Arquivo da tag: Guarabira

Guarabira: jovem foi morta por estrangulamento e polícia quer saber se houve estupro

A polícia continua trabalhando nas investigações para tentar elucidar o assassinato da jovem Deysiane Taynalle, de 23 anos, encontrada morta no começo da tarde desta terça-feira (6), às margens do Canal do Juá, em Guarabira.

No local do crime, peritos contaram que possivelmente a morte foi provocada por estrangulamento, visto que o corpo foi encontrado despido e com um fio envolto no pescoço da vítima. Mas o resultado conclusivo só será divulgado posteriormente pela Polícia Científica.

Os peritos reclamaram da dificuldade que terão devido à alteração da cena do crime que foi feita por curiosos que se aglomeraram, deixando pegadas, amassando a vegetação existente, depois que o corpo foi localizado por crianças que empinavam pipa nas imediações do Canal.

A polícia solicitou que fosse realizado exame de conjunção carnal para saber se ouve estupro contra a vítima. Depois de concluídos os exames, o corpo deverá ser encaminhado ao município de Esperança, terra natal da jovem, onde será sepultado.

O crime

De acordo com as investigações, Deysiane estava na casa da sogra na noite de sábado quando foi para casa, sozinha, do bairro do Nordeste para as proximidades do Canal do Juá, onde residia, tendo que atravessar o local ermo, e teria sido atacada por um ou mais elementos.

Ela estava desaparecida desde o último sábado (3) e foi encontrada somente nesta terça, já em estado de decomposição.

Em entrevista à imprensa, o companheiro da jovem, Rodrigo França, de 22 anos, disse que ela estava com suspeita de gravidez. Ele contou ainda que estava em casa aguardando a companheira chegar.

 

 

portal25horas

 

 

“Ela estava com suspeita de gravidez”, diz esposo de jovem morta em Guarabira

Rodrigo, de 22 anos, disse em entrevista a repórter Pedro Júnior (Rádio Talismã FM 99,3), que quer ajuda da polícia para desvendar a morte da sua esposa, Deysiane Taynelle, de 23 anos, encontrada morta nesta terça-feira (6), na cidade de Guarabira.

Rodrigo afirmou na entrevista que a morte da sua esposa foi uma covardia. “Sem explicação, ela não devia e nem conhecia ninguém”, disse.

Perguntado se estava sofrendo acusação, Rodrigo disse que jamais teria como fazer isso com ela. “Eu amava muito ela”, declarou.

O delegado Norival Portela do NI – Núcleo de Homicídios da 8ª DSPC, também se pronunciou e afirmou que o crime se trata de um – CVLI – Crime Violento Letal Intencional. Os familiares foram ouvidos e diligências internas e externas estão sendo realizadas no intuito de elucidar o fato.

“Estamos trabalhando no caso e o propósito é elucidar o fato e descobrir o responsável, mas dentro de um trabalho com coletas de indícios que realmente possa surtir efeitos”, frisou Portela em entrevista ao repórter Pedro Júnior.

 

portal25horas

 

 

Mulher é vítima de “saidinha de banco” em Guarabira. Golpistas levam R$ 1.700,00

Uma dupla de criminosos formada por um homem e uma mulher aplicou um golpe conhecido como “saidinha de banco”, em uma mulher, na cidade de Guarabira, Agreste paraibano. O golpe foi na manhã desta sexta-feira (2) quando uma senhora saia de umas das agencias bancarias da cidade. A vítima foi identificada pelo nome de Elza, 53 anos, moradora do Distrito de Cacheira dos Guedes, em Guarabira.

O golpe foi flagrado pelas câmeras de segurança, existentes no percurso por onde os criminosos levaram a sua vítima. A vitima é conduzida por uma rua do centro da cidade de Guarabira, a Napoleão Laureano, “antiga rua da Telpa”.

O homem que aparece na imagem simula ter perdido a carteira, que por sua vez é vista pela vitima, que de boa vontade vai entregá-lo e aí o golpe começa. A vitima está trajando uma blusa azul, a outra mulher, de cabelo loiro, é apontada pela polícia como parceira no golpe.

A vítima havia saído da Caixa Econômica Federal.

 

portalmidia

 

 

 

Traficantes de drogas são presos em Guarabira

Na tarde desta quinta-feira (01), na cidade de Guarabira-PB, policiais civis (GTE da 8DSPC) e militares (NI/PM e Guarnição do Comando do 4BPM) prenderam em flagrante delito MATHEUS SOARES DA SILVA (18 anos) e RAFAEL JOÃO DA SILVA (30 anos) por tráfico e associação para o tráfico de drogas. Com os acusados foi apreendida certa quantidade de maconha e crack, bem como o dinheiro obtido por eles com a venda da droga.

A prisão ocorreu no bairro Santa Teresinha e, após interrogados, os acusados serão encaminhados ao presídio Vicente Claudino.

 

portalmidia

 

 

Policiais militares e civis apreendem mais um veículo roubado e com placa clonada em Guarabira

Policiais militares e civis apreenderam nesta segunda-feira (29), em Guarabira, mais um veículo roubado, um Toyota Etios, de cor vermelha e placa de Pernambuco clonada. Com mais esta apreensão, aumentou para seis o número de veículos roubados em outros Estados, com adulterações de placas e chassis e que tinham sido comercializados na cidade a preços abaixo dos valores de mercado. Outros dois veículos foram apreendidos, mas os policiais ainda aguardam o resultado da perícia que comprove as adulterações. As apreensões são resultado de ações integradas entre policiais da guarnição do Comando do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) e do GTE (Grupo Tático Especial) da 8ª Delegacia Seccional de Polícia Civil.

O Toyota Etios foi localizado na garagem de uma residência após denúncias de que o proprietário do imóvel teria adquirido um veículo possivelmente adulterado. Ao consultarem a placa, os policiais não encontraram nenhuma restrição, uma vez que o veículo com a placa original está circulando normalmente em Pernambuco, mas ao verificarem a numeração do motor que estava na garagem, constataram a verdadeira placa e que ele possuía restrição de roubo ou furto. O dono da residência informou aos policiais que teria adquirido o veículo por R$ 30 mil a um comerciante de Guarabira. Ele foi conduzido à delegacia e liberado após prestar esclarecimentos.

Na semana passada, outros cinco veículos foram apreendidos: um Cobalt, um Hyundai HB20, um Renegade, uma Duster e uma Ecosport, roubados nos Estados de Pernambuco, Rio Grande do Norte e Minas Gerais. As pessoas que adquiriram os veículos foram conduzidas à delegacia para prestarem esclarecimentos e foram liberadas. Em todos eles, foram encontradas adulterações em chassi e/ou placas para que fossem adquiridos pelos interessados como se não possuíssem qualquer restrição.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Zenóbio pede mais 30 dias de afastamento da Prefeitura de Guarabira

O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano (PSDB), passará mais 30 dias afastado do cargo. A informação foi repassada pelo presidente da Câmara Municipal de Guarabira, Marcelo Bandeira (PSB). O pedido de licença chegou na manhã desta segunda-feira (29).

De acordo com Marcelo, uma reunião extraordinária entre os vereadores está realizada às 17h desta segunda para deliberação específica do pedido de licença.

Com essa, é a terceira licença (90 dias) requerida pelo gestor, que ainda se recupera de AVCI sofrido no final do mês de maio passado.

Marcus Diogo, o vice-prefeito, continuará no cargo como prefeito em exercício por mais 30 dias.

 

portal25horas

 

 

Polícia prende em Guarabira homem acusado de violência doméstica e estupro de vulnerável

Um homem com um mandado de prisão expedido pela Justiça, acusado pelos crimes de violência doméstica e estupro de vulnerável, foi preso por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) no início da madrugada deste domingo (28), na cidade de Guarabira. Os policiais foram informados que um homem estaria praticando desordem em via pública no Bairro Cordeiro e, ao chegarem ao local, ele tinha se evadido.

Após a realização de diligências, o homem foi localizado e, através de consulta ao Banco Nacional de Mandados de Prisão, os policiais verificaram que ele responde pelos dois crimes e tinha um mandado em aberto expedido no dia 23 de abril do ano passado, pela 1ª Vara Mista da Comarca de Guarabira. O acusado foi conduzido para a delegacia.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Polícia apreende três carros roubados e com placas clonadas em Guarabira

Três carros, sendo um Renegade, uma Duster e uma Ecosport, roubados e com as placas clonadas e que estavam sendo comercializados por preços bem abaixo dos valores de mercado foram apreendidos por policiais militares e civis nessa segunda (22) e terça-feira (23),na cidade de Guarabira. A ação realizada de forma integrada envolveu policiais da guarnição do Comando do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) e do GTE (Grupo Tático Especial) da 8ª Delegacia Seccional de Polícia Civi e teve início quando eles receberam a informação de que um empresário teria adquirido um veículo, um Renault Duster, possivelmente adulterado e foram até a residência dele, localizada no centro da cidade. Ao visualizarem o veículo estacionado na garagem, os policiais consultaram a placa, de Natal, no Rio Grande do Norte,e não encontraram nenhuma restrição, no entanto, ao entrarem em contato com a verdadeira proprietária, ela informou que o seu veículo estava em Natal com um sobrinho seu. O empresário foi abordado e então informou que teria negociado o veículo com um homem, com quem teria trocado o seu veículo Honda, parcelando a diferença de R$ 9 mil em 18 parcelas. O homem indicado pelo empresário informou que o veículo localizado na garagem do empresário pertencia a outro homem e que ele apenas teria intermediado a negociação, pela qual teria recebido o valor de R$ 300.

No segundo caso, os policiais também localizaram o veículo, um Renegade, na garagem de uma aposentada no Bairro São José e também consultaram a placa. A verdadeira proprietária já teria inclusive prestado um Boletim de Ocorrência informando que estaria recebendo infrações de trânsito que teriam sido praticadas na cidade de Guarabira. Aos policiais, a aposentada informou que estava em negociação no veículo pelo valor de R$ 30 mil, mas que teria dito ao vendedor que só pagaria quando recebesse o documento que comprovasse a venda. Ela também informou o mesmo nome do homem que teria negociado o carro da ocorrência anterior.

O terceiro veículo clonado, uma Ecosport com placa do Recife, em Pernambuco, foi encontrado em uma sucata localizada também no centro e os policiais foram informados pelo verdadeiro proprietário que o veículo estava com ele e que estava recebendo infrações de trânsito que teriam sido praticadas em Guarabira, cidade onde ele nunca esteve. O proprietário da sucata informou aos policiais que teria adquirido o veículo, ao mesmo homem citado nos dois casos anteriores, por R$ 5 mil, para recuperar o veículo, que estava avariado em decorrência de um acidente de trânsito.

As três pessoas com quem os veículos foram encontrados e os demais envolvidos foram conduzidas à Delegacia de Polícia Civil para prestar esclarecimentos e, em seguida foram liberados. Os três veículos foram apreendidos, sendo o que estava avariado teve quer ser removido pelo reboque da CPTran. De acordo com as investigações, os três carros tiveram placas e chassi adulterados para serem vendidos na Paraíba.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Princípio de incêndio no posto de combustível em Guarabira

Na noite dessa sexta-feira (19) às 19:35 no Posto de Combustível Petro Via um motorista em um carro sem notar que o bico da bomba de abastecimento ainda encontrava-se conectado ao tanque do automóvel e ao sair arrancou a bomba de combustível provocando um principio de incêndio.

Os funcionários agiram de forma rápida combatendo o fogo com a utilização de extintores de incêndios evitado uma possível explosão.

 

Nordeste1

 

 

Bebê abandonada em maternidade foi adotada por casal de Guarabira

Um casal da cidade de Guarabira adotou a recém-nascida abandonada pela mãe depois do parto no Hospital Regional de Guarabira. A menina foi adota há pouco mais de 30 dias, respeitando-se a fila da adoção, de acordo com a Vara da Infância e Juventude da Comarca de Guarabira.

Uma jovem, identificada por Juliana Fernandes da Paz, de 23 anos, moradora da cidade de Araçagi, ganhou neném em parto normal no dia 7 de maio passado, no Hospital Regional de Guarabira, e fugiu dois dias depois pela janela do banheiro da enfermaria.

Uma funcionária da limpeza contou que teve de pedir ajuda para arrombar a porta, que foi fechada pela mãe. Ela teria usado um balde grande, cheio de roupas, para escalar a parede até chegar à janela, por onde conseguiu fugir.

A direção da unidade hospitalar acionou o Conselho Tutelar para que fossem adotadas as medidas. A criança permaneceu no hospital sob os cuidados da equipe de enfermagem e pediatria até ser transferida para uma casa de acolhimento da cidade (Comunidade Talita), onde ficou até que a Justiça definisse seu destino.

Preenchidos os critérios para adoção definidos em lei, o juízo sacramentou a adoção para o casal, que não teve a identidade nem endereço revelados, para garantir o sigilo e a segurança do casal e da criança.

Quando o caso foi levado a conhecimento público e amplamente divulgado pela imprensa, muitos foram os casais que apresentaram para adotar a criança, mas somente os que já estavam na fila de espera é que tiveram as condições avaliadas pela Justiça.

Quem pode adotar e como?

Qualquer pessoa maior de 18 anos, independente do estado civil, credo religioso, orientação sexual ou aspectos econômicos pode adotar. No entanto, o pretendente deve ser, pelo menos, 16 anos mais velho que o adotando e estar disposto a oferecer um ambiente familiar adequado para o desenvolvimento da criança ou adolescente.

Uma das modalidades legalizadas de adoção ocorre por meio do Cadastro Nacional de Adoção (CNA), quando uma equipe da Vara da Infância e Juventude cruza as informações no sistema e encaminha a criança ou adolescente para a pessoa ou casal que se encontra na fila de pretendentes.

Já nos casos em que um dos cônjuges ou companheiro decide adotar o filho do outro, acontece a chamada adoção unilateral, na qual mantém-se a relação de filiação do adotado com o pai ou a mãe, incluindo, apenas, a nova relação de parentesco.

Além disso, em algumas situações, também é permitido que a mãe biológica entregue diretamente seu filho a alguém. As situações específicas envolvem adoção unilateral; adoção em família, desde que haja afetividade ou afinidade; ou casos em que o adotante for tutor ou guardião legal de criança maior de três anos de idade.

 

portal25horas