O departamento espera arrecadar cerca de R$ 800 mil para os cofres públicos do Estado com as vendas.

O leilão vai ser realizado a partir das 10h (horário local), no Garden Hotel, e é organizado pela Comissão de Alienação, Licitação na modalidade de leilão dos bens móveis inservíveis que pertencentes ao patrimônio do DER da Paraíba. Os lances mínimos estão registrados ao lado de cada lote e variam de R$ 200 a R$ 40.500.

Os bens relacionados no edital poderão ser arrematados no local do leilão e também na forma eletrônica, no mesmo dia e horário, por meio da internet. O leiloeiro precisa realizar o cadastro. Para consulta física, os lotes estão localizados no pátio da Divisão Industrial do DER-PB, na BR-104, km 140, no município de Queimadas; na sede central em João Pessoa; e na Residência Rodoviária de Cajazeiras.

O presidente da Comissão de Alienação do DER, engenheiro mecânico José Celio Marques de Souza, explica que o arrematante precisa pagar 20% do preço final ainda no local do leilão. O pagamento pode ser em dinheiro ou cheque. Caso não seja pago, o arremate é anulado.

Ainda segundo ele, o arrematante precisa fazer o pagamento da comissão do leiloeiro, que será de 5% do valor mais taxas de igual percentual, sobre o valor do lote arrematado para as despesas administrativas com a realização do leilão.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Anvisa suspende lotes de medicamento contra câncer

medicamentosA Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu a venda e o uso de 15 lotes do medicamento Destilbenol (dietilestilbestrol) 1 miligrama comprimido revestido. Esse remédio é usado no tratamento de câncer de mama avançado em mulheres após a menopausa e de câncer de próstata também avançado.

De acordo com a Agência, a decisão é uma medida de interesse sanitário, já que foi comprovado, em auditoria, que o remédio foi fabricado com formulação não aprovada pela Anvisa.

A iniciativa ainda determina que a empresa Apsen Farmacêutica, responsável pelo medicamento, recolha todo o estoque existente desses lotes no mercado.

De acordo com a bula, o remédio é um estrógeno, que é um hormônio feminino, que tanto no homem, quanto na mulher, ajuda a diminuir o crescimento do tumor. Para saber quais são os lotes suspensos, basta acessar o site da Anvisa.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Anvisa suspende lotes de álcool gel, polivitamínico e equipamento de saúde; veja

Fábio Pozzebom/Agência Brasil
Fábio Pozzebom/Agência Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu nesta quarta-feira (3), a fabricação, distribuição, divulgação, comercialização e o uso dos produtos para saúde vídeo-laringoestroboscópio e smartnaso, fabricado por Image Equipamentos Eletrônicos Ltda. De acordo com a agência, uma inspeção sanitária feita no mês passado na empresa comprovou a falta de licença sanitária e a fabricação de produtos sem registro.

A empresa informou que deu início ao processo de regularização em maio deste ano por meio do órgão de vigilância sanitária local. A previsão é que em duas ou três semanas a regularização seja concluída.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Também foram suspensos três lotes do medicamento Comple B (polivitamínico complexo B), fabricado por Natulab Laboratório S.A. Laudos emitidos pela Fundação Ezequiel Dias indicam que os lotes 45050, 45057 e 45058 obtiveram resultados insatisfatórios nas análises iniciais para os ensaios de aspecto e rotulagem. O primeiro lote citado tem validade até 5/2015; o segundo e terceiro, até 6/2015. Por meio de nota, a empresa informou que os lotes já foram identificados e, desde o início de novembro, começaram a ser recolhidos, mesmo antes da notificação da Anvisa. A Biolab assegurou que, no prazo máximo de 120 dias, todos os lotes serão retirados do mercado.

“Vale ressaltar que todos os estudos de estabilidade desenvolvidos pela empresa não identificaram esse tipo de problema descrito na notificação. Mesmo assim, o Grupo Natulab reforçou o material usado na embalagem do produto e está finalizando novos estudos de estabilidade para garantir que seus medicamentos continuarão dentro das especificações e em conformidade com as normas da Anvisa.”

A Anvisa ainda interditou cautelarmente, pelo prazo de 90 dias, o Lote 1014 do Álcool Gel marca Sol, produzido por Super Sol Indústria e Comércio Ltda. O lote, segundo o órgão, apresentou resultados insatisfatórios nos ensaios de rotulagem primária e teor de álcool etílico.

Todas as determinações foram publicadas no Diário Oficial da União.

 

Por Agência Brasil

Anvisa suspende venda e uso de lotes da vacina contra meningite

 A Agência Nacional de Vigilância Sanitária  (Anvisa) determinou nesta quinta-feira (16) a  suspensão, em todo o país, da distribuição,  comercialização e do uso de 12 lotes da vacina  Meningitec® (vacina meningocócica C  conjugada), apresentação de 10 microgramas  (mcg), suspensão injetável, cartucho com  seringa de vidro preenchida com substância  incolor, de 0,5 mililitro (ml).

De acordo com a agência, a vacina é indicada na imunização ativa de crianças com mais de 3 meses, adolescentes e adultos para a prevenção de doença invasiva causada por Neisseria meningitidis do grupo C.

Segundo a Anvisa, a Wyeth Indústria Farmacêutica Ltda, empresa fabricante dos produtos, comunicou o recolhimento voluntário dos lotes após a constatação de unidades com partículas visíveis laranja-marrom avermelhadas móveis e imóveis de óxido de ferro no interior das seringas.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“De acordo com as investigações, o desvio é resultado de desgaste no equipamento de envase, que liberou óxido no ferro no interior das unidades. A empresa também realizou uma avaliação de risco à saúde que indicou que o potencial risco para os pacientes é considerado baixo”, informou a fabricante.

A Anvisa acrescentou que, por se tratar de um grande número de lotes, haverá desabastecimento do produto no país, mas que há alternativas disponíveis no mercado brasileiro.

Confira abaixo o número dos lotes e as datas de fabricação e validade.

Agência Brasil

Anvisa interdita lotes de alimentos com pelo de roedor e fragmentos de vidro

Knorr-Elefante,
Knorr-Elefante,

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou hoje (19) a interdição cautelar, por 90 dias, do lote L6 do extrato de tomate da marca Knorr-Elefante, fabricado pela empresa Cargill Agrícola S.A., com sede em Goiânia (GO).

O lote tem validade até 21 de maio de 2015 e obteve resultados insatisfatórios de rotulagem e de matéria estranha macroscópica e microscópica. Nas análises, técnicos da Anvisa descobriram fragmentos de pelo de roedor acima do limite de tolerância estabelecida, de 1 fragmento em 100g.

Também por 90 dias, foi interditado o lote L04501, do alimento Suspiro Duplo, marca Doces Arapongas Prodasa, fabricado por Produtos Alimentícios Arapongas S.A – Prodasa, em Arapongas (PR). Com validade até 28 de novembro de 2014, os resultados foram igualmente insatisfatórios nas análises de rotulagem e de matéria estranha macroscópica e microscópica. Nele, confirmaram a presença de fragmentos de vidro no produto.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Nos dois casos, a Anvisa considerou os laudos de análise fiscal emitidos pelo Instituto Octávio Magalhães da Fundação Ezequiel Dias e as notificações feitas pela Vigilância Sanitária de Minas Gerais.

As determinações foram publicadas na edição desta sexta-feira do Diário Oficial da União. A Agência Brasil entrou contato com as empresas Cargill Agrícola e a Prodasa e aguarda posicionamento.

 

Agência Brasil 

 

Lotes de pomada para massagem e anticoncepcional são retirados do mercado

anvisaA Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a suspensão da fabricação, distribuição, divulgação e comercialização do medicamento Reumatex, fabricado por empresa desconhecida. A agência também determinou a apreensão e a inutilização dos produtos remanescentes no mercado. A resolução foi publicada nesta quarta-feira (3) no Diário Oficial da União.

O medicamento estava sendo fabricado e comercializado irregularmente, já que não tem registro. O produto tinha na embalagem o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica de uma empresa que desconhece o Reumatex e o registro no Ministério da Saúde de outro remédio.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Por causa da presença de corpo estranho em ampola do medicamento Contracep, um anticoncepcional injetável, a Anvisa também determinou a suspensão da distribuição e comércio do lote 601530.1. O remédio é fabricado pela empresa Germed Farmacêutica Ltda e o lote tem validade até 1/16. A empresa terá que recolher as unidades existentes no mercado relativas ao lote afetado.

 

Agência Brasil

Receita Federal abre na segunda consulta a lotes residuais do IR

receita-federalA Secretaria da Receita Federal informou que serão abertas na próxima segunda-feira (10), a partir das 9h, as consultas a lotes residuais do Imposto de Renda, ou seja, de contribuintes que caíram na malha fina do Leão. O lote englobará os exercícios de 2008 a 2013.

Assim que abertas, as consultas poderão ser feitas por meio do site da Receita, pelo telefone 146 (opção 3) ou via aplicativo para dispositivos móveis (smartphones e tablets). Os recursos estarão disponíveis para saque em 17 de fevereiro.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Segundo o órgão, 89.237 contribuintes serão contemplados neste lote residual do IR. Eles receberão R$ 199 milhões. Desse total, R$ 55 milhões referem-se a 12.561 contribuintes com prioridade no recebimento dos valores, como idosos, deficientes físicos ou mentais, ou com moléstias graves.

Deste valor total, a maior parte é relativa ao exercício de 2013 (ano-base 2012), com 67.480 contribuintes, no valor de R$ 137 milhões. Esses contribuintes receberão 7,52% de correção.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais) e 0800-729-0001 (demais localidades) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

g1

Receita paga nesta quarta-feira lotes residuais do IR

Receita FederalA Receita Federal realiza nesta quarta-feira (15) o pagamento a 73.581 contribuintes que fazem parte do lote multiexercício de restituição do Imposto de Renda (IR). No total, o valor da soma de todos os créditos bancários é de R$ 159,9 milhões. As restituições se referem aos exercícios de 2008 a 2013.

As consultas podem ser feitas desde o dia 8 no site da Receita:
http://www.receita.fazenda.gov.br/Aplicacoes/Atrjo/ConsRest/Atual.app/index.asp

Também podem ser feitas pelo telefone 146 (opção 3) ou via aplicativo para dispositivos móveis (smartphones e tablets).

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com a Receita Federal, os valores das restituições serão corrigidos pela taxa Selic acumulada, que varia de 55,35% (para declarações de 2008) a 6,67% (2013).

Malha fina
No dia 16 de dezembro, a Receita liberou a consulta ao último lote de restituição do Imposto de Renda do exercício 2013 (ano-calendário 2012). As declarações que não estavam nesse último lote, nem nos anteriores, foram retidas na malha fina para verificação de pendências ou inconsistências, e eventual correção dos erros.

De acordo com a Receita, 711.309 mil declarações ficaram retidas na malha fina no ano passado, contra um total de 604.299 em 2012, um aumento de 17,7%. Segundo o Fisco, a omissão de rendimentos é o principal motivo de incidência na malha fina em 2013, com 373.820 declarações retidas por essa razão, o que representa 53% do total de 711 mil declarações consideradas “pendentes” no ano passado.

As restituições serão pagas somente após a questão ter sido resolvida – nos chamados lotes residuais do IR.

G1