Arquivo da tag: cidades

Vacina contra quatro tipos de meningite é ofertada em todas as cidades da Paraíba

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) disponibilizou doses da vacina ACWY, que protege crianças e adolescentes entre 11 e 12 anos de quatro tipos de meningite, para todos os 223 municípios da Paraíba. A doença provoca inflamação das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal, e pode ser causada por vírus ou por bactéria.

A SES chama a atenção de pais e responsáveis para que coloquem em dia a caderneta de vacinação dos filhos.

“Com a pandemia muitos pais estão deixando de levar as crianças aos postos por medo do coronavírus, mas é importante lembrar que há outras doenças preveníveis que ainda estão circulando. É muito importante que os adolescentes de 11 e 12 anos tomem a dose da ACWY”, destacou a técnica do núcleo de imunização, Milena Vitorino.

A rede pública também oferece a vacina contra o sorotipo C, que é indicada para bebês em três doses, aplicadas aos 3 e 5 meses e com reforço aos 12 meses.

A vacina ACWY pode ser administrada no mesmo momento em que outras vacinas do calendário nacional de vacinação do adolescente.

G1

 

Cidades da Paraíba registram temperaturas de menos de 15ºC durante madrugada de inverno

Duas cidades da Paraíba registraram temperaturas inferiores a 15ºC na madrugada desta terça-feira (7). Cabaceiras, no Sertão, registrou 14,6ºC e Monteiro, no Cariri, 14,5ºC. De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), houve uma significativa redução na nebulosidade sobre o estado, mas as baixas temperaturas são normais durante as madrugadas do inverno.

Conforme a meteorologista da Aesa, Marle Bandeira, nas cidades que registraram as baixas temperaturas, termômetros registraram em média 29ºC durante o dia. Temperaturas baixas também foram registradas na madrugada desta quarta-feira em Areia (17,9ºC), Campina Grande (17,3ºC), Patos (20ºC) e São Gonçalo (17,6ºC).

Segundo a Aesa, ainda observa-se o transporte de nuvens baixas que se propagam do oceano Atlântico em direção à costa leste do Nordeste. O que pode fazer com que, no decorrer do dia, ocorram chuvas pontuais no setor leste da Paraíba.

G1

 

Bananeiras e mais 50 cidades estão sob perigo de acumulado de chuvas

Bananeiras e mais 50 municípios da Paraíba estão sob alerta de perigo potencial de acumulado de chuvas até as 23h59 desta segunda-feira (6).

De acordo com o Centro Virtual para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), pode chover entre 20 e 30 milímetros por hora ou 50 milímetros ao longo do dia. Há risco de alagamentos e deslizamentos.

Moradores de áreas onde a previsão for confirmada devem evitar enfrentar o mau tempo e ficar atentos a possíveis alterações em encostas. Não é recomendado o uso de aparelhos eletrônicos ligados a tomada durante as chuvas.

Em casos de emergências, devem ser acionados o Corpo de Bombeiros (telefone 193) ou Defesa Civil (telefone 199).

Municípios sob alerta para acumulado de chuvas

  1. Alagoinha
  2. Alhandra
  3. Araçagi
  4. Bananeiras
  5. Bayeux
  6. Baía Da Traição
  7. Belém
  8. Caaporã
  9. Cabedelo
  10. Caiçara
  11. Caldas Brandão
  12. Capim
  13. Conde
  14. Cruz Do Espírito Santo
  15. Cuitegi
  16. Cuité De Mamanguape
  17. Curral De Cima
  18. Dona Inês
  19. Duas Estradas
  20. Guarabira
  21. Gurinhém
  22. Itabaiana
  23. Itapororoca
  24. Jacaraú
  25. João Pessoa
  26. Juripiranga
  27. Lagoa De Dentro
  28. Logradouro
  29. Lucena
  30. Mamanguape
  31. Marcação
  32. Mari
  33. Mataraca
  34. Mulungu
  35. Pedras De Fogo
  36. Pedro Régis
  37. Pilar
  38. Pilõezinhos
  39. Pirpirituba
  40. Pitimbu
  41. Riachão
  42. Riachão Do Poço
  43. Rio Tinto
  44. Santa Rita
  45. Sapé
  46. Serra Da Raiz
  47. Sertãozinho
  48. Sobrado
  49. São José Dos Ramos
  50. São Miguel De Taipu
  51. Tacima

FN com portalcorreio

 

 

 

Secretário prega cautela em flexibilização e cita cidades com explosão de casos após reabertura do comércio

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, comentou neste sábado o processo de flexibilização do isolamento social na Paraíba, que já está na sua segunda etapa, segundo calendário programado pelo Governo do Estado.

À rádio Educativa, de Sousa, ele pontuou que não é possível fazer uma flexibilização ‘atabalhoada’ e citou exemplos de cidades que voltaram atrás na reabertura do comércio após explosão de casos e mortes por Covid-19.

“Estamos iniciando na Paraíba um processo lento e gradual e não há espaço para atropelamento e flexibilização atabalhoada. Vocês estão vendo os exemplos de Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, interior de São Paulo e Rio Grande do Sul, em que as pessoas abriram rapidamente comércio, bares e restaurantes, produziram aglomerações e estão tendo avalanche de casos novos e mortes”, disse

Ele lembrou que os resultados dos esforços da Secretaria de Saúde colocaram a Paraíba com bons índices no combate à doença causada pelo novo Coronavírus.

“Todo esse controle, cautela e cuidado que a Secretaria de Saúde da Paraíba tem tido ao longo desses 100 dias é com objetivo de preservar a vida dos paraibanos. Por isso, a Paraíba hoje é o estado do Nordeste com menor ocupação de leitos, menor taxa de letalidade e um dos estados com maior testagem”, declarou.

 

Apenas sete cidades da Paraíba ainda não registraram nenhum caso da Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou no final da tarde desta quarta-feira (24) o Boletim de Atualização dos casos de Covid-19, na Paraíba. De acordo com os dados, já são 39.912 pessoas que contraíram a doença, 11.687 que já se recuperaram e 828 faleceram. Nas últimas 24 horas, foram registrados 913 novos positivados para a doença e 21 óbitos confirmados.

Ainda de acordo com os dados, até o momento, 115.367 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 64%.

Fazendo um  recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 69%. Em Campina Grande, estão ocupados 70% dos leitos de UTI adulto e no sertão, 51% dos leitos de UTI para adultos.

O índice de Isolamento Social foi de apenas 35,6%, considerado baixo em relação à meta de 70% e à mínima de 50%.

Os casos confirmados estão distribuídos por 216 dos 223 municípios paraibanos:

Água Branca (20); Aguiar (10); Alagoa Grande (333); Alagoa Nova (139); Alagoinha (318); Alcantil (18); Algodão de Jandaíra (2); Alhandra (286); Amparo (12); Aparecida (21); Araçagi (201); Arara (66); Araruna (46); Areia (136); Areia de Baraúnas (1); Areial (26); Aroeiras (74); Assunção (22); Baia da Traição (140); Bananeiras (70); Baraúna (95); Barra de Santa Rosa (18); Barra de Santana (44); Barra de São Miguel (6); Bayeux (767); Belém (204); Belém do Brejo do Cruz (7); Bernardino Batista (2); Boa Ventura (2); Boa Vista (48); Bom Jesus (3); Bom Sucesso (6); Bonito de Santa Fé (2); Boqueirão (86); Borborema (4); Brejo do Cruz (72); Brejo dos Santos (4); Caaporã (711); Cabaceiras (10); Cabedelo (1640); Cachoeira dos Índios (41); Cacimba de Areia (7); Cacimba de Dentro (40); Cacimbas (30); Caiçara (130); Cajazeiras (419); Cajazeirinhas (1); Caldas Brandão (58); Camalaú (1); Campina Grande (5815); Capim (92); Caraúbas (8); Carrapateira (4); Casserengue (93); Catingueira (11), Catolé do Rocha (122); Caturité (50); Conceição (8); Condado (65); Conde (281); Congo (24); Coremas (25); Coxixola (9); Cruz do Espírito Santo (180); Cubati (38); Cuité (68); Cuité de Mamanguape (37); Cuitegí (92); Curral de Cima (15); Curral Velho (1), Damião (3); Desterro (25); Diamante (2); Dona Inês (7); Duas Estradas (39); Emas (2); Esperança (213); Fagundes (36); Frei Martinho (1); Gado Bravo (55); Guarabira (1857); Gurinhém (137); Gurjão (18); Ibiara (9); Igaracy (2); Imaculada (11); Ingá (249); Itabaiana (494); Itaporanga (22); Itapororoca (147); Itatuba (104); Jacaraú (95); Jericó (3); João Pessoa (11130); Joca Claudino (1); Juarez Távora (102); Juazeirinho (93); Junco do Seridó (21); Juripiranga (259); Juru (9); Lagoa (3); Lagoa de Dentro (29); Lagoa Seca (344); Lastro (12); Livramento (28); Logradouro (39); Lucena (154); Mãe d’Água (11); Malta (18); Mamanguape (1029); Manaíra (7); Marcação (26); Mari (287); Marizópolis (5); Massaranduba (118); Mataraca (81); Matinhas (34); Mato Grosso (7); Matureia (19); Mogeiro (55); Montadas (28); Monteiro (63); Mulungu (122); Natuba (32); Nazarezinho (4); Nova Floresta (11), Nova Olinda (5); Nova Palmeira (21); Olho D´Água (28); Olivedos (26);  Parari (4); Passagem (25); Patos (1134); Paulista (57); Pedra Lavrada (19); Pedras de Fogo (821); Pedro Régis (11); Piancó (40); Picuí (67); Pilar (115); Pilões (33); Pilõezinhos (113); Pirpirituba (57); Pitimbu (432); Pocinhos (44);  Poço Dantas (1); Pombal (134); Princesa Isabel (37); Puxinanã (148);  Queimadas (391); Quixaba (24); Remígio (137); Riachão (19); Riachão do Bacamarte (162);  Riachão do Poço (22); Riacho de Santo Antônio (7); Riacho dos Cavalos (2); Rio Tinto (348); Salgadinho (9); Salgado de São Felix (86); Santa Cecília (13); Santa Cruz (9); Santa Helena (9); Santa Inês (5);  Santa Luzia (158); Santa Rita (1162); Santa Terezinha (25); Santana de Mangueira (1); Santana dos Garrotes (2); Santo André (1); São Bentinho (20); São Bento (513); São Domingos do Cariri (3);  São Francisco (7);  São João do Cariri (23); São João do Rio do Peixe (29); São João do Tigre (3); São José da Lagoa Tapada (18); São José de Caiana (23); São José de Espinharas (5); São José de Piranhas (28); São José do Bonfim (44); São José do Brejo do Cruz (2); São José do Sabugi (138); São José dos Cordeiros (4); São José dos Ramos (70); São Mamede (25); São Miguel de Taipu (67); São Sebastião de Lagoa de Roça (101); São Sebastião do Umbuzeiro (4); São Vicente do Seridó (18); Sapé (444); Serra Branca (25); Serra da Raíz (12); Serra Grande (3); Serra Redonda (114); Serraria (22); Sertãozinho (32); Sobrado (64); Solânea (135); Soledade (76); Sossego (4), Sousa (443); Sumé (32); Tacima (51); Taperoá (42); Tavares (25); Teixeira (57); Tenório (11); Triunfo (2); Uiraúna (17); Umbuzeiro (29); Várzea (6); Vieirópolis (4); Vista Serrana (3), Zabelê (1).

*Dados Oficiais preliminares (fonte: SIM,e-sus VE e SIVEP) extraídos às 10h do dia 24/06, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

21 óbitos foram registrados, 05 deles ocorridos nas últimas 48h.

Mulher, 55 anos, residente em Cajazeiras. Portadora de neoplasia e doença neurológica. Inicio dos sintomas em 16/05. Foi a óbito em hospital público em 23/06.

Homem, 50 anos, residente em Campina Grande. Hipertenso. Início dos sintomas no dia 26/05, foi a óbito em hospital público no dia 07/06.

Homem, 65 anos, residente em Campina Grande. Não foram informadas comorbidades. Início dos sintomas em 23/05, foi a óbito em hospital público no dia 08/06.

Homem, 60 anos, residente em Campina Grande. Comorbidades não informadas. Início dos sintomas em 20/05, foi a óbito em hospital público no dia 20/06.

Homem, 96 anos, morador de Catingueira. Paciente com sequelas de AVC. Início dos sintomas em 10/06, foi a óbito em hospital público no dia 17/06.

Homem, 73 anos, morador de Desterro. Hipertenso. Início dos sintomas em 10/06, foi a óbito em hospital público no dia 23/06.

Homem, 56 anos, residente em João Pessoa. Comorbidades não informadas. Início dos sintomas em 19/04, foi a óbito em hospital público no dia 01/05.

Homem, 81 anos, morador de João Pessoa. Hipertenso. início dos sintomas em 30/04, foi a óbito em hospital público no dia 24/05.

Homem, 38 anos, residente em João Pessoa. Sem informação de comorbidade. Início dos sintomas em 10/05, foi a óbito em hospital público no dia 15/05.

Homem, 75 anos, residente em João Pessoa. Hipertenso, cardiopata. Início dos sintomas em 26/05, foi a óbito em hospital público no dia 22/06.

Mulher, 30 anos, residente em João Pessoa. Obesa. Início dos sintomas em 29/05, foi a óbito em hospital público no dia 09/06.

Mulher, 80 anos, residente em João Pessoa. Portadora de doença neurológica. Início dos sintomas em 06/06, foi a óbito em sua residência no dia 13/06.

Mulher, 79 anos, residente em João Pessoa. Hipertensa e Diabética. Início dos sintomas em 03/05, foi a óbito em hospital público no dia 03/06.

Mulher, 58 anos, residente em João Pessoa. Portadora de neoplasia. Início dos sintomas em 31/05, foi a óbito em hospital público no dia 05/06.

Homem, 80 anos, residente em João Pessoa. Hipertenso, Portador de doença neurológica. Início dos sintomas em 29/05, foi a óbito em hospital público no dia 09/06.

Mulher, 56 anos, residente em João Pessoa. Diabética. Início dos sintomas em 20/05, foi a óbito em hospital público no dia 16/06.

Homem, 87 anos, morador de João Pessoa. Sem Informação de comorbidade. Início dos sintomas em 30/05, foi a óbito em hospital público no dia 13/06.

Mulher, 75 anos, moradora de Patos. Diabética. Início dos sintomas em 13/06, foi a óbito em hospital público no dia 16/06.

Homem, 68 anos, morador de Pirpirituba. Hipertenso e tabagista. Início dos sintomas em 13/06, foi a óbito em hospital público no dia 22/06.

Homem, 83 anos, residente em Santa Cruz. Diabético, cardiopata. Início dos sintomas em 01/06, foi a óbito em hospital público no dia 24/06.

Homem, 72 anos, residente em Rio Tinto. Hipertenso. Início dos sintomas em 10/06, foi a óbito em hospital público no dia 17/06.

pbagora

 

 

Três meses após registro do primeiro caso na Paraíba, 11 cidades permanecem livres da covid-19

Após três meses do primeiro caso de Coronavírus na Paraíba, 11 cidades permanecem livres do vírus, segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado. De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado nesta terça-feira (16), 212 municípios paraibanos já registraram casos do vírus.

João Pessoa é o município com mais casos, sendo registrado 8.464. Já municípios como Boa Ventura, Bonito de Santa Fé, Cajazeirinhas, Camalaú, Carrapateira, entre outros, registraram um caso cada um deles.

A Paraíba tem ao todo 30.178 casos confirmados, 671 óbitos e 7.500 casos recuperados de Coronavírus.

Confira os municípios que não apresentam casos de coronavírus:

Poço Dantas
Poço de José de Moura
Monte Horebe
Santana de Mangueira
São José de Princesa
Pedra Branca
São Domingos
Ouro Velho
Prata
Seridó
Algodão de Jandaíra

 

clickpb

 

 

Coronavírus: apenas 13 cidades da Paraíba não têm registros da Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde emitiu nesta segunda-feira (15) novo boletim epidemiológico da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Segundo dados do órgão, 210 cidades  paraibanas registram casos da doença.

De acordo com os dados apresentados,nas últimas 24h a Paraíba registrou 665 novos casos de Covid-19, além de 23 óbitos confirmados. Destes, três ocorreram nas últimas 24h.

No estado, 28.668 pessoas que já contraíram a doença, 6.890 que já se recuperaram e 656 faleceram.

Os casos confirmados estão distribuídos por 210 dos 223 municípios paraibanos:

Água Branca (14); Aguiar (2); Alagoa Grande (231); Alagoa Nova (95); Alagoinha (202); Alcantil (4) Alhandra (236); Amparo (12); Aparecida (11); Araçagi (111); Arara (40); Araruna (15); Areia (105); Areia de Baraúnas (1); Areial (18); Aroeiras (58); Assunção (20); Baia da Traição (83); Bananeiras (48); Baraúna (70); Barra de Santa Rosa (14); Barra de Santana (36); Barra de São Miguel (4); Bayeux (582); Belém (101); Belém do Brejo do Cruz (6); Bernardino Batista (2); Boa Ventura (1); Boa Vista (47); Bom Jesus (2); Bom Sucesso (5); Bonito de Santa Fé (1); Boqueirão (67); Borborema (2); Brejo do Cruz (38); Brejo dos Santos (3); Caaporã (601); Cabaceiras (7); Cabedelo (1428); Cachoeira dos Índios (21); Cacimba de Areia (5); Cacimba de Dentro (36); Cacimbas (24); Caiçara (46); Cajazeiras (239); Cajazeirinhas (1); Caldas Brandão (28); Campina Grande (4297); Capim (65); Caraúbas (2); Carrapateira (1); Casserengue (53); Catingueira (7), Catolé do Rocha (86); Caturité (30); Conceição (5); Condado (53); Conde (188); Congo (11); Coremas (22); Coxixola (7); Cruz do Espírito Santo (164); Cubati (13); Cuité (22); Cuité de Mamanguape (23); Cuitegí (66); Curral de Cima (11); Curral Velho (1), Damião (2); Desterro (13); Diamante (2); Dona Inês (5); Duas Estradas (36); Emas (1); Esperança (150); Fagundes (19); Frei Martinho (1); Gado Bravo (49); Guarabira (1274); Gurinhém (84); Gurjão (16); Ibiara (5); Igaracy (2); Imaculada (11); Ingá (175); Itabaiana (385); Itaporanga (8); Itapororoca (64); Itatuba (81); Jacaraú (38); Jericó (3); João Pessoa (8041); Joca Claudino (1); Juarez Távora (61); Juazeirinho (75); Junco do Seridó (12); Juripiranga (197); Juru (8); Lagoa (3); Lagoa de Dentro (10); Lagoa Seca (223); Lastro (3); Livramento (3); Logradouro (21); Lucena (133); Mãe d’Água (10); Malta (19); Mamanguape (558); Manaíra (2); Marcação (12); Mari (205); Marizópolis (4); Massaranduba (78); Mataraca (56); Matinhas (29); Mato Grosso (7); Matureia (13); Mogeiro (30); Montadas (18); Monteiro (41); Mulungu (76); Natuba (16); Nazarezinho (3); Nova Floresta (6), Nova Olinda (4); Nova Palmeira (16); Olho D´Água (27); Olivedos (8); Parari (2); Passagem (15); Patos (910); Paulista (45); Pedra Lavrada (17); Pedras de Fogo (563); Pedro Régis (1); Piancó (26); Picuí (46); Pilar (66); Pilões (25); Pilõezinhos (87); Pirpirituba (34); Pitimbu (347); Pocinhos (23); Pombal (102); Princesa Isabel (20); Puxinanã (93); Queimadas (252); Quixaba (17); Remígio (113); Riachão (5); Riachão do Bacamarte (136); Riachão do Poço (16); Riacho de Santo Antônio (5); Riacho dos Cavalos (2); Rio Tinto (187); Salgadinho (8); Salgado de São Felix (47); Santa Cecília (10); Santa Cruz (3); Santa Helena (2); Santa Inês (5); Santa Luzia (120); Santa Rita (933); Santa Terezinha (19); Santana dos Garrotes (2); Santo André (1); São Bentinho (15); São Bento (379); São Francisco (6); São João do Cariri (13); São João do Rio do Peixe (28); São João do Tigre (1); São José da Lagoa Tapada (16); São José de Caiana (22); São José de Espinharas (5); São José de Piranhas (13); São José do Bonfim (32); São José do Brejo do Cruz (1); São José do Sabugi (94); São José dos Cordeiros (3); São José dos Ramos (33); São Mamede (21); São Miguel de Taipu (55); São Sebastião de Lagoa de Roça (72); São Sebastião do Umbuzeiro (4); São Vicente do Seridó (18); Sapé (310); Serra Branca (9); Serra da Raíz (12); Serra Grande (1); Serra Redonda (83); Serraria (20); Sertãozinho (25); Sobrado (43); Solânea (109); Soledade (45); Sossego (3), Sousa (379); Sumé (25); Tacima (41); Taperoá (37); Tavares (11); Teixeira (35); Tenório (7); Triunfo (1); Uiraúna (8); Umbuzeiro (18); Várzea (2); Vieirópolis (3); Vista Serrana (2).

Nas últimas 24h, foram registradas mortes decorrentes da Covid-19 nos seguinte municípios:

Alagoa Grande (3), Araruna (1), Bayeux (1), Caaporã (1), Cacimbas (1), Campina Grande (2), Conde (1), Fagundes (2), Guarabira (1), João Pessoa (6), Juripiranga (1), Mataraca (1), Patos (1) e Santa Rita (1).

Ainda de acordo com a SES, 83.884 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados entre testes rápidos e PCR.

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 65%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 74%. Em Campina Grande, estão ocupados 68% dos leitos de UTI adulto e no sertão, 41% dos leitos de UTI para adultos.

O índice de Isolamento Social foi de apenas 48,1%, considerado baixo em relação à meta de 70% e à mínima de 50%.

 

PB Agora

 

 

Alerta de acumulado de chuva para 81 cidades da Paraíba é prorrogado pelo Inmet

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prorrogou um alerta amarelo de acumulado de chuva para 81 cidades da Paraíba. João Pessoa e Campina Grande estão inseridas na lista. O aviso vale até as 10h desta terça-feira (16).

O Inmet diz que pode chover entre 20 e 30 milímetros por hora, ou até 50 milímetros por dia. Nestas cidades, há baixos riscos de alagamentos e deslizamentos.

O órgão orienta que as pessoas evitem enfrentar o mau tempo, observem as alterações nas encostas e evitem usar aparelhos ligados à tomada.

Caso haja algum problema, o órgão orienta que as pessoas entrem em contato com a Defesa Civil, por meio do número 199, e com o Corpo de Bombeiros, por meio do número 193.

Cidades com perigo de acumulado de chuva

  1. Alagoa Grande
  2. Alagoa Nova
  3. Alagoinha
  4. Alcantil
  5. Alhandra
  6. Arara
  7. Araruna
  8. Araçagi
  9. Areia
  10. Aroeiras
  11. Bananeiras
  12. Barra De Santana
  13. Barra De São Miguel
  14. Bayeux
  15. Baía Da Traição
  16. Belém
  17. Borborema
  18. Caaporã
  19. Cabedelo
  20. Caiçara
  21. Caldas Brandão
  22. Campina Grande
  23. Capim
  24. Conde
  25. Cruz Do Espírito Santo
  26. Cuitegi
  27. Cuité De Mamanguape
  28. Curral De Cima
  29. Dona Inês
  30. Duas Estradas
  31. Fagundes
  32. Gado Bravo
  33. Guarabira
  34. Gurinhém
  35. Ingá
  36. Itabaiana
  37. Itapororoca
  38. Itatuba
  39. Jacaraú
  40. João Pessoa
  41. Juarez Távora
  42. Juripiranga
  43. Lagoa De Dentro
  44. Logradouro
  45. Lucena
  46. Mamanguape
  47. Marcação
  48. Mari
  49. Massaranduba
  50. Mataraca
  51. Matinhas
  52. Mogeiro
  53. Mulungu
  54. Natuba
  55. Pedras De Fogo
  56. Pedro Régis
  57. Pilar
  58. Pilões
  59. Pilõezinhos
  60. Pirpirituba
  61. Pitimbu
  62. Queimadas
  63. Riacho De Santo Antônio
  64. Riachão
  65. Riachão Do Bacamarte
  66. Riachão Do Poço
  67. Rio Tinto
  68. Salgado De São Félix
  69. Santa Cecília
  70. Santa Rita
  71. Sapé
  72. Serra Da Raiz
  73. Serra Redonda
  74. Serraria
  75. Sertãozinho
  76. Sobrado
  77. Solânea
  78. São José Dos Ramos
  79. São Miguel De Taipu
  80. Tacima
  81. Umbuzeiro

 

 

G1

 

 

Inmet faz alerta por acumulado de chuva em 72 cidades da Paraíba

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de perigo potencial na manhã deste domingo (14) em virtude de acumulado de chuva em 72 cidades da Paraíba, incluindo a Grande João Pessoa. O aviso segue até as 10h30 desta segunda-feira (15).

O Inmet indica que podem ocorrer chuvas com volumes entre 20 e 30 milímetros por hora ou de até 50 milímetros por dia. As áreas atingidas na Paraíba são Cariri, Seridó, Agreste, Brejo, Litoral e Zona da Mata.

Conforme a previsão, há baixo risco de alagamentos e pequenos deslizamentos, em cidades com tais áreas de risco.

O instituto aconselha que as pessoas evitem enfrentar o mau tempo, observem alteração nas encostas e procurem não usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

Mais informações podem ser obtidas junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Lista de cidades da Paraíba incluídas no alerta:

  1. Alagoa Grande
  2. Alagoinha
  3. Alcantil
  4. Alhandra
  5. Araçagi
  6. Aroeiras
  7. Bananeiras
  8. Barra De Santana
  9. Barra De São Miguel
  10. Bayeux
  11. Baía Da Traição
  12. Belém
  13. Borborema
  14. Caaporã
  15. Cabedelo
  16. Caiçara
  17. Caldas Brandão
  18. Camalaú
  19. Capim
  20. Caraúbas
  21. Conde
  22. Congo
  23. Cruz Do Espírito Santo
  24. Cuitegi
  25. Cuité De Mamanguape
  26. Curral De Cima
  27. Dona Inês
  28. Duas Estradas
  29. Gado Bravo
  30. Guarabira
  31. Gurinhém
  32. Ingá
  33. Itabaiana
  34. Itapororoca
  35. Itatuba
  36. Jacaraú
  37. João Pessoa
  38. Juarez Távora
  39. Juripiranga
  40. Lagoa De Dentro
  41. Logradouro
  42. Lucena
  43. Mamanguape
  44. Marcação
  45. Mari
  46. Mataraca
  47. Mogeiro
  48. Mulungu
  49. Natuba
  50. Pedras De Fogo
  51. Pedro Régis
  52. Pilar
  53. Pilõezinhos
  54. Pirpirituba
  55. Pitimbu
  56. Riacho De Santo Antônio
  57. Riachão
  58. Riachão Do Poço
  59. Rio Tinto
  60. Salgado De São Félix
  61. Santa Cecília
  62. Santa Rita
  63. Sapé
  64. Serra Da Raiz
  65. Sertãozinho
  66. Sobrado
  67. São José Dos Ramos
  68. São João Do Tigre
  69. São Miguel De Taipu
  70. São Sebastião Do Umbuzeiro
  71. Tacima
  72. Umbuzeiro

 

portalcorreio

 

 

Bananeiras e Solânea estão entre as mais de 100 cidades da Paraíba que receberam alerta de chuvas com perigo potencial

Mais de cem cidades paraibanas receberam, neste domingo-feira (07), um alerta feito pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), para o perigo potencial de acúmulo de chuvas. O comunicado é válido até as 8 horas da próxima segunda-feira.

De acordo com o órgão, poderá chover de 20 a 30 milímetros por hora, ou até 50 milímetros por dia, nessas localidades.

Há baixo risco de alagamento e pequenos deslizamentos, em cidades com tais áreas de risco.

Em caso de problemas, o órgão orienta que as pessoas entrem em contato com a Defesa Civil, por meio do número 199, e com o Corpo de Bombeiros, por meio do número 193.

Município GeoCode UF
Alagoa Grande 2500304 PB
Alagoa Nova 2500403 PB
Alagoinha 2500502 PB
Alcantil 2500536 PB
Algodão De Jandaíra 2500577 PB
Alhandra 2500601 PB
Arara 2500908 PB
Araruna 2501005 PB
Araçagi 2500809 PB
Areia 2501104 PB
Areial 2501203 PB
Aroeiras 2501302 PB
Bananeiras 2501500 PB
Baraúna 2501534 PB
Barra De Santa Rosa 2501609 PB
Barra De Santana 2501575 PB
Barra De São Miguel 2501708 PB
Bayeux 2501807 PB
Baía Da Traição 2501401 PB
Belém 2501906 PB
Boa Vista 2502151 PB
Boqueirão 2502508 PB
Borborema 2502706 PB
Caaporã 2503001 PB
Cabaceiras 2503100 PB
Cabedelo 2503209 PB
Cacimba De Dentro 2503506 PB
Caiçara 2503605 PB
Caldas Brandão 2503803 PB
Campina Grande 2504009 PB
Capim 2504033 PB
Casserengue 2504157 PB
Caturité 2504355 PB
Conde 2504603 PB
Cruz Do Espírito Santo 2504900 PB
Cubati 2505006 PB
Cuitegi 2505204 PB
Cuité 2505105 PB
Cuité De Mamanguape 2505238 PB
Curral De Cima 2505279 PB
Damião 2505352 PB
Dona Inês 2505709 PB
Duas Estradas 2505808 PB
Esperança 2506004 PB
Fagundes 2506103 PB
Frei Martinho 2506202 PB
Gado Bravo 2506251 PB
Guarabira 2506301 PB
Gurinhém 2506400 PB
Ingá 2506806 PB
Itabaiana 2506905 PB
Itapororoca 2507101 PB
Itatuba 2507200 PB
Jacaraú 2507309 PB
João Pessoa 2507507 PB
Juarez Távora 2507606 PB
Juripiranga 2507903 PB
Lagoa De Dentro 2508208 PB
Lagoa Seca 2508307 PB
Logradouro 2508554 PB
Lucena 2508604 PB
Mamanguape 2508901 PB
Marcação 2509057 PB
Mari 2509107 PB
Massaranduba 2509206 PB
Mataraca 2509305 PB
Matinhas 2509339 PB
Mogeiro 2509404 PB
Montadas 2509503 PB
Mulungu 2509800 PB
Natuba 2509909 PB
Nova Floresta 2510105 PB
Nova Palmeira 2510303 PB
Olivedos 2510501 PB
Pedra Lavrada 2511103 PB
Pedras De Fogo 2511202 PB
Pedro Régis 2512721 PB
Picuí 2511400 PB
Pilar 2511509 PB
Pilões 2511608 PB
Pilõezinhos 2511707 PB
Pirpirituba 2511806 PB
Pitimbu 2511905 PB
Pocinhos 2512002 PB
Puxinanã 2512408 PB
Queimadas 2512507 PB
Remígio 2512705 PB
Riacho De Santo Antônio 2512788 PB
Riachão 2512747 PB
Riachão Do Bacamarte 2512754 PB
Riachão Do Poço 2512762 PB
Rio Tinto 2512903 PB
Salgado De São Félix 2513109 PB
Santa Cecília 2513158 PB
Santa Rita 2513703 PB
Sapé 2515302 PB
Serra Da Raiz 2515609 PB
Serra Redonda 2515807 PB
Serraria 2515906 PB
Sertãozinho 2515930 PB
Sobrado 2515971 PB
Soledade 2516102 PB
Solânea 2516003 PB
Sossêgo 2516151 PB
São José Dos Ramos 2514453 PB
São Miguel De Taipu 2515005 PB
São Sebastião De Lagoa De Roça 2515104 PB
Tacima 2516409 PB
Umbuzeiro 2517001 PB

Assessoria