Arquivo da tag: Cidadão

Saiba em quais situações o cidadão deve acionar o Samu

Chegar precocemente à vítima após ter ocorrido alguma situação de emergência que possa levar a sofrimento, sequelas ou mesmo à morte. Esse é o objetivo do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu – 192), que também atende urgências em situações de natureza clínica, cirúrgica, traumática, obstétrica, pediátrica, psiquiátrica, entre outras.

O Samu é um serviço de saúde que funciona 24 horas por dia, atendendo a população no socorro e encaminhamento às unidades hospitalares. Para entrar em contato, basta o cidadão ligar 192 e responder às perguntas dos atendentes que estão de plantão. A ligação é gratuita.

Quem atende esta ligação é o auxiliar de regulação médica, que faz o registro e encaminha para o médico regulador, que realiza a classificação de risco e avalia a necessidade do envio de motolância, Unidade de Suporte Básico (USB) ou Unidade de Suporte Avançado (USA). Os protocolos de atendimento e a classificação seguem um padrão internacional.

Pelo serviço são atendidas vítimas de desmaios com perda da consciência, mal súbito, problemas cardíacos e respiratórios de início súbito, convulsão, crises epilépticas, dor no tórax de origem súbita, pressão baixa ou alta, trabalho de parto com risco de morte para a mãe ou para o feto e problemas psiquiátricos em crise. O Samu deve ser acionado também em casos de trauma com sangramentos, hemorragias, intoxicações acidentais, engasgos, envenenamento e tentativas de suicídio, quedas, fraturas, queimaduras graves e acidentes de trânsito com vítimas.

Durante o socorro, o Samu atua em conjunto com o Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar, dependendo do tipo de chamado. Em casos de afogamentos, choques elétricos e em acidentes de trânsito com vítimas presas às ferragens, deve ser acionado em conjunto com os bombeiros pelo telefone 193.

Em casos de acidentados em BRs, o serviço deve ser solicitado junto com a Polícia Rodoviária Federal pelo número 191. E quando se tratar de ferimentos por arma de fogo e arma branca, o cidadão deve ligar também para o número 190 da Polícia Militar.

Estrutura

A estrutura do Samu de João Pessoa é formada por 14 unidades de atendimento móvel de urgência, sendo quatro unidades de suporte avançado (USA) e sete unidades de suporte básico (USB) para a Capital, além de três USB distribuídas para Cabedelo, Conde e Bayeux.

A população conta, também, com sete motolâncias de suporte para os primeiros atendimentos. Segundo a gestão municipal, o quantitativo total de veículos é o recomendado pelo Ministério da Saúde, de acordo com a população local.

Confira quando chamar o Samu:

  • Problemas cardiorrespiratórios;
  • Intoxicação exógena e envenenamento;
  • Queimaduras graves;
  • Maus tratos;
  • Trabalhos de parto em que haja risco de morte da mãe ou do feto;
  • Tentativas de suicídio;
  • Crises hipertensivas e dores no peito de aparecimento súbito;
  • Acidentes/traumas com vítimas;
  • Afogamentos;
  • Choque elétrico;
  • Acidentes com produtos perigosos;
  • Suspeita de Infarto ou AVC
  • Agressão por arma de fogo ou arma branca;
  • Soterramento e desabamento;
  • Crises convulsivas;
  • Transferência inter-hospitalar de doentes graves;
  • Outras situações consideradas de urgência ou emergência, com risco de morte, sequela ou sofrimento intenso.

Quando não chamar o Samu:

  • Febre prolongada;
  • Dores crônicas;
  • Vômito e diarreia;
  • Levar pacientes para consulta médica ou exames;
  • Transporte de óbito;
  • Dor de dente;
  • Transferência sem regulação médica prévia;
  • Trocas de sonda;
  • Corte com pouco sangramento,
  • Entorses;
  • Transportes inter-hospitalares de pacientes de convênio;
  • Todas as demais situações onde não se caracterize urgência ou emergência médica.

Dicas para quem ligar para o Samu:

  • Em caso de acidente verifique a quantidade de vítimas, o estado de consciência delas e se alguma está presa às ferragens;
  • Ligue para o 192 e siga as orientações do médico regulador;
  • Sinalize as vias com galhos de árvore e triângulo de sinalização;
  • Em caso de acidente com motos, não toque nas vítimas e não retire o capacete;
  • Não dê água aos acidentados.

 

(Foto: Gilberto Firmino/Divulgação/Secom-JP)

portalcorreio

 

 

 

Deputados do Avante parabenizam Adriano Galdino pelo seu aniversário e título de cidadão pessoense que receberá nesta segunda

Os deputados estaduais Tião Gomes, Genival Matias, Júnior Araújo e Taciano Diniz, ambos do Avante, divulgaram uma nota conjunta parabenizando o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino, pelas honrarias que receberá durante solenidade no plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), nesta segunda-feira (21), data em que também Galdino faz aniversário.

Adriano Galdino vai receber o título de cidadão pessoense da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) e também a medalha Epitácio Pessoa, a mais alta comenda do legislativo estadual.

Para os deputados que integram a bancada do Avante, os títulos que o presidente receberá é o reconhecimento pelo trabalho que vem desenvolvendo há anos com uma atuação parlamentar exemplar e também como comandante do legislativo paraibano, função que Adriano Galdino exerce com maestria.

Os parlamentares enfatizaram que Adriano Galdino é um homem honesto, justo, de palavra, além de ser um grande articulador político, defensor das Leis que pensa e trabalha para o bem dos paraibanos.

O presidente do Avante e vice-presidente da ALPB, Genival Matias, tratou Adriano Galdino como um amigo e professor e citou algumas das qualidades do deputado.

“Hoje quero prestar homenagem a alguém que tem sido muito mais do que um líder, tem sido um amigo e um professor. Seria uma verdadeira enciclopédia se escrevesse e falasse tudo aquilo que eu aprendi com você ao longo destes últimos anos! Você possui o dom da liderança, essa combinação poderosa entre estratégia e caráter, mas sem dúvida que o que mais se destaca em você é o seu caráter! Todos nós te desejamos felicidade e muitos mais anos de vida a você, meu amigo Adriano Galdino”, comentou Genival Matias.

Tião Gomes pontuou que Adriano Galdino é um companheiro de longas jornadas.

“Que felicidade poder celebrar a vida desse homem público, simples, guerreiro, admirável, competente e amigo. Que Deus te proteja, ilumine e realize todos os desejos do teu coração. Vida longa é o que desejo ao meu amigo Adriano, um político raro e grande administrador do nosso legislativo paraibano”, afirmou Tião.

Júnior Araújo destacou a contribuição de Adriano Galdino pelo desenvolvimento da Paraíba.

“Hoje é o dia desse grande ser humano, Adriano Galdino! Parabéns, meu amigo e companheiro de luta. Desejo a você muita felicidade, realizações, vida longa, bênçãos e um caminho iluminado por Deus. Feliz Aniversário!” parabenizou o deputado estadual.

O deputado Taciano Diniz pontuou a satisfação em poder conviver com um homem de caráter, simples e conduta ilibada. “Feliz Aniversário, Adriano Galdino. Que você continue sendo essa pessoa comprometida com nosso Estado. Receba os meus cumprimentos pela passagem de seu aniversário, com votos de felicidade e muitas realizações em sua vida. Para mim é uma honra poder conviver e aprender diariamente com os seus exemplos de honestidade, simplicidade,  honradez e caráter”, disse o parlamentar.

 

portaldolitoralpb

 

 

Em primeiro dia de atuação, em Solânea, “Programa Cidadão” emitiu cerca de 400 documentos

No primeiro dia de atendimento da ação itinerante do “Programa Cidadão”, que está atuando em Solânea nesta quarta (28) e quinta-feira (29), foram emitidos cerca de 400 documentos gratuitos de 1ª e 2ª vias de RG, CPFs e Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS). A média de atendimento será mantida no segundo dia de atuação.

O Programa acontece em Solânea, através da parceria entre o Governo de Solânea e o Governo Estadual.  E é realizado pela Secretaria municipal de Desenvolvimento Social e Cidadania e Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano. Também estão sendo colocados a disposição para os que irão emitir documentação o serviço de fotografia 3×4. Os atendimentos no Teatro Municipal Jacob Soares estão acontecendo das 08:00 às 16:00.

Entrega de documentação

A coordenadora do Programa, Sonale dos Santos, explicou que no mesmo dia da solicitação o cidadão recebe a 1ª via do RG e que a 2ª via será entregue dia 23 de setembro no setor de identificação da Prefeitura Municipal. “Quanto a primeira via do CPF, estamos entregando no mesmo momento da solicitação.  A Carteira de Trabalho será entregue dia 17 de Setembro aqui no Teatro Municipal Jacob Soares exclusivamente ao solicitante”, esclareceu. Estão sendo emitidos por dia, em média, 250 RGs, 50 Carteiras de Trabalho e 100 CPFs.

 Assessoria de Comunicação

 

Parceria entre PMB e Governo do Estado realiza Programa Cidadão nesta terça-feira

A Prefeitura Municipal de Bananeiras realiza, nesta terça-feira (27), das 8h às 16h, no Espaço Cultural “Oscar de Castro”, o Programa Cidadão – em parceria com o Governo do Estado – que visa oferecer à população atividades e serviços sociais gratuitos, como emissão de Carteira Profissional, CPF, entre outros.

Dentre os serviços disponíveis aos munícipes estará a emissão da Carteira do Trabalho e Previdência Social, Carteira de Identidade (1° e 2° via) e CPF. Para a emissão da Carteira de Identidade teremos um limite de vagas, já os demais documentos serão emitidos o dia todo.

Para a confecção destes documentos, será necessário ter em mãos uma foto 3×4 atualizada e com fundo branco (que também estará sendo ofertada no evento); Certidão de Nascimento ou de Casamento (para RG, CPF e CTPS); Identificação Civil (para CPF e CTPS), Comprovante de residência com CEP (para CPF) e Título de eleitor (se for maior de 18 anos).

O evento conta com apoio do Governo do Estado, através da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano e a Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social de Bananeiras.

A Prefeitura também vai estar ofertando no local, serviços de saúde (teste de glicemia e aferição de pressão) e corte de cabelo.

A gestão Municipal tem se empenhado em buscar parcerias para ofertar ações e serviços à população Bananeirense.

Ascom – PMB

 

Câmara aprova título de cidadão guarabirense ao ex-presidente Lula

Dec.-GbaA Câmara Municipal de Guarabira aprovou nesta quinta-feira, 16, o decreto nº 05/2017 que concede o título de cidadão guarabirense ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), pelos relevantes serviços prestados ao município.

O autor da propositura é o vereador Marcelo Bandeira Ferraz (PSB). A iniciativa recebeu o apoio de 14 parlamentares. Apenas o vereador Marcos de Enoque (PSDB) se absteve da votação.

O solicialista justificou que o título é merecido, já que segundo ele, em sua gestão, Lula tirou 40 milhões de pessoas da pobreza. Ele também ressaltou o trabalho do ex-presidente para a realização das obras do Projeto de Integração do Rio São Francisco. O autor ainda lembrou que Lula visitou Guarabira e sempre defendeu melhorias para população mais carente.

Rafael San

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Vereador propõe título de cidadão pessonse a Lula e espera vinda do ex-presidente a JP em março

marcos-henriquesO vereador Marcos Henriques, do PT, irá propor na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) a concessão do título de cidadão pessoense ao ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT). Segundo ele, a proposta já conta com 17 assinaturas dos vereadores e a aprovação deve ser feita em plenário ainda esta semana.

O petista justificou que o título é merecido, já que segundo ele, em sua gestão, Lula tirou 40 milhões de pessoas da pobreza. Ele também ressaltou o trabalho do ex-presidente para a realização das obras do Projeto de Integração do Rio São Francisco.

“Esse título a Lula é merecido. São 40 milhões de pessoas que saíram da pobreza e é muito importante que esse título, junto com outras comendas que já tem aqui na Câmara, ele possa vir receber. É importante que a Casa Napoleão Laureano reconheça o trabalho que o ex-presidente Lula fez, principalmente no momento em que as águas do Rio São Francisco estão para chegar”, disse.

O vereador afirmou que o convite para Lula vir receber o título já foi feito através do Instituto Lula e a vinda dele à capital paraibana deve acontecer ainda no mês de março.

“Já temos contato com o instituto Lula e isso faz com que a data possa ser marcada nos próximos dias. Já conseguimos as assinaturas suficientes e agora é só homologar marcar a data para que ele poderá vir”, declarou.

blogdogordinho

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Aplicativo do TCE-PB transforma cidadão em fiscal da administração pública

controleO Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) intensifica a divulgação  nesta sexta-feira (24), do aplicativo “Controle Social”, para telefones celulares e tablets que permitirá ao cidadão enviar manifestações à instituição para auxiliar na fiscalização e acompanhamento, sistemático, das ações da administração pública.

O aplicativo foi desenvolvido pela equipe de informática do próprio Tribunal de Contas e está disponível gratuitamente na loja Google Play para aparelhos que utilizam o sistema ‘Android’. Celulares que utilizam ‘IOS’ poderão baixá-lo no ‘Apple Store’. A primeira versão foi lançado em novembro de 2014, na gestão do conselheiro Fábio Nogueira.

Por meio do aplicativo, o cidadão poderá encaminhar mensagens, informações, reclamações, denúncias e elogios com fotos e vídeos sobre as condições dos serviços públicos oferecidos na sua cidade. Todos os dados serão georreferenciados, o que permitirá ao TCE-PB saber a data, hora e o local exato de onde foi enviada a mensagem.

As mensagens recebidas, por meio do “Controle Social”, serão enviadas diretamente para Ouvidoria do TCE podendo subsidiar as ações de fiscalização, caso sejam procedentes. O aplicativo também subsidiará o Programa Voluntários do Controle Externo (VOCE), que foi criado desde 2007, pelo conselheiro Arnóbio Viana, iniciativa destinada ao envolvimento da população com a fiscalização de bens e ações públicas.

“As informações recebidas por meio do aplicativo serão  análisadas e podendo subsidiar as ações de fiscalização ordinárias. Além de ser um avanço na gestão pública, o aplicativo amplia o controle e participação da sociedade sobre as atuações dos gestores públicos”,  disse o coordenador da Ouvidoria do TCE-PB,  o auditor de contas públicas Ênio Martins Norat.

Para o presidente do TCE-PB, conselheiro André Carlo Torres Pontes, esse aplicativo ajudará a concretizar uma das principais linhas estratégicas do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, que é buscar uma maior aproximação com a sociedade civil e incentivar o cidadão a ser um fiscal de uma boa gestão pública. “Este é mais um canal direto de comunicação entre a sociedade e o Tribunal” , destacou.

MaisPB com TCE-PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Capitão da Polícia Militar J. Ferreira recebe título de cidadão solanense

tituloO Capitão J. Ferreira, comandante da 7ª Companhia Independente da cidade de Solânea, recebeu o título de cidadão solanense, como forma de reconhecimento dos resultados do trabalho feito  pela polícia militar na região do Brejo e curimataú paraibano.

As homenagens foram concedidas pelos vereadores, através de uma propositura da vereadora Giseliane. Toda solenidade de homenagem ao Capitão J. Ferreira aconteceu na noite da ultima quinta-feira, dia 15 de dezembro nas dependências da “Casa Antonio Melo de Azevedo”  câmara de vereadores da cidade.

O homenageado foi lembrado pelo juiz da comarca de Solânea Dr. Osenival dos Santos Costa  que lembrou da importância do reconhecimento da sociedade. “Com a confiança e o apoio do Comandante do 4ª BPM  o capitão J. Ferreira conseguiu resultados no seu trabalho, consequentemente, o reconhecimento da sociedade, o que nos deixa feliz pela competência deste  grande profissional da Polícia Militar do Estado da Paraíba”.  Lembrou.

Na entrega do título de cidadão solananense ao Capitão J. Ferreira, marcaram presença várias autoridades civis e militares, a exemplo do promotor de justiça Dr. Henrique Cândido, major Bonzante representando o comandante da CPR1 da cidade de Campina Grande, Dr Diógenes Fernandes delegado da Polícia Civil da 21ª Seccional Solânea, o subcomandante do 4ª BPM da cidade de Guarabira major Cinval, entre outras autoridades que participaram  do  merecido titulo de cidadão solanense ao capitão J. Ferreira   Comandante da 7ª Companhia Independente da cidade de Solânea PB.

 

Por Odilon Almeida

Diário do Brejo

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Polícia orienta uso da Delegacia Online para facilitar vida do cidadão

delegaciaBuscando melhorar os serviços prestados ao cidadão, a Polícia Civil implantou a Delegacia Online, que funciona através da Internet, e possibilita o registro de pequenas ocorrências de qualquer lugar e a qualquer hora. O objetivo é facilitar a vida das pessoas, evitando que elas tenham que se deslocar a uma Delegacia e enfrentar filas.

O serviço funciona nos casos de perdas ou extravios de documentos e pequenos furtos. Se houver qualquer tipo de violência, como nas ocorrências de assaltos, é necessário que vítima compareça à Delegacia mais próxima para o devido procedimento. Além do atendimento com maior comodidade para o cidadão, o serviço evita a sobrecarga nas Delegacias.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Para registrar o Boletim de Ocorrência, basta acessar o endereço eletrônico www.delegaciaonline.pb.gov.br. O cidadão deve preencher um formulário e aguardar o retorno da equipe de policiais que envia ao solicitante o número de protocolo com o qual ele poderá imprimir o boletim.

Segundo o delegado da 10ª seccional de Polícia Civil, Iasley Almeida, a Delegacia Online é mais uma serviço da Polícia Civil, inserida em uma política de melhor servir ao cidadão. “Onde quer que a pessoa esteja, através da Internet, pode fazer o registro das pequenas ocorrências, com toda comodidade, em casa, no trabalho ou até em viagem”, disse.

O delegado Iasley Almeida fez um alerta, lembrando que fornecer informações falsas à polícia é crime. “Portanto, é importante evitar esse tipo de constrangimento, visto que em caso da constatação de má fé, o acusado será responsabilizado. A nossa intenção é atender bem o cidadão, com serviço de qualidade e sem perda de tempo”, finalizou

Redação iParaiba com Ascom

Centrais de atendimento orientam o cidadão sobre seus direitos básicos

telefoneComo reagir após presenciar um caso de violência? O que fazer para saber até quando uma campanha de vacinação irá funcionar e em que postos de saúde? Para responder questões como esta, o Governo Federal ampliou o número de centrais de atendimento e disque-denúncias.

As centrais de atendimento têm profissionais capacitados para lidar com situações adversas e orientar o cidadão sobre seus direitos. Quando há denúncias, elas são encaminhadas a um órgão competente para verificação.  Geralmente, os técnicos das centrais trabalham com um banco de informações – o de saúde, da Ouvidoria do SUS, tem mais de 2 mil dados sobre assuntos diversos, por exemplo. A partir destas informações o cidadão é atendido, encaminhado a outros órgãos, e tem a demanda registrada para apuração.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“A ouvidoria é um dos canais mais importantes da democracia, porque permite ao cidadão participar diretamente das ações governamentais. É um canal de controle social”, afirma a ouvidora geral do SUS, Vanilda Alves. Nos disque-denúncia, o atendimento é feito em total sigilo. O cidadão pode relatar o que sabe sobre algum crime presenciado ou vivido, sobre o paradeiro de suspeitos e procurados ou sobre situações de violência.

Central de Atendimento à Mulher – Disque 180

Criada pela Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), a Central de Atendimento à Mulher é um dos serviços utilizados para informações sobre direitos femininos, especialmente a partir da Lei Maria da Penha, em vigor desde setembro de 2006. Em 2012, a média da central foi de 2 mil telefonemas por dia. Dentre as 732.468 solicitações recebidas, cerca de 60% foram encaminhadas para a segurança pública (Polícia Civil, Militar e Bombeiros).

De acordo com Clarissa Carvalho, coordenadora da Central de Atendimento à Mulher, a sanção da Lei Maria da Penha ampliou o acesso e passou a pautar o atendimento do Disque 180. “Elas passaram a procurar o 180 em busca de informações mais específicas, já sabendo dos seus direitos”, explica. As ligações já partiram de mais de 3 mil entre os 5.564 municípios do País.

A amplificação do alcance do Disque 180 também acontece quando são discutidos temas polêmicos de direitos femininos na mídia. De acordo com a coordenadora da central, a partir da veiculação da novela Salve Jorge, da Rede Globo, em outubro de 2012, o número de denúncias de tráfico de mulheres aumentou consideravelmente. A temática da novela, que tratava do tráfico de pessoas para o exterior, fez com que o número de denúncias ao 180 chegasse a 194 só nos três primeiros meses de 2013, enquanto em todo o ano de 2012 foram registrados 35 relatos de tráfico e em 2011, 58.

O atendimento a mulheres em situação de violência pelo Disque 180 ainda é restrito, já que, de acordo com os dados da SPM, a cada hora 243 mulheres são agredidas no País. Em apenas 4% dos casos as vítimas ou pessoas que presenciam a violência ligam para a Central de Atendimento.

O Ligue 180 é considerado pela SPM como uma forma de a mulher se familiarizar com seus direitos à saúde, justiça e segurança pública. Até o final de 2013, o serviço deverá ser ampliado e funcionar também como um disque-denúncia: Samu, Ministério Público e polícias Militar e Federal poderão ser acionadas imediatamente.

Não só mulheres podem ligar para o 180: qualquer um pode tirar dúvidas em relação aos direitos femininos e fazer denúncias, tendo o anonimato preservado. O serviço também chegou ao exterior: Espanha, Itália e Portugal podem fazer ligações gratuitamente – e deve chegar a mais 10 países até o fim de 2014.

Disque Direitos Humanos

Criado em maio de 2003, o Disque 100 recebia apenas denúncias de violações de direitos de crianças e adolescentes. No final de 2010, o serviço passou a abranger também denúncias de pessoas em situação de rua, da população LGBT, de pessoas com deficiência e idosos. De 2011 para 2012, a média diária de atendimentos aumentou em quase 100, chegando a cerca de 700 por dia. Os telefonemas se dividem entre denúncias (66% do total), busca por informações (29%), orientações (4%) e elogios e sugestões (1%).

Como um mediador, o Disque 100 encaminha para os órgãos responsáveis as denúncias, que são apuradas levando-se em consideração que o indivíduo pertence a um grupo vulnerável.

Disque Saúde / Ouvidoria do SUS

A Ouvidoria do Sus, que desde 2011 funciona sob o tridígito 136, é um dos serviços mais utilizados pela população para esclarecimento de dúvidas, denúncias e reclamações. Em 2012, o serviço recebeu quase 2 milhões de ligações, dentre dúvidas sobre como deixar de fumar a questões sobre a Farmácia Popular.

No Disque Saúde, o atendimento pode ser feito por um atendente – que tem à mão um banco de dados para respostas – ou eletrônico, em que o usuário esclarece as dúvidas com o apoio de gravações. De segunda a sexta-feira, das 7h às 22h, as manifestações de usuários do SUS também são encaminhadas à Ouvidoria do SUS.

Vanilda Alves explica que, além dos mecanismos tradicionais, o SUS promove uma ouvidoria ativa, procurando os cidadãos. Cada pessoa atendida pela rede recebe a Carta SUS para fazer uma avaliação e a confirmação do serviço prestado. Assim o cidadão pode conferir o que foi preenchido na ata médica e denunciar qualquer tipo de tratamento inadequado.

Gestantes que tenham tido partos em hospitais da rede do SUS fazem parte da Rede Cegonha. Elas recebem formulários para preencher cada detalhe do atendimento recebido – até mesmo de como foi o toque vaginal em cada parturiente.

Em casos de negação de marcação de exames, o usuário deve procurar o atendimento para solicitar uma revisão do processo no hospital. Gestores estaduais ou municipais são notificados e averiguam a demanda. Uma equipe do Ministério da Saúde acompanha a resolução dos pedidos e têm, no máximo, 90 dias para atender à solicitação feita.

Tridígitos

Os códigos de três dígitos só podem ser utilizados para serviços de utilidade pública ou serviços públicos de emergência, e estão entre 100 e 199 na telefonia. As chamadas para números de emergência são sempre gratuitas, e as de serviços públicos podem ser cobradas ou não. Os números curtos favorecem a memorização pelo cidadão.

Os 0800 podem ser utilizados para prestação de serviços por qualquer empresa, pública ou privada. Conhecidas pelo prefixo da chamada gratuita, as chamadas 0800 são cobradas à instituição que solicitou o número à Anatel.

Pela internet

Os serviços de denúncia e esclarecimentos também podem ser feitos pela internet em muitos dos casos. Os Disque-Denúncia (181), em muitos estados, aderiram à campanha “Rompa o silêncio – Clique aqui e denuncie”, que estimula o registro de denúncias anônimas através da internet. Para fazê-lo, o cidadão deve buscar um serviço de segurança pública do seu estado.

O SUS também fornece formulários online, com opções de anonimato, para dúvidas, denúncias, reclamações e sugestões. O endereço para o registro de manifestações é http://portal.saude.gov.br/portal/saude/area.cfm?id_area=1624.

Fontes:
Ministério da Saúde
Secretaria de Políticas para Mulheres
Secretaria de Direitos Humanos