Arquivo da tag: fere

Queda de viga mata um e fere dois na obra do monotrilho em São Paulo

monotrilhoA queda de uma viga em uma obra do monotrilho da Linha 17-Ouro do Metrô, na Avenida Washington Luís, Zona Sul de São Paulo, deixou uma pessoa morta e outras duas feridas na tarde desta segunda-feira (9). Quatro equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas.

Segundo a Polícia Militar, o acidente ocorreu na esquina da Rua Vieira de Moraes com a Avenida Washington Luis. As causas do acidente ainda serão investigadas. A viga caiu sobre a rua e a bloqueava às 17h20.

O primeiro trecho da Linha 17 deverá ter 7,7 km e será composto pelas estações Jardim Aeroporto, Congonhas, Brooklin, Vereador José Diniz, Água Espraiada, Vila Cordeiro, Chucri Zaidan e Morumbi.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Inicialmente, a expectativa era que os trens começassem a circular entre Congonhas e o bairro do Morumbi, na Zona Sul, antes da Copa. Segundo o governo, a demora na obtenção de licenças ambientais, porém, atrasou o andamento das obras.

local de acidente em obra do monotrilho
Queda de uma viga em uma obra do monotrilho da Linha 17 Ouro do Metrô, deixa uma pessoa morta e outras duas feridas, na Avenida Washington Luís, zona sul de São Paulo (Foto: Renato S. Cerqueira/Futura Press)
Queda de viga em obra do monotrilho da Linha 17 Ouro do Metrô. (Foto: Renato S. Cerqueira/Futura Press)

G1

Homem mata 1 e fere 4 durante batizado em igreja

igreja-spUma das cinco vítimas do atirador que fez um ataque em uma igreja católica na manhã deste domingo (16), em Guarulhos, na Grande São Paulo, morreu no Pronto-Socorro dos Pimentas. De acordo com a Polícia Civil, outras quatro pessoas também foram baleadas. A mulher e o atual companheiro dela foram atingidos na cabeça.

Ainda de acordo com o delegado, o suspeito acompanhava um batismo, que seria de um familiar da vítima na igreja São Francisco de Assis, na Rua Campo Maior, no bairro dos Pimentas. Em um determinado momento, ele sacou a arma e atingiu a mulher, o atual companheiro dela e uma terceira pessoa. Na saída da igreja, ele baleou outras duas pessoas.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

 

O delegado João Blase, do 4º Distrito Policial de Guarulhos, disse que existe a suspeita de que o ex-companheiro da vítima tenha sido o autor dos disparos. A polícia tenta localizá-lo. “Já foi levantada a identificação deles, o fragmento da placa do carro e obtivemos o endereço dele. As viaturas foram para o local. Ao que tudo indica, ele [o rapaz que atirou] era ex-companheiro da vítima”, afirmou o delegado.

O padre Daniel Richter, que celebrava o batizado, disse não ter visto o rosto do atirador. “Não sei identificar”, afirmou. “Não sabíamos o que estava acontecendo. Só vi um movimento estranho e, a partir daí, todos correram para ajudar os feridos”, contou.

Além das duas pessoas que foram baleadas na cabeça, outras três ficaram feridas com menos gravidade. Um delas foi atingida no pé. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) prestou socorro às vítimas.

O atual companheiro da mulher que morreu foi levado pelo helicóptero da Polícia Militar para a unidade Itaquera do Hospital Santa Marcelina. Os outros feridos foram para o Pronto-Socorro dos Pimentas. Até por volta de 13h45, não havia informações sobre o estado de saúde das vítimas.

 

G1

Criança de sete anos fere outra de nove com golpes de faca

hospital emergencia traumaUma criança de sete anos atingiu outra de nove anos com golpes de faca após uma discursão na tarde desta terça-feira (11), no bairro São José, em João Pessoa.

 

De acordo com a polícia, as crianças são primos e estavam brincando quando começou a discussão. O menor de sete anos pegou a faca e desferiu um golpe no primo. O corte atingiu a boca da vítima.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Uma viatura da Polícia Militar fez o socorro da criança para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena.

 

ClickPB

MÍDIA PARAIBA

Bandido faz mulher de escudo, troca tiros com PM, fere policial é acaba morto

itabainaUm homem morreu na madrugada desta quinta-feira (1º), após trocar tiros com policiais da 10ª Regional de Polícia Civil (10ª DRPC), no município de Itabaiana,. Na ocasião, ele fez a própria esposa como escudo e, no tiroteio, um policial saiu ferido.A Polícia definiu esse homem como “bastante perigoso”.

José Carlos da Silva, conhecido como ‘Chupeta’ estava sendo procurado pela Polícia por vários assaltos e latrocínios. Ele também é acusado ‘por plantar o terror’ na região do município de Serra Redonda, na região do Agreste, quando os moradores da zona rural tiveram que se mudar da localidade conhecida como Sítio Chupadouro. Segundo o delegado da 10ª DRPC, Bruno Costa, uma escola teve que ser fechada por causa do pânico imposto por José Carlos.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Policiais de Itabaiana, Picuí, Serra Redonda e Ingá estavam envolvidos na operação e foram cumprir o mandado de busca e apreensão do acusado. Durante a ação de prisão aconteceu a troca de tiros, a esposa dele não saiu ferida, mesmo sendo usada como escudo. Já um policial saiu ferido com um tiro na mão. O acusado foi baleado e socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga em Campina Grande. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu ao da entrada na unidade hospitalar.

Foram apreendidos na residência do acusado um revólver calibre 38 com seis munições deflagradas, uma espingarda calibre 12, uma ‘garruncha’ e mais sete munições intactas.

Portal Correio