Arquivo da tag: estuprar

Homem é preso suspeito de estuprar filha de dez anos, na Paraíba

A Polícia Militar prendeu Um homem na noite desta terça-feira (3), suspeito de estuprar as duas filhas. De acordo com a polícia, a prisão aconteceu na cidade de Baía da Traição, Litoral Norte da Paraíba,sob força de um mandado de prisão expedido pela Comarca do município.

Conforme as informações da polícia, o primeiro estupro aconteceu há quatro anos, quando uma das filhas do suspeito tinha dez anos. No entanto, o crime só foi descoberto agora. A vítima tem 14 anos.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, o suspeito de 40 anos também tentou estuprar a outra filha, atualmente com dez anos. O suspeito foi levado para a delegacia de Mamanguape, onde aguarda por audiência de custódia.

pbagora

 

 

Homem é preso em flagrante acusado de estuprar a própria filha de 13 anos

Um homem foi preso na tarde desta quinta-feira (28), suspeito de estuprar a própria filha de 13 anos. Ele é um presidiário cumprindo pena em regime semi-aberto.

Davi José Trajano da Silva foi autuado em flagrante delito por prática de estupro de vulnerável.

De acordo com a polícia, o suspeito já cumpriu pena por homicídio e roubo a banco em Pernambuco.

A delegada Joana D’Arc Sampaio Nunes, da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Juventude e Infância, investiga o caso.

 

clickpb

 

 

Homem é preso suspeito de estuprar enteadas gêmeas em João Pessoa

Um homem, de 49 anos, suspeito de abusar sexualmente de duas enteadas foi preso, nesta quarta-feira (13), em Mangabeira, João Pessoa.

A delegada Wladia Holanda, responsável pelo caso, explicou que o homem é suspeito de ter estuprado duas irmãs gêmeas. As vítimas contaram que os crimes aconteceram em 2014, quando tinham 14 anos.

A avó materna das adolescentes denunciou o caso e levou as vítimas à delegacia. Elas contaram que o estupro era recorrente e que aconteceram por um ano, dentro de casa, sempre que a mãe saia para o trabalho. A delegada contou que as vítimas disseram ter sido ameaçadas caso revelassem o que acontecia para alguém.

O suspeito foi encaminhado para a carceragem da Central de Polícia Civil e deve aguardar audiência de custódia nesta quinta-feira (14).

 

http://paraiba.com.br/

 

 

Homem é condenado a 23 anos de prisão por estuprar a filha em Areia-PB

A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba condenou a pena de 23 anos e quatro meses de prisão, em regime fechado, um homem acusado de estupro de vulnerável contra a própria filha, que tinha 11 anos idade na época do crime. Cabe recurso da decisão.

Conforme o processo, em fevereiro de 2018 o acusado abusou da filha através de atos libidinosos diversos da conjunção carnal.

Em decisão de primeiro grau, a juíza da Vara Única da Comarca de Areia, Alessandra Varandas, condenou acusado a pena de 25 anos de reclusão. Após isso, a defesa recorreu da decisão pedindo absolvição, argumentando de que não existiam provas suficientes para a condenação.

No julgamento do recurso, o relator do processo, desembargador Arnóbio Alves Teodósio, afirmou que houve comprovação dos abusos sexuais e que o crime continuou até a vítima completar 14 anos.

“No presente caso, deve ser aplicada a regra da continuidade delitiva e não do concurso material de crimes, conforme estabelecida na sentença, pois os fatos foram praticados pelo mesmo agente e contra a mesma vítima, em semelhantes condições de lugar, tempo, circunstâncias e modo de execução, período que compreendeu a idade da ofendida dos 11 anos aos 14 anos”, disse o relator, tornando a pena definitiva em 23 anos e quatro meses de reclusão.

 

portalcorreio

 

 

Homem é preso suspeito de estuprar a cunhada, em Campina Grande

Um homem de 33 anos foi preso na tarde do domingo (27), suspeito de estuprar a cunhada, no distrito de São José da Mata, em Campina Grande. O crime aconteceu no sítio Campo de Angola e teria sido facilitado pela irmã da vítima, que é companheira do suspeito.

A Polícia Militar recebeu a denúncia de que um homem estaria sido espancado. Quando chegaram ao local, testemunhas informaram a policiais militares que o suspeito estaria sendo agredido porque havia estuprado a cunhada.

À polícia, a vítima de 31 anos disse que, por volta das 3h30 do domingo, a irmã teria ido até a casa dela e a segurado para que o cunhado cometesse o estupro.

O casal foi encaminhado para a Central de Polícia de Campina Grande. O G1 tentou entrar em contato com a Polícia Civil, mas até as 18h50 não recebeu a confirmação de qual delegado plantonista estaria responsável pelo caso.

G1

 

Professor suspeito de assediar e estuprar alunas na PB alega que foi assediado, diz delegado

O professor de 36 anos preso suspeito de assediar e estuprar alunas de uma escola particular em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba, foi ouvido pela Polícia Civil nesta quarta-feira (23). Em depoimento, ele alegou que era vítima constante de assédio das alunas.

O delegado seccional de Cajazeiras, Glauber Fontes, informou que o suspeito não negou que mantinha relações sexuais com as garotas, mas justificou que pensou que elas eram mais velhas. Ele argumentou também que tudo aconteceu com o consentimento das alunas.

“Ele não nega os fatos. Falou que era constantemente assediado por alunas de um modo geral, mas não explicou de qual forma. Disse também que tudo aconteceu com o consentimento delas”, pontuou o delegado.

Glauber acrescentou que o professor vai responder pelo crime de estupro de vulnerável porque uma das alunas que manteve relações sexuais com ele tinha menos de 14 anos quando o crime aconteceu. O suspeito foi encaminhado para o Presídio Regional de Cajazeiras.

Professor é preso suspeito de assediar e estuprar alunas em Cajazeiras

Um professor de 36 anos que dava aulas em uma escola particular de Cajazeiras, no Sertão da Paraíba, foi preso na manhã desta terça-feira (22), suspeito de assediar e estuprar quatro alunas. De acordo com o delegado Glauber Fontes, o homem se aproveitava do cargo que ocupava para cometer os crimes.

Ainda segundo informações do delegado, quatro estudantes com idades entre 13 e 15 anos teriam sido vítimas do suspeito. Elas eram levadas para o apartamento dele, onde consumiam bebidas alcoólicas, eram assedias e algumas delas mantinham relações sexuais com ele. As denúncias foram feitas por familiares das garotas.

Os crimes teriam acontecido a partir de 2018. O professor foi autuado por estupro de vulnerável, corrupção de menores e por oferecer bebidas alcoólicas para as garotas.

 

 

G1

 

 

Professor é preso suspeito de assediar e estuprar alunas em Cajazeiras, no Sertão da PB

Um professor de 36 anos que dava aulas em uma escola particular de Cajazeiras, no Sertão da Paraíba, foi preso na manhã desta terça-feira (22), suspeito de assediar e estuprar quatro alunas. De acordo com o delegado Glauber Fontes, o homem se aproveitava do cargo que ocupava para cometer os crimes.

Ainda segundo informações do delegado, quatro estudantes com idades entre 13 e 15 anos teriam sido vítimas do suspeito. Elas eram levadas para o apartamento dele, onde consumiam bebidas alcoólicas, eram assedias e algumas delas mantinham relações sexuais com ele. As denúncias foram feitas por familiares das garotas.

Os crimes teriam acontecido a partir de 2018. O professor foi autuado por estupro de vulnerável, corrupção de menores e por oferecer bebidas alcoólicas para as garotas.

A prisão dele aconteceu através de um mandado de prisão temporária expedido pela 2º Vara Criminal da Comarca de Cajazeiras. A polícia alerta para que se outras adolescentes tiverem sido vítimas dele, procurem a delegacia de Polícia Civil da cidade.

O professor seguia detido na Delegacia de Cajazeiras, mas segundo o delegado, deve ser encaminhado para o Batalhão de Polícia Militar do município, já que possui formação em curso superior.

Foto: Polícia Civil/Divulgação

G1

 

Jovem é preso suspeito de estuprar menina de 11 anos no Sertão

A Polícia Civil prendeu em flagrante um jovem de 19 anos suspeito de estuprar uma uma criança, no Sertão da Paraíba. Com base em denúncia, a polícia descobriu que o jovem mantinha um relacionamento com uma menina de 11 anos sem o consentimento da família dela.

O abuso aconteceu no município de São Bento e, de acordo com a polícia, o jovem e a menina fugiram de suas casas na madrugada do domingo. Eles só foram localizados após o suspeito usar seu perfil numa rede social para postar uma foto com a menor. Na imagem, eles aparecem deitados numa cama.

À polícia, o suspeito contou que manteve relações sexuais com a garota, mas alegou que tudo aconteceu com o consentimento dela.

Pelo fato de criança ter menos de 14 anos, o acusado foi autuado por estupro de vulnerável e levado à Delegacia de Polícia Civil de São Bento. Ele deverá ser transferido para o presídio de Catolé do Rocha.

Já a menina foi levada para o Núcleo de Medicina e Odontologia (Numol) de Patos, também no Sertão do estado, onde passará por um exame sexológico.

 

PB Agora

 

 

Homem é preso suspeito de invadir casa e tentar estuprar menina de 11 anos, em Picuí, PB

Um homem foi preso após invadir casa e tentar estuprar menina de 11 anos que estava sozinha na residência, na tarde deste domingo (13), na cidade de Picuí, na Paraíba. Segundo o relato da criança, o suspeito, de 29 anos, abriu o portão, pegou ela pela cintura e a levou para o quarto da mãe. Segundo a Polícia Civil, a vítima conseguiu chutar o suspeito, que saiu correndo. A criança foi levada para o hospital, e exames confirmaram que não houve penetração.

Segundo o agente de investigação da Polícia Civil, Gilvan Fernandes, o homem é conhecido da vítima, mas não tem nenhum vínculo de amizade com ela. Ainda de acordo com Gilvan, o suspeito sofre de transtornos mentais.

O suspeito é pernambucano e estava morando em uma casa que foi arrombada por ele. A residência pertence à viúva de um tio dele e, atualmente, o homem não tem nenhum parente em Picuí. O suspeito foi encaminhado para a cadeia pública da cidade, onde aguarda a audiência de custódia.

G1

 

Polícia apreende adolescente suspeito de estuprar criança de 4 anos na PB

Um adolescente de 13 anos foi apreendido pela Polícia Militar, na noite desta sexta-feira (4), acusado de agredir e estuprar uma criança de apenas 4 anos. O crime teria ocorrido no bairro do Alto do Mateus, em João Pessoa.

A mãe da vítima contou aos policiais que foi a criança quem relatou às agressões e logo em seguida ela chamou a polícia.

Ainda de acordo com a polícia, a mãe do adolescente, que foi detido, teria um comportamento rebelde e caso haja a comprovação do delito, ele deve pagar pelo que fez.

A criança deverá passar por exames para detectar a agressão.

O adolescente foi encaminhado à Delegacia do Menor na Capital e passará por audiência de custódia neste sábado (5).

 

PB Agora