Arquivo da tag: Clientes

Guarabira: polícia fecha bar, prende dono e clientes por aglomeração

Durante a operação “previna-se”, por volta das 20h:30min, as guarnições envolvidas tomaram conhecimento, que estaria havendo uma aglomeração de pessoas no Sítio Contendas, zona rural de Guarabira.

Rapidamente as guarnições chegaram ao local e confirmaram a informação, constatando que as pessoas estavam sem máscaras, ingerindo bebidas alcoólicas no interior de um bar.

Durante as abordagens, tendo havido uma certa resistência aos trabalhos policiais, inclusive, uma mulher que estava ali em meio a aglomeração tentou obstruir a ação policial, favorecendo a fuga de outras pessoas através de uma residência, na extensão daquele bar.

Assim, 06 pessoas, incluindo o proprietário do bar foram detidos e conduzidos para delegacia de Guarabira, para os procedimentos legais, porém no caminho, a Senhora que favoreceu a fuga de outros infratores sentiu-se mau e foi levada ao hospital, para assistência médica, a qual, fora qualificada indiretamente e responderá na justiça, juntamente com os demais conduzidos, um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

 

portal25horas

 

 

Tião Gomes sugere que bancos suspendam juros aos empréstimos feitos por clientes durante pandemia

Para tentar amenizar as dificuldades que os paraibanos estão passando durante essa pandemia, o deputado estadual Tião Gomes (Avante) encaminhou Projeto de Lei que suspende os bancos de cobrarem juros e multas aos clientes que realizarem empréstimos nesse período de calamidade. A proposta foi encaminhada à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), se aprovada será conduzida para votação em sessão extraordinária, que vem acontecendo de forma virtual.

“Com o isolamento social, ocasionado pelo novo Coronavírus, muitas pessoas estão passando por situações financeiras bem difíceis e as instituições bancárias permanecem cobrando juros e multas dos seus clientes. Portanto, esse meu projeto visa poupar também os microempreendedores e autônomos que estão sem receitas em seus estabelecimentos”, pontua Tião Gomes.

O deputado explica que o projeto irá beneficiar os paraibanos que realizarem operações de crédito como empréstimos automáticos e com garantia de bens, cheque especial, financiamentos de imóveis, automóveis e para construção.

O Projeto destaca ainda que se as instituições financeiras continuarem cobrando os juros das operações de empréstimos e financiamentos, estarão sujeitas a pagarem multas por descumprimento da Lei.

 

portaldolitoralpb

 

 

Guarabira: polícia fecha “Bar da Barata’ e prende dono e clientes por descumprir isolamento

A Polícia Militar realizou a prisão de 4 homens no centro da cidade em Guarabira, após os mesmos descumprir o Decreto Estadual nº 40217/02/05/2020, que suspende o funcionamento de bares e similares e a realização de aglomeração e o risco de transmissão do Covi-19.

A Polícia Militar ao realizar a Operação Cidade Segura na tarde desta sexta-feira (15), às 18h30min, no centro da cidade de Guarabira, se deparou com alguns homens aglomerados em um bar consumindo bebida alcoólica, na Rua Napoleão Laureano, no conhecido ‘Bar da Barata’.

Diante os fatos, o estabelecimento comercial foi fechado e em seguida o proprietário e clientes foram encaminhados à delegacia, por descumprimento do decreto, onde foram apresentados ao delegado plantonistas para as medidas que o caso requer.

 

portal25horas

 

 

MPT recomenda a bancos medidas para proteger funcionários e clientes

O Ministério Público do Trabalho na Paraíba enviou uma série de recomendações a bancos localizados no Estado para que adotem medidas para proteger funcionários e clientes diante da pandemia do novo coronavírus. Considerando que os serviços bancários são considerados essenciais (Decreto Federal nº 10.282/2020), o MPT recomendou que bancos desenvolvam um Plano de Contenção e/ou Prevenção e listou aproximadamente 40 pontos que devem ser observados.

Entre as medidas recomendadas pelo MPT para evitar a disseminação do vírus, estão o fornecimento de equipamentos de proteção individual (EPIs) para todos os trabalhadores das agências bancárias (do atendimento e aqueles responsáveis pela limpeza dos ambientes); realizar limpeza dos terminais de autoatendimento, a disponibilização de álcool em gel 70% e kit completo de higiene das mãos em sanitários para clientes e funcionários, além de organizar filas, mantendo distância de, no mínimo, 2 metros entre uma pessoa e outra, como também implantar ações para evitar aglomerações nesses estabelecimentos.

O MPT recomendou, ainda, medidas de acesso e controle da população ao interior das agências, a exemplo da distribuição de fichas descartáveis e de horário exclusivo para pessoas do grupo de alto risco. O documento também recomenda a disponibilização de máscara (protetor salivar) eficiente aos trabalhadores e pausas no trabalho para que possam fazer a lavagem correta das mãos com água e sabão, além de recomendar a higienização constante de superfícies como maçanetas, portas, elevadores, corrimão, etc.

Inicialmente as recomendações foram expedidas para os bancos da região de Campina Grande e, em seguida, uma recomendação foi estendida às agências de todo estado da Paraíba. As recomendações foram expedidas, neste mês, pelos procuradores do Trabalho Andressa Ribeiro Coutinho e Ramon Bezerra dos Santos.

Auxílio emergencial: campanha orienta população a usar aplicativo

Para discutir o problema das aglomerações em agências bancárias da Paraíba, a procuradora do Trabalho Andressa Coutinho se reuniu, na tarde da última sexta-feira (17/04), com procuradores do Ministério Público Federal e gerentes da Caixa Econômica Federal de João Pessoa e Campina Grande. A reunião ocorreu por videoconferência e discutiu estratégias para incentivar a população a usar o aplicativo oferecido pela Caixa Econômica para solicitar o auxílio emergencial do Governo Federal. Para orientar a população a solicitar o auxílio emergencial, uma campanha será lançada nas redes sociais do MPT e de instituições parceiras, reforçando as informações da Caixa.

Trabalhadores que estão em busca do auxílio emergencial devem acessar o serviço pela internet, no endereço: auxilio.caixa.gov.br ou instalar o aplicativo no seu celular. Dessa forma, a população evita se aglomerar, colocando em risco a saúde. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone da Caixa, discando o número 111.

 

Assessoria MPT

 

 

Clientes de média tensão da Energisa podem optar pelo faturamento como baixa tensão

Devido o cenário atual, com a diminuição do consumo de energia em alguns tipos de estabelecimentos comerciais, a Energisa oferece aos clientes de média tensão a possibilidade que seus estabelecimentos sejam faturados como baixa tensão, não sendo cobrados por demanda contratada.

Com a possibilidade de mudança, esses consumidores poderão optar por faturamento com aplicação da tarifa do grupo B. “Isso implica dizer que eles não serão mais faturados com tarifa aplicada ao consumo e à demanda faturável, mas somente ao consumo. Apesar da diferença nos valores de tarifa de consumo dos Grupos A e B, entendemos que no contexto de redução das atividades e do consumo, o fato de não haver cobrança de demanda contratada deverá reduzir o valor da conta”, esclarece Nadja Trigueiro, coordenadora comercial.

Caso queira optar pela mudança, o responsável deve entrar em contato com a Energisa através da Central de Atendimento à Grandes Clientes (Grupo A), em horário comercial, de segunda a sexta-feira, nos telefones 0800 283 0014, (83) 2106 7213, 2106 7214 ou 2106 7236.

Para realizar a mudança, é importante ter o Requerimento para solicitação de Migração para Optante B; Contrato Social e Aditivos; Identidade Civil e CPF do(s) Representante(s) Legal(is); Procuração do(s) Representante(s) Legal(is) para representar a empresa; e Indicação de pessoa que possa assinar como testemunha por parte do contratante e cópia de seus documentos pessoais.

“A migração para Grupo B deve ser analisada pelo consumidor com cautela. Ela trará benefícios nesse período de baixo consumo, porém pode apresentar desvantagens num cenário de consumo elevado”, destaca Nadja.

A mudança é válida para todos os clientes com transformador particular cuja potência nominal seja igual ou inferior a 112,5 kVA e unidades consumidoras que estiverem em área de veraneio ou turismo, cuja atividade seja a exploração de serviços de hotelaria ou pousada.

As unidades que optarem pela mudança, poderão retornar para o faturamento de alta tensão de forma imediata, caso se manifeste em até dois ciclos de faturamento após a migração. Caso o consumidor não se manifeste para retorno ao faturamento do Grupo A dentro deste prazo, este só poderá ser formalizado após 12 ciclos de faturamento em Baixa Tensão, conforme Art. 57, § 5º, I da REN 414/10, da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que rege o setor elétrico.

 

Assessoria

 

 

Bancos vão restringir número de clientes para evitar coronavírus

As agências bancárias começaram a escalonar a quantidade de clientes dentro das agências físicas. A decisão faz parte de uma série de medidas acordadas entre a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e as 236 entidades sindicais que representam os cerca de 450 mil bancários de todo o Brasil. O objetivo é amenizar os efeitos da pandemia causada pela Covid-19.

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) ressaltou que o setor não terá seu funcionamento interrompido, uma vez que os bancos são considerados atividades essenciais. No entanto, a entidade não descartou a possibilidade de reorganizar os atendimentos internos ou mesmo escaloná-los. Para isto, cada banco irá analisar caso a caso, com base no fluxo de pessoas, a necessidade de escalonamento de clientes aguardando atendimento dentro da dependência.

Escalonamento de clientes

Uma agência bancária, localizada no Centro de João Pessoa, já começou a escalonar a quantidade de clientes dentro da unidade. A entrada no estabelecimento ficou sendo limitada por um segurança. Com a liberação do pagamento de mais um lote do abono salarial do PIS/Pasep, em determinados horários, os clientes tiveram que enfrentar uma longa fila para conseguir atendimento interno na agência.

A Febraban tem orientado o público a usar os meios remotos de atendimento, como mobile e internet banking, que oferecem quase totalmente as transações financeiras do sistema bancário e dispensam a necessidade de comparecimento às agências.

Sindicatos vão pedir suspensão de metas neste período

O Comando Nacional dos Bancários afirmou que vai pedir o contingenciamento de acesso às agências e a suspensão de metas e demissões pelos bancos. As medidas visam resguardar a saúde dos bancários e evitar a propagação do coronavírus.
A presidenta da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), Juvandia Moreira, enviou um ofício para o Banco Central solicitando a edição de uma regulamentação para o controle de acesso às agências bancárias e a redução do horário de atendimento das 10h às 14h, com a liberação dos funcionários após esse horário.

Posicionamento dos bancos

  • Bradesco

O Bradesco afirmou que tem intensificado a comunicação com os seus clientes para que priorizem a utilização dos canais digitais para realizar suas operações com o Banco. Na rede física, os gerentes estão sendo orientados a organizarem o atendimento nas agências nos momentos de maior concentração.

  • Banco do Brasil

As agências do Banco do Brasil continuam realizando atendimento ao público, sem alteração no horário de funcionamento. O BB monitora constantemente os acontecimentos e quaisquer mudanças no atendimento de suas unidades serão informadas imediatamente aos seus clientes/usuários e ao mercado. Contingenciar, nas praças com transmissão comunitária do vírus, a quantidade de clientes aguardando atendimento dentro da dependência.

Os demais bancos não responderam até o fechamento desta matéria.

Reportagem de Ellyka Gomes, do Jornal CORREIO.

 

 

Banco do Brasil isenta clientes de tarifa do cheque especial em 2020

Os correntistas do Banco do Brasil (BB) não pagarão a tarifa sobre o cheque especial que entrará em vigor em junho do próximo ano. Em nota oficial, a instituição financeira informou que optou pela isenção para os atuais e os novos clientes ao longo de 2020.

Segundo o BB, a medida tem como objetivo fortalecer a relação com os clientes. “A isenção da tarifa no cheque especial demonstra proporcionar a melhor experiência para nossos clientes está no centro da nossa estratégia. A medida demonstra que buscamos cada vez mais aliar a oferta de produtos e serviços de qualidade, com a definição de preços e taxas ainda mais competitivos”, disse o presidente do banco, Rubem Novaes, em nota.

Em novembro, o Conselho Monetário Nacional (CMN) limitou os juros do cheque especial a 8% ao mês, o equivalente a 151,8% ao ano. Atualmente, a taxa está em 12,4% ao mês, o equivalente a 305,9% ao ano.

O teto dos juros entrará em vigor em 6 de janeiro. Para financiar em parte a queda da taxa, o CMN autorizou as instituições financeiras a cobrar, a partir de 1º de junho do próximo ano, tarifa de quem tem limite do cheque especial maior que R$ 500 por mês. Equivalente a 0,25% do limite que exceder R$ 500, a tarifa será descontada do valor devido em juros do cheque especial.

Cada cliente terá, a princípio, um limite pré-aprovado de R$ 500 por mês para o cheque especial sem pagar tarifa. Se o cliente pedir mais que esse limite, a tarifa incidirá sobre o valor excedente. O CMN determinou que os bancos comuniquem a cobrança ao cliente com 30 dias de antecedência.

 

Agência Brasil

 

 

Bandidos se passam por clientes, amarram comerciante e fogem com quase R$ 2 mil, em Solânea

Um comerciante do ramo de frutas foi vítima de um assalto na manhã do último sábado (16) no centro comercial do município de Solânea, no Brejo da Paraíba. O crime aconteceu às 06h30, na rua Getúlio Vargas.

A vítima relatou a Polícia Militar que dois indivíduos bateram na porta do seu comércio pedindo frutas e achando que fosse clientes abriu para atendê-los. “Eles entraram e anunciaram o roubo”, relatou.

Os assaltantes estavam armados com um revólver e chegaram a amarrar o comerciante com um enforca gato. Eles pediam o dinheiro alegando a todo o momento que foi “fita dada”. A vítima relatou que foi levada para a parte de cima do estabelecimento onde mora e chegando lá, os criminosos encontraram aproximadamente R$ 2 mil reais, dois celulares Samsung modelo J7 e um relógio.

Após o crime, os bandidos fugiram em uma moto de cor vermelha, sem placa com direção ao bar da fava. A polícia militar realizou rondas no intuito de localizar os indivíduos porém, sem êxito.

Redação: Blog do Pedro Júnior

 

 

Supermercados e agências bancárias devem disponibilizar banheiros e bebedouros aos clientes

A Associação dos Supermercados da Paraíba foi notificada nesta segunda-feira (15) pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor para que certifique seus associados e providenciem a disponibilização de banheiros e bebedouros com água potável aos clientes e usuários.

A lei 1.576/1998, prevê que os supermercados, assim como bancos e lojas de departamento, ofereçam pelo menos um bebedouro e banheiros para uso feminino e masculino, separadamente, ao consumidor.

No último dia 11, um supermercado instalado no Parque da Lagoa foi autuado porque estava com os banheiros destinados ao publico, sem funcionar.

Segundo informou Maristela Viana, secretária-adjunta do Procon-JP, os banheiros devem ser utilizados por quem tiver necessidade e não apenas mediante prova de que consumiu algo no local. “Os consumidores deve ter livre acessos aos banheiros do estabelecimento, independente se vai consumir ou não. Estamos alertando para esta legislação porque já houve casos em que tivemos que intervir em um shopping sobre esse direito de escolha do consumidor. O estabelecimento pediu uma nota fiscal para liberar o uso do equipamento, e isso não pode ocorrer”.

 

clickpb

 

 

Adolescente agride clientes de bar com cortes e golpes de pedra, por ter sido contrariado, em Belém, diz PM

Um adolescente foi conduzido à delegacia suspeito de agredir com golpes de pedra e objetos cortantes, clientes de um bar, em Belém, na madrugada desta sexta-feira (25). O fato aconteceu no Bar das Damas, que fica no distrito Rua Nova e o agressor estaria sob o uso de entorpecentes, consumidos no mesmo local.

De acordo com informações da Polícia Militar, o adolescente iniciou as agressões por ter sido contrariado.

Ele é suspeito de atingir uma pedra no rosto de um homem e provocar cortes no braço e na cabeça de outro cidadão. O homem atingido com a pedra no rosto chegou a ser atendido no hospital de Belém e após suspeita de fratura no nariz, foi encaminhado a atendimento ortopédico em Guarabira.

O adolescente ainda saiu em fuga do bar, mas foi encontrado por policiais militares e encaminhado à delegacia de Guarabira.

portalmidia