Arquivo da tag: boatos

“Isso é mentira e irresponsabilidade” desabafa Claudio Lima sobre boatos de palhaços praticando crimes na PB

palhaco“Isso é mentira”. Foi assim que o secretário de Segurança Pública do Governo da Paraíba, Cláudio Lima, desmistificou os boatos sobre possíveis ações de homens vestidos de palhaços, que estariam sendo apontados como sequestradores e estupradores de crianças e que estariam atuando na Paraíba. Ele informou que já solicitou informações sobre casos nesses moldes no Estado e, até agora, nada foi registrado nesse sentido.

“Para mim ninguém passa essas coisas, porque eu mando instaurar inquérito. Isso é irresponsabilidade de quem não tem o que fazer. Procurei saber de ocorrências nesse sentido não tinha em lugar nenhum. Na rua tem palhaços profissionais, promovendo ações do dia das crianças apenas. Isso é uma irresponsabilidade total. Eu não achei nenhuma ocorrência ainda”, disse.

O secretário lamentou ainda a disseminação de boatos através das redes sociais e o compartilhamento aleatório realizado pelos internautas de forma descompromissada, que só provoca pânico à população.

“Isso é mentira. Tem algumas pessoas que me mostraram essas mensagens de palhaços que estavam espantando crianças. São pessoas que usam a internet de forma irresponsável e também compartilham qualquer notícia sem saber da veracidade”, lamentou.

ENTENDA

Chamada de o “Apocalipse dos Palhaços” (“Clown Apocalypse”), uma onda de aparições como essa tem causado pânico em todo o mundo. No Reino Unido, nesta segunda-feira (10), alertas foram emitidos pela polícia, após uma série de relatos sobre “palhaços assassinos”. De acordo com a Reuters, indivíduos vestidos com roupas de palhaço, às vezes com facas ou machados, teriam perseguido pessoas e até crianças. A “brincadeira sem graça” começou nos Estados Unidos e há relatos de que tenha chegado no Brasil.

Uma página chamada Palhaços no Brasil tem publicado fotos e vídeos com figuras assustadoras em parques, ruas e avenidas. Nas legendas, os administradores da página contam que os casos retratados aconteceram no Brasil. Nos comentários, há quem duvide da localização da foto e há quem tema encontrar com algo parecido ao sair de casa.

Os boatos ganharam força nas redes sociais durante o fim de semana e, em Osasco, na Grande São Paulo, um evento chegou a ser criado com o objetivo de “caçar” os “palhaços assassinos”. Há relatos de que eles tenham sido flagrados na Lapa, em Itaquera e ainda na região da Avenida Paulista.Os flagrantes dessas criaturas começaram nos arredores de Greenville, na Carolina do Sul, EUA, em agosto, quando a polícia americana recebeu relatos de palhaços parados, tentando atrair crianças para florestas, com pacotes de dinheiro e lanternas.

Brincadeira seria jogada de marketing?

Em meio a tantos boatos que rodeiam o Apocalipse dos Palhaços, muitos internautas defenderam a ideia de que a brincadeira das criaturas assustadoras tenha começado como uma ação de marketing para promover o remake de “It- Uma obra-prima do medo”, uma adaptação do clássico filme de 1990, inspirado na obra de Stephen King, que conta com o assustador palhaço Pennywise. O remake será lançado em setembro de 2017.

A produção do filme, no entanto, já avisou que não tem nenhuma ligação com as aparições de palhaços nos Estados Unidos. No início do mês, o próprio Stephen King pediu para que os americanos se acalmassem.  


PB Agora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Vereador de Bananeiras troca PDT pelo PSD e desmente boatos de rompimento com prefeito

Foto: Bello Soares
Foto: Bello Soares

O vereador Antônio Marques trocou o PDT pelo partido do deputado Federal Rômulo Gouveia, o PSD. Apesar de ter mudado de legenda, ele desmentiu boatos que teria deixado a base aliado do prefeito Douglas Lucena.

“Quero aqui dizer para que seja divulgado de forma correta que deixei sim o PDT, pois não estava satisfeito com o partido. E após receber o convite do deputado federal Rômulo, aceitei depois de conversar com os amigos, mas isso não quer dizer que deixei a base do prefeito, pois segundo o próprio deputado, o partido é livre e não haverá nenhuma interferência na conjuntura municipal para as próximas eleições”, afirmou.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Antônio Marques disse, ainda, que sua mudança de legenda não servirá para conchavos. “Vou continuar fazendo meu trabalho livre como sempre fiz e não mudei de partido para fazer conchavos políticos com ninguém. Continuo e continuarei na base do prefeito Douglas, mesmo não tendo pretensões políticas para este ano”, explicou.

Prefeito aumenta base na Câmara

A base governista deve aumentar nos próximos dias. A informação é que a vereadora Aline de Mercês (PP) deve anunciar em breve que deixará a bancada de oposição e ampliar a bancada do prefeito Douglas  Lucena.

Em se confirmando a adesão, a Casa Odon Bezerra ficará com apenas dois opositores contra 9 situacionistas. Permanecem na oposição os vereadores Eraldo Azevedo e Gilson Rosário.

Focando a Notícia

Após boatos de rompimento, Kilson Dantas coloca nome a disposição para vice de Douglas

Foto: Bello Soares
Foto: Bello Soares

Após boatos de que iria romper com o prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, o vereador Kilson Dantas (PSB) não só desmentiu a informação como também colocou seu nome a disposição para concorrer a vaga de vice-prefeito nas eleições deste ano.

A afirmativa foi feita pelo próprio parlamentar durante a sessão desta terça-feira (02) na Câmara Municipal. Kilson usou a tribuna para desmentir notícias publicadas recentemente em que o mesmo teria desistido de concorrer a uma vaga na câmara municipal por falta de apoio do prefeito.

“Venho aqui desmentir uma noticia publicada pela banda podre da imprensa divulgando que eu teria desistido da minha candidatura para vereador por falta de apoio. Quero aqui dizer que vou sim concorrer novamente a uma cadeira esta Casa, como também deixo meu nome a disposição para vice do prefeito Douglas, caso o grupo aceite. O meu ou qualquer nome que surgir será definido é claro com o consentimento do grupo”, comentou o vereador.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Focando a Notícia

Boatos espalham falsos tumultos e arrastões em JP; confusão em shopping foi contornada

Polícia Militar
Polícia Militar

O nervosismo da Seleção Brasileira acabou refletindo em informações desconexas nas redes sociais no período pós-jogo. Depois que a derrota do Brasil foi sacramentada, boatos de que estaria havendo tumultos, arrastões, protestos e tiroteios em várias áreas de João Pessoa fizeram com que a população ficasse apreensiva, o que atrapalhou o trabalho da polícia, que foi acionada para ocorrências falsas na noite desta terça-feira (8).

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook
No entanto, apenas um fato foi confirmado. No intervalo do jogo, uma discussão entre torcedores na praça de alimentação de um shopping da Capital foi o suficiente para inundar de vídeos e fotos os smartphones dos pessoenses. Houve uma briga e uma pessoa ficou desmaiada após sofrer um soco. A segurança do estabelecimento foi acionada para contornar a situação e permitiu a entrada da Polícia Militar no local. A PM deteve os envolvidos na baderna e apaziguou o caso. Não houve uso de armas, como suspeitado anteriormente.

O ferido foi socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, mas o estado de saúde não foi divulgado.

De acordo com informações do Distrito Integrado de Segurança Pública em João Pessoa, este foi o único caso confirmado na Zona Leste. Segundo os policiais da unidade, não houve perseguição nem tiroteios.

O 5º Batalhão da Polícia Militar afirmou que tudo permaneceu tranquilo na Zona Sul da Capital. Os policiais negaram qualquer ocorrência criminosa na Praça da Paz ou na avenida Sérgio Guerra, ambos no bairro dos Bancários.

O 1º BPM também foi questionado e negou ocorrências nos bairros da região central da cidade, como em Tambiá.

Em Campina Grande, o tenente coronel Lívio Delgado, comandante do 2º BPM, informou que não houve tumultos nem problemas maiores na cidade. Apenas uma confusão em um shopping que, segundo ele, foi rapidamente contornada. “Devido ao fracasso da Seleção na Copa, muitas pessoas tentaram promover tumultos, mas não houve nada grave na região de Campina Grande”, confirmou a autoridade policial.

Ocorrências durante transmissão do jogo, segundo a assessoria da PM:

A Polícia Militar divulgou que oito pessoas foram presas e duas armas apreendidas. Em Campina Grande foi detido um dos acusados de latrocínio ocorrido no mês de maio, no centro da cidade.

Em Assunção, três foram presos, sendo um com arma e dois acusados de participar de um esquema de roubos de motos. Presos também dois homens suspeitos por roubo de veículo na frente de um shopping da Capital.

131 solicitações foram atendidas das 16h às 20h, 60% delas provocadas por ligações de pessoas que se basearam em boatos das redes sociais e aplicativos de mensagens instantâneas.

 

portalcorreio

Cartaxo nega boatos e garante que PT continua com Ricardo e Lucélio vai disputar o Senado

luciano-cartaxoO prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, garantiu que o PT segue na aliança com o governador Ricardo Coutinho (PSB) e negou que seu irmão gêmeo e presidente municipal do PT, Lucélio Cartaxo, abra mão da pré-candidatura ao senado para se candidatar a deputado federal.

A informação de que um representante  da Nacional do partido iria intervir na decisão do PT, não foi confirmada pelo prefeito. Para Cartaxo, a aliança e a candidatura de Lucélio são irreversíveis.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Mais cedo, ele, Lucélio, o governador Ricardo Coutinho (PSB), os presidentes do PT, Charliton Machado e do PSB Edvaldo Rosas estiveram reunidos na Granja Santana, residência oficial do governador para os preparativos da grande convenção partidária conjunta que acontecerá nesta segunda (30).

Mais cedo, o Secretário de Organização do PT, Jackson Macedo, já havia adiantado que as convenções seriam realizadas em conjunto e ainda aguardava um nome do PMDB para fechar a chapa.

A convenção acontecerá nesta segunda no Forrock.

 

paraiba.com.br

Após ser cotado para vaga do Senado nas três principais chapas Santiago desmente boatos sobre aliança com RC

wilson-santiagoInicialmente cotado para ocupar a senatoria nas três principais candidaturas postas na disputa pelo Governo da Paraíba, o presidente estadual do PTB, Wilson Santiago está cada vez mais próximo de fechar sua postulação na chapa encabeçada pelo senador Cássio Cunha Lima (PSDB). Mesmo sem a definição, Santiago rebateu boatos e negou que tivesse sido aliado do governador Ricardo Coutinho em algum momento de sua trajetória política.

Aos críticos que tentam desestabilizar sua pré-candidatura, Santiago mandou um recado.

“Eu nunca fiquei do lado de Ricardo Coutinho, eu apenas me dispus a ajudar a Paraíba” frisou. O dirigente também lembrou da atuação parlamentar a época em que foi senador da República em substituição ao senador Cássio.

“Enquanto senador eu procurei, não só com Ricardo Coutinho, mas com quem quisesse trabalhar conosco, enfrentar os grandes problemas que a Paraíba tem e o fato de ter trabalhado em conjunto não implica ter sido aliado político, mas sim um defensor do desenvolvimento do Estado”, falou.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Com as articulações políticas, agora só a chapa do PSDB ainda não tem o candidato ao Senado definido. Na chapa do PSB a expectativa é que o candidato ao Senado seja mesmo o vice governador Rômulo Gouveia. Já na chapa do PMDB a opção eleita foi o nome do petista Lucélio Cartaxo.

PB Agora

PT, PSDB e PSB montam estratégias para conter boatos nas redes sociais

  A menos de cinco meses das eleições, PT,  PSDB e PSB se organizam para monitorar e  combater a guerra de insultos e boatos contra os  principais candidatos à Presidência da República  na internet, sobretudo nas redes sociais.

Anônimas, as publicações reproduzidas em  massa por meio de e-mails, Facebook e Twitter são vistas pelos partidos políticos como potenciais ameaças às campanhas oficiais.

O lamentável é que existe um gansgsterismo digital. A gente, quando atua enquanto PT, a gente bota a nossa marca. O que sair na rede do PT é responsabilidade nossa. Esses caras não têm compromisso com a verdade.”

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook
O vice-presidente nacional do PT, Alberto Cantalice, que coordena área de redes sociais do partido, disse que está “coletando” todos os posts ofensivos a lideranças petistas e à presidente Dilma Rousseff para pedir à Justiça Eleitoral que sejam retirados do ar.

Para ele, existe um “gangsterismo” na internet, com a reprodução de informações “inverídicas” e “ofensivas” sobre os candidatos à Presidência da República. “Estamos juntando tudo o que é feito para exigir a retirada disso na Justiça. Somos contra a censura, mas cada um tem que ter responsabilidade pelo que diz. Vamos querer a responsabilização dessas pessoas que difamam as lideranças e candidatos do PT”, afirmou.

Cantalice disse ainda quetenta, por meio do Facebook oficial do PT, “desmentir mentiras” divulgadas na internet sobre os governos de Dilma e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“Fizemos recentemente uma postagem com as 13 mentiras contadas sobre o PT, desmistificando um por um os boatos lançados. O lamentável é que existe um gansgsterismo digital. A gente, quando atua enquanto PT, a gente bota a nossa marca. O que sair na rede do PT é responsabilidade nossa. Esses caras não têm compromisso com a verdade”, disse o dirigente petista sobre publicações anônimas que circulam na internet.

Quando percebermos que existe por trás do boato divulgado na internet a máquina do partido adversário ou uma voz oficial com o objetivo de desequilibrar a campanha, vamos à Justiça Eleitoral cobrar a punição dos responsáveis.”

O PSDB montou uma equipe para monitorar a circulação de informações na internet e adotar providências nos casos de divulgação por militantes das siglas adversárias de dados considerados “falsos”.

“Temos um escritório cuidando de monitorar ações criminosas, que transgridam as regras eleitorais. Quando percebermos que existe por trás do boato divulgado na internet a máquina do partido adversário ou uma voz oficial com o objetivo de desequilibrar a campanha, vamos à Justiça Eleitoral cobrar a punição dos responsáveis”, disse o secretário jurídico do PSDB, deputado Carlos Sampaio (SP).

O tucano reconheceu, porém, que é difícil identificar a autoria das informações que circulam pela internet. Ele criticou, por exemplo, boatos na rede de que o candidato Aécio Neves acabará com o programa Bolsa Família caso seja eleito presidente.

“É muito difícil identificar o autor dos boatos. Não nos preocupa tanto a informação produzida e repassada por internautas, mas sim os boatos encabeçados por partidos ou candidatos adversários”, disse Sampaio.

Com menor tempo de rádio e televisão, o PSB pretende usar a internet como arma de campanha, divulgando as plataformas do candidato Eduardo Campos no Facebook, Twitter, Instragram, Youtube e Flickr.

PSB pretende usar a internet como arma de campanha, divulgando as plataformas do candidato Eduardo Campos no Facebook, Twitter, Instragram, Youtube e Flickr. Estratégia para reduzir o impacto dos boatos será a ampla divulgação das propostas de Campos nas redes sociais. Segundo integrantes do partido ouvidos pela reportagem, a estratégia para reduzir o impacto dos boatos será a ampla divulgação das propostas de Campos nas redes sociais.

Twitter e Facebook – Paralelamente aos esforços do partido, as próprias redes sociais se preparam para atender a eventuais determinações da Justiça Eleitoral, como a retirada do ar de conteúdos que afrontem a lei eleitoral.

A assessoria do Facebook informou  que tem uma equipe atuando dia e noite para analisar conteúdos denunciados.

“O Facebook está preparado para atender às demandas da Justiça Eleitoral e tem uma equipe que opera 24 horas por dia e sete dias por semana para analisar qualquer tipo de conteúdo denunciado por meio do site”, disse a assessoria em nota.

O site de relacionamento ressaltou que não “não age espontaneamente sobre conteúdo que esteja de acordo com suas políticas e termos da comunidade”, mas atende “determinação de autoridade que tenha a atribuição de avaliar se o conteúdo é legal ou não”.

O Twitter informou não ter política específica para atuação em campanha eleitoral, mas adota regras para controlar conteúdos fraudulentos, perfis falsos e uso incorreto de marcas registradas por usuários.

Interação –  Para especialistas ouvidos pelo G1, a chamada “guerrilha de internet” pode acabar prejudicando a campanha eleitoral, reduzindo o espaço de discussão programática.

Para o especialista em redes sociais Lúcio Teles, professor da Universidade de Brasília, os comitês de campanha podem minimizar os danos monitorando a divulgação de boatos, esclarecendo as informações falsas e se distanciando desse tipo de militância.

Segundo ele, posts agressivos, com montagens de fotos e informações falsas podem acabar favorecendo o próprio candidato que a militância procura ofender e atrapalham a campanha oficial promovida pelos partidos políticos. “As equipes de campanha precisam tomar cuidado, porque esses ataques ferozes sem informação sólida podem prejudicar. Grande parte dos eleitores não se motiva positivamente com baixaria e palavras de baixo calão. Então, esses ataques anônimos têm que ser claramente separadas da política de campanha oficial”, afirmou.

Professor titular da USP e consultor político e de comunicação, Gaudêncio Torquato diz que cada candidato, em especial Dilma e Aécio, contam com “exércitos” que certamente farão guerra de “versões e contraversões” na internet.

“Alguma boataria pode até colar, algum discurso, por exemplo, no sentido de que um candidato pode cortar um ou outro programa, mas haverá contrarreação, e os exércitos na internet, que estão muito afinados, vão reagir”, declarou.

Os dois professores concordam que a internet deve ser aproveitada pelos partidos como espaço de interação com o eleitor, em vez de ser utilizada somente para propagar informações ou “versões”.

“Há participação cada vez mais intensa por parte dos usuários da internet no processo político, o que é saudável. Grande parte dos eleitores que não tem acesso aos jornais diários têm acesso à internet”, disse Torquato. Para Lúcio Teles, o candidato que se dispuser a dialogar diretamente com o internauta por meio de redes sociais vai ter vantagem na campanha. “Quem ganha é quem puder dialogar com o eleitor na internet de forma continuada. Os candidatos não mais terão de fazer a campanha somente em comício, mas também interagir continuamente com os eleitores pelas redes sociais.”

O professor afirma ainda que a internet será instrumento importante para medir a resposta dos eleitores às campanhas tradicionais- programa de TV e comícios. “Caberá às equipes dos candidatos avaliar, por meio da internet, a resposta da população às propagandas tradicionais, aos debates televisivos. Eles têm que monitorar a internet para identificar as posições do eleitor e através disso saber as fraquezas.”

G1

Messi nega que deixará o Barcelona e se irrita com boatos: “Barbaridades”

messiselecaoefeO argentino Lionel Messi finalmente veio a público para encerrar as especulações sobre a sua possível transferência. Foi falado na imprensa internacional recentemente que ele poderia estar de saída para outro grande clube europeu, mas ele negou as informações e as classificou como “mentiras e barbaridades”.

“Saíram muitíssimas coisas durante o ano. Foram muitas barbaridades, quase todas mentiras. Eu estou bem”, afirmou o capitão da seleção argentina.

A sua declaração vem um dia depois da agência Efe confirmar que Messi terá o seu salário melhorado. O astro do Barça deverá receber um um valor aproximado de R$ 62 milhões por ano.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ele também falou sobre a atual fase do clube, que foi eliminado na Liga dos Campeões, mas ainda tem chances no Campeonato Espanhol: “Hoje estamos melhor do que nas semanas anteriores. Nós vemos a possibilidade de ter chances no Campeonato Espanhol dependendo apenas de nós mesmo. Temos que aproveitar esse momento e não deixar escapar. É um título muito importante”, falou.

O Barcelona está atualmente na segunda posição do Espanhol, mas ainda tem um confronto direto com o Atlético de Madri na última rodada e precisa vencer parar assumir a liderança.

 

Das agências internacionais

Dono de site diz que alertou PM do Guarujá sobre boatos

Fabiane Maria de Jesus foi amarrada, espancada e arrastada pelos vizinhos Reprodução
Fabiane Maria de Jesus foi amarrada, espancada e arrastada pelos vizinhos Reprodução

O dono do perfil no Facebook Guarujá Alerta, apontado como o catalisador da onda de boatos que terminaram com o linchamento da dona de casa Fabiane Maria de Jesus, de 33 anos, no sábado, disse ao Estado, depois de evitar reportagens por dois dias, que procurou a Polícia Militar na sexta-feira para pedir ajuda para desmentir a boataria sobre a sequestradora que atuaria na cidade.

O homem, que não revela nome, idade nem profissão porque diz já ter recebido mais de 600 ameaças, disse que seu papel durante os dias que antecederam o espancamento de Fabiane foi informar que as histórias que circulavam pela internet não eram verdadeiras. Ele conta que a onda de histórias sobre a sequestradora crescia na rede, e o que ele fez foi repercuti-la. Até constatar que os casos não eram verdadeiros.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“As pessoas publicavam nos perfis delas e em outros perfis. Tinha gente publicando que havia uma criança morta dentro de caçamba de lixo no bairro Maré Mansa e gente dizendo que viu a sequestradora”, diz o dono da página.

“O que fizemos? Detalhamos direitinho, dissemos que no Rio havia o mesmo boato, que uma foto que haviam publicado era de um site de humor, mas não teve como segurar esse boato. O pessoal começou a extrapolar”, continua. “Nem é nosso papel segurar boatos.”

Sem força para acalmar a população, segundo afirma, o dono da página decidiu pedir ajuda à polícia. “Um dia antes do acontecido, enviamos um e-mail para o 21.º Batalhão de Polícia Militar do Guarujá, pedindo que enviasse uma nota oficial para tranquilizar a população da cidade, esclarecendo que tudo era um boato, para que a população ficasse mais calma. Mas infelizmente não tivemos resposta”, lamenta.

Na tarde do sábado, ele diz que começaram a aparecer mensagens com fotos de Fabiane, dizendo que a sequestradora havia sido presa. “Dissemos que não publicaríamos nenhuma foto”, afirma.

O homem prestou depoimento na Delegacia Seccional do Guarujá nesta terça-feira, 6, e foi liberado. O delegado do caso, Luiz Ricardo Lara Dias Júnior, trata o dono da página como uma testemunha e diz que ele tem colaborado, chegando a enviar suas senhas do Facebook para a polícia. Mas diz que o material publicado no Guarujá Alerta ainda está sendo analisado.

“Não me sinto culpado pelo ocorrido. A todo momento, tudo o que quis foi dizer que aquilo era um boato, sempre quis. Mas infelizmente não posso me responsabilizar por aquelas pessoas que fizeram aquela atrocidade”, alega.

Não é o que pensam outras pessoas, também segundo o do no da página. “Até gente instruída, advogado, pergunta se eu não deveria ser linchado também”, afirma, ao relatar as ameaças que está sofrendo.

Escapismo

A Polícia Militar foi procurada no começo da noite desta quarta-feira (7) para comentar as declarações. Por causa do horário, fora do expediente administrativo, informou não ter como confirmar se o e-mail realmente havia sido enviado à corporação. A corporação se comprometeu a apurar o caso hoje.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública “lamenta profundamente que a defesa do responsável pelo perfil Guarujá Alerta queira empurrar para a Polícia Militar a responsabilidade pelo boato que resultou na morte de uma pessoa inocente em Guarujá”. “Tal comportamento demonstra escapismo.”

Moradores do bairro – e parentes de Fabiane – dizem que só souberam da história após ler os boatos do Guarujá Alerta. E culpam a divulgação feita. As informações são do jornal “O Estado de S. Paulo”.

Uol

Primeira dama cai do cavalo, fratura pé, mas nega boatos sobre ter dado entrada no Trauma

A primeira-dama e apresentadora de TV, Pâmela Bório, recorreu as redes sociais na tarde desta terça-feira (6) para negar um boato de que ela teria dado entrada no Hospital de Trauma com fratura expostas. Pâmela revelou que sofreu um acidente no último domingo (4) obtendo cinco fraturas no pé esquerdo, comprometendo seus ligamentos.

“Estão noticiando que eu dei entrada no Hospital de Trauma com uma fratura exposta no tornozelo, além de outras mentiras relativas a esse acidente. No entardecer deste domingo eu caí enquanto montava um cavalo, comprometendo o que os médicos chamam de articulação de Lisfranc.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Foram cinco fraturas no meu pé esquerdo, além de algumas escoriações, mas estou bem, me recuperando, com esta imobilização removível para tirar quando for preciso. Enfim, logo estarei de pé e meu tornozelo, assim como o resto do meu corpo, está muito bem, me fazendo prosseguir com minha agenda na medida do possível – laudos médicos comprovam tudo isso. Conto com a sensatez de não politizarem através de um infortúnio suscetível a qualquer um, tampouco usarem da mentira para venderem sites e jornais, ou até mesmo promoverem instituições em cima da desgraça alheia, quando uma pessoa fraturada agonizando não possui qualquer condição de escolha, de raciocínio, apenas quer ser remediada e tratada com o mínimo de respeito”, disse Pâmela nas redes sociais.

Veja foto que a apresentadora postou.

paraiba.com.br