Arquivo da tag: Lígia

Por 4×3, TRE decide manter direitos políticos de Ricardo e Lígia

Finalmente chegou ao fim nesta terça-feira (30) o julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) do Empreender. O processo foi protocolado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em 17 de dezembro de 2014. O ex-governador Ricardo Coutinho e a vice-governadora Lígia Feliciano foram absolvidos com 4 votos a favor e 3 contra, no pleno do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

O processo, de autoria do Ministério Público Eleitoral, contra o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), se refere as eleições de 2014, quando RC tentava a sua reeleição. De acordo com a matéria, Ricardo Coutinho, assim como a vice-governadora Lígia Feliciano, teriam praticado abuso de poder político com o uso do programa Empreender-PB na campanha eleitoral daquele ano.

O julgamento foi retomado hoje após pedido de vistas do presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Carlos Martins Beltrão Filho, que votou contrário ao relator.

O JULGAMENTO

A apreciação da ação  teve início no último dia 11 de julho, quando o relator José Ricardo Porto votou pela manutenção dos direitos políticos do ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), da atual vice-governadora Lígia Feliciano (PDT).

Na sequência do julgamento, o juiz Antônio Carneiro acompanhou o voto do relator, Zeca Porto, e optou por manter a elegibilidade do ex-governador Ricardo Coutinho e da vice-governadora Lígia Feliciano. Na semana passada, a juíza Michelini Jatobá e o magistrado Paulo Camará seguiram o entendimento do relator e também proferiram voto pela elegibilidade de Ricardo Coutinho.

Entenda:

A Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) foi protocolada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em 17 de dezembro de 2014. O ex-governador, a ex-vice-governadora Lígia Feliciano e outras cinco pessoas foram acionadas pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) por abuso de poder político e econômico nas Eleições 2014.

A Aije foi fundamentada no que foi apurado nas investigações realizadas em oito procedimentos administrativos relacionados ao evento “Plenária de Cultura”; distribuição de kit escolar com frase alusiva ao Governo do Estado; nomeação e contratação de servidores; e uso do programa Empreender-PB.

De acordo com o parecer do Ministério Público Eleitoral (MPE), entre as irregularidades no programa de crédito Empreender-PB identificadas durante a apuração, estão o “recebimento de benefícios por pessoas que não residiam na Paraíba, que não se enquadravam na filosofia do aludido programa ou com remuneração incompatível com o perfil exigido, menores de idade e pessoas falecidas”.

 

pbagora

 

 

Lígia diferencia candidatura da de Azevêdo: “Sou leve”

Defendendo as mesmas propostas que o candidato do governo, João Azevêdo (PSB), a vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) respondeu, na noite desta segunda-feira (23), o que vai diferenciar uma candidatura sua da do socialista.

“O que vai diferenciar talvez seja a visão do futuro, Eu sou leve e aprendi a escutar e cuidar das pessoas. Como o médico, que a primeira coisa que faz é escutar o paciente”, afirmou a pedetista em entrevista ao programa Frente a Frente, da TV Arapuan.

Lígia disse ainda que não se sente diminuída com declarações do governador Ricardo Coutinho (PSB) que tem enfatizado que ele é que foi eleito na Paraíba.  Para Lígia, ela sabe o seu tamanho e responsabilidade dentro da gestão.

“Eu posso dizer que posso ser pequena, posso ser humilde, mas eu vou à luta, eu não me curvo. Sou forte, determinada e com uma vontade enorme de trabalhar. É isso que me move. Essas outras questões de vaidades pessoais não me atingem”, pontuou a vice-governadora.

A vice-governadora avaliou a situação de disputar uma eleição imprensada entre as candidaturas de João Azevêdo e Lucélio Cartaxo (PV) e disse que fará um chamamento a quem acredita em suas propostas e não descartou conversar com a oposição na Paraíba.

“Vou conversar com qualquer um que queira escutar nossas propostas e que comprem também essas idéias que estão mudando a Paraíba. Não estou discutindo quem, mas o que nós podemos fazer pelo Estado”, argumentou.

Questionada sobre a possibilidade de participar de outras composições, sem necessariamente ser cabeça de chapa, Ligia repetiu que a pretensão do seu partido é lhe colocar na disputa para governadora.

“O PDT está colocando meu nome como pré-candidata ao governo do Estado. Eu estou conversando para dar continuidade a essas políticas. Acho que essas questões de coligações devem ser definidas durante as convenções no mês de agosto. Estou colocando nas conversas o meu nome porque tenho muita vontade de governar esse estado, mas isso vai depender dos paraibanos, das paraibanas e da força de Deus”, avisou.

Vice-governadora foi entrevistada no programa Frente a Frente, da TV Arapuan (foto: Wallison Bezerra)

Roberto Targino – MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

“PDT ainda trabalha em cima da pré-candidatura de Lígia”, diz Damião

O PDT, partido comandado na Paraíba pelo deputado federal Damião Feliciano, ainda trabalha em torno de uma pré-candidatura ao Governo da Paraíba, representada pelo nome da vice-governadora Lígia Feliciano (PDT). A confirmação foi dada hoje, durante evento na cidade de Bayeux, pelo deputado Damião.

“Nós estamos trabalhando em cima disso. Mas nós vamos consultar o povo. As pesquisas que nós temos em mãos é que ela está muito bem. Mas isso é uma construção que tem que ser feita. Ninguém pode ser candidato de si mesmo, ou alguém tem que dizer você tem que ser candidato e a pessoa ser. Não. Quem determina quem deve ser candidato ou não é o povo. É por isso que a candidatura de Lígia Feliciano ao Governo do Estado tem que passar primeiro pelo crivo do povo. Nós vamos consultar as bases, enfim, isso a gente vai construir para que seja o melhor par ao povo da Paraíba”, disse.

Apesar das declarações, o parlamentar ressaltou que a união PSB e PDT não se desfez.

“Continuamos dizendo que o PSB está ligado ao PDT, essa união não se desfez, não houve rompimento”, disse o parlamentar.

PB Agora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Lígia vai convocar imprensa para falar sobre rompimento com Ricardo

(Foto: Reprodução/Facebook)

A vice-governadora Lígia Feliciano e o deputado federal Damião Feliciano, ambos do PDT, irão convocar a imprensa para esclarecer o rompimento com o governador Ricardo Coutinho (PSB). O casal desembarcou nesta sexta-feira (13) no aeroporto Castro Pinto, em Bayeux, e foram flagrados pela repórter do Portal Correio, Sabrina Barbosa, mas não quiseram antecipar o conteúdo da conversa que pretendem ter com os jornalistas.

O estremecimento entre Lígia e Ricardo já era evidente há alguns meses, porém o racha ainda não havia sido oficializado. Primeiro, o secretário de Comunicação do Estado, Luís Tôrres, afirmou que não havia mais como conviver o governador e a vice conviverem em harmonia.

A partir daí o rompimento foi se confirmando até que na última quarta-feira (11), o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, oficializou o racha e anunciou a pré-candidatura de Lígia ao Governo do Estado.

Por

 Nice Almeida

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Hervázio acusa Lígia de agir ‘pelas costas’ de Ricardo

(Foto: Reprodução)

O líder do governo na Assembleia Legislativa, Hervázio Bezerra (PSB), disparou artilharia pesada na vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) nesta quarta-feira (11). O socialista acusou Lígia de ter agido pelas costas do governador Ricardo Coutinho (PSB) e disse que, somente por isso, ela foi escanteada, admitindo que o governador precisou “dar o troco”.

“O governador não tem meias palavras e foi bastante claro quanto a falha que Lígia cometeu em tentar, pelas costas, trabalhar para formar um novo governo.  Se sentindo traído o governador não teve opção a não  ser dar o troco com a mesma moeda, escanteando Lígia e a colocando no seu papel de vice, o que provocou o relacionamento amargo impossibilitando uma convivência”, admitiu Hervázio.

Por conta dessa situação, o líder desdenhou da força de Lígia e do deputado federal Damião Feliciano. “Não importa muito se ela sai ou fica no governo”, concluiu.

*Com Sabrina Barbosa

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Ciro Gomes defende candidatura de Lígia na Paraíba

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) afastou, nesta segunda-feira (18), na Paraíba, uma aproximação com o PMDB no sentido de firmar composições para as eleições 2018.

“Não quero alianças com o PMDB”, destacou o ex-ministro da Integração Nacional durante entrevista coletiva no auditório do Aeroporto Castro Pinto.

Ainda durante a entrevista, o pedetista defendeu a candidatura da vice-governadora Lígia Feliciano, vice-presidente nacional do PDT, para disputar o Governo do Estado no pleito eleitoral do próximo ano.

De acordo com Ciro Gome, o PDT tem interesse na candidatura de Lígia porque ela é preparada e, como foi uma boa vice, e é justo que  concorra o cargo de governadora do Estado.

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, também acompanha Ciro Gomes em sua agenda no Estado onde participa de eventos em João Pessoa e Campina Grande.

Depois da coletiva, Ciro segue até Campina Grande, onde vai proferir a palestra ‘O rumo certo para o Brasil’, a partir das 14h, na Quinta da Colina, no Bairro Catolé.

Em João Pessoa, o evento começará às 19h30, no auditório do Hotel Tambaú. As palestras são abertas e gratuitas e as inscrições podem ser feitas no site www.cironaparaiba.com.br

Cidadão de Campina Grande

Em Campina Grande Ciro deve receber o Título de Cidadão Campinense. A propositura foi apresentada pelo vereador Rodrigo Ramos, líder do PDT, e obteve o apoio dos demais parlamentares.

Assista:

Roberto Targino e Albemar Santos – MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br