Arquivo da tag: Ética

Sai João entra Tião Gomes no comando do Conselho de Ética da ALPB

Durante a sessão ordinária desta terça-feira (16), a Assembleia Legislativa da Paraíba instalou a Comissão de Ética e Decoro Parlamentar, que será presidida pelo deputado Tião Gomes (Avante), eleito por unanimidade. O deputado Edmilson Soares foi eleito vice-presidente da Comissão, que terá como demais membros a deputada Cida Ramos e os deputados Anderson Monteiro, Doda de Tião, Dr. Taciano Diniz, Dr. Érico, João Henrique e Ricardo Barbosa.

De acordo com o artigo 24 do Regimento Interno da ALPB, o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar é o órgão responsável pela fiscalização do cumprimento dos preceitos regimentais, legais e constitucionais pelos deputados, no exercício do mandato, nos termos do Código de Ética e Decoro Parlamentar, que integra este Regimento.

Tião Gomes agradeceu a confiança dos colegas deputados e prometeu empenho em favor do “bom trabalho” executado pelos parlamentares na Casa de Epitácio Pessoa. “Espero que o nosso trabalho não seja necessário para orientar ou punir nossos companheiros de parlamento, mas se for, vamos buscar trabalhar da melhor forma possível para que o nosso Código de Ética e Decoro Parlamentar seja respeitado”, afirmou.

Oitavo Mandato

Exercendo seu oitavo mandato de deputado estadual, Sebastião Tião Gomes Pereira (Tião Gomes), nasceu no município de Pombal, em 26 de janeiro de 1957, engenheiro agrônomo, foi prefeito de Areia por um mandato (1982-1988) e em todos esses anos no cargo de deputado estadual manteve sua conduta ética e honrada. Além do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, Tião Gomes é membro titular da Comissão de Controle da Execução Orçamentária e da Comissão de Direitos Humanos e Minorias. O deputado foi vice-presidente e fez parte das mais importantes comissões da Casa, a exemplo da Administração, Serviço público e Segurança. Foi eleito mais uma vez vice-presidente para o biênio 2021|2022.

 

Assessoria

 

 

Afastado da presidência da Câmara pelo STF, Cunha é convidado a depor pelo Conselho de Ética

eduardo-cunhaO Conselho de Ética da Câmara dos Deputados informou nesta terça-feira (10) que o presidente afastado da Casa, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), será convidado para depor no colegiado nos dias 18 ou 19 de maio. Marcelo Nobre, advogado de Cunha, não confirmou se ele irá depor. Por ser um convite, o deputado não é obrigado a comparecer.

O afastamento de Cunha da presidência da Câmara, por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), não influencia na continuidade do processo por quebra de decoro parlamentar que tramita no Conselho de Ética. No colegiado, Cunha é investigado por ter supostamente mentido sobre ter contas na Suíça em depoimento à CPI da Petrobras.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Marcos Rogério (DEM-RO), relator do processo no Conselho, pretende enviar seu parecer sobre a denúncia à Secretaria da Mesa até o fim deste mês. “Se tudo correr de acordo com a programação, o processo será votado em plenário no dia 22 de junho”, afirmou o relator.

A defesa de Cunha afirma que o deputado não foi notificado sobre o convite para depor. “Não existe uma prova sequer nesse processo de que existe conta corrente do meu cliente no exterior. Se não há provas, não existe outro fim para o processo que o arquivamento”.

G1

Conselho de Ética da Câmara indica lista de testemunhas contra Cunha

camaraO relator do processo de investigação sobre o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), no Conselho de Ética, deputado Marcos Rogério (DEM-RO) deu início hoje (30) a uma nova fase da representação contra o peemedebista. Ao anunciar o plano de trabalho que será conduzido nos próximos 40 dias úteis, Rogério indicou a lista de testemunhas e documentos solicitados.

Entre os nomes a serem ouvidos pelo relator, estão o doleiro Alberto Youssef e os empresários Júlio Camargo, Leonardo Meireles, o operador Fernando Soares, o baiano, além de Eduardo Musa e João Henriques. O relator lembrou que já foram adotadas providências para que o conselho receba informações e dados de processos que correm contra Cunha no Supremo Tribunal Federal (STF) e na Procuradoria Geral da União (PGR), incluindo o conteúdo das delações premiadas, e do Banco Central (BC), que tratam de crimes de evasão de divisa e lavagem de dinheiro.

“Com a chegada dos documentos do BC, STF e PGR, novas testemunhas podem ser incluídas”, disse Rogério, lembrando que também pode dispensar outras, se considerar que não é necessário, e para dar mais celeridade ao processo. O parlamentar disse que pode convidar Ricardo Pernambuco e Ricardo Pernambuco Júnior para prestar depoimento, além do próprio representado.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

“Iniciamos a fase mais importante do processo, que é o encontro com fatos, busca de provas e contra-provas. Se há fatos, iniciamos a investigação. O esclarecimento interessa à sociedade e ao Parlamento. Punir ou não, será consequência do que for apurado”, disse. Rogério também lembrou que a Mesa da Câmara, os representantes e o próprio representado podem requerer juntada de documentos até o fim do processo de instrução.

Tensão

A reunião foi aberta sob tensão em relação ao projeto de resolução (133/16) aprovado ontem pela Mesa da Casa, que altera o regimento interno para modificar a proporcionalidade na composição das comissões, levando em conta a janela partidária, encerrada no último sábado (19). A proposta, que ainda dependeria de votação em plenário, iria alterar, inclusive vagas em colegiados que têm o comando eleito, como o Conselho de Ética. Enquanto Marcos Rogério evitou entrar na polêmica, Araújo, que manifestou diversas críticas à medida, anunciou que o texto estava sendo alterado.

Opositores de Cunha alertaram que a medida é uma manobra para modificar a composição do colegiado e tentar evitar a aprovação do pedido de cassação do mandato de Cunha. No ofício de envio do texto para plenário, está a informação que a Mesa, composta por oito titulares, aprovou por unanimidade. “Tinha apenas três titulares”, protestou o presidente do Conselho, José Carlos Araújo (PR-BA). Araújo explicou que não se trata de apego ao cargo. “Cargo vai e volta. Sei que é passageiro. O problema é que advogar em causa própria, tentar de forma rasteira se prevalecer do cargo que ocupa para se proteger, isto não é digno de um presidente desta Casa. Não quero sair daqui com o povo gritando “Fora Zé Carlos”, disse.

Cunha negou a intenção de adotar uma estratégia e disse que o conselho tem regras próprias, mas Araújo, que seria um dos parlamentares com o cargo sob risco diante da resolução, afirmou que foi um “golpe deselegante”. “Este projeto de resolução figurava com artigo que excluía o Conselho de Ética da resolução. Misteriosamente este projeto de resolução foi apresentado sem esta ressalva, ou seja, pega todos os órgãos. Isto era pano de fundo para a verdadeira intenção desta resolução, ou seja, liquidar o Conselho de Ética”, afirmou.

O deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) levou a notícia de que líderes da oposição e da base aliada preparavam a alteração do texto. “Todos os líderes de oposição, inclusive os da base, tem concordância que não se pode tocar na composição do Conselho de Ética, que não pode ser vítima de casuísmo”, ressaltou.

Aliado de Cunha, o deputado Manoel Júnior (PMDB-PB), disse que o texto “nada tinha a interferir na vida orgânica e na composição do nosso conselho de ética”.

Agência Brasil

Se inquérito desse processo no Conselho de Ética, deveria ter 150 lá, diz Cunha

© Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
© Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

Na mesma tarde em que foi aberto um processo contra ele por quebra de decoro parlamentar, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmou que, se todo inquérito judicial contra deputados fosse motivo de representação ao Conselho de Ética, “deveria ter uns 150 [investigados] no conselho”.

Cunha comentou a representação contra ele em entrevista a jornalistas nesta terça-feira (3), e fez a afirmação ao ser questionado sobre se a defesa que ele vai apresentar será a mesma no processo no Conselho de Ética e na denúncia criminal no STF (Supremo Tribunal Federal).

O parlamentar foi denunciado pela Procuradoria Geral da República por suspeitas de ter recebido propina do esquema de corrupção na Petrobras, o que ele nega. A denúncia ao STF é um dos elementos usados na representação contra ele ao conselho.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

“É diferente [o processo], porque se todo mundo que tivesse um processo fosse pro Conselho de Ética por quebra de decoro, tinha que ter uns 150 lá no Conselho de Ética. Porque tem mais ou menos uns 150 [parlamentares] que respondem a inquérito no Supremo”, disse o deputado.

“Até porque o processo no Supremo tem como consequência a condenação, a perda de mandato. Então não precisaria de processo no Conselho de Ética”, afirmou Cunha.

O presidente da Câmara disse ainda que deve se reunir com seu advogado entre esta terça e quarta-feira para definir como será sua defesa no conselho. Ele afirmou, porém, que vai provar que não mentiu à CPI da Petrobras quando disse, em reunião da comissão, não possuir contas em outro país.

A descoberta de contas na Suíça atribuídas a Cunha é outro elemento que pesa contra o deputado.

“Pelo que ouvi falar, está se questionando a quebra de decoro por que eu teria faltado com a verdade. O que não ocorreu. Então, eu vou provar que não faltei com a verdade”, afirmou Cunha.

O deputado, que tem reafirmado que não pretende renunciar ao cargo por causa das denúncias, disse não ver problema em permanecer na Presidência da Câmara enquanto responde a processo no Conselho de Ética. “Problema nenhum”, disse.

 

 

Uol

Uma adolescente que ensina ética e democracia

jovem-eticaA adolescente Clara Coutinho postou um texto em sua página no Facebook, sobre as manifestações do último domingo, que merece ser lido por todos. Leia a íntegra, publicada com sua autorização:

domingo, 15 de março de 2015

comemoração de trinta anos de democracia e o povo exercendo seu direito (e dever) político nas ruas, manifestando suas reivindicações, indignação, e a necessidade de mudança. tudo certo.

entre os manifestantes, discursos incondizentes, pedidos anti-democráticos, ódio e bandeiras levantadas sem nenhum conhecimento do que querem dizer.

!!!!!!! algo errado !!!!!!!

o descompasso começa com aqueles que hoje reclamam de medidas tomadas pelo governo que antes defendiam nas propostas do seu candidato, com aqueles que se cegam pela tamanha credulidade em seu partido, seu protegido, seu lado.

{o meu candidato propõe ações impopulares para o crescimento e melhora do país, para o mercado (…) olha só o que a presidente está fazendo! o povo não aceita}

o processo continua com o falso maniqueísmo que se supõe (tolamente) na política, o bom e o mal são personificados em figuras representativas e atrelados cada qual para um partido, para o seu e o do outro.

a corrupção, então, é tratada como algo simples e criticada pela mesma hipocrisia que nos leva a usarmos de nossos documentos falsificados para sair sábado a noite, que ignoramos ao sonegarmos nossos impostos e darmos nosso jeitinho de conseguir o que queremos. é criticada pela mesma hipocrisia que finge não ter visto nunca antes isso, que critica as ações corruptas e não valoriza a investigação destas mesmas.

{corruPTos, o PT é uma corja, são todos ladrões}

a grande jornada de interrogações nisso tudo segue com a naturalidade com que desrespeita-se (todo e qualquer um), afinal, ensinamos nossas crianças a respeitarem, pregamos a paz e o amor, mas quando se trata de política, o ódio ao outro, a falta de alteridade, a banalidade das generalizações, o machismo, são completamente permitidos e confundidos com a liberdade de expressão.

{Dilma vaca, Aécio cheirador, odeio o PT, coxinhas de merda}

assim, em meio ao contexto caótico de politicafutebol no Brasil, manifestam-se os lados, ou o que quer que sejam.

uns defendem o impeachment, contrariam os que falam em democracia falando que é um processo completamente garantido à população na constituição e não entendem que, em plena celebração da conquista democrática, pedir impeachment é irrazoável, visto que não tem acusações contra a presidente e, como criança mimada que pede melhor de três, a maior parte do país a escolheu para ocupar o cargo que ocupa.

“mas ela iludiu, blablabla, nem mesmo quem votou nela está feliz com o que ela está fazendo, o governo precisa acordar pro fato de que a população acordou”

se o problema é esse, corramos às ruas colocando em pauta o que realmente deve mudar, todos juntos, petistas ou não, para o bem do POVO e não do seu ego psdbistaextremadireita/ptistaextremaesquerda.

outros defendem a intervenção militar, o golpe, a ordem e o progresso, sem ter consciência de que, se tem a liberdade de estarem nas ruas hoje pedindo por essa opressão, é porque tiveram aqueles que lutaram contra a repressão e sofreram com a tortura, com a perda, com a censura.

“mas naquele tempo tinha ordem, as coisas davam certo, eu conseguia pagar minhas contas e não passava perrengue como hoje”

a ilusão do sucesso na ditadura. até hoje sabe-se muito pouco do que ocorreu de fato e fala-se muito pouco no que ela realmente representou na história do nosso país, a apatia de muitos quanto ao que acontecia naquela época, muito também por conta da censura e da ocorrência por debaixo dos panos das coisas, explica (ou não).

vale a leitura: http://super.abril.com.br/…/10-mitos-sobre-a-ditadura-no-…/…

há também os que, de acordo com o que dizem, estão nas ruas para demonstrar descontentamento, para cumprir com sua cidadania e exigir um governo melhor. estes, confusos em seus argumentos, rasos em suas crenças e até mesmo (as vezes) motivados por algo positivo, acabam perdendo-se no meio do caótico cenário, dando voz e número aos que clamam antidemocraticamente por medidas sem escrúpulos e sem entender o seu papel ali.

estes, os a favor da pátria, da democracia, e de um governo melhor, infectados pela doença da politicafutebol partidária e pelas incoerências já abordadas aqui antes, não entendem que possa existir melhor maneira de protestar e pedir, de participar, e não entendem que podem defender coisas diferentes do que o paradigma aponta.

e poucos, meio a toda essa confusão que já não faz mais tanto sentido e já está longe de ser uma comemoração, entendem que a Dilma, o PT, o Aécio, o PSDB, Luciana e o PSOL e qualquer outras peças desse grande quebra-cabeça, não são quem vai fazer a diferença, e não representam de fato mudança nenhuma.

a mudança que faz somos nós, mudando nós mesmos, nossas atitudes, nossa perspectiva e buscando alternativas verdadeiras.

a mudança tem que ser estrutural, no sistema em que vivemos, não importa quem more no Palácio da Alvorada, as coisas não vão mudar.

conjuntura é conjuntura, o que muda é estrutura.

hoje, o ato não me representa!

contra a corrupção, a favor da Petrobrás e do plebiscito, reforma política já!

por mais conversas embasadas, respeitosas e conscientes,

por mais reflexão,

por mais união,

atenciosamente,

elite branca esquerdopata, esquerda caviar, ou que quer que quiserem me chamar, mas sempre consciente de meu papel como privilegiada e do que devo fazer com ele para que, com o tempo, meus privilégios se tornem direitos de todos.

(eu não votei, mas a culpa é minha também)

 

Brasil 247

Barbosa repudia matéria da revista ‘Época’: grave desvio de ética jornalística

(Foto: ABr/Arquivo)
(Foto: ABr/Arquivo)

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, enviou carta à revista Época repudiando a publicação da matéria com o título “Não serei candidato a presidente”, divulgada na edição nº 823. Segundo Barbosa, a matéria traz em si um grave desvio de ética jornalística, com artifícios e subterfúgios utilizados pelo repórter, que solicitou à Secretaria de Comunicação do STF para ser recebido pelo ministro, apenas para cumprimentos e apresentação.

“Fora o condenável método de abordagem, o texto é repleto de erros factuais, construções imaginárias e preconceituosas, além de sérias acusações contra a minha pessoa”, diz a carta enviada por Barbosa à revista.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Confira a carta na íntegra:

Sr. Diretor de Redação,

A matéria “Não serei candidato a presidente” divulgada na edição nº 823 dessa revista traz em si um grave desvio da ética jornalística. Refiro-me a artifícios e subterfúgios utilizados pelo repórter, que solicitou à Secretaria de Comunicação Social do Supremo Tribunal Federal para ser recebido por mim apenas para cumprimentos e apresentação. Recebi-o por pouco mais de dez minutos e com ele não conversei nada além de trivialidades, já que o objetivo estabelecido, de comum acordo, não era a concessão de uma entrevista. Era uma visita de cunho institucional do Diretor da Sucursal de Brasília da Revista Época. Fora o condenável método de abordagem, o texto é repleto de erros factuais, construções imaginárias e preconceituosas, além de sérias acusações contra a minha pessoa.

A matéria é quase toda construída em torno de um crasso erro factual. O texto afirma que conheci o ministro Celso de Mello na década de 90, e que este último teria escrito o prefácio do meu livro “Ação Afirmativa e princípio Constitucional da Igualdade”. Conheci o ministro Celso de Mello em 2003, ano em que ingressei no STF. Não é dele o prefácio da obra que publiquei em 2001, mas sim do já falecido professor de direito internacional Celso Duvivier de Albuquerque Melo,que de fato conheci nos anos 90 e foi meu colega no Departamento de Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Mais grave, porém, é a acusação de que teria manipulado uma votação,impedindo deliberadamente que um ministro do STF se manifestasse. O objetivo seria submeter o ministro a pressões da “mídia” e de “populares”. Isso não é verdade. Ofensiva para qualquer cidadão, a afirmação ganha contornos ainda mais graves quando associada ao Chefe do Poder Judiciário. Portanto, antes de publicar informação dessa natureza, o repórter tinha a obrigação de tentar ouvir-me sobre o assunto, o que pouparia a revista de publicar informação incorreta sobre minha atuação à frente da Corte.

No campo pessoal, as inverdades narradas na matéria são ainda mais ofensivas e revelam total desconhecimento sobre a minha biografia. Minha mãe nunca foi faxineira. Ela sempre trabalhou no lar, tendo se dedicado especialmente ao cuidado e à educação dos filhos. O texto,que me classifica como taciturno, áspero, grosseiro, não apresenta fundamentos para essas afirmações que, além de deselegantes, refletem apenas a visão distorcida e preconceituosa do repórter. O autor da matéria não apresenta elementos que sustentem os adjetivos gratuitos que utiliza.

Também desrespeitosa é a menção aos meus problemas de saúde. Ao afirmar que a dor causou “angústia e raiva”, o jornalista traçou um perfil psicológico sem apresentar os elementos que lhe permitiram avaliar o impacto de um problema de saúde em uma pessoa com a qual ele nunca havia sequer conversado.

Outra falha do texto é a referência à teoria do “domínio do fato”. Em nenhum momento a teoria foi evocada por mim para justificar a condenação dos réus no julgamento da Ação Penal 470. Basta uma rápida leitura do meu voto para verificar esse fato.

Finalmente, não tenho definição com relação ao momento de minha saída do Supremo e de minha aposentadoria. Muito menos está definido o que farei depois dessa data, embora a matéria tenha afirmado – sem que o jornalista tenha sequer tentado entrevistar-me sobre o tema – que irei dedicar-me ao combate ao racismo. Triste exemplo de jornalismo especulativo e de má-fé.

Joaquim Barbosa

Presidente do Supremo Tribunal Federal

JB Online

23° Encontro da Nova Consciência aborda ética e direitos humanos durante o carnaval em CG

nova-conscienciaA 23ª edição do Encontro da Nova Consciência acontecerá de 28 de fevereiro a 04 de março de 2014, em Campina Grande. A temática do ano vai abordar questões da ética, direitos humanos e liberdade de expressão. A proposta de realizar um ‘almaval’ (o carnaval da alma, a celebração de valores que envolvem corpo, mente e espírito) permanece.

O evento promete envolver em um período de cinco dias as maiores personalidades nacionais e internacionais para a abordagem de temas de interesse da humanidade, exercitando a tolerância, o diálogo inter-religioso, o desenvolvimento sustentável e a inclusão social. Mais informações podem ser obtidas no site oficial do evento.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO SESC CENTRO

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook


23º ENCONTRO DA NOVA CONSCIÊNCIA ÉTICA, DIREITOS HUMANOS E LIBERDADE DE EXPRESSÃO


28 DE FEVEREIRO A 04 DE MARÇO DE 2014 SESC CENTRO


Sexta-Feira, 28-02-2014

18:00h-20:00 
Cântico de Mantras Devocionais (Bhajan)
Local: SESC CENTRO

20:00 h
Solenidade de Abertura

Quarteto de Trombone da Paraíba
Mestre “sem” cerimônia: Pedro Camargo – RJ
Dom Marcelo Barros (Monge Beneditino – Mosteiro da Anunciação) – GO
Bispo Diocesano de Campina Grande Dom Manoel Delson

Palestras:

Ética, direitos humanos e liberdade de expressão
Fábio Freitas (Professor – Coord. da Comissão Estadual da Verdade) – PB

Qual a proposta ética espiritual?
Rossandro Klinjey (Psicólogo) – PB

Sábado, 01-03-2014
SESC CENTRO – AUDITÓRIO

MANHÃ

07:30h
Saída: Do SESC Centro: Caminhada Ecológica do Açude Velho em direção a suas nascentes, como parte do 18º Encontro para a Consciência Ecológica

Palestras:
08:30h às 12:00 h

Meditação biocentrica
Giorgia G. Maciel (Terapeuta) – PE

Leitura de Oghan / Leitura de Astrologia Cármica / Tarô
ArianBadb Sophia (Wicca) – CE

Runas
Wagner Períco (Bruxo da tradição Wanen) – SP

Massagem Tuína
Pauline Philippe – França
Terapia Mandálica
Carmen Santos – PE

Baralho cigano e leituras de mãos
Franklin Menezes – SE

Radiestesia / Feng shui para ambientes
Neiva Santos – SE

Terapia Regressiva
Maria Teresa Marhuenda Fructuoso – Espanha
Miguel A. Romero Vera – Espanha

Aconselhamento individual
Vitor Arieira Harres – RJ

Tarô
Giane Portal – RJ

TARDE
14:00h às 15:30 h

Mesa Redonda:
Ética do terceiro milênio

Participantes:

Fernando Queiroga (Médico e Espírita) – PB
Monge Zen Rui Ikô (Centro Zen de Campina Grande) – PB
Monja Zen Luciana Reikô (Centro Zen de Campina Grande) – PB
Xico Nóbrega (Santo Daime) – PB
Coord. Luis Pellegrini (Jornalista – Escritor) – SP

15:30h às 16:40 h 

Mesa Redonda:
Tarólogo e consulente: os dois lados da mesa – tudo o que você sempre quis saber sobre uma consulta oracular

Giancarlo Kind Schmid (Tarólogo) – RJ
Neuza Dutra (Taróloga) – PE
Giane Portal (Astróloga e Taróloga) – PR
Leonardo Chioda (Tarólogo) – SP
Coord. : Alexsander Lepletier (Tarólogo) – RJ

16:50h às 18:00 h

Palestra
O baralho cigano hoje: vislumbrando novos horizontes
Alexsander Lepletier (Tarólogo) – RJ

NOITE

18:15 h 
Mostra de Curtas na Sala de vídeo do SESC Centro

19:00h

Apresentação teatral

19:15h às 19:55h

Motocracia e carrodependência
Lucas Jerzy (Psicólogo) – BA

20:00h
50 anos do Golpe Militar: O papel contemporâneo das Comissões da Verdade
Maura Pires (Professora e Educadora) – PB
Paulo Giovani Antônio Nunes (Historiador/UFPB – Comissão Estadual da Verdade) – PB
Waldir Porfírio (Advogado e Jornalista) – PB
Fábio Freitas (Professor – Comissão Estadual da Verdade) – PB

21:40h
Céus e terras se casam no amor solidário (espiritualidade da Nova Consciência e comunicação)
Diálogo:
Dom Marcelo Barros (Monge Beneditino – Mosteiro da Anunciação) – GO
Pedro Camargo (Jornalista) – RJ

22:20h
A arte interativa do futuro

Bráulio Tavares (Escritor, poeta e compositor) – PB
Domingo, 02-03-2014
SESC CENTRO – AUDITÓRIO

MANHÃ

09:00h
Eucaristia Ecumênica
Dom Marcelo Barros (Monge Beneditino – Mosteiro da Anunciação) – GO

OBS: A atividade acontecerá na Praça do Viaduto (em frente ao SESC Centro)

18º ENCONTRO PARA A CONSCIÊNCIA ECOLÓGICA

Mesa-Redonda:
08:30h às 10:00 h 

Riacho das Piabas: Debate sobre água doce para Campina Grande
Participantes:
Auriberta Cardoso (Pastoral da Família – CG) PB
Maria da Penha (Comunidade Rosa Mística – CG) PB
Maria das Graças Moura (Comunidade Rosa Mística – CG) PB
Padre Assírio (Secular – CG) PB
Fernando Garcia (Coordenador do Projeto Universidades Cidadãs – UFCG)

Palestras:
10:00h às 10:40 h

Missão das Abelhas
Paulo José Goulart (Educador Ambiental) – PE

10:40h às 11:20 h
Plantas Medicinais: Do conhecimento popular ao científico
José Adeildo de Lima Filho (Biólogo – IFPB/CG) PB

11:40h às 12:00 h

A importância das florestas e o Projeto de Lei “Desmatamento Zero”
Ligia Tavares (Geógrafa – UFPB) PB

TARDE
14:00h às 15:00 h
Mesa-Redonda:

Ativismo e Mídia livre
Participantes:
Alex Lepletier (Mídia Ninja) – RJ
Gabriel Moreira (Operação Ninja) – RJ
Renan Cossatis (Tuca Ninja) – RJ
Coord. Bráulio Tavares (Escritor, poeta e compositor) – PB

15:00h às 15:40 h
Mesa-Redonda:

Libertação cultural: Mídia e resistência artística
Participantes:
Arthur Pessoa (Músico) – PB
Ricardo Kelmer (ator, escritor, autor do livro MEMÓRIAS DE UM EX-COMUNGADO, criador do blog BLOG DO KELMER) – CE
Rayan Lins (Fora do Eixo) 

A partir das 16:00 h
CAMINHADA E ATO PELA PAZ
(SESC Centro)
Participação dos representantes de todas as religiões, tradições e grupos espiritualistas do evento.

HOMENAGEM A ALBERTO MARSICANO E IYÁ SANDRA EPEGA
Waldemar Falcão
Arthur Pessoa
Baixinho do Pandeiro
Mãe Rita de Cássia (Umbanda) – SP

NOITE

18:15 h 
Mostra de Curtas na Sala de vídeo do SESC Centro

19:00 h às 19:30h

Homenagem ao Monge Ricardo Mário Gonçalves e a Reverenda Yvonete Gonçalves

19:30 h às 19:50h
Apresentação artística:
Irene Isley

20:00 h
Ética e Liberdade de Expressão
Renato Janine Ribeiro (Filósofo) – SP

20:40 h 
Ativismo e desobediência civil
Luiz Peixoto (Integrante da Comissão de Direitos Humanos OAB/RJ) – RJ

21:20h:
Mesa-Redonda:

Urano e Plutão: a peleja entre a liberdade e o poder

Participantes:

Antônio Carlos (Bola) Harres (Astrólogo) – RJ
Waldemar Falcão (Escritor e astrólogo) – RJ
Alexey Dodsworth (Mestre em Filosofia, astrólogo e consultor da Unesco no Brasil) – SP
Pedro Tornaghi (Astrólogo e professor de meditação) – RJ
Segunda-feira, 03-03-2014
SESC CENTRO – AUDITÓRIO

MANHÃ
18º ENCONTRO PARA A CONSCIÊNCIA ECOLÓGICA

08:30h às 09:10 h

Palestra:
Minha horta é meu grafite: A agricultura urbana como ativismo
Ariadne Costa da Mata (Professora UEPB) – PB
Gregg Mervine (Músico – Filadélfia) – EUA

08:30h às 09:10h

Mesa-Redonda:

09:10h às 10:30h
Estudos sobre água doce
Participantes:
Veneziano Guedes de Sousa (Biólogo, Educador Ambiental – PPGRN-CG) – PB
Vanda Ouriques Leal (Educadora Ambiental) – PB
Maricele Ramos de Oliveira (Advogada – Especialista em Direito Ambiental) – PB
Priscilla Cordeiro de Miranda (Bióloga – UNAVIDA) – PB

Palestra:

10:30 às 11:00h
O caso Instituto Royal: motivações e perspectivas
Bárbara Bastos (Professora e doutoranda da UFPE, Coordenadora do grupo Recife da Sociedade Vegetariana Brasileira) – PE

11:00h às 12:30 h

Mesa-Redonda:
Direitos Humanos, Diversidade Religiosa e Cidadania

Participantes:

Saulo Gimenez Ferreira Ribeiro (Wicca) – PB
Tomaz Passamani (Ateísmo / Academia de Livres Pensadores – PB
Pr. Flávio Henrique – CONPETE – Convenção Nacional de Pastores e Teólogos) – PB
Arian Sophia Vera Almeida (Wicca/Antigos Caminhos) – CE
Ph.D. Romero Venâncio (Professor UFSE)  – SE
Laura Berquó (Comissão de Promoção da Igualdade Religiosa e da Diversidade Religiosa – OAB/PB) – PB
Fábio Nascimento (Membro Comitê Nacional de Respeito à Diversidade Religiosa – SDH/PR / Membro Comissão Liberdade Religiosa/OAB-SP/ Igreja Mórmon – SUD) – SP
Coord.: Elianildo da Silva Nascimento (URI Brasília / Membro Comitê Nacional de Respeito à Diversidade Religiosa – SDH/PR) – PB

TARDE

Mesa-Redonda:
14:00h às 15:10h 

Direitos Humanos, ação política e exclusão

Participantes:

Fábio Freitas (Professor – Comissão Estadual da Verdade) – PB
Luiz Peixoto (Integrante da Comissão de Direitos Humanos OAB/RJ) – RJ
Renato Janine Ribeiro (Filósofo) – SP
Maristela Grynberg (Diretora da Rede de Defensores Independentes de Direitos Humanos)

Mesa-Redonda:
15:10h às 16:50 h

Diversidade Religiosa, Liberdade de Expressão e (Des) Envolvimento

Participantes:

Mãe Lúcia de Omidewá (Ilê Asé Omidewa) – PB
Severino Celestino (Espírita / Pós-Graduação em Ciência das Religiões) – PB
Odete Lacerda (Comunidade Bahá’í) – PB
Pastor Bruno Pontes (Igreja Anglicana) – PB
Marciano Monteiro (Centro de Referência em Direitos Humanos da UFCG – PB
Prof. José Otávio Aguiar – UFCG) – PB
Prof. Hugo Espínola (Grupo Videlicet (PPGCR/UFPB)) – PB
Marga Stroher (Assessora Nacional de Direitos Humanos e Diversidade Religiosa Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR) – DF
Coord.: Ph.D. Carlos André Cavalcanti (Grupo Videlicet/UFPB / Fórum da Diversidade Religiosa da Paraíba) – PB 
17:00 h
Palestra:

150 anos do Evangelho Segundo o Espiritismo
Geraldo Campetti Sobrinho (Vice-presidente da Federação Espírita Brasileira – Escritor – Professor) – DF

NOITE

18:15 h 
Mostra de Curtas na Sala de vídeo do SESC Centro

19:00 h às 20:00h
Palestra:

Ética e inclusão

Rameswara Dasa (Engenheiro ambiental – Um dos Pioneiros do Movimento Hare Krishna no Brasil)

Palestra:
20: 00 h
A necessidade de humanização das Políticas de Segurança Pública no Rio de Janeiro
Maristela Grynberg (Diretora da Rede de Defensores Independentes de Direitos Humanos)

Palestra:
20: 40h 
Sem luz no fim do túnel? Consciência e Espiritualidade na era da insustentabilidade

Marco Aurélio Bilibio (Mestre em Psicologia/ Doutor em Desenvolvimento Sustentável/ Membro da Sociedade Teosófica do Brasil) – DF

Palestra:
21: 20h 

Ética, meio ambiente e religiões afro-brasileiras
Mãe Rita de Cássia (Umbanda) – SP

22:00h
O segundo sol: dilemas éticos para um futuro não tão distante

Alexey Dodsworth (Mestre em Filosofia, astrólogo e consultor da Unesco no Brasil) – SP

Terça-feira, 04-03-2014
SESC CENTRO – AUDITÓRIO

MANHÃ

Mesa-Redonda:
09:00h às 09:40 h

Xamanismo, ética e direitos humanos

Participantes:

Yatamalo Marize Dantas – PB
Xamã Anna Xara Peres Peres – BH

Palestra:
09: 50 h às 10:50h

Liberdade de expressão nem sempre é expressão da liberdade!
Marga Janete Stroher – Assessora Nacional de Direitos Humanos e Diversidade Religiosa/Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR – DF

Mesa –redonda:
11:00h às 12:00h

Senciência, Libertação e Saúde

Participantes:

Ana Paula Lacchia (Professora Drª da Universidade Estadual da Paraíba-UEPB e Ex-Presidente do Fórum Municipal de Proteção e Bem Estar Animal) – PB
Zélia Bora (Professora Drª da Universidade Federal de Paraíba-UFPB e Presidente do Fórum Estadual de Proteção e Bem Estar Animal) – PB
Rômulo Azevedo (Jornalista, Professor da Universidade Estadual da Paraíba -UEPB e Vice-presidente do Fórum Municipal de Proteção e Bem Estar Animal) – PB
Kalliup Leonora (Veterinária e Coordenadora de Vigilância Ambiental no Município de Pocinhos-PB) – PB

TARDE

Palestra:
14:00 às 14:40 h

Identidade discursivas dos Encontros Religiosos em Campina Grande
Genaro Camboim Lopes de Almeida Lula – (Mestre em Sociologia do Conhecimento – Professor da UFRN) – PB

14:40 h às 16:10h

Mesa-redonda:

A magia no cotidiano

Participantes:
Wagner Périco (Bruxo da tradição Wanen) – SP
Léo Artese (Xamanismo) – SP
Arian Babd (Sacerdotisa Wicca, líder do grupo Antigos Caminhos) – CE

16:10h às 18:00h

PREVISÕES 2014

Participantes:

Antônio Carlos (Bola) Harres – RJ
Waldemar Falcão (Astrólogo) – RJ
Wagner Périco (Bruxo – Tradição Wanen) – SP
ArianBadb Sophia (Wicca) – CE
Giancarlo Kind Schmid (Tarô) – RJ
Giane Portal (taróloga) – PR
Alexey Dodsworth (Mestre em Filosofia Política – USP, tarólogo) – SP

NOITE

18:15 h 
Mostra de Curtas na Sala de vídeo do SESC Centro

19:00 h às 19:40h

Apresentação artística:
Show de Biliu de Campina

20:00 h
Palestras:

Responsabilidade de expressão: como identificar argumentos manipuladores num discurso e se imunizar contra eles
Alexey Dodsworth (Mestre em Filosofia, astrólogo e consultor da Unesco no Brasil) – SP

20:40 h
A consciência tranqüila
nos torna mais fortes
Luis Pellegrini (Jornalista – Escritor) – SP

PROGRAMAÇÃO PRAÇA DO VIADUTO ELPÍDIO DE ALMEIDA


SHOWS, APRESENTAÇÕES ARTÍSTICAS E CULTURAIS 28 DE FEVEREIRO A 04 DE MARÇO A PARTIR DAS 23H

Sexta-feira, 28-02-2014

Varal de Cabaré
Meia de Us
21h – CG.ZOO.
20h – HALLEY CHAVES
Sábado, 01-03-2014

Chucrobillyman (PR)
Burro Morto
21h – GAUCHE
Domingo, 02-03-2014

DAAU (Bélgica)
Cabruêra
21h – ZEFIRINA BOMBA
Segunda-feira, 03-03-2014

Totonho e os Cabras
Seu Pereira e Coletivo 401
21h – RIEG
Terça-feira, 04-03-2014

Val Donato e os Cabeças
Madalena Moog
21h – WARCURSED
20h – PSYCHOCANCER

CONSULTAS E ATENDIMENTOS

Léo Artese – SP
Jornada Xamânica (Vôo da águia)
Dia: 02/03
Saída: 20:00h do SESC Centro
Destino: Alagoa Nova (PB)
Retorno: 03/03 para o SESC Centro
Horário: 08 h

Yatamalo Marize Dantas – PB
Dantas – PB
Tarô xamânico

Gorethi Moura – PE
Tarô xamânico / Aromaterapia e Terapia Floral  / Oráculo dos Aromas

Giancarlo Kind Schmid – RJ
Tarô

Pádua – PB
Mahikari (gratuito)

Wagner Períco – SP
Runas

Giorgia G. Maciel – PE
Técnica de Libertação Emocional

Frank Menezes – SE
Baralho cigano e Leitura de mãos

Ruan Jantus – Argentina
Theta healing (cura em estado teta) / Leitura de mapa astral Maia / Reiki / Massagem integral de linhagem ancestral / Cura consciente

Fany Carolina – SP
Mulher aranha

Arian Bandh Sophia – CE
Leitura de Oghan e Leitura de Astrologia Cósmica e Tarô

Giane Portal – PR
Tarô

Neuza Dutra – PE
Tarô

Rute de Paula Tavares – PB
Cone hindú

Xamã Anna Xara Peres Peres – BH
Ritual de transmutação de carmas de vidas passadas e constelação familiar com bonecos e baralho cigano

Rita de Cássia – SP
Baralho cigano

Pauline Philippe – França
Massagem Tuína

Carmem Santos – PE
Atendimento em terapia mandálica

Antônio Carlos Harres (Bola) – RJ
Mapa astral
Neiva Santos – SE
Radiestesia / Feng shui para ambientes

Pedro Tornaghi – RJ
Memória e rejuvenescimento
celular através da meditação

Caio Fernandes – PE
Massagem oriental / Shiatsu express / Auriculoterapia / Ventosaterapia

Vitor Arieira Harres – RJ
Aconselhamento individual

Maria Teresa Marhuenda Fructuoso – Espanha
Miguel A. Romero Vera – Espanha
Terapia Regressiva

Ronacleia Pereira – PE
Massagem facial relaxante

Joneyda Brito – PB
Tarô

VIVÊNCIAS 
Dias 03 e 04
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB
(Centro de Campina Grande)
Xama Anna Xara Peres Peres – Círculo de cura com tambor e Fogo sagrado (oficina)
Xama Anna Xara Peres Peres – Jornada Xamânica Caminho do Coração e Tambor Sagrado
Pedro Camargo – Uma conversa pessoal com os arcanos do tarô
Pedro Tornaghi – Ampliação da consciência através da meditação
Gorethi Moura – Arte de fazer perfumes mágicos
Gorethi Moura – Aromaterapia para mulheres

Fanny Carolina – Oficina da Teia dos sonhos

Edneia Mangabeira – Yoga Hormonal

Vitor Arieira Harres – Aula de cânticos de mantras da tradição védica

* Inscrições para as Vivências serão feitas com a equipe de Atendimento no SESC Centro

EVENTOS PARALELOS 
PROGRAMAÇÃO VÁRIOS DIAS


22° ENCONTRO NORDESTINO DO MOVIMENTO HARE KRISHNA 
DE 28 DE FEVEREIRO A 04 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Sexta-Feira, 28/02

18:00h – 20:00h
Cântico de Mantras Devocionais (Bhajans)
Local: SESC CENTRO

Sábado, 01/03

09:00h – 11:00h
Palestra:
O conhecimento Transcendental
Hari Bakta Dasa (Hermano Trineto de Almeida Gouveia Matos) (Psicólogo formado com especialização em Psicoterapia Jungiana – Diretor do Instituto Jaladuta)
18:00 – 20:00
Cântico de Mantras Devocionais (Bhajans)
Local: SESC CENTRO

Domingo, 02/03

16:00h – 17:00h
Caminhada pela Paz e o Cântico do Maha Mantra Hare Krishna (Hatha Yatra)
Saída: SESC CENTRO

18:00h – 20:00h
Cântico de Mantras Devocionais (Bhajans)
Local: SESC CENTRO

Segunda-Feira, 03/03

09:00h – 11:00h
Palestra:
Karma Yoga
Atmarama Dasa
(Alexandro Magno Abreu de Gois)

18:00 – 20:00
Cântico de Mantras Devocionais (Bhajans)
Local: SESC CENTRO

Terça-Feira, 04/03

09h30min – 13:00h
Vivência de Bhakti-Yoga

Atividades: Prática de Meditação com Mantras;
Aula do Bhagavad-gita,
Cântico Congregacional de Mantras;
Amostra da Culinária Vegetariana Indiana.
Local: Templo Hare Krishna de Campina Grande
Rua Emiliano Rosendo da Silva, 03, Universitário (após o Parque Tecnológico)
Alimentação: Almoço Lacto-Vegetariano;

Transporte: Van saindo do SESC às 09:00 e retornando às 13:30 (preço do ônibus)

18:00 – 20:00  Cântico de Mantras Devocionais (Bhajans)
Saída: SESC CENTRO

7º ENCPBNP – Encontro Parahybano de Neopaganismo

01 a 04 de Março


Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Sábado, 01/03

14:00h
Apresentações e Debate: Paganismo no Nordeste

15:00h
WORKSHOP – Trabalho com símbolos mágicos

16:00h
MITODRAMA – Bem-vindo ao mundo das fadas

Domingo, 02/03

09:00h
Roda de conversa – Múltiplos olhares sobre o mundo das fadas

10:00h
Seres Encantados no Mundo Germano-Escandinavo
Marcelo Leal (Iniciado da Tradição Wanen) – RN
11:00h
Contos de fadas e paganismo: histórico da resistência pagã no cotidiano popular
Andrea Caselli (Historiadora e especialista em História ) – PE

14:00h

Rowana e o universo das fadas entre os Wanen
Wagner Périco (Sacerdote e líder da Tradição Wanen no Brasil) – SP

15:00h
Trabalhando com fadas nos processos de cura, medicine whell e medicine bag
Arian Babd Sophia (Sacerdotisa Wicca de formação Diânica e organizadora do grupo Antigos Caminhos e do Encontro Cearense de Neopaganismo) – CE

16h00
Ritual (aberto) para as fadas

Segunda-Feira, 03/03

09:00h
Roda de Conversa: Arte, inspiração e paganismo contemporâneo

10:00h
Dança na Magia: dança como ritual, celebração e inspiração
Roberto Bríd Ártemis (Sacerdote e membro fundador da Tradição Diânica Éfesos) – PE

11:00h
Scrying elemental: advinhação com elementos
Rodolfo Gabriel (Tradição Wicca Eclética) – PB
14:00h
As Práticas Devocionais no cotidiano mágico
Luan Silva (Tradição Wanen) – PE

15:00h
Herbologia e cotidiano mágico: vivenciando os deuses no mundo doméstico
Thomas Mariano (Tradição wicca vinculado ao Coven Caldeirão das Treze Luas)- PE

16:00h
Magia de/ com Incensos
André Raven (historiador e sacerdote vinculado à Tradição Wicca Telúrica) – PE

Terça-Feira, 04/03

09:00h
Roda de Conversa – Famílias Pagãs: desafios e mudanças

10:00h
O Helenismo além dos deuses: daemons e culto doméstico
Thiago Oliveira (Tradutor e antropólogo, é membro do grupo Reconstrucionismo Helênico no Brasil) – PB

11:00h
Castas, cargos e funções na sociedade celta
Joab Nascimento (Reconstrucionista celta com ênfase nas tribos gaélicas (Irlanda) e atualmente é membro dos grupos Nasc) – PB
Neto Silva (Graduando do curso de biologia e druidista) – RN
14:00h
Ritos de Passagem e a passagem dos ritos
Arian Babd (Sacerdotisa Wicca, líder do grupo Antigos Caminhos) – CE
(Sacerdotisa Wicca de formação Diânica e organizadora do grupo Antigos Caminhos e do Encontro Cearense de Neopaganismo) – CE

15:00h
Carta Pagã

16:00h
Ritual de Encerramento

12° ENCONTRO ANIME CULT

DE 01 e 03 DE MARÇO 

SESC CENTRO (Sala de vídeo)

Sábado, 01/03

14:00h
Episódio de Mushishi – Yuki Urushibara
The Last Unicorn – Jules Bass
Sei mong se jun – Oxide Pang Chun (não recomendado para menores de 16 anos)

Segunda-Feira, 03/03

14:00h

Exibição de curtas
Outro Episódio de Mushishi-  Yuki Urushibara
Gwai Wik – Danny Pang Oxide Pang Vhun
10º ENCONTRO DE UFOLOGIA
DE 01 e 02 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB
(Centro de Campina Grande)

Sábado, 01/03

14:00h

Acobertamento Governamental na Ufologia
Cláudio Lins Quintans (Presidente do Centro Paraibano de Ufologia (CPU)) – PB

Domingo, 02/03

09:00h
Palestras:

“O sol é um portal dimencional”
Marcelo Lopes Braga (Administrador, Escritor, Terapeuta Holístico e Pesquisador da Ufologia Mística e Científica – Autor do livro Na Bíblia um Projeto Cósmico) – PE.
Participação: JOHANNS
EXPOSIÇÃO PARA EVENTO DE UFOLOGIA – ARTEFATOS MAIAS

14:00h
Palestras:
Onda ufológica na cidade de Pocinhos – PB
Ataque de um Ovni a quatro motoqueiros em Forquilha – CE
Ataque de um robô a uma família na cidade de Pentecoste – CE
O caso do abduzido Bruno e as suas conseqüências.
José Agobar Peixoto, (Professor, Engenheiro e Presidente da Associação dos Ufólogos Independentes do Brasil (AUIB) – CE
Ets em Baturité – CE e em João Pessoa – PB
Jorge Cláudio Nóbrega (Geólogo e Ufólogo)

16° ENCONTRO DE ATEUS E AGNÓSTICOS

DE 01 e 04 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Sábado, 01/03

14:00h às 17:00h
Palestras:

Ateísmo e anticlericalismo nas primeiras décadas do movimento operário brasileiro
Rogério Nascimento (Prof. de Antropologia (UFCG)) – PB

O cristianismo e as inteligências não-humanas
Gilson Marques Gondim (Mestre em Ciências das Religiões pela UFPB) – PB

Laicidade na educação
Marga Janete Ströher (Assessora Nacional de Direitos Humanos e Diversidade Religiosa/ Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR) – DF

Cinema, psicologia do inconsciente e mitologia cristã
Ricardo Kelmer (ator, escritor, autor do livro MEMÓRIAS DE UM EX-COMUNGADO, criador do blog BLOG DO KELMER)
Ateísmo e ceticismo na Índia Antiga
Arilson Oliveira (Prof. de Sociologia (UFCG)). – PB
Domingo, 02/03

14:00h às 17:00h
Palestras:

Lima Barreto e a religião
Rogério Nascimento (Prof. de Antropologia (UFCG)) – PB

Afinal, o que é meme?
Gilson Marques Gondim (Mestre em Ciências das Religiões pela UFPB) – PB

Discussão sobre os estereótipos dos ateus entre os cristãos
Fábio Prata (estudante de Direito (UFPB))- PB

O conceito de inteligência cósmica numa perspectiva não-teista
Alexey Dodsworth (Mestre em Filosofia (USP), estudante de graduação em Astronomia (USP), consultor da UNESCO no Brasil e autor de “Dezoito de escorpião” (ficção científica)).

Segunda-feira, 03/03

14:00h às 17:00h
Palestras:

Fascismo e religião: análises de Maria Lacerda de Moura (1887-1945)
Rogério Nascimento (Prof. de Antropologia (UFCG)) – PB
O ceticismo grego e suas implicações para as religiões e para o ateísmo
Gilson Marques Gondim (Mestre em Ciências das Religiões pela UFPB) – PB

Projetos de lei fundamentalistas e a laicidade do Estado
Laura Taddei Alves Pereira Pinto Berquó (Presidente da Comissão de Promoção da Igualdade Racial e da Diversidade Religiosa da OAB-PB) – PB

A origem das línguas: confrontando a visão religiosa e a científica
Ribamar Bezerra (bacharel em Letras (UFCG) – PB

A moral cristã das escrituras
Sidney Santos (Ateu) – PB

Terça-feira, 04/03

14:00h às 17:00h
Palestras:

“O Evangelho da Hora” de Paul Berthelot (?-1911)
Rogério Nascimento (Prof. de Antropologia (UFCG)) – PB

Contestando o protestantismo ponto por ponto
Gilson Marques Gondim (Mestre em Ciências das Religiões pela UFPB) – PB

A importância da laicidade estatal
Tomaz Passamani (Bacharel e licenciado em Física (UFPB)) – PB

Satanás, a divina criação humana
Sidney Santos (Ateu) – PB
14° ENCONTRO DE JOGADORES DE RPG
DIAS 01, 03 e 04 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB
(Centro de Campina Grande)

Sábado, 01/03
Manhã

8:00h – 12:00h
Mesas de RPG, Board Games e Cards games

11h30min
Sorteio
Tarde

14h30min às 17h30min
Mesas de RPG, Board Games e Cards games

17h30min
Oficina
Cenário e Criação de personagens para o Live de Blood & Honor

17h 30min
Sorteio

Segunda-Feira, 03/03
Manhã
8:00h – 12:00h
Mesas de RPG, Board Games e Cards games

11h30min
Sorteio
Tarde

14h30min às 17h30min
Mesas de RPG, Board Games e Cards games

Mesa de Encontro Especial
15h30h às 16h 30min

Diálogos entre a ficção científica e o RPG
Participação especial do escritor Bráulio Tavares – PB

17min:30h
Sorteio

Noite
19:00h
Live Action Cerco espacial – Cenário Star Wars
Terça-Feira, 04/03
Manhã
8:00h – 12:00h
Mesas de RPG, Board Games e Cards games

11:30
Sorteio

14: 00h -17h:30min
Mesas de RPG, Board Games e Cards games (TORNEIO DE VTES)

14h:30min as 15h:30min
Criação de jogos de RPG
Nielison Brito (Bacharel em Física) – PB

15h:30min
Play Test do RPG vencedor do Premio Dragão de Papel, Desvio para o negro, do autor Nielison Brito.

17:30h
Sorteio

11° ENCONTRO DE CINEMA 
DIAS 01 e 02 DE FEVEREIRO
SESC CENTRO
SALA DE VÍDEO

Sábado, 01/03

Palestra

08:30h
Cinema como ressignificação do olhar
Ana Monique Moura (Doutoranda em Filosofia – UFPB) – PB

10:30h
Mesa-redonda

O movimento do cinema e o cinema no movimento
Keyton Canuto (Ator, diretor e produtor em audiovisual) – PB
Sergio Ricardo (Ator) – PB
Bráulio Tavares (Escritor, poeta e compositor) – PB

Coord.:
Rômulo Azevedo (Professor e documentarista) – PB

Domingo, 02/03

09:00h
Mesa-redonda:
Novas estéticas no Cinema paraibano
Ely Marques (Lobotomotion) – PB
Kalyne Almeida (Lobotomotion) – PB
Hildeberto Figueiredo (Ator) – PB

Coord.: Glauco Machado (Fotógrafo e documentarista) – PB
10:00h

Palestra:
Produções do Inarra – Grupo de Pesquisa Imagens, Narrativas e Práticas Culturais
Marcos Alexandre dos S. Albuquerque (Doutor em Antropologia, Professor da UERJ) – PB

9º ENCONTRO DE HOMOAFETIVIDADE ENCONTRO LGBTT
 DIA 01 e 02 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Sábado, 01/03

14:00h
Palestras

Diversidade sexual e de gênero na contemporaneidade: desafios políticos, científicos e sociais
Martinho Tota (Doutor em Antropologia pelo Museu Nacional) – RJ

14h45min
Binômio sexual e Teoria Queer
Ana Monique Moura (Doutoranda em Filosofia – UFPB) PB

15h:30min
Beija ou não beija: a novela do beijo gay na Televisão brasileira
Zélio Sales (Mestre em Desenvolvimento Regional – UEPB) – PB
Domingo, 02/03

14:00h
Mesa-redonda:

Direitos humanos de LGBTT

Marga Janete Stroher (Assessora Nacional de Direitos Humanos e Diversidade Religiosa/Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR) – DF

Carolina Almeida (Secretária adjunta do Fórum LGBT Paraíba) – PB

Sammy Silva (Militante) – PB

Alex Lepletier (Militante) – RJ

Marcel Jeronymo Lima Oliveira (Presidente da Comissão de Direitos Humanos da AOB de Campina Grande) – PB

Coordenação:
Mário Wilson (Presidente da Diretoria Executiva da ONG ARCIDE – Ação Pelo Respeito à Cidadania e a Diversidade) – PB

ENCONTRO DE RELIGIÃO E SAGRADO NO CINEMA DE EDUARDO COUTINHO
 DIA 01 e 02 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

14:00h

Curso/Oficina:
Religião e Sagrado no cinema
de Eduardo Coutinho
Filme:
Boca de Lixo (Eduardo Coutinho)
Romero Venâncio (Professor da Universidade Federal de Sergipe / UFS) – SE
I. Distinção entre sagrado e Religião, a partir de Mircea Eliade
II. Abordagem da Religião no cinema de Eduardo Coutinho: “Santo Forte”
III. A dimensão do sagrado no cinema de Eduardo Coutinho: “Boca de Lixo”

Domingo, 02/03

09:00 h

Curso/Oficina:
Religião e Sagrado no cinema de Eduardo Coutinho

Filme:
Santo Forte (Eduardo Coutinho)
Romero Venâncio (Professor da Universidade Federal de Sergipe / UFS) – SE
I. Distinção entre sagrado e Religião, a partir de Mircea Eliade
II. Abordagem da Religião no cinema de Eduardo Coutinho: “Santo Forte”
III. A dimensão do sagrado no cinema de Eduardo Coutinho: “Boca de Lixo”

ENCONTRO MAHIKARI
SESC CENTRO 
DIAS 01 A 04 DE MARÇO

Aplicação de Okiyome (purificação espírito/mente e corpo)

Sábado (01): 12:00h às 17:00h
Domingo (02): 09:00h às 17:00h
Segunda (03) –  09:00h às 17:00h
Terça (04) – 09:00h às 12:00h

4º ENCONTRO DE VEGETARIANISMO
02 e 03 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Domingo, 02/03

14:00h às 15:00h

Vegetarianismo como um ato político
Bárbara Bastos/PE (Coordenadora da SVB-Recife e Professora da UFPE)

15:00h às 16:00h

Das éticas antropocêntricas às biocêntricas: a ampliação do círculo de consideração moral
Tiago Barreto/PE (Professor da UFPE, doutorando em ética organizacional)

Segunda-feira, 03/03

14:00h às 18:00h
Mostra Animal:

Curtas:
Você Tem Escolha (São Paulo – 2013)
Últimos Dias de Rocky (Canadá, 2013)
Pé de Picanha – O Caipira (São Paulo – 2013)

Longas:
The Witness (EUA, 2000)
Peaceable Kingdom (EUA, 2000)
ALF (França, 2013)

ENCONTRO DE BUDISMO ZEN
03 e 04 DE FEVEREIRO
Local: Centro Zen de Campina Grande; Rua Tavares Cavalcanti 182 – Centro

Segunda-feira, 03/03
CAMINHADA PARA O INFINITO (o eterno presente)

06h:20min – 08:00h
Caminhada no Parque
Local: Parque da Criança, Campina Grande-PB
Condução: Monge Zen Rui Ikô (Centro Zen de Campina Grande)
Facilitadores: Monge Zen Jogli Jozen e Monja Zen Luciana Reikô (Centro Zen de Campina Grande)

Terça-feira, 04/03

06h:20min – 11h:30min
Palestra:

O Zen e o Zazen: Aspectos Introdutórios e Prática; Teishô
Local: Centro Zen de Campina Grande; Rua Tavares Cavalcanti 182 – Centro*.

OBS: Não vá para o Centro Zen de short ou de bermuda

EVENTOS PARALELOS COM UM OU DOIS TURNOS

DIA 01 – SÁBADO

7º ENCONTRO DA SOCIEDADE PARAIBANA DE ARQUEOLOGIA
 DIA 01 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Sábado, 01/03

09:00h às 11:00 h
Palestras:

A Pedra do Ingá e Ufologia
Vanderley de Brito – PB

Arqueologia e Educação Patrimonial na Paraíba
Thomas Bruno Oliveira – PB

LANÇAMENTOS:

A Pedra do Ingá: itacoatiaras na Paraíba (6ª edição)
Cordel: O Sinhô Duzané: e a peleja com o cão

DIA 02 – DOMINGO

1º ENCONTRO DE BUDISMO TIBETANO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Domingo, 02/03
Palestra:
10:00h

O caminho da meditação
Henrique Lemes (Antropólogo e Coordenador de Retiros de Meditação – CEBB) – PE

Obs: Se possível, levar almofada

DIA 03 – SEGUNDA

21º ENCONTRO DO SANTO DAIME
21 ANOS DE SANTO DAIME
DIA 03 DE MARÇO 
LOCAL: SALA DE VÍDEO DO SESC-CENTRO

Segunda-Feira, 03-03-2014

10:00h

O Santo Daime e o Nordeste
Xico Nóbrega (Jornalista e pesquisador) – PB
Rômulo Azevêdo (Jornalista e professor da UEPB) – PB
10:50h

Debate com a platéia

11:40h

Apresentação de hinos da doutrina do Santo Daime, com o grupo musical do “Céu da Campina” (PB)

12:00h
Encerramento

16o ENCONTRO DO ESPERANTO
DIA 03 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)
Segunda-Feira, 03/03

09:00h
Exposição:
Um pouco da história da língua Esperanto
Coord.: Prof. Lívio Oliveira Adelino de Lima (João Pessoa-PB) e Dr. José Gomes Caminha (Médico psiquiatra, Campina Grande-PB)

10:00h
Aula Introdução à Língua Esperanto – primeiro módulo
Prof. Lívio Oliveira Adelino de Lima

15:00h
Aula Introdução à Língua Esperanto – segundo módulo
Prof. Lívio Oliveira Adelino de Lima

16:00h
Língua Esperanto e Língua grega clássica( Koiné): aproximações gramaticais  e educacionais
Prof. Dr. Oscar de Lira Carneiro (UFCG- Campus Campina Grande (pedagogo, mestre em Filosofia, UFPB, e doutor em Letras Clássicas, USP) – PB
FÓRUM DA DIVERSIDADE
RELIGIOSA DA PARAÍBA
Dia 03 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB
(Centro de Campina Grande)

17:00h
Mesa-redonda

Situação da Diversidade Religiosa na Paraíba (Discussão de propostas de ações)

Mãe Lúcia de Omidewá – Ilê Asé Omidewa – PB
Severino Celestino (Espírita / Pós-Graduação em Ciência das Religiões) – PB
Pastor Bruno Pontes (Igreja Anglicana) – PB
Marciano Monteiro (Centro de Referência em Direitos Humanos da UFCG) – PB
José Otávio Aguiar (Historiador e Professor da UFCG) – PB
Hugo Espínola (Professor, Grupo Videlicet (PPGCR/UFPB) )- PB
Elianildo da Silva Nascimento (URI Brasília / Membro Comitê Nacional de Respeito à Diversidade Religiosa – SDH/PR) – PB

Coordenação:
– Ph.D. Carlos André Cavalcanti (Grupo Videlicet/UFPB / Fórum da Diversidade Religiosa da Paraíba) – PB

DIA 04 – TERÇA

13° ENCONTRO DE XAMANISMO
DIA 04 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)
Terça-Feira, 04-03
14:00h às 17:00 h 

Mesa-redonda:

Xamanismo
Léo Artese (Centro de Estudos de Xamanismo Voo da Águia) – SP
Fany Carolina (Centro de Estudos de Xamanismo Voo da Águia) – SP
Yatamalo (Taba da Águia) – PB
Xamã Ana Xara Peres – BH

SIMPÓSIO DE TERAPIAS ALTERNATIVAS
 DIA 01 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Sábado, 01/03

Palestras:
08:30h às 12:00 h

Arte de fazer perfumes mágicos
Gorethi Moura (Terapeuta) – PE
Aromaterapia para mulheres
Gorethi Moura (Terapeuta) – PE
Jornada Xamânica Caminho do Coração e Tambor Sagrado
Xama Anna Xara Peres Peres (Xamã) – BH
Círculo de cura com tambor e Fogo sagrado
Xama Anna Xara Peres Peres (Xamã) – BH
Ampliação da consciência através da meditação
Pedro Tornaghi (Astrólogo e professor de meditação) – RJ
Yoga hormonal
Edineia Mangabeira (Professora de Yoga – Terapeuta) – PB
Oficina da Teia dos sonhos
Fanny Carolina (Xamã) – SP

ENCONTRO DE TEOSOFIA
DIA 04 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB 
(Centro de Campina Grande)

Terça-feira, 04/03

09:30 h às 11:30h

Sem luz no fim do túnel? Consciência e Espiritualidade na era da insustentabilidade (aprofundamento)
Marco Aurélio Bilibio (Mestre em Psicologia / Doutor em Desenvolvimento Sustentável / Sociedade Teosófica do Brasil) – DF

5° ENCONTRO DE MÍSTICA E MILITÂNCIA DOS MOVIMENTOS SOCIAIS
DIA 04 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB
(Centro de Campina Grande)
TEMA: PLEBISCITO

Terça-feira, 04/03
14:30 h
Palestra:
Plebiscito: Uma ferramenta da sociedade para a transformação social
Severino dos Santos Terto (Históriador, participante dos Movimentos Sociais de Campina Grande) –PB

15:30h
Dinâmica

13º ENCONTRO DA INICIATIVA DAS RELIGIÕES UNIDAS – URI
DIA 04 DE MARÇO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB
(Centro de Campina Grande)

Terça-feira, 04/03

10:30h

Mesa-Redonda:
Diversidade Religiosa: Construção de ações conjuntas em prol da liberdade religiosa e da laicidade do Estado (Proposta de construção de Comitês da Diversidade Religiosa)

Participantes:
Arian Sophia Vera Almeida (Wicca/Antigos Caminhos) – CE
Fábio Nascimento (Membro Comitê Nacional de Respeito à Diversidade Religiosa – SDH/PR / Membro Comissão Liberdade Religiosa/OAB-SP/ Igreja Mórmon – SUD) – SP
Elianildo da Silva Nascimento (URI Brasília / Membro Comitê Nacional de Respeito à Diversidade Religiosa – SDH/PR) – PB

Organização:
Iniciativa das Religiões Unidas – URI Brasília

4º ENCONTRO DE COMUNICAÇÃO E MÍDIAS DIGITAIS
DIA 04 DE FEVEREIRO
Local: Antigo Prédio do Curso de Administração da UEPB
(Centro de Campina Grande)

Terça-feira, 04/03

14:00h às 17h:00h
Palestras

O Facebook como ferramenta de divulgação da Revista Sexus
Bruno Ribeiro (Publicitário – Editor da Revista Sexus) – PB

A pauta nas redes sociais: da integração à notícia fake
Rostand Melo (Jornalista – Doutorando em Ciências Sociais – UFCG) – PB

Jornalismo multimídia e interatividade nas redes sociais
Ana Sousa (Jornalista – TV Itararé) – PB

Manifestações e a mídia independente: relatos de um midialivrista
Alex Lepletier (Midialivrista – Graduando em Mídias Digitais da Universidade Cândido Mendes) – RJ

OUTROS EVENTOS

FEIRA ESOTÉRICA 
Venda de incensos, cristais, roupas indianas, etc.
FEIRA DE LIVROS

Livrarias, editoras e revistas especializadas em temas abordados no evento, terão suas publicações expostas à venda no Hall do Sesc Centro.

LANÇAMENTOS DE LIVROS E REVISTAS

A Pedra do Ingá: itacoatiaras na Paraíba (6ª edição)
Cordel: O Sinhô Duzané: e a peleja com o cão
Dezoito de Escorpião

MOSTRA DE CURTAS
(Sala de vídeo do SESC Centro)
Dias 01 a 04, Sábado à Terça

Sábado, 01/03

18:15 h  

O hóspede – (Brasil, 17min, fic.)
Dir.Ramón Porto Mota e Anacã Agra
Os publicitários também choram – (Brasil, 5min, animação)
Dir.Yendys Sydney
No reino da rapadura – (Brasil, 15min, doc.)
Dir.Vera Lúcia Santos
Quando a casa é a rua (Brasil, 35 min, doc.)
Dir.Theresa Jessouroun

Domingo, 02/03

18:15 h  

De frente pro front (Brasil, 4min, doc.)
Dir. Frederico Mendes
Carga Viva – (Brasil, 18min, doc.)
Dir.Débora de Oliveira
Catástrofe ou a Fabulosa história da mulher que engoliu um terremoto – (Brasil, 13min, fic.)
Dir.Gian Orsini
O vendedor de coisas (Brasil, 18 min, Brasil, fic.)
Dir.Deleon Souto
Namoro de Simpatia (Brasil, 10min, fic)
Dir.Fabiana Melo

Segunda-feira, 03/03

18:15 h  

Cancha – Antigamente era mais moderno – (Brasil, 18 min, doc.)
Dir.Luciano Mariz
Charizard – (Brasil, 14 min, fic.)
Dir. Leonardo Mouramateus
Pouco mais de um mês (Brasil, 23 min, fic.)
Dir.André Novais Oliveira
Flamor – (Brasil, 14min, fic.)
Dir.Leandro Alves

Terça-feira, 04/03

18:15 h  

Brincadeiras dos nossos avós
Dir. Flávio Alex Farias (Brasil, 19 min, doc.)
Os filmes estão vivos – (Brasil, 24min, doc.)
Dir. Enéas de Souza Cova aberta – (Brasil, 20min, fic.)
Dir. Ian Abé
Os silenciados não mudam o mundo – (Brasil, 19min, doc.)
Dir. Alexandre Alencar

EXPOSIÇÃO ARTÍSTICA
SESC Centro

Israel, a Terra Santa
Organizada pela Embaixada de Israel no Brasil

 FAÇA SUA PRÉ-INSCRIÇÃO ONLINE (Clique)
>> INSCRIÇÃO <<CONSULTAS E ATENDIMENTOS 2014

 

Léo Artese – SP

Jornada Xamânica (Vôo da águia)

Dia: 02/03
Saída: 20:00h do SESC Centro
Destino: Alagoa Nova (PB)
Retorno: 03/03 para o SESC Centro
Horário: 08 h

Yatamalo Marize Dantas – PB

Tarô xamânico

 

Gorethi Moura – PE

Tarô xamânico / Aromaterapia e Terapia Floral / Oráculo dos Aromas

 

Giancarlo Kind Schmid – RJ

Tarô

 

Yatamalo Marise Dantas – PB

Tarô Xamânico  /  Curas Xamânicas

 

Pádua – PB

Mahikari (gratuito)

 

Wagner Périco – SP

Runas

 

Giorgia G. Maciel – PE

Técnica de Libertação Emocional

 

Frank Menezes – SE

Baralho cigano e Leitura de mãos

 

Ruan Jantus – Argentina

Theta healing (cura em estado teta) /  Leitura de mapa astral Maia /

Reiki  /  Massagem integral de linhagem ancestral / Cura consciente

 

Fany Carolina – SP

Teia dos Sonhos

 

Árian Bandh Sophia  CE

Leitura de Oghan, Leitura de Astrologia Cármica e Tarô

 

Gianne Portal – PR

Tarô

 

Neuza Dutra – PE

Tarô

 

Rute de Paula Tavares – PB

Cone hindú

 

Xamã Anna Xara Peres Peres – BH

Ritual de transmutação de carmas de vidas passadas e constelação familiar com bonecos e baralho cigano

 

Rita de Cássia – SP

Baralho cigano

 

Pauline Philippe – França

Massagem Tuína

 

Carmem Santos – PE

Atendimento em terapia mandálica

 

Antônio Carlos Harres (Bola) – RJ

Mapa astral

 

Neiva Santos – SE

Radiestesia  /  Feng shui para ambientes

 

Pedro Tornaghi – RJ

em breve

 

Caio Fernandes – PE

Massagem oriental / Shiatsu express / Auriculoterapia / Ventosaterapia

 

Vitor Arieira Harres – RJ

Aconselhamento Individual

 

Maria Teresa Marhuenda Fructuoso e Miguel A. Romero Vera (Espanha)

Terapia Regressiva

 

Ranacleia Pereira (PE)

Massagem facial Relaxante

 

Janeyde Britto (PB)

Tarot

 

VIVÊNCIAS e CURSOS

Dias 03 e 04

(Centro de Campina Grande)

 

Vitor Arieira Harres – Aula de Cânticos e Mantras da Tradição Védica

Xama Anna Xara Peres Peres – Círculo de cura com tambor e Fogo sagrado (oficina)

Xama Anna Xara Peres Peres – Jornada Xamânica Caminho do Coração e Tambor Sagrado

Pedro Camargo – Uma conversa pessoal com os arcanos do tarô

Pedro Tornaghi – Ampliação da consciência através da meditação

Rute de Paula Tavares – Cone hindú

Gorethi Moura – A arte de fazer Perfumes Mágicos  /  Aromaterapia para Mulheres (dicas rápidas e práticas para todas as idades)

Edineida Mangabeira – PB – Yoga Hormonal

Fany Carolina – SP – Oficina da Teia dos Sonhos

* Inscrições para as Vivências serão feitas com a equipe de Atendimento no SESC Centro

Programação musical do
23º Encontro da Nova Consciência
Sexta 28/02
– Varal de Cabaré
– Meia De U S
+ atração Grito Rock na Consciência

Sábado 01/03
– O Lendário Chucrobillyman (PR)
– Burro Morto
+ atração Grito Rock na Consciência

Domingo 02/03
– DAAU (Bélgica)
– Cabruêra
+ atração Grito Rock na Consciência

Segunda 03/03
– Totonho Os Cabra
– Seu Pereira e Coletivo 401
+ atração Grito Rock na Consciência

Terça 04/03
– Val Donato e os Cabeças
– Madalena Moog
+ atração Grito Rock na Consciência

 

 

Assessoria

Inscrições abertas para prêmio que reconhece trabalhos baseados na defesa da ética

Inscrições-AbertasO Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) vai lançar um prêmio como parte da celebração de seus 10 anos. O “Prêmio ETCO de Jornalismo 2013” tem como objetivo reconhecer matérias que contribuíram ao aprimoramento da ética entre empresas concorrentes, ou que apontem situações em que práticas fraudulentas comprometam o ambiente de negócios.
CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Nada mais justo do que reconhecer o trabalho desses profissionais que, de maneira inequívoca, contribuem para a conscientização sobre temas como comércio ilegal, informalidade, pirataria, complexidade do sistema tributário, sonegação fiscal e o impacto da corrupção na economia”, declarou Roberto Abdenur, Presidente Executivo do ETCO.
O vencedor de cada uma das cinco categorias (Jornal, Revista, Radiojornalismo, Telejornalismo e Jornalismo On Line) vai receber R$ 10 mil, e o melhor trabalho entre esses cinco ganha mais R$ 10 mil e será nomeado vencedor do “Grande Prêmio ETCO de Jornalismo”. Homenagens especiais serão prestadas aos editores dos trabalhos vencedores durante a cerimônia de premiação.
As inscrições para a primeira edição do Prêmio ETCO de Jornalismo poderão ser feitas no site até 1º de agosto de 2013, data máxima de publicação/veiculação dos trabalhos.
Portal IMPRENSA

‘Já abri mão de muito dinheiro em nome da ética’, diz Regina Volpato em sua casa

Pela primeira vez, Regina Volpato abre sua casa à CARAS Online e revela detalhes de sua vida pessoal e carreira. Conhecida por sua elegância e ética, a apresentadora do ‘Se Liga Brasil’ afirma que já abriu mão de dinheiro para seguir os seus valores. Hoje, ela se orgulha de sua carreira e espera dar uma guinada em 2013

Lailson Santos
Lailson Santos

“Ela é linda de viver, tem uma voz maravilhosa e é especialista em assuntos que mexem com o coração da gente”. Essas foram as palavras de Hebe Camargo (1929-2012) ao receber Regina Volpato (44) em seu programa homônimo na RedeTV!. Na ocasião, Regina estava afastada das telinhas, desde encerrou a versão soft do Casos de Família, do SBT, e contou com a campanha da rainha para retomar a carreira.

“Ela não pode ficar de fora da TV, é um talento”, disse Hebe, que passado alguns meses, viu sua afilhada e amiga ser de fato contratada pela emissora, comandar o Manhã Maior e agradecer as várias contribuições em uma nova participação. Hebe explicou a admiração: “Eu assisto muito televisão, então observo as pessoas e penso: ‘Essa nasceu para isso, é uma estrela’”, continuou.

Ao lado de Daniela Albuquerque (30), Regina brilhou e esbanjou talento na atração e, assim como Hebe, conseguiu elevar o nível e trazer elegância a um programa popular. Com o dom da comunicação, voz agradável e suave, a apresentadora driblou os percalços do ao vivo, se esquivou das fofocas de bastidores e recebe elogios de colegas de trabalho e telespectadores.

Pela primeira vez, a reservada apresentadora abre a sua casa à CARAS Online, revela detalhes de sua vida pessoal, sonhos e seus próximos projetos. “Sinto falta de conversar com o público”.   

 Ao contrário de muitas celebridades, você não se expõe tanto e afirma até que é tímida. É timidez mesmo ou uma maneira de preservar a sua vida?

Acho que são os dois. Em festas, por exemplo, não sou daquelas que mais falam, que mais aparecem, pois é da minha natureza observar mais. Não é por acaso que moro neste lugar, onde tenho o meu quintal, o jardim, onde é silencioso… E por consequência gosto de preservar a minha intimidade para ir tranquilamente à feira, à padaria, gosto de ter esse direito. Se eu me exponho, eu perco isso. Não compreendo as pessoas que falam sempre de si mesma, falam sempre da vida pessoal, aí quando são abordadas, não gostam. Poxa vida, você deu essa liberdade. Eu me mantenho reservada e as pessoas me respeitam.

– Você compara a sua vida ao movimento das tartarugas. Explica melhor…

As tartarugas ficam no fundo do mar um tempão e aí elas sobem pegam o ar e voltam para o fundo. Fiquei olhando e vi que isso acontece comigo. Estou sempre envolvida com o trabalho, daí quando acho que já deu, que preciso me renovar, colocar a cabeça para fora, eu vou, saio e me preparo para voltar. É como agora, neste momento. Olha, não tenho nada em vista – é faro – mas acho que em 2013 vai acontecer alguma coisa na minha carreira: uma guinada, outro rumo, pode até ser na RedeTV!, pode até ser no ‘Se Liga Brasil’, mas eu acho que vai dar um outro colorido para minha carreira.

– O ‘Se Liga Brasil’ é o tipo de programa que te satisfaz como profissional?

Sou muito grata por exercer a minha profissão sempre. Hoje, estou em um projeto da emissora e visto a camisa para que dê certo. Por intuição, sinto falta de conversar com as pessoas [Regina trabalha somente no estúdio]. Sempre gostei de ouvir histórias, comecei a carreira na Fundação Roberto Marinho, entrevistando adultos que estavam retomando os estudos depois de uma vida muito dura. Então, hoje sinto falta de conversar com estes guerreiros anônimos, que na vida real são verdadeiros artistas.

– Você é conhecida como uma apresentadora elegante e que trabalha em nome da ética. Como é fazer parte de um sistema de televisão que muitas vezes busca a audiência a fórceps?

Trabalhar com aquilo que gosto e ser reconhecida pela qualidade do meu trabalho é um troféu. Nesta carreira, é muito difícil olhar para trás e sentir orgulho do que se fez. Eu me sinto realizada totalmente pela minha história. Já tive que renunciar muita coisa, tive que dizer “não” a muitas outras. Muitas vezes abri mão de ter dinheiro em nome da ética, investi em  projetos que não traziam muita remuneração, mas que faziam sentido para mim. Esse tipo de escolha, que custa muito caro e que me enche de orgulho, são escolhas que o público se identifica. O telespectador não é bobo, não é idiota, não dá para ludibriar. Dá para enganar durante um tempo, mas não o tempo todo. As pessoas identificam quem é sério e quem não é. E eu sempre sou elogiada.

– Foi em nome da ética que você deixou de apresentar o ‘Casos de Família’, que se tornou mais pesado a partir de 2009?

Não gosto de fazer o que eu não gosto de ver. Não gosto de violência, não gosto que coloque o outro em uma situação constrangedora, que tire proveito de alguém menos favorecido por qualquer motivo. Não gosto disso, então não vou promover esse tipo de situação. Para mim é inconcebível fazer graça com alguém que senta na minha frente e divide dores, amarguras, angustias. Respeitar a dor do outro é básico, em qualquer situação. Quando apresentei o ‘Casos de Família’, mesmo nos programas mais engraçados, eu procurava entender o outro e levar de uma maneira gostosa e respeitável.

– Os seus trabalhos sempre são para a classe mais popular. Você gosta de apresentar para este público?

Eu adoro comunicação popular, sempre gostei. Para mim, comunicação de verdade é comunicação que todo mundo entende. Mas acho que isso não tem nada a ver com baixo nível, gritar, falar errado. Tudo bem o entrevistado falar errado, mas quem se dispõe a apresentar não deve. Falar corretamente não é falar difícil e ser popular não é gritar ou formular frases malfeitas. O Silvio Santos e a Hebe são pessoas populares e que conseguem trazer a elegância.

– Hebe e Silvio são figuras em que você se espelha?

Lógico. Para começo de conversa, eu devo muito aos dois. E sem dúvidas são dois modelos. Ontem eu estava assistindo Silvio Santos e vi que vai ao auditório, ele brinca, faz as graças, mas não fala errado, não grita, é super correto. Eu devo ao Silvio porque ele me deu uma oportunidade maravilhosa, porque ele me ensinou, porque ele foi tolerante comigo, porque foi um bom patrão. Também devo muito a Hebe.

– A Hebe sempre te elogiava nos programas e dizia ter muita admiração por você. Eram de fato amigas?

A Hebe sempre me recebeu com muito carinho e me orientava muito. Ela ligava para mim várias vezes e me incentivava. Tanto que a primeira vez que pisei na RedeTV! foi através de um convite dela para participar do programa “Hebe”. Lá, ela falava: “A Regina tem que vir pra cá, não pode ficar fora do ar, faz muita falta”. Ela conversava comigo e , quando decidi dar um tempo com o “Casos de Família”, recebi um telefonema dela para saber se estava tudo bem. Era uma pessoa que, apesar de todos os compromissos, conseguia estar presente na vida dos amigos. Ela dizia que é a minha madrinha e de fato é. Foi uma honra todos os momentos em que estivemos juntas.

– Sua entrada na RedeTV! ocorreu quando a emissora estava com ânimos quentes. A Keyla Lima, que apresentava o ‘Manhã Maior’,havia feito um discurso bastante espinhoso em sua despedida. Como foi entrar na atração no dia seguinte?

Eu já frequentava a emissora anteriormente, mas na despedida da Keila eu não estava presente. Pelo que vi, a produção estava tão envolvida em terminar o programa e continuar ele com uma nova apresentadora – pois, quando muda uma apresentadora, muda tudo – que esta questão da Keila passou, tudo foi no embalo. Só depois é que a história foi tomando um corpo e as pessoas começaram a ver aquele trecho. Comigo, talvez por muita elegância, a produção e nem ninguém repercutiu. Todos sabiam que eu estava extremamente nervosa, pois estava há mais de 2 anos fora do ar, e que aquele era um momento importante. Eu estava emocionadíssima por voltar e querer dar conta, então a questão da Keila foi menor que a minha vontade de querer fazer dar certo.

– Como este período em que você ficou afastada da TV?

Eu sofri muito, pois sentia todos os dias muita falta de exercer a minha profissão. Não teve um dia em que eu dissesse: “Ai, que bom, hoje eu não tenho que trabalhar”. Era sempre, ai, que falta, ai que saudade.  Fiquei fora porque não tinha aparecido nenhuma oportunidade concreta e que tivesse dado certo. Procurei entender aquele momento como: “A vida está dando esse momento para você se reciclar”. E foi isso que eu fui fazer. Fiz uma porção de coisas legais e acabou sendo importante para outros aspectos.

– Ao lado da Daniela Albuquerque, você já enfrentou algumas situações imprevistas do ao vivo, que pipocaram na internet. Você perdeu o medo de dar vexame?

Quando você gagueja, comete alguma gafe na vida, isso passa. Com a câmera no rosto, a proporção é outra. Mas posso dizer que perdi 100% o medo de dar vexame. E não só no programa, mas na vida. Eu perdi e, olha, tenho me divertido. Vou estar até em escola de samba.

– Será destaque de alguma escola de samba? Sabe sambar?

É verdade, serei destaque da Vila Isabel, fui apresentada neste mês na escola. Teve festa das passistas e eu, com a minha ginga toda (risos). Não sei sambar nem com os braços e é por isso que estou saindo de destaque. Ainda estamos vendo o vestido, mas uma coisa eu garanto: pelada eu não vou, né? (risos).

Você está mais bonita agora que na época do “Casos de Família”. Fez algo?

Não fiz. Acho que estou mais relaxada, tenho uma vida mais serena, perdi o medo de dar vexame… Hoje, tenho mais tempo para treinar, correr, fazer ioga, cuidar da minha alimentação, a minha realidade é mais tranquila, tudo isso ajuda. Nunca fiz plástica e não tenho nenhuma intervenção cirurgia. Pode ser que mais para frente eu queira fazer algo, mas hoje eu acho o corpo muito sagrado e tenho medo. Se eu estou saudável, está tudo funcionando bem, porque eu vou inventar moda?

– Em casa, depois do trabalho, o que você faz para relaxar?

Eu adoro ficar em casa. Abro o meu vinho, o meu espumante, vou para o Ofurô, fico lendo. Aqui tem passarinho, tem bastante verde. Quando eu quero relaxar mesmo, eu fico na minha casa. É por isso que não costumo sair para badalação e ainda tenho a desculpa de que tenho que dormir cedo para trabalhar cedo.

– Você tem um belo piano na sala. Toca?

Olha, já fui uma ótima pianista, de ganhar concurso e tudo. Era a melhor a aluna do conservatório. Eu estudei piano dos 6 anos até os 17, mas parei quando vim para São Paulo. Para você ter ideia, os meus pais não tinham dinheiro para comprar piano e eu estudava na mesa, até eles conseguirem um piano usado. Quando eu vim para São Paulo, parei. Desde 2006, tenho este piano, toco muito de vez em quando, só para mim, para relaxar, mas não é nem 1/3 de quando eu tocava na infância.

– Você cozinha?

Eu cozinho e sou especialista em aproveitar o que tem na geladeira. Então, sempre tenho coisas gostosas: lula, camarão, carne, molho vermelho. Quando dá vontade de comer um risoto, vou lá e faço. Ultimamente tenho feito bastante frutos do mar. Fiquei muito tempo sem fazer e agora estou retomando este hábito.

– Você passa uma imagem de uma mulher muito equilibrada. Você nunca perde a cabeça?

Quando dou uns gritos, a minha filha Rafaela (15) fala: “Todo mundo pensa que você é sempre equilibrada” (risos). Sou normal, perco a cabeça sempre, dou uns gritos. Faço isso quando a Tina [uma cachorrinha podle, de 8 anos] faz xixi no tapete, quando mentem para mim, quando subestimam a minha inteligência, com algum combinado não cumprido, tudo isso me deixa bem brava. Uma pessoa equilibrada é alguém com todos os sentimentos e sensações. Eu desconfio de quem é feliz o tempo todo. Ficar brava é normal, a questão é como você trabalha esse sentimento. Tem gente que dá lampadada, eu calço um tênis e vou correr. Mas admito que já me peguei gritando com a Rafaela no supermercado (risos).

– Qual é o seu sonho?

Sou muito grata, feliz e realizada pelo que já conquistei, mas profissionalmente eu ainda não fiz algo que fosse a minha cara e que fosse um projeto meu. Eu sou otimista por natureza, então torço para que aconteça em 2013. Mas se não acontecer, pode ser que acontece no outro ano ou que nunca aconteça. Tanta gente quer fazer um monte de coisas e não consegue, e tudo bem. O importante é você fazer a sua parte, o restante é consequência.

 

Caras

Inclusão de disciplinas de cidadania e ética no currículo escolar passará por votação em Plenário

 

 

Contrário ao inchaço dos currículos escolares com novas disciplinas, o Ministério da Educação (ME) articulou-se com o líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), para evitar que fosse enviado imediatamente à Câmara dos Deputados projeto de lei que insere duas novas matérias na grade escolar do ensino básico: Cidadania Moral e Ética no ensino fundamental e Ética Social e Política no ensino médio.

Para atender ao ministério, Braga entrou com recurso solicitando que o PLS 2/2012, do senador Sérgio Souza (PMDB-PR), também seja apreciado pelo Plenário, antes de ser enviado à Câmara. Inicialmente, a análise pelo Plenário estava dispensada, já que a proposta havia sido aprovada pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), em setembro, em decisão terminativa.

Na visão do Ministério da Educação, a aprovação do projeto não é a solução mais adequada para tratar dos temas da ética e da cidadania. Em nota técnica enviada à liderança do governo, o ministério argumenta que os documentos orientadores dos currículos “não sugerem a criação ilimitada de disciplinas nem de conteúdos, mas que a escola oportunize condições para que temas socialmente relevantes sejam incluídos e tratados no desenvolvimento dos conteúdos escolares”.

Complementação

Ainda de acordo com a nota, atualmente os componentes curriculares obrigatórios, de abrangência nacional, estão estruturados em cinco áreas: Línguas, Matemática, Ciências da Natureza, Ciências Humanas e Ensino Religioso. Na avaliação do ministério, por meio desses componentes, assim como na parte diversificada, que pode ser agregada aos currículos pelos demais entes federativos e as próprias escolas, podem ser abordados temas abrangentes para complementar a formação dos alunos.

Como exemplo, a nota cita assuntos contemporâneos que afetam a vida humana em escala global, regional e local, bem como a esfera individual. Destaca temas como saúde, sexualidade e gênero, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90), e a preservação do meio ambiente, nos termos da política nacional de educação ambiental (Lei 9.795/99), além de educação para o consumo, educação fiscal, trabalho, ciência e tecnologia e outros que revelem a diversidade cultural.

Tempo reduzido

A nota informa que são frequentes as iniciativas legislativas e proposições vinda da sociedade no sentido da inclusão de novas disciplinas e temáticas nos currículos. Apesar da relevância das sugestões, ressalta que antes de novas inclusões é necessário debater e decidir “sobre o tempo e o espaço que a escola e seus professores vão dispor para organizar o desenvolvimento do trabalho a ser realizado”.

O ministério assinala, ainda, que é difícil incluir a diversidade de componentes desejada diante de uma estrutura de horas de atendimento ao aluno que não se modificou desde a aprovação da Lei de Diretrizes e Bases. Conforme salientado, a LDB indica apenas um mínimo obrigatório de quatro horas de atividades diárias, em um calendário de 200 dias letivos.

Esvaziamento ético

Na CE, o projeto de Sérgio Souza foi aprovado com base em relatório favorável do senador Cristovam Buarque (PDT-DF). O relator elogiou a proposta, a seu ver uma iniciativa para fazer frente ao “esvaziamento ético no Brasil”.

A senadora Ana Amélia (PP-RS), por sua vez, lembrou que o projeto foi colocado em votação poucos dias depois da realização de protestos de jovens em diversas cidades contra a corrupção, durante a celebração da Independência.

Lídice da Mata (PSB-BA), no entanto, demonstrou preocupação com a criação de mais uma disciplina escolar, sugerindo que os conteúdos relativos ao tema sejam abordados no âmbito das matérias já existentes.

Sérgio Souza, o autor do projeto, ponderou que as aulas da nova disciplina poderão ocorrer no turno contrário ao das aulas normais dos estudantes.

Agência Senado