Arquivo da tag: indiciada

Mulher é indiciada por agredir cachorro com facão em Bananeiras

Na tarde desse sábado (11) o Copom da 7ª CIPM foi informado de que uma mulher teria golpeado com um facão um cachorro quase até a morte. O fato aconteceu na rua Alfredo Guimarães em Bananeiras e confirmado pela polícia.

Josilene Soares, de 38 anos, confessou o crime alegando que utilizou o facão para impedir uma briga do seu animal com o cachorro golpeado por ela.

Vídeos do animal foram espalhados pelas redes sociais causando revolta dos moradores.

Segundo o delegado seccional, Diogênes Fernandes, a mulher foi conduzida até a delegacia e responderá por maus tratos a animal e crime ambiental.

Errata

O Focando a Notícia esclarece que, ao contrário do que foi noticiado, o cachorro não morreu. Ele foi socorrido pela ONG Gaas Solânea e está sendo cuidado pela equipe da ONG, que tem resgatado e cuidado de vários animais.

Redação FN

 

 

 

Jovem que acusa Feliciano de abuso é indiciada por extorsão

jovemO delegado titular do 3º Distrito Policial, Luiz Roberto Hellmeister, indiciou formalmente nesta quinta-feira a jornalista Patrícia Lelis, de 22 anos, por suspeita de denunciação caluniosa e extorsão. Segundo o delegado, a jovem mentiu em depoimento ao dizer que foi ameaçada e mantida em cárcere privado pelo assessor parlamentar do deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP), Talma Bauer, que foi exonerado do cargo após o envolvimento no caso. Hellmeister afirmou ao site de VEJA que ao final do inquérito pedirá a prisão preventiva de Patrícia.

O inquérito conduzido pelo 3º DP apura somente as denúncias feitas por Patrícia contra o assessor parlamentar, que é investigador de polícia aposentado. No dia 5 de agosto, ele chegou a ser preso, mas logo foi liberado.

Outro inquérito instaurado em Brasília apura a denúncia de Patrícia de que o deputado Marco Feliciano tentou estuprá-la e a agrediu em seu apartamento funcional no dia 15 de junho. Segundo o depoimento da jovem, que foi refutado pela polícia de São Paulo, Talma teria lhe forçado a desmentir as acusações contra o parlamentar, o que foi feito em vídeos divulgados nas redes sociais.

Veja

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Idosa que matou invasor no RS será indiciada, diz delegado

A idosa de 87 anos que matou um homem após ele invadir sua casa no sábado (9), em Caxias do Sul (RS), será indiciada sob suspeita de homicídio doloso (com intenção de matar), de acordo com a Polícia Civil.

A aposentada Odete Prá matou o homem com três tiros, segundo sua família, após ele entrar no apartamento em que ela vive sozinha. A mulher suspeitava que ele fosse roubar a casa. Até o momento em que foi morto, ainda no apartamento, o suspeito não havia pegado nada.

O delegado que investiga o caso, Joigler Paduano, disse que a polícia tem que indiciar a idosa porque o homicídio efetivamente ocorreu. Ele afirmou que caberá ao promotor e ao juiz do caso avaliar a alegação de legítima defesa e decidir se ela será julgada ou não.

Segundo a família, a idosa atirou para se defender, porque o homem a ameaçou. Ela vai responder em liberdade.

O delegado disse que o suspeito assassinado ainda não foi identificado, mas que acredita que ele tenha antecedentes criminais. “Se for a pessoa que a gente imagina, o cara tem duas folhas de antecedentes, é de extrema periculosidade. Ela fez o certo”, disse.

Ainda de acordo com o delegado, Odete não tem posse de arma e pode ser indiciada também por isso. Segundo sua família, o revólver calibre 32 usado para matar o suspeito estava guardado e carregado há 35 anos.

Folha Online