Arquivo da tag: grave

Acidente nas proximidades de passarela interditada na BR-230 deixa carro destruído e duas pessoas em estado grave

Um grave acidente aconteceu na madrugada deste sábado (29) na BR-230 estrada de Cabedelo.

De acordo com informações da PRF, o motorista não teria respeitado a sinalização existente no local que interrompia o fluxo para manutenção da passarela, passou em cima de vários cones, perdeu o controle, bateu em várias placas de trânsito e em um poste de iluminação pública.

Agentes da PRF que fiscalizavam o desvio no trânsito chegaram rapidamente ao local, mas o motorista já havia fugido, deixando duas pessoas em estado grave dentro do veículo.

PB Agora

 

 

Embarcação explode no AC e deixa 18 pessoas em estado grave, entre elas mãe e bebê

Uma explosão em uma embarcação deixou 18 pessoas gravemente feridas, no final da tarde de sexta-feira (7). O acidente ocorreu no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre. Inicialmente, a informação era de que havia 15 feridos.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o barco transportava mercadorias, pessoas e combustível para os municípios de Porto Walter e Marechal Thaumaturgo, no interior do estado. Dentre os feridos estão uma mãe e um bebê. O barco estava saindo de Cruzeiro do Sul com destino a Marechal Thaumaturgo.

O diretor clínico do Hospital do Juruá, Marlon Holanda, informou que o bebê foi transferido para o Hospital da Criança, ainda neste sábado (8), e passou por cirurgia de emergência.

Embarcação explode durante abastecimento no rio Juruá, Acre

Embarcação explode durante abastecimento no rio Juruá, Acre

Os nomes das vítimas ainda não foi divulgado. Holanda afirmou que os pacientes estão com queimaduras de 70% a 90% da superfície corporal queimada. “Seis pessoas estão entubadas em estado gravíssimo, duas vão ser transferidas agora de manhã para Rio Branco e os outros pacientes estão em estado grave”, disse.

O comandante do Corpo de Bombeiros da cidade, capitão José Dutra de Oliveira, informou que no momento da explosão, o barco estava abastecendo.

Veja o local da explosão de embarcação que deixou feridos no Acre — Foto: Diana Yukari/G1

Veja o local da explosão de embarcação que deixou feridos no Acre — Foto: Diana Yukari/G1

“Um barco que ia para Marechal Thaumaturgo [cidade do interior], de um senhor conhecido por Moreno, estava abastecendo às margens do rio, ao lado do [bairro] Miritizal, direto de um caminhão pipa, que também não sei de onde é. Aparentemente, era um abastecimento clandestino, e o barco explodiu com o pessoal que estava dentro”, contou.

Equipes do Corpo de Bombeiros fizeram mergulhos no local do acidente para tentar localizar possíveis vítimas fatais afogadas. Segundo o comandante Oliveira, nenhum corpo foi localizado e ainda não se sabe quantas pessoas estavam na embarcação no momento do acidente, já que não havia um controle de passageiros.

Barco explodiu no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, nesta sexta-feira (7) — Foto: Gledisson Albano/Rede Amazônica Acre

Barco explodiu no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, nesta sexta-feira (7) — Foto: Gledisson Albano/Rede Amazônica Acre

Explosão

João Oliveira da Silva, de 33 anos, ficou com queimaduras nas pernas, braços e mãos. Ele disse que estava com o filho no barco e não sabe se ele conseguiu se salvar.

“Não sei dizer como foi, quando vi o fogo caí na água. Tinha muita gente no barco. Deve ter morrido alguém, não tinha como sair. Não tirei nada, roupas queimaram tudo. Graças a Deus consegui sair”, lamentou.

O catraieiro Nonato Coelho estava na outra margem do rio quando houve a explosão. Ele afirmou que o motorista do carro-pipa retirou a mangueira rapidamente e saiu do local.

“Quando vimos, foi a explosão e fumaça. O caminhão estava no barranco, mas quando viu o fogo, não sei nem se conseguiu puxar a mangueira, só vi que estava derramando gasolina, ele pulou dentro do carro e se mandou”, relembrou.

Embarcação explode enquanto abastecia e deixa feridos em Cruzeiro do Sul

Embarcação explode enquanto abastecia e deixa feridos em Cruzeiro do Sul

Investigação

A Marinha do Brasil e a Polícia Civil do Acre vão investigar as causas da explosão em uma embarcação que deixou 18 pessoas feridas, na sexta-feira (7), na margem direita do Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre.

O delegado da cidade, Lindomar Ventura, afirmou que o inquérito vai ser instaurado ainda neste sábado (8) e que deve iniciar as oitivas das pessoas envolvidas e testemunhas na próxima segunda (10). Peritos da Polícia Civil estiveram no local do acidente para iniciar a investigação.

“A gente só está aguardando passar esse primeiro momento para começar a ouvir algumas pessoas. As vítimas ainda estão em atendimento e é importante conversar com elas para saber o que aconteceu, além das pessoas que estavam fazendo a descarga do combustível. Vamos aguardar o laudo da perícia, que deve ficar pronto em 10 a 15 dias”, afirmou o delegado.

Abastecimento clandestino e irregular causou explosão em embarcação no Acre

Abastecimento clandestino e irregular causou explosão em embarcação no Acre

A Marinha do Brasil informou que assim que tomou conhecimento da explosão, enviou uma equipe de busca e salvamento e de inspeção naval da Agência Fluvial de Cruzeiro do Sul, junto com uma equipe do Corpo de Bombeiros do Amazonas.

“Todas as pessoas foram resgatadas com vida e os feridos foram encaminhados ao hospital da cidade. Um inquérito será instaurado para apurar as causas, circunstâncias e responsabilidades pelo acidente”, afirmou a Marinha em nota.

Dentre o procedimento investigatório da Marinha estão: se a embarcação tem inscrição, qual a tripulação dela, se ela era autorizada a transportar combustível, pessoas, mercadorias, que tamanho era a embarcação, identificar o proprietário, entre outras investigações mais aprofundadas.

 

 

G1

 

 

Irmão de vereador de Picuí se envolve em grave acidente de moto

O irmão do vereador Ataíde Xavier (PSD), da cidade de Picuí, Ricardo Xavier se envolveu em um grave acidente de moto, na tarde desta sexta-feira (17). O jovem pilotava uma motocicleta XRE 300, que acabou batendo em uma caminhonete Veraneio. Ricardo acabou sofrendo duas fraturas expostas em um dos membros inferiores.

Ele foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Remígio, logo em seguida foi transferido em estado de saúde estável para o Hospital de Trauma de Campina Grande/PB, onde deverá ser submetido a exames e em seguida cirurgia.

O vereador Ataíde disse que o irmão deu entrada no Trauma consciente e já se encontrava na sala de cirurgia desde as 16h00.

Ambos são sobrinhos da ex-deputada estadual Gilma Germano ‒ esposa do deputado estadual Buba Germano.

 

PortalPicuíHoje

 

 

Em Belém, grave acidente deixa uma vítima fatal

Um grave acidente na PB 075 próximo a cidade de Belém-PB, deixou uma vítima fatal na noite deste domingo (12).

De acordo com as informações, no veículo estava o motorista e sua esposa que voltavam da casa de parentes em Dona Inês para João Pessoa.

O carro colidiu com um cavalo que com a força do impacto arrancou o teto do veículo e atingiu em cheio a mulher que morreu na hora, o cavalo também morreu. O esposo foi socorrido por uma equipe do SAMU.

 

 

 

blogdofelipesilva

 

 

Enfermeira ferida em acidente com ambulância está em situação grave

(Foto: Amauri de Aquino/TV Correio)

É grave o estado de saúde de uma enfermeira ferida na colisão entre ambulância e caminhoneta, ocorrida nesse domingo (25), no bairro Jaguaribe, em João Pessoa. Uma adolescente grávida que estava recebendo atendimento morreu; o bebê também não resistiu.

A enfermeira, Cristiane dos Santos Costa, de 40 anos, está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, para onde foram levados mais três feridos: outro enfermeiro, o motorista da ambulância e a mãe da adolescente.

O motorista da ambulância, Jonny Anderson de Sousa França, de 37 anos, e a mãe da adolescente, 57 anos, já receberam alta médica. O enfermeiro Gabriel Marques da Silva, de 27 anos, seguia internado em situação regular até a publicação desta matéria.

A adolescente morta no acidente, Danielly Juvino Dias, tinha 17 anos e estava grávida de seis meses. Ela era transferida de Bayeux para um hospital de João Pessoa porque estava sofrendo sangramentos. A ambulância que levava Danielly foi atingida por uma caminhoneta ao passar pelo cruzamento da Avenida João Machado com a Rua Antônio Soares. O veículo ficou completamente destruído. O motorista da caminhoneta não sofreu ferimentos e ficou no local para prestar socorro às vítimas e esclarecimento à polícia.

Em nota, a Prefeitura de Bayeux lamentou o ocorrido e disse que está prestando toda assistência aos feridos e à família da adolescente morta. “Abriremos uma sindicância para apurarmos as circunstâncias do acidente”.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Bebê de paraibana atingida por tiro na barriga em favela do RJ está em situação grave

O recém-nascido Arthur, baleado na barriga da mãe, Claudineia dos Santos Melo, na sexta-feira (30), no Rio de Janeiro, está em situação muito grave. A mãe e o bebê foram atingidos em um tiroteio na comunidade do Lixão, em Duque de Caxias, Baixada Fluminense. A bala atravessou o tórax do bebê, deixando-o paraplégico. Claudineia dos Santos é paraibana, natural de João Pessoa. Ela mora no Rio com o companheiro, Klebson Cosme, que é da cidade de Natuba, Agreste da Paraíba, a 243 km de João Pessoa.

O bebê Arthur está internado no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna. Já Claudineia dos Santos está internada na Unidade de Pacientes Graves do Hospital Municipal Dr. Moacyr Rodrigues do Carmo. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Duque de Caxias, a última avaliação feita na paciente, no início da noite do sábado (1º) mostra que sua situação é estável.

Claudineia dos Santos, de 29 anos, estava grávida de 39 semanas. Ela chegou lúcida ao hospital e, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, contou que foi atingida pelo disparo ao ir ao mercado e ser surpreendida por um tiroteio na localidade conhecida como Vila Leal, no Centro do município.

O caso está sendo investigado pela 59ª Delegacia Policial (Duque de Caxias) que apura informações de que criminosos armados atiraram contra viatura da Polícia Militar, que trafegava pela via onde Claudineia foi baleada. Os agentes buscam possíveis testemunhas e imagens de câmeras de segurança que possam ajudar a esclarecer os fatos.

A assessoria de imprensa da Polícia Militar do Rio de Janeiro informou que fez operação na comunidade conhecida como Lixão na tarde da sexta-feira (30) e prendeu três homens. Ainda segundo a PM, os militares foram alvos de criminosos e logo depois informados por transeuntes que uma mulher grávida havia sido baleada.

Agência Brasil

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Acidentes na Paraíba deixam homem morto e um ferido grave; três cavalos morrem

Três acidentes foram registrados na noite desta quarta-feira (26) em trechos da rodovia BR-101, na Paraíba. Nas ocorrências, um homem morreu, outro ficou em estado grave e três cavalos morreram.

Segundo o agente Getúlio, da Polícia Rodoviária Federal, dois dos acidentes aconteceram no mesmo local, no km 42 da rodovia, na Zona Rural de Mamanguape, no Litoral Norte da Paraíba, a 52 km da Capital. De acordo com o policial, dois carros bateram em três cavalos que estavam soltos na pista. No fato, os animais morreram e o ocupante de um dos veículos ficou em estado grave. Ninguém mais se feriu.

O outro caso, de acordo com a agente Kalina, também da PRF, ocorreu no km 59 da mesma rodovia, na Zona Rural de Santa Rita, na Grande João Pessoa. Conforme relatou a policial, um motociclista morreu ao cair do veículo. O acidente não envolveu outros veículos e não deixou outras vítimas.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Renata Banhara é internada em estado grave em São Paulo

(Foto: Reprodução/Instagram de Thiago Rocha)
(Foto: Reprodução/Instagram de Thiago Rocha)

A modelo Renata Banhara está internada em estado grave no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. A informação foi confirmada na tarde desta segunda-feira, 10, ao EGO pela assessoria do hospital.

Procurada pela reportagem, Roneia Forte, que assessora Renata Banhara, revelou que a modelo está internada desde quarta-feira, 5.

“Ela está com uma infecção grave no cérebro. Ela tinha um dente que não se manifestou, ficou alojado. Como o dente é poroso, a bactéria entrou e ficou no osso do rosto e foi para o cérebro. Isso rendeu uma grande sinusite, que também é uma bactéria. Essa junção de bactérias acabou indo para o cérebro. Ela está na CTI com médicos excelentes e não pode receber visitas”, disse.

Também ao EGO, o irmão de Renata, Túlio Alano, contou que ela está sedada e o marido e o filho da modelo estão muito abalados para dar qualquer declaração.

Antes da sedação, Renata Banhara chegou a enviar um vídeo para o jornalista e amigo Thiago Rocha explicando um pouco a sua situação médica. “Fiz canal há seis anos, e esse dente meu fechou, tudo lindo, maravilhoso, sem problema. Esse dente fez um polo de infecção. Só que ele não deu febre, ela não deu pouso, ele não infeccionou. Ele fez uma infecção sigilosa”, explicou.

Em seguida, no vídeo, ela aponta para a parte superior da arcada dentária e continua: “São leves esses ossos da cabeça. A bactéria foi para os ossos, fez uma sinusite e essa sinusite criou outras bactérias. Mas a sinusite também não me deixou com febre, não saiu secreção, não fez nada, tudo silencioso”.

Então, a modelo dialoga com o amigo Thiago Rocha. “Quando você veio para São Paulo, eu já estava com muita dor. Desde novembro, dezembro estou com muita dor na cabeça”, afirma, apontando para os lugares mais a incomodam. O vídeo é finalizado de maneira abrupta, antes que a modelo explique o problema: “E eu tomava remedinhos normais, aí o médico descobriu…”.

Renata Banhara (Foto: Renato Cipriano / Divulgação)Renata Banhara (Foto: Renato Cipriano / Divulgação)
EGO

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Menina fica em estado grave após prender cabelo em ralo de piscina e se afogar

piscinaUm menina de 12 anos ficou em estado grave após ficar com o cabelo preso no ralo de uma piscina e acabar se afogando, na Zona Rural de Lagoa Seca, no Agreste da Paraíba, a 129 km de João Pessoa, nesse sábado (1º). Ela foi resgatada por familiares após ficar mais de 15 minutos submersa.

O avô da criança percebeu que ela estava presa, mergulhou na piscina e a soltou da sucção do ralo cortando o cabelo dela com uma faca. Após os primeiros socorros ainda no local do acidente, a garota foi socorrida para uma Unidade de Pronto Atendimento e, em seguida, transferida para a Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica do Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, onde seguia internada em coma induzido até o fechamento desta matéria. Na noite desta segunda-feira (3), a assessoria de imprensa da instituição de saúde confirmou que o quadro clínico da menina é grave, mas estável.

“O que preocupa realmente são as lesões neurológicas pelo tempo que ela passou debaixo d’água. Quando o avô veio notar, ela já estava completamente em parada cardiorrespiratória, foi reanimada e aqui a gente prosseguiu com o tratamento, dando toda a assistência que ela precisa”, disse a pediatra Noadja Andrade Cardoso.

O Corpo de Bombeiros orienta para os cuidados nesses casos e diz que na instalação de piscinas o sistema de ralo deve ser do tipo anti-sucção e que também seja feita aquisição de equipamentos que desliguem a motobomba em situações em que o sistema seja obstruído.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Novo acidente durante carnaval deixa dois em estado grave; vídeo mostra carro despencando


O Carnaval de 2017 entra para a história de uma forma triste. Nunca a Passarela do Samba tinha sido palco de tantas cenas trágicas. Os acidentes com os carros alegóricos de Paraíso do Tuiuti e Unidos da Tijuca deixam o coração dos amantes da folia com uma ferida difícil de curar.

Pela primeira vez, o noticiário até a Quarta-feira de Cinzas não será dominado pela gostosa expectativa sobre qual escola será a grande campeã. Todos estarão preocupados com o estado de saúde das vítimas internadas após o atropelamento de domingo e dos componentes da Unidos da Tijuca.
Após a trágica ocorrência de domingo, o discurso dos dirigentes, tanto da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), quanto do Paraíso do Tuiuti, era construído em torno de uma palavra: fatalidade. Ou seja, algo que fugiria à ordem natural das coisas. Não é mais possível que o problema do gigantismo dos carros alegóricos seja varrido para baixo do tapete. É hora de a comunidade do samba encarar de frente a questão. É hora de tentar entender o que ocorreu e promover as modificações necessárias.
O gigantismo dos carros alegóricos parece ser inevitável devido às dimensões da Sapucaí. Porém, o evento ocorrido durante o desfile da Unidos da Tijuca tem outra característica. A alegoria em questão não era tão grande. Porém, carregava um número expressivo de componentes fazendo coreografias – outro sintoma do Carnaval contemporâneo.
O desabamento do segundo carro alegórico da azul e amarela tem ainda outro aspecto, esse mais preocupante: em vez de se preocupar com o estado de saúde dos desfilantes, diretores estavam imbuídos da tarefa de colocar a alegoria na pista de desfiles a fim de não prejudicar a pontuação da escola. A reação da plateia do setor 1 foi imediata e enfática: uma chuva de latas de cerveja.
Todos sabem da importância do Carnaval para a economia do Rio de Janeiro e, principalmente dos interesses envolvidos, seja da emissora de TV que detém a exclusividade de transmissão, seja dos patrocinadores, agências de turismo e outros prestadores de serviço. Porém, naquele momento, em que pessoas necessitavam de socorro médico, continuar o desfile era algo totalmente impensável. A disputa se tornou apenas um detalhe.
Faz-se necessária uma reflexão do que se tornou o desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro. O aspecto visual predomina sobre os quesitos que dependem do canto, dança e habilidade de tocar instrumentos. Isso já é fato há mais de 40 anos. O crescimento desordenado dos carros alegóricos é prova viva desse processo. Porém, nada justifica que o desfile não tenha sido interrompido até que as pessoas fossem atendidas de forma digna. Que o relógio parasse e depois o desfile fosse retomado. É inacreditável a disputa insana de espaço entre bombeiros, socorristas e desfilantes. Que a lição seja aprendida para os próximos Carnavais.

Mangueira e Portela são favoritas

Carnaval é uma competição e, na Quarta-feira de Cinzas, conforme previsto, teremos a apuração das notas. Já que o desfile terá que ter uma escola campeã, Mangueira ePortela deverão disputar décimo a décimo o título. A campeã de 2016 fez uma apresentação de plástica irretocável, em mais um grande trabalho de Leandro Vieira. E impulsionada por um bom samba-enredo, desfilou com a tradicional garra. Porém, teve problemas sérios de evolução, com a formação de um buraco à frente ao supermódulo por conta da dificuldade de deslocamento de seu segundo carro alegórico. Já a Portela, em outro grande trabalho de Paulo Barros, fez um desfile bastante técnico, mas com impacto e momentos de emoção. O samba funcionou e a arquibancada gritou “É campeã”.
A Mocidade Independente de Padre Miguel fez o seu melhor Carnaval nos últimos 15 anos. Homenageando o Marrrocos, trouxe carros de bom gosto, um ótimo samba-enredo e uma comissão de frente que arrebatou a plateia, com um tapete voador guiado por um drone. Certamente estará no Desfile das Campeãs. Quem também impressionou a União da Ilha. Com o mais belo visual de sua história, fazia um desfile irrepreensível até ter tido problemas com seu quinto carro, que prejudicou sua evolução. Mesmo assim, a tricolor briga por uma vaga entre as campeãs.
A São Clemente fez um desfile marcado pelo requinte no visual, marca registrada da carnavalesca Rosa Magalhães e deverá obter uma boa colocação, a despeito dos problemas com a evolução e com o seu quinto carro. Já a Unidos da Tijuca, com toda a situação decorrente da quebra de seu segundo carro não deverá escapar do rebaixamento – uma ferida dolorosa para uma escola que conquistou três campeonatos nos últimos sete anos.

 

UOL

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br