Arquivo da tag: especulações

Maranhão evita especulações sobre 2018, mas lembra que foi o senador mais votado na última eleição

maranhaoO senador José Maranhão (PMDB) foi o senador mais votado na última eleição geral, em 2014, e fez questão de ressaltar o feito ao ser questionado na solenidade de posse do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), no último domingo, sobre a possibilidade de encabeçar a chapa das oposições em 2018.

“Seria da minha parte uma incoerência se agora eu respondesse ‘sim’, porque eu tenho dito sistematicamente que não sou candidato a governador. É claro que eu fui candidato a senador contra todos os partidos e Deus me ungiu com a sua bondade me fazendo o mais votado”, disse o peemedebista.

Mesmo evitando especulações, Maranhão ressaltou que, sozinho, venceu o candidato de Cássio (PSD), Wilson Santiago (PTB) – “que era o preferido em todas as pesquisas”, ressaltou o peemedebista – e o candidato do governador Ricardo Coutinho (PSB) e irmão do prefeito Luciano Cartaxo, Lucélio Cartaxo (PSD), que na época era filiado ao PT.

O peemedebista também reforçou que o estado precisa da união de todas as forças políticas e que o lançamento prematuro de qualquer candidatura poderia atrapalhar a formação da chapa. “Eu sou um homem desprovido de ambições, de obstinações. Acho que a Paraíba precisa da união de todas as forças políticas porque nós estamos vivendo um momento de muita dificuldade e evidentemente qualquer lançamento prematuro de candidatura ao invés de contribuir poderia ter o efeito contrário”, disse.

blogdogordinho

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Eleições 2016: Especulações sobre provável composição da chapa de oposição agitam a cidade de Remígio

2016Como não podia ser diferente, o assunto do momento na cidade são as articulações políticas para as eleições do próximo ano. Além dos comentários a cerca dos inúmeros pré candidatos a vereador outro assunto que toma conta da cidade é a composição das chapas majoritárias. E segundo o que se comenta em toda a cidade é que a chapa de oposição ao atual prefeito Melchior Batista, será encabeçada pela ex primeira dama do município de Remígio, Katalina Régis (Esposa do ex-prefeito Cláudio Régis) e o atual presidente da câmara de vereadores, Dr João Barbosa, será o candidato a vice.

O que deixa todos curiosos é o fato de Dr João Barbosa ser o presidente do diretório municipal do PSB, mesmo partido do prefeito Melchior Batista. O que isso significa e o que vai acontecer só saberemos nas cenas dos próximos capítulos.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Mesmo ainda distante do pleito eleitoral de 2016, as articulações políticas em Remígio seguem a todo vapor.

 

remigionews

Apesar das especulações nas redes sociais, PRF não confirma movimento de caminhoneiros na PB

prfApesar das especulações nas redes sociais durante a manhã desta quarta-feira (25), a Polícia Rodoviária Federal, na  Paraíba,  não confirmou a realização de um protesto que estava sendo organizado pelos caminhoneiros. O movimento, que acontece em todo o Brasil, estava marcado para acontecer  no final da tarde de hoje,  na BR-101 em frente ao posto combustível  Pichilau, no bairro Costa e Silva.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O protesto de caminhoneiros bloqueou rodovias de ao menos sete estados em todo o país: GO, MG, MS, MT, PR, RS e SC. Os profissionais reclamam, principalmente, do alto preço do combustível e dos baixos valores dos fretes.

Na manhã desta quarta-feira, o Governo Federal instalou uma mesa de negociações e diálogos com representantes dos caminhoneiros e das transportadoras. O objetivo é tentar resolver os problemas decorrentes das manifestações que já bloqueiam rodovias de nove estados brasileiros. A redução do preço do óleo diesel, no entanto, não está em pauta, conforme informou o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Miguel Rossetto.

De acordo com o ministro, o governo está atento, “acompanhando as manifestações dos caminhoneiros e mantendo diálogo permanente com as lideranças deles e dos empresários”.

Segundo Rossetto, a posição do governo é a de estímular uma negociação direta entre os lados, com o objetivo de respeitar as reivindicações, mas evitar a obstrução das estradas, “garantindo o abastecimento da populaçaão brasileira e evitando prejuízos à sociedade e à economia”.

Na manhã e tarde de terça-feira (24), o ministro se reuniu, no Palácio do Planalto, com os ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, além do Advogado-Geral da União, Luís Inácio Adams. Mas o “diálogo permanente”, conforme o ministro, já ocorre com caminhoneiros, lideranças empresariais e governos estaduais.

Na pauta do encontro desta quarta-feira, marcado para as 14h, estão o preço do frete, uma das principais reivindicações do movimento, a regulamentação da Lei dos Caminhoneiros, aprovada recentemente pelo Congresso Nacional, e a prorrogação dos financiamentos do Programa Procaminhoneiros.

Miguel Rossetto prometeu levar a posição do governo sobre os dois últimos pontos à reunião de amanhã. “Com essas medidas, esperamos voltar à normalidade e recuperar o ambiente positivo de diálogo e de solução de grande parte das pautas levantadas pelos caminhoneiros.”

Por mais de uma vez, o ministro disse que não faz parte da pauta do governo o preço dos combustíveis. “O tema central das lideranças é o valor do frete. Queremos que a solução para o preço, como ocorre no país, seja feita por meio de uma relação direta. Vamos estimular, coordenar e incentivar o diálogo entre o setor empresarial e os representantes dos caminhoneiros”, acrescentou.

 

Paulo Cosme\Redação