Arquivo da tag: foragido

Polícia Militar recaptura foragido do PB-1 condenado a 85 anos de prisão

Um foragido da Penitenciária de Segurança Máxima Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes (PB-1) foi recapturado pela Polícia Militar na madrugada deste domingo (26), na cidade de Santana de Mangueira, Sertão da Paraíba. O homem responde por homicídios e tem uma condenação de 85 anos de prisão.

A Polícia foi acionada por meio de uma denúncia anônima. A informação era de que três suspeitos estavam dormindo em um bar há dois dias. Os homens tentaram fugir quando perceberam a chegada da polícia, mas foram rendidos.

O outro homem que estava no local também era procurado da justiça por homicídio em Pernambuco, além disso, contra ele pesava um mandado de prisão aberto por vários roubos. O terceiro, que estava sem identificação, passou um nome falso e está sendo investigado, mas há possibilidade de também ser procurado pela Justiça.

De acordo com a polícia, os homens planejavam homicídios na região. Não foram encontradas armas, mas as diligências da Força Tática continuam para desarticular uma possível quadrilha da qual eles fariam parte.

Os três suspeitos foram apresentados na Delegacia de Polícia, em Itaporanga.

paraiba.com.br/

 

 

PRF prende foragido na PB com 78 quilos de maconha prensada que ia para o RN

Integrantes da Polícia Rodoviária Federal da Paraíba (PRF) prenderam na noite de ontem (22), um foragido da Justiça, com 81 tabletes de maconha prensada, no km-91, da BR-101, na saída para Recife. O homem de 42 anos estava em um veículo com uma mulher de 39 anos quando foram abordados pela PRF.

As drogas estavam no interior do veículo e totalizaram aproximadamente 78 quilos de maconha prensada. Segundo a PRF, o homem possui um mandado de prisão por não comparecimento às audiências, pois ele cumpre pena por tráfico e estava no regime semiaberto.

O casal alegou que estaria levando a droga de Aracajú, no Sergipe, para Natal no Rio Grande do Norte.

 

pbagora

 

 

Estelionatário foragido da Cadeia de Solânea é preso na Bahia

O estelionatário Allan Júnior Fernandes, foragido da Cadeia de Solânea/PB em maio deste ano, foi preso em uma blitz de rotina na cidade de Eunápolis, Estado da Bahia, quando trafegava em um veículo com placas adulteradas na BR 101 e foi abordado pela Polícia Rodoviária Federal na tarde desta quarta-feira 02.10.2019.

De acordo com o delegado Seccional de Solânea/PB, Diógenes Fernandes, a informação da prisão foi confirmada com a Polícia Civil do Estado da Bahia, onde o foragido apresentou documento falso, identificando-se como Alisson Carlos Fernandes, 32 anos, e encontra-se custodiado na delegacia de Eunápolis/BA. No momento da  abordagem, Allan Júnior estava acompanhado de sua mulher Ana Cristina de Oliveira e sua enteada de 14 anos, oriundas da cidade de Soledade/PB.

Ainda de acordo com o delegado, o investigado Allan Júnior é um estelionatário que responde processos em mais de dez Estados e foi preso por Polícias Civis da 21 Seccional em Solânea no dia 17 agosto de 2018. Allan foragiu da Cadeia local de forma inusitada em 19 de maio de 2019, quando foi liberado pelos funcionários da Cadeia para ir a um motel e não mais retornou, ainda subtraindo a arma de fogo funcional de responsabilidade do diretor da Cadeia.

Na época a Polícia Civil indiciou os Agentes Penitenciários pelos crimes de facilitação dolosa de fuga e prevaricação, sendo o foragido também indiciado pelo furto da pistola, onde o inquérito Policial foi enviado à Justiça.

 

 Informações da Delegacia Seccional em Solânea

 

 

Em Belém, polícia Civil e Militar prendem foragido acusado de tráfico

Na tarde desta quarta-feira (21), na cidade de Belém-PB, a Polícia Civil (GTE da 8DSPC) e a Polícia Militar (NI/PM e Guarnição do Comando do 4BPM), em ação conjunta, prenderam Leandro José Romão (30 anos), contra quem havia mandado de prisão em aberto.

Leandro foi um dos alvos da Operação Rede do Mal-Belém, desencadeada em fevereiro deste ano para combater organização criminoso atuante no tráfico de drogas naquela cidade, e, desde então, encontrava-se foragido. Cumprido o mandado, o acusado foi encaminhado à cadeia pública de Belém.

 

portalmidia

 

 

Foragido da Paraíba é encontrado pela polícia em shopping de Fortaleza

Um homem foragido da Penitenciária de Segurança Máxima Romeu Gonçalves Abrantes, na Paraíba, foi recapturado nesta sexta-feira (14), em um shopping de Fortaleza. Romário Gomes Silveira, de 30 anos, é acusado de explosões a bancos e carros-forte. Ele escapou da prisão em setembro de 2018, quando um total de 92 presos conseguiu fugir.

A captura de Romário se deu em operação das polícias Federal e Militares da Paraíba e do Ceará. O criminoso foi encaminhado à Delegacia de Capturas, no Centro de Fortaleza, até que a Justiça decida onde ele permanecerá preso.

Romário é o 69º detento a ser localizado desde a fuga em massa no presídio paraibano. Ele foi o alvo principal por quem a fuga foi planejada.

Fuga

Pelo menos 92 presos fugiram da Penitenciária de Segurança Máxima Romeu Gonçalves Abrantes, o PB1, na madrugada de 10 de setembro do ano passado, em João Pessoa.

A ação começou com pessoas atirando de dentro da mata próximo ao presídio de segurança máxima. Os criminosos atiraram nas guaritas que estavam ocupadas pelos policiais militares para confundir os policiais e se inicia uma troca de tiros. Pessoas que moram perto da cadeia começaram a ouvir disparos e uma explosão pouco depois da meia-noite.

De acordo com informações da PM, cerca de 20 homens chegaram em quatro carros e dispararam várias vezes contra as guaritas, o alojamento e o portão principal. Havia grande quantidade de armamento, inclusive fuzis ponto 50, que perfura a parede. Por causa da munição utilizada pelos criminosos, os agentes penitenciários tiveram que se abrigar.

Nesse momento os criminosos conseguem se aproximar e usar os explosivos no portão da frente e da lateral do PB1. Eles tiveram acesso à unidade prisional e com um alicate conseguiram arrombar os cadeados para libertar Romário Gomes Silveira, alvo do resgate e acusado de explosões a bancos e carros-forte. Após ele ser resgatado, os demais presos também pegam os alicates para abrir as celas.

Durante a fuga dos detentos, um policial militar foi baleado na cabeça, próximo a Academia de Polícia Civil (Acadebol), na PB-008. Um grupo fechou a rodovia e houve troca de tiros. Ele foi levado para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, onde permaneceu até o fim da manhã desta segunda-feira em grave estado de saúde. No entanto, o hospital confirmou que o policial teve morte cerebral e, em seguida, o coração também parou de bater.

Foto: Walter Paparazzo/G1

G1

 

Operação Policial em Borborema/PB resulta na prisão de foragido de presídio em Guarabira

A prisão de Marinaldo Lourenço de Oliveira Júnior, vulgo Júnior de “JUÁ”, 26 anos, foi realizada em operação realizada pelas Polícias Civil e Militar, 21ª Delegacia Seccional em Solânea e 7ª CIPM, na madrugada desta  quarta-feira dia (12), no Conjunto Nova Esperança em Borborema/PB.

O preso “JÚNIOR DE JUÁ” foragiu da Penitenciária João Bosco Carneiro em 31 de março deste ano, juntamente com outros três apenados, todos de alta periculosidade, sendo ele acusado de vários assaltos na região, inclusive a fábrica de massas 3 de Maio localizada em Belém/PB, no dia 19 de abril.

De acordo com os registros policiais, o preso praticava os roubos com muita violência, amarrando as vítimas e torturando para forçar a entrega de valores ou objeto de valor.

Na ação foi aprendido um revólver calibre 38 roubado da polícia do Estado do Pará, cordas, máscara e facas utilizadas nos crimes.

De acordo com as Polícias Civil e Militar, as operações estão sendo intensificadas em razão dos festejos juninos previstos para região de Solânea.

FN com Polícia Civil

 

 

Quarto adolescente suspeito de estupros no Geo segue foragido após quase um mês de buscas

No dia 8 de março de 2019, três adolescentes foram apreendidos suspeitos de participação de estupros dentro de um banheiro do colégio Geo Tambaú, em João Pessoa. Os supostos sexuais teriam acontecido entre janeiro e maio de 2018, contra três crianças, segundo denúncias encaminhadas à Polícia Civil e ao Ministério Público da Paraíba (MPPB). Contudo, um quarto menor ainda segue foragido e o mandado de busca e apreensão sobre ele está em aberto.

O ClickPB entrou em contato com a superintendente da Polícia Civil em João Pessoa, delegada Roberta Neiva, a qual informou que em todas as tentativas os policiais não encontraram o quarto adolescente nos endereços indicados.

O caso dos supostos estupros no colégio Geo Tambaú vieram à tona no dia 8 de março quando foram apreendidos três dos quatro adolescentes suspeitos dos abusos sexuais. A denúncia inicial foi feita por uma mãe que soube por uma professora que o filho estava indo muito ao banheiro. A educadora enviou comunicado perguntando se o menino, que tinha 8 anos na época, estava com problemas fisiológicos.

Os pais da criança denunciaram o caso à Polícia Civil e, desde maio de 2018, os detalhes do processo correm em segredo de Justiça. Depois, houve a denúncia sobre estupros de mais duas crianças.

Nesta primeira semana do mês de abril foram finalizadas as audiências de instrução do caso, no Fórum da Infância e Juventude de João Pessoa. Foram ouvidas testemunhas de defesa e acusação e as três supostas vítimas. O advogado Aécio Farias, que faz a defesa de dois dos três adolescentes, de 13 e de 17 anos, informou ao ClickPB que os menores negam envolvimento nos abusos sexuais e que as provas contra eles são frágeis. Além disso, ele aponta que o exame sexológico feito na primeira criança, ainda em maio de 2018, teve resultado negativo para indícios de abuso sexual.

O processo judicial sobre os três adolescentes já recolhidos ao Centro de Educação do Adolescente (CEA) da Capital está, até esta sexta-feira (5), na fase de alegações finais da defesa e da acusação.

Em menos de 15 dias, o juiz Luiz Augusto Souto Cantalice, do Fórum de Infância e Juventude de João Pessoa dará a sentença sobre os meninos acusados de ato infracional semelhante a estupro, como é tipificada a ação quando tratam-se de menores de idade.

 

clickpb

 

 

Foragido da justiça é preso com bananas de dinamite e droga em João Pessoa

(Foto: Capitão Clecitoni Alburquerque/Polícia Militar da Paraíba)

Um suspeito de integrar uma quadrilha de ataques a bancos foi preso na noite de domingo (17) no bairro dos Bancários, em João Pessoa, com 53 bananas de dinamite e com cerca de 1 kg de cocaína. De acordo com a Polícia Militar, responsável pela prisão, o material apreendido seria usado em novos ataques a bancos.

Ainda de acordo com a polícia, o homem preso tem 27 anos e foi preso em casa. Ele é um dos principais suspeitos da quadrilha que tinha realizado explosões a bancos da região do litoral da Paraíba. Antes da prisão do domingo, o suspeito havia sido preso quatro vezes e estava foragido da Justiça.

Segundo a polícia, o preso tinha sido condenado a 17 anos e oito meses de prisão por tráfico de drogas, mas desde que foi colocado no regime semiaberto, fugiu do presídio e foi considerado foragido. Até o início da manhã desta segunda-feira (18), o suspeito permanecia preso.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

PM de Solânea prende foragido e acusado de roubos na região

Na manhã da segunda-feira, dia 03 de julho, foi dado início a uma série de diligências que culminaram na apreensão de dois indivíduos envolvidos em diversos crimes na região metropolitana de João Pessoa e Brejo Paraibano.

O primeiro acusado foi abordado na Rua Bela Vista, em Solânea. DEUSIMAR OLIVEIRA DOS SANTOS, 23 anos, que além do cometimento do crime de estupro de vulnerável contra a menor C.N.S., o mesmo encontrava-se foragido da penitenciaria de segurança máxima da Paraíba e também havia realizado roubos na região do Brejo.

Posteriormente a prisão de Deusimar, que também é conhecido pelo vulgo de CORINGA, foram realizadas diligências, juntamente com a Polícia Civil de Solânea, a fim de identificar os demais envolvidos nos roubos. Foi encontrado ROGÉRIO PAULO DA SILVA, 19 anos, acusado de cometer um duplo homicídio na cidade de João Pessoa e roubos a estabelecimentos comerciais na cidade de Arara.

Ambos acusados são suspeitos de ter envolvimento no roubo aos correios das cidades de Arara e Remígio, além de participarem do tráfico de drogas na região sob o comando do “nego pó”. Foram encaminhados para a DP de Solânea para os procedimentos cabíveis.

Com 7ªCia de Solânea

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Marido mata esposa com duas facadas no peito, e segue foragido no Cariri Paraibano

Foto: Reprodução / Instagram

A pacata cidade de Ouro Velho, que fica a 322 quilômetros de João Pessoa, no Cariri Paraibano, acordou em choque na manhã desta quarta-feira (26). Um jovem casal protagonizou uma história digna de filmes de horror. Douglas, mais conhecido como “galeguinho”, de 23 anos, matou sua esposa, Arlete Jalapa, de 25 anos, com duas facadas no peito após uma discussão na noite desta terça-feira (25).

Segundo informações da Polícia Militar, Arlete queria o fim do casamento mas Douglas não aceitava a decisão, e após uma longa discussão, ele acabou desferindo dois golpes de faca no peito da vítima. O suspeito fugiu antes da chegada da PM e segue foragido. Arlete deixa dois filhos.

Equipes do Instituto de Perícia Científica (IPC) constataram o óbito de Arlete e conduziram o corpo ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) em Campina Grande. A Polícia Militar segue em busca de Douglas, mas até o fechamento desta reportagem, ele não havia sido encontrado.

Correio da Paraíba

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br