Arquivo da tag: bloqueiam

Protestos bloqueiam ruas e garagens de ônibus, na Paraíba

Protestos estão bloqueando algumas ruas na cidade de João Pessoa, desde o início da manhã desta sexta-feira (14). Os manifestantes protestam contra a reforma da Previdência e outras ações do governo federal.

A saída do bairro dos Bancários, com sentido para o Centro de João Pessoa está fechada desde 4h. Manifestantes queimaram pneus e bloquearam a via. Os motoristas estão sendo orientados pelo Corpo de Bombeiros e Polícia Militar a seguir pela contra-mão para poder continuar o trajeto.

No bairro de Oitizeiro, manifestantes também se concentram nesta sexta-feira com bloqueio no sentido para o Centro da capital. Pneus foram queimados e grupo está reunido com faixas de protesto. Na BR-101, o trânsito está muito lento e difícil de transitar nas primeiras horas desta sexta-feira. Quem segue em direção à BR-230, o trânsito está liberado. No entanto, quem quer seguir para Cruz das Armas precisa pegar a BR-230 e entrar no bairro Jardim Veneza.

Bloqueio é feito por manifestantes na subida da ladeira do bairro de Oitizeiro, em João Pessoa, às 6h30 — Foto: Walter Paparazzo/G1

Bloqueio é feito por manifestantes na subida da ladeira do bairro de Oitizeiro, em João Pessoa, às 6h30 — Foto: Walter Paparazzo/G1

Em Campina Grande, funcionários de uma empresa de telemarketing foram impedidos de entrar. Manifestantes bloquearam a entrada do local, no início da manhã desta sexta-feira, no bairro do Cruzeiro.

Manifestantes bloquearam entrada de uma empresa de telemarketing, em Campina Grande, às 6h50 — Foto: Felipe Valentim/TV Paraíba

Manifestantes bloquearam entrada de uma empresa de telemarketing, em Campina Grande, às 6h50 — Foto: Felipe Valentim/TV Paraíba

Na Avenida Liberdade, em Bayeux, na Grande João Pessoa, manifestantes bloquearam os dois sentidos da via. O local é a principal ligação entre Bayeux e a capital. Como desvio, alguns motoristas estão usando a ponte Sanhauá, já que a ponte do Baralho está bloqueada. No acesso da parte de baixo, por uma pequena ladeira, um carro foi colocado para impedir a passagem também nesse desvio.

Avenida Liberdade, em Bayeux, nesta sexta-feira (14), 7h40 — Foto: Walter Paparazzo/G1

Avenida Liberdade, em Bayeux, nesta sexta-feira (14), 7h40 — Foto: Walter Paparazzo/G1

A saída do bairro do Varadouro, com direção para o Acesso Oeste e Terminal de Integração de João Pessoa, também foi bloqueado pelo pelos manifestantes por volta das 8h40, que queimaram pneus e fecharam a via.

JOÃO PESSOA, 8h40: Manifestando colocam fogo em pneus no bairro do Varadouro — Foto: Antônio Vieira/TV Cabo Branco

JOÃO PESSOA, 8h40: Manifestando colocam fogo em pneus no bairro do Varadouro — Foto: Antônio Vieira/TV Cabo Branco

Ônibus com pouca circulação

De acordo com o Sindicato das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (Sintur-JP), a frota de ônibus na capital está absolutamente comprometida com bloqueio nas garagens dos ônibus. “Praticamente não há ônibus circulando”, informou Isaac Moreira, presidente do Sindicato. Alguns ônibus conseguiram circular, mas apenas no início da manhã. Depois, foram impedidos de circular.

Em Campina Grande, os ônibus estão circulando normalmente.

Garagem da Unitrans, empresa de ônibus, foi bloqueada no início desta sexta-feira (14), às 6h30 — Foto: Danilo Alves/TV Cabo Branco

Garagem da Unitrans, empresa de ônibus, foi bloqueada no início desta sexta-feira (14), às 6h30 — Foto: Danilo Alves/TV Cabo Branco

Funcionamento das escolas e universidades

  • Escola particulares: Em João Pessoa, os colégios estão sem aulas nesta sexta-feira para cumprimento da segunda assembleia geral da categoria em 2019. Em Campina Grande, todas as escolas particulares estão em funcionamento.
  • Escolas públicas: As escolas públicas estaduais, conforme a assessoria de imprensa, devem funcionar normalmente. Lá a escolas municipais de João Pessoa não funcionam e aderem à paralisação. No entanto, de acordo Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba (Sintep), todos os professores da rede pública pararam as atividades nesta sexta. Em Campina Grande, a orientação é que cada gestor decida sobre o funcionamento da instituição.
  • Universidades: A Universidade Federal da Paraíba (UFPB), a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e o Instituto Federal da Paraíba (IFPB) estão sem aulas nesta sexta.

 

 

G1

 

 

População de Algodão de Jandaíra/PB bloqueiam BR-104 em protesto pela onda de violência

algodão de jandaíraApós a crescente onda de assaltos e homicídios, que vem acontecendo no município de Algodão de Jandaíra, com roubos, moradores da comunidade resolveram interditar a BR 104, no Km 71, na manhã desta terça-feira, 12, em protesto contra a violência na região.
Segundo moradores, o movimento é independente e resolveram chamar a atenção das autoridades, fechando trecho da rodovia de acesso ao município, para cobrar segurança pública de qualidade para o município de Algodão de Jandaíra, que faz divisa com Remígio, Esperança, Pocinhos, Barra de Santa Rosa, Arara, Casserengue.
De acordo com lideranças do movimento, existe policiamento ostensivo no município, mas o posto policial fica constantemente fechado.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

setimaregional

Manifestantes bloqueiam trecho da BR-101 sentido PE e PRF não tem previsão de liberação

A PRF- Polícia Rodoviária Federal divulgou nas redes sociais que teve que fazer uma interdição na BR-101, sentido Paraíba, Pernambuco, no trecho entre Pedras de Fogo-PB, Itambé/ Goiana-PE. A informação é que ainda não tem previsão de liberação.

Manifestantes do MST bloquearam, desde as 8h30 desta sexta-feira (18), um trecho da BR-101 que fica na divisa entre os estados da Paraíba e Pernambuco. O inspetor Anderson Poddis, da Polícia Rodoviária Federal, informou que agentes da PRF estão no local para tentar negociar com os manifestantes.

Uma alternativa para desviar do bloqueio é pegar o acesso  pela cidade de Alhandra e sigam por Pedras de Fogo, que também fica na divisa entre os dois estados.

Segundo informações, os manifestantes estão entregando panfletos e protestando contra o veto à reforma agrária, carregando facões e foices.

Confira a postagem:

 

 

PBagora