Arquivo da tag: Bradesco

Bradesco fecha agência temporariamente na cidade de Guarabira por conta da pandemia

A agência do Banco do Bradesco localizada na Avenida Dom Pedro II, no Centro de Guarabira-PB foi fechada nesta quarta-feira (01), por conta da pandemia de Covid-19. De acordo com um aviso colocado na entrada, a agência foi fechada temporariamente para higienização e cumprimento de medidas de prevenção e combate ao Novo coronavírus.

Circula em algumas redes sociais a informação de que pelo menos três funcionários da agência teriam sido contaminados pelo Coronavírus, motivo que explicaria o fechamento temporário da mesma até que novas medidas de prevenção pudessem ser implantadas, mas esta informação ainda não foi confirmada.

Segundo o aviso fixado no principal acesso da agência, a medida foi tomada para preservar os seus clientes e colaboradores, mas não fala em infecção de colaboradores.

Ainda de acordo com o aviso, os clientes podem buscar os serviços do Bradesco nas agências mais próximas: Na Rua Feliciano Pedrosa – 1601, no Centro de Belém; na Rua João Suassuna – 85, na cidade de Sapé ou mesmo no posto de atendimento de Guarabira, localizado na Rua João Gomes Maranhão – 89, no Cento da cidade.

Por fim, o aviso não informa quando os atendimentos serão retomados na referida agência. Diz apenas que a mesma só será reaberta quando a atual situação estiver normalizada.

Veja o que diz o aviso:

FolhadoBrejo

 

 

Consignados: juiz determina que Bradesco devolva valores descontados das contas de delegados da Polícia Civil da Paraíba

O juiz João Machado de Souza Júnior determinou que o banco Bradesco devolva os valores descontados referentes a empréstimos consignados dos servidores públicos estaduais da Paraíba. A decisão foi tomada neste sábado (27) após reclamações dos funcionários de que houve informação na conta bancária do desconto dos empréstimos, mesmo com a lei em vigor que proíbe esse desconto durante a pandemia do novo coronavírus.

O ClickPB teve acesso em primeira mão à decisão do magistrado, que deferiu liminar solicitada pela defesa de um grupo de delegados de Polícia Civil, associados da ADEPDEL.

Na decisão, o juiz proíbe o desconto de parcelas futuras dentro do que determina a lei que suspende os descontos durante a pandemia da Covid-19.

Os servidores do Estado da Paraíba tiveram uma surpresa, na manhã deste sábado (27), ao ter acesso as suas contas bancárias. O motivo é que, embora esteja em vigor a Lei estadual nº 11.699, que determina a suspensão da cobrança dos empréstimos consignados por 120 dias, o Bradesco, responsável pelo pagamento dos funcionários, já efetuou os descontos do mês de junho. Nas redes sociais, os funcionários denunciaram a retirada do valor.

Confira a decisão na íntegra

 

Servidores do Estado da Paraíba denunciam descumprimento de lei após terem desconto de empréstimos pelo Bradesco

Os servidores do Estado da Paraíba tiveram uma surpresa, na manhã deste sábado (27), ao ter acesso as suas contas bancárias. O motivo é que, embora, a lei estadual nº 11.699, que determina a suspensão da cobrança dos empréstimos consignados por 120 dias, esteja em vigor, o Banco Bradesco – responsável pelo pagamento dos funcionários – já efetuou os descontos do mês de junho. Nas redes sociais, os funcionários denunciaram a retirada do valor, o que deixou muitas contas zeradas.

Os relatos é de que o banco teria antecipado a retirada do valor dos empréstimos. “Eu tinha R$ 600 na minha conta, quando fui ver estava zerada”, disse um servidor. Outro ainda contou que o valor era pagamento de um carro. “Eu ia pagar o meu carro dia 29. Eu não tenho mais. Minha conta está zerada. E aí, quem vai responder pelo prejuízo?”, revelou.

Na sexta-feira (26), o Governo do Estado informou a suspensão da cobrança de empréstimos consignados por 120 dias, ou seja, quatro meses sem desconto dos consignados na folha dos servidores. A lei foi sancionada pelo governador João Azevêdo e determina ainda que a suspensão da cobrança vale para todas as instituições financeiras, de todos os empréstimos consignados contraídos por servidores públicos civis, militares, aposentados, inativos e pensionistas da administração direta e indireta do Estado da Paraíba.

São 50.070 servidores que estão sendo beneficiados com a lei, o que gera um valor do desconto mensal em torno de R$ 45,5 mi. Vinte e quatro instituições financeiras operam contas-salário dos servidores e devem se adequar a essa lei.

Caso o estado de calamidade pública perdure por período superior ao estabelecido, o prazo de suspensão dos empréstimos consignados, disposto na lei, será prorrogado automaticamente até o fim da vigência do estado de calamidade estadual. Ainda de acordo com a lei, as parcelas que forem suspensas vão ser acrescidas ao final do contrato sem acréscimo de juros ou multas.

 

clickpb

 

 

Delação de Ivan Burity aponta que Bradesco teria pagado ‘propina’ a RC

Mais um capítulo no âmbito da Operação Calvário toma conta dos noticiários, inclusive o nacional, nesta sexta-feira (10).

De acordo com matéria vinculada no site da Crusoé, delação do ex-secretário do Estado da Paraíba, Ivan Burity, revelou que o Banco do Bradesco teria conseguido gerir a folha de pagamentos da Paraíba na gestão de Ricardo Coutinho após pagar ‘propina’ ao ex-gestor.

Segundo a reportagem, após ter conhecimento de que tanto o Bradesco quanto a Alpargatas, dona da Havaianas, teriam supostamente feito doações para Cássio Cunha Lima, RC teria ordenado que Ivan e a  então secretária de Administração da Paraíba, Livânia Farias, viajassem a São Paulo, para também pedir doações às duas empresas.

“A ordem, diz o delator, era “ir pra cima” e conseguir 3 ou 4 milhões de reais. Deu certo. Burity conta que o Bradesco e a Alpargatas concordaram em dar o dinheiro, oficialmente, mas as doações foram condicionadas a benefícios no governo de Coutinho. Diz ele: “Os benefícios do Bradesco estavam relacionados ao processamento e operacionalização dos créditos consignados tomados pelos servidores públicos estatais ao passo que Alpargatas tinha benefícios fiscais”. Teria funcionado.”, diz a matéria.

“Fato relevante: A partir deste evento a relação com Ricardo Coutinho e seu governo se estreitou com o Bradesco de tal forma que não só os consignados foram mantidos, mas também a folha de pagamento do estado migrou do Banco do Brasil ao Bradesco, tudo intermediado pela Livânia, que era secretária de administração”, contou ele.

Procurados por Crusoé, Bradesco e Alpargatas não se manifestaram.

PB Agora com Crusoé

 

 

Banco Bradesco em São João do Rio do Peixe é explodido por quadrilha

A Polícia Militar da Paraíba, foi acionada, na madrugada desta quarta-feira (14), para investigar mais uma explosão de banco, desta vez bandidos fortemente armados explodiram, uma agência do Banco Bradesco na cidade de São João do Rio do Peixe, na Paraíba.

De acordo com moradores, os criminosos estacionaram os veículos na porta do banco, entraram na agência, colocaram os explosivos nos caixas eletrônicos e detonaram.  Com o impacto da explosão, a agência ficou parcialmente destruída.

Segundo informações, os bandidos pegaram os malotes com dinheiro. Na fuga, incendiaram um veículo e espalharam grampos na estrada. Três guardas municipais foram feitos reféns, porém foram liberados.

A Polícia foi acionada, mas ao chegar no local os bandidos já haviam fugido.  Ninguém ficou ferido e ainda não se sabe se os criminosos conseguiram levar o dinheiro e se levado quanto foi a quantia roubada.

pbagora

 

 

Bradesco já cadastrou 44% dos servidores estaduais e clientes criticam Banco do Brasil

Até a quarta-feira (15), 44% dos servidores estaduais da Paraíba já haviam realizado o recadastramento e a formalização das contas-salário. O número representa cerca de 55 mil dos 123 mil funcionários. As informações foram repassadas pela assessoria de comunicação do Bradesco no estado. Nesta quinta-feira (16) e sexta (17), acontece o atendimento a servidores com nomes iniciados com as letra K e L.

Os recadastramentos são necessários por causa da mudança no banco responsável pelo processamento da folha de pagamento dos servidores, que está passando para o Bradesco. Apesar desta conta, os servidores também podem solicitar a portabilidade e passar a receber o salário em qualquer outra conta de outro banco, inclusive a que recebe o salário atualmente. Segundo a assessoria do Bradesco, 90% dos servidores atendidos até a quarta-feira optaram por usar a conta no próprio banco.

Os funcionários do Estado podem procurar as unidades especiais em João Pessoa e em Campina Grande das 7h às 19h. Em João Pessoa, o atendimento ocorre no Espaço Cultural, na Rua Abdias Gomes de Almeida 800, em Tambauzinho, e no Centro Administrativo, Avenida João da Mata, em Jaguaribe.

Já em Campina Grande, os servidores serão atendidos no Hotel Garden, localizado na Rua Engenheiro José Bezerra 400, Mirante, e no Hospital de Trauma, na Rua Marechal Floriano Peixoto 4700, Malvinas.

O servidor pode confirmar o dia exato em que vai ser atendido por meio da internet ou pela central de atendimento gratuita. Os telefones são 3003-0330 (Regiões Metropolitanas) ou 0800 208 0330 (demais regiões). Os dias seguintes seguirão o calendário programado pelo banco. Os servidores serão recebidos por ordem alfabética até o dia 30 de novembro.

Documentação            

No momento do atendimento, o servidor deve apresentar os documentos solicitados. São eles: RG, CPF, contra-cheque e comprovante de residência. Os servidores estão passando por uma triagem e são encaminhados para o gerente abrir a conta. No momento, ainda vão receber um treinamento sobre o uso do aplicativo do banco e já poderão sair com o cartão na mão e a biometria feita.

Clientes reclamam da falta de apoio no BB                   

No Banco do Brasil a situação é um pouco diferente, cliente reclamam da falta de atenção e apoio dos gerentes e dizem que o serviço bancário não é satisfatório.

Um desses relatos é do jornalista esportivo, Professor União, que garantiu que a troca de bandeira bancária foi a melhor opção tomada por ele em muitos anos.

União conta que estava há mais de 20 anos como cliente do BB e que nunca recebeu sequer um telefonema do gerente, não conseguia aprovar créditos e empréstimos e que a assistência para negócios era pífia.

Panorama bem diferente do que ele diz ter encontrado no Bradesco. Segundo União, em poucos dias ele já conseguiu vantagens e benefícios que não estavam acessíveis durante as duas últimas décadas.

Polêmica Paraíba

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Servidores da PB começam a abrir contas no Bradesco nesta segunda

Os servidores ativos e inativos do Estado da Paraíba vão começar a abrir suas contas no Bradesco – banco que passa a administrar a folha pessoal do Governo – a partir desta segunda-feira (30). O atendimento vai ser feito por ordem alfabética. Os servidores com nomes que começam com a letra “A” vão ser os primeiros a serem atendidos, até a quarta-feira (1º).

Os primeiros servidores devem comparecer ao local e data definidos pelo banco para a formalização da abertura da conta com o CPF, RG e comprovante de residência. Apesar do atendimento ao servidores que têm nomes com a inicial A acontecer em três dias, cada um tem um dia específico para comparecer ao local orientado pelo Bradesco e deve ficar atento ao calendário.

O servidor pode confirmar o dia exato em que vai ser atendido por meio do site paraiba.bradesco ou pela central de atendimento gratuita 3003-0330 (regiões metropolitanas) ou 0800 208 0330 (demais regiões). Os dias seguintes seguirão o calendário programado pelo banco, que receberá os servidores por ordem alfabética até o dia 30 de novembro.

Reforço no quadro de funcionários

O Bradesco dispõe de mais de 700 locais preparados exclusivamente para receber os servidores do Estado da Paraíba. O banco informou que contratou mais de 350 pessoas para fortalecer a equipe de funcionários na Paraíba e deslocou cerca de 900 funcionários de outros estados para receber os novos clientes.

“Promovemos um diretor regional para acompanhar de perto o relacionamento com os servidores paraibanos e direcionamos um gerente regional para cuidar especificamente da área de Campina Grande”, informa o vice-presidente do banco, Josué Augusto Pancini.

O Bradesco aumentou em 35% sua capacidade de atendimento e irá inaugurar seis novas unidades em João Pessoa nos bairros Torre, Jaguaribe, Mangabeira, Jardim Cidade Universitária, Aeroclube e Tambiá. Em Campina Grande serão mais duas novas agências nos bairros Prata e Liberdade.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Ricardo discute com executivos do Bradesco ajustes para folha de pagamento

O governador Ricardo Coutinho recebeu, nesta quinta-feira (5), na Granja Santana, Josué Augusto Pancini, vice-presidente do Banco Bradesco, que venceu a licitação para gerir a folha de pagamento do funcionalismo público estadual. Na ocasião, foram reafirmados os compromissos da instituição bancária com uma melhor prestação de serviços aos servidores estaduais. Participaram ainda do encontro a secretária da Administração, Livânia Farias; a secretária das Finanças, Amanda Rodrigues; além do diretor regional do Banco do Bradesco, Francisco Aquilino Pontes; e o diretor adjunto, Aurélio Guido Pagani.

Durante a conversa, Ricardo Coutinho destacou que todas as medidas deverão ser adotadas pela instituição bancária para que os servidores não tenham nenhum tipo de transtorno durante o período de transição. “É necessário que os serviços que deverão ser prestados ao servidor pelo Banco do Bradesco sejam melhores. Pela experiência da instituição, não tenho dúvidas de que serão”, disse.

Já a secretária da Administração, Livânia Farias, ressaltou que todas as providências estão sendo tomadas pela pasta em conjunto com o Banco do Bradesco para promover uma migração segura e melhorias na prestação dos serviços aos servidores estaduais. “Nessa visita do vice-presidente do Bradesco, foram dados mais detalhes de como a instituição vai prestar seus serviços aqui no Estado, mais especificamente aos servidores. Em breve, será apresentado um calendário, com mais detalhes de abertura de conta, entre outras informações”, explicou.

Melhorias – De acordo com o diretor regional do Banco do Bradesco, Francisco Aquilino Pontes, para dar mais comodidade aos servidores estaduais, o banco irá abrir mais agências e pelo menos 18 novos pontos de atendimento. “Além de um telefone que disponibilizaremos para tirar as dúvidas, também será disponibilizado um site com todas as agências, em que o servidor vai poder escolher onde quer ter a sua conta”, pontuou.

Além da comodidade na transição, outros benefícios serão oferecidos aos servidores estaduais. “Os servidores serão isentos na aquisição de cartão de crédito, por exemplo. Além disso, todos os serviços oferecidos pelo banco atual serão disponibilizados pelo Banco do Bradesco de forma bem mais em conta”, completou Francisco Aquilino.

Paralelamente à abertura de novos pontos de atendimento, serão abertas também novas agências, segundo a direção do Bradesco. Além de cidades, serão contemplados bairros como Mangabeira e Bessa.

Secom-PB 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Bradesco promete conta sem custos e ampliar rede na PB após assumir folha do Estado

O banco Bradesco, que adquiriu através de licitação o direito de administrar a folha de pagamento dos servidores do Estado, prometeu que vai ampliar a cobertura bancária na Paraíba e preparar um pacote especial de serviços.

“Estamos muito satisfeitos com a possibilidade de atender e estreitar o nosso relacionamento com os servidores da Paraíba. O Bradesco é o banco com maior cobertura de atendimento no Estado e estamos projetando ampliar nossa rede em cerca de 35%. Também vamos preparar um pacote especial de serviços e produtos para os servidores”, disse o diretor regional do Banco, Francisco Aquilino Pontes Gadelha.

Para receber os servidores, o Bradesco vem preparando uma estrutura de atendimento diferenciada, com ampliação do horário para abertura das contas nas agências. Veja abaixo informações para auxiliar os servidores na abertura das contas.

O que preciso fazer para abrir a minha conta no Bradesco?

Basta comparecer ao local e data definidos pelo banco para a formalização da abertura da conta, com o CPF, RG e comprovante de residência.

Receberei comunicado com as orientações para abertura da minha conta no Bradesco?

Sim. O banco enviará em conjunto com o Governo do Estado detalhes através de seus canais de comunicação. Além disso, o Bradesco disponibilizará uma central de atendimento (0800) exclusiva para servidores do Estado da Paraíba com as principais informações.

Já possuo uma conta no Bradesco. Preciso abrir outra?

Não. Mas mesmo assim é preciso fazer o cadastro da conta no local a ser informado nos comunicados enviados pelo Banco, em parceria com o Estado. No momento da formalização o servidor indicará a conta de sua preferência.

Quando terei acesso aos serviços do Bradesco?

O cliente receberá o cartão de débito no momento da formalização da conta podendo solicitar, também, a liberação da função crédito. Aberta a conta, já é emitida a senha para acesso ao Internet Banking e aos outros canais digitais. Uma equipe de atendimento do banco ajudará o cliente a baixar os aplicativos e orientará sobre o uso do Bradesco Celular. O registro biométrico (identificação pela leitura da palma de mão) para utilizar as máquinas de autoatendimento é feito de imediato. Além disso, é possível trazer para o Bradesco todos os débitos automáticos em conta.

Qual a estrutura do Bradesco na Paraíba?

São 40 Agências no Estado, mais de 220 postos de atendimento e 833 unidades do Bradesco Expresso, que funcionam em estabelecimentos comerciais em horários estendidos, inclusive aos finais de semana, além de centenas de máquinas de autoatendimento. É importante dizer que nos próximos 2 meses as Agências do Banco na Paraíba terão atendimento especial nos dias de pagamento.

Com a alteração de banco eu percebo algum benefício?

Sim. O Bradesco oferecerá condições especiais e diferenciadas para os Servidores que mantiverem o salário e movimentação na conta do banco.

Em quais agências as contas serão abertas?

Será disponibilizado um site exclusivo onde o servidor ativo e inativo poderá escolher a agência de sua preferência.

Quais linhas de credito serão disponibilizadas aos servidores ativos e inativos?

O banco disponibilizará linhas de crédito como, Crédito Consignado, Cheque Especial, Créditos Parcelados, Cartão de Crédito, Crédito Imobiliário e Financiamento de Veículos, com condições especiais.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Bandidos explodem caixa do Bradesco em Lucena

Caixa-do-BradescoPoliciais do 7º Batalhão da Polícia Militar frustraram, na madrugada deste sábado (19), mais uma ação contra o terminal de autoatendimento do banco do Bradesco, na cidade de Lucena. Os criminosos chegaram em dois carros, explodiram o caixa, mas não tiveram tempo de acessar os cofres por causa da chegada rápida das viaturas que realizavam uma ação de segurança durante a madrugada, no município.

O comandante do 7º Batalhão, coronel Júlio César, destacou a ação rápida dos policiais, que foi fundamental para frustrar a ação, mas alertou para o fato da vulnerabilidade em que se encontra o terminal de autoatendimento na cidade. “O caixa fica isolado apenas por uma porta de vidro, sem câmeras no local, praticamente exposto no meio da rua, o que de certa forma facilita e atrai a atenção de criminosos”, revelou o oficial, ao lembrar que esta foi a terceira vez que foi frustrada uma ação do tipo no local.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Caixa do Bradesco 2

Coronel Júlio César disse ainda que vai provocar uma discussão com o poder judiciário da cidade para buscar providências por parte do banco. “Já havíamos entrado em contato com a juíza local e na próxima segunda-feira, às 9h, estaremos nos reunindo novamente com ela e outras autoridades locais para discutir, entre outros, este assunto, pois mesmo com nossos esforços voltados para inibir a ação dos bandidos, a população não pode ter esse risco iminente por causa da vulnerabilidade das instalações em que o caixa se encontra. Segurança pública é responsabilidade de todos”, pontuou.

Caixa do Bradesco 1

MaisPB