Arquivo da tag: feriadão

Lei Seca flagra 57 motoristas bêbados durante feriadão na PB

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) notificou 57 motoristas por dirigir sob efeito de álcool, durante a Operação Lei Seca realizada no período do carnaval. Os números foram divulgados nesta quarta-feira (26) pela Coordenação de Policiamento e Fiscalização de Trânsito do órgão.

Durante o período, foram realizados 798 testes de bafômetro, resultando na apreensão de 52 carteiras de habilitação (CNHs) e na remoção de 13 veículos aos pátios do órgão. A operação ainda autuou 80 condutores em flagrante pela prática de outras infrações ao Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

As ações da Operação Lei Seca foram intensificadas desde a segunda quinzena de dezembro até fevereiro de 2020, quando ocorre o verão. A época coincidiu com férias escolares e carnaval, quando é registrado um aumento significativo de veículos circulando em todo o estado, sobretudo nos municípios litorâneos.

“Com as ações da Operação Lei Seca durante o carnaval, certamente muitos acidentes foram evitados e muitas vidas foram preservadas no trânsito do nosso Estado”, afirmou o coordenador da Lei Seca no estado, major Edmilson Castro.

 

portalcorreio

 

 

Quase mil policiais reforçam segurança na Paraíba durante feriadão

Para fortalecer as ações de segurança pública na Paraíba durante o feriadão da Proclamação da República (15 de novembro), a Polícia Militar intensificará o policiamento ostensivo e preventivo em mais de 150 municípios do estado. A “Operação República” começou na tarde desta quinta-feira (14) e segue até a madrugada da segunda-feira (18), atuando em pontos estratégicos no combate à criminalidade.

Entre os principais objetivos da Operação República, que se divide em outras operações no período – como a “Operação Cidade Segura” nesta quinta-feira (14), está a prevenção dos crimes patrimoniais e contra vida, além do combate ao tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. A atuação da PM será voltada para pontos estratégicos, a partir dos levantamentos das Coordenadorias de Inteligência e Estatística da PM, e de denúncias feitas pela população através do número 190.

Só nesta quinta-feira, 959 policiais e 345 viaturas intensificam as ações de rondas, abordagens e incursões em comunidades de 151 municípios do Estado, alcançando os três Comandos Regionais, sediados em João Pessoa, Campina Grande e Patos.

Secom-PB

 

 

PRF flagra mais de 50 pessoas dirigindo embriagadas durante feriadão na Paraíba

Imprudência e desobediência as normas de trânsito. A Polícia Rodoviária Federal (PRF), flagrou mais de 50 pessoas dirigindo embriagadas durante feriadão, na Paraíba, durante feriadão de Corpus Christi e São João.

As informações fazem parte do balanço parcial da Operação Festejos Juninos, que começou no dia 7 de junho e vai até o dia 30 deste mês.

De acordo com a assessoria de imprensa da PRF, desde o início da operação mais de dez mil pessoas foram fiscalizadas nas rodovias. Foram registrados 94 acidentes, com 100 feridos e sete pessoas mortas.

Além disso, 47 pessoas foram detidas por vários crimes, incluindo dois foragidos responsáveis por assaltos a bancos.

 

PB Agora

 

 

Feriadão tem céu nublado e previsão de pancadas de chuva para toda PB

Para quem vai passar o feriadão na Paraíba, a previsão é de céu nublado e pancadas de chuva em diversas áreas do estado.

De acordo com a previsão do tempo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para esta sexta (19), sábado (20) e domingo (21), chuvas isoladas podem ocorrer durante todo o feriadão.

Para este sábado a previsão é de temperatura variando entre 23º C e 31º C em todo o estado.

E no domingo de Páscoa a máxima prevista é de 32º C e mínima de 24º C.

A maré pode atingir 2,6 metros por volta das 4h do sábado.

PB Agora

 

 

Três morrem no feriadão de Natal em BRs da Paraíba

(Foto: Jornal Correio da Paraíba)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou nesta terça-feira (26) o balanço parcial da ‘Operação Rodovida’. Entre sexta (22) e essa segunda (24), foram registradas 28 ocorrências de acidentes com 21 feridos e três mortes nas rodovias federais que cortam a Paraíba.

Os números são semelhantes se comparados com o mesmo período no ano de 2016, quando também foram registrados 28 acidentes com 21 feridos e dois mortos.

Dos acidentes que resultaram em mortes, dois foram atropelamentos de pedestres na rodovia BR-230 e uma queda de motocicleta após colisão traseira na BR-361. Esses acidentes aconteceram nas regiões do Cariri e Sertão do estado.

Ainda durante o período, a PRF fiscalizou e abordou 602 veículos, lavrou 536 autos de infração de trânsito, 381 motoristas foram submetidos ao teste de alcoolemia, em que 13 motoristas foram reprovados e autuados e 10 pessoas foram conduzidas para a delegacia, sendo sete por dirigir embriagadas, duas por crime de trânsito e uma com veículo adulterado. A PRF também recuperou dois veículos com queixa de roubo/furto.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

PRF registra duas morte e 30 feridos no feriadão de São João na Paraíba

(Foto: Walla Santos)

Duas pessoas morreram  e 30 ficaram feriadas nos 23 acidentes registrados nas rodovias federais que cortam a Paraíba no feriadão de São João.  O balanço da ‘Operação Festas Juninas 2017, encerrado a meia noite de ontem, foi divulgado pela Polícia Rodoviária Federal da Paraíba.

De acordo com a PRF, nos quatro dias da operação 17 pessoas foram presas e foram multados 1.167 condutores de veículos (937 por excesso de velocidade e 230 por ultrapassagem indevida). A PRF também recolheu  51 CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

A operação teve o objetivo de proporcionar mais segurança e fluidez do trânsito. O reforço na fiscalização foi concentrado nas Regiões Metropolitanas de João Pessoa, Campina Grande e em Patos, no Sertão Paraibano.

O período da operação Festas Juninas deste ano foi mais curto que a do ano anterior. Ao todo, foram quatro dias, enquanto a operação em 2016 teve sete.

Dados gerais da operação:

A PRF informa que manterá reforço no policiamento e fiscalização até o próximo final de semana, visando os festejos do São Pedro.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Polícia registra quase 100 casos de violência doméstica no feriadão

A Polícia Militar atendeu 95 chamados de violência doméstica, das 19h da última sexta-feira (28) até 23h59 dessa segunda-feira (1º), em todo o estado. Todas as solicitações foram de denúncias da prática de violência física praticada por homens contra as próprias companheiras – uma das cinco formas de violência apontadas na Lei Maria da Penha.

Mais da metade dos casos se concentraram na região metropolitana de João Pessoa, com 60 chamados, sendo 36 em João Pessoa, sete em Santa Rita, cinco em Bayeux e dois em Cabedelo.

A cidade de Campina Grande também teve um número expressivo de chamados, com 17 solicitações nos bairros do Catolé, Castelo Branco, Acácio Figueiredo, Cruzeiro, Três Irmãs, José Pinheiro, Santo Antônio, Pedregal, Alto Branco e Bodocongó. Em um dos casos, no Pedregal, a PM conduziu um homem que, após uma discussão, agrediu a mulher com um pedaço de madeira.

Os atendimentos resultaram na prisão de mais de 20 suspeitos em flagrante, mas na maioria dos casos os agressores fugiram ao saber da presença da PM. Mesmo assim, as mulheres que se apresentaram aos policiais foram orientadas sobre como proceder nesses casos, com o objetivo de prevenir a reincidência dos autores e evitar que elas sejam novamente vítimas.

MaisPB com Secom-PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Polícia Rodoviária Federal alerta condutores para volta do feriadão

PRFA Polícia Rodoviária Federal (PRF) alerta os condutores e usuários das rodovias sobre quais cuidados devem ser observados no retorno do feriadão. Para evitar acidentes, os motoristas precisam ficar ainda mais atentos: os acidentes mais graves costumam acontecer após algum descuido ou alguma atitude imprudente.

Imprudência – Ainda é notável o grande número de condutores que não respeitam as normas básicas de circulação ou os limites de velocidade estabelecidos na rodovia. Em apenas três dias de operação 1.116 veículos foram flagrados com excesso de velocidade. Em um dos comandos de fiscalização com uso do radar, foi observado que a cada 17 segundos um veículo foi flagrado cometendo a infração de trafegar com excesso de velocidade nas rodovias federais que cortam o estado da Paraíba.

O que o condutor não imagina é o grande perigo que a velocidade traz durante um deslocamento: quanto maior a velocidade, maior o tempo e a distância necessária para parar um veículo, portanto, maior o risco de ocorrer uma colisão. Além disso alguns condutores não entendem que controlar a velocidade de um veículo é uma tarefa complexa e difícil, pois velocidades altas (isto é, dirigir acima do limite permitido) e inadequada (dirigir rápido demais para as condições do momento) envolve condutor, veículo, via, trânsito. Todos esses fatores agregados são os principais contribuintes tanto para o número quanto a gravidade dos acidentes de trânsito.

Orientação – Além dos limites de velocidades que devem ser respeitados e normas gerais de trânsito, como uso do cinto de segurança e respeito à sinalização, a recomendação é de que os motoristas tenham paciência e muita cautela, devido ao tráfego de veículos. “Para garantir mais segurança no retorno ao lar e não terem surpresas desagradáveis ao final do feriadão, é recomendável viajar durante o dia após a verificação das condições de alguns itens do veículo, como calibragem dos pneus, inclusive do estepe; nível de óleo; acionamento dos faróis, setas e lanternas, macaco, chave de roda, triângulo de sinalização”, enfatizou Eduardo Guimarães, chefe da Seção de Policiamento e Fiscalização.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

FERIADÃO: PRF inicia a Operação Proclamação da República 2016

Para conscientizar o motorista, a Polícia Rodoviária Federal vai aproveitar o feriado prolongado para realizar campanhas educativas nas rodovias federais

prfA Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia a Operação Proclamação da República nesta sexta-feira (11) com reforço no policiamento em todo o Brasil. Até a próxima terça-feira (15), a PRF intensificará suas ações no policiamento ostensivo preventivo em trechos com maior índice de acidentes. Com a expectativa de aumento no fluxo de veículos, o Órgão realizará operações simultâneas para coibir infrações de trânsito em diversos pontos das rodovias federais.

A PRF registrou nos últimos anos quedas sucessivas no número de mortes e acidentes graves em rodovias federais em todo país. Apesar deste registro positivo, o saldo de aproximadamente seis mil mortes por ano em acidentes nas rodovias federais brasileiras ainda é preocupante. Na Paraíba, a queda no número de mortes também foi verificada, de 2013 a 2015, foi observada uma redução de 7,5% na taxa de letalidade. No entanto, só este ano, 141 óbitos foram registrados nas rodovias federais paraibanas. Para conscientizar o motorista, o Órgão vai aproveitar o feriado prolongado para realizar campanhas educativas mostrando que uma conduta mais prudente do motorista vai refletir na redução de acidentes e mortes no trânsito.

Temos como principais condutas lesivas no trânsito: excesso de velocidade, alcoolemia ao volante, uso inadequado do cinto de segurança e de dispositivos de retenção para as crianças, ultrapassagens indevidas, uso de telefone celular e problemas na condução de motocicletas ou ciclomotores. As fiscalizações serão direcionadas para a realização de ações de policiamento ostensivo, concentrando esforços em atividades preventivas nos trechos críticos para ocorrências de acidentes graves.

Com o tema “Trânsito seguro é compromisso de todos”, a Operação contará com ações de educação para o trânsito buscando sensibilizar motoristas e passageiros de seus papéis na construção de um trânsito mais seguro. Em alguns postos, o condutor que for flagrado cometendo alguma infração será abordado e, enquanto aguarda a notificação, será convidado a assistir a vídeos que mostram comportamentos inadequados no trânsito e as consequências dessas condutas. Os motoristas têm a oportunidade de fazer uma reflexão sobre suas atitudes e assimilar novos hábitos.

Restrição de tráfego – A PRF também faz um alerta aos motoristas profissionais. Como acontece em todos os feriados prolongados, o tráfego de caminhões bitrem, veículos com dimensões excedentes e caminhões cegonha será restrito em alguns momentos. A restrição visa aumentar a fluidez do trânsito nas rodovias de pista simples, maior parte da malha viária nacional. Nos dias e horários de maior movimento, esses veículos não poderão transitar, independentemente de estarem descarregados ou possuírem Autorização Especial de Trânsito (AET).

Veja os dias e horários:

– 11/11/2016 – (sexta-feira) – das 16h às 24h

– 12/11/2016 – (sábado) – das 06h às 12h

– 15/11/2016 – (terça-feira) – das 16h às 24h

TRECHOS CRÍTICOS

Na BR 230 o condutor deve redobrar a atenção nos seguintes pontos:

Km 0 ao 40 de Cabedelo até Santa Rita; Km 80 ao 90 de Riachão do Poço até Caldas Brandão; Km 150 ao 160 Campina Grande até Santa Terezinha e Km 460 ao

470 de Malta ao Condado.

Já na BR 101, os cuidados devem ser aumentados nos pontos:

Km 10 ao 20 de Mataraca até Mamanguape e Km 80 ao 100 de João Pessoa até Alhandra.

Trafegando pela BR 104, maior prudência deve ser observada nos trechos:

Km 80 ao 90 de Algodão de Jandaíra até Esperança e Km 130 ao 140 de Campina Grande a Queimadas.


Assessoria

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Prefeito decreta uma semana de ‘feriadão’

feriadoO feriado de 12 de outubro, dia de Nossa Senhora Aparecida, a padroeira do Brasil, cai na próxima quarta-feira. Apesar de ser no meio da semana, o prefeito de Monte Alegre do Sul (SP) resolveu decretar um “feriadão” durante os cinco dias úteis. Escolas, creches e postos de saúde vão ficar fechados. A medida, que é para cortar gastos, gerou polêmica na cidade.

O prefeito Carlos Albertro Aparecido de Aguiar determinou, por meio de decreto, que “fica suspenso o expediente nas Repartições Públicas Municipais nos dias 10, 11, 13 e 14 de outubro de 2016”.

O documento também ressalta que as atividades essenciais de “limpeza pública, coleta de lixo, serviços da Unidade de Pronto Atendimento Municipal e vigilância de próprios municipais” não vão parar. Assim como o setor de ambulâncias.

Prática antiga
Essa prática do prefeito já aconteceu no ano passado e, apesar da reclamação dos moradores, voltou a ser realidade. A justificativa é a mesma do ano anterior.

“Pra enxugar os gastos e pra fechar a folha de pagamento, poder fazer o pagamento dos funcionários. Enfim, a explicação é por conta da crise financeira”, explica a assistente jurídica da Prefeitura, Patrícia Cesário.

Sem fisioterapia
No entanto, serviços como entrega de leite e fisioterapia, que são oferecidos pelos postos de saúde, não vão funcionar e muita gente se sente prejudicada.

Marli de Souza está desempregada, a mesma situação do marido dela. Eles não têm como comprar o leite das filhas e costumam pegar no posto de saúde. Mas, esta semana eles não terão como pegar o alimento.

“Acho uma piada de muito mau gosto. Falta de respeito muito grande. Uma paralisação para a cidade, né? (…) É alto o nosso imposto. Então, a gente têm direitos, direito de falar, de escola, de saúde “, é o que pensa a dona de casa Débora Andrade de Oliveira

“[Vou] Fazer milagre. Agora não tem mais esse leite, né? Pelo menos para a semana que vem a gente sabe que não vai ter”, afirma.

Apoiado em duas muletas e com pinos em uma das pernas, o ajudante de motorista Cristiano Portilho faz fisioterapia para conseguir voltar a andar sozinho.

“É uma vergonha. Um descaso com a população. (…) Não tem motivo pra isso”, disse.

Sem aulas
A faxineira Daiana Barbosa tem uma filha de 7 anos e não sabe com quem poderá deixá-la durante toda a semana. Segundo ela, as crianças também vão perder pela falta de aulas.

“Vai complicar muito pra mim, porque como eu vou tirar o dinheiro, que já é pouco, das faxinas para pagar alguém para olhar a minha filha?”, explica.

Globo

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br