Arquivo da tag: Libertadores

Libertadores será encerrada em campo e formato das Eliminatórias está mantido, anuncia Conmebol

Mesmo com as incertezas sobre a pandemia de covid-19 e o calendário apertado, a Conmebol anunciou que pretende encerrar a Libertadores e a Sul-Americana deste ano apenas em campo. Nove times brasileiros disputam essas competições.

Já em relação às Eliminatórias para a Copa de 2022, a entidade informou que a intenção é manter o formato atual, com 18 rodadas e pontos corridos. A projeção é que o torneio comece entre os dias 4 e 8 de setembro.

No mês passado, a Conmebol já havia anunciado o adiamento da Copa América deste ano para os meses de junho e julho de 2021, na Argentina e na Colômbia. Todas essas decisões, segundo a entidade, estão condicionadas à garantia de preservação da saúde de atletas e torcedores e à reabertura de fronteiras.

 

agenciadoradio

 

 

Conmebol decide suspender os jogos da Copa Libertadores da semana que vem

A Conmebol decidiu suspender os jogos da Copa Libertadores previstos para a semana que vem por causa da pandemia do novo coronavírus. A medida é válida para o período entre os dias 15 e 21 de março. Com isso, as partidas desta quinta-feira estão mantidas, como o clássico entre Grêmio e Internacional.

Outros jogos da Libertadores desta quinta-feira que não sofreram alteração são entre Nacional (URU) e Estudiantes de Mérida, da Venezuela, e Racing, da Argentina, contra Alianza Lima, do Peru.

A Conmebol divulgou a suspensão da Copa Libertadores no Twitter. No comunicado, a confederação sul-americana destaca os jogos da semana entre os dias 15 e 21 de março. Além disso, avisa que os ajustes ao calendário da competição serão feitos nas próximas semanas.

View image on Twitter

Vários times brasileiros tinham jogos marcados para a semana que vem. O Flamengo enfrentaria o Independiente del Valle, o Palmeiras visitaria o Bolívar, o Athletico-PR pegaria o Jorge Wilstermann, o São Paulo encararia o River Plate e o Santos mediria forças contra o Olimpia.

Após anúncio da Fifa, a Conmebol também confirmou o adiamento das duas primeiras rodadas das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, marcadas para o período entre 23 e 31 de março. Ainda não há nova data prevista para a realização dos jogos.

Comunicado Oficial

View image on Twitter
Partida entre Defensa y Justicia e Olimpia foi com portões fechados — Foto: Luis Vera/Getty Images — Foto: REUTERS/Jorge Adorno

Partida entre Defensa y Justicia e Olimpia foi com portões fechados — Foto: Luis Vera/Getty Images — Foto: REUTERS/Jorge Adorno

 

GE

 

 

Acidente de ônibus mata oito torcedores do Barcelona de Guayaquil que voltavam de jogo da Libertadores

Um grupo de torcedores do Barcelona de Guayaquil sofreu um grave acidente de trânsito que deixou oito mortos na madrugada deste sábado, na região de Máncora, no Peru, quando se dirigiam à fronteira com o Equador. De acordo com informações do Ministério da Saúde do Peru, o ônibus que trazia os fãs de volta a Guayaquil caiu de um precipício de 15 metros.

Ônibus despencou de precipício — Foto: Divulgação/Polícia Nacional do Peru

Ônibus despencou de precipício — Foto: Divulgação/Polícia Nacional do Peru

Os torcedores da equipe equatoriana viajaram ao Peru para acompanhar o duelo entre o Barcelona e o Sporting Cristal, pela segunda fase preliminar da Copa Libertadores, na última quinta-feira. Segundo informações do jornal “El Universo”, a polícia peruana indica que o número de feridos chega a 37 – sem detalhar o estado das vítimas.

Logo após o acidente com vítimas fatais ser confirmado pelas autoridades, os dois clubes vieram a público se manifestando sobre o fato.

– O Barcelona esteve desde a madrugada dedicado à situação do lamentável acidente de ônibus que levava nossos torcedores de volta ao Equador desde o Peru. Foram feitas e seguem sendo realizadas todos os procedimentos com as autoridades do Peru e do Equador, que cooperaram em todo sentido – disse o Barcelona, prometendo divulgar em próximo comunicado as ações oficiais a serem realizadas nos próximos dias.

View image on Twitter

O time peruano também mandou uma mensagem aos familiares das vítimas.

– Do Sporting Cristal, fazemos chegar nossas mais sentidas condolências aos familiares e amigos dos torcedores do Barcelona de Guayaquil, que faleceram em um lamentável acidente de trânsito. Ao mesmo tempo, desejamos pronta recuperação aos feridos.

Desde el @ClubSCristal hacemos llegar nuestras más sentidas condolencias a familiares y amigos de los aficionados del @BarcelonaSC que fallecieron en un lamentable accidente de tránsito.

Al mismo tiempo, deseamos pronta recuperación a los heridos.

View image on Twitter

O presidente do Equador, Lenín Moreno, também usou as redes sociais para se manifestar sobre o acidente.

– Nossa profunda solidariedade às famílias dos torcedores do Barcelona, falecidos em um acidente no Peru. Estamos coordenando a atenção a todos os afetados e os trâmites internacionais requeridos. Todo nosso apoio nestes duros momentos – escreveu.

GE

 

Ex-goleiro do Flamengo, Júlio César se emociona e desmaia na final da Libertadores

O segundo gol do Flamengo na final da Taça Libertadores da América levou os torcedores ao delírio e, é claro, mexeu com o emocional de todos, que não esperavam uma virada tão rápida diante do River Plate. Ídolo do clube, o ex-goleiro Júlio César não conseguiu segurar a emoção e chegou desmaiar na arquibancada do estádio Monumental, de Lima, no Peru.

Ele assistia ao jogo com Fred, do canal Desimpedidos, e ainda tentou segurar a camisa do apresentador antes de cair na arquibancada. Segundo Fred, Júlio César estava muito emocionado: “Desmaiou e começou a desabafar que tinha chegado no clube com 12 anos”.

No vídeo, Júlio César diz: “Só acaba quando o juiz apita”. Confira, abaixo:
Júlio César chegou ao Flamengo com 12 anos de idade e, aos 17, foi promovido ao time profissional. Conquistou 4 Campeonatos Cariocas (1999, 2000, 2001 e 2004), 1 Copa dos Campeões Mundiais (1997), 1 Copas dos Campeões (2001) e 1 uma Copa Mercosul (1999).

 

GE

 

 

Flamengo se sagra campeão brasileiro 24 horas após conquistar a Libertadores

Um dia após conquistar o bicampeonato da Libertadores, o Flamengo sagrou-se campeão brasileiro pela sétima vez, neste domingo (24), com o resultado do jogo entre Palmeiras e Grêmio, que terminou com a vitória do tricolor gaúcho por 2 a 1.

O detalhe é que o time rubro-negro não entrou em campo pela competição nacional neste fim de semana, já que a partida contra o Vasco foi antecipada.

Com a derrota, a equipe alviverde não conseguirá igualar o Flamengo em número de pontos até o final da competição.

Ao fim da 34ª rodada, o Flamengo possui 81 pontos, enquanto que o Palmeiras 68 pontos.

(Foto: reprodução/Flamengo)

http://paraiba.com.br/

 

 

Galvão Bueno sente mal-estar, e Luís Roberto vai narrar a final da Libertadores

O narrador Galvão Bueno teve um mal-estar na manhã desta quinta-feira em Lima – onde se encontrava para narrar a decisão da Libertadores. Ele foi levado para exames na clínica Anglo-Americana – no bairro de Miraflores.

Com o problema de Galvão, o Grupo Globo escalou Luis Roberto para narrar a final entre Flamengo e River Plate neste sábado, às 17h, na TV Globo e no GloboEsporte.com.

Veja abaixo a íntegra da nota divulgada pelo Grupo Globo:

Nosso companheiro Galvão Bueno teve um mal-estar hoje de manhã em Lima, onde se encontra para a narração da final da Libertadores. Ele foi levado para exames na clínica Anglo-Americana, no bairro de Miraflores, acompanhado por sua mulher Desiree Galvão Bueno. Foi atendido prontamente e está sendo submetido a um cateterismo para desobstrução de uma artéria coronariana. Todos nós desejamos ao querido Galvão uma rápida recuperação. O hospital divulgará ao término do procedimento um boletim médico. A narração da final da Libertadores será feita pelo companheiro Luis Roberto.

 

GE

 

 

O que fazem hoje os jogadores que disputaram a última final de Libertadores do Flamengo

Equipe tinha nomes marcantes, como Zico, Andrade e Adílio no elenco

Há 29 anos o Flamengo conquistava seu único título da Copa Libertadores da América. Depois dessa data, o clube sequer chegou a uma final da competição mais desejada da América do Sul. O novo duelo na decisão, diante do River Plate, neste sábado, em Lima, no Peru, tem movimentado as Bet 365 Apostas Esportivas para definir quem é o favorito do confronto.

A última vez que o clube carioca disputou a final da competição, o mundo era diferente. O Brasil estava sob a ditadura militar, no governo do general João Figueiredo e Nelson Piquet conquistava o seu primeiro título mundial na Fórmula 1.

Nos gramados brasileiros, um time encantava. o Flamengo comandado por Zico, Júnior e Nunes havia conquistado o Campeonato Brasileiro de 1980 e, com isso, tinha a chance de disputar a Libertadores. A caminhada foi concluída com o título, na final, diante do Cobreloa, do Chile.

O que será que os heróis dessa conquista estão fazendo atualmente?  Quem ainda está vivo para, quem sabe, assistir a mais um título do Flamengo na competição continental?

Zico, a maior estrela desse time, trabalhou como técnico após encerrar a carreira de jogador. Dirigiu times como Fenerbahçe, da Turquia e também a seleção japonesa. Atualmente, é diretor do Kashima Antlers do Japão.

Outro craque dessa equipe é Leovegildo Lins da Gama Júnior, mais conhecido como Júnior, considerado um dos melhores jogadores da história do futebol brasileiro. O ex-lateral-esquerdo é comentarista da TV Globo.

Outro peso pesado dessa equipe era o volante Andrade, responsável por iniciar as jogadas que, quase sempre, resultavam em gol. Após encerrar a carreira, ele trabalhou como técnico e conquistou, inclusive, o Campeonato Brasileiro de 2009, dirigindo o próprio Flamengo. Atualmente, ele está sem clube.

O camisa 9 da equipe era Nunes, que hoje faz comentários esporádicos em transmissões esportivas. O ex-jogador foi homenageado com um busto, neste ano, no aniversário de 124 do Flamengo.

O técnico desse time era Paulo César Carpegiani, nascido em Erechim, no Rio Grande do Sul. Dado curioso é que ele era jogador desta equipe e, ao se aposentar, assumiu o comando técnico do time. Após o Flamengo, ele dirigiu times no Brasil e no mundo, além de seleções. Seus principais títulos são a Libertadores e a Taça Intercontinental de 1981, o Campeonato Brasileiro de 1982, também com o rubro negro carioca, e duas edições do Campeonato Paraguaio (1992 e 1994), com o Cerro Porteño. Seu último clube, no ano passado, foi o Vitória, da Bahia.

O time campeão da Libertadores de 1981 era Raul; Leandro, Marinho/Figueiredo, Mozer e Júnior; Andrade, Adílio e Zico; Tita, Nunes e Lico.

 

 

 

Em casa, Grêmio arranca empate com Flamengo na 1ª semifinal da Libertadores

A semifinal brasileira da Copa Libertadores começou com empate. Dominado pelo Flamengo em boa parte do duelo, o Grêmio conseguiu arrancar a igualdade por 1 a 1, em Porto Alegre, nesta quarta-feira, no primeiro confronto da série que determinará o representante na decisão do torneio continental.

O Flamengo foi superior no primeiro tempo da partida, quando teve dois gols bem anulados após consulta ao VAR, e acabou sendo letal para abrir vantagem, com Bruno Henrique, quando era dominado pelo Grêmio. Só que depois desperdiçou várias oportunidades e acabou sendo vazado por Pepê no fim.

O time que vencer o duelo de volta marcado para 23 de outubro estará classificado à final, mas o Flamengo leva alguma vantagem para o duelo no Maracanã, pois, além de ser o mandante, avança com o placar de 0 a 0. Mas igualdades a partir de 2 a 2 são favoráveis ao Grêmio. E novo 1 a 1 leva o duelo aos pênaltis.

Na outra semifinal, o River Plate venceu o Boca Juniors por 2 a 0 em casa e agora defenderá a sua vantagem em 22 de outubro, no estádio de La Bombonera. E a decisão da Libertadores, em jogo único, está agendada para 23 de novembro, em Santiago.

O JOGO

O início da partida em Porto Alegre foi de domínio do Grêmio. Avançando com organização, encurralou o time da casa em seu campo de defesa, valorizou a posse de bola e foi criando chances de gol em sequência, contando com o talento de Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabriel. O uruguaio, aos oito, e Bruno Henrique, aos nove, quase marcaram, assim como Gabriel aos 14.

O Grêmio tentava responder com jogadas de velocidade, mas sem muito êxito. E era dominado pelo meio-campo do Flamengo, que teve gols bem anulados após o uso do VAR, sendo que Paulo Victor havia falhado em ambas as jogadas. As infrações foram de Gabriel, por falta em Kannemann e impedimento, sendo que o segundo gol havia sido dele, enquanto Everton Ribeiro tinha marcado primeiro.

A pressão do Flamengo não se manteve no restante da etapa inicial, mas o time seguiu com o jogo sob controle, diante de um Grêmio pouco criativo e que passou a cometer mais faltas para travar o rival – em um delas, inclusive, a arbitragem consultou o VAR para determinar o cartão amarelo a Michel por uma solada em Gerson.

O cenário do jogo se alterou no segundo tempo, com o Grêmio enfim conseguindo impor seu estilo. O time gaúcho trocava passes no campo de ataque, com a movimentação constante do trio composto por Alisson, Luan e Everton e passando a dar trabalho em Diego Alves. E quem apostava na velocidade e nos contra-ataques perigosos era o Flamengo, como em um de tabelinha entre Bruno Henrique e Gabriel, que bateu com perigo, mas para fora.

O Grêmio, por sua vez, teve oportunidades quase seguidas, com Everton e Matheus Henrique, com ambos parando em defesas difíceis de Diego Alves. E se o Grêmio não marcou nesse momento de pressão, o Flamengo não perdeu a chance na sequência. Aos 23, Arrascaeta cruzou da direita, Bruno Henrique apareceu nas costas de Galhardo e cabeceou para as redes, fazendo 1 a 0.

O gol abalou o Grêmio, que não conseguiu manter o bom rendimento do começo da etapa final, passando a ser dominado pelo Flamengo. O clube carioca desperdiçou chances de ampliar o placar, com Gabriel, Bruno Henrique e Pablo Marí. Acabou, então, sendo punido no fim, aos 42 minutos. Com Filipe Luís caído no ataque, Maicon acionou Everton na direita. Ele cruzou para Pepê completar na segunda trave, igualando o placar em 1 a 1.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 1 X 1 FLAMENGO

GRÊMIO – Paulo Victor; Galhardo, David Braz, Kannemann e Cortez; Matheus Henrique, Michel (Maicon), Alisson (Pepê), Luan e Everton; Diego Tardelli (André). Técnico: Renato Gaúcho.

FLAMENGO – Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson (Piris da Motta), Everton Ribeiro, Arrascaeta e Bruno Henrique (Vitinho); Gabriel. Técnico: Jorge Jesus.

GOLS – Bruno Henrique, aos 23, e Pepê, aos 42 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Néstor Pitana (Fifa/Argentina).

CARTÕES AMARELOS – Rodrigo Caio, Michel, Diego Tardelli e Kannemann.

RENDA – R$ 5.130.325,00

PÚBLICO – 47.947 pagantes (51.406 presentes).

LOCAL – Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).

 

 

Estadão

 

 

Flamengo bate o Inter e abre vantagem pela Libertadores

O Flamengo abriu boa vantagem na busca por um lugar na semifinal da Libertadores ao vencer por 2 a 0 o Internacional, nesta quarta-feira, no Maracanã. Sob os olhos de Tite, presente nas tribunas do estádio, o convocado Bruno Henrique foi o autor dos gols da vitória rubro-negra.

Os donos da casa dominaram grande parte do confronto, mas sofreram com a boa marcação do Internacional. No entanto, no segundo tempo, o Flamengo conseguiu passar pela retranca gaúcha para marcar duas vezes, com Bruno Henrique.

O jogo

A partida começou movimentada, com muita correria por parte das duas equipes. A primeira boa chance aconteceu somente aos oito minutos. Éverton Ribeiro chutou da entrada da área e obrigou Marcelo Lomba a espalmar para longe. Depois, foi a vez de Rodrigo Caio aproveitar escanteio, mas cabecear em cima do goleiro gaúcho.

O Internacional conseguiu equilibrar o confronto durante alguns minutos, só que pecava na parte ofensiva. O Flamengo continua buscando o ataque com mais intensidade e assustou novamente aos 18 minutos, em chute de Bruno Henrique que parou em Marcelo Lomba.

Durante boa parte da etapa inicial, o duelo ficou concentrado entre as intermediárias, com muitos lances físicos. O Flamengo seguia tendo o domínio da posse de bola, mas sofria com a boa marcação gaúcha. Os visitantes, quando tinham a bola, não aceleravam o jogo. Somente aos 45 minutos, os rubro-negros voltaram a ter chance de abrir o placar. Após cruzamento de Filipe Luís, Éverton Ribeiro dominou a bola na área e tocou para Gabigol. O atacante finalizou, mas foi travado por Rodrigo Moledo, que facilitou a defesa de Marcelo Lomba. Assim, o confronto ficou igual até o intervalo.

O segundo tempo iniciou com um nível de tensão maior. Tanto que a bola rolava pouco e as faltas ficaram mais frequentes. O Flamengo não conseguia exercer a mesma pressão da etapa inicial. Já o Internacional ficava com a bola no campo de ataque, mas sem qualquer objetividade.

Aos poucos, os donos da casa passaram a ter o domínio do confronto. No entanto, o Flamengo continuava tendo problemas para criar boas jogadas. Somente aos 29 minutos, os rubro-negros chegaram ao gol no Maracanã. Em contra-ataque rápido, Bruno Henrique foi lançado, mas foi travado por Victor Cuesta. A bola sobrou para Gerson, que tocou para o atacante mandar para a rede.

O gol fez o Internacional buscar o ataque, mas os gaúchos viram o Flamengo fazer o segundo aos 33 minutos. Bruno Henrique recebeu passe na área, girou sobre o marcador e chutou cruzado, sem chance para Marcelo Lomba.

Mesmo após o segundo gol, o Internacional não mudou a postura. Os gaúchos ainda tentavam os avanços, mas sofriam com os contra-ataques do Flamengo. Os cariocas tiveram a chance de ampliar a vantagem aos 40 minutos. Bruno Henrique foi lançado na área e dividiu com Marcelo Lomba. O atacante ficou com a bola e tocou para Gabigol. Só que o atacante furou a finalização para desespero dos rubro-negros.

Somente nos minutos finais, o Internacional criou uma jogada de perigo. Wellington Silva recebeu passe de Nico López, mas chutou pela linha de fundo. Os gaúchos seguiram em busca do gol e tiveram sua melhor oportunidade aos 46 minutos. Nico López roubou a bola de Pablo Marí, entrou na área, mas chutou pela linha de fundo, desta vez para desespero dos colorados. Assim, os donos casa casa mantiveram a vantagem até o apito final.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 2 X 0 INTERNACIONAL

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 21 de agosto de 2019 (Quarta-feira)

Horário: 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Roberto Tobar (Chile)

Assistentes: Christian Schiemann (Chile) e Claudio Rios (Chile)

Renda: R$ 4.758.998,75

Público: 60.797 pagantes

Cartões amarelos: Willian Arão e Rafinha (Flamengo); Guerrero e Patrick (Internacional)

GOLS: Bruno Henrique, aos 29 e 33min do segundo tempo

FLAMENGO: Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, Éverton Ribeiro (Berrío) e De Arrascaeta (Gerson); Bruno Henrique (Piris da Motta) e Gabigol

Técnico: Jorge Jesus

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba, Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel, Rodrigo Lindoso, Edenílson (Guilherme Parede), D´Alessandro (Nico López) e Patrick, Rafael Sóbis (Wellington Silva) e Paolo Guerrero

Técnico: Odair Hellman

 

 

Gazeta Press

 

Libertadores terá três duelos Brasil x Argentina nas oitavas

A Conmebol sorteou na noite desta segunda-feira em sua sede, no Paraguai, os oito confrontos de oitavas de final da Copa Libertadores, que terão início só depois da Copa América. Os jogos de ida serão entre 23 a 25 de julho, enquanto a volta acontece de 30 de julho a 1º de agosto. São mais de dois meses, portanto, entre o fim da fase de grupos e o início das oitavas.

Os destaques são os três duelos Brasil x Argentina logo de cara: Cruzeiro x River Plate, Palmeiras x Godoy Cruz e Athletico-PR x Boca Juniors – este último, uma repetição dos duelos da fase de grupos. Flamengo, Inter e Grêmio pegam Emelec, Nacional e Libertad, respectivamente.

Os confrontos ficaram assim:*

  • Palmeiras x Godoy Cruz-ARG
  • Cruzeiro x River Plate-ARG
  • Internacional x Nacional-URU
  • Cerro Porteño-PAR x San Lorenzo-ARG
  • Libertad-PAR x Grêmio
  • Boca Juniors-ARG x Athletico-PR
  • Flamengo x Emelec-EQU
  • Olimpia-PAR x LDU Quito-EQU

*Os times da esquerda, líderes de seus grupos, decidem a vaga em casa.

Sorteio da Libertadores ocorreu na noite desta segunda-feira — Foto: EFE/Andrés Cristaldo

Sorteio da Libertadores ocorreu na noite desta segunda-feira — Foto: EFE/Andrés Cristaldo

A Conmebol também já definiu o chaveamento até a final: há possibilidades de Flamengo x Internacional e Palmeiras x Grêmio nas quartas de final, caso todos os brasileiros passem.

O sorteio foi simples: os primeiros colocados foram inseridos no Pote 1, enquanto os segundos colocados foram para o Pote 2. Os cruzamentos foram sorteados um a um entre os integrantes dos dois potes – não houve restrição a nenhum confronto, nem mesmo com adversários do mesmo país ou que já se enfrentaram na fase de grupos.

View image on Twitter

Havia, portanto, possibilidade de um clássico entre Grêmio x Inter, ou um Boca x River. Os dois encontros, porém, só podem acontecer em eventuais semifinais.

Importante: na Libertadores, gol fora de casa vale como critério de desempate.

Com a melhor campanha da primeira fase, o Palmeiras tem a possibilidade de decidir todos os confrontos em casa até as semifinais. A final será em jogo único, dia 23 de novembro, em Santiago, no Chile.

Mudanças na lista

A Conmebol permite cinco alterações na lista de 30 jogadores dos clubes para as oitavas de final. Depois, são mais duas mudanças permitidas nas quartas, e outras duas nas semifinais. Para a grande final, nenhuma troca na lista será possível.

GE