Arquivo da tag: Geraldo Medeiros

Covid-19: Geraldo Medeiros faz alerta para colapso com avalanche de novos casos

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, voltou a demonstrar preocupação com a velocidade do aumento do número de casos do novo coronavírus (Covid-19) na Paraíba. Medeiros teme que o serviço público de saúde não acompanhe a quantidade de casos e entre em colapso.

– O momento é de apreensão em relação ao colapso da rede pública estadual, tanto em João Pessoa, como um prenúncio em Campina Grande de uma avalanche de novos casos.

Análise feita pela Secretaria de Estado da Saúde, com base na taxa de isolamento social, não descarta a possibilidade de um número ainda maior de pessoas contaminadas na próxima semana. Diante desta possibilidade, o secretário Geraldo Medeiros informou ainda que há uma avaliação do Comitê Científico do Norte e Nordeste que preconiza uma restrição social mais intensa na região metropolitana de João Pessoa e em Campina Grande. Para ele, a flexibilização depende justamente dos indicadores epidemiológicos.

– Nós não podemos promover a flexibilização no momento em que há um pico de incidência de casos na Grande João Pessoa e em Campina Grande. -, disse.

Ele explica que no final deste mês, o governador João Azevêdo deverá se reunir com o corpo técnico da Secretaria Estadual de Saúde para tomar uma decisão se vai ou não fazer a retomada da abertura de alguns seguimentos que estão sem funcionar.

 

PB Agora

 

 

Geraldo Medeiros garante que ainda não há colapso na Saúde da Paraíba

Nesta segunda-feira (18), o secretário de Estado da Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, afirmou que a disseminação do novo coronavírus já abrange quase todos os municípios paraibanos.

De acordo com Geraldo a Paraíba enfrenta uma possível vigência do pico da contaminação pelo vírus já que os dados apontam que nas últimas horas 136, dos 223 municípios já apresentam casos confirmados da doença.

Por conta da falta de respeito pela população do decreto que determina o isolamento social, na Grande João Pessoa há uma circulação viral muito grande, sobretudo na Capital, de acordo com testagens realizadas nos últimos dias.

Com isso, o secretário disse temer o aumento na ocupação dos leitos de UTI, mas ressaltou que pesar disso, a Paraíba ainda tem leitos disponíveis.

“A Paraíba ainda não chegou ao ponto de colapso da rede pública de saúde”, garantiu.

Mais 20 respiradores chegam hoje ao estado para dar mais suporte aos novos leitos de UTI.

PB Agora

 

 

Dois novos casos confirmados de covid-19 na PB também estão sendo tratados em casa, afirma Geraldo Medeiros

Os dois recentes casos confirmados de coronavírus na Paraíba também estão sendo tratados em casa, é o que afirmou o secretário de Saúde Geraldo Medeiros nesta quinta-feira (26).

Com essas duas confirmações a Paraíba tem até o momento 5 casos do covid-19, sendo que os três primeiros já estão curados.

Ainda de acordo com Geraldo Medeiros, os dois novos casos tiveram contato direto com uma pessoa que está sendo investigada como caso suspeito.

Nenhuma das duas mulheres, de 55 e 45 anos, apresenta sintomas graves e seguem em isolamento domiciliar, sendo monitoradas.

Até o momento já foram descartados 193 casos e nenhum óbito por coronavírus foi confirmado.

PB Agora

 

 

Governador deve usar polícia para forçar isolamento em medida de combate ao coronavírus no Estado, diz Geraldo Medeiros

O governador da Paraíba, João Azevêdo, decidiu autorizar as forças policiais do estado para determinar o isolamento social da população para seguir o plano de prevenção do espalhamento do coronavírus. Foi o que revelou o secretário de Estado da Saúde (SES), Geraldo Medeiros, durante entrevista na manhã desta sexta-feira (20).

De acordo com Geraldo, a decisão foi tomada após reunião com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), procuradores dos dois municípios e do estado, além de integrantes do Ministério Público Federal (MPF) e do Ministério Público da Paraíba (MPPB).

“A reunião foi feita justamente no sentido de analisar as medidas que podem ser adotadas, para promover a restrição de pessoas, fazer uma contenção social, objetivando controlar a circulação do vírus no nosso estado e consequentemente limitando o número de casos”, disse o secretário em entrevista a Rede Paraíba de Comunicação.

Ainda de acordo com o secretário, o uso das forças policiais para forçar o isolamento dentro de casa se justifica pela crescente dos casos de transmissão sustentada, que ocorre quando o paciente não sabe de quem ele pode ter recebido o vírus, em outras partes do país.

As decisões tomadas na reunião devem ser editadas em um decreto governamental, que deve ser publicado no Diário Oficial do Estado da Paraíba (DOE) neste sábado (21).

Outras medidas na Saúde

Durante a reunião com João Azevedo, Romero Rodrigues detalhou os planos para, a curto prazo, fazer uso do Hospital Pedro I e da UPA Raimundo Maia de Oliveira, do Alto Branco, como unidades exclusivas para recepção e atendimento a casos de coronavírus na cidade.

A proposta do prefeito campinense foi bem recebida pelo governador e equipe, por integrar o plano de contingência do Estado, principalmente a definição do Hospital Pedro I como referência exclusiva em Campina Grande para internações e UTI destinado a casos do Covid-19.

 

wscom

 

 

Governo do Estado anunciará novas medidas para combater coronavírus, adianta Geraldo Medeiros

Desde que os primeiro casos de coronavírus foram confirmados no Brasil, a Paraíba está em estado de alerta  e o governo como um todo, especialmente através da secretaria de Saúde está monitorando os casos suspeitos e tomando medidas emergenciais para combater a proliferação do vírus no território paraibano.

O secretário de Saúde Geraldo Medeiros declarou durante entrevista à Arapuan FM nesta segunda-feira (16), que nesta terça o governador João Azevêdo deverá estar anunciando novas medidas, para além do decreto emergencial publicado no último sábado. O objetivo é justamente fazer com que a Paraíba, que não conta com nenhum caso confirmado, possa se resguardar da pandemia.

Apesar de declarar que as expectativas da população com relação às medidas de proteção devem ser atendidas, o secretário disse que não podia adiantar muita coisa, até porque as medidas que foram deliberadas em reunião ainda devem passar pelo crivo de Azevêdo antes de serem anunciadas.

“Nós tivemos reunião na sexta com o governador e secretários e algumas deliberações foram efetivados, um decreto emergencial foi criado e a criação do comitê de crise. Foram tomadas uma série de deliberações que vão ser ditas pelo governador mas o norte é que as aglomerações sejam evitadas. O cenário da Paraíba tem sido diferente pois não temos nenhum caso confirmado, nem a transmissão local, nós não temos transmissão comunitária e nos reunimos e amanhã o governador irá anunciar todas as deliberações mas com certeza vai atender as expectativas de prevenção” disse.

Uma coletiva será realizada para anunciar as novas medidas.

Na última sexta-feira (13), o governador determinou as primeiras medidas para combater à doença, como a suspensão de audiências do Orçamento Democrático e a recomendação para não realização de eventos com um público grande.

 

PB Agora

 

 

Tião Gomes diz que gestão do secretário Geraldo Medeiros revoluciona a saúde da Paraíba

O deputado estadual Tião Gomes (Avante) está confiante no trabalho que vem sendo desenvolvido pelo novo secretário estadual de Saúde Geraldo Medeiros. De acordo com o parlamentar, o médico já demonstrou competência em funções públicas que ocupou ao longo de sua vida profissional, a exemplo da gestão do Hospital de Trauma de Campina Grande, onde foi diretor e mudou positivamente a realidade da unidade hospitalar.

A declaração de Tião Gomes aconteceu durante a audiência pública realizada nesta quarta-feira (14), onde o secretário de saúde prestou contas da pasta, através da apresentação de um relatório do 1º quadrimestre no plenário José Mariz, da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB).

Tião Gomes reconheceu o bom trabalho executado pelo secretário que assumiu o cargo há quatro meses, mas, já soma diversas conquistas e melhorias importantes na saúde pública.

“Falo do reconhecimento dos avanços da saúde na Paraíba, porque esse desafio não é fácil. Mas, é visível que a gestão do médico Geraldo Medeiros é revolucionária, comprometida com a sociedade e aberta ao povo paraibano. E isso não é surpresa, pois a competência do Doutor Geraldo já era conhecida através do grande trabalho que ele realizou no Trauma de Campina Grande. Registro meus parabéns a esse competente gestor da nossa saúde estadual que atende a todos sem distinção e que em pouco tempo mudou a Saúde da Paraíba da água para o vinho”, pontuou Tião Gomes.

O deputado ainda disse que o governador João Azevêdo está acertando nas suas escolhas para gerir pastas importantíssimas da administração estadual. “Existem erros, existem. Mas há muitos avanços que têm que ser reconhecidos”, disse.

Durante a audiência pública, Geraldo Medeiros destacou as principais ações realizadas pelo Governo do Estado no período, entre as quais a formalização da Rede Cuidar, que passou a ser gerida exclusivamente pela Secretaria de Estado da Saúde; 10 programas de residência; e habilitações pelo Ministério da Saúde do Hospital do Bem e de 40 leitos de UTI (30 no Hospital Metropolitano e 10 no Hospital Geral de Mamanguape).

Para Geraldo Medeiros, a agenda realizada hoje na Assembleia é um instrumento de aproximação do gestor público com o cidadão paraibano. “Esse é o palco ideal para prestação de contas já que estamos na Assembleia, casa dos representantes do povo. Nada melhor do que essa casa para discutir, debater e atender os anseios da população e responder ao questionamento dos deputados”, ressaltou.

 

portaldolitoralpb