Arquivo da tag: Deputados

Em união com deputados, Tião Gomes destina emenda de R$ 1,5 milhão para recuperação do acesso ao Memorial Frei Damião, em Guarabira

Desde 2004, a cidade de Guarabira, no Brejo paraibano, recebe milhares de turistas e fiéis que buscam conhecer o Memorial de Frei Damião. Ao longo dos anos o local tem se destacado por sua importância econômica e pelo turismo religioso. Mas, devido a grande movimentação de veículos, o acesso ao santuário tem se desgastado e quem visita o espaço tem sofrido com a estrada.

Entretanto, uma emenda conjunta de R$ 1,5 milhão dos deputados Tião Gomes, Camila Toscano, Adriano Galdino e Raniery Paulino, vai possibilitar a recuperação do acesso ao monumento religioso.

“O acesso está horrível. Milhares de fiéis visitam o santuário anualmente e a estrada péssima dificulta as pessoas a chegarem até o parque religioso. Essa emenda que destinamos vai possibilitar a recuperação dessa via e melhorar o acesso ao local”, explicou Tião Gomes, relator da LOA 2020.

Tião aproveitou a ocasião para parabenizar os deputados pela emenda. “Somos do Brejo e temos um olhar para a nossa região. Essa emenda mostra que o Brejo está bem representando na Assembleia e eu só tenho a agradecer ao presidente Adriano, a Camila e Raniery por unir forças, independente da posição política, e assim pudemos destinar R$ 1,5 milhão para Guarabira”, agradeceu.

Memorial Frei Damião

O Santuário Memorial Frei Damião, situado na cidade de Guarabira (Paraíba), é um projeto arquitetônico composto de um museu e uma estátua, em homenagem ao frade capuchinho Frei Damião de Bozzano, um missionário do Nordeste brasileiro. Atualmente é considerada a terceira maior estátua do Brasil.

A inauguração, em dezembro de 2004, contou com a presença de mais de 50 mil fiéis. Foram realizadas parcerias entre a Diocese de Guarabira, a prefeitura de Guarabira e o governo do estado da Paraíba em sua edificação.

 

portaldolitoralpb

 

 

Autora paraibana lança livro de crônicas na Câmara dos Deputados, convidada pela comissão representante do Dia da Consciência Negra

Em seu livro de estreia, Waleska Barbosa, 43, autora paraibana radicada em Brasília há 19 anos, faz um convite já no título: Que o nosso olhar não se acostume às ausências.

A obra será lançada nesta quarta-feira, (11/12), às 16h, no Espaço do Servidor da Câmara dos Deputados, em Brasília/DF, a convite da Comissão Representante do Dia da Consciência Negra, coordenada pelo deputado Damião Feliciano (PDT-PB).

“É uma proposta para que maiorias ou grupos fora dos padrões normativos, que terminam tomados como minorias, sejam enxergados em seu direito de existir e na sua diversidade. Muitos dos textos têm esse tema”, explica.

O livro teve pré-lançamento no início de outubro, em Brasília, pouco antes da participação da autora na Feira de Livro de Frankfurt, onde fez parte da programação, a convite do projeto Sara e Sua Turma com o apoio institucional da Secretaria de Cultura do DF, da Fundação Cultural Palmares e Câmara Brasileira do Livro.

Na Feira de Livro, ela falou no International Stage ao lado de escritores brasileiros sobre o tema A Literatura que vem da periferia. Em novembro, lançou a obra na Feira Literária de Campina Grande, sua cidade natal, onde também ministrou uma oficina de escrita.

Fruto de edição independente, a obra foi viabilizada por uma campanha de pré-venda conduzida pela autora, que bancou a tiragem de 200 exemplares. As demais etapas foram presentes de amigos: o projeto gráfico é do Coletivo 105 e a ilustração da capa, do artista plástico Sérgio Abajur, paraibano que há onze anos mora na Alemanha, realizando trabalhos para o teatro.

Com 234 páginas, ‘Que o nosso olhar’ tem apresentação da escritora Leila de Souza Teixeira, a quem Waleska conheceu em São Paulo, em cursos de literatura promovidos pelo Sesc, e prefácio de Laura Castro, escritora baiana, editora de livros artesanais e professora universitária.

Nos 74 textos – crônicas e prosas poéticas – selecionados no acervo do blog  www.umpordiaw.com.br, ela (se) expõe sobre questões como violência, amor, desamor, maternidade solo, genocídio do povo negro, racismo, feminicídio. Expõe aspectos que permeiam a vida de mulheres da segunda idade, como se define, e questiona padrões e jugos.

Como cronista nata, Waleska também capta momentos pueris, do dia a dia, com uma forma poética e muito peculiar de se colocar diante dos fatos, expressa pelo ritmo de sua escrita e pela maneira de pontuar as frases. Também consegue ser dura e contundente ao apontar o que chama de ‘involução’ do ser humano.

Falando por si ou (re)contando histórias, ela descobriu que escrever era um caminho para o fim do silenciamento e da (auto)censura impostos a ela e, historicamente às mulheres, entre elas, às mulheres negras. A prática da escrita fez com que percebesse que sua forma de interagir com o mundo estava mudando e que conseguia, finalmente, falar com a boca.

O fio condutor da obra parte da identidade da autora como mulher negra, entendida e/ou reforçada, em função da escrita diária no blog. “O livro tem gênero. É feminino. É feminista. É mulher”, diz a orelha.

 

Serviço:

Lançamento do Livro “Que o nosso olhar não se acostume às ausências”

Dia: 11/12/2019

Hora: 16h

Onde: Espaço do Servidor – Anexo II – Câmara dos Deputados

 

Contatos: Waleska Barbosa (61) 9-9948.1398 www.umpordiawb.com.br barbosawal@gmail.com   @carnawaleska

 

 

 

‘Parlametria’: 90% dos deputados federais eleitos em 2018 receberam doações de empresários

Um levantamento feito pela plataforma “Parlametria” apontou que apesar do financiamento privado nas campanhas eleitorais ter sido vedado, aproximadamente 90% dos deputados federais eleitos – 461 dos 513 parlamentares – contaram com doações feitas por empresários, que somaram R$ 115,9 milhões. Os dados do estudo estão disponíveis para o público no site da ferramenta, que é gratuita e foi desenvolvida no laboratório Analytics, da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

Acompanhar posicionamentos de deputados e senadores do Brasil, os vínculos e afinidades políticas e econômicas deles dentro e fora do ambiente legislativo são os objetivos da plataforma, que foi lançada no último dia 27 de novembro.

O projeto foi criado em parceria com pesquisadores da Open Knowledge Brasil e da instituição Dado Capital. A finalidade da plataforma é simplificar as informações que tramitam no Congresso Nacional.

Na Câmara, as doações somam R$ 90,3 milhões, o equivalente a 16% do total recebido pelos parlamentares eleitos. No Senado, a participação das doações de empresários foi cerca de 27%, que correspondem a R$ 25,6 milhões, do total gasto em campanha pelos senadores eleitos veio de pessoas físicas com participação societária em empresas.

Para os criadores da ferramenta, a análise demonstra que os laços entre os empresários e políticos continuam fortes e mudam apenas a forma com que as doações são feitas.

Com a ferramenta, também é possível verificar como votou cada parlamentar em temas sobre meio ambiente, direitos humanos, integridade e transparência, agenda nacional e educação. Além de acompanhar, em termos percentuais, quais votos favoráveis à agenda do Governo Federal.

Para o professor da UFCG Nazareno Andrade, coordenador do Laboratório Analytics, a intenção da plataforma é disponibilizar informações e análises para que a sociedade possa se engajar e influenciar o trabalho do parlamento brasileiro de acordo com os seus temas de interesse.

“O que pretendemos com o estudo é mostrar como esses grupos econômicos seguiram atuando, mesmo depois da proibição do financiamento privado. Importante é o cidadão acompanhar o deputado que elegeu com base nessas informações”, ressalta.

G1

 

Ataque de hackers a celulares de deputados da Paraíba faz mais uma vítima

A onda de clonagem a celulares de deputados estaduais na Paraíba tem nova vítima. Dessa vez, o deputado estadual Ricardo Barbosa teve seu número clonado e os hackers estão usando para aplicar golpes. A denúncia foi feita pela assessoria do parlamentar nesta segunda-feira (2) por meio das redes sociais.

Semana passada outros seis deputados, Wallber Virgulino, Jane Panta, Trócolli Junior, Branco Mendes e Lindholfo Pires sofreram o mesmo golpe.

As vítimas prestaram um Boletim de Ocorrência e foram nas operadas dos respectivos números clonados para resgatar um novo número.

A clonagem de telefones é um dos crimes mais recorrentes nos últimos anos e tipificada no Código Penal como Adulteração do IMEI – número de Identificação Internacional do equipamento, que tem punição de reclusão, de um a três anos, e multa não só para quem adulterar o número do aparelho, mas também para quem comercializar aparelhos alterados.

 

clickpb

 

 

Deputados do Avante parabenizam Adriano Galdino pelo seu aniversário e título de cidadão pessoense que receberá nesta segunda

Os deputados estaduais Tião Gomes, Genival Matias, Júnior Araújo e Taciano Diniz, ambos do Avante, divulgaram uma nota conjunta parabenizando o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino, pelas honrarias que receberá durante solenidade no plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), nesta segunda-feira (21), data em que também Galdino faz aniversário.

Adriano Galdino vai receber o título de cidadão pessoense da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) e também a medalha Epitácio Pessoa, a mais alta comenda do legislativo estadual.

Para os deputados que integram a bancada do Avante, os títulos que o presidente receberá é o reconhecimento pelo trabalho que vem desenvolvendo há anos com uma atuação parlamentar exemplar e também como comandante do legislativo paraibano, função que Adriano Galdino exerce com maestria.

Os parlamentares enfatizaram que Adriano Galdino é um homem honesto, justo, de palavra, além de ser um grande articulador político, defensor das Leis que pensa e trabalha para o bem dos paraibanos.

O presidente do Avante e vice-presidente da ALPB, Genival Matias, tratou Adriano Galdino como um amigo e professor e citou algumas das qualidades do deputado.

“Hoje quero prestar homenagem a alguém que tem sido muito mais do que um líder, tem sido um amigo e um professor. Seria uma verdadeira enciclopédia se escrevesse e falasse tudo aquilo que eu aprendi com você ao longo destes últimos anos! Você possui o dom da liderança, essa combinação poderosa entre estratégia e caráter, mas sem dúvida que o que mais se destaca em você é o seu caráter! Todos nós te desejamos felicidade e muitos mais anos de vida a você, meu amigo Adriano Galdino”, comentou Genival Matias.

Tião Gomes pontuou que Adriano Galdino é um companheiro de longas jornadas.

“Que felicidade poder celebrar a vida desse homem público, simples, guerreiro, admirável, competente e amigo. Que Deus te proteja, ilumine e realize todos os desejos do teu coração. Vida longa é o que desejo ao meu amigo Adriano, um político raro e grande administrador do nosso legislativo paraibano”, afirmou Tião.

Júnior Araújo destacou a contribuição de Adriano Galdino pelo desenvolvimento da Paraíba.

“Hoje é o dia desse grande ser humano, Adriano Galdino! Parabéns, meu amigo e companheiro de luta. Desejo a você muita felicidade, realizações, vida longa, bênçãos e um caminho iluminado por Deus. Feliz Aniversário!” parabenizou o deputado estadual.

O deputado Taciano Diniz pontuou a satisfação em poder conviver com um homem de caráter, simples e conduta ilibada. “Feliz Aniversário, Adriano Galdino. Que você continue sendo essa pessoa comprometida com nosso Estado. Receba os meus cumprimentos pela passagem de seu aniversário, com votos de felicidade e muitas realizações em sua vida. Para mim é uma honra poder conviver e aprender diariamente com os seus exemplos de honestidade, simplicidade,  honradez e caráter”, disse o parlamentar.

 

portaldolitoralpb

 

 

‘Ninguém recebeu mais deputados do que eu’, reage João a queixas

O governador João Azevêdo (PSB) reagiu, na manhã desta sexta-feira (18), à insatisfação de deputados da base governista que não estariam conseguindo audiência com o chefe do Poder Executivo.

O socialista chegou a fazer um desafio aos aliados se na Paraíba houve um gestor que mais recebeu parlamentares em um período tão curto de governo.

“Não conheço um governador que, com nove meses de governo, tenha recebido mais deputado estadual do que eu. Eu faço um desafio. Em nove meses de governo, a quantidade de vezes que eu me sentei com cada deputado para discutir as coisas. Reuniões coletivas, isoladas e individualmente tratando de reuniões com cada um. Então, eu não tenho essa preocupação. Essa crítica não me cabe porque eu tenho recebido sim os deputados, discutido, dialogado e colocado pessoas para fazer interlocução”, pontuou.

Na tarde de ontem, uma equipe de secretários estaduais e deputados governistas trataram, no Palácio da Redenção, do princípio de insatisfação de parlamentares. O encontro contou com as presenças dos secretários Nonato Bandeira (Comunicação), Ronaldo Guerra (Chefe de Gabinete), Edvaldo Rosas (Chefia de governo) e João Gonçalves (Articulação Política), além dos deputados Adriano Galdino (Presidente da Assembleia), Wilson Filho (líder do blocão), Edmilson Soares e Genival Matias.

MaisPB

 

 

Deputados aprovam criação de medalha com nome de Gabriel Diniz

Na semana em que ocorre a Corrida do Bem em homenagem ao cantor Gabriel Diniz, a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou o projeto de resolução 83/2019, de autoria do deputado estadual Wilson Filho (PTB), que cria medalha com o nome do artista, destinada a jovens talentos que impulsionem o nome da Paraíba nacional e internacionalmente através de arte.

“É uma honraria importante que carrega o nome de um cantor sul-matogrossense, mas que veio morar cedo na Paraíba e levou para todo o Brasil a bandeira rubro-negra com o dizer ‘Nego’. Ela objetiva homenagear artistas, que tenham nascido ou que seja filho de paraibanos, o que era o caso do nosso saudoso Gabriel, mas que carreguem a nossa bandeira para espaços de destaque no Brasil e no mundo” , comentou Wilson Filho.

O parlamentar ressaltou ainda a importância da Corrida do Bem, que acontece neste domingo (20) em João Pessoa. Além de homenagear o cantor, a Corrida acontece para angariar recursos ao Hospital Napoleão Laureano, referência no tratamento de câncer no estado, mas que vive crise financeira. O evento esportivo contará com participação do cantor Waldonys, que fará salto de paraquedas em alusão à música com o mesmo nome de GD.

“São três ações importantes em apenas um evento: a primeira, obviamente, é a prática de atividade esportiva e o bem-estar; o segundo, a caridade em prol do principal hospital da Paraíba no tratamento do câncer e, por fim, a homenagem ao saudoso Gabriel Diniz – que foi homenageado também pelo nosso mandato com a criação da medalha”, comemorou.

Sobre Gabriel Diniz

Natural de Campo Grande, GD mudou-se com a família para João Pessoa na adolescência, onde foi criado. Gabriel Diniz iniciou a sua carreira como músico cantando em algumas festas na UFCG, depois passou a integrar grupos de renome – a exemplo do Cavaleiros do Forró, até estourar em sua carreira solo. Neste ano, o hit ‘Jenifer’, interpretado por ele, foi uma das principais músicas do carnaval brasileiro. Em abril deste ano, tornou-se oficialmente cidadão paraibano em cerimônia na ALPB.

 

Assessoria

 

 

Maioria dos deputados democratas apoia impeachment de Trump

A maioria dos democratas na Câmara dos Deputados dos Estados Unidos é a favor de se iniciar um processo de impeachment contra o presidente republicano Donald Trump, agora que um parlamentar do Estado da Califórnia se tornou o 118º democrata a pedir isso, nesta sexta-feira.

“Nos últimos anos, nossa nação viu e ouviu coisas deste presidente que não têm cabimento em nossa democracia”, disse o deputado Salud Carbajal em um comunicado, no qual acusou Trump de comportamento “criminoso”.

“Acredito que está na hora de iniciar um inquérito de impeachment sobre o presidente”, disse Carbajal.

Os democratas têm uma maioria de 235 deputados na Câmara. O apoio a um inquérito de impeachment ultrapassou duas dúzias de democratas desde que o ex-procurador especial Robert Mueller depôs, no dia 24 de julho, a respeito de sua investigação sobre Trump e a interferência da Rússia na eleição norte-americana de 2016.

Mas o total de 118 ainda está longe dos 218 votos que são necessários na Câmara para aprovar uma resolução de impeachment, e pesquisas de opinião continuam a mostrar o eleitorado profundamente dividido sobre a questão.

Ver a maioria de seu próprio grupo partidário a favor do impeachment pode elevar a pressão sobre a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, que se opõe à medida por considerá-la politicamente arriscada, a menos que investigadores encontrem indícios contundentes de má conduta de Trump que possam unir a opinião pública. Mas alguns democratas dizem acreditar que a abordagem cautelosa de Pelosi dificilmente mudará.

Os democratas que se opõem ao impeachment dizem que a melhor maneira de tirar Trump do cargo é derrotá-lo em 2020, quando ele vai concorrer à reeleição.

 

 

Terra

 

 

Deputados federais da Paraíba criticam Greve Geral: ‘causou mais rejeição do que adesão’

Os deputados federais Pedro Cunha Lima (PSDB) e Efraim Filho (DEM) comentaram os protestos realizados na greve geral desta sexta-feira (14) convocados pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) contra a reforma da Previdência Social proposta pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL).

“O Brasil precisa perder essa mania de fazer política partidária, um palanque político a qualquer custo, não é hora de ficar contra o país, contra o conserto de uma nação que tem 13 milhões de desempregados, que tem uma década perdida na economia, não é brincadeira o momento econômico vivemos, o drama social, as consequências desse colapso social e aí para tudo”, opinou Pedro.

O tucano ainda comentou a polêmica envolvendo a deputada estadual Cida Ramos (PSB): “houve até a utilização de um carro oficial pago pelo contribuinte para atravessar uma rua e tirar o direito de ir e vir do povo paraibano, que paga por isso. Eu lamento muito porque não é disso que a gente precisa para sair desse momento de muita dificuldade, a gente tem que consertar o Brasil”.

“É a maior demonstração da velha política, algo que já está rechaçado pela sociedade atual que não aceita mais com esse tipo de manifestação com fechamento de ruas, queima de pneus e, em alguns casos, depredação de patrimônio público, prejudicando o direito de ir e vir dos cidadãos que são intimidados por esse tipo de movimento que não tem mais adesão”, declarou Efraim.

O democrata completou: “esse tipo de greve geral era feito na década de 90, é por isso que a oposição hoje está perdendo eleição, está desatualizada, existem formas mais modernas de colocar seu posicionamento sem atrapalhar a vida de quem não se interessa por esse tipo de movimento. Foi um tiro pela culatra, um tiro no pé porque causou mais rejeição da sociedade do que apoio”.

Yves Portal

 

 

 

Deputada propõe redução dos salários de senadores, deputados federais e estaduais

A deputada estadual Paula Francinete propôs nesta terça-feira (04) a redução dos salários de senadores, deputados federais e deputados estaduais. Ela disse que é preciso cortar na carne das categorias que detém privilégios e não dos que ganham salário mínimo, fazendo referência à aprovação da MP 871 pelo Senado. Os senadores aprovaram na noite desta segunda-feira (03) a Medida Provisória autorizando o pente-fino dos benefícios concedidos pelo INSS.

De acordo com Paula Francinete, “o pente-fino vem justamente para cortar na carne dos que mais sofrem. De quem não tem dinheiro para comprar seu remédio, para fazer sua feira”. Tendo exercido durante 30 anos o cargo de médica perita do INSS, a deputada afirmou que conhece as dificuldades dos que são aposentados com um salário mínimo.

“Vamos cortar na carne daqueles que têm o melhor salário. Vamos cortar o salário dos senadores, dos deputados federais, dos deputados estaduais”, conclamou a deputada paraibana. Ela defende que a economia não seja feita em cima dos mais pobres e sim naqueles que que já ganham muito.

Apesar da proposição de reduzir os salários altos da classe política, a deputada Paula Francinete já estima que os próprios representantes do povo não irão concordar com o corte. “Eles vão querer jogar uma coroa de espinhos em cima de mim porque estou dizendo isso. Eles não vão concordar que seja cortado, mas vamos começar a denunciar e tem que ser dentro de casa”, destacou.

“Pente-fino vamos passar em cima dos maiores e não em cima dos menores”, pontuou a deputada Paula Francinete.

Ela não calculou o quanto precisaria ser cortado nos salários de deputados e senadores, mas defendeu que “a classe política deveria ter um salário digno como todos os outros trabalhadores”. Recordando os privilégios que senadores já possuem, como apartamentos em Brasília, carros à disposição, passagens de avião e serviço médico nos melhores hospitais, Paula apontou que todos os recursos são provenientes do pagamento de impostos pelos contribuintes.

Nesta segunda-feira, o colunista do ClickPB, Clilson Junior, publicou um levantamento com o salário de todos os prefeitos da Paraíba. Alguns dos prefeitos chegam a ganhar o total de R$ 288 mil por ano.  A deputada aponta que estes salários também deveriam ser cortados. “Prefeito tem carro, motorista, um monte de funcionário à disposição dele. Luxo tem que ser cortado”, ressalta.

O maior salário constatado foi na cidade de São José de Piranhas, que tem somente 20 mil habitantes. O prefeito Chico Mendes recebe por mês o valor de R$ 24 mil para exercer o cargo.

Questionada sobre esse caso específico, Paula Francinete disparou que “é por isso que eu quero ser candidata a prefeita em São José de Piranhas, minha terra. Porque isso não vai acontecer. Nós temos que combater corrupção”.

 

clickpb