Arquivo da tag: banheiro

Ex-zelador é condenado por casos de estupro em banheiro de escola, em João Pessoa

O ex-zelador de uma escola particular foi condenado pela Justiça por participar dos casos de estupro praticados contra crianças e adolescentes dentro do banheiro do colégio. O julgamento aconteceu na última segunda-feira (14), em João Pessoa. A condenação foi de 24 anos e seis meses de reclusão em regime fechado.

No dia 11 de março, três adolescentes foram apreendidos em João Pessoa suspeitos de estuprarem uma criança de oito anos dentro de uma escola particular. As apreensões aconteceram em decorrência de mandados judiciais após processo que tramita em segredo de justiça desde maio de 2018. O ex-zelador suspeito de participar nos estupros foi preso no dia 15 de março.

Pelo menos quatro crianças e adolescentes foram tratadas como supostas vítimas do caso. A investigação seguiu em segredo em justiça.

Primeiro caso

A investigação começou em maio de 2018, com a denúncia da primeira vítima, uma criança de 8 anos, que disse ter sido estuprada dentro do banheiro do colégio Geo. O processo começou a tramitar em segredo de justiça desde o primeiro depoimento.

Os abusos vieram à tona após a mãe de uma das vítimas receber um aviso da escola que comunicava que o filho dela estava indo com muita frequência ao banheiro. Além disso, a criança também passou a ter um “comportamento agressivo e também choroso”. “Em conversa com a mãe, a vítima contou sobre os abusos e a investigação foi iniciada”, disse a delegada Joana D’arc Sampaio.

G1

 

GUARABIRA: funcionário de shopping acha R$6 mil no banheiro e devolve ao dono

Um empresário que preferiu não ser identificado, tomou dois sustos nesta segunda-feira (14), na cidade de Guarabira, Agreste paraibano. O primeiro foi por ter perdido a quantia de R$ 6800 em dinheiro e a outra por ter recebido de volta.

De acordo com a informação chegada à nossa redação, e confirmada através do diretor Comercial do shopping Cidade Luz, Carlos Galã, o funcionário identificado pelo nome de Claudiano da Silva Ramos, contratado pela empresa GSD, para serviços gerais, achou o dinheiro e aguardou que o dono entrasse em contato.

Para surpresa do proprietário o rapaz O devolveu sem que estivesse faltando nenhum centavo. O gesto comoveu a todos, afinal honestidade é artigo de luxo nos dias atuais.

 

portalmidia

 

Escola anuncia instalação de câmeras após investigação de estupro em banheiro na PB

Após o caso da apreensão dos adolescentes suspeitos de estuprar uma criança dentro do banheiro, a escola particular Geo Tambaú informou que instalou 39 câmeras de segurança para monitorar todas as áreas comuns do prédio. As medidas adotadas pela escola contemplam também uma carta de pedidos feitos por uma comissão de pais e responsáveis de alunos, constituída após o caso ser publicamente revelado.

Ainda de acordo com a nota do Geo, a unidade localizada no bairro dos Bancários, zona sul de João Pessoa, também vai passar a contar com 30 câmeras de monitoramento. A direção da escola afirmou que novos banheiros privativos devem ser construídos até 30 de julho, também serão ampliadas as rondas dos funcionários e promovidas campanhas educativas direcionadas aos pais, responsáveis e alunos.

A comissão de pais, representado por oito pessoas correspondentes a cada um dos estágios, se reúne no início da tarde desta quinta-feira (14) com a direção do Geo Tambaú para discutir as medidas anunciadas pela escola e a carta de exigências redigida pelo pais dos estudantes.

Na carta enviada pela comissão de pais, todas as exigência feitas foram atendidas ao menos parcialmente no comunicado emitido pela escola. Em uma delas, os pais exigem a instalação de câmeras dentro das salas de aula, mas a assessoria da escola informou que as câmeras foram instaladas em todas as áreas comuns, exceto as salas de aula e no interior dos banheiros, embora as entradas dos banheiros estejam monitoradas.

A assessoria do Geo Tambaú, no entanto, informou que as melhorias tinham começado antes da carta, que fazem parte de um projeto de melhorias contínuas que a escola havia implementado.

Estudantes apreendidos

Três adolescentes foram apreendidos na manhã do dia 11 de março em João Pessoa suspeitos de estuprarem uma criança de oito anos dentro da escola particular Geo Tambaú. Segundo informações da Polícia Civil, as apreensões foram em decorrência de mandados judiciais após processo que tramita em segredo de justiça desde maio de 2018. Outras três possíveis vítimas foram identificadas pelo Ministério Público da Paraíba e seguem sob investigação.

Número de vítimas pode ser maior

Duas famílias das quatro possíveis vítimas dos abusos dentro do banheiro de uma escola particular no bairro de Tambaú em João Pessoa ainda não foram notificadas a respeito do caso. A informação foi confirmada pela promotora responsável pelo processo que resultou na apreensão de três dos quatro adolescentes suspeitos na segunda-feira (11), Ivete Arruda.

Ex-funcionário suspeito segue solto

O segundo pedido de prisão, feito pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB), do ex-funcionário de uma escola particular, em João Pessoa, suspeito de estuprar crianças no banheiro, foi negado pela Justiça, nesta quarta-feira (13). Ao todo, três adolescentes também suspeitos de praticar os abusos já foram apreendidos e um continua sendo procurado.

G1

 

Criança não nasce sabendo usar o banheiro sozinha!

Acompanhar cada fase e incluir a rotina no dia a dia é fundamental para ajudar no crescimento e desenvolvimento dos pequenos. Quando o assunto é fazer xixi no banheiro, muitos deles se assustam. Enquanto para os adultos é algo natural, para uma criança que acabou de sair das fraldas o ambiente pode ser visto como hostil e até assustador.

Uma boa dica é deixar a criança observar outras pessoas usando o banheiro ou, então, o bichinho de estimação fazendo suas necessidades. Com isso, ela vai aprender que é uma coisa natural e começará a imitar. Elas são como esponjinhas, absorvendo o conhecimento. Se ainda estiverem no período das fraldas, é possível incluir atividades e livros didáticos que ilustram o xixi no banheiro de maneira lúdica.

Hora certa

A criança vai começar a usar sozinha o banheiro de acordo com o crescimento e amadurecimento. Cada uma no seu tempo. É importante, nesta fase, que os pais identifiquem os sinais. Em primeiro lugar, ela deve estar sempre hidratada. Ela precisa sentir vontade de fazer xixi. Os vícios miccionais são verdadeiros vilões nesta fase. Criança que segura xixi e sai correndo para usar o banheiro, ou que tem perda durante o dia molhando a roupa, apresentam sinais de que não urina direito, ou completamente.

Uma criança que após os 5 anos de idade apresenta Enurese Noturna – um transtorno que causa a perda involuntária da urina durante o sono, pode apresentar sinais de que durante o dia também está com problemas para fazer xixi no banheiro. “A bexiga é um músculo que precisa de exercícios para funcionar. Meninas e meninos que urinam com frequência aprendem a urinar melhor”, diz Dr. Marcos Giannetti Machado, Urologista do setor de Uropediatria do Hospital das Clinicas da USP e Membro do Núcleo de Pediatria do Hospital Sírio Libanês.

Confira algumas dicas comportamentais e simples sugeridas pelo especialista para ajudar e incentivar as crianças a usarem sozinhas o banheiro:

  1. Local atraente e confortável

O banheiro precisa, de alguma maneira, ser atraente e confortável para que meninas e meninos fiquem à vontade para fazer suas necessidades. Se o vaso for para adultos, o ideal é que tenha um redutor. E, melhor ainda se a criança conseguir apoiar as pernas, para ficar firme e tranquila. Uma caixa pequena ou um banquinho em frente ao vaso já é suficiente para adequar com a pouca altura delas. Na maioria dos casos, elas têm medo de ficar com as pernas penduradas, ou mesmo cair. Os pais não devem levar isso como manha, birra ou frescura.

  1. Tenha paciência

Após a adaptação do local, é a hora de mostrar as alterações para criança. Explique, com paciência, a importância dessa nova rotina ao usar o banheiro. Atitudes como pressionar, gritar ou desmerecê-las são altamente desnecessárias neste processo de aprendizado.

  1. Rotina

Os pais devem incluir na rotina as idas frequentes ao banheiro. O exemplo e o incentivo são essenciais neste momento. O organismo da criança reage melhor quando ela dorme cedo e acorda cedo. Quando essa rotina é quebrada, aparecem alguns problemas. É recomendável evitar a ingestão de líquidos ou alimentos com cafeína e chocolate, com no mínimo 2 horas antes dela ir dormir. Também é importante criar o hábito de urinar antes de deitar e logo ao acordar.

papodemae

Por Dr. Marcos Giannetti Machado, Urologista do setor de Uropediatria do Hospital das Clinicas da USP e Membro do Núcleo de Pediatria do Hospital Sírio Libanês

Homem mata mulher e deixa corpo enrolado em lençol no banheiro, diz PM

Homem foi preso suspeito de matar mulher a facadas e enrolar corpo em lençol, em João Pessoa, Paraíba (Foto: Walter Paparazzo/G1)
Homem foi preso suspeito de matar mulher a facadas e enrolar corpo em lençol, em João Pessoa, Paraíba (Foto: Walter Paparazzo/G1)

Uma mulher de 26 anos foi morta a facadas e, em seguida, enrolada em um lençol, nesta terça-feira (4), em João Pessoa. O companheiro da vítima foi preso em flagrante, suspeito de cometer o crime, segundo informações da Polícia Militar.

Segundo o tenente Santana, da Polícia Militar, o crime aconteceu no bairro de Mandacaru. Por volta das 17h, a polícia foi chamada e encontrou o corpo da mulher no banheiro de uma casa, enrolado em um lençol. Por conta do lençol, a PM não conseguiu identificar a quantidade de golpes que a atingiram.

O companheiro dela, Alisson Alves da Silva, de 25 anos, foi preso em flagrante pelo crime. À reportagem, o suspeito disse o motivo do crime. “Porque ela tentou me matar”, pontuou.

De acordo com o tenente Santana, ele confessou à PM que a matou. “Ele disse que há um tempo ela tentou matá-lo, junto com outros indivíduos. Inclusive, ela está no semiaberto, tem envolvimento com o mundo do crime. Hoje, ela veio pedir perdão, mas ele não aceitou”, disse.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Trump anula norma que permitia aos transexuais escolher banheiro nas escolas

trumpO presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anulou nesta quarta-feira uma norma proclamada por seu antecessor, Barack Obama, para que as escolas públicas do país permitissem aos alunos transexuais usar os banheiros e vestiários que prefiram em função do gênero com o qual se identifiquem.

O procurador-geral, Jeff Sessions, anunciou em comunicado que o governo de Trump tinha decidido suspender a medida porque produzia muita confusão em nível local e não incluía “uma análise legal suficiente” sobre como essa iniciativa era coerente com os poderes que a Constituição outorga ao Executivo.

Desta forma, Trump se coloca ao lado dos estados governados por republicanos que asseguravam que Obama se excedeu em seu poder em maio do ano passado ao proclamar uma norma que, embora não tivesse categoria de lei, ameaçava tirar fundos federais das escolas que não permitissem aos alunos usar os banheiros de sua escolha.

Em seu comunicado, Sessions indicou que agora o Congresso, os parlamentos estaduais e os governos locais “estão em condições de adotar políticas ou leis apropriadas que abordem esta questão”.

Sem a norma de Obama, agora as entidades locais terão liberdade para proclamar suas próprias leis e determinar se os estudantes podem ou não usar os banheiros que desejem de acordo com o gênero com o qual se identifiquem, ao invés de em consonância com o sexo de sua certidão de nascimento.

Na nota, Sessions também assegurou que o Departamento de Justiça “mantém seu compromisso” de proteger da discriminação, da intimidação e do assédio “todos os estudantes”, inclusive aqueles que pertencem à comunidade lésbica, gay, bissexual e transexual.

A mudança na posição do governo não terá um impacto imediato, pois a medida de Obama já havia sido bloqueada em agosto do ano passado pelo juiz federal do Texas, Reed O’Connor, a pedido de 13 estados.

No entanto, o giro adotado por Trump impactará nos litígios que estão sem solução e que incluem um caso que deveria ser analisado pela Suprema Corte em março.

Este caso se centra na figura de Gavin Grimm, um jovem da Virgínia que se identifica como homem e que foi obrigado por sua escola a usar os banheiros para mulheres.

O Departamento de Justiça notificou hoje o Supremo da mudança em sua política para os estudantes transexuais, o que poderia fazer com que a máxima corte anule a audiência prevista para março e devolva o caso de Grimm a tribunais inferiores.

EFE

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Médica revela os riscos de usar telefones celulares no banheiro

celularbanheiroSeja honesto: você costuma usar seu smartphone quando está sentado no banheiro fazendo as suas necessidades?

Muitos de nós fazem isso. Um estudo da Sony concluiu que 75% dos norte-americanos checam seus celulares no banheiro, e pesquisas anteriores apontaram que metade das pessoas tem este hábito.

No entanto, esta é uma péssima ideia, já que expõe o celular a bactérias prejudiciais, que podem causar e espalhar doenças.

Em uma entrevista para a SBS, a Dra. Anchita Karmakar explicou: “Partículas de ar e de água se aderem às pequenas entradas dos telefones celulares”.

“Além disso, as capinhas geralmente são feitas de borracha, o que ajuda a criar um ambiente quente e agradável para as bactérias”.

O problema piora pelo fato de que muitos de nós usam o telefone durante as refeições, aumentando a chance de infecções.

A Dra. Karmakar disse: “Mesmo que você não use o telefone enquanto está sentado no vaso sanitário, você ainda está com ele nas mãos quando entra e sai do banheiro, e isso é suficiente para que as bactérias fiquem no celular enquanto você ainda não lavou as mãos”.

Rob Waugh
Yahoo News UK

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Idoso e três crianças são presos em banheiro durante assalto em Solânea

sireneUm comerciante de 73 anos e três crianças viveram momentos de terror nessa quinta-feira (16), em Solânea. Eles foram presos em um banheiro por três bandidos armados, que assaltaram a casa do idoso.

De acordo com a vítima, que é um comerciante conhecido na cidade, dois homens e uma mulher chegaram em sua residência interessados em adquirir terrenos à venda. Após alguns instantes de conversa os indivíduos anunciaram o roubo, apresentaram as armas e os detiveram trancados em um banheiro. Logo em seguida, após revirarem todos os cômodos da residência, fugiram com destino ignorado tranquilamente levando dois aparelhos celulares, um notebook, algumas escrituras de imóveis e terrenos e a quantia de R$ 5.000,00.

A vítima relatou ainda que uma semana atrás havia sido furtado da sua casa um revólver de sua propriedade, o qual não tem suspeita de quem poderia ter sido.

Compareceu ao local a guarnição da viatura 6932, que orientou a vítima a procurar a delegacia local para prestar melhores esclarecimentos no intuito de ajudar a elucidar o ocorrido.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Advogado repudia exposição de rapazes filmados em banheiro fazendo sexo no Espaço Cultural

videoNos últimos dias um vídeo viralizou nas redes sociais, especialmente no WhatsApp, a partir da filmagem feita por um segurança da Fundação Espaço Cultural. Nele, dois rapazes são flagrados em ato sexual em um dos banheiros da Funesc. Os funcionários ameaçam chamar a polícia e dizem que não são homofóbicos, mas que o pai de uma criança os teria chamado, incomodado com a situação e citam que os jovens estariam cometendo “atentado ao pudor”.

O advogado José Neto, ex-presidente da Comissão de Diversidade Sexual da OAB-PB, avaliou que a conduta dos seguranças foi correta ao reprimir o ato sexual no banheiro do prédio público, mas repudiou a exposição do vídeo, que viralizou nas redes sociais:

“Eles agiram de maneira correta ao impedir que se use o banheiro de um órgão público para um ato sexual. Mas, a filmagem dos rapazes foi uma violação da privacidade e uso desautorizado da imagem, com a finalidade clara de execração pública. Os dois rapazes tiveram uma conduta socialmente inapropriada, mas o que fizeram não foi crime, não é atentado ao pudor. Ao serem expostos nas redes sociais, eles ficam vulneráveis a um constrangimento muito grande”, disse o advogado.

O vídeo que viralizou está abaixo, desfocado, para não identificar os rapazes ou os seguranças responsáveis pela filmagem.

 

Fonte: http://www.parlamentopb.com.br

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Metade das casas da Paraíba não tem banheiro ou esgotamento sanitário, diz IBGE

saneamento-basico1-Quase metade (49,7%) dos domicílios paraibanos não possui banheiro ou esgotamento sanitário. É o que indica estudo divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com a pesquisa, dos 1.214 milhão de casas existentes no Estado, 603 mil encontram-se nessa situação fazendo com que as pessoas residentes desses ambientes vivam literalmente na lama.

Os números confirmam recente levantamento feito pelo Blog do Gordinho revelando que, em 2014, por exemplo, apenas 33,18% dos gestores municipais paraibanos investiram na área de saneamento e tentaram minimizar a questão.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Das 223 prefeituras existentes no Estado, somente 74 realizaram algum tipo de gasto com saneamento básico, conforme dados retirados do Sistema de Acompanhamento da Gestão dos Recursos (Sagres), do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB). Juntas, essas prefeituras gastaram R$ 16.931.030 milhões em saneamento.

Contudo, o valor investido por algumas delas foi tão ínfimo que sequer daria para construir um banheiro simples com vaso sanitário e pia dos mais baratos. Exemplo disso é São José de Lagoa Tapada, no Sertão do Estado. Conforme os dados expostos pelo Sagres, a prefeitura da cidade gastou apenas R$ 225 na área no ano passado.

Em João Pessoa – Dos 611 mil domicílios onde existem banheiros e esgotamento sanitário na Paraíba, 169 mil estão em João Pessoa, o que representa 67,6%. Segundo levantamento do Instituto Trata Brasil divulgado recentemente, a Capital paraibana ficou apenas na 64ª colocação entre as 100 maiores cidades brasileiras com saneamento básico avaliado.

O indicador do atendimento de esgoto, conforme a pesquisa, foi de 49%, o que deixou a Capital com nota 1,25 (a máxima foi 2,5). Já o índice de esgoto tratado foide 49,3% e a nota para esse quesito foi de 1,29.

Por: Nice Almeida