Arquivo da tag: Bananeiras

Adotado que mora na França encontra mãe biológica de Bananeiras-PB

Um francês Benjamin Cardiet, de 28 anos, conseguiu encontrar a mãe biológica na Paraíba. Ele procurou a Comissão Estadual Judiciária de Adoção (Ceja-PB), da Corregedoria-Geral de Justiça do Estado. O órgão trabalha com a atribuição de gerenciar e fiscalizar processos relacionados à adoção, além de também auxiliar o adotado que deseja encontrar as origens.

Depois de um ano e seis meses de investigação, que envolveu a Comarca de Bananeiras e a 1ª Vara da Infância e Juventude da Capital, o reencontro finalmente aconteceu.

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) garante, em seu artigo 48, o direito do adotado de conhecer sua origem biológica. De acordo com o secretário-executivo da Ceja, juiz-corregedor Antônio Silveira Neto, tal garantia é importante para buscar a identidade familiar do adotado, a ancestralidade e a superação de traumas da infância, além de envolver questões biológicas, principalmente nos casos em que o adotado tem problemas de saúde de origem genética.

Em relação à investigação realizada pela Comissão, o magistrado explicou que o próprio processo judicial de adoção internacional, na maioria das vezes, identifica a mãe biológica. “No caso de Benjamin, a ação teve origem na Comarca de Bananeiras. Uma vez oficiado, o juiz identificou que o processo havia sido arquivado e estava na 1ª Vara da Infância e da Juventude da Capital. Depois de localizado, o processo foi digitalizado e entregue ao jovem, ao mesmo tempo em que o juiz Jailson Suassuna, em Bananeiras, contatou funcionários do Fórum da época da adoção para descobrir mais informações sobre a mãe biológica de Benjamin”, contou Antônio Silveira.

Também foram realizadas buscas no Cartório de Registro Civil daquela Comarca e no Instituto de Polícia Científica. Quando a mãe biológica finalmente foi identificada, o jovem francês, que é motorista e mora na cidade de Nantes, voltou a Paraíba para conhecer a família. Durante o processo investigativo, Benjamin passou por atendimento prévio com a equipe técnica de apoio da Ceja.

Corregedor-geral da Justiça Romero Marcelo

O corregedor-geral da Justiça Romero Marcelo, que preside a Ceja, explicou que a pessoa adotada que deseja encontrar a família de origem pode fazer um requerimento na sede da Ceja-PB para que seja aberta a investigação. Na página da Corregedoria na internet, no link Ceja, é possível encontrar mais informações sobre adoção.

Processos digitalizados

O corregedor-geral afirmou que os processos relacionados à adoção que estavam arquivados na Vara da Infância e da Juventude da Capital, que correspondiam a 96 caixas estão sendo digitalizados. “Estamos prioritariamente digitalizando esses processos. Com isso, nossas buscas serão facilitadas e também será possível implementar ferramentas que possam fazer pesquisas mais abrangentes”, destacou o desembargador.

 

clickpb

 

 

Vereador agradece ao governador e registra empenho do prefeito para pavimentação de alças de acesso a Bananeiras

O governador João Azevedo, durante a realização da Rota Cultural “Caminhos do Frio” em Bananeiras, garantiu à população do município a pavimentação de mais uma via de acesso a Bananeiras, através PB 105, passando pelos sítios Chã da Guabiraba, Jardim e Viração, chegando até a avenida Santo Antônio, na divisa de Bananeiras com Solânea.

Tratando desse assunto na sessão da Câmara de Bananeiras desta terça, 13/08, o vereador Ramom Moreira agradeceu ao Governador João e destacou o empenho do prefeito Douglas para que a obra venha a se concretizar. “Douglas apresentou ao governador o levantamento topográfico das alças de acesso a Bananeiras e prontamente recebeu o compromisso do governo do Estado para sua construção. Temos que comemorar, pois estes acessos garantirão mobilidade para os moradores e turistas da nossa cidade”, destacou o parlamentar.

As sessões da Câmara de Bananeiras acontecem às terças feiras, as 19 horas, e são transmitidas pela internet, nas redes sociais da Casa Legislativa.

 

Assessoria

 

 

João Azevêdo assina contratos e beneficia microempreendedores de Bananeiras

O governador João Azevêdo assinou, na tarde desta sexta-feira (9), 29 contratos do Programa Empreender Paraíba que contemplam microempreendedores de Bananeiras, no Brejo paraibano. Os recursos somam mais de R$ 166 mil e serão destinados à implantação e ampliação de negócios locais.

A solenidade, realizada no Cruzeiro de Roma, contou com a presença de prefeitos, ex-prefeitos e lideranças da região, além de auxiliares do Governo da Paraíba. Na ocasião, o gestor também prestigiou a apresentação da Orquestra de Metais e Percussão da Paraíba, formada por professores das bandas marciais da Secretaria de Estado da Educação, Ciência e Tecnologia.

Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual ressaltou a importância do investimento do Governo na base da economia. “O Empreender é muito mais que um programa, é uma fábrica de sonhos porque dá as condições para as pessoas, que têm disposição de produzir, colocarem suas ideias em prática”, frisou.

O secretário executivo do Empreendedorismo, Fabrício Feitosa, destacou o perfil empreendedor da população de Bananeiras e todo o trabalho desenvolvido pelo Programa para qualificar os microempreendedores. “Nós fazemos orientação e acompanhamento, oferecendo capacitação e planos de negócios para ajudá-los em seus investimentos. Nós já estamos em 218 municípios e a nossa meta é chegar aos 223 até o final deste ano”, disse.

O prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, agradeceu as ações do Empreender no município. “Esse programa tem uma conexão muito forte com Bananeiras e vem transformando realidades. Nós acreditamos que, dinamizando a microeconomia, as pessoas poderão caminhar com suas próprias pernas e ter seu próprio negócio”, afirmou.

O comerciante Francisco de Assis, contemplado com o crédito do Empreender, irá utilizar os recursos para ampliar seu mercadinho. “Eu vou ter condições de comprar mais mercadorias e equipamentos, oferecendo mais variedades aos meus clientes. Eu tenho certeza de que meu comércio vai melhorar muito”, falou.

Maurício Simões também irá aplicar o dinheiro na ampliação de seu Lava Jato. “Com os equipamentos que tenho agora, só consigo fazer a lavagem básica de carros e, agora, vou poder comprar novas máquinas para fazer lavagem a seco de estofados e esse crédito chegou na hora certa”, disse.

O Programa Empreender PB concede crédito produtivo orientado com o objetivo de incentivar a geração de emprego e renda, bem como apoiar e fortalecer a economia solidária, o microempreendedor individual, o microempresário, o empresário de pequeno porte e as cooperativas de produção da Paraíba. A taxa de juros é diferenciada dos bancos, sendo de 0,64% ao mês, e a carência varia entre seis e doze meses. Além disso, os microempreendedores podem parcelar o empréstimo em até 40 meses, dependendo da linha de crédito.

O programa possui 14 linhas de crédito: Para pessoas físicas – Empreender Artesanato, Empreender Cultural, Empreender Juventudes, Empreender Motociclista Profissional, Empreender Mulher, Empreender Pessoa Física, Empreender Profissional Liberal, Empreender Profissional Liberal Juventudes. Para pessoas jurídicas: Empreender Cooperativas, Empreender Cultural, Empreender Inovação Tecnológica (ME-MPE-EPP), Empreender Inovação Tecnológica (MEI-EI-EIRELI), Empreender Pessoa Jurídica, Empreender Prefeituras

 

Secom-PB

 

 

‘Caminhos do frio’ tem show de Ton Oliveira e trilha ecológica em Bananeiras, no Brejo da PB

A programação da rota cultural Caminhos do Frio em Bananeiras, no Brejo da Paraíba, chega ao fim neste domingo (11). O fim de semana tem atrações como shows de Ton Oliveira, banda Anthares e Os Gibi’s, além de trilha ecológica, rapel e encontro de ciclistas.

Neste sábado (10), a programação começará às 7h, com uma trilha ecológica para a Cachoeira do Roncador, seguida por uma trilha 4X4, às 9h. Paralelamente, durante a manhã, acontecerão a Trilha Cultural do frio, que tem como tema Jackson do Pandeiro, e uma “Skate Session”.

No fim da tarde, Sérgio Duarte e Pagode das Antigas se apresentarão das 17h às 21h, na Praça Epitácio Pessoa. A partir das 22h, subirão ao palco da Praça Castro Pinto o artista Ton Oliveira, a banda Anthares e o grupo Os Gibi’s.

Já no domingo, às 8h acontecerá o “Pedal do Frio”, um encontro de grupos de ciclismo. Para o período da tarde, às 13h, está previsto o “II Rapel do Frio com Escalada”. As duas concentrações ocorrerão na Praça Epitácio Pessoa.

G1

 

Câmara de Bananeiras manifesta apoio a manutenção do Campo de Golfe

O vereador Ramom Moreira (DEM), ao fazer uso da tribuna durante o tema livre da Sessão Ordinária na última terça (06), trouxe uma tema relevante no que se refere ao patrimônio cultural e desportivo do município, o campo de golfe do condomínio Águas da Serra.

O campo de golfe é um equipamento de visitação turística e de atividade esportiva e que vem sofrendo embargo (processo nº 2017-008347) por parte da Superintendência Estadual do meio Ambiente (SUDEMA).

Nesse sentido, o vereador requereu apoio da Câmara Municipal de Bananeiras e ainda dos parlamentares quanto a manutenção do campo de golfe, ressaltando que antes da instalação desse equipamento e do Condomínio, a localidade era uma área de degradação ambiental e que hoje representa uma área de preservação ambiental, com árvores e animais nativos, o que credencia a obtenção da licença.

O Presidente da Casa, Kilson Dantas (PSB), que ao parabenizar o vereador pelo tema trazido, lembrou que a Casa reconheceu o campo de golfe como patrimônio desportivo e que ações concernentes ao parlamento serão realizadas para que as atividades sejam retomadas e que está a disposição.

A Câmara Municipal, através de todos os vereadores, manifesta o seu apoio, destacando que o empreendimento privado gera emprego e renda para inúmeros bananeirenses, sendo ainda um importante atrativo turístico.

Ascom-CMB

 

Programação do ‘Caminhos do Frio’ chega a Bananeiras, PB, a partir desta segunda-feira (5)

A programação da rota cultural Caminhos do Frio chega a cidade de Bananeiras, a 141 km de João Pessoa, nesta segunda-feira (5). Na programação do evento, espetáculos, shows de artistas como Ton Oliveira, oficinas e passeios.

A abertura oficial acontece às 19h na Praça Epitácio Pessoa. Haverá apresentações culturais, incluindo show de Cidinho Duarte, e feiras de artesanato e gastrônomica.

O evento segue na terça-feira (6), com oficinas durante o dia e a partir das 19h30, no Espaço Cultural Oscar de Castro, a apresentação do espetáculo teatral “Jackson do Pandeiro: assim se faz o ritmo”.

Na quarta-feira (7), as oficinas continuam, entre elas, uma de capoeira, com Mestre José Orlando, às 14h, na Escola João Paulo II. A noite, a partir 19h30, haverá o Coreto Cultural, com apresentações culturais na Praça Epitácio Pessoa.

Entre as atividades da quinta-feira (8), há o programa de leitura “Um dia frio, um bom lugar pra ler um livro”, pelas ruas da cidade durante a manhã. A partir das 19h30, haverá o Show de Talentos na Casa do Turista, além do Coreto Cultural na praça.

Na sexta-feira (9), a programação começa com uma oficina de karatê, a partir das 13h, no Centro do Idoso. No mesmo horário, no paredão Alto da Serra, ocorre o II Rapel de Frio. Ao longo da tarde, haverá oficinas e feiras pela cidade.

O Sanfona Fest – Festival Estadual de Sanfoneiros – inicia às 19h na Secretaria de Cultura e Turismo; também haverá shows de Kevin Ndjana, Raio do Sol Vip e Tinho e Banda na Praça Castro Pinto, a partir das 21h.

No sábado (10), acontecem trilhas ecológicas, incluindo a XII Trilha Ecológica – Cachoeira do Roncador e shows de Ton Oliveira e Banda Anthares na Praça Castro Pinto.

O encerramento, no domingo (11), terá o VII Encontro de Grupos de Ciclismo – Pedal do frio, às 8h na Praça Epitácio Pessoa e II Rapel do frio com escalada no paredão da UFPB, com concentração a partir das 13h, na Praça Epitácio Pessoa.

Ton Oliveira é uma das atrações do Caminhos do Frio, em Bananeiras, na Paraíba — Foto: Divulgação/Medow Entertainment

Ton Oliveira é uma das atrações do Caminhos do Frio, em Bananeiras, na Paraíba — Foto: Divulgação/Medow Entertainment

G1

 

 

Bananeiras é destaque em boas práticas de desenvolvimento sustentável internacionalmente

O Programa Internacional de Cooperação Urbana -Uniao Europeia- América Latina e Caribe (IUC-LAC), irá lançar livro contendo 165 boas práticas de desenvolvimento sustentável, dentre as práticas, divididas em 11 categorias, está a cidade de Bananeiras na Paraíba. Exemplo de parceria do setor público e privado com a concessionária de energia (Energisa) para iluminação pública com lâmpadas de LED.

Em matéria divulgada no Portal da Confederação Nacional dos Municípios CNM nesta quinta-feira (01), a iluminação pública precária, obsoleta e de alto custo para os cofres municipais fizeram que Bananeiras tomasse medidas para evitar o desperdício e economizasse para os cofres públicos. Assim, conseguiu contornar a situação com um projeto em parceria com a concessionária de energia do Estado, reduzindo custos e beneficiando os empreendedores locais, que reclamavam da queda no movimento à noite.

Por meio da Lei 9.991/2000, que obriga as concessionárias a investir anualmente 0,50% da receita operacional líquida em ações de eficiência energética, houve a troca de toda a iluminação pública por lâmpadas de LED – mais eficientes, econômicas, duráveis e ambientalmente corretas. Antes, o pequeno Município de 21 mil habitantes sofria com a falta de um fundo exclusivo para ações de sustentabilidade, que eram pontuais e de pequena escala e relevância.

Para instalação de 807 luminárias, que cobre aproximadamente 94% da área urbana, foi investido R$ 1,6 milhão. A economia média mensal se aproxima de R$ 20, cerca de 40% do custo da iluminação pública. Além disso, a redução de 50.780 kWh/mês, representa 14,99 toneladas de CO2 por mês a menos na atmosfera.

O Programa Internacional de Cooperação Urbana – América Latina e Caribe (IUC-LAC) irá lançar um livro com 165 boas práticas de desenvolvimento sustentável. Para incentivar os gestores, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) está divulgando, nesta e na próxima semana, as iniciativas pelas 11 áreas temáticas. A primeira foi Cidades Inteligentes; a segunda, Gestão Ambiental; e, nesta quinta-feira, é a vez de mostrar como os governos municipais estão adotando Energia Limpa.

Energia solar

Quando se fala em energia limpa, pelo potencial do país, logo se faz associação com a luz solar. Nos últimos anos, com as tecnologias tornando-se mais acessíveis, muitos Estados e Municípios têm apostado no recurso natural. Na capital de Tocantins, além de estimular a geração de energia fotovoltaica em residências, comércios e indústrias, o projeto Palmas Solar conta com a instalação do parque para obtenção de suficiência energética de todos os órgãos públicos municipais.

Regulamentada em 2016, a iniciativa oferece benefícios fiscais aos estabelecimentos que implementam os sistemas, com descontos de até 80% no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) por cinco anos, no Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) na primeira transferência de imóvel e 80% no Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) por até 10 anos. Até 2018, 90 imóveis residenciais e comerciais geraram mais de 900 kilowatt pico (KWp) e 40 novas empresas atuavam no segmento, que está em expansão. A projeção para 2019 é de que sejam movimentados R$ 7,8 milhões.

A supervisora do Núcleo de Desenvolvimento Econômico da CNM, Thalyta Alves, reconhece o crescimento da energia limpa, mas faz um alerta. “O uso de fontes alternativas ainda depende de financiamento e é importante o incentivo, mas é preciso cautela”. Como ela explica, a concessão de benefícios ou incentivos de natureza tributária deve ocorrer por meio de lei municipal, observando o artigo 14 da Lei de Responsabilidade Fiscal. “A Lei é bastante clara e objetiva sobre os requisitos e as condições para que leis concessivas de benefícios ou incentivos fiscais sejam consideradas legais do ponto de vista da responsabilidade fiscal dos administradores públicos”, argumenta.

Veja as boas práticas de Energia Limpa

Argentina

Armstrong – Energia Distribuída Armstrong

Godoy Cruz – Solmáforo

Venado Tuerto – Mesa Regional de Energía

Brasil

Bananeiras, PB – Bananeiras Iluminada e Sustentável

Cascavel, PR – Geração Distribuída de Energia através de Biogás do Aterro Municipal

Palmas, TO – Programa Palmas Solar

Chile

Cobertura Nacional – Calefação Distrital

Cobertura nacional – Comunidade Energética

Cobertura nacional – Programa de Eficiência Energética em Edifícios Públicos

Colômbia

Medellín – Distrito termal “La Alpujarra”

Medellín – Instituição Universitária Salazar e Herrera

Santiago de Cali, Yumbo – Postobón-CELSÍA em Yumbo, Valle del Cauca

Peru

Arequipa – Instalação de Sistema de Iluminação Pública com Energia Solar em Arequipa

Huancayo – Utilizando fontes termais solares para fornecer água quente a idosos

Talara – Estação de Energia Eólica em Talara

Agência CNM de Notícias

 

Bananeiras recebe a Rota Caminhos do Frio a partir desta segunda-feira

Bananeiras é a sexta cidade a receber a Rota Cultural caminhos do frio 2019 que já passou por Areia, Pilões, Matinhas, Solânea e Serraria.

A Rota Caminhos do Frio chega à cidade de Bananeiras nos dias 05 a 11 de agosto, trazendo durante a semana diversas atividades culturais, oficinas e shows de grandes artistas. Na sua 14° edição, nove cidades participam da rota, recebendo essa mistura de arte e cultura.

A Rota mais charmosa do Brejo Paraibano consegue unir cultura, música, arte, gastronomia, dança, teatro, cinema e aventura com a beleza e particularidade de cada cidade.  Misturando gêneros e gostos que atraem a população e visitantes, oferecendo oficinas, shows e apresentações culturais.

Promovida pelo Fórum de Turismo do Brejo em parceria com as prefeituras, a Rota tem na união dos gestores força para ser melhor a cada ano, movimentando o cenário cultural e turístico da cidade, fomentando a economia, gerando empregando e renda para a população.

Para o prefeito Douglas Lucena a rota gera um giro econômico muito proveitoso para o município, além da aprendizagem graças as oficinas que acontecem durante a semana. Além da aprendizagem cultural devido aos inúmeros eventos. Bananeiras que iniciou essa ideia, segue ainda mais satisfeita pela consolidação desse evento no cenário turístico Paraibano.

Neste ano, a abertura do evento acontece às 19h no Coreto Marcos Ribeiro na Praça Epitácio Pessoa, com apresentações culturais, Feira de artesanato “Mãos da Serra” e gastronomia, Feira Vó Corina e um show musical com Cidinho Duarte.

Este ano em comemoração ao centenário de Jackson do Pandeiro, Bananeiras apresenta o espetáculo Jackson do Pandeiro: assim de faz o ritmo, realizado na terça-feira (06), no Espaço Cultural Oscar de Castro.

Durante a semana acontece as oficinas de Caseado com Feltro; Percussão Corporal; Biscuit; Teatro; Capoeira; Karatê Shoby Ruy e Cachecol, Oficina do Ministério da Cidadania, além de um show de talentos. As inscrições são realizadas na Casa do Turista e na Secretaria de Cultura e Turismo, com vagas limitadas.

Para quem gosta de aventura e adrenalina, o fim de semana traz o II rapel do frio; a XII Trilha Ecológica para o Roncador; IV Trilha Cultural do Frio: trilhando com Jackson do Pandeiro; IV Skate Session; Trilha 4×4 Jeep Clube de Bananeiras e o Escotismo com o grupo Guardiões da Serra.

Este ano a rota também promove os eventos do Circuito Empreender e o Feirão de imóveis do Brejo, que acontece nas praças Epitácio Pessoa e Mariano Barbosa, na sexta (09) e sábado (10).

Na sexta (09), a orquestra instrumental da Paraíba realiza uma apresentação no pôr do sol do Cruzeiro de Roma, às 16h, juntamente com a Feira Vó Corina. A partir das 21h, a Praça Castro Pinto recebe os shows de Kevin Ndjana, Tinho e Banda e Raio de Sol Vip. Já no sábado (10) às 19h, Missa em ação de graças na Igreja Matriz e apresentação da Filarmônica da UFPB, a partir das 21h à Praça Castro Pinto recebe os shows de Ton Oliveira, Banda Anthares e Os Gibi’s finalizando o fim de semana de festividades.

Na quinta, sexta e sábado teremos o Coreto Cultural das 17 às 21h, com os artistas Juninho PB, Genário e Banda e Sérgio Lima, trazendo muita música boa. Na área externa teremos também a Feira de Artesanato e Gastronomia Mão da Serra e apresentações locais.

Bananeiras ainda recebe no sábado (10), às 16h, um show privado na Arena Bodega do Cheff com as atrações Wagner Vianna e Dida Pachequinho, Henry Freitas e Gui Matos.

A programação ainda passa por, Remígio, Alagoa Nova e Alagoa Grande, até 1º de setembro.

Para mais informações, acesse: https://brejoparaibano.com.br/caminhos-do-frio/ ou ligue para (83) 999174940/ Secretaria de Cultura e Turismo.

Ascom-PMB

 

Com recarga de barragem, Cagepa reduz racionamento para Bananeiras e Solânea

A partir desta terça-feira (30) a Cagepa altera o racionamento de água das cidades de Bananeiras e Solânea, passando a abastecer das 7h da manhã da segunda-feira até às 7h da manhã da sexta-feira, ficando o sábado e o domingo sem água.

Com a ocorrência de chuvas no Brejo, semana passada, a barragem de Canafístula 2, que atende os municípios, recebeu considerável recarga em seu nível, saindo de 6,4% antes das chuvas e atingindo 18,5% nesta terça (30).

De acordo com o gerente regional da Cagepa no Brejo, engenheiro Edson Almeida, a redução do racionamento só está sendo possível em razão das últimas chuvas registradas.

“Embora ainda não tenhamos a recarga desejável na barragem de Canafístula 2, o volume acumulado já nos permite melhorar a distribuição de água para Bananeiras e Solânea. As chuvas registradas nos permitiu adotar essa providência e esperamos que continue chovendo na bacia hidrográfica”, avaliou Edson.

A barragem de Canafístula 2 tem capacidade para armazenar pouco mais de 4,1 milhões de metros cúbicos de água.

 

 

portal25horas

 

 

Jovem de Bananeiras representa a cidade no quarto módulo dos jovens líderes do RN

O jovem Ícaro Cássio esteve, durante esse final de semana, participando do quarto módulo jovens líderes no Rio Grande do Norte. Ícaro representou a cidade de Bananeiras após receber convite do deputado Estadual riograndense Allysson Bezerra (SOLIDARIEDADE).

Para Ícaro participar de um encontro como esse fortalece a juventude para vida pública e traz novas experiências para sua vida pessoal. “Fico muito feliz em poder participar de um encontro como esse, levando é claro o nome da nossa querida Bananeiras. Foi uma experiência fantástica e transformadora, acredito que para uma política transformadora momentos como esse para mim e todos os jovens que almejam a vida pública são fundamentais”, comentou Ícaro.

O QUE É JOVENS LÍDERES

PROCURA-SE JOVENS LÍDERES PARA MUDAR O RN. 

  1. POR QUE JOVENS LÍDERES. 

Neste momento de maior turbulência política neste século no Brasil, quais são as referências para os jovens que irão compor a próxima geração de políticos e que irá conduzir os destinos do nosso estado e do nosso país?

  1. O QUE É.

É para ocupar este espaço que o Partido Solidariedade do Rio Grande do Norte e a Fundação 1º de Maio, criou o Projeto Jovens Líderes RN. O projeto consiste numa série de ações coordenadas que vão preparar jovens lideranças políticas do estado para assumirem, de forma correta e sem amarras a grupos tradicionais da política local, o protagonismo na política do Rio Grande do Norte nos próximos anos. Pessoas que nos representem de verdade. 

  1. NÃO É POLÍTICA TRADICIONAL. 

Não estamos falando aqui dos herdeiros dos políticos tradicionais do nosso país, mas dos milhares de jovens que, apesar de terem a vocação e o desejo, não conseguem enxergar a porta de entrada para fazer política boa no Brasil. Pessoas com ideias novas para a política. 

  1. A AÇÃO INICIAL. 

A ação inicial do projeto é a Escola para Jovens Líderes. Turmas de jovens são preparadas para construir projetos políticos visando candidaturas, recebendo conteúdo para que possam ter sucesso político, eleitoral e administrativo em suas campanhas e, principalmente, em seus futuros mandatos. Nesta segunda fase da escola, que se inicia em 2019, vamos preparar candidatos a vereador, prefeito e vice-prefeitos de 2020. Líderes que vão transformar o RN. 

  1. A ESCOLA. 

A ideia da Escola para jovens líderes tem como objetivo preparar uma nova geração de políticos para o estado, através de cursos em diversas áreas: gestão pública, comunicação e marketing, ética na política, cases de sucesso eleitoral, história, entre outras. Só muda se todos participarem. 

  1. QUEM PODE PARTICIPAR. 

Jovens de todas as idades que queiram iniciar a preparação política da forma correta que queiram contribuir para a mudança da mentalidade política do Rio Grande do Norte, visando às gerações futuras. Em momentos difíceis como o atual é que se muda a história.

  1. COMO VAI FUNCIONAR. 

Esses jovens são reunidos, mensalmente, em seminários para discutir os mais diversos temas relacionados à construção de uma estratégia político/eleitoral e receber orientações sobre como se monta uma carreira política. Quantas pessoas são necessárias pra realizar as verdadeiras mudanças?

  1. O DIFERENCIAL. 

A Escola para Jovens Líderes NÃO irá se basear nas estratégias tradicionais de fazer política, disputar eleições ou administrar a coisa pública. Os alunos irão desenvolver técnicas de comunicação e de formação política para vencerem eleições com baixo custo e alto nível de preparação programática. Tudo pode começar com você. 

  1. COMO SE INSCREVER

Preencha o formulário de inscrição aqui neste site. Aguarde o contato de nossa equipe para os próximos passos.

 

Redação FN