Arquivo da tag: Estado

Três mananciais enchem com chuvas acima da média, mas maioria ainda tem situação crítica no Estado

As chuvas de março, abril e junho foram mais intensas esse ano em relação a anos anteriores, portanto, estamos tendo um inverno um pouco melhor que o período chuvoso dos últimos cinco anos. No Litoral e Agreste, regiões polarizadas por João Pessoa e Campina Grande, as chuvas têm sido acima da média história.

Mas, como se vê no mapa da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), dos principais reservatórios do Estado, os mais volumosos, apenas três estão cheios . O mapa da Aesa  mostra que nos demais mananciais o volume de água ainda é crítico, sobretudo no  Cariri, Curimataú e Sertão, apesar de registros de chuvas nessas regiões.

Os 123 açudes monitorados pela Aesa têm capacidade de acumular 3,7 bilhões de metros cúbicos d’água mas a Paraíba hoje dispõe apenas de algo em torno de 600 milhões de metros cúbicos d’água. Com a seca prolongada de cinco anos vai ser preciso alguns bons invernos para que os mananciais recuperem seus volumes e a Paraíba possa ter de novo segurança hídrica.

De acordo com o presidente da Aesa, João Fernandes, o percentual atual do volume total nos 123 açudes é de apenas 14% dos 3,7 bilhões de metros cúbicos. No Conde, a barragem Gramame-Mamuaba, com capacidade de 56,9 milhões de metros cúbicos, está com 100% de sua capacidade. Está chovendo apenas no Agreste, Brejo e Litoral. Parou de chover no Sertão,  Cariri e Curimataú. A situação continua crítica na maioria dos açudes,  disse essa semana o presidente da Aesa.

O fato novo é que as águas da transposição do Rio São Francisco começam a garantir reforço no abastecimento de algumas regiões e num futuro próximo, o canal Acauã-Araçagi, em construção pelos governos estadual e federal vai distribuir  melhor essas águas do velho Chico a partir da barragem Acauã numa extensão de 112,4 quilômetros desaguando no Brejo paraibano. Água não só para beber mas para irrigar 16 mil de hectares. Essa obra histórica, a maior obra hídrica da Paraíba e uma das maiores do Nordeste, transformará diretamente a economia de 38 municípios com benefícios para 590 mil paraibanos. Estão sendo investidos R$ 1,1 bilhão.

Agenda Paraíba 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Estado critica Judiciário e diz que tomará providências após mortes no Lar do Garoto

O governo da Paraíba, através da Secretaria de Estado da Comunicação Institucional, e o Tribunal de Justiça da Paraíba, por meio do presidente da Corte, desembargador Joás de Brito Pereira Filho, emitiram notas oficiais lamentando a morte de sete internos em uma rebelião no Centro Socioeducativo Lar do Garoto Padre Otávio Santos, em Lagoa Seca, na Região Metropolitana de Campina Grande, a 129 km de João Pessoa, nesse sábado (3). Nos textos, nos quais as entidades se solidarizam com as famílias das vítimas, há discordâncias de opiniões quanto à gestão de instituições como a que sediou o motim.

Em trecho da nota do TJPB, Joás de Brito diz que “a responsabilidade pela administração de tais unidades é do Poder Executivo e que o problema da superlotação pode ser resolvido com a construção de novas unidades para cumprimento de medida socioeducativa de internação, nomeação e capacitação de servidores”.

O governo do Estado, por sua vez, ao informar que “tomará todas as providências cabíveis para apuração exata de todo o fato e, consequentemente, punição, no âmbito administrativo, dos responsáveis por eventuais omissões, negligências ou excessos”, complementou afirmando que “não admitirá que instituição alguma se revista do direito absoluto da verdade e possa apontar o dedo acusatório sem antes mesmo olhar-se no espelho”.

Em outra passagem, diz que “este é um problema que chama todas as instâncias de poder à responsabilidade, incluindo o Poder Judiciário, que tem a obrigação, por exemplo, de respeitar os prazos para liberação dos menores infratores com internações cumpridas, combatendo a superlotação nesta e em outras unidades”. A nota ressalta em seguida a existência de “dezenas de pedidos de liberação sem apreciação por parte do Judiciário” e “internos que já ultrapassaram o tempo legal de internação”.

Na manhã deste domingo (4), a assessoria de imprensa da Fundação Estadual da Criança e do Adolescente da Paraíba (Fundac) relatou que foi levantada a hipótese de rixa entre facções criminosas como motivo da rebelião e que, durante a ação, seis internos morreram queimados e um faleceu em virtude de agressões sofridas. Dois feridos foram socorridos para o Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, mas não correm risco de morte.

Após o motim ser controlado ainda na madrugada desse sábado, os internos envolvidos foram encaminhados para a Central de Polícia Civil de Campina Grande. Foi aberto um inquérito policial e administrativo para apurar o caso.

Dezesseis internos conseguiram fugir da unidade. Desses, apenas um havia sido recapturado até o fechamento desta matéria.

Confira abaixo as notas oficiais na íntegra:

PODER JUDICIÁRIO
 
TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA
 
NOTA


O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA vem a público lamentar o ocorrido na unidade de cumprimento de medida socioeducativa LAR DO GAROTO PADRE OTÁVIO SANTOS, situado na cidade de Campina Grande e se solidarizar com os familiares das vítimas adolescentes que faleceram em decorrência da rebelião naquele estabelecimento na madrugada deste sábado, dia 03 de maio, ao tempo em que reconhece o trabalho operoso do Juiz de Direito titular da Vara Privativa da Infância e da Juventude de Campina Grande, Dr. ALGACYR RODRIGUES NEGROMONTE, que tem envidado esforços para fazer cumprir a Lei nº 12.594/2012, que instituiu o Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo – SINASE e enfatizar que a responsabilidade pela administração de tais Unidades é do Poder Executivo, e que o problema da superlotação pode ser resolvido com a construção de novas unidades para cumprimento de medida socioeducativa de internação, nomeação e capacitação de servidores.

Desembargador JOÁS DE BRITO PEREIRA FILHO
 
Presidente

Secretaria de Estado da Comunicação Institucional

NOTA


O Governo do Estado da Paraíba vem a público lamentar o ocorrido na unidade Lar do Garoto, neste sábado (3), e informar que tomará todas as providências cabíveis para apuração exata de todo o fato e, consequentemente, punição, no âmbito administrativo, dos responsáveis por eventuais omissões, negligências ou excessos. No entanto, não admitirá que instituição alguma se revista do direito absoluto da verdade e possa apontar o dedo acusatório sem antes mesmo olhar-se no espelho.

Este é um problema que chama todas as instâncias de poder à responsabilidade, incluindo o Poder Judiciário, que tem a obrigação, por exemplo, de respeitar os prazos para liberação dos menores infratores com internações cumpridas, combatendo a superlotação nesta e em outras unidades.

A Unidade Lar do Garoto oferece aulas, atividades ocupacionais e profissionalizantes (pastelaria, confeitaria, confecção de sapatos, bombeiro hidráulico), inclusive em parceria com o Ministério Público do Trabalho. Existem, no entanto, dezenas de pedidos de liberação sem apreciação por parte do Judiciário. E internos que já ultrapassaram o tempo legal de internação.

Mesmo assim, o Estado não foge às suas responsabilidades e não busca, na tentativa de esconder as próprias carências, transferir exclusivamente para um ou outro poder ou segmento as causas de um problema que é bem mais complexo. A questão da vulnerabilidade dos jovens é um problema que demanda esforços de todos os entes federados, desde a União, com uma política nacional sólida, até, e principalmente, aos municípios, que deveriam contribuir com uma política profunda nos campos da educação, esporte, cultura e lazer.

Este, por sua vez, é um governo que já entregou e está construindo escolas técnicas estaduais profissionalizantes; que já entregou mais de 2.500 novas salas de aulas, muitas delas em escolas cidadãs integrais; que construiu centros de convivência coletiva como o Parque Bodocongó, em Campina Grande, além de centros esportivos como a Vila Olímpica, em João Pessoa; que forma centenas de crianças e adolescentes no Programa de Inclusão Através da Músicas e Artes (PRIMA); que já enviou adolescentes das escolas públicas para intercâmbio no Canadá, entre tantos outros programas e ações, e que foi o único estado do Brasil a reduzir por cinco anos seguidos o índice de homicídios.

Por fim, longe do debate reducionista que venha a ser apresentado, o governo se solidariza com as famílias das vítimas da rebelião causada após contenção de fuga na unidade e reafirma seu compromisso em continuar lutando pela garantia de oportunidades para nossas crianças e jovens. Com clareza e coragem. E sem hipocrisia.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Governo do Estado oficializa promoção de mais de 20 militares na Paraíba

(Foto: Walla Santos)

A edição desta quarta-feira (17) do Diário Oficial do Estado da Paraíba trouxe a promoção de 22 militares integrantes dos quadros da Polícia e dos Bombeiros. Os atos foram assinados pelo governador Ricardo Coutinho.

Pelo critério de antiguidade foram concedidas 15 promoções enquanto que por merecimento foram sete os promovidos, que mudaram de posto.

Por antiguidade receberam a promoção:

BRUNA CARNEIRO DE BARROS PINHEIRO – 1ª Tenente

NEIDE PESSOA DE ARAÚJO – Major

ZALMIR REICHERT FILHO – Major

SÉRGIO DE OLIVEIRA LUCENA – Capitão

ROSSANA DE LOURDES MELO PEREIRA DO VALE – Capitão

FRANCISCO MARCELO BRAGA DE CARVALHO – Capitão

ELSON JANES DOS SANTOS RIBAS – Major

CARLOS EDUARDO CORREIA DE MELO – Capitão

MÔNICA ARAÚJO BARROS FERREIRA – Capitão

CAMILA SILVA ALVES – Capitão

MARX CAHUÊ BATISTA DA SILVA – Capitão

RAONY DE MELO FRANÇA – Capitão

DAVI FERREIRA SILVA – Capitão

VLADIMIR FERREIRA DO NASCIMENTO – Capitão

JACKSON PEREIRA DE OLIVEIRA – 1º Tenente

Por merecimento receberam a promoção:

JOSÉLITON DE SOUZA OLIVEIRA – Coronel

JURANDY PEREIRA MONTEIRO – Tenente Coronel

ANTÔNIO GUEDES NETO – Tenente Coronel

GERALDO MARQUES DOS PRAZERES JÚNIOR – Major

JOSÉ ALBERTO SOBRAL DE ANDRADE FILHO – Major

JOSÉ ALEXANDRE MOREIRA LIMA – Tenente Coronel

PÉRICLES JOSÉ CARVALHO DE OLIVEIRA – Major

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

TCE-PB reprova contas de ex-prefeito da cidade de Arara

O Tribunal de Contas da Paraíba, reunido nesta quarta-feira (03), emitiu parecer contrário à aprovação das contas de 2013 do prefeito de Cruz do Espírito Santo, Pedro Gomes Pereira, em razão, sobretudo, de despesas sem licitação, déficit financeiro e dívidas com o sistema previdenciário. Mas ele ainda pode recorrer da decisão tomada conforme voto do conselheiro Fernando Catão, relator do processo.

Déficit financeiro, não recolhimento de contribuições previdenciárias, aplicações insuficientes em educação e despesas em duplicidade contribuíram para a desaprovação, também, das contas de 2014 do ex-prefeito de Arara, Eraldo Fernandes Azevedo, a quem foi imposto débito superior a R$ a 5,9 mil, como entendeu o relator Oscar Mamede Santiago Melo. Cabe recurso.

O TCE aprovou as contas do prefeito de Catolé do Rocha (Leomar Benício Maia, 2014) e do ex-prefeito de Alagoa Grande (Hildon Régis Navarro Filho, 2014),

CÃMARAS – O ex-presidente da Câmara de Vereadores de Mato Grosso, Francisco Izaias de Lima Neto, teve as contas de 2014 reprovadas pelo TCE que a ele concedeu o prazo de 60 dias para restituição de R$ 176.702,00 aos cofres públicos municipais, em decorrência de despesas irregulares ordenadas no transcurso do exercício, conforme entendimento do relator Fábio Nogueira. O Tribunal ainda aplicou ao contador da mesma Câmara, Francisco Pereira da Rocha (contra quem vai encaminhar representação ao Conselho Regional de Contabilidade), multa de R$ 9.336,00. Cabe recurso.

Tiveram as contas de 2015 aprovadas as Câmaras Municipais de Vieirópolis, Brejo dos Santos, Desterro, Cubati e Joca Claudino. Ainda houve aprovação às contas de 2015 oriundas da Fundação do Bem Estar do Menor Alice de Almeida.

O pronto restabelecimento do conselheiro Arthur Cunha Lima e seu retorno às atividades após afastamento para tratamento de saúde foram acontecimentos saudados por seus pares, pela procuradora geral Sheyla Barreto Braga de Queiroz e por advogados presentes à sessão desta quarta-feira.  Ao responder a essas manifestações, o conselheiro Arthur também agradeceu ao substituto Oscar Mamede Santiago Melo, para quem houve a redistribuição dos processos que tinha, originariamente, sob relatoria. “Vossa Excelência acumulou as próprias funções e as minhas. Meu gabinete é só elogios ao senhor”, disse ele ao amigo.

Conduzida pelo vice-presidente Arnóbio Viana, a sessão plenária teve as participações dos conselheiros Nominando Diniz, Fábio Nogueira, Fernando Catão, Arthur Cunha Lima e Marcos Costa. Também, dos conselheiros substitutos Antonio Gomes Vieira Filho, Antonio Cláudio Silva Santos, Oscar Mamede e Renato Sérgio Santiago Melo. O Ministério Público esteve representado pela procuradora geral Sheyla Barreto Braga de Queiroz.

 

Ascom/TCE-PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Renata Banhara é internada em estado grave em São Paulo

(Foto: Reprodução/Instagram de Thiago Rocha)
(Foto: Reprodução/Instagram de Thiago Rocha)

A modelo Renata Banhara está internada em estado grave no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. A informação foi confirmada na tarde desta segunda-feira, 10, ao EGO pela assessoria do hospital.

Procurada pela reportagem, Roneia Forte, que assessora Renata Banhara, revelou que a modelo está internada desde quarta-feira, 5.

“Ela está com uma infecção grave no cérebro. Ela tinha um dente que não se manifestou, ficou alojado. Como o dente é poroso, a bactéria entrou e ficou no osso do rosto e foi para o cérebro. Isso rendeu uma grande sinusite, que também é uma bactéria. Essa junção de bactérias acabou indo para o cérebro. Ela está na CTI com médicos excelentes e não pode receber visitas”, disse.

Também ao EGO, o irmão de Renata, Túlio Alano, contou que ela está sedada e o marido e o filho da modelo estão muito abalados para dar qualquer declaração.

Antes da sedação, Renata Banhara chegou a enviar um vídeo para o jornalista e amigo Thiago Rocha explicando um pouco a sua situação médica. “Fiz canal há seis anos, e esse dente meu fechou, tudo lindo, maravilhoso, sem problema. Esse dente fez um polo de infecção. Só que ele não deu febre, ela não deu pouso, ele não infeccionou. Ele fez uma infecção sigilosa”, explicou.

Em seguida, no vídeo, ela aponta para a parte superior da arcada dentária e continua: “São leves esses ossos da cabeça. A bactéria foi para os ossos, fez uma sinusite e essa sinusite criou outras bactérias. Mas a sinusite também não me deixou com febre, não saiu secreção, não fez nada, tudo silencioso”.

Então, a modelo dialoga com o amigo Thiago Rocha. “Quando você veio para São Paulo, eu já estava com muita dor. Desde novembro, dezembro estou com muita dor na cabeça”, afirma, apontando para os lugares mais a incomodam. O vídeo é finalizado de maneira abrupta, antes que a modelo explique o problema: “E eu tomava remedinhos normais, aí o médico descobriu…”.

Renata Banhara (Foto: Renato Cipriano / Divulgação)Renata Banhara (Foto: Renato Cipriano / Divulgação)
EGO

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Governo do Estado decreta emergência em 196 cidades afetadas pela estiagem

secaO governador do Estado, Ricardo Coutinho (PSB), decretou situação de emergência em 196 municípios paraibanos por seis meses. De acordo com a portaria publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (05), a medida foi por conta da estiagem.

Entre as cidades citadas pelo Governo estão: Campina Grande, Patos, Cajazeiras, Sousa, São Bento, Pombal, Areia e Guarabira.

Clique aqui e confira a lista completa.

Pelo decreto, o Governo fica autorizado a abrir Crédito Extraordinário para combater a escassez, além de poder convocar voluntários para reforçar as ações causadas pela estiagem.

Por conta da situação de emergência, ficam dispensados da necessidade de licitação os contratos de aquisição de bens e serviços necessários, locação de máquinas e equipamentos, prestação de serviços e de obras. O decreto entrou em vigor a partir da data de publicação.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Menina fica em estado grave após prender cabelo em ralo de piscina e se afogar

piscinaUm menina de 12 anos ficou em estado grave após ficar com o cabelo preso no ralo de uma piscina e acabar se afogando, na Zona Rural de Lagoa Seca, no Agreste da Paraíba, a 129 km de João Pessoa, nesse sábado (1º). Ela foi resgatada por familiares após ficar mais de 15 minutos submersa.

O avô da criança percebeu que ela estava presa, mergulhou na piscina e a soltou da sucção do ralo cortando o cabelo dela com uma faca. Após os primeiros socorros ainda no local do acidente, a garota foi socorrida para uma Unidade de Pronto Atendimento e, em seguida, transferida para a Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica do Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, onde seguia internada em coma induzido até o fechamento desta matéria. Na noite desta segunda-feira (3), a assessoria de imprensa da instituição de saúde confirmou que o quadro clínico da menina é grave, mas estável.

“O que preocupa realmente são as lesões neurológicas pelo tempo que ela passou debaixo d’água. Quando o avô veio notar, ela já estava completamente em parada cardiorrespiratória, foi reanimada e aqui a gente prosseguiu com o tratamento, dando toda a assistência que ela precisa”, disse a pediatra Noadja Andrade Cardoso.

O Corpo de Bombeiros orienta para os cuidados nesses casos e diz que na instalação de piscinas o sistema de ralo deve ser do tipo anti-sucção e que também seja feita aquisição de equipamentos que desliguem a motobomba em situações em que o sistema seja obstruído.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Paraíba é o estado com maior número de cidades sem água em todo o Brasil

secaEm 2017, em todo o Brasil, já são 872 as cidades com reconhecimento federal de situação de emergência causada por um longo período de estiagem. A região mais afetada é a do Nordeste e o estado da Paraíba é o que concentra maior número de municípios, com 198 que comunicaram o problema à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec). Número corresponde a quase 90% dos 223 municípios do estado.

O professor Sérgio Koide, do Departamento de Engenharia Civil e Ambiental da Universidade de Brasília (UnB), explica que o que deflagra o processo da crise hídrica é o clima, mas a falta de planejamento faz com que a margem de segurança entre a oferta e a demanda seja muito pequena. “Com um bom planejamento e com investimentos, você consegue fazer uma gestão mesmo em situações de certa escassez de recursos”, explica. Para ele, o risco de insuficiência de água para o abastecimento ocorre quando o planejamento não é cumprido, na medida que a oferta vai se aproximando da demanda. “Neste caso, é preciso fazer um novo planejamento, com antecedência, e adotar as medidas necessárias, como investimentos em obras, para evitar a falta de abastecimento.”

O engenheiro explica que, no Distrito Federal, por exemplo, a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) sabia desde o ano 2000 que “a partir de 2005 a demanda se aproximaria perigosamente da oferta”. “De maneira geral, as pessoas que trabalham com o planejamento conseguem antever quando vai começar a zona de risco, mas como o planejamento é longo prazo e os investimentos são altos, nem sempre eles são cumpridos.”

Agência Brasil

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Número de mortes por doenças relacionadas ao fumo cai na PB, mas Estado ainda tem 453 mil dependentes

cigarroEstimativas do Instituto Nacional do Câncer revelam que a Paraíba possui atualmente 453 mil fumantes (o que corresponde a 11,5% da população). O quadro do Inca mostra que as ações e alertas de combate ao fumo promovidas pela Secretaria Estadual de Saúde estão tendo resultados positivos na Paraíba.

Em 2014, em todo o Estado, 426 pessoas morreram vítimas de cânceres relacionados ao fumo. Em 2016, este número caiu para 359. Segundo a chefe do Núcleo de Doenças e Agravos não Transmissíveis da SES-PB, Gerlane Carvalho, a intenção de alertar a população contra os males do fumo desde que foi instituído o Dia Estadual de Combate ao Fumo é levar informação para a população, visando uma melhor qualidade de vida e proporcionando ambientes livres do cigarro.

“Todos os anos, nesta data, nosso papel é orientar os fumantes, mostrando que existem maneiras de parar de fumar, oferecendo inclusive apoio psicológico”, disse Gerlane, alertando que todo fumante num futuro próximo terá a diminuição de sua capacidade respiratória, porque o cigarro figura como potencializador de doenças crônicas.

“Mas nossa missão é motivar os fumantes para que eles procurem ajuda profissional para que deixem o vício e tenham vida saudável”. O diagramador Evandro Oliveira da Silva, 65 anos, esteve no Tambiá Shopping para fazer avaliação e confessou que fumou durante 30 anos e disse que há dez anos não acende um cigarro porque começou a se sentir incomodado com uma dor nos rins e também porque sua pressão começou a ficar alterada. “Depois de todos esses problemas fui ao médico e diante dos alertas, decidi parar de fumar em definitivo. Nunca mais volto a fumar”, disse Evandro.

Tratamento – Na Paraíba, o paciente pode ser atendido na Unidade Básica de Saúde (UBS) do seu município e, posteriormente, encaminhado ao serviço adequado para sua necessidade. Em todo o estado existem atualmente 37 Centros de Referência para Tratamento dos Fumantes, onde se pode buscar apoio para se livrar do vício em nicotina.

O serviço é oferecido em Unidades de Saúde da Família, em Centros de Atenção Psicossocial (Caps), Centros de Atenção Integral à Saúde (Cais), Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf) e Centros de Saúde. Em alguns casos, os pacientes em tratamento abandonam o cigarro com menos de um mês de acompanhamento.

pbagora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Ex-vice prefeita de Belém é nomeada para cargo no governo do Estado

betaniaA ex-vice prefeita de Belém Betânia Barros (PC do B), foi nomeada para o cargo de Chefe de Ação Pedagógica na Gerencia de Educação em Guarabira.
Betânia é militante do PC do B em Belém partido aliado ao Governador Ricardo Coutinho, já foi vereadora e vice prefeita na gestão do ex-prefeito Edgar Gama até final do ano passado, foi candidata a vereadora em 2016, mas não conseguiu vencer.
A indicação para o cargo foi do ex-secretario de estado Célio Alves, que mesmo tendo saído do governo por conta de um “escândalo” envolvendo uma menor, mas nos bastidores Célio continua com força dentro do governo na região.
blogdofelipesilva

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br