Arquivo da tag: horas

Em 24 horas, Paraíba confirma 142 novos casos de Covid-19 e 6 óbitos; recuperados chegam a 227

A sétima semana de combate ao novo Coronavírus (Covid-19) na Paraíba começa com a informação de que o Estado já notificou 1361 casos da doença. 2014 testaram negativo para Covid-19, portanto, casos descartados.

Dos casos confirmados, infelizmente, 85 faleceram e 227 já se recuperaram, segundo informações das Secretarias Municipais de Saúde. Outros 2014 casos investigados já foram descartados para Covid-19. Dos 370 leitos de UTI previstos no plano de Contingência para Coronavírus, 179 já estão ativos, 49% deles ocupados.

Os casos confirmados estão em 70 municípios paraibanos: Alagoa Grande (2); Alagoa Nova (1); Alagoinha (1); Alhandra (8); Araçagi (1); Areia (1); Barra de São Miguel (1); Bayeux (44); Bom Jesus (1); Boqueirão (1); Brejo do Cruz (1); Caaporã (4); Cabedelo (44); Caiçara (1); Cajazeiras (12); Campina Grande (67); Casserengue (1); Catingueira (1); Conde (17); Congo (1); Coremas (3); Coxixola (3); Cruz do Espírito Santo (6); Esperança (2); Guarabira (24); Gurinhém (2); Igaracy (1); Imaculada (3); Itabaiana (2); Itaporanga (1); Itapororoca (4); João Pessoa (802); Junco do Seridó (3); Lagoa Seca (2); Lucena (5); Mamanguape (3); Mari (8); Marizópolis (3); Mataraca (1); Monteiro (1); Mulungu (3); Nova Floresta (1) Patos (27); Pedras de Fogo (10); Piancó (1); Pilar (2); Pilõezinhos (2); Pirpirituba (1); Pitimbu (2); Pombal (2); Princesa Isabel (1); Queimadas (2); Riachão Poço (1); Riacho dos Cavalos (1); Rio Tinto (4); Santa Helena (1); Santa Rita (122); São Bento (5); São João do Rio do Peixe (6); São José de Espinharas (1); São José de Piranhas (1); São José do Bonfim (1); Sapé (48); Serra Branca (1); Serra da Raíz (1); Serra Redonda (1); Sousa (15); Taperoá (5); Uirauna (1); Umbuzeiro (2).

6 óbitos foram notificados nas últimas 24h:

  • Homem, adulto, 59 anos, com comorbidade, Etilista, residente em Lagoa Seca, inicio dos sintomas no dia 18 de abril, interno em hospital público e veio a óbito no dia 4 de maio;
  • Homem, idoso, 68 anos, com comorbidade, Doença Renal Crônica, residente em Cruz do Espírito Santo , inicio dos sintomas no dia 25 de abril interno em hospital público e veio a óbito no dia 30 do mesmo mês;
  • Homem, adulto, 40 anos, diabético, residente em Santa Rita, inicio do sintomas no dia 3 de maio, interno em hospital público e veio a óbito no mesmo dia;
  • Mulher, 63 anos, com comorbidade, Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, residente em João Pessoa, inicio do sintomas no dia 27 de abril, interno em hospital público e veio a óbito no dia 1 de maio;
  • Mulher, 83 anos, com comorbidade, Doença cardiovascular crônica, Hipertensa, diabética, obesidade,residente em Pedras de Fogo, inicio do sintomas no dia 26 de abril, interno em hospital público e veio a óbito no dia 4 de maio;
  • Homem, 64 anos, com comorbidade, Hipertenso, diabético, obeso, residente em Alhandra, inicio do sintomas no dia 27 de abril, interno em hospital público e veio a óbito no dia 4 de maio.

Redação Paraíba Debate

 

 

Covid-19: nas últimas 24 horas, 173 pessoas internadas tiveram alta no Brasil

Dados do Ministério da Saúde mostram que 173 pessoas que haviam sido internadas com covid-19 tiveram alta do leito ou da Unidade de Tratamento Intensivo nas últimas 24 horas. É a primeira vez que pasta divulga número de pacientes recuperados da doença, causada pelo novo coronavírus.

Os gestores do Ministério da Saúde disseram que pretendem passar a informar os números de pacientes recuperados em breve

O Brasil chegou a 667 mortes por covid-19, segundo atualização do Ministério da Saúde divulgada hoje. O número representa um aumento de 20% em relação a ontem (6), quando foram registrados 553 óbitos.

Isolamento social

Em entrevista coletiva à imprensa nesta terça-feira (7), o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta defendeu a nova orientação que prevê a possibilidade de estados e municípios adotarem um isolamento seletivo, caso cumpram determinadas condições. Ele afirmou que essas orientações foram um pedido dos governadores e o Ministério ofereceu parâmetros.

“Aquilo são princípios. Mas o Ministério da Saúde nunca é quem adota o grau de rigidez. Os estados pediram: deem a nós alguns critérios. Somos país de 215 milhões. Temos cidades que não têm nenhum caso e fez paralisia total das suas atividades”, comentou Mandetta.

O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, durante a coletiva de imprensa sobre à infecção pelo novo coronavírus – Marcello Casal JrAgência Brasil
“Não estamos falando de abrir tudo. Por precaução, se tenho metade dos leitos disponíveis, é razoável que comece a vida voltar à normalidade. Não podemos ter movimento de manada, achando que lugares são iguais. Mas é óbvio que em determinadas situações, em localidades, a depender do contexto epidemiológico, o gestor pode estabelecer bloqueio total”, acrescentou o secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira.

No estado do Rio de Janeiro, o governo emitiu decreto liberando o comércio de 30 municípios onde não há casos do novo coronavírus. Em Minas Gerais, 150 municípios flexibilizaram as regras de distanciamento social.O secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos do Ministério da Saúde, Denizar Vianna, durante a coletiva de imprensa sobre à infecção pelo novo coronavírus – Marcello Casal JrAgência Brasil
Os representantes do Ministério da Saúde anunciaram a publicação de um protocolo sobre os medicamentos e métodos de tratamento da covid-19. Segundo o secretário de Ciência e Tecnologia da pasta, Denizar Vianna, há nove ensaios clínicos ocorrendo neste momento, envolvendo 100 centros de pesquisa.

O ministro Mandetta acrescentou que a hidroxicloroquina pode ser adotada em casos de gravidade média e alta, ou até mesmo em outras situações, se for essa a decisão do médico. Mas que o ministério não recomendará o uso profilático (de quem não está em situação grave ou média) enquanto estão sendo avaliados problemas relacionados à aplicação dessa droga.

“A caneta está com o médico. Médico se responsabilizar individualmente, ninguém vai reter receita de ninguém. Mas para que nós possamos assinar que Ministério da Saúde recomenda que se tome medida, precisamos de tempo para saber se isso pode se configurar numa coisa boa ou ter efeito colateral”, disse o ministro.

Segundo Denizar Vianna, como a hidroxicloroquina pode causar complicações, ela seria mais indicada em pacientes internados em unidades de saúde, onde há maior controle dos efeitos colaterais.

“O que nos preocupa é o potencial de gerar arritmias cardíacas. Esse medicamento pode produzir um prolongamento de uma das fases elétricas e criar ambiente para arritmia que pode ser fatal. Ela tem que ser muito bem acompanhada. Antes de fazer o medicamento, tem que fazer eletrocardiograma para documentar se isso vai acontecer. Daí a importância de acontecer tratamento no ambiente hospitalar”, ressaltou Vianna.

 

Assessoria do MS

 

 

Três pacientes com suspeita de coronavírus morrem em 24 horas, em Campina Grande

Três pacientes com suspeita de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, morreram entre o domingo (5) e a segunda-feira (6), em Campina Grande, de acordo com o prefeito Romero Rodrigues. Segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES), as três pessoas estavam internadas em estado grave no Hospital Municipal Dom Pedro I, que é referência no tratamento da infecção na cidade.

O primeiro caso foi de uma idosa, de 77 anos, que morava em Campina Grande e morreu no domingo (5). O segundo paciente foi um homem, de 56 anos, que também morava em Campina Grande. Ele morreu nesta segunda (6).

A terceira paciente foi uma mulher, de 55 anos, que morava no município de Olho D’água, no Sertão do estado. Antes de ser internada no Hospital Dom Pedro I, ela já havia sido transferida para Piancó, também localizada no Sertão paraibano. Ela tinha hipertensão e foi transferida para Campina Grande em estado grave de saúde.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), todos os três pacientes deram entrada no hospital com quadros graves de insuficiência respiratória, foram entubados, mas não resistiram à evolução da gravidade dos casos.

Já o secretário estadual de saúde, Geraldo Medeiros, informou que os pacientes também apresentavam sintomas de outras doenças como sepse, meningite e pneumonia. De acordo com ele, os testes serão realizados no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB) já que os casos foram notificados como suspeitos.

G1

 

Mais de 230 donos de veículos da PB pediram restituição do DPVAT em mais de 48 horas

Ao todo, 234 donos de veículos da Paraíba pediram a restituição do valor do DPVAT 2020 até esta sexta-feira (17). Os dados são da Seguradora Líder, que é a responsável por administrar o seguro obrigatório. As solicitações começaram a ser feitas na última quarta-feira (15).

Após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que manteve a redução do valor do DPVAT 2020 na última quinta-feira (9), mais de nove mil proprietários de veículos da Paraíba que efetuaram o pagamento do valor maior serão restituídos com a diferença.

O seguro obrigatório começou a ser cobrado no início do ano, com os mesmos valores de 2019. Isso porque, em dezembro, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, tinha barrado a proposta da gestora de diminuir os montantes em 2020. Ele voltou atrás e liberou a redução no último dia 9 de janeiro.

Os pedidos devem ser feito num site específico. Após enviada a solicitação, o proprietário vai receber um número de protocolo para o acompanhamento da restituição, no mesmo site. O ressarcimento com a diferença de valores será feito na conta corrente ou conta poupança do proprietário do veículo em até 2 dias úteis, afirma a gestora do DPVAT.

A Seguradora Líder ressalta que os pedidos de ressarcimento podem ser feito ao longo de 2020 e não são condição para o licenciamento dos veículos.

Para realizar a solicitação, será necessário informar os seguintes dados:

  • CPF ou CNPJ do proprietário;
  • Renavam do veículo;
  • E-mail de contato;
  • Telefone de contato;
  • Data em que foi realizado o pagamento a maior;
  • Valor pago;
  • Banco, agência e conta corrente ou conta poupança do proprietário.

É importante destacar que o site recebe somente os pedidos de restituição da diferença de valores pagos referente ao Seguro DPVAT 2020.

Para o proprietário que pagou o Seguro DPVAT 2020 duas ou mais vezes, a solicitação da restituição destes valores deve ser feita pelo site da seguradora. Já os proprietários de frotas de veículos devem enviar um e-mail para restituicao.dpvat@seguradoralider.com.br.

Veja os valores do DPVAT 2020:

  • Automóvel, táxi e carro de aluguel: R$ 5,23 – redução de 68%; era R$ 16,21 em 2019;
  • Ciclomotores: R$ 5,67 – redução de 71%; era R$ 19,65 em 2019;
  • Caminhões: R$ 5,78 – redução de 65,4%; era de R$ 16,77 em 2019;
  • Ônibus e micro-ônibus (sem frete): R$ 8,11 – redução de 67,3%; era de R$ 25,08 em 2019;
  • Ônibus e micro-ônibus (com frete): R$ 10,57 – redução de 72,1%; era de R$ 37,90 em 2019
  • Motos: R$ 12,30 – redução foi de 86%; era de R$ 84,58 em 2019.

(Valores finais com as taxas)

G1

 

JP e mais 37 cidades recebem alerta de chuva nas próximas horas

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu, na tarde desta segunda-feira (20), alerta de chuvas fortes para 38 cidades da Paraíba. A Capital paraibana já vem registrando chuvas ocasionais desde o último domingo.

De acordo com o órgão, a quantidade do volume de chuva pode variar de 20 a 30 milímetros por hora (mm/h) ou até 50 mm/dia, o que significa baixo risco de alagamentos e pequenos deslizamentos

O alerta do Inmet é válido até às 10h desta terça-feira (21). Durante este período, o órgão orienta que as pessoas evite enfrentar o mau tempo; observem alteração nas encostas e evitem usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros estarão atentos às ocorrências nos números 199 e 193, respectivamente. Na Capital paraibana, a Defesa Civil Municipal atende através do telefone 0800 285 9020.

Veja abaixo a lista de cidades afetadas:

Alhandra
Araçagi
Bayeux
Baía Da Traição
Caaporã
Caiçara
Caldas Brandão
Capim

Conde
Cruz Do Espírito Santo
Cuité De Mamanguape
Curral De Cima
Duas Estradas
Itabaiana
Itapororoca
Jacaraú
João Pessoa
Juripiranga
Lagoa De Dentro
Logradouro
Lucena
Mamanguape
Marcação
Mari
Mataraca
Mulungu
Pedras De Fogo
Pedro Régis
Pilar
Pitimbu
Riachão Do Poço
Rio Tinto
Santa Rita
Sapé
Sertãozinho
Sobrado
São José Dos Ramos
São Miguel De Taipu

 

PB Agora

 

 

Mulher é espancada pelo companheiro durante quatro horas, em Campina Grande

Um homem foi preso nesta quarta-feira (16) suspeito de espancar a companheira por cerca de quatro horas, em Campina Grande. Conforme a Polícia Civil, a mãe da vítima acionou a polícia porque, após as agressões todos ficaram em silêncio dentro da casa.

O homem, primeiramente, levou a companheiro para um terreno baldio. A mãe dela tentou defender a filha, mas também foi agredida. Depois, o suspeito levou a companheira de volta para casa e a espancou por quatro horas.

Quando a mãe da vítima não ouviu mais a voz da filha, se preocupou e chamou a polícia. Quando as equipes chegaram na casa, localizada no bairro da Catingueira, o homem não quis abrir a porta. Quando a polícia conseguiu entrar, a mulher explicou que havia desmaiado.

José Macedo dos Santos, de 30 anos, está preso na Central de Polícia de Campina Grande. A mulher agredida foi atendida em uma unidade de saúde e liberada. A filha dela está internado no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. O estado de saúde dela é considerado estável.

G1

 

VÍDEO: trio é preso após quase 3 horas de sequestro em agência dos Correios, em CG

Após quase três horas de tensão, acabou o sequestro de pelo menos cinco reféns, que estavam sendo mantidos presos, sob a mira de revólveres, dentro de uma agência dos Correios, localizada no bairro de Bodocongó, em Campina Grande, na manhã desta quinta-feira (05).

Os três bandidos armados entraram na agência por volta das 8h. Os vigilantes reagiram e houve troca de tiros.

Os bandidos se entregaram às 11h, todos com coletes a prova de balas.

Eles fizeram várias exigências antes de colocarem um fim a operação.

Imprensa, Samu, Bombeiros, Direitos Humanos, Polícia Federal, Militar e Civil estiveram presentes, além da OAB.

A polícia foi informada que dois bandidos eram do Ceará e um terceiro do Rio Grande do Norte.

O trio foi encaminhado para a sede da Polícia Federal, já que o alvo da ação foi uma Empresa Pública Federal. Todos os reféns foram liberados ilesos.

VÍDEO

ENTENDA

Grupo faz cinco reféns durante assalto a Correios, em CG; assaltante diz que quer roubar do Governo e não do povo

Um trio armado invadiu uma agência dos Correios, que fica localizada em frente ao Campus da Universidade Federal de Campina Grande, no bairro de Bodocongó, na manhã desta quinta-feira (05), e fez pelo menos cinco reféns, entre eles a esposa de um Policial Civil.

Segundo Informações, um dos bandidos já foi detido e está dentro da viatura da Policia Militar, o segundo ficou em frente à agência, negociando com a polícia, enquanto o terceiro mantinha os reféns sob a mira do revólver.

A ação reuniu policiais militares, civis e federais. O assalto foi iniciado por volta das 8h.

Em pronunciamento, em frente aos Correios, o bandido chegou a dizer que não estava  assaltando o povo, mas sim o Governo e os políticos.

Eles exigiram a presença da imprensa e também dos Direitos Humanos.

Um colete à prova de balas foi repassado para o suspeito que está dentro da agência. Ele também solicitou a presença de um advogado.

PB Agora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Policiais civis da Paraíba paralisam atividades por 24 horas

Agentes, escrivães e motoristas que compõem a Polícia Civil da Paraíba vão parar as atividades durante 24h a partir de quarta-feira (27). A decisão faz parte das deliberações da categoria firmadas em assembleia no dia 14 deste mês, onde os policias decidiram paralisar as atividades em protesto contra a aprovação do Projeto de Lei 1.664/2017 que trata de “promoções funcionais, acumulação de delegacias e plantões extraordinários” da categoria.

“A construção e aprovação do projeto de Lei 1664/2017 foi mais uma demonstração dessa parcialidade, que favoreceu delegados de polícia com o remanejamento de vagas para promoção, que dobrou o número de vagas da classe especial deles, além de que o mesmo PL obriga policiais a tirar plantão, sem estipular a respectiva folga”, disse o vice-presidente da Associação dos Policiais Civis de Carreira da Paraíba (Aspol-PB),  Valdeci Feliciano.

Durante a paralisação, não serão realizadas diligências como mandados de busca e apreensão, mandados de prisão, operações policiais, nem serviços de cartório. Será mantido 30% do efetivo para atendimento apenas de situações emergenciais de flagrante delito.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Seis são presos e três apreendidos por policiais do 4º BPM em menos de 12 horas

Neste sábado (1º), em menos de 12 horas, seis homens foram presos e três adolescentes apreendidos por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) em duas cidades da região. A primeira prisão aconteceu às 11h, em Pirpirituba, quando as guarnições do CPU (Comandante de Policiamento da Unidade) e do Destacamento local realizavam rondas no bairro da Caixa D’água e se depararam com duas pessoas trafegando em uma moto sem placa.

Os dois tentaram fugir da abordagem, mas foram alcançados e o que estava de carona proferiu palavras de baixo calão contra os policiais. Um deles foi preso e outro, adolescente, apreendido e conduzidos à delegacia. A moto foi apreendida pela guarnição da CPTran. No final da tarde, os policiais foram informados de que três homens em atitude suspeita estariam armados no Sítio Serra da Jurema, em Guarabira. Viaturas, sob o comando do Ten Castro, foram enviadas para o local e visualizaram os suspeitos que, ao perceberem a chegada dos policiais, se embrenharam pelo matagal, mesmo recebendo ordem de parada.

Apesar de ser um local de difícil acesso, os militares deram início às buscas e conseguiram encontrar os acusados escondidos dentro do mato com uma faca peixeira e um porrete de madeira com pregos fixados na ponta. Os dois homens e o adolescente foram conduzidos e apresentados na delegacia, onde foi lavrado um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência). Ainda em Guarabira, no início da noite, um homem foi preso acusado de descumprir uma determinação judicial de despejo, depois de retornar ao local e se recusar a sair.

A guarnição comandada pelo Cb Odenir constatou o fato e deteve o acusado, que foi conduzido à delegacia. Por volta das 23h30, também em Guarabira, no bairro Nordeste, os policiais, sob o comando do Ten Castro, averiguavam denúncias de que homens armados estariam praticando assaltos, quando se depararam com sete indivíduos numa calçada, com um som em alto volume. Um deles, inclusive, tinha as mesmas características informadas dos que estariam assaltando.

Os policiais deram ordem de posicionamento para abordagem, mas os homens desobedeceram e passaram a desacatar os militares, proferindo palavras de baixo calão, além de resistirem à prisão, sendo necessário o uso de algemas para a garantia de suas integridades físicas e dos policiais. Dois homens e um adolescente foram conduzidos para a delegacia, onde foram autuados por desobediência, resistência à prisão e desacato.

Assessoria 4º BPM

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Poucas horas depois de furto, policiais do 4º BPM recuperam moto em Guarabira

Poucas horas depois do furto de uma moto, registrado na madrugada desta sexta-feira (30), na cidade de Guarabira, policiais do Núcleo de Inteligência e Comando do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) recuperaram o veículo, uma Honda Biz placa KLE 2034-PB.

De acordo com o relato da vítima aos policiais militares, ela chegou por volta de 3h da madrugada e deixou a moto estacionada na frente de sua residência, que fica localizada no Bairro Novo. Pela manhã, ao acordar, verificou que ela tinha sido furtada.

Ao tomarem conhecimento da ocorrência, os policiais deram início às diligências e, ao assistirem imagens de câmeras de segurança próximas à residência da vítima, observaram que a moto tinha sido furtada por volta das 4h30, por um homem que fugiu na direção de um loteamento que dá acesso à zona rural.

Os policiais receberam informação de que havia uma moto abandonada escondida nas proximidades de um riacho. No local, encontraram a moto e constataram que se tratava da que tinha sido furtada algumas horas atrás.

A moto foi entregue na Delegacia de Polícia Civil e a vítima foi orientada a realizar os procedimentos legais.

Assessoria 4º BPM

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br