Arquivo da tag: dentista

Como aliviar dor de dente? Confira dicas para aliviar o problema

A dor no dente parece atrapalhar até mesmo o funcionamento dos nossos sentidos. Antes de tentar aliviar a dor de dente sozinho, veja aqui dicas que vão te salvar até se consultar com um dentista especializado.

Muitas vezes, a dor no dente aparece e não temos como nos consultar com um dentista imediatamente.

No entanto, é importante deixar claro a urgência de procurar um dentista para descobrir o motivo e saber como curar dor de dente com o profissional.

Mas saiba que, enquanto aguarda pelo atendimento do especialista, existem formas de como amenizar dor de dente e é justamente nisso que vamos te ajudar.

Continue lendo este post e descubra algumas das maneiras mais eficientes de como aliviar de dente!

CAUSAS COMUNS QUE LEVAM À DOR DE DENTE

O que você faz quando tem uma dor no dente?

A maioria das pessoas tende a buscar formas de aliviá-la, o que realmente é útil enquanto você espera a consulta com um odontologista para entender a origem da dor.

No entanto, se a dor passa, a maioria das pessoas simplesmente esquece o problema e deixa a consulta para depois, e é aí que está o perigo.

Afinal, muitos são os motivos que podem causar a dor no dente e alguns deles precisam ser tratados com urgência.

Como aliviar dor de dente é um questionamento comum, pois a adversidade é capaz de afetar as atividades do dia a dia.

Mas, quais são os principais motivos que levam uma pessoa a sentir dor no dente?

  • Cáries
  • Nascimento do siso
  • Sensibilidade
  • Bruxismo
  • Doenças na gengiva.

Entenda, a seguir, o que é cada uma dessas doenças ou condições que costumam causar a dor de dente.

Cárie

Não é à toa que a maioria das pessoas associa dores de dente à cáries: ela é, sem dúvidas, a culpada pela maior parte dessas queixas nas cadeiras dos dentistas.

Em primeiro lugar, é importante saber que a dor da cárie costuma iniciar quando as lesões causadas pelas bactérias atingem camadas mais profundas dos dentes.

Apenas o tratamento com o dentista pode impedir o progresso da cárie, pois ele possivelmente realizará uma obturação ou até mesmo tratamento de canal, dependendo da seriedade do caso.

No entanto, algumas medidas podem ser tomadas para aliviar a dor nos dentes enquanto espera a disponibilidade de atendimento do profissional.

Nascimento do siso

O dente do siso pode causar dores em diversos estágios de seu nascimento.

Por exemplo, desde a sua erupção até a falta de espaço na gengiva, que o leva a pressionar os dentes vizinhos, trazendo um deslocamento dolorido.

No entanto, a principal causa da dor é a inflamação da gengiva do dente não erupcionado, já que a região costuma não ser alcançada no momento da escovação.

Na maioria das vezes, é necessário extrair o siso dolorido, justamente para evitar esse tipo de complicação e a intervenção do dentista é fundamental nesse momento.

Sensibilidade

Dentes sensíveis também podem trazer dor.

Isso porque a sensibilidade pode ocorrer devido à retração da gengiva, que expõe a raiz ou algum problema de oclusão, decorrente da má posição dos dentes, bruxismo e parafunção.

Nesses casos, um jeito simples de como aliviar dor de dente é evitar alimentos frios ou quentes, por exemplo.

Bruxismo

O bruxismo é uma doença em que a pessoa costuma ranger ou apertar os dentes, normalmente durante o sono, mas que também pode acontecer durante o dia.

Dependendo do nível de incômodo, é comum que a pessoa vai atrás de como amenizar dor de dente.

Afinal, trata-se de um tipo de dor que, dependendo do caso, pode acabar incomodando a rotina.

O bruxismo pode ser um sintoma de adversidades como o estresse, ansiedade, maloclusão, apneia, entre outros problemas.

Doenças na gengiva

As doenças na gengiva, também conhecidas como doenças periodontais, são outras causadoras de dor no dente.

No caso da periodontite, que é a evolução da gengivite em que ocorrem problemas ósseos, a infecção na região costuma causar muita dor.

7 DICAS CASEIRAS PARA AMENIZAR DOR DE DENTE

Quer saber como amenizar a dor enquanto espera pela consulta com o dentista?

Existem alguns remédios cujo preparo é feito em casa com ingredientes fáceis

Esses remédios podem ajudar a aliviar a dor até que o dentista faça uma avaliação correta e indique o melhor tratamento.

Além disso, existem outras dicas simples que você pode colocar em prática para amenizar dor nos dentes. Confira a seguir!

Comer alimentos moles e gelados

Se você procura como amenizar a dor de dente enquanto está em tratamento ou com uma consulta marcada no dentista, veja algumas dicas de alimentos para consumir:

  • Sopa liquidificada e fria
  • Gelatina sem açúcar
  • Vitamina de frutas
  • Iogurte natural.

Os alimentos frios e moles, por não envolver muita mastigação ou altas temperaturas, ajudam a aliviar dor de dente, evitando que ela piore.

Bochechos com água morna e sal

A água morna com sal é um excelente antisséptico natural e fácil de preparar em casa, podendo ser usada quando existe suspeita de uma infecção no dente.

Para isso, é recomendado dissolver uma colher de sopa de sal em um copo com água morna e depois bochechar a mistura por toda a boca durante cerca de 30 segundos.

Compressa de água fria

Se além da dor você também estiver com inchaço, é recomendável segurar uma compressa de água fria ou de gelo na parte exterior da bochecha.

Isso porque o frio contribui para que a área fique relaxada e assim alivia a dor, ajudando também na diminuição do inchaço.

O ideal é alternar 20 minutos com a compressa e 20 minutos sem.

No entanto, saiba que mesmo com as compressas sendo eficientes para alívio temporário, este não é o modo correto de como curar dor de dente.

O ideal é procurar um dentista o quanto antes.

Escovar bem os dentes

homem se olhando no espelho enquanto esta escovando seus dentes. Ele esta usndo uma camiseta branca e ao fundo é possível ver detalhes do banheiro

Alimentos acumulados entre os dentes também causam dor.

Afinal, quando a higiene bucal não é realizada corretamente, os resíduos começam a se juntar, podendo provocar uma inflamação ou até mesmo infecção no local.

Dessa forma, ao primeiro sinal de dor, escove bem a região com uma escova de dente com cerdas macias, com cuidado para não ferir a gengiva.

Além disso, lembre de também utilizar o fio dental, pois ele é capaz de alcançar locais que a escovação nem sempre é capaz.

Alho

Se você está se perguntando como é possível curar dor de dente com alho, vai se surpreender ao saber que ele é uma das opções mais utilizadas.

Apesar de não ser a mais agradável, devido ao seu sabor intenso,o alho possui diversas propriedades que ajudam a combater rapidamente a dor.

Além disso, o alho é capaz de evitar o agravamento de infecções que possam estar no local afetado.

Sendo assim, para utilizar o alho do jeito certo, basta cortar um dente ao meio e aplicar com a parte cortada diretamente contra a gengiva do dente afetado.

Uma outra forma também comum é colocar o dente de alho sobre o dente dolorido e mastigar o alho.

Própolis

Se você busca como acabar com dor de dente, saiba que esse é um dos jeitos mais fáceis.

Isso porque o própolis possui forte ação cicatrizante e antibacteriana.

Quando adicionado ao chá de macela, um eficiente calmante e anti-inflamatório que limpa o local e ajuda a reduzir a dor, vai te ajudar a ter momentos de alívio até chegar o momento da consulta.

Portanto, para prepará-lo, coloque cinco gotas de própolis a cada xícara de chá de macela e tome duas vezes por dia.

Cravo-da-índia

O cravo-da-índia é provavelmente o remédio natural mais utilizado para aliviar dor de dente, pois possui excelentes propriedades bactericidas e analgésicas.

Para usar este remédio, deve-se amassar ligeiramente um cravo e colocá-lo junto ao dente que parece ser a fonte da dor.

Além disso, um outro produto que também é eficiente é o óleo essencial de cravo-da-índia.

Para utilizá-lo, basta pingar 1 gota em um pequeno pedaço de algodão e colocá-lo no dente.

Mas atenção: o importante é que o contato não dure mais de 2 minutos, pois o óleo essencial pode causar queimadura nas gengivas se for utilizado por muito tempo.

Também existe uma outra forma de utilizar o óleo essencial: basta colocar de 3 a 4 gotas em um copo de água morna e, em seguida, enxaguar a boca.

Neste caso, ao pensar em como amenizar dor de dente, trata-se de uma forma mais segura, pois o óleo é mais diluído, evitando que a gengiva queime.

No entanto, ao diluir o óleo, saiba que o efeito sobre a dor pode acabar sendo menor.

PROCURE UM BOM PROFISSIONAL PARA TRATAR A DOR DE DENTE

Apesar de todas essas dicas incríveis contra essa dor que pode acometer muitas pessoas, não esqueça da importância de se consultar com um especialista, certo?

Afinal, as dicas aqui apresentadas são apenas para aliviar a dor momentaneamente.

O diagnóstico e o tratamento correto só pode ser realizado com um profissional da área.

PREVENÇÃO É O MELHOR REMÉDIO

As pessoas vêm se tornando mais conscientes sobre a importância de visitas regulares aos médicos e a realização de exames de rotina.

Afinal, sabe-se que realizar consultas periódicas e preventivas é a melhor forma de se prevenir contra qualquer adversidade.

Além disso, é importante pontuar que a saúde bucal é tão importante quanto a saúde do corpo em geral, e também deve ser levada a sério.

Certamente ninguém deseja ficar doente ou ter dores, não é mesmo?

Portanto, veja algumas dicas do que você pode fazer para prevenir uma possível dor de dente:

  • Escovar bem os dentes pelo menos três vezes por dia, todos os dias
  • Evitar o consumo exagerado de doces e alimentos ácidos
  • Utilizar enxaguante bucal sem álcool
  • Usar diariamente o fio dental para remover resquícios de alimentos
  • Visitar o dentista pelo menos duas vezes ao ano para prevenir o surgimento de doenças.

APRENDEU COMO ALIVIAR DOR DE DENTE?

Neste conteúdo você conferiu quais as causas que costumam originar dores de dente, como a cárie, o nascimento do dente do siso, a sensibilidade, problemas na gengiva e o bruxismo.

Além disso, reunimos 7 dicas caseiras de como aliviar dor de dente até o momento da consulta de urgência com o especialista.

Afinal de contas, o primeiro passo a ser dado no momento em que uma dor aparece é agendar uma consulta com um profissional da área que, neste caso, é o dentista.

Entre as dicas compartilhadas, estão receitas com alho, própolis e cravo da índia, bochechos com água morna e sal, ingerir alimentos moles e gelados, além da escovação bem realizada e compressas de água fria.

Você também viu que uma das melhores formas de prevenir uma dor no dente é realizar  consultas periódicas e preventivas, buscando ter um acompanhamento profissional e evitar complicações.

Portanto, se você não possui o costume de visitar o seu dentista com uma certa frequência, saiba que está é uma das formas mais eficaz de afastar uma possível dor no dente.

Gostou do artigo? Conhece alguma outra receita caseira que alivie a dor de dente? Compartilhe nos comentários!

 

idealodonto

 

 

 

Mãe descobre que filho foi estuprado após dentista achar doença na boca

Uma mãe descobriu que o filho de 6 anos foi estuprado depois que o levou a uma dentista no posto de saúde em Avaré (SP). O garoto tinha uma ferida na boca e a profissional suspeitou que ele tinha HPV, uma doença sexualmente transmissível. Após três consultas com a equipe médica do local, foi confirmada a suspeita devido ao formato e coloração. Pressionado pela mãe, ele contou que foi abusado pelo vizinho, de 21 anos. De acordo com informações da Polícia Militar, o suspeito foi preso nesta terça-feira (25) e nega as acusações.

DST apareceu na boca da criança após suspeita de abuso sexual (Foto: Arquivo Pessoal)DST apareceu na boca da criança após suspeita
de abuso sexual em Avaré (Foto: Arquivo Pessoal)

“Depois que a criança contou com riquezas de detalhes sobre local, horário e até mesmo sobre as tatuagens do suspeito, a mãe reconheceu o vizinho e o prendemos preventivamente por 30 dias”, explica o delegado de Avaré, João Luiz de Almeida. O menino fez ainda um exame, que deve confirmar a doença nos próximos dias.

Ainda de acordo com Almeida, o abuso sexual aconteceu em maio quando o menino brincava na rua de casa, na Vila Esperança. “A criança contou que foi levada à força ao quintal de uma residência vizinha e que fica desocupada durante o dia e foi obrigada a fazer sexo oral. A data também coincide com o tempo em que o homem estava livre da prisão na casa onde mora – ele tem passagens por tráfico de drogas”, diz.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

A dentista que fez o atendimento à vítima, e que não quer se identificar, conta que a mãe achava que as feridas eram resultado de mordidas. Mas o HPV é característico por ter “verrugas” com manchas brancas, diz ela. “Retiramos a ‘verruga’ e entregamos para autópsia que deverá  confirmar o HPV. Agora é torcer para que a lesão não volte, senão será preciso medicar.”

O suspeito de ter abusado da criança não tem sintomas da doença no órgão genital, diz a polícia. Mas a dentista explica que o HPV pode não se manifestar no corpo. “Depende do organismo, do sistema imunológico”, explica. Por isso, o suspeito também fez exames no Instituto Médico Legal (IML) para comprovar a doença.

A polícia aguarda pelos exames que provariam o HPV na vítima e no suspeito. Os resultados devem chegar até a segunda semana de setembro, diz o IML. “O instituto não consegue provar que houve abuso por ter sido na boca, mas se ambos tiverem a mesma doença é outro forte indício da autoria do crime, já que a versão da criança é verossímil”, conta o delegado Almeida.

Operação da Polícia Civil resultou na prisão de 42 pessoas (Foto: Adolfo Lima/ TV TEM)Polícia Civil prendeu principal suspeito do abuso por 30 dias (Foto: Adolfo Lima/ TV TEM)
G1

Idoso mata sua dentista por não concordar com orçamento

clinicaUm homem de 72 anos foi morto nesta terça-feira (19) pelas forças de elite da polícia francesa da cidade de Marselha depois de matar sua dentista durante uma consulta, aparentemente devido a um desacordo sobre o orçamento.

O incidente aconteceu nesta manhã em um edifício comercial no centro da cidade do sudeste da França.

Segundo os primeiros dados que a investigação obteve, o idoso entrou no consultório, retirou da sala um paciente e a assistente da dentista e disparou contra a profissional, uma mulher de 51 anos, que morreu em seguida, informou a procuradoria de Marselha.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O Grupo de Intervenção da Polícia Nacional (GIPN), que esteve no local, matou o agressor depois que ele abriu fogo contra os agentes com uma pistola e um revólver, segundo várias fontes.

A procuradoria afirmou que não houve “motivo torpe” para o assassinato, enquanto fontes policiais citadas pelo jornal Le Figaro apontam uma “diferença pessoal” entre o criminoso e a vítima como causa do ataque.

Segundo o diário, o homem, de nacionalidade francesa e chamado Abraham A., já era conhecido da polícia por ter matado um vendedor em 1979.

G1

Veja importância de levar crianças ao dentista antes da volta às aulas

Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

Os dentistas recomendam que pacientes marquem consultas de seis em seis meses para manter a saúde bucal em dia. Uma boa maneira de se lembrar do compromisso é agendar a visita nos meses das férias escolares – janeiro e julho –, de preferência no começo das férias, para evitar que dores de dente ou outras complicações estraguem a viagem.

Os dias de folga das crianças já estão acabando, mas ainda dá para aproveitar os últimos dias para marcar o check up. O importante de não adiar a consulta com o dentista é tentar remediar os possíveis estragos que esses dias cheios de doces, refrigerantes, sorvetes – em outras palavras, açúcar – podem causar nos dentes da criançada.
Além da sobrecarga de açucares, a falta de rotina também faz com que os pequenos se esqueçam da amiga escova. Compreensível que isso aconteça em dias de ficar na praia, ir ao zoológico ou ao parque de diversões, mas não é preciso deixar a higiene oral de lado. “Nesses dias ainda dá para caprichar na escovação pela manhã e, principalmente, à noite”, diz a dentista Márcia Vasconcelos, consultora científica da Associação Brasileira de Odontologia (ABO).
Segundo a especialista, os pais precisam manter a disciplina, isso porque, igual escovar os dentes, o controle do consumo de açúcar é extremamente importante e deve ser respeitado. “As mães devem, pelo menos, limitar o número de vezes que a criança irá consumir o açúcar”, aconselha Márcia.
Uma dica é tentar substituir os doces por frutas. A maçã, por exemplo, ajuda na limpeza dos dentes. Caso seja tarde, e a cárie já tenha dado as caras, marque uma consulta com o dentista o mais rápido possível para evitar complicações.
Dicas para não deixar a higiene bucal de lado nas férias
– Tente manter as três escovações diárias depois das refeições principais.
– Marque uma consulta com o odontopediatra já no começo das férias.
– Faça da hora da escovação um momento divertido.
– Até os dois anos, a criança deve ser estimulada com a escova de dentes, mas os pais devem fazer a escovação, inclusive da língua. A partir dos três anos, com o nascimento dos molares, deve-se incluir o uso do fio dental. Com sete anos, a criança já está apta a escovar os dentes sozinhas, mas ainda devem ser supervisionadas.
– Tente fazer lanches com frutas. Vale usar a criatividade para deixar o alimento divertido e mais atrativo do que os doces cheios de açúcar.
Terra