Arquivo da tag: Hollywood

Atores de Hollywood manifestam apoio a Dilma e Aécio na internet

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

Na reta final da disputa pelo Palácio do Planalto, as campanhas a favor de Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) ultrapassaram as fronteiras do país, repercutindo inclusive em Hollywood. Nos últimos dias, a candidata petista à reeleição e o presidenciável tucano receberam, respectivamente, o apoio dos atores Danny Glover e Lindsay Lohan em redes sociais.

Um dos protagonistas da franquia “Máquina Mortífera”, Danny Glover aproveitou na semana passada o intervalo das gravações de um filme no México para posar para uma fotografia segurando um cartaz de apoio à candidata do PT. Glover, que já veio diversas vezes ao Brasil, é um conhecido militante político. O perfil de Dilma no Facebook, administrado pelo PT, publicou a imagem na última sexta-feira (17).

“O Brasil é o maior país do mundo em combate à miséria e, nestes 12 anos, deu um exemplo para a humanidade. Espero que o povo saiba reconhecer e vote corretamente!”, publicou o perfil de Dilma, atribuindo a frase a Glover.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Nesta terça-feria (21), foi a vez da polêmica atriz Lindsay Lohan, que gravou filmes como “Sorte no amor”, publicar uma mensagem em sua conta no microblog Twitter em apoio a Aécio Neves.

“Eu apoio Aécio Neves para a candidatura presidencial. A plataforma dele leva mudanças positivas para o Brasil”, publicou.

O ator ativista Mark Ruffalo participa da Marcha Popular pelo Clima em Nova York (Foto: Craig Ruttle/AP)

O ator Mark Ruffalo participou da Marcha Popular
pelo Clima em Nova York (Foto: Craig Ruttle/AP)

Em setembro, o ator Mark Ruffalo chegou a gravar vídeo apoiando a candidata derrotada do PSB à Presidência, Marina Silva. Defensor do casamento gay, o intérprete da última versão de “Hulk” nos cinemas retirou seu apoio após a presidenciável tirar de seu programa de governo trecho em que defendia a aprovação de uma lei regulamentando a união entre pessoas do mesmo sexo.

Em seu blog, Ruffalo disse não ser especialista em política brasileira, mas ponderou que os direitos das mulheres, dos homossexuais e os direitos ambientais fazem parte de um pacote de visão de mundo que ele tem.

G1

 

Morre Lauren Bacall, ícone da era dourada de Hollywood

lauren-bacallA atriz Lauren Bacall, um dos ícones da era dourada de Hollywood, morreu nesta terça-feira aos 89 anos de idade.

A morte foi confirmada em uma conta de Twitter dedicada a Humphrey Bogart que é administrada pelo filho do ator com Bacall: “É com profunda tristeza, mas com grande gratidão por sua vida incrível, que confirmamos o falecimento de Lauren Bacall”, disse a família.

Ela teria sofrido um derrame em sua casa em Nova York.

Nascida no Brooklyn, em Nova York, em 1924, Bacall foi uma das maiores estrelas do cinema de sua época, conhecida por sua beleza e voz rouca. Em 2009, ela recebeu um Oscar honorário em homenagem à sua carreira.

Com um histórico que atravessou sete décadas, Bacall estreou em 1944 no cinema já com um grande sucesso em seu currículo: Uma Aventura na Martinica – com apenas 19 anos ao lado do seu futuro marido, Humphrey Bogart.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Sua parceria com Bogart continuou em Paixões em Fúria, de 1948. Eles ainda fizeram dois filmes juntos, já casados. O casal teve dois filhos e permaneceu junto até a morte de Bogart, em 1957.

Após a morte de Bogart, Bacall casou com Jason Robards e teve um filho

 

Bacall casou novamente com o também ator Jason Robards, com quem teve um filho.

 

Em 1970 e 1981, ela recebeu os prêmios Tony por duas peças ensaiadas em Nova York, respectivamente, Applause e Woman of the Year, ambas musicais.

 

Mais de meio século depois de sua estreia, Bacall foi reconhecida com um Globo de Ouro e uma indicação ao Oscar pelo filme O Espelho Tem Duas Faces, com Jeff Bridges.

 

Reconhecimento com prêmios como Oscar veio nos anos 1990 e em 2009

 

BBC Brasil

 

Ator Mickey Rooney morre aos 93 anos; destaque em Hollywood nos anos 30 e 40

michey-rooneyMickey Rooney, ator de grande destaque em Hollywood nos anos 1930 e 40, morreu no domingo aos 93 anos de idade, informou a polícia de Los Angeles.

O comandante da polícia Andrew Smith declarou que Rooney estava com a família quando morreu e que não há nada de suspeito no falecimento do ator, cuja carreira se estendeu por mais de 80 anos. Smith explicou que a polícia apenas realizou um relatório e que este não é um caso para investigação criminal. Não há informações adicionais sobre as circunstâncias da morte.

Rooney foi nomeado quatro vezes ao Oscar e ganhou a estatueta em duas ocasiões, com premiações especiais: em 1939, no Prêmio Juvenil da Academia, compartilhado com Deanna Durbin, e em 1983, pelo conjunto da obra.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Rooney, com carreira tanto no teatro e na televisão, também foi indicado quatro vezes ao Emmy, saindo vencedor em uma ocasião, e foi indicado ao Tony, em 1980, pelo musical “Sugar Babies”.

Ele também foi conhecido por uma vida privada movimentada, incluindo oito casamentos.

Globo.com