Arquivo da tag: junino

Circuito Junino do Brejo tem inicio em Caiçara neste sábado

A maior e melhor Rota Junina da Paraíba tem início neste sábado (15), com a abertura oficial em Caiçara. O Festival de Quadrilhas etapa Brejo, abre o Circuito Junino do Brejo da Globo Nordeste.

Caiçara dá o ponta pé inicial no evento neste sábado e comemora o seu São Pedro nos dias 28 e 29 de junho, já Bananeiras, Solânea e Borborema se preparam para realizar o São João com a multiculturalidade dos seus estilos e públicos, entre os dias 20 e 24 de junho.
E para encerrar, a cidade de Belém tem no tradicional São Pedro sua marca registrada entre os dias 04 e 06 de Julho.

As apresentações de quadrilhas é um dos marcos dos festejos de Caiçara, reunindo diversos grupos de cidades vizinhas que disputam uma vaga na etapa Nordeste.

Confira os horários das apresentações:

18h – Junina da 3° Idade
18:30h –Garajas da Serra
19h – Junina de Bem Com a Vida
19:40h – Jeito Nordestino
20:20h – Raízes de Borborema
21h – Junina Dança Nordestina
21:40h – Explosão Matuta
22:20h – Jat Tradição da Serra
23h – Xote Caipira
23:40h – Mistura Junina
00:20h – Junina Manuel Cardoso.

 

Ascom – CJB

 

 

Transporte de turistas terá fiscalização intensificada durante o período junino na PB

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER), a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-João Pessoa) e Polícia Rodoviária federal (PRF) irão intensificar a fiscalização do transporte de turistas durante o período junino nas estradas que cortam a capital e o interior paraibano. O foco principal da ação ocorrerá nas rodovias estaduais e federais em direção a Campina Grande, ao distrito de Galante, Sousa, Cajazeiras e demais cidades que tenham tradição em promover festejos juninos. A ação visa garantir a segurança da população, em especial dos turistas, para que não enfrentam problemas por locarem ou contratarem serviços de transportes irregulares ou clandestinos.

De acordo com a presidente da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Ruth Avelino, todo veículo que não esteja inscrito ou dispor do selo do Cadastur (Cadastro dos Prestadores de Turismo do Ministério do Turismo), na Paraíba, será multado e até apreendido, não podendo seguir viagem. Ruth Avelino explicou que essas deliberações ficaram acertadas durante uma reunião solicitada pelo Sindicato dos Transportes Turísticos do Estado da Paraíba (Sindistranstur-PB) e realizada na última quinta-feira (19) na sede da estatal, reunindo representantes dos órgãos envolvidos na fiscalização

A coordenadora regional dos Serviços Turísticos na Paraíba, Maria José Belizário, informou que vai enviar aos órgãos de fiscalização a lista dos veículos de turismo cadastrados e regularizados junto ao Ministério do Turismo (MTur), bem como toda a legislação turística. Mara informou que a PBTur e o Sindistranstur deverão realizar reunião também em Campina Grande para tratar do assunto com os órgãos competentes da cidade. Mara avisa que para realizar as viagens, os proprietários dos veículos têm que solicitar uma Licença de Viagem junto ao DER. “Esse documento pode ser solicitado para cada viagem nos postos do DER instalados nas rodoviárias de João Pessoa e Campina Grande”, informou.

Ruth Avelino disse que a estatal do Turismo está intermediando junto ao Sindicato os procedimentos para garantir a fiscalização desses serviços. “Essas ações serão intensificadas antes dos festejos juninos desse ano, quando o fluxo de turistas é muito intenso em nosso estado”. Ruth destacou que a execução dessas medidas são importantes para a segurança do usuário e na qualidade dos serviços turísticos.

Secom

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Sudema fiscaliza comércio de lenha para fogueiras no período junino

A equipe de fiscalização da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema) está trabalhando contra a venda ilegal de lenha para fogueiras, durante o período junino. As ações acontecem todos os dias da semana, em pontos estratégicos de venda de lenha na capital e no interior do estado.

Os fiscais verificam se o comerciante tem autorização da Sudema para a venda da lenha e analisam também a espécie da lenha, se ela foi extraída de árvores frutíferas, exóticas ou nativas. Caso a lenha seja de árvore nativa, o comerciante é autuado em flagrante e a lenha apreendida.

Expor à venda produtos de origem vegetal, sem licença, é considerado crime. Este tipo de delito está enquadrado em duas leis, a de crimes administrativos e a de crimes ambientais. Nas infrações e sanções administrativas ao meio ambiente, que são regidas pelo Decreto Federal 6.514, no artigo 47, a multa é de R$ 300,00 (trezentos reais) por unidade ou por metro cúbico.  Já nas leis de crimes ambientais, artigo 46, a pena prevê detenção de seis meses a um ano, além da multa no mesmo valor da aplicada por crime administrativo.

A lenha permitida para a venda é a originária de qualquer árvore frutífera e das árvores exóticas como, algaroba e eucalipto. Já a lenha retirada de árvores da espécie jurema e marmeleiro é considerada ilegal e tem sua venda proibida, por significar desmatamento de áreas de florestas brasileiras.

Para o consumidor estar amparado na hora da compra da lenha, basta solicitar ao vendedor a autorização de venda da Sudema. Em caso de qualquer irregularidade, o consumidor deve procurar a Sudema, o Batalhão Ambiental ou o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Qualquer denúncia de venda ilegal de lenha pode ser realizada através dos telefones: 3218-5591/8839-1909 (Sudema), 3218-7222 ou 3218-7246 (Batalhão Ambiental) e 0800-61-8080 (Linha Verde/Ibama).

São João Consciente – A Sudema orienta que as fogueiras não sejam feitas sobre o asfalto, embaixo de árvores e da rede elétrica, como também deve ser respeitada a distância mínima de 200 metros de escolas, hospitais e parques. Outra orientação para brincar o São João de forma consciente é para que os moradores se organizem e façam apenas uma fogueira por rua, minimizando assim a emissão de poluentes atmosféricos.

paraibaurgente

Campanha estimula doação de sangue no período junino

O Hemocentro da Paraíba, em parceria com o Centro ProAtivo e o DoeSangue PB, realiza a campanha “Sangue Junino”, nos dias 15 e 16 de junho em João Pessoa e Campina Grande respectivamente. A ação conjunta tem como objetivo sensibilizar a população sobre a importância da doação, além de aumentar o numero de bolsas de sangue no estoque dos hemocentros, já que neste período cresce o número de acidentes de trânsito, além de vítimas de queimaduras.

Em João Pessoa, esta será a segunda edição da campanha e os doadores poderão procurar, no dia 15, o Hemocentro, que fica localizado na Av. Pedro II, número 1.119 e também a unidade de coleta móvel, instalada no Parque Sólon de Lucena, próximo a Lagoa. O movimento está sendo ampliado para a cidade de Campina Grande, e as doações poderão ser feitas no Hemocentro Regional e na Praça da Bandeira, onde ficará a Unidade de Coleta Móvel, no dia 16.

Movimento Doe Sangue – O movimento é liderado por jovens voluntários que tem como principal objetivo estimular a doação de sangue, divulgando pedidos de doações, informações sobre a importância da doação de sangue, notícias e dicas. Tudo é feito através das mídias sociais, tendo como principal ferramenta o twitter: twitter.com/DoeSanguePB.

Centro Proativo – é um projeto de cunho social com objetivos amplos, que visa oferecer oportunidades para mudança de vida efetiva das pessoas, além de ajudar aqueles que mais precisam.

Secom-JP