Arquivo da tag: Divisão

João Azevêdo lança programa de apoio a clubes da 1ª divisão do paraibano

O governador João Azevêdo lançou, nesta segunda-feira (13), na Vila Olímpica Parahyba, em João Pessoa, o “Incentiva Esporte”, que visa apoiar os clubes profissionais da Paraíba que disputam a primeira divisão do Campeonato Paraibano, bem como as competições nacionais e as demais entidades e clubes que participam de competições expressivas, por meio do programa “Paraíba Esporte Total”. Os atletas, paratletas e técnicos paraibanos também contarão com o apoio e incentivo do Governo do Estado, por meio do programa “Bolsa Esporte”. O projeto será encaminhado para a Assembleia Legislativa do Estado e representa investimentos de R$ 7 milhões.

As ações voltadas ao esporte estão inseridas entre as metas do governo para o ano de 2020, apresentadas na última semana pelo chefe do Executivo estadual, durante solenidade de prestação de contas e anúncio de novos investimentos.

Foto: José Marques

No lançamento do novo programa, o governador João Azevêdo destacou as ações do governo para ampliar o patamar de investimentos no esporte. “Esse é um momento ímpar para o esporte profissional e amador na Paraíba. Nós precisamos apoiar, cada vez mais, o esporte amador e as modalidades que têm destaque nacional e que leva o nome da Paraíba a vários lugares, criando mecanismos que subsidiem, tanto o esporte olímpico, quanto o paralímpico porque temos grandes estrelas dentro do nosso estado e foi com esse entendimento de que o esporte precisa ser visto com olhar extremamente profissional que iniciamos 2020 com uma proposta ousada e que muda a relação entre o poder público e o segmento na Paraíba”, frisou.

Ele também destacou o esforço da gestão estadual para garantir dignidade aos atletas. “Esse programa foi concebido para que a gente tratasse de duas áreas distintas, sendo R$ 4 milhões para o Paraíba Esporte Total, e R$ 3 milhões para o Bolsa Esporte. Eu tenho certeza de que vamos viver momentos especiais com relação ao esporte e o governo existe para fomentar o que há de bom no estado e essas atividades representam inclusão e oportunidade de crescimento”, acrescentou.

Foto: José Marques

O secretário da Juventude, Esporte e Lazer, Hervázio Bezerra, afirmou que a gestão estadual tem assegurado um novo momento para a área. “Essa ação fortalece tanto o esporte profissional, quanto o amador. No que se refere ao esporte profissional, os clubes que disputarão as várias séries têm os patamares definidos para cada entidade, girando em torno de R$ 4 milhões, já o Bolsa Esporte deverá beneficiar cerca de 350 atletas. Essa é uma decisão importante para o esporte da Paraíba a partir de um plano de trabalho dos clubes, que será analisado pela Controladoria Geral do Estado. A Paraíba vem se destacando muito e o governo tem procurado valorizar, fortalecer e ajudar os atletas para que eles possam trazer mais resultados positivos para o estado e para o esporte paraibano”, declarou.

A presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Michele Ramalho, agradeceu, em nome dos atletas e dos clubes, a atuação do governo para fomentar as diversas modalidades esportivas. “Esse é um projeto de suma importância porque sem essa ajuda, seria inviável a participação dos clubes no Campeonato e estamos muito felizes porque as equipes poderão fazer uma campanha de sucesso”, sustentou.

O presidente da Associação das Federações Esportivas Amadoras da Paraíba, Bosco Crispim, também elogiou a iniciativa do Governo do Estado. “Eu sou atleta, fui dirigente e técnico de Seleção Brasileira e hoje também sou presidente da Associação Paraibana de Futsal e posso dizer que essa é a primeira vez que um governo reúne atletas e representantes para incentivar o nosso trabalho. As federações amadoras fazem um trabalho muito bonito, porém difícil, porque não temos recursos de ordem nenhuma e eu sempre digo que as ações voltadas para o esporte refletem diretamente na saúde e educação e agradecemos ao governador por esse incentivo”, falou.

O recordista mundial Petrúcio Ferreira destacou que o investimento da gestão motiva os atletas paraibanos. “Essa iniciativa é muito importante para nós porque beneficia toda a área, viabilizando o surgimento de novos talentos e incentivando jovens e crianças para que eles alcancem seus objetivos e se tornem campeões, principalmente em 2020, um ano tão importante para o esporte”, comentou.

Paraíba Esporte Total – O programa é destinado a incentivar o futebol profissional masculino da primeira divisão do Campeonato Paraibano e os demais clubes e entidades que desenvolvam o desporto e paradesporto de alto rendimento, que tenham resultados expressivos no âmbito nacional e internacional.

Bolsa Esporte – O programa tem o objetivo de incentivar a prática de esportes, sendo destinado aos atletas e técnicos de rendimento das modalidades olímpicas e paraolímpicas, reconhecidas pelo Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro, podendo também ser admitidos aos atletas, paratletas e aos técnicos de rendimento de modalidades esportivas vinculadas ao Comitê Olímpico Internacional e ao Comitê Paralímpico Internacional, além das modalidades reconhecidas pela Secretaria Especial de Esportes, do Ministério da Cidadania, sendo reservado o percentual mínimo de 30% das vagas para as mulheres. As bolsas serão divididas entre as categorias internacional; nacional; institucional; estudantil; e representatividade.

 

Secom

 

 

Começa hoje decisão pela 2ª divisão do Campeonato Paraibano

Os primeiros 90 minutos pela decisão do Segunda Divisão do Campeonato Paraibano de futebol, começa nesta quarta-feira (09), após os 40 jogos disputados. Sport Lagoa Seca e São Paulo Crystal fazem a grande decisão, a partir das 20h30, no Estádio Amigão, em Campina Grande.

O trio de arbitragem para esta partida será comandado por Tiago Ramos de Oliveira, auxiliado por Schumacher Marques e Luis Filipe Gonçalves Corrêa. O segundo e decisivo jogo será no próximo sábado, às 16 horas, no Estádio Carneirão, em Cruz do Espírito Santo.

O Sport Lagoa Seca entra em campo como o time de melhor ataque da competição, tendo marcado 18 gols. Foi o primeiro colocado do grupo Agreste e Sertão de forma invicta e com 100 por cento de aproveitamento, tendo vencido todos os 5 jogos que disputou. Nas semifinais, perdeu na partida de ida para o Confiança por 1 a 0, mas deu o troco na volta, vencendo por 3 a 0. A equipe já somou 18 pontos, segunda melhor campanha da competição.

 

 

pbagora

 

 

Com jogos pela manhã, FPF divulga tabela da 2º divisão do Paraibano

A Federação Paraibana de Futebol (FPF) divulgou na quarta-feira (21) a tabela detalhada dos jogos da rodada inicial da segunda divisão do Campeonato Paraibano de 2019, que começa no final de semana.

O que chamou a atenção na divulgação do documento é que a FPF vai adotar um novo horário para as partidas da divisão de acesso do futebol estadual: 11h.

Pelo Grupo Litoral/Brejo, as partidas, todas no domingo (25), acontecerão nos seguintes horários: Miramar x São Paulo Crystal, no Almeidão às 11h; Auto Esporte x Desportiva Guarabira, também no Almeida Filho, às 15h, e Internacional-PB x Confiança de Sapé, às 16h, no Módulo Esportivo, em Mamanguape.

Como o Inter-PB ainda não apresentou os laudos do local em que vai mandar suas partidas, esse jogo de estreia vai acontecer com portões fechados, sem a presença de torcedores.

Já pelo Grupo Agreste/Sertão, também três jogos, todos no dia 25. Picuiense x Nacional de Pombal, no Amigão, às 11h; Queimadense x Femar, às 15h, também no Colosso da Borborema; Sabugy x Sport Lagoa Seca, no José Cavalcanti, às 16h.

Nos próximos dias a FPF promete divulgar os demais locais e horários dos jogos da 2ª divisão do Campeonato Paraibano, competição que vai levar duas equipes à elite do futebol estadual em 2020.

Voz da Torcida

 

 

Sobrinho de Luxemburgo, técnico carioca busca primeiro título da carreira na 2ª divisão da Paraíba

Carioca, ex-jogador e agora técnico. Essas três características presentes em Bruno Jojô Abrahão são as mesmas do seu tio, Vanderlei Luxemburgo. Agora na Paraíba, Bruno terá a sua primeira experiência no futebol do Nordeste, comandando o Sabugy, na 2ª divisão estadual. Com passagens por clubes cariocas, o seu principal objetivo na precoce carreira como treinador é conquistar o primeiro título da sua carreira.

Bruno faz preleção com jogadores do time Sub-19 do Sabugy — Foto: Acervo pessoal / Bruno Jojô Abrahão

Bruno faz preleção com jogadores do time Sub-19 do Sabugy — Foto: Acervo pessoal / Bruno Jojô Abrahão

A missão de comandar times de futebol já está presente na família de Bruno Abrahão. O seu pai, que é irmão de Vanderlei Luxemburgo, também treinou equipes de menor porte no Rio de Janeiro.

O ex-goleiro lembra que recebeu uma “mãozinha” do tio no início da carreira, nas categorias de base do Flamengo. Depois, ele passou pelo Botafogo e por clubes menores, até pendurar as luvas e assumir a prancheta.

– Eu fui goleiro do Flamengo enquanto garoto e foi ele (Luxemburgo) que me colocou lá. Isso eu lembro muito bem e não tenho como negar essa influência no início da minha carreira. Depois fui para o Botafogo, já por méritos próprios, onde joguei por seis anos. Depois atuei em times menores e parei como goleiro – contou.

Bruno ao lado dos outros integrantes da comissão técnica do Sabugy — Foto: Acervo pessoal / Bruno Jojô Abrahão

Bruno ao lado dos outros integrantes da comissão técnica do Sabugy — Foto: Acervo pessoal / Bruno Jojô Abrahão

Bruno Jojô Abrahão explica que, após o fim da carreira, não teve como escapar do caminho para se tornar técnico. O primeiro passo foi buscar qualificação através de cursos da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e da Associação Brasileira de Treinadores de Futebol (ABTF), para depois ter as suas primeiras experiências no comando técnico.

O carioca só comandou times no futebol carioca, com passagens por Bela Vista (2016), Ceres sub-20 (2017) e Juventus (2018). Agora em 2019, será a sua primeira oportunidade fora do Rio de Janeiro.

A relação com Luxemburgo

“O contato hoje é pouquíssimo, para não dizer raro”. É assim que Bruno resume a sua relação com Vanderlei Luxemburgo. Segundo ele, a última vez em que os dois estiveram juntos foi em junho de 2017, na época em que o tio comandava o Sport.

– Estive em São Januário quando Luxemburgo era técnico do Sport e ia enfrentar o Vasco. Sempre falo com uma das filhas dele, a Vanessa, mas com ele essa foi a última vez. Aprendi muito com o Vanderlei. Na época do Palmeiras, eu entrava junto com a delegação, no intervalo ia para o vestiário ouvir a preleção e no final do jogo da mesma forma, para aquela conversa final. Quando ele começou a rodar por outros centros, perdemos contato – lembrou.

Bruno, no último encontro que teve com Luxemburgo, em 2017, quando Luxa ainda estava no Sport — Foto: Acervo pessoal / Bruno Jojô Abrahão

Bruno, no último encontro que teve com Luxemburgo, em 2017, quando Luxa ainda estava no Sport — Foto: Acervo pessoal / Bruno Jojô Abrahão

Chegada à Paraíba

Bruno contou que, na época em que atuou como técnico do sub-20 do Ceres, conheceu o preparador de goleiros Jefferson Sabino, paraibano de Itabaiana, com quem trabalhou no Rio de Janeiro. O treinador explicou que Sabino fez um acordo com o Sabugy e responderá durante dois anos como gestor dos times sub-19 e profissional.

– O Jefferson me fez este convite e resolvi aceitar. Sempre acompanhei o futebol do Nordeste e acho um cenário muito empolgante, com uma grande oportunidade de descobrir talentos. Topei o desafio e agora esperamos fazer um bom trabalho – falou.

Expectativa da primeira conquista como técnico

A missão na Paraíba é em dose dupla, pois Bruno Jojô Abrahão terá a responsabilidade de comandar os times sub-19 e profissional. O Sabugy está próximo de completar 100 anos e, para o seu novo treinador, o clube não pode continuar, ano após ano, fazendo campanhas abaixo do que um time histórico deve fazer.

– O meu jeito de trabalhar é muito como o do Luxemburgo, de não aceitar perder e gostar de times com intensidade. O paraibano sabe jogar muito assim, diferente do jogador carioca. Nas campanhas passadas, o time foi muito ruim, e tirar essa coisa de que é time pequeno é uma das minhas metas. Como estarei no sub-19, também quero classificar o time para a Copa São Paulo de Futebol Júnior. A região tem bons atletas, e eles merecem ter essa visibilidade – frisou.

*Raniery é repórter da CBN João Pessoa e colabora com o GloboEsporte.com/pb

GE

 

FPF divulga tabela da fase de grupos do Paraibano da 2ª divisão

A Federação Paraibana de Futebol (FPF) divulgou na tarde desta terça-feira (25), a tabela do Campeonato Paraibano da 2ª divisão, que tem estreia programada para o dia 25 de agosto. Serão 13 clubes distribuídos em dois grupos, um com sete e o outro com seis, todos lutando por duas vagas na elite do futebol da Paraíba.

A primeira fase vai contar com sete rodadas, chegando ao fim no dia 15 de setembro. Apesar da divulgação, a entidade ainda não confirmou o regulamento e os locais dos confrontos.

A primeira rodada da divisão de acesso do futebol paraibano, agendada para o dia 25 de agosto, vai contar com seis jogos, todos programados para às 15h. O destaque vai ser o duelo entre Auto Esporte e Desportiva Guarabira, as duas equipes que foram rebaixadas na 1ª divisão do ano passado.

Na competição, os 13 clubes foram distribuídos em dois grupos com seis. O Grupo do Litoral/Brejo conta com Auto Esporte, Desportiva Guarabira, São Paulo Crystal, Confiança de Sapé, Miramar , Internacional-PB e Spartax. Já o Grupo do Agreste/Sertão é formado por Femar, Desportiva Picuiense, Nacional de Pombal, Sport-PB, Sabugy e Queimadense.

Confira a tabela completa da fase de grupos do Paraibano da 2ª divisão:

O Campeonato Paraibano da 2ª divisão é a segunda principal competição organizada pela FPF e tem o Esporte de Patos com o atual campeão. Com os grupos e a tabela definida, agora é o momento de início dos trabalhos dos clubes que vão lugar por uma das duas vagas na 1ª divisão de 2020.

 

 

GE

 

 

Juiz morre após cair desacordado em jogo da primeira divisão boliviana

Luto no futebol boliviano. O árbitro Víctor Hugo Hurtado não resistiu a um mal súbito sofrido no duelo entre Always Ready x Oriente Petrolero pela primeira divisão local, neste domingo, e acabou falecendo aos 32 anos. A notícia foi publicada pelos jornais “Los Tiempos” e “Deporte Total”, com base nas informações do delegado do jogo, Luis Callejo.

– Lamentamos a morte do árbitro Víctor Hugo Hurtado, enquanto ele dirigia a partida entre Always Ready e Oriente Petrolero. Enviamos nossas condolências e solidariedade à sua família, amigos e colegas. O futebol boliviano está de luto – lamentou o presidente boliviano, Evo Morales.

Evo Morales Ayma

@evoespueblo

Lamentamos el fallecimiento del árbitro Víctor Hugo Hurtado, mientras dirigía el partido entre Always Ready y Oriente Petrolero. Enviamos nuestras condolencias y solidaridad a su familia, amigos y colegas. El fútbol boliviano está de luto.

O jogo foi disputado no Estádio Villa Ingenio de El Alto, inaugurado no ano passado e considerado um dos mais altos do mundo, a mais de 4 mil metros de altitude na grande La Paz. Inicialmente, não há qualquer relação do mau súbito com relação aos efeitos da altitude.

View image on Twitter

Deporte Total

@deportetotal_bo


Falleció el árbitro cochabambino Víctor Hugo Hurtado de 32 años. Que condujo el cotejo entre Always Ready y Oriente Petrolero, que en los primeros minutos se desvaneció en pleno campo de juego en el segundo tiempo.

O árbitro passou mal no início do segundo tempo e foi levado a um hospital local, porém a tentativa de reanimá-lo foi sem êxito. A partida, que estava empatada em 0 a 0 na hora do mau súbito, continuou até o apito final, e o Always Ready goleou por 5 a 0.

Árbitro Victor Hugo Hurtado cai desacordado Always Ready X Oriente Petrolero Bolívia — Foto: Reprodução / Youtube

Árbitro Victor Hugo Hurtado cai desacordado Always Ready X Oriente Petrolero Bolívia — Foto: Reprodução / Youtube

 

GE

 

 

STJD exclui Auto Esporte e Desportiva Guarabira da 2ª divisão do Campeonato Paraibano

A Comissão Extraordinária do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) – atualmente o TJD-PB está sob intervenção do tribunal superior – excluiu na tarde desta terça-feira o Auto Esporte e a Desportiva Guarabira do Campeonato Paraibano. Como as equipes caíram para a segunda divisão do torneio no ano passado e pretendem disputar a competição neste ano, a decisão pode impedir que os clubes participem do torneio de acesso. Ainda cabe recurso aos clubes.

Além da pena maior, os clubes foram multados, cada um, em R$ 5 mil. Ambos foram incursos no artigo 231 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (STJD), acusados de entrar na Justiça Comum antes de esgotadas as instâncias desportivas.

Auto Esporte e Desportiva Guarabira fizeram várias ações em conjunto a fim de se garantirem nas disputas da primeira divisão do Campeonato Paraibano deste ano. Os dois clubes ingressaram tanto na Justiça Comum quanto na Justiça Desportiva, alegando que Botafogo-PB e Campinense que deveriam ser rebaixados, já que fizeram parte de um suposto esquema que manipula resultados no estadual do ano passado.

Na esfera desportiva, dirigentes dos dois clubes foram banidos e suspensos do futebol. Já na esfera criminal, o processo segue em andamento, mas até agora ninguém foi julgado. Mesmo que não houvesse o rebaixamento dos clubes no lugar de Auto Esporte e Desportiva, as diretorias do Alvirrubro e do Espantalho do Brejo pediam que seus times fossem incluídos no Paraibano deste ano, o que foi denegado pelo STJD em um outro julgamento.

O advogado do Auto Esporte, Eli Veloso, disse que o clube ainda não foi notificado da decisão, mas que, se for verdade o resultado, o clube vai recorrer.

– Não fomos notificados oficialmente. Se essa informação for confirmada, iremos recorrer. Temos o direito de ação resguardado pela Constituição Federal, então o corpo jurídico do Auto Esporte vai analisar e tomar as providências cabíveis – comentou.

Auto Esporte e Desportiva Guarabira foram os piores times no Campeonato Paraibano de 2018. Por terem caído, as equipes tinham direito de disputar a segunda divisão do estadual. O Macaco, por exemplo, já estava se organizando no departamento de futebol para as disputas.

GE

 

 

Marcelinho Paraíba acerta com Perilima e vai disputar a segunda divisão do Campeonato Paraibano

Nesta sexta-feira (31), em uma coletiva de imprensa, a nova Desportiva Perilima de Futebol, agora sem o popular “Seu Pedro” e com outra diretoria, vai apresentar o jogador Marcelinho Paraíba oficialmente para as disputas da segunda divisão do Campeonato Paraibano. O experiente meia de 43 anos, vai assinar contrato com o 23º clube profissional na carreira, que começou em 1991, no Campinense.

Vice-campeão brasileiro da Série D com o Treze esse ano, Marcelinho nem cogita aposentadoria. Ele foi capitão do Galo na histórica campanha do acesso à Série C e agora parte para o desafio de devolver a Perilima à elite do futebol estadual.

Na última segunda-feira (27), também em uma entrevista coletiva, o antigo “Time das Sordas” apresentou seu novo projeto, que terá como comandante o empresário campinense Jailton Oliveira. Ele contratou o treinador mexicano Ricardo Campos, o meio-campista Felipe Ramon e o atacante Lucas Silva.

Marcelinho Paraíba, certamente, chega para liderar a Perilima em mais uma tentativa de voltar à primeira divisão estadual.

O experiente jogador estaria em São Paulo e tem desembarque em Campina Grande previsto para a madrugada desta sexta-feira.

Filho de Pedrinho Cangula, autor do primeiro gol do estádio Amigão e um dos artilheiros históricos do Campinense, Marcelo dos Santos passou por dezenas de clubes na carreira, além de ter vestido, com destaque, a camisa da seleção brasileira.

Blog do Bruno Lira

Ricardo Coutinho justifica divisão de Finanças e Planejamento: “Era muito poder concentrado”

ricardoO governador Ricardo Coutinho (PSB) justificou, nesta segunda-feira (14), Medida Provisória de sua autoria que desmembrou a Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento, Gestão e Finanças e recriou a Secretaria de Estado das Finanças. Segundo ele, havia poder em excesso na pasta conduzida por Tárcio Pessoa, que entregou o cargo após as mudanças promovidas pelo socialista.

“Eu me convenci que Finanças tinha que está separado de Orçamento, porque senão fica muito poder e quem tem que ter poder em excesso é efetivamente quem tem a responsabilidade e a responsabilidade pelo Estado é do governador”, explicou Coutinho.

Ele ainda afirmou que Seplag estava sobrecarregada. “Porque além de Planejamento e Orçamento estava com Finanças”, justificou.

Segundo ele, apesar da recriação de uma Secretaria haverá economia de recursos públicos, levando em consideração que foram extintos vários cargos comissionados.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Ajax Remigense está se profissionalizando para disputar Segunda Divisão em 2017

ajax-remigenseA equipe do Ajax Remigense da cidade de Remigio no Agreste Paraibano esta em processo de profissionalização para disputa o Campeonato Paraibano de Futebol Segunda Divisão 2017. A equipe que tem como presidente o desportista José Nilton Batista esta com quase 70% da documentação encaminhada, faltando pouco para confirmar a sua profissionalização.

Entre outros membros envolvidos, estão lutando pela profissionalização da equipe Remigense, o prefeito reeleito Melchior Naelson Batista da Silva (Chió), do PSB, que é um grande fan da equipe, e um grande desportista que durante o seu primeiro mandato sempre investiu no desposto da cidade.

Depois desta fase de profissionalização, a prefeitura deve investir forte na infra instrutura do Estádio Municipal José Bronzeado Sobrinho “O Bronzeadão“. onde a equipe, manda seus jogos amadores e pretende manda os jogos profissionais.

O desportista Felipe Queiroz, que vai assumir a vice-presidencia da equipe é outro que com o seu conhecimento no meio Futebolistico esta correndo trás de legalizar a equipe, além do gerente e futebol e diretor de base, João Cicero, do Secretario Municipal de Esporte e Lazer de Remigio, o desportista Ricardo Silva e do Prefeito “Chió”.

A equipe foi fundada, em 29 de março de 1988, com o nome Ajax Sport Club devindo que na época da fundação na cidade de Remigio existia varias equipes com nomes nacionais exemplo, Bangu, Botafogo e etc, e o fundador da equipe o desportista José Antonio Batista Cunha (Professor Toin Pitombeira) queria um clube com nome internacional, e como ele era fan do Ajax Amsterdam, da Holanda, batizou a equipe com nome de Ajax Sport Club. em 1992 quando o professor Assis assumiu a presidencia e tendo com ele o vice presidente José Nilton, os mesmo tirou o Sport Club do nome da equipe, e colocou a palavra Remigense, rebatizando a equipe de Ajax Remigense.

O Ajax Remigense e bastante conhecida e respeitada pela região, com varios titulos nos campeonatos e torneios que participar, e será mais uma grande força que esta chegando para brilhantar o nosso futebol profissional e representa o agreste e toda região.

Diretoria:
Presidente: José Nilton Batista
Vice-presidente: Felipe Queiroz
Diretor de Base: João Cicero e Paulo Firmino
Tesoureira: Rosa Balbino

Portal Martir Esportes
Futebol Paraibano

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br