Arquivo da tag: cobrado

Consumidor não será cobrado por ligações sucessivas de celular para um mesmo número

Para evitar que o consumidor tenha prejuízos com falhas na ligação, a Anatel estipulou medidas para que, a partir da segunda ligação, a chamada seja gratuita 

Divulgação / Governo do Paraná Daqui 90 dias, se uma ligação for interrompida, o usuário pode repeti-la e a segunda chamada será considerada como se fosse a primeira
  • Daqui 90 dias, se uma ligação for interrompida, o usuário pode repeti-la e a segunda chamada será considerada como se fosse a primeira

Ligações sucessivas feitas de aparelho celular entre os mesmos números de origem e destino serão cobradas apenas uma vez. A determinação é da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e foi publicada na quinta-feira (29), no Diário Oficial da União (DOU).

De acordo com a publicação, para serem consideradas sucessivas, as chamadas deverão ser refeitas no intervalo máximo de 120 segundos entre os mesmos números de origem e de destino. A alteração entrará em vigor em 90 dias. A decisão da Anatel tem o objetivo de evitar que o usuário tenha prejuízos financeiros com quedas constantes de ligações.

A regra das chamadas sucessivas será aplicável a todos os planos de serviço oferecidos pelas prestadoras, tanto aqueles que realizam tarifação por tempo quanto por chamada. No caso de quem paga a ligação por tempo, haverá a soma dos segundos e minutos de todas as chamadas sucessivas.

No caso de quem paga por ligação, as chamadas sucessivas serão consideradas uma só para efeito de cobrança e não poderão ser cobradas do consumidor como ligações diferentes.

Anatel

A Anatel é o órgão federal que trata da regulamentação do setor de telecomunicações. As ações voltadas a aprimorar as relações entre os consumidores e as empresas que atuam na área de telefonia vêm ampliando cada vez mais no Brasil.

Para aumentar a efetividade da solução de reclamações de usuários, a Anatel mantém um sistema automatizado de registro, encaminhamento e tratamento das demandas. O código 1331 recebe reclamações, sugestões e críticas dos usuários de serviços de telecomunicações enquanto o 1332 atende, com a mesma finalidade, exclusivamente pessoas portadoras de deficiência auditiva.

O usuário de serviço móvel, em todos os planos de serviços oferecidos pelas prestadoras, tem direito ao recebimento, sem cobrança, de relatório detalhado dos serviços dele cobrados incluindo, no mínimo, para cada ligação, as seguintes informações: local de origem e de destino da ligação; o número do telefone chamado; a data e horário (hora, minuto e segundo) do início da ligação; valor da ligação, explicitando os casos de variação horária; o usuário pode exigir da prestadora o relatório detalhado relativo aos 90 (noventa) dias imediatamente anteriores a seu pedido, e a prestadora tem que torná-lo disponível em até 48 horas.

Pelas regras, somente são cobradas chamadas com duração acima de 3 segundos, sendo que do quarto ao trigésimo segundo de ligação é cobrado o valor total correspondente a 30 segundos.

Fonte:
Agência Nacional de Telecomunicações
Agência Brasil
Portal Brasil

Runco libera, e Adriano volta a treinar na terça: ‘Agora posso ser cobrado’

 

Adriano está liberado para ser integrado ao grupo do Flamengo. Na manhã desta segunda-feira, o atacante, que chegou sorridente e confiante, foi examinado por José Luiz Runco numa clínica na Barra da Tijuca, e o médico rubro-negro deu sinal positivo para que o jogador de 30 anos passe a treinar com o grupo já a partir desta terça-feira, no Ninho do Urubu. A tendência é que também nesta terça o Imperador assine contrato até dezembro. Faltam detalhes para a assinatura do novo vínculo.

– Runco me liberou, estou curado. Eu estava só esperando a liberação do doutor Runco, graças a Deus hoje posso dizer que estou realmente bem, agora é esperar que dê tudo certo na hora do contrato e voltar a vestir a camisa do Fla. Estou bem, continuei fazendo trabalhos na academia, o doutor Runco ainda vai passar o trabalho que tenho que fazer para voltar mais rápido. Acho que em um mês posso voltar a estar em campo – previu o camisa 10 ao deixar a clínica.

adriano exames (Foto: Janir Junior/Globoesporte.com)Ainda mais sorridente do que na chegada, Adriano deixa clínica (Foto: Janir Junior/Globoesporte.com)

Antes mesmo de assinar contrato, Adriano já fala como jogador do Flamengo e não esconde a vontade de voltar a entrar em campo vestindo rubro-negro.

– Minha vontade é fazer gol de novo. Estou muito feliz de poder voltar ao Flamengo, que é a minha casa – disse o jogador.

E, no que depender da vontade de Adriano, seu nome não voltará a aparecer nos noticiários por causa de atrasos e ausências nos treinos.

– Agora eu posso ser cobrado. Depois que assinar contrato, tenho que ter mais compromisso com o clube – declarou.

O médico José Luiz Runco também falou sobre as condições do atacante e ressaltou que, na parte médica, Adriano está liberado.

– Fizemos exames de raio-x, está tudo ok, tudo certinho. Agora é ele resolver com o departamento de futebol – afirmou.

O diretor de futebol do Flamengo, Zinho, confirmou que o acerto com Adriano está bem encaminhado. Ele espera bom comportamento do atacante dentro e fora de campo até o fim do contrato, em dezembro.

– Na nossa conversa de sábado, ficou combinado que, sendo liberado pelo Runco, ele começaria a treinar na terça. De hoje para amanhã, vamos resolver essa questão do vúncilo. Espero que dê tudo certo e ele entenda que precisa estar dentro das nossas exigências. É uma aposta dos dois lados. Quando começar a treinar, ele vai ter que buscar a forma para ficar à disposição do Dorival – disse Zinho.

Quase seis meses sem jogar

Em reunião no dia 20 de junho, foi projetado que no dia 1º de agosto poderia acontecer uma decisão sobre o retorno – ou não – de Adriano. Mas o tempo foi estendido até a reunião de sábado. Nesta segunda-feira, ele foi examinado por José Luiz Runco.

O atacante foi operado pela primeira vez em abril de 2011, mas a recuperação foi considerada inadequada, e o departamento médico rubro-negro optou por um reparo no local, em cirurgia realizada por José Luiz Runco há quatro meses.

Desde 17 de julho, Adriano decidiu fazer sua recuperação fora do Ninho do Urubu, com trabalhos de musculação em academia e fisioterapia em casa. A decisão, segundo ele, foi por conta do patrulhamento mesmo sem ser funcionário do clube. O atacante faltou a diversas sessões do trabalho.

O jogador não disputa uma partida desde o dia 4 de março, quando participou de 68 minutos na derrota do Corinthians por 1 a 0 para o Santos, pelo Campeonato Paulista. Em sua passagem de quase um ano pelo Timão (chegou no fim de março de 2011), marcou apenas dois gols em oito jogos – sete oficiais e um amistoso contra o Flamengo.

Globoesporte.com

Presidente da CPI é cobrado a se explicar sobre assessora fantasma

Foto: Assessoria

Integrantes da CPI do Cachoeira esperam explicações do presidente da comissão, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), sobre a contratação de uma funcionária fantasma em seu gabinete.

Apesar dos parlamentares afirmarem que a denúncia não coloca os trabalhos de Vital do Rêgo na CPI sob suspeita, eles esperam que o peemedebista se antecipe apresentando suas explicações.

“É uma acusação, ele vai apresentar suas justificativas, mas confio na idoneidade dele. Há segmentos interessados em comprometer a imagem dele e do relator”, disse o senador Humberto Costa (PT-PE).

Para o deputado Sílvo Costa (PTB-PE), o senador terá que prestar os “devidos esclarecimentos” sobre a contratação de fantasmas.

“Quem se dispõe a participar de CPI sabe que sua vida será vasculhada. Acho que o presidente dará os devidos esclarecimentos, ele vem conduzindo com equilíbrio os trabalhos da CPI”, afirmou.

O senador Pedro Taques (PDT-MT) também disse esperar explicações do presidente da comissão. “Eu quero ouvi-lo sobre isso. Eu entendo que ele vai se explicar.”

Para o senador Sérgio Souza (PMDB-PR), também integrante da CPI, a denúncia não compromete a condução dos trabalhos por Vital do Rêgo. “Não interfere em nada na CPI. Ele vai se manifestar porque deve uma satisfação à sociedade, mas não tem nada a ver com a comissão.”

A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) afirmou que a denúncia é uma “questão pessoal” de Vital do Rêgo. “Isso não tem nada a ver com CPI, é questão da relação dele com a Casa. Não podemos achar que a CPI vai resolver os problemas da Casa.”

AI, SE EU TE PEGO

Reportagem publicada hoje pela Folha mostra que o Vital do Rêgo contratou como funcionária fantasma em seu gabinete Maria Eduarda Lucena dos Santos, que se diz coautora do hit “Ai, Se Eu te Pego”, cantado por Michel Teló.

O emprego foi arrumado pelo pai de Maria Eduarda, o jornalista Adelson Barbosa, que admitiu à Folha que a filha foi contratada para receber pelos trabalhos que ele e outros dois jornalistas executariam: publicar reportagens favoráveis ao senador na imprensa local.

Maria Eduarda, 20, também disse à reportagem que o pai é quem responde pelo cargo. Ela foi contratada em fevereiro de 2011 como assistente parlamentar com salário de R$ 3.450. E é dispensada de comprovar presença.

Estudante universitária, ela diz ter criado o “Ai, se eu te pego” numa viagem com colegas à Disney em 2006.

A Justiça concedeu liminar em favor dela e das amigas bloqueando o dinheiro arrecadado com a música até que se decida a autoria.

A contratação de funcionários fantasmas pode gerar ação por improbidade. O presidente da CPI também emprega no gabinete parentes de políticos e aliados.

Ele contratou uma filha do ex-governador peemedebista José Maranhão, a mãe do deputado federal Hugo Motta (PMDB-PB), uma prima do ex-senador Ney Suassuna e uma cunhada de seu primeiro-suplente, Raimundo Lira, com salários que variam de R$ 2 mil a R$ 12,8 mil. O senador emprega ainda a mulher de Carlos Magno, coordenador de comunicação de sua campanha em 2010.

Folha.com