Arquivo da tag: inauguração

Inauguração da 1ª Delegacia Regional de CG do Conselho Regional dos Despachantes Documentalistas do Estado da Paraíba

O Conselho Regional dos Despachantes Documentalistas do Estado da Paraíba estará inaugurando a sede da 1ª Delegacia Regional de Campina Grande no próximo sábado, dia 02 de junho. A inauguração contará com atrações artísticas da terra como Tropeiros da Borborema e Quadrilhas juninas. Localizada na Rua Getúlio Cavalcante, 200, no Bairro da Liberdade, a nova sede já vem funcionando desde o dia 03 de maio com serviços disponibilizados pelo DETRAN, para os Despachantes Documentalistas credenciados, nos setores de Divisões de Habilitação e Registro de Veículos, com estrutura para encaminhamento de processos de Registro de Veículos e emissão dos documentos de seus clientes (CRLV-Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo e CRV- Certificado de Registro de Veículo), além de terminais de autoatendimento para consultas rápidas e emissão de guias. O CRDD/PB também preparou, para esta comemoração, duas palestras que serão realizadas no dia 01 de junho (sexta-feira), no Auditório da Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande, na Avenida Floriano Peixoto, 715 – Centro, Campina Grande. A primeira palestra será às 15h e terá como tema: “Banco Daycoval O Novo Parceiro Dos Despachantes”, Produto “Parcelamento De Débitos Através De Cartões De Crédito” com o palestrante, Waldir José Sampaio, Diretor na WLLM Consultoria em Negócios. Já a segunda, às 16h, com tema: “Selo Eletrônico, comodidade e conforto aliado a segurança e acompanhamento dos processos” será ministrada por Sérgio Soares, Diretor-Presidente do Grupo Criar.

Janaína Carvalho para o Focando a Notícia

Blog denuncia: Prefeitura fecha PB 097 para inauguração do portal mais caro do brejo paraibano

Uma tamanha irresponsabilidade administrativa, muito transtorno e aborrecimento para todos que precisarão se deslocar para outras localidades, várias pessoas prejudicadas em nome da política do ego. Assim foi este último sábado (12) na pequena Alagoa Nova PB.
O fechamento da rodovia, o qual foi divulgado pouco antes da interrupção do trânsito, provocou muita revolta na população alagoanovense, a circulação de veículos foi desviada para uma estrada de terra sem a menor condições de trafego de veículos em grande escala, os carros ficaram “empancados” e por um bom tempo não entrava nem saia ninguém de Alagoa Nova, até ambulâncias ficaram presas no transtorno provocado pela festança da prefeitura.
Das 15:30 até as 21:30 o transito ficou congestionado, o cantor Capilé e Banda fizeram a festa em cima de um trio elétrico, os políticos locais discursaram por horas, tudo lembrando os antigos showmícios proibidos por lei, algo tipo uma prévia da corrida eleitoral, de certa forma e de forma injusta o uso da máquina administrativa para preparar um palco político.
É lamentável a falta de prioridade nas questões políticas administrativas do município de Alagoa Nova, o direito de ir e vir obstruído por uma festa desorganizada e literalmente política partidária, o direito ao socorro de emergência praticamente vetado pela insensatez e falta de noção de uma gestão pouco preocupada com os verdadeiros anseios de uma população.
Fechar uma rodovia para festa é verdadeiramente um verdadeiro absurdo, será que não existe sensibilidade administrativa na atual gestão, será que está ação não foi estudada, será que ninguém questionou o caos que o ato poderia causar, será que ninguém pensou nos ônibus e motoristas alternativos, os quais trafegam a trabalho levando trabalhadores que muitas vezes têm hora marcada. Na verdade, o que fica entre as orelhas em todo mundo sabe usar, administrar não depende uma caneta, mas sim de responsabilidade, sensibilidade e acima de tudo prioridade, mas pelo visto prioridade popular não é exatamente o foco administrativo em Alagoa Nova.
Confira o palco político montado, as fotos lembram os showmícios realizados em campanhas passadas, se é legal não sabemos, mas sabe-se que pelo menos no período das eleições isso não poderá acontecer, assim a disputa política poderá ser um pouco mais justa.

 

 

 
















Alagoa Nova em Foco
Fotos: Facebook da Prefeitura

De Brasília, RC anuncia inauguração da barragem de Jandaia; governador vive aproximação com Dilma

O governado Ricardo Coutinho disse que hoje a Paraíba é um canteiro de obras e atribuiu o fato austeridade implantada por ele no Governo, destacando que no Próximo sábado (dia 14), vai inaugurar a Barragem de Jandaia, no Município de Bananeiras, uma obra completamente realizada no Governo dele, um investimento da ordem de 13 milhões de reais.

A declaração aconteceu durante a participação dele no Programa Rádio Verdade, apresentado pelo radialista Batista Silva e os jornalistas Petrônio Tôrres e João Costa. A participação dele foi por telefone, depois dele ter participado da solenidade de lançamento de uma nova etapa do Programa Minha Casa Minha Vida, que vai construir 102 mil casas em todo o Brasil.

Ricardo afirmou que a Paraíba hoje é uma referência na captação de recursos públicos e privados, revelando que 60 por cento das casas que vão ser construídas pelo projeto “Minha Casa Minha Vida” vão ser no Nordeste e desse total 12 por cento na Paraíba.

Ele contou que o programa vai atender municípios com até 50 mil habitantes e no estado vão ser construídas 7 mil e 225 casas e desse total o estado vai construir através da Cehap, duas mil e 425 unidades.

Na solenidade ele falou em nome dos Governadores e conclamou aos prefeitos a dotarem os futuros conjuntos habitacionais com escolas, creches, postos de saúde e praças, para melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Sobre as obras que o Governo do Estado, ele citou a licitação para a construção da adutora Aroeiras até Gado Bravo, o canal de integração entre a Barragem de Acauã e Araçagi, uma adutora para abastecer as cidades de Mamanguape e Rio Tinto, além de 900 quilômetros de estradas construídas ou recuperadas, um investimento de cerca de 400 milhões de reais.

Abaixo leia artigo do blogueiro Luis Torres sobre aproximação do governador com a presidente Dilma Rosseff.

Dilma e Ricardo: quando os iguais se atraem e os reflexos positivos para PB

Qualquer observador distante do cenário político administrativo da Paraíba vai perceber que há algo bem engrenado entre o governador Ricardo Coutinho e a presidente Dilma. Depois de várias audiências em Brasília, convites pessoais para viagens internacionais como a presidente e outros sinais, Ricardo foi surpreendido hoje com sugestão da petista para representar os governadores em solenidade sobre os avanços do programa Minha Casa, Minha Vida, carro chefe dos projetos governamentais.

 

É visível, então, certa afinidade entre a presidente do Brasil e o governador da Paraíba, algo que sugere, ao menos teoricamente, uma esperança. A Paraíba, que viveu sempre à margem do desenvolvimento do Nordeste em função de relativo desequilíbrio nos investimentos da União em relação a outros estados nordestinos, pode entrar no gosto da pauta presidencial.

 

Seria ainda romântico pensar que, assim como aconteceu com Pernambuco no governo Lula, a Paraíba pudesse ser uma nova prioridade do governo federal. E que Ricardo passasse a ser o “Eduardo Campos” de Dilma. Mas pela relação que Ricardo tem mantido com a presidente, que parece gostar da gestão rigorosa que o governador paraibano adota quando o assunto é contas públicas, supõe-se que está se criando um cenário melhor do que os anteriores. E que isso se traduza, além de fotos, em investimentos, obras e ações estruturantes para nosso Estado.

 

Soma-se a isso o fato da Paraíba dispor hoje de um paraibano no Ministério das Cidades.

As relações neste sentido vão se encaixando levando a pequenina Paraíba para o centro do poder federal. Com posturas um pouco parecidas, especialmente no que diz respeito ao trato com a classe política, Ricardo e Dilma tem demonstrado que, assim como os opostos, os iguais também se atraem.

 

E a Paraíba, ou parte dela que não em ciúmes políticos mesquinhos, torce e espera pelos frutos dessa aparente atração.

 

Luís Tôrres

Jonas Batista

Cássio prestigia inauguração da agência do INSS em Mari

O senador Cássio Cunha Lima marcou presença na solenidade de inauguração da agência do Instituto Nacional da Seguridade Social do município de Mari, que ocorreu na manhã desta segunda-feira, sob o comando do ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho.

Na sua fala, o senador aproveitou para agradecer o apoio do povo mariense que lhe deu consagradora maioria nas eleições de 2010 e que a sua presença naquela solenidade, também após o convite do ministro Garibaldi Alves, era para manter o seu compromisso com aquela cidade e em especial junto aos aposentados por quem desde o seu primeiro mandato como deputado constituinte fez questão de trabalhar com ações concretas.

Cássio lembrou que ele foi o responsável pelo dispositivo na Constituição que determina que nenhum aposentado pode receber menos que um salário mínimo. Antes de 1988, os aposentados do antigo “funrural”, recebiam meio salário mínimo.

O senador paraibano também citou o fato do aposentado da zona rural se aposentar com cinco anos a menos que aposentado da zona urbana que foi uma ação direta sua na Assembleia Nacional Constituinte.

Vários parlamentares da bancada federal e estadual da Paraíba estiveram presentes à solenidade além do governador da Paraíba em exercício, desembargados Abraham Lincoln que acompanhou o ministro Garibaldi Alves em sua estadia na Paraíba. Após a solenidade de Mari, a comitiva seguiu para Alagoa Grande a fim de entregar a nova agência local do INSS e por ter voo marcado para Brasília, o senador Cássio não pôde comparecer, mas fez questão de agradecer ao ministro, em nome dos paraibanos, as ações do Ministério da Previdência no nosso estado.

Assessoria do senador Cássio Cunha Lima

Couto participa, nesta segunda, das inaugurações das Agências da Previdência Social em Mari e Alagoa Grande

O deputado federal Luiz Couto (PT) participa nesta segunda-feira (9) das inaugurações das Agências da Previdência Social nas cidades paraibanas de Mari, às 10h30, e Alagoa Grande, 14h30.  O ministro da pasta, Garibaldi Alves Filho, estará pessoalmente na solenidade.
Outras autoridades também se farão presentes.

As duas unidades integram o Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX), que prevê a construção de novas agências no estado, como já ocorreu em Bananeiras, Pedras de Fogo e São Bento. A edificação do prédio se dá através de parcerias com os municípios,  a quem compete a doação dos terrenos.

Luiz Couto teve atuação decisiva para que essa expansão fosse possível, a começar pelos vários contatos mantidos com o ministro da Previdência, na gestão do ex-presidente Lula, José Pimentel. O assunto tratado era, quase sempre, a interiorização do atendimento
visando facilitar o acesso da população paraibana aos serviços do INSS.

Como se não bastasse a insistência nas audiências com o ministro, os inúmeros debates travados nas comissões e no plenário da Câmara sobre o tema, o deputado Couto conseguiu disponibilizar em 2009, no Orçamento Geral da União, 10 milhões de reais para a construção  de 10 unidades do INSS na Paraíba, além da ampliação e recuperação de outras, a exemplo de Santa Luzia, no Sertão, que ganhou prédio próprio – era alugado – e instalações adequadas (duas salas de perícia médica, uma de serviço social e oito guichês de atendimento).

Nas duas unidades que passarão a funcionar a partir desta segunda, o ministério investiu R$ 1,7 milhão. A agência de Mari atenderá na rua Costa e Silva, s/n –  centro, e em Alagoa Grande na rua Presidente João Pessoa,s/n, centro.

“Felizmente a presidente Dilma vem dando continuidadade a um marco do Governo Lula que assegura uma política previdenciária de  proteção e bem-estar social as nossas famílias, destacou Luiz Couto.

As Agências da Previdência Social são responsáveis pela inscrição do contribuinte, para fins de recolhimento, bem como pelo reconhecimento inicial, manutenção e revisão de direitos ao recebimento de benefícios previdenciários e ampliação do controle social.

Expansão – Após a implantação completa do PEX, a Paraíba passará a contar com 39 unidades da Previdência Social. As agências são construídas em cidades com mais de 20 mil habitantes desprovidas desse serviço. Ao todo, está previsto investimento de R$ 28,5
milhões na Paraíba para expandir e recuperar a rede de atendimento já existente.


Fonte: Ascom de Luiz Couto
Focando a Notícia