Arquivo da tag: carentes

Afink promove Natal Solidário e distribui cestas básicas para famílias carentes de Araruna

A associação Afink (Associação de Formação e Incentivo para o Nordeste Karente) realizou, nos dias 19 e 20, o Natal Solidário beneficiando as famílias carentes nas comunidades do Barbaço e Mata Velha, em Araruna. A ação é uma campanha anual promovida pela associação e que visa proporcionar às famílias carentes do município um Natal de esperança.

Além da entrega das cestas básicas, este ano teve uma inovação com uma ciranda de serviços levada às comunidades por diversos voluntários onde foram oferecidos serviços de corte de cabelo, aferição de pressão arterial, teste de glicemia e brincadeiras para as crianças.

“Todos os anos nós tentamos promover um pouco de alegria para as famílias carentes da nossa região, além do alimento, procuramos levar um pouco de alegria e esperança para essas famílias”, comentou Francisca Santos, presidente da Afink.

Já o coordenador da campanha do Natal Solidário, Marcelo Gomes, aproveitou para agradecer a todos os colaboradores que ajudaram na campanha e aos voluntários que participaram das atividades de arrecadação de alimentos e recursos para beneficiar as famílias.

“Eu quero agradecer a todos aqueles que colaboraram com nossa campanha. Estivemos em vários municípios da região e muitas pessoas nos ajudaram. Também a equipe dos Bombeiros Civis de Araruna que desde o início da nossa campanha apoiaram de forma voluntária nosso Natal Solidário e aos demais, que de forma direta ou indireta, se juntaram a equipe da Afink para poder ajudar as famílias mais necessitas durante este Natal”, destacou Marcelo Gomes.

Redação FN

 

 

Prefeitura de Remígio distribui alimentos do PAA nas comunidades carentes

alimentosUma das grandes parcerias da Prefeitura de Remígio com o Governo Federal é o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) onde o governo municipal adquire alimentos produzidos por agricultores familiares sem a necessidade de licitação, destinando os produtos para famílias em situação de vulnerabilidade social. Na tarde dessa sexta-feira, (15), a Prefeitura de Remígio distribuiu uma enorme quantidade de frutas, verduras e legumes nas comunidades carentes do nosso município. Foram atendidas as comunidades da Vila das Queimadas, Conjunto Dona Toinha, Vila Francesa e Mutirão.

A distribuição ocorreu através de uma ação conjunta das Secretarias de Assistência Social e da Agricultura, com o apoio do Centro de Referência da Assistência Social – CRAS, que mantêm atualizado um cadastro de todos os beneficiários desse programa.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Secome-PMR

Prefeitura de Mari entrega 25 casas populares às famílias carentes

A prefeitura de Mari entregou, na tarde da última segunda-feira, 23, 25 casas populares as famílias carentes. As habitações populares foram entregues pelo prefeito Marcos Martins e se localizam no bairro Walter Martins. Inúmeras famílias compareceram ao evento que foi realizado no próprio bairro. Vereadores, secretários municipais, assessores e outras autoridades estiveram presentes. O vice-prefeito Jobson da Farmácia também participou ao lado do prefeito Marcos Martins e do secretário da pesca da Paraíba Sales Dantas. Durante a entrega das chaves das casas populares, a emoção tomou conta das famílias beneficiadas. Muita gente chorou de alegria em receber um dos maiores presentes de suas vidas, que a moradia. “Fiquei feliz e me emocionei ao ver as pessoas felizes e chorando por estarem recebendo a chave de suas residências. Foram 25 casas populares entregues nesta primeira etapa, mas vamos entregar mais 25 em breve e temos projetos em andamento para mais 150 residências. Vamos construir uma praça no bairro Walter Martins para beneficiar ainda mais o povo desta localidade”, disse o prefeito Marcos Martins que ao chegar no local da inauguração foi abraçado pelo povo do bairro. “Sinto que o povo de Mari gosta de nosso governo, de nosso estilo de administrar, a prova é que somos prefeito pela terceira vez. Neste mandato temos uma responsabilidade maior, que é trabalhar mais ainda. Vamos trabalhar, se Deus quiser, em defesa do nosso povo. O povo de Mari pode ter certeza disto”, garantiu o prefeito de Mari que efetuou o pagamento do décimo terceiro salários dos servidores municipais e garantiu o pagamento da folha de dezembro para o final do mês. “Pagamos esse ano 14 folhas aos servidores, os 12 meses normais, o mês de dezembro que ficou em atraso da gestão passada e mais o 13º salário, mas vencemos a batalha e estamos cumprindo nosso dever de gestor público”, ressaltou Marcos Martins.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Da codecom – Mari-PB

Prefeitura Municipal de Solânea distribui peixes em comunidades carentes durante a Semana Santa

 

peixeA Prefeitura Municipal de Solânea vai realizar, nesta quinta-feira (28), a distribuição de peixes em comunidades carentes do município. O prefeito Beto do Brasil estará pessoalmente fazendo a entrega para os moradores da cidade. A prefeitura informa, entretanto, que antes da distribuição estará sendo feita a entrega de fichas para as pessoas beneficiadas. Os ticketes serão entregues nesta quarta-feira (27).

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O objetivo da Prefeitura de Solânea é fazer com que as pessoas mais carentes da cidade tenham acesso a uma mesa farta durante o período da Semana Santa quando se celebra a morte e ressurreição de Jesus.

 

 

 

 

Redação/Focando a Notícia

Secretaria de Ação Social faz entrega de enxovais às mães carentes de Guarabira

 

Secretário Elias Asfora afirma que ação será permanente

 

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

Na última sexta-feira, dia 22, a Secretaria de Ação Social do município iniciou a entrega  de enxovais às mães carentes de nossa cidade.

Segundo o secretário Elias Asfora, que acompanhou de perto a entrega, esta é uma atitude que trará dignidade para as novas mães de Guarabira. Esta primeira etapa visitou os bairros do Rosário, Santa Terezinha, São José, Nações, Alto da Boa Vista, além dos conjuntos Alda Pimentel, Mutirão, Nossa Senhora Aparecida e Assis Chateaubriand.

Já  na Zona Rural, foram feitas entregas na Encruzilhada e no Distrito de Cachoeira dos Guedes. “Trata-se de algo que sempre vamos realizar em nossa secretaria, não vamos deixar nenhuma mãe ter seu filho e não possuir um enxoval de qualidade”, afirmou Elias Asfora.

Codecom/PMG para o Focando a Notícia

Alimentos e fraldas arrecadados durante Crescer beneficiam famílias carentes

 

Doação_alimentos_CrescerO acesso ao Clube Campestre, local onde será realizado o 16º Crescer – O Encontro da Família Católica, o maior encontro católico da Paraíba, é gratuito, mas os organizadores do encontro pedem aos participantes que façam doações de alimentos não perecíveis ou fraldas descartáveis. As doações podem ser entregues em um posto de arrecadação montado na entrada do ginásio durante os três dias de realização do encontro, que acontece entre os dias 10 e 12 de fevereiro, domingo, segunda e terça-feira de Carnaval, em Campina Grande.

Os alimentos e fraldas doados pelos participantes do Crescer são distribuídos com famílias carentes, assistidas pelas ações sociais promovidas pela comunidade São Pio X, a exemplos do “Faça por mim” e AMO (Apoio às Mães Órfãs). Somente de alimentos, na edição do encontro do ano passado, foram arrecadados aproximadamente 1,1 mil quilos de alimentos não perecíveis. Os alimentos e fraldas arrecadados durante as edições anteriores do Crescer têm sido muito importantes para a manutenção destes projetos, explicou o coordenador geral do encontro, Gustavo Lucena.

O “Faça por mim” funciona há oito anos, distribuindo mensalmente cestas básicas e realizando encontros de capacitação e motivacionais, que são acompanhados por assistentes sociais voluntárias da Comunidade de São Pio X. Com o slogan “O cuidado de Deus com o seu Povo”, a ação social “Faça por Mim” promove iniciativas de assistência social objetivando cuidar do povo de Deus. Cadastrado no Conselho Municipal de Assistência Social, o “Faça por Mim” tem sua prestação de contas e de atividades assistenciais anualmente apresentadas e aprovadas pelo conselho.

 

O Grupo AMO, que realizou o primeiro encontro durante o Crescer no ano de 2010, coordenado pela missionária da Comunidade São Pio X, Valentina Izabel, para reunir mães que perderam filhos. O grupo realiza reuniões quinzenais e atividades como o Dia da Acolhida, momentos de partilha e de comunhão com a vida das outras mães, e o Dia da Esperança, que é uma ação planejada de assistência e acolhida às crianças menos favorecidas, doando brinquedos, fraldas descartáveis e enxovais para recém-nascidos no Isea (Instituto de Saúde Elpídio de Almeida).

 

O tema do Crescer deste ano é “Fé na família” e está relacionado ao Ano da Fé, proclamado pelo Papa Bento XVI e que teve início em 11 de outubro do ano passado. O encontro terá também as presenças do arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, que celebrará a Santa Missa do domingo, Dom João Carlos Petrini, presidente da Comissão

Episcopal para a Família e à Vida da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) e bispo de Camaçari-BA, Dom Manoel Delson, bispo diocesano de Campina Grande, e Dom Bernardino Machió, bispo de Caruaru-PE.

 

Entre os pregadores, confirmaram presenças Vicente Machado, da RCC (Renovação Carismática Católica) de Goiânia-GO, Jorge Gomes, da Comunidade Católica Kairós de Taquaritinga do Norte-PE, Fellipe Felizardo, da RCC de João Pessoa e padre Carlinhos, da Paróquia Sagrada Família de Campina Grande, além de Romero Frazão e Gustavo Lucena, ambos da comunidade São Pio X, que organiza o encontro.

 

 

 

Assessoria de imprensa para o Focando a Notícia

Professor é preso por estuprar e aliciar alunas carentes na Paraíba

Um professor foi preso na cidade de Princesa Isabel, no Sertão do Estado, acusado de aliciamento, pedofilia e estupro. Roberto Rodrigues Barbosa, 41, que também é técnico judiciário, abusava de alunas carentes, oferecendo presentes, dinheiro e bebidas, segundo denúncias dos familiares das vítimas. Ele foi preso nessa quarta (15/08) em uma ação policial do Grupo Tático Especial (GTE) da 5ª Delegacia Regional de Patos.

Até agora, a Polícia já confirmou um total de quatro vítimas, sendo duas 15 anos, uma de 17 e uma criança. O delegado que realizou a prisão, Hugo Lucena, acredita que o número de vítimas seja maior.

Segundo o delegado que acompanha o caso, Hugo Lucena, as investigações sobre os crimes que estariam sendo cometidos pelo professor tiveram início há mais de 40 dias, após a denúncia da mãe de uma das vítimas de 15 anos, que acusou ele de estupro. Segundo a denúncia da mãe, o professor alcoolizou sua filha e levou a garota para uma pousada, onde teria mantido relações sexuais.

A mulher também denunciou que ao saber do abuso, procurou o professor e foi ameaçada por ele. “Ele estaria se aproveitando das condições de carência de algumas alunas para aliciá-las, oferecendo presentes, dinheiro, comida, festas, em troca de favores sexuais.

Por conta disso, ele foi autuado por aliciamento, pedofilia, porque algumas das vítimas são crianças e estupro também. Ele ficará detido por um período de 20 dias e se o inquérito não for concluído a tempo, pediremos a prorrogação da prisão temporária”, explicou o delegado.

A prisão do professor, mais conhecido na cidade por “Beto do Fórum”, aconteceu por volta das 6h de ontem. Na casa dele, os agentes da Polícia Civil e do GTE apreenderam aparelhos celulares, pendrives, maquinas fotográficas e computadores para que serão usados no inquérito.

O acusado foi levado para a Delegacia de Patos, e será encaminhado para o Presídio Romero Nóbrega.

Portal Correio

9º BPM Contra a Fome continua amenizado o sofrimento de várias famílias carentes

 

Desenvolvida com sucesso pelo 9º Batalhão de Polícia Militar da Paraíba, a campanha “9º BPM Contra a Fome” segue beneficiando diversas famílias da zona rural do município de Cuité-PB e adjacências. Desta vez foram agraciadas, com a doação de cestas básicas, várias famílias moradoras do Assentamento dos Sem-Terra Retiro, localizado há 30 km da cidade de Cuité.

Um dos beneficiados foi o agricultor Antônio Belo da Silva, 39, que – ao receber a doação das mãos dos militares – se ajoelhou e ergueu as mãos ao céu dizendo que “Deus ainda faz milagres”. O mesmo relatou as dificuldades pelas quais passa a sua e diversas outras famílias daquela comunidade.

Com a colaboração dos próprios policiais militares e de populares, a campanha segue modificando realidades. Seja você também um dos colaboradores, doando 1kg de alimento não perecível à campanha.

As doações estão sendo recebidas na sede do 9º BPM, localizado à Rua Adauto Soares de Aquino, 133, Centro de Cuité-PB. Com as recentes doações, houve um acréscimo no número de cestas básicas doadas em relação ao mês passado. “Conseguimos aumentar em seis cestas básicas em relação ao mês de maio passado. Só temos a agradecer àqueles que, de forma voluntária, se dirigem ao nosso batalhão e doam os alimentos”, afirmou o Capitão PM Josimá.

Assessoria de Imprensa para o Focando a Notícia

Famílias carentes invadem casas de conjunto habitacional em Serraria

Várias casas de um conjunto habitacional, que está sendo construído pela prefeitura municipal de Serraria, na região do Brejo paraibano, em parceria com o governo federal, foram invadidas por algumas famílias carentes, na noite de terça-feira, 1.

Das vinte casas do conjunto habitacional, já foram construídas 16 moradias, seis foram invadidas pelas famílias carentes, e as demais já foram entregues as pessoas que foram inscritas no programa de habitação.

Maria Silvânia acusa moto taxista de ter obrigado ela a sair da casa com seus 5 filhos

Maria Silvânia acusa moto taxista de ter obrigado ela a sair da casa com seus 5 filhos

As casas foram invadidas por mães de famílias carentes, que pagavam aluguéis, ou residiam nas casas dos pais e parentes. Uma das casas foi invadida por Maria Silvânia, de 24 anos, mãe de cinco crianças. Segundo relatos dela a nossa reportagem, depois de invadir uma residência, ela teve que desocupar a moradia com suas cinco crianças, por causa de um rapaz conhecido por Marcelo moto taxista ter chegado dizendo que ela desculpasse a casa, pois era o dono da mesma. Ela chorando contou que teve que deixar a moradia, pois segundo ela, o moto taxista teria jogado o colchão dela e dos seus filhos pra fora da casa, e ela teria se sentindo humilhada e obrigada a sair com as crianças. Já o moto taxista negou a acusação feita por Maria Silvânia, dizendo que não fez nada do que ela falou.

Moradias do conjunto habitacional

Moradias do conjunto habitacional

Uma senhora que mora na zona rural do município, que tem dez filhos, também invadiu uma casa, mas teve que sair, porque chegou outra pessoa dizendo que a casa lhe pertencia. Essa senhora carente sofre muito, porque além de ser desempregada, tem dez crianças para criar e não recebe benefício da bolsa família. Ela mora com os pais que são agricultores.

Outra mulher conhecida por Vitória, mãe de quatro crianças, também invadiu uma casa, e disse que não vai sair de jeito nenhum, pois é carente e precisa de um lar para criar seus filhos.
Houve tumulto e muita discussão durante a invasão dessas moradias.

Casa do conjunto em construção

Casa do conjunto em construção

É necessário, que as casas beneficiem pessoas que realmente sejam carentes, que tenham crianças, paguem aluguéis, ou que estejam morando nas casas dos pais ou parentes. Que pessoas que não têm filhos, e que possuem uma melhor condição financeira, não seja contempladas.

O prefeito Brizola, disse que existe uma relação com os nomes das pessoas que foram contempladas com essas residências, as quais foram inscritas em 2009, em um programa de casas populares do governo federal, em parceria com a prefeitura municipal, e que essas famílias que invadiram as casas do conjunto habitacional, não foram inscritas no programa habitacional, ou não foram contempladas.

Portal Arara PB
Fonte : Balbino Silva/MÍDIA PARAÍBA

Comissão aprova isenção de taxa para estudantes carentes que se inscreverem no vestibular

 

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou na terça-feira (24) projeto de lei que isenta estudantes carentes do pagamento de taxas de inscrição para vestibular em universidades federais. Nesses casos, as isenções poderão ser totais ou parciais. Pelo projeto, terá direito à gratuidade nas taxas os alunos com família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e quem cursou o ensino médio completo na rede pública de ensino ou como bolsista integral na rede privada.

Além disso, o critério para a concessão do benefício prevê a necessidade do beneficiário ter renda familiar mensal ou menor ou igual a meio salário mínimo nacional, per capita, ou a três salários mínimos totais. Já votada pela Câmara dos Deputados, a matéria retorna à apreciação dos deputados, uma vez que foi alterada no Senado.

Para entrar em vigor, no entanto, o projeto de lei prevê que o Executivo terá que estimar o montante da renúncia fiscal na proposta de lei orçamentária. A justificativa é que o benefício repercutirá nas receitas das instituições de ensino superior.

A CAE também aprovou projeto de lei que isenta do Imposto de Importação (II) e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) aquisições e operações realizadas no mercado interno de impressoras de caracteres em braille. Da mesma forma que a isenção de pagamento de taxa de vestibular, esse projeto estabelece que o Executivo terá que estimar a renúncia de receita para que o benefício entre em vigor.


FONTE: Agência Brasil
Focando a Notícia