Arquivo da tag: emagrecer

Dicas para emagrecer com saúde

Emagrecer com saúde exige dedicação e esforço, mas é totalmente possível seguindo um estilo de vida adequado e saudável.

Todos querem ficar magros, porém as dietas normalmente são uma tortura para muitas pessoas, e o fato é que muitas vezes, essas dietas não trazem resultados duradouros.

Mas existe solução, preparamos dicas especiais e práticas para quem deseja emagrecer com saúde!

Emagrecer com saúde

1- Beba bastante água

Essa é uma dica muito falada, porém poucos dão importância para ela. Sim! BEBA MAIS ÁGUA. Água é vida! A água pode ser um grande aliado para emagrecer, pois ela acelera o metabolismo.

Se você se esforça para beber mais água de vez em quando, mas não dá continuidade a esse hábito, não terá os resultados e benefícios esperados.

Para um resultado eficaz existe um jeito certo para tomar água.

Beba de 1 a 2 copos de água 30 minutos antes de cada refeição, assim seus processos metabólicos terão um novo recomeço, e seu estômago terá uma sensação de saciedade, fazendo com que você coma menos durante as refeições.

Este processo de hidratação e saciedade, também vai ajudar impedido aquela vontade de comer doces e besteiras entre as refeições.

Portanto a água será uma grande aliada para quem deseja emagrecer e ainda está sempre hidratada.

2- Reduza o consumo de açúcar

Este ingrediente está presente na grande maioria dos alimentos industrializados e preparados também, porém ele não contribui em nada para nossa saúde, pelo contrário, estimular o acúmulo de gorduras ruins em nosso corpo.

Ao diminuir ou eliminar o consumo de açúcar, levará você a comprovar que os benefícios são muitos. Em pouco tempo será visível os benefícios, como por exemplo, ter uma pele mais bonita e radiante, prevenir o surgimento de cáries, assim como o controle da insulina no organismo.

Para cada colher de açúcar refinado, você estará ingerindo 20 calorias.

Além disso, liberando insulina, a desenvolvendo o acúmulo de gorduras.

Fique longe o mais que pude, você conseguirá em pouco tempo uma redução significativa no quesito emagrecer e além disso com saúde.

3- Tenha cuidado com as proibições

A grande dificuldade em seguir à risca as dietas são as proibições que ela exige em relação a alguns alimentos, o que torna muitas vezes a dieta impossivelmente ser cumprida.

É certo que é extremamente necessário diminuir o consumo de alguns alimentos do nosso cardápio, mas excluir completamente pode gerar uma reação traumática e na primeira oportunidade de estresse ou ansiedade, você poderá não só correr para esses alimentos “Proibidos”, mas exagerar no consumo deles, acarretando em uma ingestão maior e consequentemente mais prejudicial.

Portanto se tiver vontade de comer algo, coma, é claro que uma porção bem pequena, mas não deixe de comer afastando assim o fantasma das proibições.

4- Inclua chás em sua dieta

Muitas pessoas sofrem com retenção de líquidos, o que muito atrapalha para quem quer emagrecer.

Uma dica muito eficaz para resolver esse problema é o consumo de chás diuréticos, apesar de existirem medicamentos para esse processo diurético no corpo, o ideal é substituí-los por algo eficaz é natural os chás.

Várias ervas são diuréticos naturais e tomar o chá feito a partir delas além de oferecer suas propriedades, anda aumenta o seu consumo de líquidos, o que ao contrário do que se pode pensar ajudar a reduzir a retenção de líquidos.

Segue alguns chás recomendados para reduzir a retenção de líquidos:

Chá verde

Chá de folha de dente de leão

Chá de salsa

Chá de Hibisco

Chá Gengibre

Chá Branco

Chá Erva doce

Chá de Carqueja

5- Reduza o consumo de sal

Uma vida sem sal fica um pouco sem graça neh! Mas esse fator é muito importante para emagrecer saudavelmente.

O sódio é o principal ingrediente do sal, principalmente o sal refinado, além está presente em muitos alimentos, o que muitas vezes aumenta a retenção de líquidos, dificultando a perda de peso e trazendo grandes malefícios para saúde.

Além de reduzir o consumo do sal, é necessário trocar o sal branco pelo sal rosa do Himalaia que possui mais minerais do que os outros. O sal é muito importante para o nosso organismo, porém é necessário o uso moderado.

6- Consuma mais potássio

A ausência de potássio pode trazer grandes malefícios para a saúde, pois além de ser grande a importância desse mineral em nosso organismo para a saúde ele é um importante auxiliar para emagrecer.

Os alimentos ricos em potássio possuem grandes benefícios cada um com sua especialidade. A banana, por exemplo, é rica em potássio e magnésio, um alimento com grandes benefícios, e de fácil acesso, pode ser consumido de várias formas.

Incluir o potássio no cardápio não é difícil, pois alguns dos alimentos podem ser facilmente encontrados e incluídos na alimentação diária, como por exemplo:

Incluir o potássio no cardápio não é difícil, pois ele pode ser encontrado e vários alimentos, e assim incluídos na alimentação diária, como por exemplo:

Abacate

Aveia

Amêndoa

Batata Doce

Milho

Extrato de tomate

Mamão

Melancia

Uva Passa

Existem outros alimentos ricos em Potássio, aproveite cada um deles da melhor forma e gosto de consumir e preparar.

7- Reduza o carboidrato da sua dieta

Reduzir o consumo dos carboidratos é uma excelente forma de estimular e de cuidar da saúde, além de obter grandes resultados na perda de peso.

Alguns estudos apontam que uma alimentação com baixo carboidrato, ajuda a emagrecer. A ingestão de carboidratos em excesso tem sido o grande vilão para doenças cardiovasculares, diabetes e sobrepeso.

O fato é que hoje se consome muita massa, pão, farinhas, além de industrializados cheios de carboidratos como bolachas. É certo que os carboidratos fornecem energia, porém é uma energia de curto prazo, sua sensação de saciedade é muito rápida, e logo o corpo entende que precisar comer mais em pouco tempo.

Uma boa ideia é tentar fazer a dieta do Ovo, que tem como base proteínas.

8- Beba água com limão

Começar o dia tomando água com limão o que favorece as reações de digestão do organismo e auxiliando na eliminação de restos de metabólitos que foram produzidos durante a sua noite de sono.

O sumo de limão com água é um grande potencializador para emagrecer porque desintoxica o organismo, desincha e aumenta a sensação de saciedade. Também limpa o paladar, tirando a vontade de comer alimentos doces que engordam ou prejudicam a saúde

Consuma o sumo de um limão com água em jejum e os resultados serão garantidos.

9- Pratique atividades físicas

Essa é uma das principais dicas para emagrecer com saúde, a lista de os benefícios é extensa.

atividade física e recomendada pelo menos três vezes por semana, respeitando a idade e as limitações de cada um.

O exercício físico ajuda a queimar calorias, e potencializa a perda de peso substituindo a gordura por massa magra e músculos.

Caminhar, nadar, pedalar, dançar, qualquer atividade física que se adequar ao seu estilo de vida, vai valer a pena!

10- Consuma mais fibras

Elas controlam o apetite, melhoram a função intestinal e reduzem a absorção de carboidratos e gorduras.

Alguns estudiosos falam sobre a grande importância dos alimentos ricos em fibras na dieta do emagrecimento. Além de que as fibras são nutrientes essenciais.

Além disso, As Fibras estão presentes em legumes, verduras, frutas, grãos e cereais integrais.

Entre os alimentos ricos em fibras temos:

As leguminosas: soja, grão de bico, lentilha, ervilha e feijão.

Os carboidratos integrais: pão, massas e arroz integral.

Os grãos e farelos: aveia, amaranto, semente de linhaça.

Os vegetais: frutas, verduras e legumes.

11- Visite regularmente um nutricionista

Somente um nutricionista pode fazer uma avaliação correta das necessidades de cada caso, e assim, indicar os melhores métodos e cardápios para emagrecer com saúde.

Portanto, é imprescindível fazer consultas regulares com o seu nutricionista, isso não só garante os resultados, como garante a sua segurança. Nunca faça uso de métodos de “emagrecimento rápido”, “fácil”, nem faça uso de remédios e suplementos não indicados pelos profissionais, pois assim você estará pondo em risco a sua saúde.

Visite o seu nutricionista e garanta sua saúde!

Se o seu objetivo é emagrecer, consulte o nutricionista e converse sobre como emagrecer com saúde, ele irá te indicar os melhores métodos para o seu caso.

 

culturaalternativa

 

 

Câmara aprova projeto que libera remédios para emagrecer

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (20) um projeto de lei que autoriza a produção, a venda e o consumo, sob prescrição médica, de remédios que tenham em sua composição as substâncias sibutramina, anfepramona, femproporex e mazindol, utilizadas para emagrecimento.

A matéria segue agora para a sanção do presidente Michel Temer. O texto já havia sido aprovado pela Câmara e foi alterado quando passou pelo Senado. Por isso, precisou de nova votação pelos deputados.

O uso dessas substâncias chegou a ser proibido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 2011, sob a argumentação de que o consumo desses remédios pode causar problemas cardíacos nos pacientes. Um decreto legislativo de 2014, no entanto, suspendeu a proibição.

Como a proibição foi suspensa, a Anvisa publicou uma nova norma autorizando a produção, comercialização e consumo, com prescrição médica, desses remédios, desde que respeitadas limitações de quantidade. A agência, no entanto, aumentou os mecanismos de controle.

O órgão definiu que, para o remédio ser vendido, a receita deve ficar retida na farmácia e o médico deve assinar um termo de responsabilidade. Além disso, o paciente também deve assinar um documento afirmando que conhece os riscos que essas substâncias podem causar.

Tarja preta

O projeto aprovado nesta terça-feira inclui uma regra que obriga que os medicamentos para emagrecimento devem fazer parte da classificação tarja preta, ou seja, só podem ser comercializados mediante retenção de receita de cor azul.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Benefícios da batata doce: alimento ajuda a emagrecer e proporciona saciedade

batata-doceA batata doce é um dos tubérculos mais consumidos no Brasil. E não é a toa, Por ser rica em fibras, ela é considerada um alimento com médio índice glicêmico, ou seja, aumenta gradualmente a glicemia. Dessa forma os carboidratos são digeridos mais lentamente, fornecendo energia ao organismo de forma gradual não elevando os níveis de insulina e assim podem auxiliar na perda de peso, pois os picos de insulina no sangue estimulam o organismo a estocar gordura localizada.

O fato de ser uma fonte gradual de energia faz com que a batata doce seja um alimento essencial para quem pratica atividade física. Isso porque ela possibilita que esses indivíduos tenham energia para disponibilizar para os músculos durante a atividade física, não levando-os à hipoglicemia de rebote, queda brusca dos níveis de glicose quando consumimos alimentos com alto índice glicêmico no pré treino – levando a tontura, náuseas e até mesmo desmaios durante a prática de atividade física. Além disso a batata doce pode ser consumida com a intenção de ressíntese de glicogênio muscular – estoque de glicose dos músculos.

Benefícios da batata doce para pacientes diabéticos

Com relação a patologias indicamos seu consumo a pacientes diabéticos uma vez que possui alto teor de amido resistente – fibra digerida lentamente. A batata doce em si, não previne ou cura a doença mas pode ajudar a diminuir os riscos de picos de glicose sanguínea. Esse mecanismo é de extrema importância ao organismo uma vez que poupamos mais o pâncreas, produzindo quantidades baixas de insulina, hormônio que capta a glicose para combustível celular, podendo assim diminuir o risco de diabetes.

Estudos mostram a comparação do teor de amido resistente da farinha de mandioca e da farinha de batata doce. A primeira, em 100g de farinha, possui 10% de amido, enquanto a batata doce apresenta 17%. Este amido resistente auxilia ainda mais na lenta digestão auxiliando o aumento da saciedade do indivíduo.

Vitaminas e nutrientes da batata doce

A batata doce é originária da América tropical, sua forma, tamanho e cor variam de acordo com sua espécie. Por aqui, temos a batata doce branca, amarela e roxa. A versão amarelada, devido ao seu pigmento, é rica em betacaroteno, que uma vez ingerido transforma-se em vitamina A, responsável pela saúde ocular, da pele, pelo aumento da imunidade e pode auxiliar no ganho de massa muscular. Além disso, a batata doce é rica em Ferro, Cálcio, e possui propriedades imunomodulatórias, que atuam modulando e ativando os componentes celulares e seus mediadores químicos, aumentando assim a efetividade do sistema imunológico.

Já a batata de coloração roxa possui maior teor de antocianinas, sendo assim são uma excelente fonte de antioxidantes, evitando a ação dos radicai livres ao organismo.

Recomenda-se o consumo desse tubérculo cozido ou assado em forma de purês, sopas, picadinhos. Se ainda quiser aumentar a propriedade funcional deste tubérculo ele pode ser consumido com especiarias como canela, curry, açafrão, alecrim, tomilho, dentre outras.

Texto: Participação da nutricionista Karina Valentim

minhavida

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Para emagrecer, é melhor evitar carboidrato do que gordura

paoDiminuir o consumo de pão, massa e arroz parece ser mais eficaz do que eliminar alimentos gordurosos da alimentação para perder peso. Ao menos é o que concluiu uma nova pesquisa que comparou os efeitos das duas dietas — a que restringe carboidratos e a que limita gordura — durante um ano.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O estudo, feito na Universidade de Tulane, nos Estados Unidos, foi publicado nesta segunda-feira no periódico Annals of Internal Medicine.

Participaram da pesquisa 148 obesos de 22 a 75 anos. Parte dos voluntários foi submetida à dieta que restringe carboidratos: eles não deveriam consumir mais do que 40 gramas do nutriente por dia. O restante foi orientado a seguir a dieta com pouca gordura. Nesse grupo, a gordura deveria representar menos de 30% das calorias consumidas no dia. Nenhuma das dietas limitava o consumo total de calorias.

Resultados — Os voluntários foram avaliados três, seis e doze meses após o inicio do estudo. Nas três avaliações, os participantes que seguiram a dieta com pouco carboidrato haviam perdido mais peso do que os que cortaram a gordura. Após um ano de dieta, eles perderam, em média, 3,2 quilos a mais do que o outro grupo.

Além disso, a pesquisa indicou que restringir carboidrato também parece ser a opção mais eficaz para proteger o coração. Isso porque, após um ano, as pessoas que seguiram essa dieta apresentaram uma maior redução dos níveis de colesterol e outras substâncias conhecidas por aumentar o risco de problemas cardiovasculares.

Por outro lado, a dieta com baixo teor de gordura foi mais eficaz em reduzir medidas de forma mais rápida. Após três e seis meses do inicio da dieta, a circunferência abdominal dos participantes desse grupo diminuiu mais do que a daqueles que comeram menos carboidratos. No entanto, após um ano, não houve diferença significativa nesse sentido entre pessoas que cada uma das duas dietas.

 

Veja

Estudo revela que emagrecer melhora saúde, mas não melhora humor

emagrecerDe acordo com um estudo, pessoas acima do peso que emagrecem têm mais probabilidade de se sentirem infelizes do que aqueles que se mantêm iguais. A pesquisa observou 1,9 mil pacientes britânicos acima do peso com mais de 50 anos, aconselhados a perder peso por questões de saúde.

estudo, publicado na revista científica PLOS One, afirma que pessoas que perderam mais de 5% de peso ficaram mais saudáveis, porém mais propensos a sentir mau humor.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A equipe da Universidade College London (UCL) afirmou que quem estiver tentando perder peso deve procurar o apoio de amigos e profissionais de saúde, caso sinta necessidade.

Os pacientes foram observados durante quatro anos, ao longo dos quais tiveram monitorados peso, pressão sanguínea e nível de lipídios no sangue.

As 278 pessoas que emagreceram também registraram queda na pressão e no nível de lipídios.

Obstáculos da dieta

Mas também tiveram uma probabilidade 50% maior de se sentir tristes, em comparação com aqueles que mantiveram o mesmo peso.

Para os cientistas, isso poderia ser explicado pelas dificuldades de se manter uma dieta, como por exemplo resistir a beliscar e evitar encontros com amigos que envolvam refeições.

– Não queremos desestimular as pessoas a tentar perder peso, porque isso traz enormes benefícios de saúde. Mas as pessoas não devem ter a expectativa de que emagrecer vai imediatamente melhorar todos os aspectos de suas vidas – afirmou a doutora Sarah Jackson, que coordenou a pesquisa.

A médica criticou a publicidade de marcas de dietas que criam “expectativas irreais” sobre emagrecimento.

Segundo Jackson, a publicidade também promete a melhora em outros aspectos da vida.

Especialistas dizem que é comum o humor melhorar depois que as pessoas atingem as suas metas de peso e passam a mantê-lo.

Por isso, eles recomendam que quem entre em dietas de emagrecimento se mantenha atento aos efeitos físicos e psicológicos disso.

Para Sarah Jackson, o objetivo não é desencorajar quem tenta perder peso, já que isso traz enormes benefícios físicos. “As pessoas não devem esperar que a perda de peso melhore instantaneamente todos os aspectos da vida. A publicidade pode dar às pessoas expectativas irreais sobre emagrecer’, afirma.

Os cientistas recomendam que as pessoas façam dieta. No Reino Unido, por exemplo, o último levantamento apontou que 60% da população já está na categoria de obesos. No entanto, deve-se ficar atento às mudanças de humor para que o esforço não leve o magrinho a se tratar de outros males.

BBC Brasil

Suco de acerola refresca e ajuda a emagrecer

acerolaA acerola (Malpighia emaginata DC.), originária das Antilhas, é comumente conhecida como uma excelente fonte natural de vitamina C (ácido ascórbico) e é bem apreciada especialmente pelos adeptos da dieta saudável. Além da vitamina C, essa fruta oferece carotenóides e polifenóis.  A partir de agora, será ingrediente de sucos e refrescos daqueles que buscam emagrecer.

A obesidade é uma doença metabólica e inflamatória, e é caracterizada pelo aumento de substâncias pró-inflamatórias, secretadas pelos adipócitos (células de gordura). Essas substâncias pró-inflamatórias podem levar ao aumento da pressão arterial, resistência à insulina, resultando em doenças cardiovasculares, diabetes e até alguns tipos de cânceres.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Nos últimos anos, muitos compostos bioativos das frutas foram isolados, mostrando efeitos anti-inflamatórios. Esses componentes benéficos têm mostrado resultado positivo na proteção da saúde, especialmente contra doenças relacionadas ao estilo de vida moderno.

Um estudo brasileiro recém publicado (04 de fevereiro de 2014), pelos pesquisadores DIAS,F.M, LEFFA, D.D e colaboradores, mostrou que a acerola, protege as proteínas envolvidas na reações de lipólise (favorecendo a perda de gordura corporal) e ajuda a reduzir a inflamação do organismo. A pesquisa foi publicada na revista Lipids in Health and Disease, os pesquisadores observaram os resultados em ratos, durante o período de quatro semanas. O estudo mostrou que o consumo de suco de acerola reduziu o nível de proteínas inflamatórias (TNFα) e aumentou a lipólise (quebra de gordura) nos ratos avaliados que receberam uma dieta altamente calórica.

Os pesquisadores concluíram que o suco de acerola pode prevenir o ganho de peso (considerando o peso corporal e quantidade de gordura corporal), como também ajudar no controle da Dislipidemia (considerando melhora dos níveis de triglicerides), como também reduzir a inflamação do organismo. É importante lembrar que novos estudos ainda são necessários para entender melhor os mecanismos envolvidos nos efeitos benéficos associados com o consumo do suco de acerola.

Esse efeito anti-inflamatório observado da ingestão do suco de acerola, pode ser atribuído à composição da fruta (polifenóis e vitamina C).

Valor Nutricional

Cada 100 gramas de acerola oferece em média *:

Energia – 35 calorias

Carboidratos  – 7,6 gramas

Proteínas  –  0,4 gramas

Gorduras  –  0,3 gramas

Vitamina C –  1.677 mg

Vitamina A –  230 µg RE

*Fonte: Tabela para Avaliação de Consumo Alimentar em Medidas Caseiras. 5ª Ed. 2004

Uso da acerola

A acerola é mais consumida na forma de suco (polpa congelada ou crua), pois in natura é muito ácida e de difícil aceitação. Nos dias mais quentes, tomar suco é uma maneira saudável de se refrescar.  No preparo caseiro, a fruta deve ser misturada com duas a três partes de água e batida no liquidificador.

Com esse calor, que tal um suco refrescante de acerola? Tome com moderação, sem culpa, e ainda emagreça.

 

 

Veja

Emagrecer pode fazer mal para o relacionamento

emagrecerÉ normal engordar quando se casa, namorando, em qualquer relacionamento, e feliz, porque quem está feliz termina comendo mais e se aconchegando mais e, consequentemente, “alimentando” mais com seu amor. Porém, na hora de emagrecer parece que a harmonia pode ser quebrada, segundo estudo.

O ponto negativo da perda de peso é que nem sempre o parceiro muda os seus hábitos. Essa diferença no novo ritmo de vida pode atrapalhar o romantismo e o bom convívio. Isso foi o que apurou o estudo da Universidade do Texas, nos EUA.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Para chegar a isso, os pesquisadores entrevistaram 21 casais de diversas cidades dos EUA. Um parceiro de cada casal tinha perdido 30 quilos ou mais em menos de dois anos, e ainda segundo o estudo os motivos são variados, desde mudanças alimentares, melhora física e procedimentos médicos.

 

Os desentendimentos acontecem quando apenas um dos parceiros passa a ter uma vida saudável e quer que o outro também opte por levar uma vida mais saudável e muitas vezes o outro não quer. E tem mais: depois da boa forma de apenas um dos membros do casal, pode rolar um ciúme, já que o(a) outro(a) está mais magro(a) e mais seguro de si. O outro pode se sentir ameaçado.

 

Tolice e insegurança se desentender por um motivo desses. Se você estiver vivendo essa situação, pense bem antes de implicar, que tal entrar junto na malhação? São duas vantagens de uma só vez: boa forma, saúde e muito mais harmonia.

 

 

Terra

Magnésio ajuda quem quer emagrecer. Veja lista de alimentos

Soja, feijão, castanhas e cereais integrais são boas fontes do mineral

magnesio

magnésio, se não consumido em quantidade suficiente, gera falta de energia, que por sua vez acaba desestimulando a prática de exercícios físicos e aumentando a vontade de comer coisas menos saudáveis. A consequência é o aumento de peso.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Por isso, quem pretende emagrecer ou manter o corpo em forma, precisa ficar atento ao consumo de alguns alimentos. “Como o magnésio está evolvido com o metabolismo da glicose e com a síntese de energia celular, sua deficiência pode provocar uma queda no rendimento físico devido à diminuição da produção dessa energia, gerando um cansaço maior”, explica a nutricionista Marcela Frias, da Clínica Dicorp Barra, no Rio de Janeiro.

Alimentos para emagrecer

Segundo ela, são boas fontes de magnésio a soja, feijão, grão de bico, ostras, peixes, amêndoa, castanha, nozes, semente de girassol, cereais integrais, vegetais folhosos verdes escuros, açaí, abacate e banana. O consumo recomendado varia de 260mg/dia a 350mg/dia e o excesso também pode ser prejudicial. ” O excesso de magnésio pode prejudicar o organismo, causando problemas respiratórios, distúrbios no ritmo cardíaco e inibição da calcificação óssea”, afirma.

Mais benefícios do magnésio

Ela explica que o magnésio está evolvido também com o metabolismo da glicose e com a síntese de energia celular, contração muscular e transmissão dos impulsos nervosos, proteção do organismo contra o excesso de cálcio, que provoca a calcificação dos ossos, formação e fortalecimento dos tecidos ósseos e cartilaginosos, além de estar envolvido com o sistema imunológico e com a produção de serotonina, que regula o humor. ”A carência de magnésio no organismo pode estar relacionada à irritabilidade,estresse, incluindo quadros de depressão, câimbras, fadiga, cefaleia, dores musculares, tetania (contração muscular involuntária)”, diz.

 

itodas

Viagra pode se tornar remédio para emagrecer

Getty ImagesComprimidos de Viagra: novos usos para o medicamento estão sendo estudados
Getty Images
Comprimidos de Viagra: novos usos para o medicamento estão sendo estudados

Novas evidências sugerem que o Viagra, um medicamento para disfunção erétil, pode ter outro uso: ajudar a queimar a gordura em excesso.

A droga, genericamente conhecida como sildenafil, ajudou a converter indesejáveis células brancas de gordura em células bege de gordura que queimam energia em ratos de laboratório, de acordo com o que pesquisadores da Universidade de Bonn, na Alemanha, reportaram no periódico The Journal of the Federation of American Societies for Experimental Biology.

Já se sabia que os ratos que recebiam Viagra tornavam-se menos propensos à obesidade quando alimentados com uma dieta rica em gordura. O que não estava claro era a razão disso.

O Dr. Alexander Pfeifer, diretor do Instituto de Farmacologia e Toxicologia da Universidade, disse que já tinha algumas pistas: o Viagra funciona impedindo a degradação do mensageiro intercelular cGMP. Há muito tempo que Pfeifer vem testando os efeitos do cGMP em células de gordura.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Assim, ele deu o medicamento aos ratos por sete dias e monitorou suas células de gordura. Como se viu, as incômodas células brancas de gordura, que estão associadas com problemas como os temidos pneus sobressalentes, estavam sendo convertidas em um tipo benéfico de células de gordura a uma taxa maior do que a habitual. Pfeifer considerou os resultados “muito promissores”.

Ainda assim, ele adverte sobre tomar o medicamento apenas para fins de emagrecimento. “A ideia de ingerir uma pílula e a obesidade ir embora é um sonho, mas não é fácil de se conseguir”, disse ele. “O que estamos fazendo é uma pesquisa básica com ratos. Esta pílula é aprovada pela Administração de Alimentos e Medicamentos para um propósito particular.”

 

 

The New York Times

Anvisa determina apreensão de cinco produtos naturais para emagrecer

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou no Diário Oficial da União desta quinta-feira (25) quatro resoluções que determinam a apreensão e inutilização de cinco produtos naturais voltados para o emagrecimento, produzidos por três diferentes empresas do país. Fica proibida também a divulgação dos produtos.

Segundo a Anvisa, não podem mais ser comercializados os produtos “Emagrecedor sem dieta Dulopes”, da empresa Dulopes Comercio de Produtos Naturais, de Aracruz (ES); “Engordar”, “30 Ervas Emagrecedor” e “Uxi amarelo e Unha de gato”, todos da empresa Flora Brasil Produtos Naturais, localizada em Campo Grande (MS); e “Chá misto 37 ervas”, da Farmacopeia Brasileira.

A resolução que trata da Farmacopeia Brasileira diz ainda que “quaisquer produtos cuja rotulagem consta como fabricados pela empresa, localizada em lugar incerto e não sabido” deve ser inutilizadose apreendidos em todo território nacional.

A agência afirma que tais determinações foram necessárias porque as empresas citadas não possuem autorização de funcionamento e fabricação concedidas pela Vigilância Sanitária.

G1