Arquivo da tag: estava

Carro capota e mulher morre após pedir carona; PRF diz que motorista estava bêbado

Reprodução/Diário do Sertão Vítima morreu após pegar carona
Reprodução/Diário do Sertão
Vítima morreu após pegar carona

Uma mulher morreu e um jovem ficou ferido em um acidente registrado na manhã deste sábado (30) no km 499 da BR-230, em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba. O condutor do veículo estaria embriagado.

A Polícia Rodoviária Federal informou que a vítima havia pego carona com o condutor de 19 anos. No caminho, ele perdeu o controle do veículo em uma curva e capotou. A mulher morreu no local e até as 11h30 deste sábado (30), ela estava sem identificação.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

O motorista foi submetido ao teste do bafômetro e a PRF disse ter constatado que ele tinha ingerido bebida alcoólica.

Segundo a PRF, ele foi socorrido para o Hospital Regional de Cajazeiras; a unidade informou que o jovem está em situação estável, em observação.

 

Portal Correio

Adolescente que não sabia que estava grávida dá à luz no banheiro, após acreditar estar com intoxicação alimentar

babyAtingida por uma enorme sensação de náusea, Gemma Armstrong achou que estava sofrendo um surto de intoxicação alimentar.

Retornando do trabalho na última segunda-feira, a garota escocesa de 19 anos, correu para o banheiro. Mas ao invés de uma dor de barriga por diarreia, a adolescente ficou chocada ao estar nos estágios iniciais de trabalho de parto.

Armstrong, que reside em Ross-Shire, na Escócia, não tinha ideia de que estava grávida. Ela não desenvolveu nenhum sintoma ou, ao menos, uma saliência na barriga. Apenas um mês antes de dar à luz a sua filha, Orla, a adolescente usava um biquíni em uma praia.

Seu namorado, Daniel Degan, estava no exterior no momento da nascimento da filha surpresa. Por conta disso, Armstrong recebeu ajuda da mãe e da irmã do rapaz, Katrina Eilidh. A garotinha nasceu no banheiro.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Degan pegou um voo de volta para casa logo após receber um telefonema dizendo que ele havia se tornado pai.

A mãe de Degan ajudou no trabalho de parto e sua irmã cortou o cordão umbilical. Uma equipe paramédica chegou na casa do rapaz para cuidar dos últimos detalhes.

Orla nasceu perfeitamente saudável. Mãe ela e bebê foram levados ao hospital para um check-up e passaram duas noites na maternidade, enquanto os especialistas monitoravam seu progresso. “Os paramédicos nos levaram, pois foi um choque para todos”, disse Armstrong.

Embora ainda em estado de choque, Armstrong e Degan ficaram empolgado com a criança, que eles chamam de sua “pequena surpresa”.

Armstrong descreveu o nascimento de sua filha em sua página do Facebook como o “melhor e mais surpreendente caso de intoxicação alimentar do mundo. Não foi a viagem higiênica que eu esperava”.

 

BRUNO RIZZATO

Detectado vírus da aids em menina que pensava-se que estava curada

hiv-210x146Uma menina que nasceu com o vírus da aids e que acreditava-se que estava curada ainda está infectada, o que representa um forte golpe para as esperanças de se encontrar uma cura para a doença, anunciaram as autoridades dos Estados Unidos.

A divulgação de que a criança havia se livrado da doença, feita em março de 2013, trouxe esperança de cura para os recém-nascidos infectados com o HIV mediante um tratamento inicial e agressivo, e inclusive para os adultos que acabaram de contrair o vírus.

Em uma conferência telefônica organizada ontem pelo Instituto Nacional de Saúde (NIH), a pediatra Hannah Gay, do Centro Médico da Universidade, que tratou a recém-nascida com antirretrovirais, disse que a descoberta de que ela ainda está infectada foi como receber “um soco no estômago”.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Antes deste caso, conhecia-se apenas outro de cura da aids, do norte-americano Timothy Brown, conhecido como “paciente de Berlim”, que se submeteu a um tratamento inovador para tratar uma leucemia com células-tronco de um doador resistente ao vírus do HIV. Brown recebeu um transplante de medula óssea de um doador que tinha uma mutação do receptor CCR5. As pessoas sem esse receptor parecem ser resistentes ao HIV.

A notícia da cura da menina foi recebida com entusiasmo mundial em março do ano passado.

Deborah Persaud, do Centro Infantil Johns Hopkins e principal autora do relatório sobre a menina, publicado na revista científica “New England Journal of Medicine”, disse na ocasião que se o caso ocorresse novamente seria uma prova de que a infecção poderia ser curada.

Apesar do anúncio da volta da doença, Persaud afirmou ontem que o fato da criança ter ficado livre do vírus por dois anos não tem precedentes.

O vírus da menina, que tem agora quatro anos, é igual ao da mãe, por isso não resta dúvida de que foi transmitido ao nascer e não posteriormente.

Ao redor de 2,3 milhões de pessoas contraíram o vírus da aids em 2012, o último ano do qual há números disponíveis. Destes infectados, 260 mil são bebês que contraíram o vírus ao nascer ou logo depois.

AFP

Noiva prende recém-nascida à cauda do vestido, a arrasta pela igreja e diz que bebê estava protegida por Cristo

weddingUma noiva do Tennessee, nos EUA, chocou ao escolher uma forma “diferente” de levar a filha de apenas um mês ao seu casamento. Shona Carter-Brooks prendeu a recém-nascida à cauda de seu vestido de noiva e a arrastou pelo chão da igreja até o altar.

A atitude, é claro, causou indignação e a noiva recebeu ameaças de denúncia às autoridades de defesa dos direitos das crianças. Shona alega que a filha Aubrey estava “acordada e muito segura”, além de “coberta por Cristo”.

A cerimônia de casamento entre Shona Carter-Brooks e Johnathan Brooks aconteceu em Ripley no mês passado e as fotos do detalhe bizarro se espalharam pela internet gerando grande polêmica. A imagem da bebê na cauda continuam no perfil da mulher.

O vestido, segundo o jornal “Daily Mail” é da linha White by Vera Wang, a mais popular estilista de vestidos de noiva dos EUA, e teria custado entre R$ 800 e R$ 2.800. A peça foi adaptada para poder prender a garotinha.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Os críticos à atitude de Shona dizem que o ato foi incrivelmente perigoso para a criança, que poderia ter se arranhado no carpete da igreja batista onde ocorreu a boda. “Me desculpe, mas se eu tivesse visto isso teria me levantado do meu lugar e tirado o bebê daquela situação. É algo muito idiota”, escreveu uma das pessoas que reprovam a atitude no site Clutch.

Shona escreveu em sua página no Facebook que não se arrependeu do que fez.

“As pessoas me questionam por que fiz, fazem comentários negativos negativos. Nós cremos que estamos cobertos pelo sangue daquele que nunca perde seu poder. Então para a mídia, rádio, jornais e quem mais que queira falar sobre o assunto: ‘Mídia, mídia sei como funciona, independente da situação ou do propósito sempre haverá coisas negativas a se dizer! A resposta é que fizemos o que nós queríamos fazer, e enquanto Jesus estiver ao nosso lado tudo vai funcionar bem e continuar bem.”

 

Mariel Claire