Arquivo da tag: estágio

Energisa abre vagas de estágio para Guarabira de mais quatro cidades da PB

A Energisa está com vagas de estágio abertas para estudantes dos ensinos superior e médio (técnico) nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos, Sousa, Guarabira. As inscrições podem ser feitas até domingo (15) neste link. O programa de estágio possui um ano de duração e há possibilidade de renovação de contrato.

Para efetuar a inscrição, os candidatos devem acessar o site, selecionar ‘PB’ no campo estado e conferir as vagas, os locais ofertados e todos os pré-requisitos necessários.

Os candidatos devem estar atentos a algumas regras básicas como estar matriculado em qualquer instituição de ensino superior credenciada pelo Ministério da Educação (MEC) e, no caso de alunos do ensino médio, estar regularmente matriculado e ter frequência escolar em instituições credenciadas pelo MEC nos cursos de Técnico Eletrotécnica, Técnico em Eletrônica, Técnico em Eletromecânica e Técnico em Automação Industrial.

Para as vagas de estágio em nível superior, os cursos de interesse são Engenharia Elétrica, Engenharia de Produção, Administração, Engenharia Ambiental, Design Gráfico, Ciências Contábeis, Economia, Direito, Psicologia e Estatística.

Segundo a Energisa, o estagiário terá direito a vale transporte e uma bolsa de estágio “compatível com o mercado”, mas os valores dos benefícios não foram informados.

 

portalcorreio

 

 

Lojas Americanas inscreve para Programa de Estágio em Loja 2020 com vagas na Paraíba

A Lojas Americanas está inscrevendo para seu Programa de Estágio em Loja 2020, com vagas na Paraíba. Os selecionados participarão do programa de estágio durante um ano e assumir a gestão de uma de suas lojas ao fim do período de estágio.

As inscrições podem ser realizadas através do site até o dia 21 de fevereiro.

Podem se candidatar alunos dos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Economia, Engenharias, Marketing e Publicidade e Propaganda com previsão de formatura de julho a dezembro de 2020 e que possuam disponibilidade para estagiar por 30 horas semanais.

Os estudantes passarão pelas etapas de inscrição online, triagem curricular, vídeo entrevista, teste de perfil, entrevista com área de Gente e Gestão e, por fim, uma entrevista presencial com os futuros gestores.

Os selecionados terão a possibilidade de atuar em uma loja próxima à sua residência ou faculdade e contarão com salário compatível com o mercado e benefícios como seguro de vida, auxílio-alimentação, auxílio-transporte, além de descontos em cursos de instituições parceiras e compras em qualquer unidade da Lojas Americanas e nos sites Americanas.com, Submarino e Shoptime.

As vagas são para capitais e cidades do interior de diversos estados, como Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe, além do Distrito Federal.

Sobre a Lojas Americanas

A Lojas Americanas conta com diversos formatos de lojas (tradicional, express e, mais recentemente, conveniência – Local), além da plataforma digital (a B2W Digital, dona das marcas Americanas.com, Submarino, Shoptime e Sou Barato) e a Ame, fintech e plataforma mobile de negócios. Com presença em todos os estados brasileiros, as mais de 1580 lojas da companhia reúnem um sortimento de até 60 mil itens – distribuídos em 40 categorias como bombonière, perfumaria, eletrônicos, eletrodomésticos, brinquedos, vestuário, entre outras. Buscando otimizar a experiência de compra, as lojas físicas dispõem também de quiosques Americanas.com para uma oferta ainda maior de produtos e da +AQUI, plataforma que disponibiliza um mix de serviços e produtos financeiros como cartão de crédito, empréstimo pessoal, vales presente, seguros e cartões de conteúdo.

 

clickpb

 

 

Projeto de Lei de autoria do vereador Júnior Melo autoriza prefeitura de Solânea a contratar estudantes para estágio

O vereador Júnior Melo comemorou nesta terça-feira (03) a aprovação do Projeto de Lei que dispõe de vagas para estágios de jovens estudantes na Prefeitura Municipal de Solânea. Apresentado pelo parlamentar, a proposta foi aprovada por unanimidade e será encaminhada para o Poder Executivo.

Para Júnior Melo, a falta de experiência de trabalho tem sido um grande entrave na vida profissional de muitos jovens. “Acredito que essa será uma grande oportunidade para que os jovens estudantes solanenses adquiram experiência profissional, algo que é exigido sempre nas empresas privadas, o que dificulta o ingresso dos jovens no mercado de trabalho”, comentou o parlamentar.

O projeto será encaminhado para sanção do prefeito. O parlamentar esperar que o Projeto de Lei seja implementado o mais rápido possível para dar oportunidade aos jovens e os qualificar para o mercado de trabalho.

 

Projeto de Lei

 

Redação FN

 

 

Vereador de Solânea apresenta projeto que abre vaga para estágio nas repartições públicas

O vereador de Solânea, Júnior Melo (PMDB), apresentou um Projeto de Lei que requer a abertura de vagas para estágio nas repartições públicas do município. De acordo com o parlamentar, essa seria uma forma de proporcionar mais oportunidades aos jovens que buscar iniciar uma vida profissional em várias áreas.

De acordo com proposta, serão disponibilizadas duas modalidades de bolsas: uma no valor de R$ 400,00 para estudantes de educação especial e de anos finais de ensino fundamental, na modalidade profissional de educação de jovens e adultos com carga horária semanal de 20 horas, e a outra no valor de R$ 600,00 para estudantes de ensino superior, de educação profissional de nível médio e de ensino médio regular, pela carga horária semanal de trinta horas.

“O nosso país passa por uma grave crise econômica, onde disparam os índices de desemprego chegando no primeiro trimestre desse ano a 14,2 milhões de pessoas desempregadas no Brasil. Assim, faz-se necessário que o poder público busque e promova alternativas para propiciar aos jovens iniciantes e com baixa renda familiar, uma preparação de qualidade para adquirir os conhecimentos necessários para iniciar uma carreira profissional”, justificou o vereador Juninho.

Na proposta, fica estabelecido que só podem ser beneficiados com as vagas de estágio os jovens que estejam frequentando o ensino regular em instituições de educação superior, de educação profissional, de ensino médio e da educação especial, na modalidade profissional de educação de jovens e adultos.

O projeto prevê, ainda, que onde o ingresso desses estagiários será feito por meio de processo seletivo público. O limite de vagas será equivalente a 5% do número de servidores ativos no município, sendo 10% das vagas para pessoas portadoras de deficiência.

“A carreira profissional dos nossos jovens, além do comprometimento pessoal, depende deste incentivo do poder público, no oferecimento de uma qualificação adequada, que fará o diferencial quando atuarem nas mais diversas atividades, contribuindo significativamente com a sua entrada e permanência no mercado de trabalho, além de fortalecer o crescimento do setor, combatendo o desemprego e distribuindo renda às famílias dos qualificados”, ressaltou Juninho.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Corretor é preso suspeito de estuprar adolescente em entrevista de estágio

sireneUm corretor de imóveis foi preso suspeito de estuprar uma adolescente, em João Pessoa. Para cometer o crime, ele teria ofertado uma vaga de estágio em seu escritório imobiliário e, assim, atraído a menina. O prisão aconteceu na sexta-feira (3).

Segundo as investigações da Polícia Civil, o corretor dopou a candidata ao estágio oferecendo suco, quando ela estava em seu escritório, localizado no bairro de Quadramares. Depois disso, em estado de inconsciência, a jovem foi violentada.

A ação, da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) da Zona Sul de João Pessoa, aconteceu em cumprimento a mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável.

O suspeito foi submetido a exame de corpo de delito e encaminhado à carceragem da Central de Polícia Civil, onde permanece à disposição do Poder Judiciário para audiência de custódia.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Mito ou verdade? Bebidas alcoólicas aceleram estágio de hipotermia

 

bebida-alcoolicaAo contrário do que muita gente pensa, o consumo de bebidas alcoólicas não ajuda a aquecer o organismo no inverno. Muito pelo contrário! É, na verdade, um fator de risco ainda maior à saúde, capaz de acelerar o processo de hipotermia, de acordo com a clínica geral do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Ligia Brito.

A especialista esclarece que, ao ingerir vinho, vodca, uísque e destilados em geral, há apenas o aquecimento do estômago e intestino, ocasionando uma falsa sensação de aumento da temperatura corporal. “A bebida queima as membranas mais sensíveis nestes órgãos, o que ocasiona esta sensação. Se a pessoa estiver com estômago vazio, a queimação pode desencadear até mesmo uma gastrite aguda”, esclarece.

Segundo Ligia Brito, não há mistério: quanto maior teor alcoólico ingerido, mais acelerado fica o metabolismo, provocando a queda da temperatura do corpo. “O álcool faz com que os vasos sanguíneos se dilatem, provocando a queda da temperatura do corpo, o que contribui para o quadro de hipotermia”, complementa a médica.

Nesta situação, o organismo se “autodefende”, tirando sangue das extremidades para levar às áreas mais nobres do corpo, como coração e cérebro. “Por isso, as mãos e os pés são sempre as partes mais frias”, explica.

Em casos de hipotermia, alguns sinais chamam a atenção, como tremores, ritmo respiratório mais lento que o normal, perda da coordenação motora, confusão metal, sonolência, pele fria e pálida e sensação de cansaço. Em situações mais graves, o paciente está sujeito a ataque cardíaco e falência múltipla de órgãos.

A clínica geral lembra ainda que, em casos aparentes de hipotermia, é possível seguir alguns cuidados básicos. “A primeira medida é tentar aquecer a pessoa, retirando as roupas frias e molhadas e envolve-la com cobertores ou bolsas de água quente. Em casos graves, deve ser acionado o serviço de emergência para uma melhor detecção do quadro de saúde”, aconselha.

 

TREE COMUNICAÇÃO

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

OMS recomenda antirretrovirais para portadores de HIV em estágio inicial

remedio-contra-hivTodas as pessoas com HIV deveriam receber medicamentos antirretrovirais o mais rapidamente possível após o diagnóstico, o que significa que 37 milhões de pessoas no mundo inteiro precisariam estar em tratamento, disse a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta quarta-feira (30).

Ensaios clínicos recentes confirmaram que o uso precoce de medicamentos prolonga a vida das pessoas com o vírus da Aids e reduz o risco de transmissão da doença para parceiros, disse a OMS em um comunicado que estabelece um novo objetivo para seus 194 Estados membros.

Sob as diretrizes anteriores da OMS, que limitavam o tratamento às pessoas cuja contagem de células imunes tivesse caído abaixo de um determinado limiar, 28 milhões de pessoas eram consideradas elegíveis para a terapia antirretroviral.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Todas as pessoas em situação de risco “substancial” de contrair o HIV também devem receber a terapia preventiva, e não apenas os homens que fazem sexo com homens, disse a OMS.

“Todo mundo vivendo com HIV tem o direito a um tratamento que salva vidas. As novas diretrizes são um passo muito importante no sentido de garantir que todas as pessoas que vivem com HIV tenham acesso imediato a tratamento antirretroviral”, disse Michel Sidibe, diretor executivo da Unaids.

A medida levará a um aumento acentuado na demanda por medicamentos antirretrovirais que normalmente são dados como um coquetel de três drogas para evitar o risco de o vírus desenvolver resistência.

Os principais fornecedores de medicamentos para o HIV incluem a Gilead Sciences, a ViiV Healthcare, da qual a GlaxoSmithKline é acionista majoritária, e vários fabricantes indianos de medicamentos genéricos.

Antirretrovirais para tratar infecção pelo HIV  (Foto: AFP)
Antirretrovirais contra infecção por HIV (Foto: AFP)

 

G1

 

Google abre inscrições para programa de estágio; São 26 vagas

googleO Google, eleita a empresa dos sonhos dos jovens em pesquisa realizada pela consultoria Cia de Talentos e pela Nextview People, abre nesta segunda-feira as inscrições para seu programa de estágio. São 26 vagas para atuar no escritório da empresa em São Paulo em diversas áreas, como vendas, marketing e atendimento ao cliente. O programa tem duração de seis meses, com chance de efetivação.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Podem participar estudantes que se formam em dezembro de 2015, com exceção de áreas de saúde, como medicina e enfermagem. As entrevistas serão feitas por meio de videoconferência – ou seja, estudantes de outros estados não precisarão se deslocar para São Paulo durante o processo seletivo.

Os candidatos passarão por testes online e entrevistas pela internet com a Cia de Talentos e funcionários do Google. Os escolhidos integrarão o time no segundo semestre de 2015.

As inscrições podem ser feitas até o dia 15 de fevereiro pelo site do Google.

180 Graus

ONU elogia novo passo do Brasil no tratamento da Aids independente do estágio

aidsO Brasil mantém o pioneirismo na luta contra a Aids ao anunciar que oferecerá tratamento a todos os portadores do vírus HIV, independentemente do estágio da doença, segundo o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (Unaids).

 

Soropositivos passarão a receber medicamentos antirretrovirais assim que a doença tiver sido diagnosticada.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Até agora, o país vinha oferecendo tratamento antirretroviral pela sua rede pública apenas quando a contagem das células de defesa (CD4) do paciente caía para abaixo do patamar de 500 células por milímetro cúbico de sangue.

 

Em junho, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomendou que os países oferecessem tratamento a pacientes com Aids a partir do momento em que o sistema imunológico apresentasse este patamar.

 

O Brasil já vinha oferecendo tratamento neste nível desde agosto do ano passado.

 

‘Liderança’

Mas agora, com o anúncio do Ministério da Saúde, o Brasil passa a ser o primeiro país em desenvolvimento a oferecer terapia com retrovirais a todos os pacientes assim que a doença for diagnosticada.

 

Na prática, o Brasil será o terceiro país do mundo a deixar de condicionar o tratamento gratuito ao número de células de defesa do paciente.

 

Programas semelhantes de tratamento independentemente do estágio da doença existem também na França e nos Estados Unidos, segundo o Unaids.

 

“O Brasil vai além da recomendação atual da Organização Mundial da Saúde”, disse à BBC Brasil Georgiana Braga-Orillard, coordenadora do Unaids, no Brasil. “Novamente o Brasil prova sua liderança na luta contra a Aids”, diz ela.

 

“Muitas pessoas fazem o teste, são diagnosticadas soropositivas e não voltam para fazer o tratamento. Quando retornam à rede de saúde, já estão com o número de CD4 muito baixo e começam o tratamento muito tarde. Isso deixa sequelas”, diz Braga-Orillard.

 

“O tratamento antirretroviral em um estágio mais precoce da doença permite que as pessoas vivam por mais tempo e em melhor saúde, e reduz substancialmente os riscos de transmissão do vírus”, afirma a OMS.

 

“Estudos demonstraram que o tratamento antirretroviral precoce pode reduzir o risco de transmissão do vírus em 96%” afirma o Unaids.

Protocolo

De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 100 mil pessoas deverão ser beneficiadas com a expansão da oferta de tratamento. Atualmente, 313 mil recebem remédios.

 

Em outubro, o governo brasileiro submeteu a consulta pública o protocolo clínico que prevê o tratamento Aids logo após o diagnóstico da doença, qualquer que seja o nível de células de defesa do organismo.

 

Os detalhes do protocolo clínico serão concluídos até o final do ano, mas o Ministério da Saúde já anunciou que o tratamento precoce será oferecido em qualquer nível da doença.

 

Segundo a coordenadora do Unaids, ainda não é possível estimar o custo da ampliação do programa de tratamento da Aids no Brasil. Atualmente, R$ 770 milhões são destinados aos medicamentos contra a Aids, do total de R$ 1,2 bilhão do orçamento para lutar contra a doença.

 

Existem no Brasil, segundo estimativas do Unaids e do ministério da Saúde, entre 490 mil e 530 mil pessoas infectadas pelo vírus HIV, sendo que cerca de 135 mil delas não sabem que têm a doença ou nunca fizeram o teste.

 

Por ano, é registrada uma média de 36 mil novos casos, sendo que praticamente a metade deles se refere a homens jovens homossexuais.

 

De acordo com o ministério da Saúde, a taxa de prevalência de portadores de HIV no Brasil é de 0,4% da população geral. Entre os homens homossexuais, esse número sobe para 10,5%.

 

A taxa de prevalência chega a 15% da população geral no caso de jovens homossexuais com idade entre 15 e 27 anos no Estado de São Paulo.

 

O novo protocolo clínico anunciado pelo Brasil também prevê simplificar o coquetel de triterapia com um “medicamento três em um”. O tratamento em um único comprimido, que já existe na França, deverá estar disponível no Brasil em 2014.

BBC Brasil

Aluno de direito terá que fazer estágio obrigatório em órgão público

EstágioAlunos de direito deverão fazer estágio em órgãos públicos antes de concluírem o curso. Hoje, a experiência prática não é obrigatória no currículo da graduação. A mudança foi anunciada nessa quinta-feira pelo ministro Aloizio Mercadante (Educação).

“Esse estágio no campo de prática vai melhorar muito o processo de formação dos estudantes, e eles vão chegar mais preparados ao final do curso. É esse o caminho que estamos construindo, é uma das mudanças”, afirmou o ministro nesta quarta-feira após cerimônia no Palácio do Planalto.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

MEC e OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) discutem mudanças no processo de abertura de novos cursos de direito e no currículo dos graduandos. No mês passado, Mercadante e o secretário de Regulação e Supervisão da pasta, Jorge Messias, discutiram o assunto com o presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado.

“Nós precisamos ter mais critérios para expansão dos cursos de direito e uma das exigências que nós vamos fazer, entre outras, é o estágio obrigatório. (…) O Brasil tem quase 850 mil advogados e esse é o pior caminho: alguém estudar, pagar faculdade e depois não ter direito de exercer a profissão plenamente”, disse o ministro em referência ao alto número de reprovados no exame da Ordem.

Reportagem da Folha publicada mês passado mostrou que o MEC quer ainda mudar as regras de abertura de faculdade de direito para direcionar novos cursos a localidades onde ainda há capacidade de absorção de profissionais da área. Para isso, serão considerados fatores como quantidade de fóruns, escritórios de advocacia e promotorias numa determinada cidade do país.

Fonte: Folha.com