Arquivo da tag: descarta

Federação descarta greve de caminhoneiros na Paraíba

A greve de caminhoneiros prevista para acontecer nesta quarta-feira não teve adesão dos profissionais na Paraíba. A informação foi confirmada pelo presidente da Federação dos Caminhoneiros Autônomos, Eduardo Oliveira. Segundo ele, nenhuma orientação da Confederação sobre o assunto foi repassada a ele.

A mobilização que é nacional promete ser um misto de movimento e paralisação nas estradas de todo o Brasil, devido à suspensão do julgamento sobre a constitucionalidade da tabela que prevê pisos mínimos para o frete dos caminhoneiros autônomos por parte do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli.

A categoria optou por bloquear as rodovias federais, em todo o país, neste dia. De acordo com a categoria, o protesto não tem nem data nem hora para conclusão.

O STF ainda não tem previsão para uma nova data de julgamento.

 

clickpb

 

 

Efraim busca fortalecer DEM e não descarta apoio de Bolsonaro em 2020 na Paraíba

O deputado federal Efraim Filho comentou nesta segunda-feira (12) o início dos ‘preparativos’ do Democratas para as eleições de 2020. Ele lembrou que está praticamente confirmada a filiação do prefeito de Cabedelo, Vitor Hugo, à legenda e que o foco é aumentar o número de prefeitos e vereadores pela Paraíba.

Efraim disse que o partido tem um projeto estruturado. Em João Pessoa, estão lançados os nomes do próprio Efraim, do deputado estadual Felipe Leitão e do ex-deputado Raoni Mendes para a disputa da Prefeitura de João Pessoa.

“O Democratas é o partido que largou primeiro e que mais se prepara e se qualifica para sair das urnas em 2020 como um dos três partidos mais fortes da Paraíba”, disse à Arapuan Fm.

Questionado sobre a busca de apoio do presidente Jair Bolsonaro nas próximas eleições, o deputado não afastou a ideia, mas disse que o foco atual é o fortalecimento interno da legenda.

“Eu acho que quem quer ser candidato é igual campeonato de futebol, tem que ganhar independente da tabela. O Democratas primeiro se fortalece internamente, com bons nomes, bons quadros, uma boa legenda de vereadores para poder disputar a eleição. Apoios vamos discutir mais na frente”, pontuou.

Por Redação / Portal WSCOM

 

 

Deputado novato, Chió descarta se licenciar da ALPB

“Eu fui eleito para assumir a minha vaga aqui na Assembleia”. A declaração é do deputado estadual Chió, do Rede, ao descartar, durante entrevista á reportagem do PB Agora, nesta segunda-feira (15), a possibilidade de se licenciar do mandato para abrir vaga para suplentes de sua coligação na Casa.

Chió disse que está conversando com os suplentes, tanto Rafaela Camaraense, quanto com Raoni Mendes, mas não há acordo para fazer um rodízio com os suplentes.

“A gente conversa sempre. Na política quem não pensa no futuro não é político”, disse.

Em uma entrevista de quase três minutos, o parlamentar fala de sua prioridades e da decisão de permanecer no parlamento.

ASSISTA

PB Agora

 

 

 

FPF descarta VAR mas ainda tenta árbitro FIFA para as finais do Campeonato Paraibano

Tecnologia cara. O uso do assistente de vídeo (VAR) nas finais do Campeonato Paraibano foi descartado. O árbitro de vídeo era um sonho da presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Michele Ramalho.  Só que o alto custo financeiro para por em pratica essa tecnologia, impediu a presença do árbitro de vídeo nas finais do Estadual.

Porém, um outro objetivo da presidente, que foi manifestado recentemente, está sendo negociado. Segundo o diretor executivo da FPF, Otamar Almeida, a federação pretende contar com árbitro FIFA para as decisões do estadual.

O segundo jogo da final do estadual foi remarcado justamente para que a CBF pudesse alocar um árbitro FIFA disponível para comandar o apito. A partida estava marcada para o dia 20 deste mês e foi adiada para o dia 23. A presidente da FPF, inclusive, disse já ter conversado com o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Leonardo Gaciba, para formalizar o pedido.

As finais do Campeonato Paraibano estão marcadas para os dia 17 e 23 deste mês e já tem um finalista definido, o Campinense, que venceu o Atlético-PB nos pênaltis e garantiu sua vaga na decisão. A segunda vaga na finalíssima será definida neste fim de semana. Botafogo-PB e Nacional de Patos realizam o jogo de volta das semifinais neste domingo, às 17h, no Estádio Almeidão.

pbagora

 

 

Cícero descarta candidatura e revela voto em Maranhão para governador em 2018

O senador e pré-candidato a governador nas eleições estaduais de 2018, José Maranhão (PMDB), disse, nesta quarta-feira (04), em entrevista ao Correio Debate, da 98 FM de João Pessoa (PB), que durante encontro com o ex-senador Cícero Lucena (PSDB) no último final de semana, o tucano lhe revelou que não pretende disputar o pleito do ano que vem e que só vota nele {Maranhão} para o Governo do Estado.

“Cícero me disse que não pretende ser candidato e o único candidato que ele apoia é José Maranhão. Mas, minha reunião com ele não foi política, foi uma encontro familiar, de amigos”, declarou.

Com ao posicionamento do presidente nacional do PMDB, Romero Jucá, que não colocou a sua candidatura como prioridade do PMDB para 2018, Maranhão disse que não depende do presidente para disputar o pleito.

“Para ser canadito nós não precisamos do endosso de Romero Jucá. Ele é apenas o presidente interino, o presidente de direito é Michel Temer, e ele é entusiasta das candidaturas do PMDB”, declarou.

Cristiano Teixeira – WSCOM

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Aesa descarta ocorrência de fortes tempestades no Litoral da PB neste fim de semana

A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa) tranquiliza a população descartando que um ‘furacão’ esteja se formando no oceano e atinja o litoral paraibano nesse fim de semana. As redes sociais têm divulgado uma forte tempestade, que seria a pior chuva dos últimos 50 anos na Paraíba.

De acordo com a meteorologista Marle Bandeira, as informações veiculadas nas redes não são oficiais, ‘são boatos para alarmar a sociedade’. Ela advertiu para a possibilidade de chuvas moderadas a fortes na faixa litorânea do Estado e disse que a população deve tomar as providências comuns em caso de chuvas fortes.

Nas redes sociais foram veiculadas informações acerca de um comunicado do Centro Virtual para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos para o Sul da América do Sul (Alert-AS). O comunicado alerta que o tempo indica muita precipitação, com previsão de mais ocorrências de fortes chuvas, colocando João Pessoa e outras 67 cidades da Paraíba em risco de alagamentos, deslizamentos de encostas e transbordamentos de rios.

A Capitania dos Portos da Paraíba também emitiu alerta de ressaca em todo o Litoral paraibano. O aviso, que é válido até as 9h de amanhã, informa à população sobre ondas que podem chegar aos 2,5 metros. Segundo a Capitania dos Portos, a orientação é de que pescadores que usem embarcações de pequeno e médio porte evitem a navegação durante o período de ressaca.

Além disso, a Capitania pede que embarcações de médio a grande porte redobrem a atenção quanto ao material de salvamento, estado geral do casco e dos motores, bomba de esgoto do porão, além de equipamentos de rádio e outros itens de segurança. Aos praticantes de esportes náuticos, a Capitania solicita que evitem a prática desses esportes nesse período. Em caso de emergência, entrar em contato com a Capitania dos Portos através dos telefones 0800 281 3071 (Disque Segurança de Navegação); 185 (Salvamar Nordeste); (83) 3241-2805 (plantão da Capitania); ou o WhatsApp (83) 9 9302-9294.

pbagora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Cássio descarta disputar o governo em 2018 e se oferece como ‘mediador’ na escolha de um nome

cassioO senador Cássio Cunha Lima (PSDB) descartou praticamente a possibilidade de disputar o cargo a governador nas eleições de 2018. Ele se colocou, inclusive, a disposição para ser mediador na indicação de um nome entre as diversas correntes da oposição.

“Eu me disponho a fazer isso”, declarou o Cássio Cunha Lima em entrevista ao programa “Correio Verdade” ao considerar legítimas as especulações em torno de um nome das oposições, principalmente do arco de alianças de 2016, para o Palácio da Redenção.

O tucano argumenta que os prazos eleitorais já começam a contar a partir de abril do ano que vem com a desincompatibilização de cargos públicos.

O vice-presidente do Senado não vê nas ações dos prefeitos de João Pessoa e de Campina Grande, Luciano Cartaxo (PSD), e Romero Rodrigues (PSDB), respectivamente, que têm se reunido com políticos de diversos segmentos, antecipação de campanha eleitoral. “Não está explícito pré-candidaturas”.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Cristóvão descarta demissão após eliminação do Vasco na Copa do Brasil

 (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)
(Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

A derrota para o Vitória que resultou na eliminação do Vasco na Copa do Brasil aumentou a pressão sobre o técnico Cristóvão Borges. Apesar de estar em baixa com a torcida, o treinador negou qualquer conversa com a diretoria sobre a possibilidade de deixar o clube e disse que a pressão é normal.

“Não tive conversa com ninguém da diretoria sobre isso (demissão). No vestiário estava o nosso diretor, nosso vice de futebol. Conversamos normalmente. Essa coisa de pressão é normal. Uma equipe como o Vasco vem dessa pressão não é de hoje. A pressão vem de algum tempo, porque sabemos que o clube precisa ter campanhas e resultados mais sólidos. Sabemos disso. O trabalho segue. Vou continuar trabalhando normalmente”, disse o técnico em entrevista coletiva.

Sobre a eliminação desta quinta-feira, Cristóvão disse que o resultado do primeiro jogo foi determinante, quando o Vasco ficou apenas no 1 a 1 em São Januário e jogou grande parte do confronto com um jogador a mais.

“O resultado do primeiro jogo leva uma grande parte do resultado final. Jogando em casa tinha que fazer o resultado, e aconteceu daquela maneira. Tínhamos um jogador a mais, sabíamos disso. A Copa é jogada dessa maneira. No jogo em casa tem que aproveitar. Não aproveitamos, e ficou mais difícil”, destacou.

O Vasco agora se concentra apenas na disputa do Campeonato Carioca. Neste domingo, o clube tem clássico contra o Botafogo, no estádio Nilton Santos, pela segunda rodada da Taça Rio.

Band

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Secretário de segurança dos EUA descarta deportação em massa, mas insiste em muro

Johan Ordonez/AFP Photo
Johan Ordonez/AFP Photo

O secretário americano de Segurança Interna, John Kelly, descartou – em declarações na Guatemala nesta quarta-feira (22) – que vá haver deportações em massa de imigrantes em situação ilegal, mas confirmou a construção de um muro para reforçar a vigilância na fronteira com o México.

“Não estamos fazendo deportações em massa, mas temos leis que temos de respeitar. Então, vamos nos concentrar primeiro naqueles que cometeram crimes nos Estados Unidos para expulsá-los”, afirmou Kelly, em entrevista coletiva antes de seguir para o México.

Kelly visitou a Guatemala um dia depois de sua pasta publicar duas circulares internas que reforçam a captura e a deportação de imigrantes em situação clandestina.

Ele explicou que inclui um processo legal mais ágil, quando se entra em contato com um imigrante nessa situação, o qual será devolvido “para seu país de uma forma mais rápida do que se fez em uma década”.

O secretário afirmou ainda que a diretiva do presidente Donald Trump dá a seu departamento mais recursos para reforçar a fronteira com o México.

“Isso significa mais oficiais para o controle da fronteira, mais recursos para detenções na fronteira e também a construção de uma barreira física” na fronteira, acrescentou.

“O presidente Trump me ordenou que restabeleça o controle na fronteira. Então, vamos construir uma barreira física, vamos realizar patrulhas não militares, mas com homens e mulheres que estão no âmbito da aplicação da lei e de metodologias tecnológicas”, completou.

Kelly criticou os traficantes de imigrantes clandestinos – os chamados “coiotes”.

“São mentirosos. A vida humana não lhes interessa. Simplesmente são predadores que buscam tirar o dinheiro das pessoas”, apontou.

“Muitas vítimas sofrem torturas, estupro e outras vergonhas. O terreno é brutal, perigoso e não perdoa. Muitos homens, mulheres e crianças perderam a vida ao tentar cruzar esse trajeto para os Estados Unidos”, lamentou.

Durante sua visita, ele se reuniu com o presidente Jimmy Morales e com os ministros do Interior, Francisco Rivas, e das Relações Exteriores, Carlos Morales.

Esta é a primeira visita de um funcionário americano de alto escalão à América Central desde que Trump assumiu a Presidência em 20 de janeiro passado.

Depois da Guatemala, Kelly segue para o México, onde fará uma visita ao lado do secretário de Estado americano, Rex Tillerson, que já está lá.

AFP

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Lira não descarta saída de Zé Maranhão da presidência

raimundoliraEm meio a polêmica de um possível racha dentro do PMDB na Paraíba, os membros da sigla tem ocupado cada vez mais espaço na imprensa desmentindo uma provável crise no partido. Políticos como o deputado estadual Veneziano Vital do Rêgo, o vice-prefeito Manoel Junior e o presidente da sigla no estado, senador José Maranhão já falaram sobre o assunto e expuseram seus pontos de vista acerca da situação pela qual passa o partido.

Na tarde desta quinta-feira (19), foi a vez do senador Raimundo Lira (PMDB), conceder entrevista a uma emissora de rádio de João Pessoa onde declarou que a sigla precisa de “revitalização e oxigenação”, não descartando para isso, a saída do senador José aranhão da presidência estadual da sigla, posto que o mesmo ocupa a 25 anos.

Apesar do pensamento, Raimundo Lira disse que as mudanças da sigla na Paraíba devem ser feitas de forma gradativa e obedecendo sempre as normas do partido e ainda declarou que há um consenso dentro do PMDB de que a mudança deve ocorrer.

“Maranhão é um dos políticos mais habilidosos que eu já vi e por isso está a 25 anos à frente do partido. Há um consenso que é necessária uma renovação, mas de maneira democrática, no tempo certo”, pontuou.

Destacando que o PMDB é o maior partido do Brasil, o senador disse que apesar de terem a maior quantidade de filiados, não têm a maior militância e descartou veementemente a possibilidade de uma intervenção no diretório estadual.

” Não existe isso, mas temos que ter uma expectativa de poder. Temos um grande número de filiados, mas não temos uma grande militância. O PMDB é o maior partido do país, precisa ser revitalizado, oxigenado, mas de forma mais pacífica possível, respeitando o estatuto, assim como respeitamos a constituição nacional”, concluiu.

PB Agora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br