Arquivo da tag: aquicultura

Aquicultura é discutida por mais de 400 pesquisadores e produtores em Bananeiras

Evento ocorre durante esta sexta-feira (19) e sábado (20), na UFPB, com Seminário e oficinas, para pesquisadores, empreendedores e instituições de parceiras

encontroA abertura do 1º Encontro de Aquicultura da Paraíba (Enaqua) reuniu cerca de 400 participantes nesta sexta-feira (19) no campus da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) da cidade de Bananeiras, no Brejo paraibano. Representantes de cinco Estados do Brasil e da Paraíba estão presentes debatendo as melhores e inovadoras soluções para cadeia produtiva da aquicultura.

O diretor técnico do Sebrae Paraíba, Luiz Alberto Amorim, destacou as ações na área da piscicultura que a instituição realiza há alguns anos. “Percebemos o potencial econômico que pode ser desenvolvido nesta área. A cidade de Bananeiras sai na frente pelo complexo que está querendo apresentar ao Estado, onde haverá a unidade de tratamento e as fábricas de peixe e de ração animal. Aqui também está uma das parcerias, a UFPB, com esse trabalho”, comentou.

Ele convocou os empreendedores presentes a começarem a pensar nas inovações para o setor. “Precisamos da força empreendedora de cada um de vocês para que todos contribuam para o crescimento e evolução dessa cadeia produtiva. Os órgãos que participam também ganham com essa parceria, necessárias para que a atividade possa crescer e que a experiência seja proveitosa com todos os conhecimentos envolvidos”, falou.

Já o professor da UFPB, Alberto Cabral, ressaltou as soluções socioambientais viáveis para a construção de uma rede de parceiros sólidos. “Precisamos pensar como cadeia produtiva, que exista produção e co-produção. Precisamos das expertises para a criação de novos produtos e reaproveitar os resíduos da aquicultura. Por que não podemos fabricar ração animal para os pets ou animais de estimação? Aqui encontraremos as soluções”, informou.

O prefeito da cidade, Douglas Lucena, disse que o momento foi construído com o esforço coletivo. “Precisamos continuar a unir esforços para fortalecer um dos pleitos municipais mais importantes, que é a conclusão do complexo de piscicultura de Bananeiras, que dará mais visibilidade à cadeia produtiva”, disse.

O I Enaqua é uma realização do Sebrae Paraíba e da UFPB – Campus Bananeiras. Mais informações e inscrição no site: https://www.sympla.com.br/i-enaqua—encontro-paraibano-de-aquicultura__78698.

Tilápia – O aumento da produção da tilápia é um dos principais temas do evento, que segue até este sábado (20). A primeira palestra do Seminário foi sobre o “Cenário atual do mercado de Tilápia no Brasil”, com o secretário executivo da Peixe BR, Francisco Medeiros. Ele ressaltou que falta políticas públicas para a produção de peixes no Brasil. Uma das metas em relação à produção de pescados é aumentar o consumo no País.

“Não se sabe quanto se pesca no Brasil, mas sim quanto se consome, pela pequena representação de 2,7 quilos por habitante ao ano. No caso da Tilápia, esse consumo cai mais ainda para 1,3 quilos por habitante por ano. O maior índice de consumo desse peixe no país está no Nordeste, pois no Sul e Sudeste eles só comem o filé. Então, um pouco desses dados, passados pelo Ministério da Aquicultura e Pesca, dá para saber que estamos no lugar certo para negociar as melhorias dos pescados”, concluiu.

Programação – O Enaqua segue com a programação à tarde com um ciclo de palestras técnicas sobre “Elaboração de Co-produtos a base de Tilápia” e “Alternativa econômica para a Piscicultura do Brejo paraibano: policultivo Tilápia x Macrobrachium Rosenbergii”. Já no sábado (20), três oficinas serão realizadas, com 30 participantes cada. “Elaboração de Co-produtos a base de Tilápia”, “Qualidade da água na Piscicultura” e “Projetos técnicos de viabilidade econômica e de regularização ambiental na Piscicultura” são os temas das oficinas, que serão ministradas a partir das 8h e a partir das 18h.

UNIDADE DE COMUNICAÇÃO E MARKETING
SEBRAE PARAÍBA

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Estados do Nordeste discutem aquicultura como alternativa econômica para a região

sebraeA aquicultura é o segmento pecuário de maior crescimento nas três últimas décadas no Brasil, conforme dados do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA). Para garantir a competitividade e sustentabilidade da atividade, representantes dos nove Estados da região Nordeste estarão reunidos em Maceió (AL), entre os dias 18 e 21 deste mês. O Sebrae Paraíba coordena e irá apresentar durante o evento o projeto Aquinordeste, que faz um trabalho de forma integrada, beneficiando cerca de 3,4 mil aquicultores na região.

“Apesar da estiagem no Nordeste, a produção aquícola tem apresentado boas perspectivas. Há uma margem de lucro relevante na atividade, o que contribui para o desenvolvimento econômico da região”, afirma o analista do Sebrae Paraíba e gestor do Aquinordeste, Jucieux Palmeira.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O Congresso Regional, em Maceió, irá reunir produtores, professores, técnicos e estudantes que atuam no segmento, entre os dias 18 e 21. No dia 22 ainda haverá um Dia de Campo, com visitas a Unidade de Produção de alevinos de tilápias, em Cururipe (AL) e a uma empresa na cidade de Piranhas (AL). O Congresso contará com 3 palestras magnas, além da apresentação de estudos, mini cursos, mesas redondas e outras palestras.

As palestras magnas serão: “A Aquicultura mundial e suas tendências” (Carlos Wurmann, diretor executivo da Award Consultores Internacionais em Aquicultura); “A aquicultura no Brasil e suas tendências” (Felipe Matias, Secretário Executivo da Red de Acuilcutura de las Americas); e “A Aquicultura na luta contra a fome e a pobreza” (Israel Isnir, consultor internacional, Jerusalém, Israel).

Além deles, o evento ainda contará com mais sete palestrantes: Alessandra Weyandt (pesquisadora na área de Gestão de Qualidade), Alexandre Alter Wainberg (sócio da Primar Aquicultura Orgânica), Camilo Diógenes (presidente da Associação Cearense de Aquicultura), Carlos Frederico Lacerda (sócio-diretor do IM3), Jenner Tavares Bezerra de Menezes (sócio gerente da Biofish Aquicultura), Jucieux Palmeira (gestor do projeto Aquinordeste), Teresa Varon (diretora do Centro de Productividade de Tolima, Colômbia).

O evento acontecerá no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió, e será uma oportunidadepara conhecer novas técnicas que estão dando certo no setor aquícola e de trocar experiências com outros produtores e especialistas nacionais e internacionais. Para participar, é preciso inscrever-se previamente pelo site www.sebrae.com.br/alagoas. A programação pode ser conferida emhttp://sistemas.al.sebrae.com.br/inscricoesOnline/Eventos/eventosPublicidade.

Ascom

Câmara de Bananeiras aprova Projeto de Lei que cria Programa Municipal de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Aquicultura Familiar

camara bananeirasA Câmara de Vereadores de Bananeiras aprovou, por unanimidade, o projeto de Lei de autoria do Executivo Municipal a criar o Programa Municipal de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Aquicultura Familiar, bem como utilizar recursos na promoção de ações de apoio, e incentivo à atividade.

A leitura do Executivo foi realizado pelo Vereador Augusto Carlos Bezerra de Aragão Filho (Guga), onde o mesmo menciona a importância da aprovação daquele Projeto o qual irá beneficiar a todos que estão envolvido na aquicultura em Bananeiras e sem falar do andamento da solicitação da aquisição de um trator de esteira com aprovação do Projeto, ressaltando que será uma grande conquista para esses criadores.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Para o Presidente da casa a aprovação será algo que irá trazer para cidade um salto importantíssimo para o desenvolvimento da região de Roma como para toda Bananeiras.

Os demais Vereadores ressaltaram o quanto será valoroso a vinda de um trator de esteira para cidade, não só beneficiar aquela região, como todo o município, uma máquina desse porte poderá atender outras áreas como escavação de barreiros até no conserto de estradas.

Por unanimidade todos os vereadores votaram a favor da aprovação do Projeto de Lei.

 

Por: bananeirasagora

Superintende adjunto da pesca e aquicultura sofre acidente próximo ao distrito de Cajá

acidenteO superintendente adjunto da Pesca e Aquicultura da Paraíba, Almir Mineral, sofreu um acidente próximo ao Distrito de Cajá, na altura do Km 100, BR 230.

 

Devido à forte chuva que cai sobre o trecho, o carro derrapou e capotou diversas vezes.

 

Em contato com assessores do superintendente, os mesmos informaram que Almir Mineral passa bem e está sendo encaminhado para o Hospital de Trauma de Campina Grande para realizar exames. O motorista do veículo, que acompanhava o superintendente, também passa bem.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

FONTE: ASSESSORIA