Arquivo da tag: concorrência

Concorrência do concurso do TCE-PB chega a 2 mil por vaga

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) divulgou, nesta terça-feira (12), que 16.860 pessoas se inscreveram para o concurso público do órgão, que vai ofertar 20 vagas, sendo 15 de auditor de contas públicas e cinco para agente de documentação. Segundo informações da comissão do concurso, 6.768 candidatos inscreveram-se para concorrer às vagas no cargo de auditor de contas públicas, o que representa 451,2 candidatos por vaga, enquanto que 10.092 optaram pelas vagas abertas para agente de documentação, ou 2.018 candidatos por vaga.

Para concorrer a uma das vagas no cargo de auditor de contas públicas, o candidato deverá ter curso superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). A remuneração do cargo será de R$ 13.002,03, com 40 horas semanais.

Ao de agente de documentação, a exigência é de conclusão de curso de ensino médio. Duas vagas, uma de cada área, estão reservadas a candidatos portadores de deficiência. A remuneração do cargo será de R$ 5.519,61.

Locais e horários de realização das provas serão divulgados até o dia 4 de janeiro de 2018, via internet, no endereço eletrônico do concurso e pelo Portal do TCE-PB.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

ProUni: concorrência aumenta; medicina e direito têm maiores notas de corte

ProuniA concorrência no Programa Universidade para Todos (ProUni) aumentou, segundo dados divulgados pelo Ministério da Educação (MEC). Neste ano foram 15,3 candidatos para cada bolsa. No ano passado, a relação candidato por vaga foi 13,8 e, em 2014, 12,7. Ao todo, 1.599.808 estudantes inscreveram-se no programa.

As maiores notas de corte foram medicina, em Fortaleza, com 791,66 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem); direito em Araras, São Paulo, com 791,04; e medicina em Goiânia, com 789,712. As três notas foram registradas na ampla concorrência.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Houve também, entre as dez maiores notas de corte, duas que foram pelo sistema de cotas, medicina em Ubá, Minas Gerais com 785,02; e medicina em Juazeiro do Norte, Ceará, com 782,28. Os cursos tiveram, respectivamente, a quinta e a sexta maiores notas de corte.

Inscritos

De acordo com o balanço do MEC, a maioria dos inscritos é mulher (59,5%) e tem até 22 anos (65%). Do total de inscritos, 12.834 são pessoas com deficiência. Os candidatos são principalmente de São Paulo, estado origem de 290,5 mil inscritos, Minas Gerais (193 mil) e Bahia (114,6 mil).

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, explica que, por se tratar de oferta de bolsas em instituições particulares, os inscritos concentram-se também onde está o maior número de instituições, principalmente na Região Sudeste.

Cotas

Quase 40% das inscrições no ProUni foram para vagas reservadas para cotistas, revela o balanço do MEC. Ao todo, 1.599.808 pessoas se inscreveram no programa, para concorrer a bolsas no ensino superior. Como cada candidato podia fazer até duas opções de curso, o sistema registrou 3.108.422 inscrições, 1,2 mil no sistema de cotas.

O ProUni reserva, em processo seletivo, bolsas às pessoas com deficiência e aos autodeclarados pretos, pardos ou índios. O percentual de bolsas destinadas aos cotistas é igual àquele de cidadãos pretos, pardos e índios, por Unidade da Federação, segundo o último censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O candidato cotista também deve se enquadrar nos demais critérios de seleção do programa.

Matrícula

Os estudantes selecionados na primeira chamada têm até 1º de fevereiro para comprovar as informações na instituição para a qual foram selecionados. “Quem não se apresentar na instituição perde a vaga e dará lugar a outro. Com a concorrência grande, os estudantes devem estar atentos para fornecer todas as informações necessárias”, alerta Mercadante.

A segunda chamada será divulgada no dia 12 de fevereiro e a comprovação das informações dos pré-selecionados nesta etapa deverá ser feita até o dia 18. Quem não for pré-selecionado em nenhuma das duas chamadas poderá entrar na lista de espera, exclusivamente para o curso correspondente à primeira opção. O interesse em participar da lista de espera deve ser manifestado pelo candidato entre 26 e 29 de fevereiro, na página do ProUni.

Por meio do programa, estudantes concorrem a bolsas de estudos parciais e integrais em instituições particulares de educação superior, com base na nota do Enem. Na primeira edição de 2016, o programa ofertou 203.602 bolsas para 30.931 cursos.

Agência Brasil

Paraíba tem 506 candidatos; maior concorrência é para a Assembleia

politicaO Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba deve divulgar nesta terça-feira (8,) o edital com os requerimentos de registros de candidaturas para as Eleições 2014. A maiorias dos candidatos querem uma das 36 vagas da Assembleia Legislativa e a concorrência para uma das 12 vagas de deputado federal é de um para cada 8,25 concorrentes.

Foram solicitados 506 registros, sendo seis para candidatos aos cargos de governador do Estado e seis vices, oito candidatos a senador e 16 suplentes, 99 candidatos a deputado federal e 371 candidatos a deputado estadual.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Após a divulgação do edital no Diário da Justiça Eletrônico começa a correr o prazo de cinco dias para pedidos de impugnação por parte daqueles que desejem contestar as candidaturas apresentadas pelos partidos políticos.

Os pedidos de registro e de impugnação de candidaturas serão distribuídos com os juízes membros da Corte Eleitoral que levarão seus relatórios e votos a julgamento do Pleno até o dia 5 de agosto.

MaisPB com Ascom TRE

Concurso do Magistério inscreve 53.497 candidatos e tem concorrência divulgada

Concurso-públicoA Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulgou, nesta terça-feira (7), a concorrência do Concurso do Magistério da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) que terá as provas aplicadas neste domingo (12). O concurso teve 53.497 pessoas inscritas e está oferecendo 1.300 vagas. O cargo Agente Educacional I, com 200 vagas, foi o mais concorrido, com 24.286 inscritos e concorrência de 121,43 por vaga.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com a relação de candidatos por vaga, publicada no portal da FGV (http://fgvprojetos.fgv.br/concursos/peb/jp), o segundo cargo mais concorrido é o de Assistente Social Escolar, que oferece 21 vagas e teve 1.611 candidatos inscritos, gerando uma concorrência de 76,71 por vaga. O terceiro cargo mais concorrido é o de Professor de Educação Básica II de Ciências, com 2.373 candidatos concorrendo as 40 vagas, uma concorrência de 59,33 por cada vaga.

 

O cargo de Professor de Educação Básica I, que oferece 450 vagas, registrou a inscrição de 9.635 candidatos, gerando uma concorrência de 21,41 por vaga. Outro muito concorrido é o de Professor de Educação Básica II de História, com 2.358 candidatos a cada uma das 50 vagas (concorrência de 47,16 por vaga).

 

Os cargos de Professor de Educação Básica II de Português e de Matemática, embora sejam os que mais oferecem o maior número de vagas, não estão entre os mais concorridos. Para professor de Português, as cem vagas oferecidas serão disputadas por 2.717 candidatos (concorrência de 27,17); já para professor de Matemática, as cem vagas serão disputadas por 1.889 candidatos (concorrência de 18,89 por vaga).

 

Entre os cargos menos concorridos, em primeiro lugar ficou Professor de Educação Básica II de Dança, com 45 candidatos concorrendo a cada uma das 20 vagas (concorrência de 2,25 por vaga). Este é seguido por Professor de Educação Básica II de Libras, que tem 123 inscritos e 20 vagas (concorrência de 6,15). O terceiro cargo menos concorrido é o de Professor de Educação Básica II de Teatro, com 146 candidatos para as vinte vagas (concorrência de 7,3 por vaga).

 

Locais de prova – Nesta segunda-feira (6), a FGV divulgou os locais onde os candidatos irão realizar as provas. No mesmo endereço virtual da concorrência, os candidatos podem ter acesso ao local onde prestarão o concurso, sendo necessário o número do CPF para a conferência.

 

A prova escrita objetiva (de múltipla escolha) será aplicada neste domingo (12) em dois horários. Para os cargos de Professor da Educação Básica I e Professor da Educação Básica II, a prova será realizada no período da manhã, das 8h às 12h. Já para os cargos de Assistente Social Escolar, Orientador Educacional, Psicólogo Escolar e Supervisor Escolar, no período da tarde, das 14h às 18h.

 

Para os candidatos de Nível Médio – Agente Educacional I, que farão prova escrita de múltipla escolha e redação, a prova também acontece no período da tarde, das 14h às 18h. De acordo com o edital, os candidatos deverão realizar o exame usando caneta esferográfica de tinta azul ou preta, em material transparente.

 

Salários – Os salários destinados aos professores e demais vagas em nível superior se enquadra como o maior entre as capitais nordestinas e o quarto entre todas as capitais brasileiras. O valor inicial para 30 horas de trabalho semanais será de R$ 2.250. Para o nível médio, o valor pago será de R$ 806.

 

Relação candidatos por vaga

Cargo Vaga Candidatos Concorrência
Agente Educacional 200 24.286 121,43
Assistente Social Escolar 21 1.611 76,71
Orientador Educacional 30 1.508 50,27
Professor – PEB I 450 9.635 21,41
Prof. PEB II – Ciências 40 2.373 59,33
Prof. PEB II – Dança 20 45 2,25
Prof. PEB II – Educação Física 80 1.972 24,65
Prof. PEB II – Geografia 50 1.771 35,42
Prof. PEB II – História 50 2.358 47,16
Prof. PEB II – Inglês 50 652 13,04
Prof. PEB II – Libras 20 123 6,15
Prof. PEB II – Matemática 100 1.889 18.89
Prof. PEB II – Música 20 242 12,1
Prof. PEB II – Português 100 2.717 27,17
Prof. PEB II – Teatro 20 146 7,3
Psicólogo Escolar 30 1.329 44,3
Supervisor Escolar 19 840 44,21

 

Secom-JP

UFCG divulga concorrência do vestibular 2013; medicina lidera disputa por vaga

A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) divulgou na tarde da segunda (26), a concorrência do Vestibular 2013.1. Das 3.115 vagas disponibilizadas, 2.695 são livres e 420 reservadas a estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas. Destas, 228 são reservadas aos estudantes com renda familiar igual ou inferior a 1,5 salário mínimo per capita, das quais 131 para cota racial e 97 para cota não racial.

Para as vagas livres, os cursos mais procurados são os de Medicina em Campina Grande, com 270,9 candidatos por vaga, e Medicina em Cajazeiras, com 141, seguidos de Enfermagem, em Campina Grande, com 79 inscritos por vaga.

Para os candidatos inscritos no sistema de cotas, o curso de Medicina em Campina Grande também aparece em primeiro lugar na concorrência para os inscritos na categoria com renda menor que 1,5 salário (189,5 por vaga, na cota racial, e 301, na cota não racial) e maior que 1,5 salário (61,5 por vaga, na cota racial, e 99, na cota não racial).

Ao todo, foram homologadas 57.943 inscrições, das quais 7.768 foram destinadas às cotas, sendo 6.584 com renda menor que 1,5 salário (3.228 na cota racial) e 1.184 com renda maior que 1,5 salário (550 na cota racial).

A partir desta edição, haverá uma seleção para cada período letivo, ou seja, serão dois vestibulares distintos: o Vestibular 2013.1, com 3.115 vagas, para os 67 cursos com entrada no primeiro período, e o Vestibular 2013.2, com 1.600 vagas, para os 35 cursos com entrada no segundo período (há cursos com entrada nos dois períodos, uns com entrada apenas no primeiro período e outros apenas no segundo período). As inscrições para o Vestibular 2013.2 ocorrerão no próximo ano.

Os dois vestibulares totalizam 4.715 vagas em 75 cursos de graduação, distribuídos nos sete campi da instituição: Campina Grande, Cajazeiras, Cuité, Patos, Pombal, Sousa e Sumé.

Veja a lista com os 10 cursos mais concorridos, para vagas livres:

1 – Medicina (C. Grande) – 270,9

2 – Medicina (Cajazeiras) – 141

3 – Enfermagem (C. Grande) – 79

4 – Psicologia (C. Grande) – 58,33

5 – Engenharia Civil (C. Grande) – 58,48

6 – Administração (C. Grande) – 35,54

7 – Nutrição (Cuité) – 29,90

8 – Direito (Sousa –  diurno) – 26,79

9 – Enfermagem (Cajazeiras – diurno) – 22,77

10- Direito (Sousa – noturno) – 20,50

Assessoria

Lei das Cotas muda PSS; Coperve adia divulgação da concorrência

A divulgação da concorrência do Processo Seletivo Seriado (PSS-2013) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), que ocorreria nesta terça (16/10), foi adiada e ainda não há uma previsão para que as estatísticas sejam divulgadas. A mudança de data foi necessária após a publicação, na edição de ontem do Diário Oficial da União, do Decreto nº 7.824, que determina que 50% das vagas disponíveis nas instituições federais de ensino superior devem ser destinadas a quem cursou o Ensino Médio em escolas públicas.

Conforme informativo divulgado pela Comissão Permanente de Vestibular (Coperve), a concorrência geral será publicada apenas depois que a UFPB concluir os estudos sobre a adaptação de suas normas às novas diretrizes. Segundo o pró-reitor de Graduação da UFPB, Valdir Barbosa Bezerra, os estudos precisarão ser realizados porque, mesmo que a instituição já possua reserva de vagas para estudantes advindos de escolas públicas, alguns pontos precisam ser modificados.

“Atualmente, exigimos que o estudante tenha feito também pelo menos três séries do Ensino Fundamental em Escola Pública. Na nova lei, a exigência é apenas relacionada ao Ensino Médio. Além disto, também precisamos fazer algumas adequações com relação à renda familiar”, disse.

Valdir Bezerra destacou que as mudanças serão válidas já para o vestibular 2013. “Até meados do próximo mês, isto já precisa estar pronto”, afirmou, sem mencionar entretanto, mudanças nas datas do vestibular. Ao todo, a UFPB recebeu 41.209 inscrições.

As cotas serão preenchidas de acordo com as notas dos alunos.

As vagas estarão disponíveis aos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, seguindo a ordem de menor renda. Em seguida, terão prioridade os demais estudantes de baixa renda. A nova lei também é válida para as escolas técnicas federais, mas neste caso a reserva é para quem cursou o ensino fundamental em escola pública.

G1PB

Cinco municípios da PB terão concorrência zero por apresentar apenas uma candidatura a prefeito

Cinco candidatos a prefeito em cinco municípios paraibanos devem ter concorrência zero nas eleições deste ano. É que pelo Sistema de Registro de Candidaturas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), até agora, esses candidatos estão registrados sem apresentar nenhum concorrente.

Estão, até agora, registrados sem concorrentes os candidatos a prefeito de Aguiar – Tintin (PP); Camalaú – Jacinto Bezerra (DEM); Curral Velho – Joaquim Alves (PSDB); Poço Dantas – Dedé Candido (PSB) e São Domingos de Pombal – Odaisa de Cássia (PMDB).

O número pode mudar já que cartórios eleitorais ainda estão cadastrando no sistema do TSE o registro de outros candidatos, bem como em algumas cidades com apenas dois candidatos um deles apresenta impugnação do registro de candidatura.

Um exemplo disse está em Solânea onde apenas o registro de candidatura de Beto do Brasil (PPS) foi deferida, enquanto que o registro do Professor Josenias (PTB) está indeferido.

Fonte: PolíticaPB

Número de candidatos a vereador aumenta em 20% na Paraíba; prefeitos reduzem a concorrência

O número de candidatos a vereador, na Paraíba, cresceu 20% em comparação a última eleição municipal realizada em 2008. No pleito passado foram inscritos 8.671 concorrentes ao cargo de parlamentar mirim. Em 2012, o número total de postulantes a uma vaga na Câmara Municipal foi de 10.395. Significa um aumento de 1.724.

Em 2008 foram, em média, 39 candidatos por município. Este ano a Paraíba vai ter uma média de 46,6 concorrentes ao cargo de vereador, por cidade.

Número de candidatos a prefeito sofre redução

Ao contrário do que aconteceu com as candidaturas a vereador, o número de candidatos ao cargo de prefeito sofreu uma redução de 9%. Enquanto em 2008 foram 595 concorrentes, em 2012 foram inscritos 545 postulantes ao cargo de Chefe do Executivo Municipal. Uma redução de 50 candidatos.

No pleito eleitoral municipal anterior, cada município teve, em média, 2,7 concorrentes ao cargo de prefeito. Em 2012 a Paraíba terá uma média de 2,5 candidatos.

Fonte: Nice Almeida – PolíticaPB

Em Solânea: 42 candidatos a vereador disputam 11 vagas na Câmara Municipal; concorrência é de 3,8

 

Uma concorrência de 3,8 candidatos por vaga. Assim será a disputa pelas onze cadeiras de vereador existentes no município de Solânea. Serão 42 candidatos disputando as vagas da Câmara Municipal nas eleições deste ano. Desses, 19 estão incluídos na coligação “Solânea Unida”, 14 na “Vontade do Povo” e 9 são de partidos que não se coligaram para a chapa proporcional. O número ainda pode sofrer alteração, já que as candidaturas individuais têm até esta terça-feira (10) para serem registradas.

Confira a relação dos candidatos a vereador em Solânea

http://divulgacand2012.tse.jus.br/divulgacand2012/FramesetPrincipal.action?siglaUFSelecionada=PB

Redação/Focando a Notícia