Arquivo da tag: atividades

PM deve tirar policiais pré-candidatos das atividades operacionais na PB

Uma recomendação da Corregedoria da Polícia Militar da Paraíba deve tirar das atividades operacionais os policiais que são pré-candidatos a vereador e prefeito nas eleições deste ano. Eles serão movimentados para desempenhar os serviços na parte administrativa da corporação.

A orientação foi feita através de um documento que saiu da própria corregedoria e o objetivo é preservar a Polícia Militar e a isenção do serviço de segurança pública prestado ao cidadão.

Blog do Luís Tôrres

 

 

Câmara de Solânea inicia atividades 2020 com melhorias nas estruturas externa e interna

A Câmara Municipal de Solânea retomou suas atividades na última terça-feira (18). Na oportunidade, o Poder Legislativo recebeu o prefeito Kayser Rocha para a mensagem de prestação de contas das ações do Executivo durante o ano de 2019.

Kayser destacou a importância do engajamento entre os Poderes constituintes do município para o desenvolvimento da cidade. “É sempre com muita alegria que venho a esta Casa fazer um breve balanço de tudo aquilo que realizamos no último ano em Solânea. Desejo que agora em 2020 possamos caminhar juntos mais uma vez trabalhando cada vez mais em prol do nosso município”, destacou o prefeito Kayser Rocha.

A Câmara recebeu esse ano melhorias na parte externa do prédio, como também nos móveis internos do plenário. O presidente Flávio Evaristo falou da importância do investimento e da perspectiva para mais um ano à frente da presidência da Casa Antônio Melo de Azevedo.

“Mais uma vez realizamos melhorias na estrutura da Câmara visando melhorar ainda mais a comodidade dos parlamentares, como também da população que tem sempre utilizado desse espaço. Este ano fizemos a cobertura da parte externa da Câmara e renovamos as bancadas do plenário. São investimentos importantes na estrutura que beneficia a todos,” relatou Flávio.

Ascom-CMS

 

 

Bancários da Caixa paralisam atividades nesta quinta-feira e denunciam processo de reestruturação

Os trabalhadores da Caixa Econômica Federal em João Pessoa paralisam as atividades em uma hora nesta quinta-feira (13) em protesto contra a reestruturação na instituição financeira. A atividade faz parte do Dia Nacional de Luta em Defesa da Caixa 100% Pública que acontecerá em todo o país. O atendimento ao público só retornará às 10h.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba, Lindonjhonson Almeida, os bancos públicos estão sob constante ameaça. “A mais recente é a reforma administrativa para reestruturar todas as empresas públicas, estabelecer novas regras para contratação, demissão e planos de carreira, além de limitar os “gastos” com saúde dos funcionários, entre outros”, explicou.

Ainda segundo ele, os investimentos da Caixa Econômica Federal impactam diretamente no desenvolvimento de um Brasil e podem sofrer redução com políticas neoliberais. “O banco é responsável por 70% dos financiamentos habitacionais, por cerca de 120 milhões de pagamentos do Bolsa Família e por transferir R$ 4,5 milhões aos programas sociais nas áreas de seguridade social, esporte, cultura, segurança pública, educação e saúde”, ressaltou.

 

clickpb

 

 

Policiais decretam ‘greve branca’ e reduzem atividades na PB

Policiais civis e militares da Paraíba não chegaram a um acordo sobre reajuste salarial e decretaram greve branca, que consiste numa redução de 5% nas atividades. A decisão ocorreu por meio de assembleia da categoria realizada na tarde desta quarta-feira (5), em João Pessoa.

O Governo do Estado ofereceu 30% de reajuste sobre a bolsa desemprenho, a partir de 2021, até 2025, mas a categoria não aceitou, alegando que só representaria R$ 5 a mais nos salários de agentes e soldados.

Os policiais definiram ações que deverão ser realizadas nos próximos dias em protesto e uma delas já ocorreu nesta quarta (5), com manifestação na Praça dos Três Poderes, no Centro de João Pessoa.

Os policiais anunciaram ainda pelo menos mais duas paralisações, sendo uma de 12 horas e outra de 24 horas para ocorrer em datas que ainda serão definidas. A ameaça de greve geral continua aberta caso o governo não conceda reajuste maior que os 5% estabelecidos para todos os servidores públicos do Estado, exceto professores que tiveram 12,84%.

Durante entrevista à Rede Correio Sat, em 17 de fevereiro deste ano, o governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania) não deu garantias de que concederia aumento maior que 5% aos policiais e falou que não pode comprometer as receitas do Estado administrando apenas folhas de pagamento.

“Não podemos pôr em risco a gestão de um estado com 4 milhões de pessoas, que precisam de saúde, educação e políticas públicas de inclusão. Não podemos nos limitar a fazer gestão de folha”.

Nesta quarta (5), a Comunicação do Estado foi procurada pela TV Correio para comentar a situação, mas não respondeu e informou que se pronunciaria depois. Até o fechamento desta matéria, não houve resposta.

 

portalcorreio

 

 

Servidores da Justiça da Paraíba voltam a paralisar atividades nesta quarta

Servidores do Judiciário Estadual irão paralisar suas atividades nesta quarta-feira (04), por duas horas. A decisão foi tomada em assembleia da categoria, realizada no último dia 18 de novembro, e o motivo, segundo  Sindicato dos Técnicos e Analistas do Judiciário (Sintaj-PB) e a Associação dos Servidores da Secretaria do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba (Asstej PB), é o não cumprimento da lei 9.788/2012. que assegura o pagamento da reposição salarial.

A primeira paralisação aconteceu no último dia 28 de novembro. Os servidores do judiciário estadual darão início a uma série de mobilizações em todo estado. O Sintaj-PB estima que aproximadamente 2 mil servidores devem paralisaram suas atividades no dia 28. Além da quarta-feira (02), outras paralisações acontecerão nos dias 12 e 16 de dezembro.

Segundo informações do Sintaj, os servidores estão sem reajuste salarial há três anos da data-base, que é o período do ano em que patrões e empregados representados pelos sindicatos se reúnem para repactuar os termos dos seus contratos coletivos de trabalho para reivindicar a revisão de salário, apontar a manutenção do acordo, além de incluir novas cláusulas.

A assembleia que decidiu pela paralisação foi organizada pelo Sintaj-PB e Asstej-PB.  As comarcas que funcionam pela manhã, paralisarão as atividades das 9h às 11h. As comarcas que funcionam à tarde, das 14h às 16h.

Caso as reivindicações não sejam atendidas, o presidente do Sintaj-PB, Vladinei Gonzaga garantiu que a classe deve buscar os direitos. “Para os servidores não tem dinheiro, mas para a criação de novos cargos de assessores sempre tem. Se eles seguirem se mostrando indiferente, nós vamos nos reunir novamente em assembleia”, disse o presidente do Sintaj-PB.

Assessoria OAB-PB

 

 

Baixa umidade do ar: Cuidados importantes durante a prática de atividades físicas

Estamos vivendo períodos críticos com maior baixa da umidade relativa do ar, o que é preocupante porque tal condição climática provoca dificuldade em respirar, devido ao ressecamento das vias aéreas, dor de cabeça, cansaço prematuro e taquicardia. A umidade do ar é mais baixa principalmente no final do inverno e início da primavera, no período da tarde, entre 12 e 16 horas.

A umidade ideal para se exercitar, segundo a OMS, deve estar fica entre 40% a 70%. Abaixo dessa faixa ocorre um desconforto por causa da perda de líquido pelas células mucosas das vias aéreas e compromete não só a performance, mas a saúde do praticante.

Entre os principais cuidados, é essencial que o praticante de esporte seja orientado por um profissional e que acima de tudo, respeite seus limites individuais. “Costuma ser preocupante quando baixa a umidade relativa do ar, porque ela provoca o maior ressecamento das vias aéreas, potencializando o risco de infecções, alergias e desidratação”, explica a preparadora física Vanessa Menache, sócia-diretora da AV Treinamento Inteligente.

A preparadora física listou alguns cuidados simples a serem tomados para você treinar em baixa umidade do ar com tranquilidade:

– Mantenha o corpo hidratado durante a atividade física. Para isso, beba água antes, durante e depois dos treinos;

– Use roupas com tecidos leves transpiráveis;

– Evite treinar em ambiente não climatizado ou ao ar livre entre 10:00 e 16:00.

Treinamento Inteligente – Localizado no bairro do Itaim Bibi, na capital paulista, o espaço conta com um time de profissionais altamente qualificados e especializados em treinamento funcional embasados no Sistema Core 360.  O estúdio oferece aos seus clientes um programa de treino customizado por meio do relacionamento interdisciplinar e interação com os diversos profissionais da área da saúde como Medicina Esportiva, Nutrição, Fisioterapia e Terapeutas. Site: http://treinamentointeligente.com.br

 

III Edição do Festival da Banana reúne arte, cultura, ciências e gastronomia em suas atividades

Bananeiras, no brejo paraibano, completa no próximo dia 16 de outubro 140 anos de história. Para comemorar esta data, uma grande programação de eventos acontece durante todo o mês, iniciando com o Festival da Banana, que já se encontra na sua terceira edição.

O III FESTIVAL DA BANANA acontece nos dias 11 a 13 de outubro, em Bananeiras. Será um evento que trará discussões técnicas, sociais e culturais voltadas à cadeia produtiva da Banana, promovendo a troca de experiências entre produtores, técnicos, pesquisadores, estudantes e demais envolvidos no setor, fomentando a demanda turística e consequentemente a economia local.   O Festival é promovido pela Prefeitura Municipal com o apoio da Universidade Federal da Paraíba, Governo do Estado, Emater e a COOPAFAB.

A abertura acontece na manhã da sexta-feira (11), no Espaço Cultural Oscar de Castro, com a oferta de mini-curso de artesanato com a fibra da banana e de facilitador. Além de uma visita técnica ao plantio de bananas, Feira Vó Corina e uma caminhada noturna pela cidade.

No segundo dia, o Brincando na Praça leva a partir das 8h à Praça Epitácio Pessoa uma programação voltada para o público infantil.

Esse ano com muitas novidades, o Festival traz uma feira de produtos totalmente derivados da banana. Também teremos o Pôr do Sol no Cruzeiro de Roma, apresentações culturais e muita música compondo o segundo dia desse Festival que se consolida no calendário turístico da região, proporcionando ao visitante muita cultura, artesanato e esportes.

O Coreto Cultural acontece com atividades todas as noites de sexta (11) e sábado (12) e na tarde de domingo (13) com artesanato, apresentações culturais e muita música no palco instalado no Coreto Marcos Ribeiro.

No domingo (13), a III Corrida da Serra e a Gincabanana, movimentam a Praça Epitácio Pessoa a partir das 8h da manhã e dão o tom ao encerramento do evento.

Segue a programação completa:

DIA 11 DE OUTUBRO (SEXT FEIRA)

HORÁRIO PROGRAMAÇÃO LOCAL
08:00 Mini-curso: (técnico)

INFORMAÇÕES: Porto: (83) 98750-6370 Júlio:( 83) 99698-4320

ECOC – Espaço Cultural Oscar de Castro
08:00 OFICINA de Artesanato – com fibra da banana

INSCRIÇÕES na casa do Turista (15 vagas)

ECOC – Espaço Cultural Oscar de Castro
12:30 Almoço para os participantes do Mini-curso Técnico COOPAFAB
14:00 Visita técnica ao plantio de Bananas

INFORMAÇÕES: Júlio:( 83) 99698-4320

COOPAFAB –

Lagoa do Matias

16:00

 

FEIRA VÓ CORINA – com agricultura familiar, gastronomia, artesanato e apresentação cultural com ATRAÇÃO MUSICAL Distrito de Roma
19h00min II CAMINHADA NOTURNA com a equipe da SUPER TRILHA

INSCRIÇÕES: Washington – (83)998559197 ou na Casa do turista

Concentração na praça Epitácio Pessoa às 18:30 com Saída às 19:30

DIA 12 DE OUTUBRO (SÁBADO)

HORÁRIO PROGRAMAÇÃO LOCAL
08h00min 3° BRINCANDO NA PRAÇA (programação infantil para crianças com apresentações, pula-pula, brincadeiras, distribuição de pipoca, algodão doce, etc)

 

Praça Epitácio Pessoa
14:30 FEIRA DA BANANA NA PRAÇA – Frutos e derivados (COOPAFAB e FEIRA VÓ CORINA) Praça Epitácio Pessoa
16:00 POR DO SOL NO CRUZEIRO

MÚSICA e CAFÉ REGIONAL Vó Corina

CRUZEIRO DE ROMA
19h00min CORETO CULTURAL:

Feira de artesanato e gastronomia

Grupo de Danças Serras de Bananeiras

SHOW MUSICAL: NECO LOBÃO

Praça Epitácio Pessoa

DIA 13 DE OUTUBRO (DOMINGO)

HORÁRIO PROGRAMAÇÃO LOCAL
08h00min III CORRIDA DA SERRA

(Inscrições na Casa do Turista e Diretoria de Esporte

Kaká (83)99676-5491/Jailson: (83)99651-0718

Largada na Praça Epitácio Pessoa
10h00min 3ª GINCABANANA- (Gincana lúdica competitiva)

CATEGORIA I- Cacho de banana mais pesado (Pacovã e Inglesa)

CATEGORIA II – Cacho de bananas como maior número de frutos

CATEGORIA III- Corrida da banana (masculino e feminino)

CATEGORIA IV- Maior comedor de bananas

Inscrições na hora

Praça Epitácio Pessoa

Inscrições na hora

11h00min

 

CORETO CULTURAL

Artesanato e Gastronomia

ATRAÇÃO MUSICAL: SÉRGIO DUARTE E PAGODE DOS AMIGOS

Coreto Marcos Ribeiro

Venha se divertir e se deliciar com a cultura e gastronomia desse belíssimo Festival, e comemorar conosco os 140 anos de história da nossa querida Bananeiras.

Ascom – PMB

 

Professores e técnicos da UEPB paralisam atividades em toda PB

Os professores e técnicos da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) paralisaram as atividades nesta terça-feira (1º) e realizam um ato público na Praça dos Três Poderes, em João Pessoa.

De acordo com a organização do ato a reivindicação é por reposição salarial, progressões de carreira, retorno de vagas estudantis e contra os cortes de verbas federais para a educação e o programa “Future-se”.

Professores e servidores técnicos dos oito campi da universidade, participam do ato.

PB Agora

 

Correios: TST determina que 70% dos funcionários mantenham atividades

O ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST) Mauricio Godinho Delgado determinou nessa quinta-feira (12) que 70% dos empregados dos Correios mantenham as atividades da empresa durante a greve iniciada nesta semana. Pela decisão, o descumprimento do efetivo acarretará na aplicação de multa de R$ 50 mil por dia aos sindicatos da categoria.

A decisão do ministro foi proferida em audiência de conciliação feita entre a empresa e os sindicatos que representam os trabalhadores. Na reunião, o ministro propôs o fim da greve. Em contrapartida, os Correios devem manter os termos do atual acordo coletivo de trabalho e o plano de saúde dos empregados até 2 de outubro, data do julgamento do dissídio coletivo pelo TST. A empresa aceitou a medida e os sindicatos levarão a proposta para votação nas assembleias locais.

De acordo com a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect), os trabalhadores reivindicam reajuste salarial com reposição da inflação (3,25%) e não querem cortes de direitos conquistados.

Segundo a Fentect, mesmo com a mediação já iniciada no TST, referente ao processo de negociação do Acordo Coletivo 2019/2020, a empresa deixou de receber os representantes dos trabalhadores. Para a entidade, a empresa não dá prejuízo e não depende de financiamento público. Os empregados também são contra a eventual privatização dos Correios.

Em nota, os Correios afirmaram que aceitaram a proposta de encaminhamento do ministro “para minimizar os impactos da paralisação, inclusive a perda de clientes para a concorrência”. A empresa também declarou que espera chegar a um “entendimento razoável” para não comprometer suas finanças.

“Vale destacar que, atualmente, as despesas com pessoal equivalem a 62% dos dispêndios anuais da empresa”, diz o comunicado.

Serviços

Segundo os Correios, devido à greve, um Plano de Continuidade de Negócios foi montado pela empresa e as postagens e entregas de correspondências e de encomendas Sedex e PAC continuam sendo realizadas em todos os municípios. Os serviços com hora marcada (Sedex 10, Sedex 12, Sedex Hoje) estão suspensos temporariamente.

 

 

Agência Brasil

 

 

Acidentes afastaram 17 mil trabalhadores das suas atividades na Paraíba

Na Paraíba, acidentes de trabalho e doenças ocupacionais afastaram 17,5 mil paraibanos das suas atividades, entre 2012 e 2018, segundo dados do Observatório de Saúde e Segurança no Trabalho. Desses, quase 2 mil trabalhadores foram afastados só no ano passado. Esses afastamentos previdenciários geraram um prejuízo total de R$ 150 milhões aos cofres públicos, ao longo desse período.

Trabalhadores do setor de saúde têm a maior quantidade de ocorrências registradas (10% dos casos), sobretudo em relação a profissionais de enfermagem e limpeza. Já do ponto de vista das ocupações, os registros predominam entre alimentadores de linha de produção (5,5%), técnicos de enfermagem (5%), faxineiros (3,2%), serventes de obras (2,8%) e motoristas de caminhão (2,4%).

Na Paraíba, profissionais da área de saúde participaram, na última terça-feira, de uma capacitação, sobre a NR 32 (Norma Regulamentadora): Segurança e Saúde no Trabalho em Serviços de Saúde. O evento foi realizado no Hospital de Trauma da cidade de Campina Grande, com a participação de especialistas e do procurador do MPT-PB Raulino Maracajá.

Campanha

Segundo Maracajá, este ano pelo menos 21 municípios da Paraíba se engajaram no ‘Abril Verde’, que alerta para a prevenção da saúde e da segurança no trabalho.

“Em relação aos anos anteriores, o movimento subiu de patamar e hoje pode-se dizer que é reconhecido pela sociedade. A divulgação nas mídias, os eventos realizados, os órgãos parceiros contribuíram para engrandecer o Abril Verde”, avaliou, ressaltando que a prevenção deve continuar o ano inteiro.

Já na última quarta-feira, o procurador Raulino Maracajá participou de Sessão Especial e conjunta entre a Câmara Municipal de Campina Grande e a Assembleia Legislativa da Paraíba sobre o Abril Verde e os acidentes de trabalho. Na tarde de ontem, ele ministrou palestra sobre Segurança do Trabalho em Sumé, município do Cariri paraibano.

20 mil acidentes

Cerca de 20 mil acidentes de trabalho foram registrados na Paraíba desde 2012 até hoje, segundo dados do Observatório de saúde e Segurança do Trabalho.

Foto: Elza Fiúza/Agência Brasil

paraiba.com.br